SlideShare uma empresa Scribd logo
exercícios de teoria da literatura
Espécies e gêneros literários
             Manoel Neves
QUESTÃO 01
            exercícios sobre espécies e gêneros literários
Indique, nos textos a seguir, o gênero e a espécie literária. Justifique sua classificação
TEXTO 01
exercícios sobre espécies e gêneros literários
              A vocês, eu deixo o sono.
                   O sonho, não!
              Este eu mesmo carrego!
         Disponível em : http://pensador.uol.com.br
TEXTO 01
            exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                     gênero
                                        lírico

                                     espécie
                                       hai cai

                                 justificativa
três versos; consideração filosófica; ausência de métrica/rima; elaboração linguística
TEXTO 02
                 exercícios sobre espécies e gêneros literários
Um Sr. Matter, que fez uma viagem de exploração à América do Sul, conta a um jornal sua
conversa com um índio jivaro, desses que sabem reduzir a cabeça de um morto até ela ficar bem
pequenina. Queria assistir a uma dessas operações, e o índio lhe disse que exatamente ele tinha
contas a acertar com um inimigo.
O Sr. Matter:
― Não, não! Um homem, não. Faça isso com a cabeça de um macaco.
E o índio:
― Por que um macaco? Ele não me fez nenhum mal!
                             Disponível em : http://recantodasletras.com.br
TEXTO 02
              exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                      gênero
                                         épico

                                      espécie
                                        crônica

                                  justificativa
      elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens]
alto grau de verossimilhança; diegese baseada em informação colhida; reflexão metafísica
TEXTO 03
                 exercícios sobre espécies e gêneros literários
Desempregado, time caiu pra terceira divisão, artrite cada vez pior, senhorio no encalço, dor
intermitente no peito, geladeira vazia, mulher com caroço esquisito no seio esquerdo, filho
drogado, xi, mais essa, válvula da descarga quebrou.
                             Disponível em : http://www.releituras.com.br
TEXTO 03
       exercícios sobre espécies e gêneros literários
                               gênero
                                 épico

                               espécie
                                 conto

                           justificativa
elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens]
            um eixo dramático; concisão; melhores momentos;
TEXTO 04
exercícios sobre espécies e gêneros literários
           De repente do riso fez-se o pranto
          Silencioso e branco como a bruma
          E das bocas unidas fez-se a espuma
       E das mãos espalmadas fez-se o espanto.
          De repente da calma fez-se o vento
         Que dos olhos desfez a última chama
          E da paixão fez-se o pressentimento
         E do momento imóvel fez-se o drama.
         De repente, não mais que de repente
          Fez-se de triste o que se fez amante
          E de sozinho o que se fez contente.
          Fez-se do amigo próximo o distante
          Fez-se da vida uma aventura errante
         De repente, não mais que de repente.
       Disponível em : http://www.viniciusdemoraes.com.br
TEXTO 04
     exercícios sobre espécies e gêneros literários
                              gênero
                                 lírico

                              espécie
                                soneto

                          justificativa
14 versos; tom elevado; métrica; rima; caráter clássico; lirismo amoroso
TEXTO 05
                 exercícios sobre espécies e gêneros literários
Todos os dias, ele ia para o colégio com meias vermelhas.
Era um garoto triste, procurava estudar muito mas na hora do recreio ficava afastado dos
colegas, como se estivesse procurando alguma coisa. Os outros guris zombavam dele,
implicavam com as meias vermelhas que ele usava.
Um dia, perguntaram porque o menino das meias vermelhas só usava meias vermelhas.
Ele contou com simplicidade:
“No ano passado, quando fiz aniversário, minha mãe me levou ao circo. Botou em mim essas
meias vermelhas. Eu reclamei, comecei a chorar, disse que todo mundo ia zombar de mim por
causa das meias vermelhas. Mas ela disse que se me perdesse, bastaria olhar para o chão e
quando visse um menino de meias vermelhas saberia que o filho era dela”.
Os garotos retrucaram:
“Você não está num circo! Porque não tira essas meias vermelhas e joga fora?”
Mas o menino das meias vermelhas explicou:
“É que a minha mãe abandonou a nossa casa e foi embora. Por isso eu continuo usando essas
meias vermelhas. Quando ela passar por mim vai me encontrar e me levará com ela”.
                               Disponível em: http://www.comamor.com.br
TEXTO 05
             exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                      gênero
                      épico [notam-se traços líricos e dramáticos]

