SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Hiperônimo e 
Hipônimo
Hiperônimo é uma palavra que apresenta um significado 
mais abrangente do que o do seu hipônimo (vocabulário 
de sentido mais específico). 
É o que acontece com as palavras doença e gripe – 
doença é hiperônimo de gripe porque em seu significado 
contém o significado de gripe e o significado de mais uma 
série de palavras como dengue, malária, câncer. Então se 
conclui que gripe é hipônimo de doença. 
A relação existente entre hiperônimo e hipônimo é 
fundamental para a coesão textual. 
Ex: Grupos de refugiados chegam diariamente do sertão 
castigado pela seca. São pessoas famintas, maltrapilhas, 
destruídas. 
Note que a palavra “pessoas” é um hiperônimo da palavra 
“refugiados”, uma vez que “pessoas” apresenta um 
significado mais abrangente que seu hipônimo “refugiados”.
Paronímia, 
Homonímia, 
Sinonímia e 
Polissemia
Parônimos 
 São palavras que apresentam 
significados diferentes embora 
sejam parecidas na grafia ou na 
pronúncia.
Exemplos 
 Flagrante (evidente) / fragrante (perfumado) 
 Mandado (ordem judicial) / mandato (procuração) 
 Inflação (alta dos preços) / infração (violação) 
 Eminente (elevado) / iminente (prestes a ocorrer) 
 Arrear (pôr arreios) / arriar (descer, cair) 
 Comprimento (extensão, grandeza e tamanho) / Cumprimento 
(saudação) 
 Descrição (falar sobre, ato de descrever) / Discrição (ser discreto) 
 Emergir (mostrar-se) / Imergir (mergulhar)
Homônimos 
 São palavras diferentes no sentido, 
mas que têm a mesma pronúncia. 
 Dividem-se em homônimos perfeitos 
e homônimos imperfeitos.
Homônimos perfeitos 
 São palavras diferentes no sentido, 
mas idênticas na escrita e na 
pronúncia.
Exemplos 
 Homem são. 
São João 
São várias as causas. 
 Como vais? 
Eu como feijão. 
 Vou pegar dinheiro no banco. 
O banco da praça quebrou.
Homônimos imperfeitos 
 Dividem-se em: 
1. Homônimos homógrafos 
2. Homônimos homófonos
Homônimos homógrafos 
 Quando têm a mesma escrita e a mesma 
pronúncia, exceto a abertura da vogal 
tônica. 
 Exemplos: 
Almoço (verbo) 
Almoço (substantivo) 
Eu começo a trabalhar em breve. 
O começo do filme foi ótimo.
Homônimos homófonos 
 Quando têm a mesma pronúncia, mas 
escrita diferente. 
 Exemplos: 
Apreçar / apressar 
Sessão / seção / cessão 
A cela do presídio está lotada. 
A sela do cavalo está velha.
Sinonímia 
 É a divisão na Semântica que estuda as palavras sinônimas, ou aquelas 
que possuem significado ou sentido semelhante. Vejamos: 
1. A garota renunciou veementemente ao pedido para que comesse. 
2. A menina recusou energeticamente ao pedido para que comesse. 
3. A mocinha rejeitou impetuosamente ao pedido para que comesse. 
Vemos que os substantivos “garota”, “menina” e “mocinha” têm um 
mesmo significado, sentido, todos correspondem e nos remete à figura 
de uma jovem. Assim também são os verbos “renunciou”, “recusou” e 
“rejeitou”, que nos transmitem idéia de repulsa, de “não querer algo” e 
também os advérbios que nos falam da maneira como a ação foi 
cometida: “veementemente”, “energeticamente” e “impetuosamente”, ou 
seja, de modo intenso. 
Podemos concluir, a partir dessa análise, que sinonímia é a relação das 
palavras que possuem sentido, significados comuns. 
O objeto possuidor da maior quantidade de sinonímias ou sinônimos que 
existe é, com certeza, o dicionário.
Polissemia 
 A palavra polissemia compreende dois radicais: [poli = 
muito] e [semia = significado]. Portanto, uma palavra pode 
apresentar diferentes significados, dependendo dos usos 
lingüísticos em que possa aparecer. 
Vejamos os diferentes significados de abater: 
 Abater a árvore = derrubar 
 Abater a fera = matar 
 Abater o inimigo = derrotar 
 Abater-se com a derrota = sentir 
 Abater a dívida = descontar 
Ao consultar o dicionário, verificamos que a maioria das 
palavras são polissêmicas. O significado da palavra deve, 
portanto, ser considerado na frase, e não isoladamente.
Vícios de linguagem 
 http://www.youtube.com/watch?v=8Ajr 
XMkExTw&feature=share 
 http://www.youtube.com/watch?v=JjM 
R_231DGk&feature=related

