SlideShare uma empresa Scribd logo
“O homem estraga tudo em que
põe a mão”...
4,5 bilhões de anos
TERRA
HOMEM
2 a 3 milhões de anos
Apenas nos últimos
200 anos
As pessoas começaram a
afetar o meio ambiente de
forma significativa.
Apenas nos últimos
40 anos
Esse impacto se tornou
grave no planeta.
Meio Ambiente
De acordo com a resolução CONAMA 306:2002:“Meio Ambiente é o
conjunto de condições, leis, influencia e interações de ordem física,
química, biológica, social, cultural e urbanística, que permite, abriga
e rege a vida em todas as suas formas”
Impacto ambiental ≠ poluição
O impacto ambiental é um desequilíbrio provocado
pelo choque da relação do homem com o meio ambiente
(Sánchez, 2006).
Poluição é a introdução no meio ambiente de qualquer
forma de matéria ou energia que possa afetar negativamente
o homem ou os outros organismos
(Sánchez, 2006).
Quem nos dá a melhor definição de impacto
ambiental é a NBR ISO 14001 Sistema de Gestão
Ambiental “qualquer modificação do meio ambiente,
adversa ou benéfica, que resulte, no todo ou em parte,
das atividades, produtos ou serviços de uma
organização”.
RESOLUÇÃO CONAMA Nº 001, de 23 de janeiro de 1986
Publicado no D. O . U de 17 /2/86.
O CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE - IBAMA, no
uso das atribuições que lhe confere,RESOLVE:
Artigo 1º - Para efeito desta Resolução, considera-se impacto
ambiental qualquer alteração das
propriedades físicas, químicas e biológicas do meio ambiente,
causada por qualquer forma de
matéria ou energia resultante das atividades humanas que, direta ou
indiretamente, afetam:
I - a saúde, a segurança e o bem-estar da população;
II - as atividades sociais e econômicas;
III - a biota;
IV - as condições estéticas e sanitárias do meio ambiente;
V - a qualidade dos recursos ambientais.
Ações humanas:
Atividades
Produtos
serviços
Aspectos
ambientais
Impactos
ambientais
Ex.
Lavagem de roupa Consumo de água Redução da disponibilidade
hídrica
Impactos ambientais podem ser positivos ou
negativos,vamos usar como exemplo Os
Impactos Ambientais Causados Pela
Expansão da Agricultura: A Produção de
Biocombustíveis no Brasil
Entretanto, o crescimento sustentável, a partir da substituição dos
combustíveis fósseis pelos de bioenergia tem que ocorrer de forma
equilibrada. É preciso que as terras agricultáveis sejam bem geridas no
que diz respeito a produção de biocombustíveis e a produção de
alimentos.
Novos empreendimentos, obras de revitalização, criação de novas
empresas, entre outras, são exemplos de impacto ambiental
positivo. Está sendo realizado uma modificação no ambiente mas, o
mesmo é para um fim positivo. Porém, não é tão fácil assim.
Poluição com agrotóxicos
Em geral os impactos das atividades agropecuárias sobre a biodiversidade mais
conhecidos são o desmatamento para expansão da fronteira agrícola, queimadas,
poluição, degradação do solo, erosão e contaminação das águas (RODRIGUES,
2001 e 2004).
Erosão no solo
Outro impacto sério causado pela
agricultura é a erosão do solo,
principalmente na zona tropical do
planeta. O revolvimento do solo antes
do cultivo desagrega-o, facilitando o
carreamento dos minerais pela água
das chuvas. A perda de milhares de
toneladas de solo agricultável todos os
anos, em conseqüência da erosão, é
um dos mais graves problemas
enfrentados pela economia agrícola.
Principais impactos ambientais da atualidade:
desmatamento de florestas
As principais conseqüências do
desmatamento são:
- Destruição da biodiversidade;
- Genocídio e etnocídio das
nações indígenas;
- Erosão e empobrecimento dos
solos;
- Enchente e assoreamento dos
rios;
- Diminuição dos índices
pluviométricos;
- Elevação das temperaturas;
- Desertificação;
- Proliferação de pragas e
doenças.