                                      espécie
                                        crônica

                                  justificativa
     elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens]
                    verossimilhança; narrativa curta; reflexão lírica

aspectos líricos: lirismo amoroso traduzido na afetividade manifestada pelo protagonista
          aspecto dramático: história trágica – menino abandonado pela mãe
TEXTO 06
   exercícios sobre espécies e gêneros literários
Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem.
            QUINTANA, Mário. Caderno h. São Paulo: Globo, 2001.
TEXTO 06
exercícios sobre espécies e gêneros literários
                    gênero
                       lírico

                    espécie
                     epigrama

                justificativa
           brevidade; reflexão filosófica
TEXTO 07
exercícios sobre espécies e gêneros literários
               Enquanto Pedro agoniza
              e sangra a vida nas pedras
              do chão estreito da praça
                 na praça tonta de luz
                 acácias douram o dia
                 aves alegres revoam
                 na praça tonta de luz.
        Disponível em : http://gramaticar.blogspot.com
TEXTO 07
          exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                   gênero
                                      lírico

                                  espécie
                                     elegia

                               justificativa
versos; tom triste e termo; visão pessimista da existência; sentimentos dolorosos
TEXTO 08
exercícios sobre espécies e gêneros literários
        Eu insulto o burguês! O burguês-níquel,
                   o burguês-burguês!
           A digestão bem-feita de São Paulo!
         O homem-curva! o homem-nádegas!
    O homem que sendo francês, brasileiro, italiano,
        é sempre um cauteloso pouco-a-pouco!
        Eu insulto o burguês! O burguês-níquel,
                   o burguês-burguês!
           A digestão bem-feita de São Paulo!
         O homem-curva! o homem-nádegas!
    O homem que sendo francês, brasileiro, italiano,
        é sempre um cauteloso pouco-a-pouco!
         Disponível em : http://gramaticar.blogspot.com
TEXTO 08
exercícios sobre espécies e gêneros literários
                  gênero
                     lírico

                  espécie
                      ode

               justificativa
                 elogio irônico
TEXTO 09
exercícios sobre espécies e gêneros literários
                        outubro
                no teto passos pássaros
                    gotas de chuva
        Disponível em : http://gramaticar.blogspot.com
TEXTO 09
exercícios sobre espécies e gêneros literários
                      gênero
                         lírico

                      espécie
                        hai cai

                  justificativa
três versos; linguagem elaborada; observação da natureza
TEXTO 10
                exercícios sobre espécies e gêneros literários
Você anda muito desconfiante, querida, muito desconfiante, sinto isso no fundo da alma, de
mais a mais é preciso dizer que não existe homem em tais condições inteiramente fiel, não
existe, nem mesmo Diógenes com sua lâmpada conseguiria encontrá-lo em plena luz do dia, de
modo que você precisa acabar de vez com isso, querida, do contrário, não lhe trarei outras
flores no próximo finados.
                            Disponível em : http://www.releituras.com.br
TEXTO 10
       exercícios sobre espécies e gêneros literários
                               gênero
                                 épico

                               espécie
                                 conto

                           justificativa
elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens]
            um eixo dramático; concisão; melhores momentos;
TEXTO 11
exercícios sobre espécies e gêneros literários
   Quem se eu gritasse, me ouviria pois entre as ordens
       Dos anjos? E dado mesmo que me tomasse
   Um deles de repente em seu coração, eu sucumbiria
     Ante sua existência mais forte. Pois o belo não é
   Senão o início do terrível, que já a custo suportamos,
E o admiramos tanto porque ele tranquilamente desdenha
            Destruir-nos. Cada anjo é terrível.
      E assim me contenho pois, e reprimo o apelo
           Disponível em : http://www.culturapara.art.br
TEXTO 11
          exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                   gênero
                                      lírico

                                  espécie
                                     elegia

                               justificativa
versos; tom triste e termo; visão pessimista da existência; sentimentos dolorosos
TEXTO 12
                  exercícios sobre espécies e gêneros literários
Um dia, uma Lebre ridicularizou as pernas curtas e a lentidão da Tartaruga. A Tartaruga sorriu e
disse: “Pensa você ser rápida como o vento; mas eu a venceria numa corrida.”
A Lebre claro, considerou sua afirmação algo impossível de acontecer, e aceitou o desafio na
hora.
Convidaram então a Raposa, para servir de juiz, escolher o trajeto e o ponto de chegada.
E no dia marcado, do ponto inicial, partiram juntos. A Tartaruga, com seu passo lento, mas firme,
determinada, concentrada, em momento algum, parou de caminhar rumo ao seu objetivo.
Mas a Lebre, confiante de sua velocidade, despreocupada com a corrida, deitou à margem da
estrada para um rápido cochilo. Ao despertar, embora corresse o mais rápido que pudesse, não
mais conseguiu alcançar a Tartaruga, que já cruzara a linha de chegada, e agora descansava
tranquila num canto.
Moral da História: Ao trabalhador que realiza seu trabalho com zelo e persistência, sempre o
êxito o espera.
TEXTO 12
                 exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                         gênero
                                            épico

