SlideShare uma empresa Scribd logo
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




Índice:

Introdução                                              3

Actividades                                             4

Capuchinho Vermelho                                     5

Actividade 1                                            8

Actividade 2                                            9

Actividade 3                                            11

Actividade 4                                            13

Actividade 5                                            14

Actividade 6                                            15

Actividade 7                                            19

Actividade 8                                            24

Actividade 9                                            28

Actividade 10                                           30

Actividade 11                                           36

Anexos                                                  37
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                            O Capuchinho Vermelho




     Antes      da   apresentação    do   nosso   trabalho,   consideramos
pertinentes as palavras que se seguem.
     O nosso grupo está a estagiar na Escola do 1º ciclo do Ensino
Básico na Golegã, numa turma do 2º ano de escolaridade. Esta turma
denomina-se: Os Gatinhos.
     Desta forma, temos vindo desde Outubro a desenvolver um
trabalho no âmbito dos contos tradicionais.
     Por este motivo, a história do Capuchinho Vermelho também já
foi abordada.
     Daí, que muitas das actividades propostas já foram aplicadas
na nossa prática pedagógica, sem falsas modéstias, com sucesso.
     Assim, queremos agradecer à Profª. Júlia Carvalho, às crianças
que já vivem no nosso coração, aos pais que nos autorizaram a
exposição das fotografias e ao Ricardo, que apesar de não pertencer
ao nosso grupo, nesta cadeira, faz parte do grupo de prática
pedagógica, e não se importou que mostrássemos parte do nosso
trabalho.




                                                                        2
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                             Introdução


      As origens do conto perdem-se na noite dos tempos. Venha a
televisão, o cinema, o vídeo e outros, mas nunca apagarão o fascínio
de ouvir um belo conto. E quanto mais antigo, melhor, pois que se
alimentou de múltiplos pormenores, que a boca dos nossos ancestrais
contadores de histórias lhe foram acrescentando.
      Fonte inesgotável de ideias para trabalhar dilemas morais, a
sua riqueza de situações que implicam conflitos de valores
fundamentais como a justiça, a solidariedade ou liberdade, constitui-
se como uma boa estratégia de trabalho, colocando assim os alunos
perante estas situações e tentando esclarecer a sua posição ética em
relação aos problemas.
      Este processo de análise e reflexão irá ajudar a integrar na vida
dos alunos uma maneira de pensar e de actuar, na qual os valores
surjam de forma clara, oferecendo-lhes mecanismos de reflexão,
capazes de serem aplicados em múltiplas ocasiões.
      Através do conto “O Capuchinho Vermelho”, abordaremos a
problemática de alguns valores, sem deixar de perder de vista as
competências, objectivos, necessidades e atenção que todas as
disciplinas merecem. Provando assim, que a formação pessoal e
social se pode desenvolver em uníssono com outras competências,
necessárias     para   o    desenvolvimento      das    aprendizagens,
completando-as de forma global, contribuindo para uma melhor
formação das nossas crianças, trabalhando não só o aspecto
cognitivo, mas também o afectivo, pois que o ser humano é
composto por estas duas vertentes.




                                                                     3
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividades

      Fazendo a correspondência com os dois grandes blocos
programáticos de Língua Portuguesa (comunicação oral e
comunicação escrita), relativos ao segundo ano do 1.º Ciclo do Ensino
Básico, pretende-se que os alunos através das actividades propostas
desenvolvam competências no âmbito da língua materna.

     Por conseguinte, os alunos neste nível de escolaridade deverão:

        Comunicar oralmente por iniciativa própria;
        Descrever imagens;
        Contar histórias existentes e inventadas;
        Participar em grupo na elaboração de histórias;
        Imaginar o desenlace ou desenlaces possíveis de uma
        história;
        Construir histórias a partir de ilustrações;
        Emitir opiniões sobre trabalhos;
        Intervir em diálogos ou debates respeitando a opinião dos
        outros;
        Identificar e caracterizar as personagens num conto;
        Formular perguntas, respostas e avisos;
        Dramatizar cenas vividas ou imaginadas;
        Variar a entoação de uma frase;
        Construir rimas;
        Ouvir ler histórias e manifestar interesse por situações ou
        personagens das mesmas;
        Levantar hipóteses acerca do conteúdo da história a partir
        de ilustrações ou títulos;
        Comparar as hipóteses levantadas com o conteúdo original,
        assinalando as diferenças e semelhanças;
        Elaborar recados e convites;
        Desenvolver o gosto pela escrita por iniciativa própria na
        produção de textos a partir de palavras dadas e imagens
        quer desordenadas;
        Participar em jogos de palavras.

Deste modo, as actividades que se seguem são uma proposta
diversificada e no nosso entender divertida de aprender e conhecer.




                                                                      4
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                         O Capuchinho Vermelho




                         O Capuchinho Vermelho

Era uma vez uma linda menina, que vivia numa bonita aldeia, e a quem
chamavam de Capuchinho Vermelho.
Assim se chamava porque usava, todos os dias, um casaco vermelho com
capuz, feito pela sua querida avó.
Certo dia, a mãe pediu-lhe um
favor:
- Capuchinho, não te importas de
ir até casa da tua avó? Ouvi dizer
que ela está um pouco adoentada.
E queria dar-lhe este pão que
acabei de cozer e algumas das
tortas deliciosas que tu fizeste e
leva também um pote de manteiga
da despensa.
Capuchinho Vermelho obedeceu
imediatamente e lá foi pela
floresta fora
a cantar e a brincar com os seus
amigos pássaros.
De repente, surge-lhe um grande lobo à sua frente...
- Onde é que vais, linda menina?
Como o Capuchinho Vermelho não sabia que era perigoso falar com os lobos,
ela respondeu-lhe:
- Vou até casa da minha avozinha.
Tenho um pão muito fresquinho e alguns
bolos para lhe dar...
- E onde vive a tua avozinha?
- É já ali, a primeira casa depois de
passarmos a floresta.
O lobo pensou durante um bocado e
disse:
- Queres fazer um jogo? Vamos ver
quem é que chega primeiro a casa da
tua avozinha... Tu vais pelo caminho da
esquerda e eu pelo da direita. Queres?
Capuchinho Vermelho pensou que ia ser
divertido e aceitou brincar com o lobo. O
que ela não sabia, é que ele lhe tinha dado o caminho mais comprido e que,
por isso, ela ia chegar muito mais tarde.




                                                                             5
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                           O Capuchinho Vermelho




Enquanto a menina procurava o caminho, o lobo chegou a casa da avó e bateu
à porta.
                           Truz-truz...
                           - Quem é?, perguntou a avozinha.
                           O lobo, muito contente, ria-se... Com a voz mais fina
                           disse:
                           - Sou eu avozinha, o Capuchinho Vermelho. Posso
                           entrar? Tenho um pão, tortas e manteiga para lhe
                           dar...
                           - Sim minha netinha, entra...
                           O lobo entrou e, sem esperar, saltou sobre a
                           avozinha e devorou-a com uma só dentada!
                           De seguida, vestiu o roupa da senhora e meteu-se na
                           cama à espera que o Capuchinho Vermelho
                           chegasse.
E eis que a menina bate à porta...
- Avozinha, sou eu. Tenho aqui uma pequena prenda para si...
Mais uma vez, o lobo tentou mudar a sua voz e disse:
- Claro, minha netinha... Entra à vontade.
O Capuchinho Vermelho entrou. O lobo, que estava escondido debaixo dos
lençóis, ainda lhe disse:
- Trouxeste-me pão e bolos? Que simpática a minha neta... Vem para aqui,
para perto de mim...
E o Capuchinho foi...
- Avozinha, que grandes braços
tu tens!, disse a menina.
E o lobo respondeu:
- São para te abraçar melhor,
minha netinha!
- E que pernas tão grandes!
- São para te apanhar melhor...
- E as tuas orelhas... Que
grandes elas são!
- São para te ouvir melhor,
minha neta.
- Avozinha! E que dentes tão grandes tu tens!
- São para te comer melhor, minha netinha...
E o lobo salta sobre o Capuchinho Vermelho e come-a...
Satisfeito e contente, com uma enorme barriga, o lobo pensou em descansar
um pouco num lugar fresco para digerir melhor o petisco.




