SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
Baixar para ler offline
PARQUE TECNOLÓGICO
Ribeirão Preto
Ribeirão Preto
• Cerca de 600.000 habitantes
• IDH = 0,855
• 10 º maior PIB no estado de São Paulo, 30 º no Brasil
• Boa infraestrutura logística:
– entroncamento aero-rodo-ferroviário
– Presença de um porto seco
• Ambiente propício para desenvolvimento de ramos
industriais ligados ao setor da saúde;
• Empresas incubadas nos diferentes segmentos da
biotecnologia, TI e CIS
• Concentração de empresas de equipamentos médico,
hospitalares e odontológicos – APL EMHO:
– Mais de 60 empresas;
– Aproximadamente 2000 empregos.
USP - Ribeirão Preto
• Área total: 5,686,368 m²
• 8 unidades de ensino e pesquisa (Faculdade e
Escolas)
• 7.201 estudantes de graduação
• 3.106 estudantes de pós-graduação
• 12.473 outros estudantes*
• 990 Professores
• 160 de depósitos de patentes
• Pesquisa – 4% da Produção científica brasileira
em revistas indexadas pelo ISI é realizadas no
Campus de Ribeirão Preto
*Residência, Aprimoramento, MBA, Especialização
USP - Ribeirão Preto
• FMRP – Fac. de Medicina
• EERP - Escola de
Enfermagem
• FCFRP – Fac. de Ciências
Farmacêuticas
• FORP – Fac. de Odontologia
• Entidades Associadas
– Hospital das Clínicas da Faculdade
de Medicina:
– Centro das Ciências da Imagem e
Física Médica e Radioterapia.
– Fundação Hemocentro;
– CEMEL – Centro de Medicina Legal
• FFCLRP – Fac. de Filosofia,
Ciências e Letras
– Biologia; Física Médica;
Química; Informática
Biomédica; Matemática
aplicada a Negócios;
Psicologia; Pedagogia;
Ciências da Informação e
Documentação
• FEARP - Faculdade de
Economia, Administração e
Contabilidade
• FDRP - Faculdade de Direito
• EEFERP - Escola de
Educação Física
FIPASE
• Fundação Municipal reconhecida como ICT – Instituto de
Ciência e Tecnologia (criada em 17/08/2001)
• Unidades Organizacionais
• SUPERA - Incubadora de Empresas de Base Tecnológica
• CEDINA- Centro de Desenvolvimento e Inovação Aplicada
em Equipamentos Médico-Hospitalares e Odontológicos.
• Gestora do APL – EMHO
• Desenvolvimento da indústria de equipamentos e
produtos da área de saúde
• Gestora do Parque Tecnológico
Evolução
Áreas Prioritárias
Biotecnologia
Fármacos
Materiais e equipamentos
médicos, hospitalares e odontológicos
Tecnologia da Informação
Bioenergia
Cosméticos
Modelo de Atuação
Benefícios para empresas
Período de concessão de 20 anos
Lei de Incentivo à Inovação - Benefícios Fiscais
Municipais
Política Pró-Parques do Governo do Estado
(Decreto n º 53.826 16/12/2008)
Incentivos Fiscais à Inovação – Lei do Bem
Fomento à Inovação (FINEP, CNPq, BNDES, FAPESP, etc.)
Previsão de cobrança de R $ 4,00/m² por mês
Proximidade com a USP (networking, laboratórios de
pesquisa, mão de obra qualificada)
Fase I
SUPERA
 SUPERA Campus e Hemocentro (2011):
 23 empresas apoiadas;
 Faturamento total das empresas: R$ 1,1 milhão;
 Captação total das empresas: R$ 6,4 milhões;
 77 postos de postos de trabalho criados.
 Melhor Incubadora de Empresas da Região Sudeste de 2010.
 Supera Educa: Melhor projeto de empreededorismo de 2012
 SUPERA - Parque vai abrigar 60 empresas incubadas e mais
pre-incubadas e hotel de projetos.
CEDINA
 Centro de Desenvolvimento e Inovação Aplicada em
Equipamentos Médico-Hospitalares e Odontológicos.
 Serviço de P&D;
 Serviço de apoio a cooperação;
 Consulta técnica;
 Ensaios e calibração;
 Consulta às normas.
Fase I – já iniciada
• Construção da SUPERA e CEDINA
– Entrega dos prédios em julho de 2013;
• Previsão de lançamento do Edital de seleção para a
instalação de empresas.
– Primeiro semestre 2013
Inicio das Obras
Julho 2012
SUPERA (out 2012 – termino jul 2013)
Outubro 2012
CEDINA (out 2012 – termino jul 2013)