                                         espécie
                                           fábula

                                     justificativa
elementos da narrativa; brevidade; caráter metafórico; moral da história; personagens: animais
QUESTÃO 02
      exercícios sobre espécies e gêneros literários
Indique, nos textos a seguir, o gênero literário. Justifique sua classificação
TEXTO 01
exercícios sobre espécies e gêneros literários
             Quem fez esta manhã, quem penetrou
                 À noite os labirintos do tesouro,
               Quem fez esta manhã predestinou
                Seus temas a paráfrases do touro,
                 A traduções do cisne: fê-la para
                Abandonar-se a mitos essenciais,
                 Desflorada por ímpetos de rara
                Metamorfose alada, onde jamais
           Se exaure o deus que muda, que transvive.
               Quem fez esta manhã fê-la por ser
               Um raio a fecundá-la, não por lívida
                 Ausência sem pecado e fê-la ter
              Em si princípio e fim: ter entre aurora
               E meio-dia um homem e sua hora.
FAUSTINO, Mário. O homem e sua hora. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.
TEXTO 01
       exercícios sobre espécies e gêneros literários
                                gênero
                                   lírico

                            justificativa
14 versos; tom elevado; métrica; rima; grande apuro formal; caráter clássico
TEXTO 02
       exercícios sobre espécies e gêneros literários
João Gostoso era carregador de feira-livre e morava no Morro da Babilônia
[num barracão sem número
Uma noite ele chegou no bar Vinte de Novembro
Bebeu
Cantou
Dançou
Depois se atirou na Lagoa Rodrigo de Freitas e morreu afogado.
                     Disponível em: hptt://manoelneves.com.
TEXTO 02
   exercícios sobre espécies e gêneros literários
                             gênero
                      lírico; épico; dramático

                        justificativa
   lírico: versos; métrica [bebeu, cantou, dançou]; estrato óptico
épico: elementos da narrativa [personagens, espaço, tempo; enredo]
        dramático: história trágica [suicídio do protagonista]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Romantismo poesia - 1ª geração
Romantismo   poesia - 1ª geraçãoRomantismo   poesia - 1ª geração
Romantismo poesia - 1ª geração
Luciene Gomes
 
A intertextualidade: micro-aula
A intertextualidade: micro-aulaA intertextualidade: micro-aula
A intertextualidade: micro-aula
Miquéias Vitorino
 
Ultrarromantismo
UltrarromantismoUltrarromantismo
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosaRomantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
Tim Bagatelas
 
3ª geração do romantismo no brasil
3ª geração do romantismo no brasil3ª geração do romantismo no brasil
3ª geração do romantismo no brasil
GabrielaLimaPereira
 
Romantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasilRomantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasil
Josi Motta
 
Quinhentismo
QuinhentismoQuinhentismo
Quinhentismo
colveromachado
 
Romantismo no Brasil - 1ª geração
Romantismo no Brasil - 1ª geraçãoRomantismo no Brasil - 1ª geração
Romantismo no Brasil - 1ª geração
Quezia Neves
 
2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica
Andriane Cursino
 
PARNASIANISMO-AUTORES1.ppt
PARNASIANISMO-AUTORES1.pptPARNASIANISMO-AUTORES1.ppt
PARNASIANISMO-AUTORES1.ppt
RildeniceSantos
 
Parnasianismo de Olavo Bilac
Parnasianismo de Olavo BilacParnasianismo de Olavo Bilac
Parnasianismo de Olavo Bilac
Vitor Morais
 
Modernismo brasileiro 1ª geração
Modernismo brasileiro 1ª geraçãoModernismo brasileiro 1ª geração
Modernismo brasileiro 1ª geração
Carolina Loçasso Pereira
 
Morte e Vida Severina - João Cabral de Melo Neto
Morte e Vida Severina - João Cabral de Melo NetoMorte e Vida Severina - João Cabral de Melo Neto
Morte e Vida Severina - João Cabral de Melo Neto
Rafael Leite
 
Ppt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literárioPpt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literário
Eugénia Soares
 
A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...
A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...
A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...
Joselma Mendes
 
Slide Dom Casmurro
Slide Dom CasmurroSlide Dom Casmurro
Slide Dom Casmurro
clemildapetrolina
 