                                                                              6
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                          O Capuchinho Vermelho




                             Entretanto, o pai de Capuchinho Vermelho, que
                             era caçador, suspeitou que um lobo andava por
                             ali. Ao passar à beira do rio viu um lobo com uma
                             enorme barriga de papo para o ar, com as costas
                             apoiadas numa árvore e ressonava
                             ruidosamente.

                              Levantando o seu machado, preparava-se para
                             o abater quando ouviu uma voz que parecia
                             chamar, do interior da sua barriga!
                             - Socorro! Socorro! Será que ninguém me tira
                             daqui?

O caçador reconheceu a voz da filha e com o machado abriu a barriga do lobo
e tirou de dentro o Capuchinho Vermelho e a avozinha que ainda estavam
vivas.

O caçador, depois de retirar o Capuchinho Vermelho e a avozinha, encheu a
barriga do lobo com pedras e coseu
cuidadosamente a abertura. Depois, abandonou
o local e o lobo continuou a dormir como se nada
fosse.

Quando acordou, ao pôr-se em pé, voltou a cair
por causa do peso que tinha na barriga.
- O petisco não me caiu lá muito bem! Disse o
lobo.

Cambaleando dirigiu-se para a margem do rio,
pois precisava de beber água para matar a
enorme sede que sentia. Mal mergulhou o
focinho na água, o peso das pedras fê-lo tombar para a frente e mergulhou no
rio, morrendo afogado.

                                     FIM




                                                                               7
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 1

      Os alunos, mediante a apresentação do título, darão a conhecer
as suas impressões e conhecimentos sobre o conto.
      Procurar-se-á um diálogo aberto onde todos possam participar.
      A partir das conclusões de cada aluno será elaborado um texto
num cartaz.




                                                                  8
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 2

      O professor apresenta a versão mais conhecida do conto
através da sua leitura.
      Após a audição da leitura, os alunos irão comparar a versão
original com a por eles construída, assinalando as diferenças e
semelhanças verificadas.
      Anotarão estes dados numa ficha de registo que será distribuída
por grupos de trabalho.




                                                                   9
Estratégias de Trabalho para o Conto:
            O Capuchinho Vermelho




              Ficha de Registo

                Actividade 2


   História Original / História da Turma


Semelhanças                         Diferenças




                                                 10
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 3

      Tendo como base o conto original, será proposto aos alunos
que criem uma nova história adaptada ao nosso tempo.




                                                                   11
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 3

         História do Capuchinho adaptada ao nosso tempo.


               O NOVO CAPUCHINHO VERMELHO


      Estava o Capuchinho a jogar no computador toda contente,
quando a mãe lhe pediu para ir a casa da avó, que estava doente,
levar-lhe um cesto com comida. Para sermos francos, a menina ficou
um pouco aborrecida. Mas como era educada e amiga da avó, calçou
os patins e pôs-se a caminho.
      Quando chegou a meio viu o Lobo, que já conhece a história e
sabe o que tem a fazer.
      Quando o Capuchinho Vermelho chegou a casa da avó,
percebeu logo que era o Lobo que estava na cama.
      Fingiu que não percebeu, e fez-lhe as perguntas do costume, só
para disfarçar.
      Entretanto pegou no telemóvel que estava escondido no cesto e
ligou para o Avô Adolfo... porque o avô Gil estava na EXPO.
O Avô Adolfo veio logo a correr com a espingarda, e quando viu
aquela barriga enorme do Lobo, lembrou-se da história e matou-o
logo, salvando assim o Capuchinho Vermelho e a Avó.

P.S.- Isto é só uma história, porque não se devem matar os
lobos e eles não comem pessoas.




                                                                 12
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




                           Actividade 4

     Após a audição do conto, os alunos, em grupo, tentarão
encontrar outros finais para a história.
     Posteriormente confrontar-se-ão os vários desenlaces,
procurando que o porta-voz de cada grupo justifique o porquê da
daquele final.




                                                                  13
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 5

Através da observação de imagens alusivas ao conto, os alunos irão
descrever, primeiro oralmente e depois por escrito, o que nelas se
passa. Poderão eventualmente colorir essas mesmas imagens.




                                                                 14
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 6

                        História Desordenada

      Assim, matou o lobo e salvou a avozinha.
      Neste instante, entra o Capuchinho e juntos comeram os
bolinhos.
      Ao dizer-lhe que a avó estava doente, o senhor José resolveu
acompanhar o Capuchinho.
      A menina, inocentemente disse-lhe que ia a casa da sua
avozinha que estava doente.
      Quando se apercebeu que tinha desobedecido à mãe ficou
apavorada.
      No entanto, já estava a meio do caminho e decidiu não voltar
para trás.
      Era uma vez uma linda menina que vivia com a mãe numa linda
e aconchegante casa, que se chamava Capuchinho Vermelho.
      Antes de ir, a mãe avisou-a para não ir pela floresta.
      Ia muito contente, quando de repente lhe surgiu um lobo detrás
de uma árvore.
      A partir deste dia, o Capuchinho Vermelho passou a ser muito
mais atento e obedeceu sempre à sua mãe.
      Mal se aproximaram, repararam que a porta estava aberta e o
caçador disse ao capuchinho para esperar, percebendo de imediato o
que se tinha passado.
      Nela viviam animais muito perigosos, principalmente o lobo.
      Um certo dia a mãe pediu-lhe que fosse levar uns bolinhos à
avó, pois estava muito doente.



                                                                     15
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                         O Capuchinho Vermelho




           Actividade 6 – Continuação da História Desordenada


     A avó, pensando que era a sua netinha abriu a porta e o lobo
de imediato a engoliu.
     A mãe era muito amiga e a filha retribuía essa amizade e
carinho.
     Logo que chegou a casa da avó, bateu à porta e com uma voz
fininha disse ser o Capuchinho.
     Mas, o Capuchinho Vermelho era muito distraído e ao ouvir os
passarinhos cantar seguiu-os até à floresta.
     O lobo esperto foi por um atalho e chegou primeiro que o
Capuchinho.
     A menina foi com muito agrado, uma vez que gostava muito da
avozinha e não cria que ela estivesse doente.
     Quando o Capuchinho ia a chegar encontrou o caçador amigo
da sua mãe, o senhor José.
     Assim, chegando-se perto do Capuchinho Vermelho com ar
malicioso, perguntou-lhe o que fazia por aquelas paragens.




                                                                    16
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                           O Capuchinho Vermelho




                               Actividade 6

               Solução para a História Desordenada


      Era uma vez uma linda menina que vivia com a mãe numa linda
e aconchegante casa, que se chamava Capuchinho Vermelho.
      A mãe era muito amiga e a filha retribuía essa amizade e
carinho.
      Um certo dia a mãe pediu-lhe que fosse levar uns bolinhos à
avó, pois esta estava muito doente.
      A menina foi com muito agrado, uma vez que gostava muito da
avozinha e não queria que ela estivesse doente.
      Antes de ir, a mãe avisou-a para não ir pela floresta. Nela
viviam animais muito perigosos, principalmente o lobo.
      Mas, o Capuchinho Vermelho era muito distraído e ao ouvir os
passarinhos cantar seguiu-os até à floresta.
      Quando se apercebeu que tinha desobedecido à mãe ficou
apavorada. No entanto, já estava a meio do caminho e decidiu não
voltar para trás.
      Ia muito contente, quando de repente lhe surgiu um lobo detrás
de uma árvore. Assim, chegando-se perto do Capuchinho Vermelho
com ar malicioso, perguntou-lhe o que fazia por aquelas paragens.
      A menina, inocentemente disse-lhe que ia a casa da sua
avozinha que estava doente.
      O lobo esperto foi por um atalho e chegou primeiro que o
Capuchinho.