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
 
Figuras de-linguagem
Figuras de-linguagemFiguras de-linguagem
Figuras de-linguagem
 
Funções do que, se e pronome relativo
Funções do que, se e pronome relativoFunções do que, se e pronome relativo
Funções do que, se e pronome relativo
 
Adjetivos
AdjetivosAdjetivos
Adjetivos
 
Regras de acentuação - simples
Regras de acentuação - simplesRegras de acentuação - simples
Regras de acentuação - simples
 
Slide pronomes
Slide  pronomesSlide  pronomes
Slide pronomes
 
Classes de palavras
Classes de palavrasClasses de palavras
Classes de palavras
 
Pronomes
PronomesPronomes
Pronomes
 
Intertextualidade
IntertextualidadeIntertextualidade
Intertextualidade
 
Gramática - Pontuação
Gramática - PontuaçãoGramática - Pontuação
Gramática - Pontuação
 
Substantivo
SubstantivoSubstantivo
Substantivo
 
Regencia verbal
Regencia verbalRegencia verbal
Regencia verbal
 
Plural dos substantivos
Plural dos substantivosPlural dos substantivos
Plural dos substantivos
 
Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
 
Adjetivo
AdjetivoAdjetivo
Adjetivo
 
Preposicao
PreposicaoPreposicao
Preposicao
 
O conto (apresentação)
O conto  (apresentação)O conto  (apresentação)
O conto (apresentação)
 
Conjugação pronominal
Conjugação pronominalConjugação pronominal
Conjugação pronominal
 
Acentuacao
AcentuacaoAcentuacao
Acentuacao
 
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; CraseConcordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
 

Destaque

ApresentaçãO Para úLtima Aula Suplementar
ApresentaçãO Para úLtima Aula SuplementarApresentaçãO Para úLtima Aula Suplementar
ApresentaçãO Para úLtima Aula Suplementarluisprista
 
Actividades hiperonimos hiponimos 6basico
Actividades hiperonimos hiponimos 6basicoActividades hiperonimos hiponimos 6basico
Actividades hiperonimos hiponimos 6basicoMatakury
 
Acarretamento e pressuposição
Acarretamento e pressuposiçãoAcarretamento e pressuposição
Acarretamento e pressuposiçãoMiquéias Vitorino
 
Pressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamentoPressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamentoManoel Neves
 
Texto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literárioTexto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literárioPedro Moura
 
Texto literário e não literário
Texto literário e não literárioTexto literário e não literário
Texto literário e não literárioFábio Guimarães
 
Texto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literárioTexto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literáriovinivs
 
Ppt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literárioPpt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literárioEugénia Soares
 
Textos literários e não literários
Textos literários e não literáriosTextos literários e não literários
Textos literários e não literáriosleozinferreiira
 

Destaque (18)

Hiponimos e hiperonimos final 2013
Hiponimos e hiperonimos final 2013Hiponimos e hiperonimos final 2013
Hiponimos e hiperonimos final 2013
 
EJERCICIO: Hipónimos e hiperónimos
EJERCICIO: Hipónimos e hiperónimosEJERCICIO: Hipónimos e hiperónimos
EJERCICIO: Hipónimos e hiperónimos
 
ApresentaçãO Para úLtima Aula Suplementar
ApresentaçãO Para úLtima Aula SuplementarApresentaçãO Para úLtima Aula Suplementar
ApresentaçãO Para úLtima Aula Suplementar
 
Actividades hiperonimos hiponimos 6basico
Actividades hiperonimos hiponimos 6basicoActividades hiperonimos hiponimos 6basico
Actividades hiperonimos hiponimos 6basico
 
Acarretamento e pressuposição
Acarretamento e pressuposiçãoAcarretamento e pressuposição
Acarretamento e pressuposição
 
Ppt hiperónimos
Ppt   hiperónimosPpt   hiperónimos
Ppt hiperónimos
 
Pressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamentoPressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamento
 
Texto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literárioTexto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literário
 