Sonetos (Camões) UNICAMP
Sonetos (Camões) UNICAMPSonetos (Camões) UNICAMP
Sonetos (Camões) UNICAMP
José Ricardo Lima
 
História da literatura perspectiva universal
História da literatura perspectiva universalHistória da literatura perspectiva universal
História da literatura perspectiva universal
heleira02
 
Gregório de Matos Guerra
Gregório de Matos GuerraGregório de Matos Guerra
Gregório de Matos Guerra
Daniele dos Santos Souza Onodera
 
Dom casmurro
Dom casmurroDom casmurro
Dom casmurro
Dodidemais Oliveira
 

Mais procurados (20)

Romantismo poesia - 1ª geração
Romantismo   poesia - 1ª geraçãoRomantismo   poesia - 1ª geração
Romantismo poesia - 1ª geração
 
A intertextualidade: micro-aula
A intertextualidade: micro-aulaA intertextualidade: micro-aula
A intertextualidade: micro-aula
 
Ultrarromantismo
UltrarromantismoUltrarromantismo
Ultrarromantismo
 
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosaRomantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
 
3ª geração do romantismo no brasil
3ª geração do romantismo no brasil3ª geração do romantismo no brasil
3ª geração do romantismo no brasil
 
Romantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasilRomantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasil
 
Quinhentismo
QuinhentismoQuinhentismo
Quinhentismo
 
Romantismo no Brasil - 1ª geração
Romantismo no Brasil - 1ª geraçãoRomantismo no Brasil - 1ª geração
Romantismo no Brasil - 1ª geração
 
2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica2ª e 3ª geração romântica
2ª e 3ª geração romântica
 
PARNASIANISMO-AUTORES1.ppt
PARNASIANISMO-AUTORES1.pptPARNASIANISMO-AUTORES1.ppt
PARNASIANISMO-AUTORES1.ppt
 
Parnasianismo de Olavo Bilac
Parnasianismo de Olavo BilacParnasianismo de Olavo Bilac
Parnasianismo de Olavo Bilac
 
Modernismo brasileiro 1ª geração
Modernismo brasileiro 1ª geraçãoModernismo brasileiro 1ª geração
Modernismo brasileiro 1ª geração
 
Morte e Vida Severina - João Cabral de Melo Neto
Morte e Vida Severina - João Cabral de Melo NetoMorte e Vida Severina - João Cabral de Melo Neto
Morte e Vida Severina - João Cabral de Melo Neto
 
Ppt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literárioPpt texto literário e texto não literário
Ppt texto literário e texto não literário
 
A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...
A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...
A Voz Feminina no Romance Maranhense: uma análise da obra Úrsula de Maria Fir...
 
Slide Dom Casmurro
Slide Dom CasmurroSlide Dom Casmurro
Slide Dom Casmurro
 
Sonetos (Camões) UNICAMP
Sonetos (Camões) UNICAMPSonetos (Camões) UNICAMP
Sonetos (Camões) UNICAMP
 
História da literatura perspectiva universal
História da literatura perspectiva universalHistória da literatura perspectiva universal
História da literatura perspectiva universal
 
Gregório de Matos Guerra
Gregório de Matos GuerraGregório de Matos Guerra
Gregório de Matos Guerra
 
Dom casmurro
Dom casmurroDom casmurro
Dom casmurro
 

Destaque

Gêneros literários
Gêneros literáriosGêneros literários
Gêneros literários
Carolina Loçasso Pereira
 
Exercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literáriosExercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literários
ma.no.el.ne.ves
 
Slide generos literarios
Slide generos literariosSlide generos literarios
Slide generos literarios
estudosacademicospedag
 
Generos literarios
Generos literariosGeneros literarios
Generos literarios
Ana Karina Silva
 
Generos literarios-2
Generos literarios-2Generos literarios-2
Generos literarios-2
Bernadete Carrijo Oliveira
 
Gêneros literários
Gêneros literáriosGêneros literários
Gêneros literários
ma.no.el.ne.ves
 
O gênero dramático,
O gênero dramático,O gênero dramático,
O gênero dramático,
ma.no.el.ne.ves
 
Textos literários e não literários
Textos literários e não literáriosTextos literários e não literários
Textos literários e não literários
leozinferreiira
 
Gêneros literários - 1º Ano do Ensino Médio
Gêneros literários - 1º Ano do Ensino MédioGêneros literários - 1º Ano do Ensino Médio
Gêneros literários - 1º Ano do Ensino Médio
Elaine Chiullo
 