                                                                    17
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




            Actividade 6 – Continuação da Solução para a
                          História Desordenada


     Logo que chegou a casa da avó, bateu à porta e com uma voz
fininha disse ser o Capuchinho.
     A avó, pensando que era a sua netinha abriu a porta e o lobo
de imediato a engoliu.
     Quando o Capuchinho ia a chegar encontrou um caçador amigo
da sua mãe, o senhor José.
     Ao dizer-lhe que a sua avó estava doente, o senhor José
resolveu acompanhar o Capuchinho.
     Mal se aproximaram, repararam que a porta estava aberta e o
caçador disse ao Capuchinho para esperar, percebendo de imediato o
que se tinha passado.
     Assim, matou o lobo e salvou a avozinha. Neste instante, entra
o Capuchinho e juntos comeram os bolinhos.
     A partir deste dia o Capuchinho Vermelho passou a ser muito
mais atento e obedeceu sempre à sua mãe.




                                                                   18
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




                           Actividade 7

Em grupo, os alunos farão a descrição das personagens (cada grupo
ficará responsável por uma). Posteriormente irão elaborar uma rima
que esteja de acordo com a personagem trabalhada.




           Capuchinho Vermelho                      Lobo




                  Avó                               Caçador




                                                                 19
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                 O Capuchinho Vermelho




            Ficha de Registo – Grupo __

                      Actividade 7


Caracterização da Personagem – Capuchinho Vermelho

       Imagem                          Características




        Rima:




                                                         20
Estratégias de Trabalho para o Conto:
          O Capuchinho Vermelho




     Ficha de Registo – Grupo __

               Actividade 7


Caracterização da Personagem – Lobo

Imagem                          Características




Rima:




                                                  21
Estratégias de Trabalho para o Conto:
          O Capuchinho Vermelho




     Ficha de Registo – Grupo __

               Actividade 7


Caracterização da Personagem – Avó

Imagem                          Características




Rima:




                                                  22
Estratégias de Trabalho para o Conto:
           O Capuchinho Vermelho




      Ficha de Registo – Grupo __

                Actividade 7


Caracterização da Personagem – Caçador

Imagem                           Características




 Rima:




                                                   23
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                                 Actividade 8

Os alunos irão realizar uma ficha de trabalho.

   1. Responde às questões de forma a completares as palavras
      cruzadas.

                                                                5
                                          4       7
                                  1
                                      6
                             2


   3




   Palavras na Horizontal:

           1. O que vestia a menina?

           2. Onde viu a menina o lobo?

           3. De que cor é o capuz do capuchinho?


   Palavras na Vertical:

           4. Quem ia visitar o Capuchinho?

           5. O que levava o Capuchinho no cesto?

           6. Qual o animal que o Capuchinho encontrou?

           7. Onde levava o Capuchinho os bolinhos?




                                                                24
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




                           Actividade 8

                       Continuação da Ficha


2. Descobre as palavras escondidas na Sopa de Letras:


            A     O    Z    N    I    P    D    L       C
            V     E    R    M    E    L    H    O       D
            A     E    C    A    S    A    I    B       H
            H     L    A    E    H    U    J    O       A
            P     Q    P    R    Q    S    T    U       B
            O     A    U    V    X    Z    A    H       L
            L     C    C    A    Ç    A    D    O       R
            B     D    H    I    Q    P    N    M       O
            G     H    I    L    Z    X    I    T       P
            L     F    N    E    T    A    P    D       T
            F     L    H    S    G    L    A    C       D
            F     L    O    R    E    S    T    A       P


3. Coloca as letras em ordem de maneira a formarem as palavras
   correctas.

         vóa

     etalofstr

       blsoo

        oblo

        saac

      evorárs




                                                            25
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




                              Actividade 8

                 Solução da ficha de trabalho.

1. Responde às questões de forma a completares as palavras
   cruzadas.

                                                                        5
                                       4           7                    B
                               1   C   A   P   U   C    H   I   N   H   O
                                   6   V           E                    L
                          2    F   L   O   R   E   S    T   A           O
                                   O               T                    S
                                   B               O
3   V   E   R   M    E    L    H   O




Palavras na Horizontal:

1.O que vestia a menina?

2. Onde viu a menina o lobo?

3. De que cor é o capuz do capuchinho?


Palavras na Vertical:

4. Quem ia visitar o Capuchinho?

5. O que levava o Capuchinho no cesto?

6. Qual o animal que o Capuchinho encontrou?

7. Onde levava o Capuchinho os bolinhos?




                                                                        26
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 8

                           Solução da Ficha


4. Descobre as palavras escondidas na Sopa de Letras:


            A     O    Z     N    I   P       D    L      C
            V     E    R     M    E   L       H    O      D
            A     E    C     A    S   A       I    B      H
            H     L    A     E    H   U       J    O      A
            P     Q    P     R    Q   S       T    U      B
            O     A    U     V    X   Z       A    H      L
            L     C    C     A    Ç   A       D    O      R
            B     D    H     I    Q   P       N    M      O
            G     H    I     L    Z   X       I    T      P
            L     F    N     E    T   A       P    D      T
            F     L    H     S    G   L       A    C      D
            F     L    O     R    E   S       T    A      P


5. Coloca as letras em ordem de maneira a formarem as palavras
   correctas.

         vóa                                        Avó

     etalofstr                                    Floresta

       blsoo                                       Bolos

        oblo                                       Lobo

        saac                                       Casa

      evorárs                                     Árvores




                                                              27
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                       O Capuchinho Vermelho




                           Actividade 9

      Os alunos, irão construir uma Banda Desenhada que ilustre o
conto.
      Estas serão encadernadas e farão a partir desse dia parte do
espólio da Biblioteca da escola.




                                                               28
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                 O Capuchinho Vermelho




                     Actividade 9

Exemplo de uma B.D. realizada por um dos alunos.




                                                   29
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                        O Capuchinho Vermelho




                           Actividade 10

      Os alunos adaptarão o conto para uma peça de teatro para ser
representada na Festa de Natal da escola. Para tal terão de adaptar a
dramatização do texto á época natalícia.
      Entre eles discutirão quem representará os papéis.
      Após a escolha dos principais intervenientes, elaborarão as suas
próprias roupas.
      Proceder-se-á depois à construção do cenário.
      Para que todos os elementos da turma possam intervir na peça
farão parte do cenário: árvores, coelhos e flores.
      Assim, os restantes membros da turma dividir-se-ão por alturas
e formarão grupos de trabalho. Temos, deste modo, o grupo das
árvores, dos coelhos e das flores.
      Será também elaborada na turma a letra de uma canção
(adaptada à música “Hino da Alegria”) para todos cantarem no final
da peça.
      Nesta peça, os pais poderão contribuir com a sua ajuda. Para
este efeito, os alunos elaborarão um recado bem como um convite
para os pais colaborarem e assistirem à peça.




                                                                   30
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                          O Capuchinho Vermelho




                                 Actividade 10

          Texto final da adaptação da peça e letra da canção.

                        Natal do Capuchinho

                                  I Acto

Capuchinho – (cantando e saltitando):

                             Pela estrada fora
                            Eu vou bem sozinha
                             Levar estes bolos
                             À minha avozinha.

                              Ela mora longe
                           E o caminho é deserto
                                E o lobo mau
                           Passeia aqui por perto.

Lobo – (aparecendo detrás duma árvore).
                            Eu sou o lobo mau
                           Lobo mau, lobo mau
                          Eu como as criancinhas
                  (abre muito a boca para o capuchinho).