Outubro 2012
Fase II
Fase II
Área total
300.000 m²
Área para instalação de
empresas
144.325,15 m²
Modelo de Governança e Gestão
– Convenio entre a USP, Agencia USP de Inovação,
Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e FIPASE
• FIPASE – Entidade Gestora
– Regimento Interno
– Fase de Credenciamento Definitivo junto a
Secretaria de Desenvolvimento do Estado de
São Paulo
Modelo de Governança e Gestão
Conselho Estratégico
4 membros USP
4 membros Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto (incluindo 1
representante da FIPASE – entidade gestora, entidades
empresariais)
+ membros convidados da Secretaria do Desenvolvimento
Econômico , Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo
Presidente Conselho Estratégico USP, vice-presidente
empresário
Modelo de Governança e Gestão
Conselho de Direção Técnico-Científica
1 Representante Entidade Gestora (responsável pela operação
do Parque)
1 Representante USP, podendo ser o Agente Executivo da USP;
1 Representante indicado pelo Conselho Estratégico.
Modelo de Governança e Gestão
Conselho
Estratégico
Agente
Executivo USP
Entidade
Gestora
Conselho de
Direção Técnico-
Científica
Modelo de Governança e Gestão
Conselho Estratégico
Diretrizes e critérios de seleção e concessão de uso de área às empresas;
Análise do mérito das solicitações das âncoras tecnológicas;
Acompanhamento e apoio às atividades da gestora;
Planejamento do Parque Tecnológico;
Deliberação sobre casos omissos.
FIPASE Agência USP de Inovação
Recolhimento da taxa administrativa e taxa de ocupação de área
das empresas;
Promoção em conjunto com a ENTIDADE GESTORA, de ações
que apoiem a implantação, consolidação e manutenção do
Parque Tecnológico;
Cumprimento dos regulamentos ambientais, construtivos e de
acesso e utilização do campus da USP RP;
Promoção do desenvolvimento do projeto científico-tecnológico
do Parque Tecnológico;
Promoção, juntamente com a Agência USP de Inovação, da
colaboração entre Empresas Residentes e grupos de pesquisa;
Processo de licitação para concessão do uso de espaços para as
Empresas Residentes;
Prospecção de empresas;
Apoio à colaboração entre Empresas Residentes e grupos de
pesquisa da USP;
Apoio à seleção e ao processo de concessão de uso de áreas do
Parque Tecnológico;
Estrutura de dados e telefonia aos edifícios da USP cedidos à
entidade gestora;
Divulgação e fortalecimento da imagem do empreendimento;
Colaboração para a divulgação institucional e o fortalecimento;
Projetos de captação de recursos;
Sistema de acompanhamento de informações das Empresas
Residentes; Colaboração com a gestão administrativa do Parque
Tecnológico.
Disseminação de informações de interesse das Empresas
Residentes.
Dificuldades Encontradas
• Tempo de sensibilização e convencimento de todos
os atores
• Alternância dos gestores públicos (reitor, secretario,
prefeito...)
• Definição do modelo jurídico-administrativo
• Financiamento do projeto integral.
Próximos Passos
• Prospecção de empresas;
• Auxílio em elaboração de projetos para avaliação do
Conselho de Direção Técnico-Científica;
• Licenciamento Ambiental;
• Infraestrutura Urbana;
• Projetos Centro Empresarial e Núcleo Administrativo.
• Projeto do CEDINA - Biotec
Cooperações Internacionais
• Convênio SUPERA e Incubadora de Sheffield – Reino
Unido;
• BIN – Business Innovation Network;
– Em 2013 o evento do BIN acontecerá em Ribeirão Preto
• Red Emprendia.
Obrigado pela atenção!
FIPASE – Fundação Instituto Polo Avançado da Saúde
Rua Visconde de Abaeté, 339 – Ribeirão Preto/SP
Tel/fax: 55 16 3911-3250 / 3911-3256
parque@fipase.org.br www.fipase.org.br
Profa. Dra. Geciane Porto
Conselho Estratégico do Parque Tecnológico
geciane@usp.br 16 3602 3914

