SlideShare uma empresa Scribd logo
CONCORDÂNCIA VERBAL
MENU PRINCIPAL O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS  REGRA GERAL CLIQUE NO TÓPICO DESEJADO CASOS PARTICULARES
01 SUJEITO:  Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO:  Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO:  Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO:  Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO:  Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
01 SUJEITO:  Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO:  Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO:  Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO:  Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO:  Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
01 SUJEITO:  Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO:  Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO:  Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO:  Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO:  Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
01 SUJEITO:  Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO:  Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO:  Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO:  Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO:  Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
01 SUJEITO:  Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO:  Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO:  Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO:  Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO:  Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO:  Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO:  Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO:  Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO:  Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO:  Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO:  Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO:  Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO:  Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO:  Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO:  Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO:  Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO:  Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO:  Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO:  Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO:  Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS   PRIMEIROS ERROS Meu caminho é cada manhã Não procure saber onde estou Meu destino não é de ninguém E eu não deixo meus passos no chão Se você não me entende, não vê Se não me vê, não entende Não procure saber onde estou Se o meu jeito te surpreende Se meu corpo virasse sol Se minha mente virasse sol Mas só chove e chove Chove e chove (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi) O SUJEITO representa o ser de que ou de quem se diz algo ou, ainda, o ser com o qual o verbo deve concordar. SUJEITOS PRIMEIROS ERROS Meu caminho  é cada manhã Não procure saber onde estou Meu destino  não é de ninguém E  eu  não deixo meus passos no chão Se  você  não me entende, não vê Se não me vê, não entende Não procure saber onde estou Se  o meu jeito  te surpreende Se  meu corpo  virasse sol Se  minha mente  virasse sol Mas só chove e chove Chove e chove (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi)
O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS   O SUJEITO, como qualquer termo, apresenta NÚCLEOS. Vejamos que palavras podem representar o núcleo do sujeito: NÚCLEOS DO SUJEITO SUBSTANTIVO PRONOME SUBSTANTIVO NUMERAL SUBSTANTIVO PALAVRA SUBSTANTIVADA
O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS   PRIMEIROS ERROS Meu caminho  é cada manhã (...) Meu destino  não é de ninguém (...) Se  o meu jeito  te surpreende Se  meu corpo  virasse sol Se  minha mente  virasse sol (...) (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi) NÚCLEO DO  SUJEITO: SUBSTANTIVO
O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS   PRIMEIROS ERROS Meu caminho é cada manhã Não procure saber onde estou Meu destino não é de ninguém E  eu  não deixo meus passos no chão Se  você  não me entende, não vê Se não me vê, não entende (...) (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi) NÚCLEO DO  SUJEITO: PRONOME SUBSTANTIVO MENU PRINCIPAL
REGRA GERAL   01 REGRA GERAL O verbo concorda com o núcleo do sujeito em número e em pessoa. A ordem das apresentações também  sofreram   alterações, mas nada eu prejudicasse a beleza do espetáculo.  (JC – 20/02/2007) A ordem das apresentações também  sofreu   alterações, mas nada eu prejudicasse a beleza do espetáculo.  (JC – 20/02/2007)
REGRA GERAL   01 REGRA GERAL O verbo concorda com o núcleo do sujeito em número e em pessoa. O uso de animais em pesquisas científicas sempre  causaram   polêmica.  (ISTOÉ – 21/01/2007) O uso de animais em pesquisas científicas sempre  causou   polêmica.  (ISTOÉ – 21/01/2007) MENU PRINCIPAL
CASOS PARTICULARES   01 SUJEITO:  Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural O verbo flexiona na 3ª pessoa do plural. Cerca de cento e cinquenta pessoas  morreu   no maior desastre da aviação brasileira, envolvendo o Boeing da Gol e o Legacy da ExcelAire. MENU EXTENSIVO Cerca de cento e cinquenta pessoas  morreram   no maior desastre da aviação brasileira, envolvendo o Boeing da Gol e o Legacy da ExcelAire.
CASOS PARTICULARES   02 SUJEITO:  Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural O verbo concorda com o coletivo/expressão partitiva (3ª pessoa do singular); A maior parte das vítimas  morreu queimada .  MENU EXTENSIVO O verbo concorda com o determinante (3ª pessoa do plural). A maior parte das vítimas  morreram queimadas .