Espécies literárias de pequena extensão
Espécies literárias de pequena extensãoEspécies literárias de pequena extensão
Espécies literárias de pequena extensão
ma.no.el.ne.ves
 
Gênero lírico no enem
Gênero lírico no enemGênero lírico no enem
Gênero lírico no enem
ma.no.el.ne.ves
 
Introdução à literatura
Introdução à literaturaIntrodução à literatura
Introdução à literatura
jaquemarcondes
 
Gêneros Literários
Gêneros Literários Gêneros Literários
Gêneros Literários
Caio Cavalcanti
 
Exercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literáriosExercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literários
Andriane Cursino
 
Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)
Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)
Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)
Jairtes Lima
 
Oficina de produção de texto
Oficina de produção de textoOficina de produção de texto
Oficina de produção de texto
Elia Rejany
 
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros TextuaisUnidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Elaine Cruz
 
Apostila gêneros textuais 4º ano
Apostila gêneros textuais  4º anoApostila gêneros textuais  4º ano
Apostila gêneros textuais 4º ano
Roseanne Funchal Olivieira
 
Termos da oração
Termos da oraçãoTermos da oração
Termos da oração
Isabella Silva
 
ENEM-2001
ENEM-2001ENEM-2001
ENEM-2001
ma.no.el.ne.ves
 

Destaque (20)

Gêneros literários
Gêneros literáriosGêneros literários
Gêneros literários
 
Exercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literáriosExercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literários
 
Slide generos literarios
Slide generos literariosSlide generos literarios
Slide generos literarios
 
Generos literarios
Generos literariosGeneros literarios
Generos literarios
 
Generos literarios-2
Generos literarios-2Generos literarios-2
Generos literarios-2
 
Gêneros literários
Gêneros literáriosGêneros literários
Gêneros literários
 
O gênero dramático,
O gênero dramático,O gênero dramático,
O gênero dramático,
 
Textos literários e não literários
Textos literários e não literáriosTextos literários e não literários
Textos literários e não literários
 
Gêneros literários - 1º Ano do Ensino Médio
Gêneros literários - 1º Ano do Ensino MédioGêneros literários - 1º Ano do Ensino Médio
Gêneros literários - 1º Ano do Ensino Médio
 
Espécies literárias de pequena extensão
Espécies literárias de pequena extensãoEspécies literárias de pequena extensão
Espécies literárias de pequena extensão
 
Gênero lírico no enem
Gênero lírico no enemGênero lírico no enem
Gênero lírico no enem
 
Introdução à literatura
Introdução à literaturaIntrodução à literatura
Introdução à literatura
 
Gêneros Literários
Gêneros Literários Gêneros Literários
Gêneros Literários
 
Exercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literáriosExercícios sobre gêneros literários
Exercícios sobre gêneros literários
 
Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)
Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)
Apostila de portadores de texto. gêneros textuais(1)
 
Oficina de produção de texto
Oficina de produção de textoOficina de produção de texto
Oficina de produção de texto
 
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros TextuaisUnidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
 
Apostila gêneros textuais 4º ano
Apostila gêneros textuais  4º anoApostila gêneros textuais  4º ano
Apostila gêneros textuais 4º ano
 
Termos da oração
Termos da oraçãoTermos da oração
Termos da oração
 
ENEM-2001
ENEM-2001ENEM-2001
ENEM-2001
 

Semelhante a Exercícios sobre espécies e gêneros literários

Exercícios de espécies literárias
Exercícios de espécies literáriasExercícios de espécies literárias
Exercícios de espécies literárias
ma.no.el.ne.ves
 
Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.
Pedroalves141870
 
Generos literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epicoGeneros literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epico
PATRICIA VIANA
 
AULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdf
AULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdfAULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdf
AULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdf
MARIADEFATIMASILVADE
 
AULA DIGITAL L.P
AULA DIGITAL L.PAULA DIGITAL L.P
AULA DIGITAL L.P
SilDaniDani
 
Trabalho de literatura ! professora Rosana
Trabalho de literatura ! professora RosanaTrabalho de literatura ! professora Rosana
Trabalho de literatura ! professora Rosana
Rosana Faustino
 
G. Literários
G. LiteráriosG. Literários
G. Literários
Roberta Savana
 
Gêneros Literários (2023).pptx
Gêneros Literários (2023).pptxGêneros Literários (2023).pptx
Gêneros Literários (2023).pptx
Gustavo Paz
 
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
ma.no.el.ne.ves
 
Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01
ma.no.el.ne.ves
 
Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01
ma.no.el.ne.ves
 
Revisando o romantismo, 05
Revisando o romantismo, 05Revisando o romantismo, 05
Revisando o romantismo, 05
ma.no.el.ne.ves
 