Aquecimento global
A principal evidência dessa mudança atual
do clima é o aquecimento global, que foi
detectado no aumento da temperatura
média global do ar e dos oceanos, no
derretimento generalizado da neve e do
gelo, e na elevação do nível do mar, não
podendo mais ser negada.
Atualmente, as temperaturas médias
globais de superfície são as maiores dos
últimos cinco séculos, pelo menos. A
temperatura média global de superfície
aumentou cerca de 0,74ºC, nos últimos
cem anos. Caso não se atue neste
aquecimento de forma significativa,
espera-se observar, ainda neste século, um
clima bastante incomum, podendo
apresentar, por exemplo, um acréscimo
médio da temperatura global de 2ºC a
5,8°C, segundo o 4° Relatório do Painel
Intergovernamental sobre Mudanças
Climáticas (IPCC), de 2007.
Ilhas de calor
Uma cidade pode ter vários picos de
temperatura espalhados pela mancha urbana,
caracterizando assim várias ilhas de calor. Uma
região fortemente edificada e industrializada
como o eixo da marginal Tietê apresenta picos
de temperatura mais elevados do que a região
do Morumbi, ainda com bastante áreas verdes.
As cidades apresentam temperaturas médias
maiores do que as zonas rurais de mesma
latitude. Dentro delas, as temperaturas
aumentam das periferias em direção ao centro.
Em casos extremos, a diferença de temperatura
entre as zonas periféricas e o centro pode
atingir até 10ºC. Esse fenômeno, resulta de
muitas alterações humanas sobre o meio
ambiente.
Efeito estufa
Destruição da camada de ozônio
A destruição da Camada de Ozônio,
localizada na estratosfera, é um dos
mais severos problemas ambientais
da nossa era, e durante algum tempo
foi muito citada na imprensa. Sua
destruição ainda que parcial, diminui
a resistência natural que oferece à
passagem dos raios solares nocivos à
saúde de homens, animais e plantas,
os chamados raios ultravioletas. As
conseqüências mais citadas seriam o
câncer de pele, problemas oculares,
diminuição da capacidade
imunológica, etc.
Inversão térmica
Quando duas massas de ar
diferentes, o ar quente passa
sobre o ar frio, ficando assim
acima dele. Por ser mais denso,
o ar frio que ficou embaixo não
sobe e o ar quente que ficou
em cima do frio não desce, por
ser menos denso. Na interseção
do ar quente e frio, forma-se
uma capa que não deixa que os
gases poluentes e tóxicos
passem para as camadas mais
altas da atmosfera.
Conheça algumas iniciativas que podem ser adotadas para diminuir o
impacto ambiental negativo.
• Poupe energia
• Economize água
• Colabore com a coleta seletiva
• Prefira produtos ecológicos
• Use produto biodegradável
• Não desperdice
• Faça um planejamento antes de qualquer atividade
• Participe de cursos que irão agregar conhecimento
• Reutilize o papel
• Dê uma destinação correta ao seu resíduo, ele pode ser útil para outro
Se cada um contribuir fazendo sua parte o meio ambiente será menos
impactado, as populações irão sofrer menos com o descaso, exclusão social e
educação, teremos matérias-primas mais baratas e garantida para nós e as
futuras gerações.
Referências bibliográficas:
RODRIGUES, G.S. Impactos ambientais da agricultura. In: In: Hammes, V.S.
(Ed.Técnica). Julgar – Percepção do Impacto Ambiental. São Paulo: Editora
Globo, v. 4, 2004.
SÁNCHEZ, L.E. Avaliação de impacto ambiental:conceitos e métodos.São
Paulo:Oficina de Textos,2008.
BRAGA et al..Introdução à engenharia ambiental.2ª. ed.São Paulo:Pearson
Prentice Hall,2005.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Impactos ambientais causas e consequências
Impactos ambientais causas e consequênciasImpactos ambientais causas e consequências
Impactos ambientais causas e consequências
Charlles Moreira
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
lucasvinicius98
 
Sustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambientalSustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambiental
andreresende22051997
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
Prof.Paulo/geografia
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
JOSELENE XAVIER
 
Desenvolvimento sustentável e impactos ambientais
Desenvolvimento sustentável e impactos ambientaisDesenvolvimento sustentável e impactos ambientais
Desenvolvimento sustentável e impactos ambientais
Clécio Bubela
 
Impactos ambientais no brasil
Impactos ambientais no brasilImpactos ambientais no brasil
Impactos ambientais no brasil
metodologia2011
 
Poluição ambiental
Poluição ambientalPoluição ambiental
Poluição ambiental
fefemrc
 
Impactos antrópicos nos ecossistemas
Impactos antrópicos nos ecossistemasImpactos antrópicos nos ecossistemas
Impactos antrópicos nos ecossistemas
solanicandido
 
Recursos naturais
Recursos naturaisRecursos naturais
Recursos naturais
Blog do Prof. Elienai
 
Sustentabilidade
SustentabilidadeSustentabilidade
Sustentabilidade
Dheymia de Lima
 
Biomas Brasileiros
Biomas Brasileiros Biomas Brasileiros
Biomas Brasileiros
Leandro A. Machado de Moura
 
Impacto da ação humana no meio ambiente
Impacto da ação humana no meio ambienteImpacto da ação humana no meio ambiente
Impacto da ação humana no meio ambiente
acrlessa
 
Grandes Problemas Ambientais
Grandes Problemas AmbientaisGrandes Problemas Ambientais
Grandes Problemas Ambientais
lidia76
 
Mudanças Climáticas
Mudanças ClimáticasMudanças Climáticas
Efeito estufa
Efeito estufaEfeito estufa
Efeito estufa
Luiz Henrique Ferreira
 
Conferências ambientais
Conferências ambientaisConferências ambientais
Conferências ambientais
Artur Lara
 
Aula 01: Água x Recursos Hídricos
Aula 01: Água x Recursos HídricosAula 01: Água x Recursos Hídricos
Aula 01: Água x Recursos Hídricos
Lucas Soares
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
causas e consequências da degradação ambiental
causas e consequências da degradação ambientalcausas e consequências da degradação ambiental
causas e consequências da degradação ambiental
Roney Gusmão
 

Mais procurados (20)

Impactos ambientais causas e consequências
Impactos ambientais causas e consequênciasImpactos ambientais causas e consequências
Impactos ambientais causas e consequências
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
 
Sustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambientalSustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambiental
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
Desenvolvimento sustentável e impactos ambientais
Desenvolvimento sustentável e impactos ambientaisDesenvolvimento sustentável e impactos ambientais
Desenvolvimento sustentável e impactos ambientais
 
Impactos ambientais no brasil
Impactos ambientais no brasilImpactos ambientais no brasil
Impactos ambientais no brasil
 
Poluição ambiental
Poluição ambientalPoluição ambiental
Poluição ambiental
 
Impactos antrópicos nos ecossistemas
Impactos antrópicos nos ecossistemasImpactos antrópicos nos ecossistemas
Impactos antrópicos nos ecossistemas
 
Recursos naturais
Recursos naturaisRecursos naturais
Recursos naturais
 
Sustentabilidade
SustentabilidadeSustentabilidade
Sustentabilidade
 
Biomas Brasileiros
Biomas Brasileiros Biomas Brasileiros
Biomas Brasileiros
 
Impacto da ação humana no meio ambiente
Impacto da ação humana no meio ambienteImpacto da ação humana no meio ambiente
Impacto da ação humana no meio ambiente
 
Grandes Problemas Ambientais
Grandes Problemas AmbientaisGrandes Problemas Ambientais
Grandes Problemas Ambientais
 
Mudanças Climáticas
Mudanças ClimáticasMudanças Climáticas
Mudanças Climáticas
 
Efeito estufa
Efeito estufaEfeito estufa
Efeito estufa
 
Conferências ambientais
Conferências ambientaisConferências ambientais
Conferências ambientais
 
Aula 01: Água x Recursos Hídricos
Aula 01: Água x Recursos HídricosAula 01: Água x Recursos Hídricos
Aula 01: Água x Recursos Hídricos
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
 
causas e consequências da degradação ambiental
causas e consequências da degradação ambientalcausas e consequências da degradação ambiental
causas e consequências da degradação ambiental
 