Capuchinho – (quase a chorar)
                     Ai, ai! Ó lobo não me faças mal!

Carteiro – (que vem a correr)
                  Lobo! Ó lobo! Trago um telegrama para ti.
                       (Entrega o telegrama ao lobo).

Lobo – (Abre o telegrama e lê alto)
                                  Telegrama:
                                 Senhor Lobo:
                    É Natal! Não faça mal ao capuchinho.
                     Assinado: Meninos de todo o mundo.

Capuchinho –
           Então queres ser meu amigo? (e dá a mão ao lobo).


                                                                31
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                          O Capuchinho Vermelho




                   Actividade 10 – Continuação da peça

Lobo –
                                 Quero, pois!

Capuchinho –
               Vamos os dois levar os bolos à minha avozinha.

                      (Saem a saltitar e de mãos dadas)


                                  II Acto

Estão todos sentados à mesa:

Lobo –
                Mas porquê? Porquê este final para a história?
                Costumam sempre matar-me! Estou admirado!

Capuchinho –
  Olha lobo, eu explico-te. Estamos no Natal. É a festa do Amor entre todos.

Lobo –
         Natal! Muito me contas! Deve ser mesmo uma grande festa!

Avozinha –
  E porque é festa, aqui estão uns bolinhos, doces e guloseimas que eu fiz.
                        Provem! Comam à vontade...

Lobo –
 Será que eu vou gostar? É bem diferente da comida que eu conheço. (pega
                             num rebuçado)

Carteiro –
               Alto lá, lobo! O rebuçado come-se sem o papel.

                                 (Todos riem)

Lobo – (Pegando num chocolate)
                       E isto? É madeira, não é?

Avozinha –
                                Prova e verás!

                                                                              32
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                          O Capuchinho Vermelho




                Actividade 10 – Continuação da peça

(ouvem-se sinos e canções de Natal, o lobo assustado quer fugir.)


Capuchinho –
  Calma, lobo amigo! São os meus colegas da aula que te querem conhecer.


-   Aparecem crianças, cantando e tocando; todos de mãos dadas, cantam e
    tocam a Canção de Natal :


                          Canção de Natal

                             Na nossa turma
                           Festejamos o Natal,
                              Com amizade
                            E muita animação!

                             Somos amigos!
                           Queremos a paz,
                          Muito amor e alegria.

                              Neste Natal
                        Os gatinhos vão encantar!




Nota: As fotografias da Festa de Natal serão apresentadas em anexo.




                                                                       33
Estratégias de Trabalho para o Conto:
           O Capuchinho Vermelho




                 Actividade 10

                      Convite



                           Convite:


Queridos pais, vimos por este modo convidá-los a assistir á
nossa peça de teatro “O Capuchinho Vermelho” que se
realizará na nossa escola no dia 16 de janeiro pelas 18h.
Gostávamos muito que viessem .

                                       Assinado:

                                A turma dos gatinhos




                                                              34
Estratégias de Trabalho para o Conto:
            O Capuchinho Vermelho




                 Actividade 10

                      Recado



                  Pedido de colaboração


       Vimos por este modo pedir a colaboração dos pais para
uma peça de teatro que pensamos apresentar em breve.
       A ajuda pode ser de diversas formas, consoante a
disponibilidade.
       Por este motivo pede-se que compareçam na escola para
conversar com a nossa professora.


                                      Assinado:

                                A turma dos gatinhos




                                                               35
Estratégias de Trabalho para o Conto:
                         O Capuchinho Vermelho




                            Actividade 11

      Realização de um debate onde serão previamente estabelecidas
regras de intervenção.
      A partir de ideias lançadas pelo professor, (comportamento do
Capuchinho, respeito pelo meio ambiente e vida animal) os alunos
irão reflectir e expor as suas opiniões.
      Neste debate, os alunos irão apresentar as suas opiniões sobre
as actividades realizadas.




        Regras de Intervenção            Temas em Debate



             Levantar o dedo para          Comportamento das
              intervir;                      personagens do
             Falar um de cada               Conto;
              vez;                          Respeito pelo Meio-
             Respeitar a opinião            Ambiente;
              do colega;                    Vida Animal;
             ...                           Auto-avaliação.




                                                                   36
Estratégias de Trabalho para o Conto:
       O Capuchinho Vermelho




        ANEXOS
Estratégias de Trabalho para o Conto:
       O Capuchinho Vermelho




Fotografias da Peça de Teatro
Estratégias de Trabalho para o Conto:
       O Capuchinho Vermelho




Fotografias da Peça de Teatro
Estratégias de Trabalho para o Conto:
       O Capuchinho Vermelho




Fotografias da Peça de Teatro

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A cigarra e a formiga
A cigarra e a formigaA cigarra e a formiga
A cigarra e a formiga
bjcp
 
Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António Torrado
Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António TorradoSerafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António Torrado
Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António Torrado
Fernanda Sousa
 
Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho
Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho
Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho
lidiacosta
 
Natal conto melhor-natal-de-sempre
Natal conto melhor-natal-de-sempreNatal conto melhor-natal-de-sempre
Natal conto melhor-natal-de-sempre
Marisol Santos
 
A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil
A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil
A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil
Paula Naranjo
 
Natal, história
Natal, históriaNatal, história
Natal, história
Paula Morgado
 
A pequena sereia
A pequena sereiaA pequena sereia
A pequena sereia
NMBQ
 
Os sapatos do pai natal[1]
Os sapatos do pai natal[1]Os sapatos do pai natal[1]
Os sapatos do pai natal[1]
joana1900
 
Ciclo do azeite
Ciclo do azeiteCiclo do azeite
Ciclo do azeite
Isa Crowe
 
Branca de Neve
Branca de NeveBranca de Neve
Branca de Neve
ValderiVini
 
A MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDO
A MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDOA MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDO
A MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDO
milperolas
 
A magia da estrela do outono
A magia da estrela do outonoA magia da estrela do outono
A magia da estrela do outono
Carla Ferreira
 
Corpo humano e_casa
Corpo humano e_casaCorpo humano e_casa
Corpo humano e_casa
Acilu
 
Carlota barbosa a bruxa medrosa
Carlota barbosa a bruxa medrosa Carlota barbosa a bruxa medrosa
Carlota barbosa a bruxa medrosa
Lara Gonçalves
 
Historia ouriço mal_ penteado
Historia ouriço mal_ penteadoHistoria ouriço mal_ penteado
Historia ouriço mal_ penteado
Natalia Pina
 
A Horta Do Sr Lobo
A Horta Do Sr LoboA Horta Do Sr Lobo
A Horta Do Sr Lobo
Luzia Couto
 

Mais procurados (20)

A cigarra e a formiga
A cigarra e a formigaA cigarra e a formiga
A cigarra e a formiga
 
Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António Torrado
Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António TorradoSerafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António Torrado
Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama de António Torrado
 
Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho
Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho
Os ovos misteriosos -Ficha de trabalho
 
Natal conto melhor-natal-de-sempre
Natal conto melhor-natal-de-sempreNatal conto melhor-natal-de-sempre
Natal conto melhor-natal-de-sempre
 
A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil
A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil
A bruxa apaixonada e o lobo fujão- Literatura infantil
 
Natal, história
Natal, históriaNatal, história
Natal, história
 
A pequena sereia
A pequena sereiaA pequena sereia
A pequena sereia
 
Os sapatos do pai natal[1]
Os sapatos do pai natal[1]Os sapatos do pai natal[1]
Os sapatos do pai natal[1]
 