Gêneros Literários Completo com exercícios
Gêneros Literários Completo com exercíciosGêneros Literários Completo com exercícios
Gêneros Literários Completo com exercícios
MaiteFerreira4
 
21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt
lluiscarlosdassilva
 
21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt
CAMILADELMONDES3
 
Avaliação literatura 2° bimestre
Avaliação literatura 2° bimestreAvaliação literatura 2° bimestre
Avaliação literatura 2° bimestre
Vera Oliveira
 
Os Gêneros Literários
Os Gêneros LiteráriosOs Gêneros Literários
Os Gêneros Literários
7 de Setembro
 
Literatura Tipo A
Literatura Tipo ALiteratura Tipo A
Literatura Tipo A
Carol Monteiro
 
VESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOS
VESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOSVESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOS
VESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOS
Isaquel Silva
 
Gênero lírico no enem
Gênero lírico no enemGênero lírico no enem
Gênero lírico no enem
ma.no.el.ne.ves
 

Semelhante a Exercícios sobre espécies e gêneros literários (20)

Exercícios de espécies literárias
Exercícios de espécies literáriasExercícios de espécies literárias
Exercícios de espécies literárias
 
Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.
 
Generos literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epicoGeneros literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epico
 
AULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdf
AULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdfAULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdf
AULA 2 - GÊNEROS LITERÁRIOS E GÊNEROS DISCURSIVOS.pdf
 
AULA DIGITAL L.P
AULA DIGITAL L.PAULA DIGITAL L.P
AULA DIGITAL L.P
 
Trabalho de literatura ! professora Rosana
Trabalho de literatura ! professora RosanaTrabalho de literatura ! professora Rosana
Trabalho de literatura ! professora Rosana
 
G. Literários
G. LiteráriosG. Literários
G. Literários
 
Gêneros Literários (2023).pptx
Gêneros Literários (2023).pptxGêneros Literários (2023).pptx
Gêneros Literários (2023).pptx
 
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
 
Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01
 
Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01Revisando o romantismo 01
Revisando o romantismo 01
 
Revisando o romantismo, 05
Revisando o romantismo, 05Revisando o romantismo, 05
Revisando o romantismo, 05
 
Gêneros Literários Completo com exercícios
Gêneros Literários Completo com exercíciosGêneros Literários Completo com exercícios
Gêneros Literários Completo com exercícios
 
21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo.ppt
 
21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt
21032023085321Gêneros Literários Completo (1).ppt
 
Avaliação literatura 2° bimestre
Avaliação literatura 2° bimestreAvaliação literatura 2° bimestre
Avaliação literatura 2° bimestre
 
Os Gêneros Literários
Os Gêneros LiteráriosOs Gêneros Literários
Os Gêneros Literários
 
Literatura Tipo A
Literatura Tipo ALiteratura Tipo A
Literatura Tipo A
 
VESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOS
VESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOSVESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOS
VESTIBULAR UFPE 2014 - PROVA DE LITERATURA - TODOS OS TIPOS
 
Gênero lírico no enem
Gênero lírico no enemGênero lírico no enem
Gênero lírico no enem
 

Mais de ma.no.el.ne.ves

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
ma.no.el.ne.ves
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
ma.no.el.ne.ves
 

Mais de ma.no.el.ne.ves (20)