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Profa. dra. geciane_porto

V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...
V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...
V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...
Sistema Mineiro de Inovação
 
INOVA UPS 2011_Carlos Alberto
INOVA UPS 2011_Carlos AlbertoINOVA UPS 2011_Carlos Alberto
INOVA UPS 2011_Carlos Alberto
NIT Rio
 

Semelhante a Profa. dra. geciane_porto (20)

Propriedade Intelectual
Propriedade IntelectualPropriedade Intelectual
Propriedade Intelectual
 
O polo tecnológico de Florianópolis pelo Governo do Estado
O polo tecnológico de Florianópolis pelo Governo do EstadoO polo tecnológico de Florianópolis pelo Governo do Estado
O polo tecnológico de Florianópolis pelo Governo do Estado
 
Interação Universidade, Empresa e Governo
Interação Universidade, Empresa e GovernoInteração Universidade, Empresa e Governo
Interação Universidade, Empresa e Governo
 
Rio Info 2015 - Fomento do Governo do RJ aos Empreendedores de TI - José Robe...
Rio Info 2015 - Fomento do Governo do RJ aos Empreendedores de TI - José Robe...Rio Info 2015 - Fomento do Governo do RJ aos Empreendedores de TI - José Robe...
Rio Info 2015 - Fomento do Governo do RJ aos Empreendedores de TI - José Robe...
 
V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...
V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...
V SIMINOVE - EXPLORANDO AS POSSIBILIDADES DE EMPREENDEDORISMO NA UFLA - Profa...
 
Palestra Desiree Zoauain
Palestra Desiree ZoauainPalestra Desiree Zoauain
Palestra Desiree Zoauain
 
Secretaria de Ciencia, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais
Secretaria de Ciencia, Tecnologia e Ensino Superior de Minas GeraisSecretaria de Ciencia, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais
Secretaria de Ciencia, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais
 
Palestra Básica. Secretaria De Ciencia, Tecnologia E Ensino Superior De Minas...
Palestra Básica. Secretaria De Ciencia, Tecnologia E Ensino Superior De Minas...Palestra Básica. Secretaria De Ciencia, Tecnologia E Ensino Superior De Minas...
Palestra Básica. Secretaria De Ciencia, Tecnologia E Ensino Superior De Minas...
 
Palestra - Poticon 2017
Palestra - Poticon 2017Palestra - Poticon 2017
Palestra - Poticon 2017
 
KraftGreen
KraftGreen KraftGreen
KraftGreen
 
INTERAÇÃO UNIVERSIDADE-EMPRESA
INTERAÇÃO UNIVERSIDADE-EMPRESAINTERAÇÃO UNIVERSIDADE-EMPRESA
INTERAÇÃO UNIVERSIDADE-EMPRESA
 
Parque tecnologico 10_03_2017
Parque tecnologico 10_03_2017Parque tecnologico 10_03_2017
Parque tecnologico 10_03_2017
 
Apresentação TECNOPUC
Apresentação TECNOPUCApresentação TECNOPUC
Apresentação TECNOPUC
 
PD-TA_CNRTA-CREAPR
PD-TA_CNRTA-CREAPRPD-TA_CNRTA-CREAPR
PD-TA_CNRTA-CREAPR
 
Emergência dos parques tecnológicos em Santa Catarina
Emergência dos parques tecnológicos em Santa CatarinaEmergência dos parques tecnológicos em Santa Catarina
Emergência dos parques tecnológicos em Santa Catarina
 
Evolução do setor tecnológico em SC - Dados Acate
Evolução do setor tecnológico em SC - Dados AcateEvolução do setor tecnológico em SC - Dados Acate
Evolução do setor tecnológico em SC - Dados Acate
 
INOVA UPS 2011_Carlos Alberto
INOVA UPS 2011_Carlos AlbertoINOVA UPS 2011_Carlos Alberto
INOVA UPS 2011_Carlos Alberto
 