Semelhante a Impacto ambiental

Aquecimento Global
Aquecimento GlobalAquecimento Global
Aquecimento Global
Juliana Costa
 
Nosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptx
Nosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptxNosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptx
Nosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptx
PauloDeTarsoFonseca2
 
mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665
mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665
mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665
CristinaTavares50
 
Gestão ambiental iso 14000
Gestão ambiental iso 14000Gestão ambiental iso 14000
Gestão ambiental iso 14000
INTEC CURSOS PROFISSIONALIZANTES
 
C:\fakepath\tema de vida paulo
C:\fakepath\tema de vida pauloC:\fakepath\tema de vida paulo
C:\fakepath\tema de vida paulo
EFAB23
 
Empresas e o respeito ao meio ambiente
Empresas e o respeito ao meio ambienteEmpresas e o respeito ao meio ambiente
Empresas e o respeito ao meio ambiente
Marina Aceituno
 
Trabalho de geografia
Trabalho de geografiaTrabalho de geografia
Trabalho de geografia
Alcina Barbosa
 
Tipos de poluição
Tipos de poluiçãoTipos de poluição
Tipos de poluição
Galo_Frito
 
Mudancas climaticas - INPE
Mudancas climaticas - INPEMudancas climaticas - INPE
Mudancas climaticas - INPE
Guellity Marcel
 
Proeam MT - Meio Ambiente
Proeam MT - Meio AmbienteProeam MT - Meio Ambiente
Proeam MT - Meio Ambiente
Herbalife International do Brasil
 
Julya
JulyaJulya
Alterações Climáticas
Alterações ClimáticasAlterações Climáticas
Alterações Climáticas
Michele Pó
 
Projeto de tic
Projeto de ticProjeto de tic
Projeto de tic
Nome Sobrenome
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
Paulo Gabriel
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1
zeopas
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1
zeopas
 
aula1-mudanca-climatica.pdf
aula1-mudanca-climatica.pdfaula1-mudanca-climatica.pdf
aula1-mudanca-climatica.pdf
NataliParadeda1
 
Gestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.ppt
Gestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.pptGestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.ppt
Gestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.ppt
ThaiTavares
 
ECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBAL
ECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBALECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBAL
ECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBAL
aplopespaiva1
 
Meio ambiente e sustentabilidade aula
Meio ambiente e sustentabilidade aulaMeio ambiente e sustentabilidade aula
Meio ambiente e sustentabilidade aula
Alenilson De Sousa Nobre
 

Semelhante a Impacto ambiental (20)

Aquecimento Global
Aquecimento GlobalAquecimento Global
Aquecimento Global
 
Nosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptx
Nosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptxNosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptx
Nosso Planeta, Nossa Casa: cuidando do meio ambiente.pptx
 
mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665
mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665
mundo atual_o homem e o ambiente ufcd 6665
 
Gestão ambiental iso 14000
Gestão ambiental iso 14000Gestão ambiental iso 14000
Gestão ambiental iso 14000
 
C:\fakepath\tema de vida paulo
C:\fakepath\tema de vida pauloC:\fakepath\tema de vida paulo
C:\fakepath\tema de vida paulo
 
Empresas e o respeito ao meio ambiente
Empresas e o respeito ao meio ambienteEmpresas e o respeito ao meio ambiente
Empresas e o respeito ao meio ambiente
 
Trabalho de geografia
Trabalho de geografiaTrabalho de geografia
Trabalho de geografia
 
Tipos de poluição
Tipos de poluiçãoTipos de poluição
Tipos de poluição
 
Mudancas climaticas - INPE
Mudancas climaticas - INPEMudancas climaticas - INPE
Mudancas climaticas - INPE
 
Proeam MT - Meio Ambiente
Proeam MT - Meio AmbienteProeam MT - Meio Ambiente
Proeam MT - Meio Ambiente
 
Julya
JulyaJulya
Julya
 
Alterações Climáticas
Alterações ClimáticasAlterações Climáticas
Alterações Climáticas
 