Ciclo do azeite
Ciclo do azeiteCiclo do azeite
Ciclo do azeite
 
A raposa e as uvas
A raposa e as uvasA raposa e as uvas
A raposa e as uvas
 
Branca de Neve
Branca de NeveBranca de Neve
Branca de Neve
 
Eu e o meu pai
Eu e o meu paiEu e o meu pai
Eu e o meu pai
 
A MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDO
A MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDOA MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDO
A MINHA MÃE É A MELHOR MÃE DO MUNDO
 
A magia da estrela do outono
A magia da estrela do outonoA magia da estrela do outono
A magia da estrela do outono
 
Corpo humano e_casa
Corpo humano e_casaCorpo humano e_casa
Corpo humano e_casa
 
Carlota barbosa a bruxa medrosa
Carlota barbosa a bruxa medrosa Carlota barbosa a bruxa medrosa
Carlota barbosa a bruxa medrosa
 
Historia ouriço mal_ penteado
Historia ouriço mal_ penteadoHistoria ouriço mal_ penteado
Historia ouriço mal_ penteado
 
A Horta Do Sr Lobo
A Horta Do Sr LoboA Horta Do Sr Lobo
A Horta Do Sr Lobo
 
O lobo e os sete cabritinhos
O lobo e os sete cabritinhosO lobo e os sete cabritinhos
O lobo e os sete cabritinhos
 
Eu E O Meu Papá
Eu E O Meu PapáEu E O Meu Papá
Eu E O Meu Papá
 

Semelhante a Estratégias capuchinho

Plano de aula interdisciplinar
Plano de aula  interdisciplinarPlano de aula  interdisciplinar
Plano de aula interdisciplinar
ANA MARIA DE PAULA E SILVA
 
Atps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficialAtps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficial
Regina Gidzinski
 
Slaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escolaSlaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escola
anaparecidaraca
 
Portfolio Virtual G2-Manhã
Portfolio Virtual G2-ManhãPortfolio Virtual G2-Manhã
Portfolio Virtual G2-Manhã
EscolaPedrita
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
VPS1
 
Portifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tardePortifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tarde
EscolaPedrita
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
WebquestWebquest
O capuchinho vermelho
O capuchinho vermelhoO capuchinho vermelho
O capuchinho vermelho
paulasalvador
 
Sequência chapeuzinho vermelho
Sequência chapeuzinho vermelhoSequência chapeuzinho vermelho
Sequência chapeuzinho vermelho
Katia Teixeira Dos Santos
 
Chapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelhoChapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelho
chikete
 
Camisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumond
Camisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumondCamisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumond
Camisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumond
SimoneHelenDrumond
 
Portfolio Virtual G2-Tarde
Portfolio Virtual G2-TardePortfolio Virtual G2-Tarde
Portfolio Virtual G2-Tarde
EscolaPedrita
 
Apresentação3
Apresentação3Apresentação3
Apresentação3
Rosalva Aparecida Costa
 
Portifólio virtual g2 manhã
Portifólio virtual g2 manhãPortifólio virtual g2 manhã
Portifólio virtual g2 manhã
EscolaPedrita
 
5 -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]
5  -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]5  -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]
5 -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]
CarlaRizzotto1
 
Unid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialucia
Unid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialuciaUnid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialucia
Unid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialucia
Maria Lúcia de Souza
 
A menina do chapelinho vermelho
 A menina do chapelinho vermelho A menina do chapelinho vermelho
A menina do chapelinho vermelho
Maria Manuela Torres Paredes
 
Apostila salvador site
Apostila salvador siteApostila salvador site
Apostila salvador site
Rosi Dias
 
Portifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tardePortifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tarde
EscolaPedrita
 

Semelhante a Estratégias capuchinho (20)

Plano de aula interdisciplinar
Plano de aula  interdisciplinarPlano de aula  interdisciplinar
Plano de aula interdisciplinar
 
Atps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficialAtps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficial
 
Slaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escolaSlaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escola
 
Portfolio Virtual G2-Manhã
Portfolio Virtual G2-ManhãPortfolio Virtual G2-Manhã
Portfolio Virtual G2-Manhã
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
 
Portifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tardePortifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tarde
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
 
O capuchinho vermelho
O capuchinho vermelhoO capuchinho vermelho
O capuchinho vermelho
 
Sequência chapeuzinho vermelho
Sequência chapeuzinho vermelhoSequência chapeuzinho vermelho
Sequência chapeuzinho vermelho
 
Chapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelhoChapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelho
 
Camisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumond
Camisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumondCamisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumond
Camisas para ler e escrever (dia dos pais) por simone helen drumond
 
Portfolio Virtual G2-Tarde
Portfolio Virtual G2-TardePortfolio Virtual G2-Tarde
Portfolio Virtual G2-Tarde
 
Apresentação3
Apresentação3Apresentação3
Apresentação3
 
Portifólio virtual g2 manhã
Portifólio virtual g2 manhãPortifólio virtual g2 manhã
Portifólio virtual g2 manhã
 
5 -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]
5  -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]5  -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]
5 -slides_sobre_problemas_da_familia_gorgomzola_criancas[1]
 
Unid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialucia
Unid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialuciaUnid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialucia
Unid3 ativ auladigital_portaldoprofessor_marialucia
 
A menina do chapelinho vermelho
 A menina do chapelinho vermelho A menina do chapelinho vermelho
A menina do chapelinho vermelho
 
Apostila salvador site
Apostila salvador siteApostila salvador site
Apostila salvador site
 
Portifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tardePortifólio virtual g2 tarde
Portifólio virtual g2 tarde
 

Mais de prof pirata

Ficha lp 1-2_25_abril
Ficha lp 1-2_25_abrilFicha lp 1-2_25_abril
Ficha lp 1-2_25_abril
prof pirata
 
Rios e serras de portugal
Rios e serras de portugalRios e serras de portugal
Rios e serras de portugal
prof pirata
 
Tangram soluções
Tangram soluçõesTangram soluções
Tangram soluções
prof pirata
 
Tangram soluções
Tangram soluçõesTangram soluções
Tangram soluções
prof pirata
 
Tangram
TangramTangram
Tangram
prof pirata
 
Tangram soluções
Tangram soluçõesTangram soluções
Tangram soluções
prof pirata
 
Tangram
TangramTangram
Tangram
prof pirata
 
Poema para a mãe
Poema para a mãePoema para a mãe
Poema para a mãe
prof pirata
 
Cartão para o dia da mãe
Cartão para o dia da mãeCartão para o dia da mãe
Cartão para o dia da mãe
prof pirata
 
25 de-abril-poemas
25 de-abril-poemas25 de-abril-poemas
25 de-abril-poemas
prof pirata
 

Mais de prof pirata (10)

Ficha lp 1-2_25_abril
Ficha lp 1-2_25_abrilFicha lp 1-2_25_abril
Ficha lp 1-2_25_abril
 
Rios e serras de portugal
Rios e serras de portugalRios e serras de portugal
Rios e serras de portugal
 
Tangram soluções
Tangram soluçõesTangram soluções
Tangram soluções
 
Tangram soluções
Tangram soluçõesTangram soluções
Tangram soluções
 
Tangram
TangramTangram
Tangram
 
Tangram soluções
Tangram soluçõesTangram soluções
Tangram soluções
 
Tangram
TangramTangram
Tangram
 
Poema para a mãe
Poema para a mãePoema para a mãe
Poema para a mãe
 
Cartão para o dia da mãe
Cartão para o dia da mãeCartão para o dia da mãe
Cartão para o dia da mãe
 