Iniciativa brasileira de nanotecnologia
Iniciativa brasileira de nanotecnologiaIniciativa brasileira de nanotecnologia
Iniciativa brasileira de nanotecnologia
 
Sergio Scheer - Planejamento e Inovação - CICI2011
Sergio Scheer - Planejamento e Inovação - CICI2011Sergio Scheer - Planejamento e Inovação - CICI2011
Sergio Scheer - Planejamento e Inovação - CICI2011
 
Propriedade Intelectual na Universidade
Propriedade Intelectual na UniversidadePropriedade Intelectual na Universidade
Propriedade Intelectual na Universidade
 

Mais de BVS Rede de Informação e Conhecimento – SES/SP Centro de Documentação

Mais de BVS Rede de Informação e Conhecimento – SES/SP Centro de Documentação (20)

Prof. dr. carvalheiro
Prof. dr. carvalheiroProf. dr. carvalheiro
Prof. dr. carvalheiro
 
Mrs. constantino sakellarides
Mrs. constantino sakellaridesMrs. constantino sakellarides
Mrs. constantino sakellarides
 
Dra. maria celeste_emerik_2
Dra. maria celeste_emerik_2Dra. maria celeste_emerik_2
Dra. maria celeste_emerik_2
 
Dra. maria celeste_emerik
Dra. maria celeste_emerikDra. maria celeste_emerik
Dra. maria celeste_emerik
 
Dra. fernanda laranjeira
Dra. fernanda laranjeiraDra. fernanda laranjeira
Dra. fernanda laranjeira
 
Dra. eliane bahruth
Dra. eliane bahruthDra. eliane bahruth
Dra. eliane bahruth
 
Dr. marcelo de_franco
Dr. marcelo de_francoDr. marcelo de_franco
Dr. marcelo de_franco
 
Dr. leonardo paiva
Dr. leonardo paivaDr. leonardo paiva
Dr. leonardo paiva
 
Dr. jorge bermudez
Dr. jorge bermudezDr. jorge bermudez
Dr. jorge bermudez
 
Dr. hernan chaimovi
Dr. hernan chaimoviDr. hernan chaimovi
Dr. hernan chaimovi
 
Dr. guilherme ary_plonsky_2
Dr. guilherme ary_plonsky_2Dr. guilherme ary_plonsky_2
Dr. guilherme ary_plonsky_2
 
Dr. guilherme ary_plonsky
Dr. guilherme ary_plonskyDr. guilherme ary_plonsky
Dr. guilherme ary_plonsky
 
Dr. cantidio
Dr. cantidioDr. cantidio
Dr. cantidio
 
Levantamento da continuidade da assistência às Doenças Crônicas Não Transmiss...
Levantamento da continuidade da assistência às Doenças Crônicas Não Transmiss...Levantamento da continuidade da assistência às Doenças Crônicas Não Transmiss...
Levantamento da continuidade da assistência às Doenças Crônicas Não Transmiss...
 
Apresentação NITs SES
Apresentação NITs SESApresentação NITs SES
Apresentação NITs SES
 
Coronavirus situação epidemiológica em 26-09-2020 no Estado de São Paulo
Coronavirus situação epidemiológica em 26-09-2020 no Estado de São PauloCoronavirus situação epidemiológica em 26-09-2020 no Estado de São Paulo
Coronavirus situação epidemiológica em 26-09-2020 no Estado de São Paulo
 
Proposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação Tecnológica
Proposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação TecnológicaProposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação Tecnológica
Proposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação Tecnológica
 
Proposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação Tecnológica
Proposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação TecnológicaProposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação Tecnológica
Proposta para continuidade do apoio aos Núcleos de Inovação Tecnológica
 
Proposta de oficina para elaboração da política de CTI do SUS-SP
Proposta de oficina para elaboração da política de CTI do SUS-SPProposta de oficina para elaboração da política de CTI do SUS-SP
Proposta de oficina para elaboração da política de CTI do SUS-SP
 
SPUK Desenhando e testando uma nova abordagem para Inovação Aberta em saúde e...
SPUK Desenhando e testando uma nova abordagem para Inovação Aberta em saúde e...SPUK Desenhando e testando uma nova abordagem para Inovação Aberta em saúde e...
SPUK Desenhando e testando uma nova abordagem para Inovação Aberta em saúde e...
 