Projeto de tic
Projeto de ticProjeto de tic
Projeto de tic
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1
 
Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1 Ambiente 10ºd 1
Ambiente 10ºd 1
 
aula1-mudanca-climatica.pdf
aula1-mudanca-climatica.pdfaula1-mudanca-climatica.pdf
aula1-mudanca-climatica.pdf
 
Gestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.ppt
Gestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.pptGestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.ppt
Gestão e Impacto - Parte 02 IMPACTOS AMBIENTAIS.ppt
 
ECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBAL
ECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBALECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBAL
ECO-CONSCIÊNCIA: QUEIMADAS E SUAS IMPLICAÇÕES NO AQUECIMENTO GLOBAL
 
Meio ambiente e sustentabilidade aula
Meio ambiente e sustentabilidade aulaMeio ambiente e sustentabilidade aula
Meio ambiente e sustentabilidade aula
 

Último

Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 

Impacto ambiental

  • 1.
  • 2. “O homem estraga tudo em que põe a mão”...
  • 3. 4,5 bilhões de anos TERRA HOMEM 2 a 3 milhões de anos Apenas nos últimos 200 anos As pessoas começaram a afetar o meio ambiente de forma significativa. Apenas nos últimos 40 anos Esse impacto se tornou grave no planeta.
  • 4. Meio Ambiente De acordo com a resolução CONAMA 306:2002:“Meio Ambiente é o conjunto de condições, leis, influencia e interações de ordem física, química, biológica, social, cultural e urbanística, que permite, abriga e rege a vida em todas as suas formas”
  • 5. Impacto ambiental ≠ poluição O impacto ambiental é um desequilíbrio provocado pelo choque da relação do homem com o meio ambiente (Sánchez, 2006). Poluição é a introdução no meio ambiente de qualquer forma de matéria ou energia que possa afetar negativamente o homem ou os outros organismos (Sánchez, 2006).
  • 6. Quem nos dá a melhor definição de impacto ambiental é a NBR ISO 14001 Sistema de Gestão Ambiental “qualquer modificação do meio ambiente, adversa ou benéfica, que resulte, no todo ou em parte, das atividades, produtos ou serviços de uma organização”.
  • 7. RESOLUÇÃO CONAMA Nº 001, de 23 de janeiro de 1986 Publicado no D. O . U de 17 /2/86. O CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE - IBAMA, no uso das atribuições que lhe confere,RESOLVE: Artigo 1º - Para efeito desta Resolução, considera-se impacto ambiental qualquer alteração das propriedades físicas, químicas e biológicas do meio ambiente, causada por qualquer forma de matéria ou energia resultante das atividades humanas que, direta ou indiretamente, afetam: I - a saúde, a segurança e o bem-estar da população; II - as atividades sociais e econômicas; III - a biota; IV - as condições estéticas e sanitárias do meio ambiente; V - a qualidade dos recursos ambientais.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 12. Impactos ambientais podem ser positivos ou negativos,vamos usar como exemplo Os Impactos Ambientais Causados Pela Expansão da Agricultura: A Produção de Biocombustíveis no Brasil
  • 13. Entretanto, o crescimento sustentável, a partir da substituição dos combustíveis fósseis pelos de bioenergia tem que ocorrer de forma equilibrada. É preciso que as terras agricultáveis sejam bem geridas no que diz respeito a produção de biocombustíveis e a produção de alimentos. Novos empreendimentos, obras de revitalização, criação de novas empresas, entre outras, são exemplos de impacto ambiental positivo. Está sendo realizado uma modificação no ambiente mas, o mesmo é para um fim positivo. Porém, não é tão fácil assim.
  • 14. Poluição com agrotóxicos Em geral os impactos das atividades agropecuárias sobre a biodiversidade mais conhecidos são o desmatamento para expansão da fronteira agrícola, queimadas, poluição, degradação do solo, erosão e contaminação das águas (RODRIGUES, 2001 e 2004).