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
 

Exercícios sobre espécies e gêneros literários

  • 1. exercícios de teoria da literatura Espécies e gêneros literários Manoel Neves
  • 2. QUESTÃO 01 exercícios sobre espécies e gêneros literários Indique, nos textos a seguir, o gênero e a espécie literária. Justifique sua classificação
  • 3. TEXTO 01 exercícios sobre espécies e gêneros literários A vocês, eu deixo o sono. O sonho, não! Este eu mesmo carrego! Disponível em : http://pensador.uol.com.br
  • 4. TEXTO 01 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie hai cai justificativa três versos; consideração filosófica; ausência de métrica/rima; elaboração linguística
  • 5. TEXTO 02 exercícios sobre espécies e gêneros literários Um Sr. Matter, que fez uma viagem de exploração à América do Sul, conta a um jornal sua conversa com um índio jivaro, desses que sabem reduzir a cabeça de um morto até ela ficar bem pequenina. Queria assistir a uma dessas operações, e o índio lhe disse que exatamente ele tinha contas a acertar com um inimigo. O Sr. Matter: ― Não, não! Um homem, não. Faça isso com a cabeça de um macaco. E o índio: ― Por que um macaco? Ele não me fez nenhum mal! Disponível em : http://recantodasletras.com.br
  • 6. TEXTO 02 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero épico espécie crônica justificativa elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens] alto grau de verossimilhança; diegese baseada em informação colhida; reflexão metafísica
  • 7. TEXTO 03 exercícios sobre espécies e gêneros literários Desempregado, time caiu pra terceira divisão, artrite cada vez pior, senhorio no encalço, dor intermitente no peito, geladeira vazia, mulher com caroço esquisito no seio esquerdo, filho drogado, xi, mais essa, válvula da descarga quebrou. Disponível em : http://www.releituras.com.br
  • 8. TEXTO 03 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero épico espécie conto justificativa elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens] um eixo dramático; concisão; melhores momentos;
  • 9. TEXTO 04 exercícios sobre espécies e gêneros literários De repente do riso fez-se o pranto Silencioso e branco como a bruma E das bocas unidas fez-se a espuma E das mãos espalmadas fez-se o espanto. De repente da calma fez-se o vento Que dos olhos desfez a última chama E da paixão fez-se o pressentimento E do momento imóvel fez-se o drama. De repente, não mais que de repente Fez-se de triste o que se fez amante E de sozinho o que se fez contente. Fez-se do amigo próximo o distante Fez-se da vida uma aventura errante De repente, não mais que de repente. Disponível em : http://www.viniciusdemoraes.com.br
  • 10. TEXTO 04 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie soneto justificativa 14 versos; tom elevado; métrica; rima; caráter clássico; lirismo amoroso
  • 11. TEXTO 05 exercícios sobre espécies e gêneros literários Todos os dias, ele ia para o colégio com meias vermelhas. Era um garoto triste, procurava estudar muito mas na hora do recreio ficava afastado dos colegas, como se estivesse procurando alguma coisa. Os outros guris zombavam dele, implicavam com as meias vermelhas que ele usava. Um dia, perguntaram porque o menino das meias vermelhas só usava meias vermelhas. Ele contou com simplicidade: “No ano passado, quando fiz aniversário, minha mãe me levou ao circo. Botou em mim essas meias vermelhas. Eu reclamei, comecei a chorar, disse que todo mundo ia zombar de mim por causa das meias vermelhas. Mas ela disse que se me perdesse, bastaria olhar para o chão e quando visse um menino de meias vermelhas saberia que o filho era dela”. Os garotos retrucaram: “Você não está num circo! Porque não tira essas meias vermelhas e joga fora?” Mas o menino das meias vermelhas explicou: “É que a minha mãe abandonou a nossa casa e foi embora. Por isso eu continuo usando essas meias vermelhas. Quando ela passar por mim vai me encontrar e me levará com ela”. Disponível em: http://www.comamor.com.br
  • 12. TEXTO 05 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero épico [notam-se traços líricos e dramáticos] espécie crônica justificativa elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens] verossimilhança; narrativa curta; reflexão lírica aspectos líricos: lirismo amoroso traduzido na afetividade manifestada pelo protagonista aspecto dramático: história trágica – menino abandonado pela mãe
  • 13. TEXTO 06 exercícios sobre espécies e gêneros literários Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. QUINTANA, Mário. Caderno h. São Paulo: Globo, 2001.
  • 14. TEXTO 06 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie epigrama justificativa brevidade; reflexão filosófica
  • 15. TEXTO 07 exercícios sobre espécies e gêneros literários Enquanto Pedro agoniza e sangra a vida nas pedras do chão estreito da praça na praça tonta de luz acácias douram o dia aves alegres revoam na praça tonta de luz. Disponível em : http://gramaticar.blogspot.com
  • 16. TEXTO 07 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie elegia justificativa versos; tom triste e termo; visão pessimista da existência; sentimentos dolorosos
