SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
Pgs. 224 - 227
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
Fotossíntese é um processo físico-químico, a nível celular,
realizado pelos seres vivos clorofilados, que utilizam
dióxido de carbono e água, para obter glicose através da
energia proveniente da luz solar.
Cianobactérias PlantasAlgas
Seres vivos fotossintetizantes
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
IMPORTÂNCIA DA FOTOSSÍNTESE:
•Para o Indivíduo
 Nutrição, através da síntese de matéria orgânica de
forma autótrofa.
•Ecológica
 Captura CO2 atmosférico
 Renova O2 atmosférico
 Provê matéria e energia para as cadeias alimentares.
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
A LUZ NA FOTOSSÍNTESE:
A luz branca, seja ela proveniente do Sol, quando muda de um meio
de propagação para outro, sofre refração, isto é, sofre mudança na
velocidade de propagação. Essa mudança de meio de propagação
faz com que a luz branca se decomponha em infinitos raios de luzes
monocromáticas, conhecidas como as sete cores do arco-íris. Esse
processo físico constitui, portanto, a decomposição da luz branca.
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
OS PIGMENTOS FOTOSSINTÉTICOS:
 São Pigmentos que absorvem determinados comprimentos de
onda luminosa.
PIGMENTO TIPO COR DISTRIBUIÇÃO
Principal Clorofila
a
Verde
Plantas, algas e cianobactérias
b Plantas e algas verdes
c Algas pardas e diatomáceas
d Algas vermelhas
Acessórios
Carotenóides
carotenos Laranja Plantas e algas
xantofilas Amarela Algas pardas e diatomáceas
Ficobilinas
ficoeritrina Vermelha
Algas vermelhas e cianobactérias
ficocianina Azul
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
LOCAL DA FOTOSSÍNTESE
 Nos seres eucariontes (plantas e algas) a fotossíntese ocorre nos
cloroplastos.
Nos seres procariontes (cianobactérias) ocorre em algum lugar do
citoplasma.
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
FASES DA FOTOSSÍNTESE
ETAPA FOTOQUÍMICA
(FASE CLARA – REAÇÕES DE CLARO)
ETAPA QUIÍMICA
(FASE ESCURA – REAÇÕES DE ESCURO)
OBS: Estaremos estudando as fases de forma mais aprofundada
nos próximos slides.
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
EQUAÇÃO DA FOTOSSÍNTESE
EQUAÇÃO GERAL
6CO2 + 12H2O = C6H12O6 + 6O2 + 6H20
EQUAÇÃO SIMPLIFICADA
6CO2 + 6H2O = C6H12O6 + 6O2
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
CLOROFILA
Mg
“Complexo Antena”
Região hidrofílica
Região hidrofóbica
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
CLOROPLASTOS
VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE
CLOROPLASTOS
FASE CLARA
Ocorre nos tilacóides, na presença de “luz”, convertendo energia
luminosa em energia química (ATP e NADPH)
FOTÓLISE DA ÁGUA
Ocorre a “quebra” da molécula de água liberando íons Hidrogênio
e elétrons.
FOTOFOSFORILAÇÃO
Ocorre por meio das cadeias receptoras de elétrons produzindo
ATP e NADPH para a etapa química (fase de escuro).
FOTOFOSFORILAÇÃO
Uma visão um pouco mais aprofundada da fotofosforilação .
FASE ESCURA
Ocorre no ESTROMA dos cloroplastos, com o objetivo de formar
glicídios (3 fosfatos gliceraldeído – PGAL) que irão se combinar
para formar os açúcares da planta.
Fotossíntese

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
prodeinha
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
Fatima Comiotto
 
Transformação da Materia
Transformação da MateriaTransformação da Materia
Transformação da Materia
Pedro Monteiro
 
Aulão a origem da vida
Aulão a origem da vidaAulão a origem da vida
Aulão a origem da vida
César Milani
 
Reprodução seres vivos 2011
Reprodução seres vivos   2011Reprodução seres vivos   2011
Reprodução seres vivos 2011
Roberto Bagatini
 
Classificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosClassificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres Vivos
Juliana Mendes
 

Mais procurados (20)

Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
 
Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
 
Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
 
Aula respiração celular
Aula respiração celularAula respiração celular
Aula respiração celular
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
 
Transformação da Materia
Transformação da MateriaTransformação da Materia
Transformação da Materia
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
 
I.3 classificação seres vivos
I.3 classificação seres vivosI.3 classificação seres vivos
I.3 classificação seres vivos
 
Aulão a origem da vida
Aulão a origem da vidaAulão a origem da vida
Aulão a origem da vida
 
V.2 Briófitas e Pteridófitas
V.2 Briófitas e PteridófitasV.2 Briófitas e Pteridófitas
V.2 Briófitas e Pteridófitas
 
Metabolismo Energético
Metabolismo EnergéticoMetabolismo Energético
Metabolismo Energético
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
 
Aula 9 - Metabolismo energético - Respiração celular e Fermentação
Aula 9 - Metabolismo energético - Respiração celular e FermentaçãoAula 9 - Metabolismo energético - Respiração celular e Fermentação
Aula 9 - Metabolismo energético - Respiração celular e Fermentação
 
Fotossíntese.
Fotossíntese.Fotossíntese.
Fotossíntese.
 