25 de-abril-poemas
25 de-abril-poemas25 de-abril-poemas
25 de-abril-poemas
 

Último

EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 

Estratégias capuchinho

  • 1. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Índice: Introdução 3 Actividades 4 Capuchinho Vermelho 5 Actividade 1 8 Actividade 2 9 Actividade 3 11 Actividade 4 13 Actividade 5 14 Actividade 6 15 Actividade 7 19 Actividade 8 24 Actividade 9 28 Actividade 10 30 Actividade 11 36 Anexos 37
  • 2. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Antes da apresentação do nosso trabalho, consideramos pertinentes as palavras que se seguem. O nosso grupo está a estagiar na Escola do 1º ciclo do Ensino Básico na Golegã, numa turma do 2º ano de escolaridade. Esta turma denomina-se: Os Gatinhos. Desta forma, temos vindo desde Outubro a desenvolver um trabalho no âmbito dos contos tradicionais. Por este motivo, a história do Capuchinho Vermelho também já foi abordada. Daí, que muitas das actividades propostas já foram aplicadas na nossa prática pedagógica, sem falsas modéstias, com sucesso. Assim, queremos agradecer à Profª. Júlia Carvalho, às crianças que já vivem no nosso coração, aos pais que nos autorizaram a exposição das fotografias e ao Ricardo, que apesar de não pertencer ao nosso grupo, nesta cadeira, faz parte do grupo de prática pedagógica, e não se importou que mostrássemos parte do nosso trabalho. 2
  • 3. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Introdução As origens do conto perdem-se na noite dos tempos. Venha a televisão, o cinema, o vídeo e outros, mas nunca apagarão o fascínio de ouvir um belo conto. E quanto mais antigo, melhor, pois que se alimentou de múltiplos pormenores, que a boca dos nossos ancestrais contadores de histórias lhe foram acrescentando. Fonte inesgotável de ideias para trabalhar dilemas morais, a sua riqueza de situações que implicam conflitos de valores fundamentais como a justiça, a solidariedade ou liberdade, constitui- se como uma boa estratégia de trabalho, colocando assim os alunos perante estas situações e tentando esclarecer a sua posição ética em relação aos problemas. Este processo de análise e reflexão irá ajudar a integrar na vida dos alunos uma maneira de pensar e de actuar, na qual os valores surjam de forma clara, oferecendo-lhes mecanismos de reflexão, capazes de serem aplicados em múltiplas ocasiões. Através do conto “O Capuchinho Vermelho”, abordaremos a problemática de alguns valores, sem deixar de perder de vista as competências, objectivos, necessidades e atenção que todas as disciplinas merecem. Provando assim, que a formação pessoal e social se pode desenvolver em uníssono com outras competências, necessárias para o desenvolvimento das aprendizagens, completando-as de forma global, contribuindo para uma melhor formação das nossas crianças, trabalhando não só o aspecto cognitivo, mas também o afectivo, pois que o ser humano é composto por estas duas vertentes. 3
  • 4. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividades Fazendo a correspondência com os dois grandes blocos programáticos de Língua Portuguesa (comunicação oral e comunicação escrita), relativos ao segundo ano do 1.º Ciclo do Ensino Básico, pretende-se que os alunos através das actividades propostas desenvolvam competências no âmbito da língua materna. Por conseguinte, os alunos neste nível de escolaridade deverão: Comunicar oralmente por iniciativa própria; Descrever imagens; Contar histórias existentes e inventadas; Participar em grupo na elaboração de histórias; Imaginar o desenlace ou desenlaces possíveis de uma história; Construir histórias a partir de ilustrações; Emitir opiniões sobre trabalhos; Intervir em diálogos ou debates respeitando a opinião dos outros; Identificar e caracterizar as personagens num conto; Formular perguntas, respostas e avisos; Dramatizar cenas vividas ou imaginadas; Variar a entoação de uma frase; Construir rimas; Ouvir ler histórias e manifestar interesse por situações ou personagens das mesmas; Levantar hipóteses acerca do conteúdo da história a partir de ilustrações ou títulos; Comparar as hipóteses levantadas com o conteúdo original, assinalando as diferenças e semelhanças; Elaborar recados e convites; Desenvolver o gosto pela escrita por iniciativa própria na produção de textos a partir de palavras dadas e imagens quer desordenadas; Participar em jogos de palavras. Deste modo, as actividades que se seguem são uma proposta diversificada e no nosso entender divertida de aprender e conhecer. 4
  • 5. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho O Capuchinho Vermelho Era uma vez uma linda menina, que vivia numa bonita aldeia, e a quem chamavam de Capuchinho Vermelho. Assim se chamava porque usava, todos os dias, um casaco vermelho com capuz, feito pela sua querida avó. Certo dia, a mãe pediu-lhe um favor: - Capuchinho, não te importas de ir até casa da tua avó? Ouvi dizer que ela está um pouco adoentada. E queria dar-lhe este pão que acabei de cozer e algumas das tortas deliciosas que tu fizeste e leva também um pote de manteiga da despensa. Capuchinho Vermelho obedeceu imediatamente e lá foi pela floresta fora a cantar e a brincar com os seus amigos pássaros. De repente, surge-lhe um grande lobo à sua frente... - Onde é que vais, linda menina? Como o Capuchinho Vermelho não sabia que era perigoso falar com os lobos, ela respondeu-lhe: - Vou até casa da minha avozinha. Tenho um pão muito fresquinho e alguns bolos para lhe dar... - E onde vive a tua avozinha? - É já ali, a primeira casa depois de passarmos a floresta. O lobo pensou durante um bocado e disse: - Queres fazer um jogo? Vamos ver quem é que chega primeiro a casa da tua avozinha... Tu vais pelo caminho da esquerda e eu pelo da direita. Queres? Capuchinho Vermelho pensou que ia ser divertido e aceitou brincar com o lobo. O que ela não sabia, é que ele lhe tinha dado o caminho mais comprido e que, por isso, ela ia chegar muito mais tarde. 5
  • 6. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Enquanto a menina procurava o caminho, o lobo chegou a casa da avó e bateu à porta. Truz-truz... - Quem é?, perguntou a avozinha. O lobo, muito contente, ria-se... Com a voz mais fina disse: - Sou eu avozinha, o Capuchinho Vermelho. Posso entrar? Tenho um pão, tortas e manteiga para lhe dar... - Sim minha netinha, entra... O lobo entrou e, sem esperar, saltou sobre a avozinha e devorou-a com uma só dentada! De seguida, vestiu o roupa da senhora e meteu-se na cama à espera que o Capuchinho Vermelho chegasse. E eis que a menina bate à porta... - Avozinha, sou eu. Tenho aqui uma pequena prenda para si... Mais uma vez, o lobo tentou mudar a sua voz e disse: - Claro, minha netinha... Entra à vontade. O Capuchinho Vermelho entrou. O lobo, que estava escondido debaixo dos lençóis, ainda lhe disse: - Trouxeste-me pão e bolos? Que simpática a minha neta... Vem para aqui, para perto de mim... E o Capuchinho foi... - Avozinha, que grandes braços tu tens!, disse a menina. E o lobo respondeu: - São para te abraçar melhor, minha netinha! - E que pernas tão grandes! - São para te apanhar melhor... - E as tuas orelhas... Que grandes elas são! - São para te ouvir melhor, minha neta. - Avozinha! E que dentes tão grandes tu tens! - São para te comer melhor, minha netinha... E o lobo salta sobre o Capuchinho Vermelho e come-a... Satisfeito e contente, com uma enorme barriga, o lobo pensou em descansar um pouco num lugar fresco para digerir melhor o petisco. 6