  • 17. TEXTO 08 exercícios sobre espécies e gêneros literários Eu insulto o burguês! O burguês-níquel, o burguês-burguês! A digestão bem-feita de São Paulo! O homem-curva! o homem-nádegas! O homem que sendo francês, brasileiro, italiano, é sempre um cauteloso pouco-a-pouco! Eu insulto o burguês! O burguês-níquel, o burguês-burguês! A digestão bem-feita de São Paulo! O homem-curva! o homem-nádegas! O homem que sendo francês, brasileiro, italiano, é sempre um cauteloso pouco-a-pouco! Disponível em : http://gramaticar.blogspot.com
  • 18. TEXTO 08 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie ode justificativa elogio irônico
  • 19. TEXTO 09 exercícios sobre espécies e gêneros literários outubro no teto passos pássaros gotas de chuva Disponível em : http://gramaticar.blogspot.com
  • 20. TEXTO 09 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie hai cai justificativa três versos; linguagem elaborada; observação da natureza
  • 21. TEXTO 10 exercícios sobre espécies e gêneros literários Você anda muito desconfiante, querida, muito desconfiante, sinto isso no fundo da alma, de mais a mais é preciso dizer que não existe homem em tais condições inteiramente fiel, não existe, nem mesmo Diógenes com sua lâmpada conseguiria encontrá-lo em plena luz do dia, de modo que você precisa acabar de vez com isso, querida, do contrário, não lhe trarei outras flores no próximo finados. Disponível em : http://www.releituras.com.br
  • 22. TEXTO 10 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero épico espécie conto justificativa elementos da narrativa [narrador, personagem, tempo, espaço, personagens] um eixo dramático; concisão; melhores momentos;
  • 23. TEXTO 11 exercícios sobre espécies e gêneros literários Quem se eu gritasse, me ouviria pois entre as ordens Dos anjos? E dado mesmo que me tomasse Um deles de repente em seu coração, eu sucumbiria Ante sua existência mais forte. Pois o belo não é Senão o início do terrível, que já a custo suportamos, E o admiramos tanto porque ele tranquilamente desdenha Destruir-nos. Cada anjo é terrível. E assim me contenho pois, e reprimo o apelo Disponível em : http://www.culturapara.art.br
  • 24. TEXTO 11 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico espécie elegia justificativa versos; tom triste e termo; visão pessimista da existência; sentimentos dolorosos
  • 25. TEXTO 12 exercícios sobre espécies e gêneros literários Um dia, uma Lebre ridicularizou as pernas curtas e a lentidão da Tartaruga. A Tartaruga sorriu e disse: “Pensa você ser rápida como o vento; mas eu a venceria numa corrida.” A Lebre claro, considerou sua afirmação algo impossível de acontecer, e aceitou o desafio na hora. Convidaram então a Raposa, para servir de juiz, escolher o trajeto e o ponto de chegada. E no dia marcado, do ponto inicial, partiram juntos. A Tartaruga, com seu passo lento, mas firme, determinada, concentrada, em momento algum, parou de caminhar rumo ao seu objetivo. Mas a Lebre, confiante de sua velocidade, despreocupada com a corrida, deitou à margem da estrada para um rápido cochilo. Ao despertar, embora corresse o mais rápido que pudesse, não mais conseguiu alcançar a Tartaruga, que já cruzara a linha de chegada, e agora descansava tranquila num canto. Moral da História: Ao trabalhador que realiza seu trabalho com zelo e persistência, sempre o êxito o espera.
  • 26. TEXTO 12 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero épico espécie fábula justificativa elementos da narrativa; brevidade; caráter metafórico; moral da história; personagens: animais
  • 27. QUESTÃO 02 exercícios sobre espécies e gêneros literários Indique, nos textos a seguir, o gênero literário. Justifique sua classificação
  • 28. TEXTO 01 exercícios sobre espécies e gêneros literários Quem fez esta manhã, quem penetrou À noite os labirintos do tesouro, Quem fez esta manhã predestinou Seus temas a paráfrases do touro, A traduções do cisne: fê-la para Abandonar-se a mitos essenciais, Desflorada por ímpetos de rara Metamorfose alada, onde jamais Se exaure o deus que muda, que transvive. Quem fez esta manhã fê-la por ser Um raio a fecundá-la, não por lívida Ausência sem pecado e fê-la ter Em si princípio e fim: ter entre aurora E meio-dia um homem e sua hora. FAUSTINO, Mário. O homem e sua hora. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.
  • 29. TEXTO 01 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico justificativa 14 versos; tom elevado; métrica; rima; grande apuro formal; caráter clássico
  • 30. TEXTO 02 exercícios sobre espécies e gêneros literários João Gostoso era carregador de feira-livre e morava no Morro da Babilônia [num barracão sem número Uma noite ele chegou no bar Vinte de Novembro Bebeu Cantou Dançou Depois se atirou na Lagoa Rodrigo de Freitas e morreu afogado. Disponível em: hptt://manoelneves.com.
  • 31. TEXTO 02 exercícios sobre espécies e gêneros literários gênero lírico; épico; dramático justificativa lírico: versos; métrica [bebeu, cantou, dançou]; estrato óptico épico: elementos da narrativa [personagens, espaço, tempo; enredo] dramático: história trágica [suicídio do protagonista]