Reino Plantae Power Point
Reino Plantae Power PointReino Plantae Power Point
Reino Plantae Power Point
 
Reprodução seres vivos 2011
Reprodução seres vivos   2011Reprodução seres vivos   2011
Reprodução seres vivos 2011
 
Aula sobre células
Aula sobre célulasAula sobre células
Aula sobre células
 
Células
CélulasCélulas
Células
 
Cadeia e teias alimentares
Cadeia e teias alimentaresCadeia e teias alimentares
Cadeia e teias alimentares
 
Classificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosClassificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres Vivos
 

Semelhante a Fotossíntese

Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
James Martins
 
FotossíNtese
FotossíNteseFotossíNtese
FotossíNtese
ecsette
 
2 ciclos biogeoquimicos novos
2 ciclos biogeoquimicos novos2 ciclos biogeoquimicos novos
2 ciclos biogeoquimicos novos
guest5b12783
 
biologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptx
biologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptxbiologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptx
biologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptx
wilsonluiz13
 
Telecurso 2000 aula 16 cuidado das plantas
Telecurso 2000 aula 16   cuidado das plantasTelecurso 2000 aula 16   cuidado das plantas
Telecurso 2000 aula 16 cuidado das plantas
netoalvirubro
 
coleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.ppt
coleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.pptcoleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.ppt
coleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.ppt
VERONICA47548
 

Semelhante a Fotossíntese (20)

Metabolismo celular
Metabolismo celularMetabolismo celular
Metabolismo celular
 
Metabolismo celular - FOTOSSÍNTESE
Metabolismo celular - FOTOSSÍNTESEMetabolismo celular - FOTOSSÍNTESE
Metabolismo celular - FOTOSSÍNTESE
 
Cicloener
CicloenerCicloener
Cicloener
 
Mapa-mental-Fotossintese.pdf
Mapa-mental-Fotossintese.pdfMapa-mental-Fotossintese.pdf
Mapa-mental-Fotossintese.pdf
 
Bioenergética II - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
Bioenergética II  - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.Bioenergética II  - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
Bioenergética II - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
 
Fotossíntese aplicada;
Fotossíntese aplicada;Fotossíntese aplicada;
Fotossíntese aplicada;
 
Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
 
Fisiologia Vegetal e Ecofisiologia: Fotossíntese
Fisiologia Vegetal e Ecofisiologia: Fotossíntese Fisiologia Vegetal e Ecofisiologia: Fotossíntese
Fisiologia Vegetal e Ecofisiologia: Fotossíntese
 
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
 
FotossíNtese
FotossíNteseFotossíNtese
FotossíNtese
 
2 ciclos biogeoquimicos novos
2 ciclos biogeoquimicos novos2 ciclos biogeoquimicos novos
2 ciclos biogeoquimicos novos
 
Processos celulares II
Processos celulares IIProcessos celulares II
Processos celulares II
 
Os Ciclos da Matéria: ciclos biogeoquímicos
Os Ciclos da Matéria: ciclos biogeoquímicosOs Ciclos da Matéria: ciclos biogeoquímicos
Os Ciclos da Matéria: ciclos biogeoquímicos
 
Aula de fotossíntese
Aula de fotossínteseAula de fotossíntese
Aula de fotossíntese
 
biologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptx
biologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptxbiologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptx
biologia-1ªsérie-slide-aula26-revisada.pptx
 
Biologia modulo-01
Biologia modulo-01Biologia modulo-01
Biologia modulo-01
 
METABOLISMO ENERGETICO - FOTOSSINTESE.pptx
METABOLISMO ENERGETICO - FOTOSSINTESE.pptxMETABOLISMO ENERGETICO - FOTOSSINTESE.pptx
METABOLISMO ENERGETICO - FOTOSSINTESE.pptx
 
Telecurso 2000 aula 16 cuidado das plantas
Telecurso 2000 aula 16   cuidado das plantasTelecurso 2000 aula 16   cuidado das plantas
Telecurso 2000 aula 16 cuidado das plantas
 
coleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.ppt
coleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.pptcoleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.ppt
coleguiummetabolismoenergtico-110803141349-phpapp02-140917185522-phpapp01.ppt
 
Mecanismo da fotossintese
Mecanismo da fotossinteseMecanismo da fotossintese
Mecanismo da fotossintese
 

Mais de Carlos Alexandre Ribeiro Dorte

Mais de Carlos Alexandre Ribeiro Dorte (20)

1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre
1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre
1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre
 
Genética
GenéticaGenética
Genética
 
4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre
4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre
4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre
 
Correção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMA
Correção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMACorreção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMA
Correção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMA
 
Cristologia
CristologiaCristologia
Cristologia
 
Subsídio da lição 5 adultos
Subsídio da lição 5 adultosSubsídio da lição 5 adultos
Subsídio da lição 5 adultos
 
Subsídio da lição 3 juvenis
Subsídio da lição 3 juvenisSubsídio da lição 3 juvenis
Subsídio da lição 3 juvenis
 
Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017
Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017
Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017
 
Fermentação
FermentaçãoFermentação
Fermentação
 
Noite astronômica
Noite astronômicaNoite astronômica
Noite astronômica
 
Eclesiastes
EclesiastesEclesiastes
Eclesiastes
 
Cantares
CantaresCantares
Cantares
 
Provérbios
ProvérbiosProvérbios
Provérbios
 
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médio
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médioAula de características gerais dos seres vivos ensino médio
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médio
 
Introdução a teologia aula 4
Introdução a teologia aula 4Introdução a teologia aula 4
Introdução a teologia aula 4
 
Introdução a teologia aula 3
Introdução a teologia aula 3Introdução a teologia aula 3
Introdução a teologia aula 3
 
Introdução a teologia aula 2
Introdução a teologia aula 2Introdução a teologia aula 2
Introdução a teologia aula 2
 
Introdução a teologia aula 1
Introdução a teologia aula 1Introdução a teologia aula 1
Introdução a teologia aula 1
 
História e os objetivos da escola bíblica dominical
História e os objetivos da escola bíblica dominicalHistória e os objetivos da escola bíblica dominical
História e os objetivos da escola bíblica dominical
 
Aula de características gerais dos seres vivos
Aula de características gerais dos seres vivosAula de características gerais dos seres vivos
Aula de características gerais dos seres vivos
 

Último

Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Eró Cunha
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
LindinhaSilva1
 

Último (20)

Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 

Fotossíntese

  • 2. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE Fotossíntese é um processo físico-químico, a nível celular, realizado pelos seres vivos clorofilados, que utilizam dióxido de carbono e água, para obter glicose através da energia proveniente da luz solar. Cianobactérias PlantasAlgas Seres vivos fotossintetizantes
  • 3. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE IMPORTÂNCIA DA FOTOSSÍNTESE: •Para o Indivíduo  Nutrição, através da síntese de matéria orgânica de forma autótrofa. •Ecológica  Captura CO2 atmosférico  Renova O2 atmosférico  Provê matéria e energia para as cadeias alimentares.
  • 4. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE A LUZ NA FOTOSSÍNTESE: A luz branca, seja ela proveniente do Sol, quando muda de um meio de propagação para outro, sofre refração, isto é, sofre mudança na velocidade de propagação. Essa mudança de meio de propagação faz com que a luz branca se decomponha em infinitos raios de luzes monocromáticas, conhecidas como as sete cores do arco-íris. Esse processo físico constitui, portanto, a decomposição da luz branca.
  • 5. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE OS PIGMENTOS FOTOSSINTÉTICOS:  São Pigmentos que absorvem determinados comprimentos de onda luminosa. PIGMENTO TIPO COR DISTRIBUIÇÃO Principal Clorofila a Verde Plantas, algas e cianobactérias b Plantas e algas verdes c Algas pardas e diatomáceas d Algas vermelhas Acessórios Carotenóides carotenos Laranja Plantas e algas xantofilas Amarela Algas pardas e diatomáceas Ficobilinas ficoeritrina Vermelha Algas vermelhas e cianobactérias ficocianina Azul
  • 6. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE LOCAL DA FOTOSSÍNTESE  Nos seres eucariontes (plantas e algas) a fotossíntese ocorre nos cloroplastos. Nos seres procariontes (cianobactérias) ocorre em algum lugar do citoplasma.
  • 7. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE FASES DA FOTOSSÍNTESE ETAPA FOTOQUÍMICA (FASE CLARA – REAÇÕES DE CLARO) ETAPA QUIÍMICA (FASE ESCURA – REAÇÕES DE ESCURO) OBS: Estaremos estudando as fases de forma mais aprofundada nos próximos slides.
  • 8. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE EQUAÇÃO DA FOTOSSÍNTESE EQUAÇÃO GERAL 6CO2 + 12H2O = C6H12O6 + 6O2 + 6H20 EQUAÇÃO SIMPLIFICADA 6CO2 + 6H2O = C6H12O6 + 6O2
  • 9. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE CLOROFILA Mg “Complexo Antena” Região hidrofílica Região hidrofóbica
  • 10. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE CLOROPLASTOS
  • 11. VISÃO GERAL DA FOTOSSÍNTESE CLOROPLASTOS
  • 12. FASE CLARA Ocorre nos tilacóides, na presença de “luz”, convertendo energia luminosa em energia química (ATP e NADPH)
  • 13. FOTÓLISE DA ÁGUA Ocorre a “quebra” da molécula de água liberando íons Hidrogênio e elétrons.
  • 14. FOTOFOSFORILAÇÃO Ocorre por meio das cadeias receptoras de elétrons produzindo ATP e NADPH para a etapa química (fase de escuro).
  • 15. FOTOFOSFORILAÇÃO Uma visão um pouco mais aprofundada da fotofosforilação .
  • 16. FASE ESCURA Ocorre no ESTROMA dos cloroplastos, com o objetivo de formar glicídios (3 fosfatos gliceraldeído – PGAL) que irão se combinar para formar os açúcares da planta.