  • 7. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Entretanto, o pai de Capuchinho Vermelho, que era caçador, suspeitou que um lobo andava por ali. Ao passar à beira do rio viu um lobo com uma enorme barriga de papo para o ar, com as costas apoiadas numa árvore e ressonava ruidosamente. Levantando o seu machado, preparava-se para o abater quando ouviu uma voz que parecia chamar, do interior da sua barriga! - Socorro! Socorro! Será que ninguém me tira daqui? O caçador reconheceu a voz da filha e com o machado abriu a barriga do lobo e tirou de dentro o Capuchinho Vermelho e a avozinha que ainda estavam vivas. O caçador, depois de retirar o Capuchinho Vermelho e a avozinha, encheu a barriga do lobo com pedras e coseu cuidadosamente a abertura. Depois, abandonou o local e o lobo continuou a dormir como se nada fosse. Quando acordou, ao pôr-se em pé, voltou a cair por causa do peso que tinha na barriga. - O petisco não me caiu lá muito bem! Disse o lobo. Cambaleando dirigiu-se para a margem do rio, pois precisava de beber água para matar a enorme sede que sentia. Mal mergulhou o focinho na água, o peso das pedras fê-lo tombar para a frente e mergulhou no rio, morrendo afogado. FIM 7
  • 8. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 1 Os alunos, mediante a apresentação do título, darão a conhecer as suas impressões e conhecimentos sobre o conto. Procurar-se-á um diálogo aberto onde todos possam participar. A partir das conclusões de cada aluno será elaborado um texto num cartaz. 8
  • 9. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 2 O professor apresenta a versão mais conhecida do conto através da sua leitura. Após a audição da leitura, os alunos irão comparar a versão original com a por eles construída, assinalando as diferenças e semelhanças verificadas. Anotarão estes dados numa ficha de registo que será distribuída por grupos de trabalho. 9
  • 10. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Ficha de Registo Actividade 2 História Original / História da Turma Semelhanças Diferenças 10
  • 11. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 3 Tendo como base o conto original, será proposto aos alunos que criem uma nova história adaptada ao nosso tempo. 11
  • 12. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 3 História do Capuchinho adaptada ao nosso tempo. O NOVO CAPUCHINHO VERMELHO Estava o Capuchinho a jogar no computador toda contente, quando a mãe lhe pediu para ir a casa da avó, que estava doente, levar-lhe um cesto com comida. Para sermos francos, a menina ficou um pouco aborrecida. Mas como era educada e amiga da avó, calçou os patins e pôs-se a caminho. Quando chegou a meio viu o Lobo, que já conhece a história e sabe o que tem a fazer. Quando o Capuchinho Vermelho chegou a casa da avó, percebeu logo que era o Lobo que estava na cama. Fingiu que não percebeu, e fez-lhe as perguntas do costume, só para disfarçar. Entretanto pegou no telemóvel que estava escondido no cesto e ligou para o Avô Adolfo... porque o avô Gil estava na EXPO. O Avô Adolfo veio logo a correr com a espingarda, e quando viu aquela barriga enorme do Lobo, lembrou-se da história e matou-o logo, salvando assim o Capuchinho Vermelho e a Avó. P.S.- Isto é só uma história, porque não se devem matar os lobos e eles não comem pessoas. 12
  • 13. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 4 Após a audição do conto, os alunos, em grupo, tentarão encontrar outros finais para a história. Posteriormente confrontar-se-ão os vários desenlaces, procurando que o porta-voz de cada grupo justifique o porquê da daquele final. 13
  • 14. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 5 Através da observação de imagens alusivas ao conto, os alunos irão descrever, primeiro oralmente e depois por escrito, o que nelas se passa. Poderão eventualmente colorir essas mesmas imagens. 14
  • 15. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 6 História Desordenada Assim, matou o lobo e salvou a avozinha. Neste instante, entra o Capuchinho e juntos comeram os bolinhos. Ao dizer-lhe que a avó estava doente, o senhor José resolveu acompanhar o Capuchinho. A menina, inocentemente disse-lhe que ia a casa da sua avozinha que estava doente. Quando se apercebeu que tinha desobedecido à mãe ficou apavorada. No entanto, já estava a meio do caminho e decidiu não voltar para trás. Era uma vez uma linda menina que vivia com a mãe numa linda e aconchegante casa, que se chamava Capuchinho Vermelho. Antes de ir, a mãe avisou-a para não ir pela floresta. Ia muito contente, quando de repente lhe surgiu um lobo detrás de uma árvore. A partir deste dia, o Capuchinho Vermelho passou a ser muito mais atento e obedeceu sempre à sua mãe. Mal se aproximaram, repararam que a porta estava aberta e o caçador disse ao capuchinho para esperar, percebendo de imediato o que se tinha passado. Nela viviam animais muito perigosos, principalmente o lobo. Um certo dia a mãe pediu-lhe que fosse levar uns bolinhos à avó, pois estava muito doente. 15
  • 16. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 6 – Continuação da História Desordenada A avó, pensando que era a sua netinha abriu a porta e o lobo de imediato a engoliu. A mãe era muito amiga e a filha retribuía essa amizade e carinho. Logo que chegou a casa da avó, bateu à porta e com uma voz fininha disse ser o Capuchinho. Mas, o Capuchinho Vermelho era muito distraído e ao ouvir os passarinhos cantar seguiu-os até à floresta. O lobo esperto foi por um atalho e chegou primeiro que o Capuchinho. A menina foi com muito agrado, uma vez que gostava muito da avozinha e não cria que ela estivesse doente. Quando o Capuchinho ia a chegar encontrou o caçador amigo da sua mãe, o senhor José. Assim, chegando-se perto do Capuchinho Vermelho com ar malicioso, perguntou-lhe o que fazia por aquelas paragens. 16
  • 17. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 6 Solução para a História Desordenada Era uma vez uma linda menina que vivia com a mãe numa linda e aconchegante casa, que se chamava Capuchinho Vermelho. A mãe era muito amiga e a filha retribuía essa amizade e carinho. Um certo dia a mãe pediu-lhe que fosse levar uns bolinhos à avó, pois esta estava muito doente. A menina foi com muito agrado, uma vez que gostava muito da avozinha e não queria que ela estivesse doente. Antes de ir, a mãe avisou-a para não ir pela floresta. Nela viviam animais muito perigosos, principalmente o lobo. Mas, o Capuchinho Vermelho era muito distraído e ao ouvir os passarinhos cantar seguiu-os até à floresta. Quando se apercebeu que tinha desobedecido à mãe ficou apavorada. No entanto, já estava a meio do caminho e decidiu não voltar para trás. Ia muito contente, quando de repente lhe surgiu um lobo detrás de uma árvore. Assim, chegando-se perto do Capuchinho Vermelho com ar malicioso, perguntou-lhe o que fazia por aquelas paragens. A menina, inocentemente disse-lhe que ia a casa da sua avozinha que estava doente. O lobo esperto foi por um atalho e chegou primeiro que o Capuchinho. 17
  • 18. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 6 – Continuação da Solução para a História Desordenada Logo que chegou a casa da avó, bateu à porta e com uma voz fininha disse ser o Capuchinho. A avó, pensando que era a sua netinha abriu a porta e o lobo de imediato a engoliu. Quando o Capuchinho ia a chegar encontrou um caçador amigo da sua mãe, o senhor José. Ao dizer-lhe que a sua avó estava doente, o senhor José resolveu acompanhar o Capuchinho. Mal se aproximaram, repararam que a porta estava aberta e o caçador disse ao Capuchinho para esperar, percebendo de imediato o que se tinha passado. Assim, matou o lobo e salvou a avozinha. Neste instante, entra o Capuchinho e juntos comeram os bolinhos. A partir deste dia o Capuchinho Vermelho passou a ser muito mais atento e obedeceu sempre à sua mãe. 18
  • 19. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 7 Em grupo, os alunos farão a descrição das personagens (cada grupo ficará responsável por uma). Posteriormente irão elaborar uma rima que esteja de acordo com a personagem trabalhada. Capuchinho Vermelho Lobo Avó Caçador 19
  • 20. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Ficha de Registo – Grupo __ Actividade 7 Caracterização da Personagem – Capuchinho Vermelho Imagem Características Rima: 20