  • 15. Erosão no solo Outro impacto sério causado pela agricultura é a erosão do solo, principalmente na zona tropical do planeta. O revolvimento do solo antes do cultivo desagrega-o, facilitando o carreamento dos minerais pela água das chuvas. A perda de milhares de toneladas de solo agricultável todos os anos, em conseqüência da erosão, é um dos mais graves problemas enfrentados pela economia agrícola.
  • 16. Principais impactos ambientais da atualidade: desmatamento de florestas As principais conseqüências do desmatamento são: - Destruição da biodiversidade; - Genocídio e etnocídio das nações indígenas; - Erosão e empobrecimento dos solos; - Enchente e assoreamento dos rios; - Diminuição dos índices pluviométricos; - Elevação das temperaturas; - Desertificação; - Proliferação de pragas e doenças.
  • 17. Aquecimento global A principal evidência dessa mudança atual do clima é o aquecimento global, que foi detectado no aumento da temperatura média global do ar e dos oceanos, no derretimento generalizado da neve e do gelo, e na elevação do nível do mar, não podendo mais ser negada. Atualmente, as temperaturas médias globais de superfície são as maiores dos últimos cinco séculos, pelo menos. A temperatura média global de superfície aumentou cerca de 0,74ºC, nos últimos cem anos. Caso não se atue neste aquecimento de forma significativa, espera-se observar, ainda neste século, um clima bastante incomum, podendo apresentar, por exemplo, um acréscimo médio da temperatura global de 2ºC a 5,8°C, segundo o 4° Relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), de 2007.
  • 18. Ilhas de calor Uma cidade pode ter vários picos de temperatura espalhados pela mancha urbana, caracterizando assim várias ilhas de calor. Uma região fortemente edificada e industrializada como o eixo da marginal Tietê apresenta picos de temperatura mais elevados do que a região do Morumbi, ainda com bastante áreas verdes. As cidades apresentam temperaturas médias maiores do que as zonas rurais de mesma latitude. Dentro delas, as temperaturas aumentam das periferias em direção ao centro. Em casos extremos, a diferença de temperatura entre as zonas periféricas e o centro pode atingir até 10ºC. Esse fenômeno, resulta de muitas alterações humanas sobre o meio ambiente.
  • 20. Destruição da camada de ozônio A destruição da Camada de Ozônio, localizada na estratosfera, é um dos mais severos problemas ambientais da nossa era, e durante algum tempo foi muito citada na imprensa. Sua destruição ainda que parcial, diminui a resistência natural que oferece à passagem dos raios solares nocivos à saúde de homens, animais e plantas, os chamados raios ultravioletas. As conseqüências mais citadas seriam o câncer de pele, problemas oculares, diminuição da capacidade imunológica, etc.
  • 21. Inversão térmica Quando duas massas de ar diferentes, o ar quente passa sobre o ar frio, ficando assim acima dele. Por ser mais denso, o ar frio que ficou embaixo não sobe e o ar quente que ficou em cima do frio não desce, por ser menos denso. Na interseção do ar quente e frio, forma-se uma capa que não deixa que os gases poluentes e tóxicos passem para as camadas mais altas da atmosfera.
  • 22. Conheça algumas iniciativas que podem ser adotadas para diminuir o impacto ambiental negativo. • Poupe energia • Economize água • Colabore com a coleta seletiva • Prefira produtos ecológicos • Use produto biodegradável • Não desperdice • Faça um planejamento antes de qualquer atividade • Participe de cursos que irão agregar conhecimento • Reutilize o papel • Dê uma destinação correta ao seu resíduo, ele pode ser útil para outro Se cada um contribuir fazendo sua parte o meio ambiente será menos impactado, as populações irão sofrer menos com o descaso, exclusão social e educação, teremos matérias-primas mais baratas e garantida para nós e as futuras gerações.
  • 23. Referências bibliográficas: RODRIGUES, G.S. Impactos ambientais da agricultura. In: In: Hammes, V.S. (Ed.Técnica). Julgar – Percepção do Impacto Ambiental. São Paulo: Editora Globo, v. 4, 2004. SÁNCHEZ, L.E. Avaliação de impacto ambiental:conceitos e métodos.São Paulo:Oficina de Textos,2008. BRAGA et al..Introdução à engenharia ambiental.2ª. ed.São Paulo:Pearson Prentice Hall,2005.