Último

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
HELLEN CRISTINA
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
paulo222341
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
HELLEN CRISTINA
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
HELLEN CRISTINA
 

Último (7)

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 

Profa. dra. geciane_porto

  • 2. Ribeirão Preto • Cerca de 600.000 habitantes • IDH = 0,855 • 10 º maior PIB no estado de São Paulo, 30 º no Brasil • Boa infraestrutura logística: – entroncamento aero-rodo-ferroviário – Presença de um porto seco • Ambiente propício para desenvolvimento de ramos industriais ligados ao setor da saúde; • Empresas incubadas nos diferentes segmentos da biotecnologia, TI e CIS • Concentração de empresas de equipamentos médico, hospitalares e odontológicos – APL EMHO: – Mais de 60 empresas; – Aproximadamente 2000 empregos.
  • 3. USP - Ribeirão Preto • Área total: 5,686,368 m² • 8 unidades de ensino e pesquisa (Faculdade e Escolas) • 7.201 estudantes de graduação • 3.106 estudantes de pós-graduação • 12.473 outros estudantes* • 990 Professores • 160 de depósitos de patentes • Pesquisa – 4% da Produção científica brasileira em revistas indexadas pelo ISI é realizadas no Campus de Ribeirão Preto *Residência, Aprimoramento, MBA, Especialização
  • 4. USP - Ribeirão Preto • FMRP – Fac. de Medicina • EERP - Escola de Enfermagem • FCFRP – Fac. de Ciências Farmacêuticas • FORP – Fac. de Odontologia • Entidades Associadas – Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina: – Centro das Ciências da Imagem e Física Médica e Radioterapia. – Fundação Hemocentro; – CEMEL – Centro de Medicina Legal • FFCLRP – Fac. de Filosofia, Ciências e Letras – Biologia; Física Médica; Química; Informática Biomédica; Matemática aplicada a Negócios; Psicologia; Pedagogia; Ciências da Informação e Documentação • FEARP - Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade • FDRP - Faculdade de Direito • EEFERP - Escola de Educação Física
  • 5. FIPASE • Fundação Municipal reconhecida como ICT – Instituto de Ciência e Tecnologia (criada em 17/08/2001) • Unidades Organizacionais • SUPERA - Incubadora de Empresas de Base Tecnológica • CEDINA- Centro de Desenvolvimento e Inovação Aplicada em Equipamentos Médico-Hospitalares e Odontológicos. • Gestora do APL – EMHO • Desenvolvimento da indústria de equipamentos e produtos da área de saúde • Gestora do Parque Tecnológico
  • 7. Áreas Prioritárias Biotecnologia Fármacos Materiais e equipamentos médicos, hospitalares e odontológicos Tecnologia da Informação Bioenergia Cosméticos
  • 9. Benefícios para empresas Período de concessão de 20 anos Lei de Incentivo à Inovação - Benefícios Fiscais Municipais Política Pró-Parques do Governo do Estado (Decreto n º 53.826 16/12/2008) Incentivos Fiscais à Inovação – Lei do Bem Fomento à Inovação (FINEP, CNPq, BNDES, FAPESP, etc.) Previsão de cobrança de R $ 4,00/m² por mês Proximidade com a USP (networking, laboratórios de pesquisa, mão de obra qualificada)
  • 11. SUPERA  SUPERA Campus e Hemocentro (2011):  23 empresas apoiadas;  Faturamento total das empresas: R$ 1,1 milhão;  Captação total das empresas: R$ 6,4 milhões;  77 postos de postos de trabalho criados.  Melhor Incubadora de Empresas da Região Sudeste de 2010.  Supera Educa: Melhor projeto de empreededorismo de 2012  SUPERA - Parque vai abrigar 60 empresas incubadas e mais pre-incubadas e hotel de projetos.
  • 12. CEDINA  Centro de Desenvolvimento e Inovação Aplicada em Equipamentos Médico-Hospitalares e Odontológicos.  Serviço de P&D;  Serviço de apoio a cooperação;  Consulta técnica;  Ensaios e calibração;  Consulta às normas.
  • 13. Fase I – já iniciada • Construção da SUPERA e CEDINA – Entrega dos prédios em julho de 2013; • Previsão de lançamento do Edital de seleção para a instalação de empresas. – Primeiro semestre 2013