Campo semantico
Campo semanticoCampo semantico
Campo semantico
 
Texto literário e não literário
Texto literário e não literárioTexto literário e não literário
Texto literário e não literário
 
Campo semantico
Campo semanticoCampo semantico
Campo semantico
 
Texto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literárioTexto literário e texto não literário
Texto literário e texto não literário
 
Pressuposto e subentendido
Pressuposto e subentendidoPressuposto e subentendido
Pressuposto e subentendido
 
Campos semánticos
Campos semánticosCampos semánticos
Campos semánticos
 
Ppt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literárioPpt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literário
 
Fundamento Histórico da Semântica Lexical
Fundamento Histórico da Semântica LexicalFundamento Histórico da Semântica Lexical
Fundamento Histórico da Semântica Lexical
 
Textos literários e não literários
Textos literários e não literáriosTextos literários e não literários
Textos literários e não literários
 
Semantica
SemanticaSemantica
Semantica
 

Semelhante a Hiperonimo

Palavras Homófonas
Palavras HomófonasPalavras Homófonas
Palavras Homófonasjorgefcp
 
Estudo das palavras (aula 4)
Estudo das palavras (aula 4)Estudo das palavras (aula 4)
Estudo das palavras (aula 4)Helen Cristina
 
Estudo das Classes de Palavras do Português
Estudo das Classes de Palavras do PortuguêsEstudo das Classes de Palavras do Português
Estudo das Classes de Palavras do PortuguêsSônia Guedes
 
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01MkrH Uniesp
 
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01MkrH Uniesp
 
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01MkrH Uniesp
 
Relações de palavras e de sentido
Relações de palavras e de sentidoRelações de palavras e de sentido
Relações de palavras e de sentidoma.no.el.ne.ves
 
Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01
Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01
Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01Pedro Moniz
 
Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01
Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01
Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01Francisco Romao
 
Português-Pronome
Português-PronomePortuguês-Pronome
Português-PronomeJaicinha
 
1882 ponto 3 semântica
1882  ponto 3 semântica1882  ponto 3 semântica
1882 ponto 3 semânticaAna Costa
 
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 03
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 03FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 03
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 03Jordano Santos Cerqueira
 
Português
PortuguêsPortuguês
Portuguêssufia1
 
Revisão 9ºano último
Revisão 9ºano  últimoRevisão 9ºano  último
Revisão 9ºano últimoLurdes Augusto
 
Relações entre palavras
Relações entre palavrasRelações entre palavras
Relações entre palavrasMaria Frade
 

Semelhante a Hiperonimo (20)

Palavras Homófonas
Palavras HomófonasPalavras Homófonas
Palavras Homófonas
 
Apresentação de semântica
Apresentação de semânticaApresentação de semântica
Apresentação de semântica
 
AULA 1
AULA 1 AULA 1
AULA 1
 
Estudo das palavras (aula 4)
Estudo das palavras (aula 4)Estudo das palavras (aula 4)
Estudo das palavras (aula 4)
 
Estudo das Classes de Palavras do Português
Estudo das Classes de Palavras do PortuguêsEstudo das Classes de Palavras do Português
Estudo das Classes de Palavras do Português
 
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
 
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
 
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
Slidesnovoacordoortogrfico 100125181718-phpapp01
 
Aula Semântica.pdf
Aula Semântica.pdfAula Semântica.pdf
Aula Semântica.pdf
 
Semântica
SemânticaSemântica
Semântica
 
Relações de palavras e de sentido
Relações de palavras e de sentidoRelações de palavras e de sentido
Relações de palavras e de sentido
 
Noções previas grego (5)
Noções previas grego (5)Noções previas grego (5)
Noções previas grego (5)
 
Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01
Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01
Aulavii pronomes-100925165558-phpapp01
 
Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01
Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01
Aulavii pronomes-100925170658-phpapp01
 
Português-Pronome
Português-PronomePortuguês-Pronome
Português-Pronome
 
1882 ponto 3 semântica
1882  ponto 3 semântica1882  ponto 3 semântica
1882 ponto 3 semântica
 
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 03
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 03FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 03
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 03
 
Português
PortuguêsPortuguês
Português
 
Revisão 9ºano último
Revisão 9ºano  últimoRevisão 9ºano  último
Revisão 9ºano último
 
Relações entre palavras
Relações entre palavrasRelações entre palavras
Relações entre palavras
 

Último

Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...LizanSantos1
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 

Último (20)

Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 

Hiperonimo

  • 2. Hiperônimo é uma palavra que apresenta um significado mais abrangente do que o do seu hipônimo (vocabulário de sentido mais específico). É o que acontece com as palavras doença e gripe – doença é hiperônimo de gripe porque em seu significado contém o significado de gripe e o significado de mais uma série de palavras como dengue, malária, câncer. Então se conclui que gripe é hipônimo de doença. A relação existente entre hiperônimo e hipônimo é fundamental para a coesão textual. Ex: Grupos de refugiados chegam diariamente do sertão castigado pela seca. São pessoas famintas, maltrapilhas, destruídas. Note que a palavra “pessoas” é um hiperônimo da palavra “refugiados”, uma vez que “pessoas” apresenta um significado mais abrangente que seu hipônimo “refugiados”.
  • 4.
  • 5. Parônimos  São palavras que apresentam significados diferentes embora sejam parecidas na grafia ou na pronúncia.
  • 6. Exemplos  Flagrante (evidente) / fragrante (perfumado)  Mandado (ordem judicial) / mandato (procuração)  Inflação (alta dos preços) / infração (violação)  Eminente (elevado) / iminente (prestes a ocorrer)  Arrear (pôr arreios) / arriar (descer, cair)  Comprimento (extensão, grandeza e tamanho) / Cumprimento (saudação)  Descrição (falar sobre, ato de descrever) / Discrição (ser discreto)  Emergir (mostrar-se) / Imergir (mergulhar)
  • 7. Homônimos  São palavras diferentes no sentido, mas que têm a mesma pronúncia.  Dividem-se em homônimos perfeitos e homônimos imperfeitos.
  • 8. Homônimos perfeitos  São palavras diferentes no sentido, mas idênticas na escrita e na pronúncia.
  • 9. Exemplos  Homem são. São João São várias as causas.  Como vais? Eu como feijão.  Vou pegar dinheiro no banco. O banco da praça quebrou.
  • 10. Homônimos imperfeitos  Dividem-se em: 1. Homônimos homógrafos 2. Homônimos homófonos
  • 11. Homônimos homógrafos  Quando têm a mesma escrita e a mesma pronúncia, exceto a abertura da vogal tônica.  Exemplos: Almoço (verbo) Almoço (substantivo) Eu começo a trabalhar em breve. O começo do filme foi ótimo.
  • 12. Homônimos homófonos  Quando têm a mesma pronúncia, mas escrita diferente.  Exemplos: Apreçar / apressar Sessão / seção / cessão A cela do presídio está lotada. A sela do cavalo está velha.
  • 13. Sinonímia  É a divisão na Semântica que estuda as palavras sinônimas, ou aquelas que possuem significado ou sentido semelhante. Vejamos: 1. A garota renunciou veementemente ao pedido para que comesse. 2. A menina recusou energeticamente ao pedido para que comesse. 3. A mocinha rejeitou impetuosamente ao pedido para que comesse. Vemos que os substantivos “garota”, “menina” e “mocinha” têm um mesmo significado, sentido, todos correspondem e nos remete à figura de uma jovem. Assim também são os verbos “renunciou”, “recusou” e “rejeitou”, que nos transmitem idéia de repulsa, de “não querer algo” e também os advérbios que nos falam da maneira como a ação foi cometida: “veementemente”, “energeticamente” e “impetuosamente”, ou seja, de modo intenso. Podemos concluir, a partir dessa análise, que sinonímia é a relação das palavras que possuem sentido, significados comuns. O objeto possuidor da maior quantidade de sinonímias ou sinônimos que existe é, com certeza, o dicionário.
  • 14. Polissemia  A palavra polissemia compreende dois radicais: [poli = muito] e [semia = significado]. Portanto, uma palavra pode apresentar diferentes significados, dependendo dos usos lingüísticos em que possa aparecer. Vejamos os diferentes significados de abater:  Abater a árvore = derrubar  Abater a fera = matar  Abater o inimigo = derrotar  Abater-se com a derrota = sentir  Abater a dívida = descontar Ao consultar o dicionário, verificamos que a maioria das palavras são polissêmicas. O significado da palavra deve, portanto, ser considerado na frase, e não isoladamente.
  • 15. Vícios de linguagem  http://www.youtube.com/watch?v=8Ajr XMkExTw&feature=share  http://www.youtube.com/watch?v=JjM R_231DGk&feature=related