  • 21. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Ficha de Registo – Grupo __ Actividade 7 Caracterização da Personagem – Lobo Imagem Características Rima: 21
  • 22. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Ficha de Registo – Grupo __ Actividade 7 Caracterização da Personagem – Avó Imagem Características Rima: 22
  • 23. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Ficha de Registo – Grupo __ Actividade 7 Caracterização da Personagem – Caçador Imagem Características Rima: 23
  • 24. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 8 Os alunos irão realizar uma ficha de trabalho. 1. Responde às questões de forma a completares as palavras cruzadas. 5 4 7 1 6 2 3 Palavras na Horizontal: 1. O que vestia a menina? 2. Onde viu a menina o lobo? 3. De que cor é o capuz do capuchinho? Palavras na Vertical: 4. Quem ia visitar o Capuchinho? 5. O que levava o Capuchinho no cesto? 6. Qual o animal que o Capuchinho encontrou? 7. Onde levava o Capuchinho os bolinhos? 24
  • 25. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 8 Continuação da Ficha 2. Descobre as palavras escondidas na Sopa de Letras: A O Z N I P D L C V E R M E L H O D A E C A S A I B H H L A E H U J O A P Q P R Q S T U B O A U V X Z A H L L C C A Ç A D O R B D H I Q P N M O G H I L Z X I T P L F N E T A P D T F L H S G L A C D F L O R E S T A P 3. Coloca as letras em ordem de maneira a formarem as palavras correctas. vóa etalofstr blsoo oblo saac evorárs 25
  • 26. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 8 Solução da ficha de trabalho. 1. Responde às questões de forma a completares as palavras cruzadas. 5 4 7 B 1 C A P U C H I N H O 6 V E L 2 F L O R E S T A O O T S B O 3 V E R M E L H O Palavras na Horizontal: 1.O que vestia a menina? 2. Onde viu a menina o lobo? 3. De que cor é o capuz do capuchinho? Palavras na Vertical: 4. Quem ia visitar o Capuchinho? 5. O que levava o Capuchinho no cesto? 6. Qual o animal que o Capuchinho encontrou? 7. Onde levava o Capuchinho os bolinhos? 26
  • 27. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 8 Solução da Ficha 4. Descobre as palavras escondidas na Sopa de Letras: A O Z N I P D L C V E R M E L H O D A E C A S A I B H H L A E H U J O A P Q P R Q S T U B O A U V X Z A H L L C C A Ç A D O R B D H I Q P N M O G H I L Z X I T P L F N E T A P D T F L H S G L A C D F L O R E S T A P 5. Coloca as letras em ordem de maneira a formarem as palavras correctas. vóa Avó etalofstr Floresta blsoo Bolos oblo Lobo saac Casa evorárs Árvores 27
  • 28. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 9 Os alunos, irão construir uma Banda Desenhada que ilustre o conto. Estas serão encadernadas e farão a partir desse dia parte do espólio da Biblioteca da escola. 28
  • 29. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 9 Exemplo de uma B.D. realizada por um dos alunos. 29
  • 30. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 10 Os alunos adaptarão o conto para uma peça de teatro para ser representada na Festa de Natal da escola. Para tal terão de adaptar a dramatização do texto á época natalícia. Entre eles discutirão quem representará os papéis. Após a escolha dos principais intervenientes, elaborarão as suas próprias roupas. Proceder-se-á depois à construção do cenário. Para que todos os elementos da turma possam intervir na peça farão parte do cenário: árvores, coelhos e flores. Assim, os restantes membros da turma dividir-se-ão por alturas e formarão grupos de trabalho. Temos, deste modo, o grupo das árvores, dos coelhos e das flores. Será também elaborada na turma a letra de uma canção (adaptada à música “Hino da Alegria”) para todos cantarem no final da peça. Nesta peça, os pais poderão contribuir com a sua ajuda. Para este efeito, os alunos elaborarão um recado bem como um convite para os pais colaborarem e assistirem à peça. 30
  • 31. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 10 Texto final da adaptação da peça e letra da canção. Natal do Capuchinho I Acto Capuchinho – (cantando e saltitando): Pela estrada fora Eu vou bem sozinha Levar estes bolos À minha avozinha. Ela mora longe E o caminho é deserto E o lobo mau Passeia aqui por perto. Lobo – (aparecendo detrás duma árvore). Eu sou o lobo mau Lobo mau, lobo mau Eu como as criancinhas (abre muito a boca para o capuchinho). Capuchinho – (quase a chorar) Ai, ai! Ó lobo não me faças mal! Carteiro – (que vem a correr) Lobo! Ó lobo! Trago um telegrama para ti. (Entrega o telegrama ao lobo). Lobo – (Abre o telegrama e lê alto) Telegrama: Senhor Lobo: É Natal! Não faça mal ao capuchinho. Assinado: Meninos de todo o mundo. Capuchinho – Então queres ser meu amigo? (e dá a mão ao lobo). 31
  • 32. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 10 – Continuação da peça Lobo – Quero, pois! Capuchinho – Vamos os dois levar os bolos à minha avozinha. (Saem a saltitar e de mãos dadas) II Acto Estão todos sentados à mesa: Lobo – Mas porquê? Porquê este final para a história? Costumam sempre matar-me! Estou admirado! Capuchinho – Olha lobo, eu explico-te. Estamos no Natal. É a festa do Amor entre todos. Lobo – Natal! Muito me contas! Deve ser mesmo uma grande festa! Avozinha – E porque é festa, aqui estão uns bolinhos, doces e guloseimas que eu fiz. Provem! Comam à vontade... Lobo – Será que eu vou gostar? É bem diferente da comida que eu conheço. (pega num rebuçado) Carteiro – Alto lá, lobo! O rebuçado come-se sem o papel. (Todos riem) Lobo – (Pegando num chocolate) E isto? É madeira, não é? Avozinha – Prova e verás! 32
  • 33. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 10 – Continuação da peça (ouvem-se sinos e canções de Natal, o lobo assustado quer fugir.) Capuchinho – Calma, lobo amigo! São os meus colegas da aula que te querem conhecer. - Aparecem crianças, cantando e tocando; todos de mãos dadas, cantam e tocam a Canção de Natal : Canção de Natal Na nossa turma Festejamos o Natal, Com amizade E muita animação! Somos amigos! Queremos a paz, Muito amor e alegria. Neste Natal Os gatinhos vão encantar! Nota: As fotografias da Festa de Natal serão apresentadas em anexo. 33
  • 34. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 10 Convite Convite: Queridos pais, vimos por este modo convidá-los a assistir á nossa peça de teatro “O Capuchinho Vermelho” que se realizará na nossa escola no dia 16 de janeiro pelas 18h. Gostávamos muito que viessem . Assinado: A turma dos gatinhos 34
  • 35. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 10 Recado Pedido de colaboração Vimos por este modo pedir a colaboração dos pais para uma peça de teatro que pensamos apresentar em breve. A ajuda pode ser de diversas formas, consoante a disponibilidade. Por este motivo pede-se que compareçam na escola para conversar com a nossa professora. Assinado: A turma dos gatinhos 35
  • 36. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Actividade 11 Realização de um debate onde serão previamente estabelecidas regras de intervenção. A partir de ideias lançadas pelo professor, (comportamento do Capuchinho, respeito pelo meio ambiente e vida animal) os alunos irão reflectir e expor as suas opiniões. Neste debate, os alunos irão apresentar as suas opiniões sobre as actividades realizadas. Regras de Intervenção Temas em Debate  Levantar o dedo para  Comportamento das intervir; personagens do  Falar um de cada Conto; vez;  Respeito pelo Meio-  Respeitar a opinião Ambiente; do colega;  Vida Animal;  ...  Auto-avaliação. 36
  • 37. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho ANEXOS
  • 38. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Fotografias da Peça de Teatro
  • 39. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Fotografias da Peça de Teatro
  • 40. Estratégias de Trabalho para o Conto: O Capuchinho Vermelho Fotografias da Peça de Teatro