  • 15. SUPERA (out 2012 – termino jul 2013) Outubro 2012
  • 16. CEDINA (out 2012 – termino jul 2013) Outubro 2012
  • 18. Fase II Área total 300.000 m² Área para instalação de empresas 144.325,15 m²
  • 19. Modelo de Governança e Gestão – Convenio entre a USP, Agencia USP de Inovação, Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e FIPASE • FIPASE – Entidade Gestora – Regimento Interno – Fase de Credenciamento Definitivo junto a Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo
  • 20. Modelo de Governança e Gestão Conselho Estratégico 4 membros USP 4 membros Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto (incluindo 1 representante da FIPASE – entidade gestora, entidades empresariais) + membros convidados da Secretaria do Desenvolvimento Econômico , Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo Presidente Conselho Estratégico USP, vice-presidente empresário
  • 21. Modelo de Governança e Gestão Conselho de Direção Técnico-Científica 1 Representante Entidade Gestora (responsável pela operação do Parque) 1 Representante USP, podendo ser o Agente Executivo da USP; 1 Representante indicado pelo Conselho Estratégico.
  • 22. Modelo de Governança e Gestão Conselho Estratégico Agente Executivo USP Entidade Gestora Conselho de Direção Técnico- Científica
  • 23. Modelo de Governança e Gestão Conselho Estratégico Diretrizes e critérios de seleção e concessão de uso de área às empresas; Análise do mérito das solicitações das âncoras tecnológicas; Acompanhamento e apoio às atividades da gestora; Planejamento do Parque Tecnológico; Deliberação sobre casos omissos. FIPASE Agência USP de Inovação Recolhimento da taxa administrativa e taxa de ocupação de área das empresas; Promoção em conjunto com a ENTIDADE GESTORA, de ações que apoiem a implantação, consolidação e manutenção do Parque Tecnológico; Cumprimento dos regulamentos ambientais, construtivos e de acesso e utilização do campus da USP RP; Promoção do desenvolvimento do projeto científico-tecnológico do Parque Tecnológico; Promoção, juntamente com a Agência USP de Inovação, da colaboração entre Empresas Residentes e grupos de pesquisa; Processo de licitação para concessão do uso de espaços para as Empresas Residentes; Prospecção de empresas; Apoio à colaboração entre Empresas Residentes e grupos de pesquisa da USP; Apoio à seleção e ao processo de concessão de uso de áreas do Parque Tecnológico; Estrutura de dados e telefonia aos edifícios da USP cedidos à entidade gestora; Divulgação e fortalecimento da imagem do empreendimento; Colaboração para a divulgação institucional e o fortalecimento; Projetos de captação de recursos; Sistema de acompanhamento de informações das Empresas Residentes; Colaboração com a gestão administrativa do Parque Tecnológico. Disseminação de informações de interesse das Empresas Residentes.
  • 24. Dificuldades Encontradas • Tempo de sensibilização e convencimento de todos os atores • Alternância dos gestores públicos (reitor, secretario, prefeito...) • Definição do modelo jurídico-administrativo • Financiamento do projeto integral.
  • 25. Próximos Passos • Prospecção de empresas; • Auxílio em elaboração de projetos para avaliação do Conselho de Direção Técnico-Científica; • Licenciamento Ambiental; • Infraestrutura Urbana; • Projetos Centro Empresarial e Núcleo Administrativo. • Projeto do CEDINA - Biotec
  • 26. Cooperações Internacionais • Convênio SUPERA e Incubadora de Sheffield – Reino Unido; • BIN – Business Innovation Network; – Em 2013 o evento do BIN acontecerá em Ribeirão Preto • Red Emprendia.
  • 27. Obrigado pela atenção! FIPASE – Fundação Instituto Polo Avançado da Saúde Rua Visconde de Abaeté, 339 – Ribeirão Preto/SP Tel/fax: 55 16 3911-3250 / 3911-3256 parque@fipase.org.br www.fipase.org.br Profa. Dra. Geciane Porto Conselho Estratégico do Parque Tecnológico geciane@usp.br 16 3602 3914