CASOS PARTICULARES   03 SUJEITO:  Mais de Um + Substantivo no Singular O verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do  singular. Mais de um turista  afirmaram   que voltará às ladeiras de Olinda no Carnaval vindouro. Mais de um turista  afirmou   que voltará às ladeiras de Olinda no Carnaval vindouro. MENU EXTENSIVO
CASOS PARTICULARES   04 SUJEITO:  Pronome Relativo QUE O verbo concorda com o termo antecedente do pronome relativo QUE. Foste tu que  informou   os advogados da decisão do juiz. Foste tu que  informaste   os advogados da decisão do juiz.
CASOS PARTICULARES   04 SUJEITO:  Pronome Relativo QUE O verbo concorda com o termo antecedente do pronome relativo QUE. A investigação criminal, que  devem indiciar   os culpados pelo pior acidente aéreo da história brasileira, é conduzida pela Polícia Federal.  (JC, 20/02/2007) MENU EXTENSIVO A investigação criminal, que  deve indiciar   os culpados pelo pior acidente aéreo da história brasileira, é conduzida pela Polícia Federal.  (JC, 20/02/2007)
CASOS PARTICULARES   05 SUJEITO:  Pronome Relativo QUEM O verbo concorda com o termo antecedente do pronome relativo QUEM; Certamente, não foste tu quem  informaste   os advogados da decisão do juiz. MENU EXTENSIVO O verbo concorda com o  pronome relativo QUEM. Certamente, não foste tu quem  informou   os advogados da decisão do juiz.
CASOS PARTICULARES   06 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós Pronome Indefinido ou interrogativo no Singular: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; Nenhum de nós  consideramos   legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais. Pronome Indefinido ou interrogativo no Plural: a) o verbo flexiona na 3ª pessoa do plural; b) o verbo concorda com “nós” ou “vós”. Quais de nós  concordam   /  concordamos   com legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais. Nenhum de nós  considera   legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais.
CASOS PARTICULARES   06 SUJEITO:  Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós Pronome Indefinido ou interrogativo no Singular: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; Qual de nós  concordaremos   com o aumento abusivo que deverá ser concedido aos parlamentares federais? MENU EXTENSIVO Pronome Indefinido ou interrogativo no Plural: a) o verbo flexiona na 3ª pessoa do plural; b) o verbo concorda com “nós” ou “vós”. Quais de vós  concordam   /  concordais   com   legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais. Qual de nós  concordará   com o aumento abusivo que deverá ser concedido aos parlamentares federais?
CASOS PARTICULARES   07 SUJEITO:  Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) Sem determinante: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; Ilhéus se  destacam   por sua vocação de cidade turística. MENU EXTENSIVO Ilhéus se  destaca   por sua vocação de cidade turística. Com determinante no Singular: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; O Amazonas  desaguam  no Oceano Atlântico? O Amazonas  deságua  no Oceano Atlântico? Com determinante no Plural: o verbo flexiona, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do plural. Os Estados Unidos não  recolhe   INSS dos funcionários de seus postos diplomáticos no Brasil.  (ISTOÉ – 21/01/2007) Os Estados Unidos não  recolhem   INSS dos funcionários de seus postos diplomáticos no Brasil.  (ISTOÉ – 21/01/2007)
CASOS PARTICULARES   08 SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural O verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoal do singular. Cada uma das empreiteiras  deverão ser responsabilizada  pelo grave acidente ocorrido nas obras do metrô de São Paulo. Cada uma das empreiteiras  deverá ser responsabilizada  pelo grave acidente ocorrido nas obras do metrô de São Paulo.
CASOS PARTICULARES   08 SUJEITO:  Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural O verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoal do singular. Nenhum dos maracatus  deixaram de mostrar  beleza e magia nas apresentações do carnaval deste ano. Nenhum dos maracatus  deixou de mostrar  beleza e magia nas apresentações do carnaval deste ano. MENU EXTENSIVO
CASOS PARTICULARES   09 SUJEITO:  Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo O verbo  parecer  fica na 3ª pessoa do singular e o  infinitivo  flexiona na 3ª pessoa do plural; Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses  parece reconhecer  a importância política da ONU. MENU EXTENSIVO Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses  parece reconhecerem  a importância política da ONU. O verbo  parecer  flexiona na 3ª pessoa do plural e o  infinitivo  não flexiona (3ª pessoa do singular). Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses  parecem reconhecerem  a importância política da ONU. Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses  parecem reconhecer  a importância política da ONU.
CASOS PARTICULARES   10 SUJEITO:  Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural O verbo concorda com o número percentual ou com a expressão seguinte ao número percentual. 30% dos aposentados já  recebeu  a restituição  do imposto de renda retido na fonte. 30% dos aposentados já  receberam  nas viagens pelas péssimas rodovias brasileiras. 27,8% da produção agrícola se  deteriora  /  deterioram  nas viagens pelas péssimas rodovias brasileiras. Segundo dados do MEC, 1% do alunado  conseguem concluir  o doutorado. Segundo dados do MEC, 1% do alunado  consegue concluir  o doutorado.
Copyright    2008 diafonsoport. Todos os direitos reservados.   Fonte: Prof. Diafonso

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Concordância nominal
Concordância nominalConcordância nominal
Concordância nominal
Isabel Sousa
 
Concordância verbal - Sujeito simples
Concordância verbal - Sujeito simplesConcordância verbal - Sujeito simples
Concordância verbal - Sujeito simples
VALQUIRIA BORGES
 
[02 11 07] ConcordâNcia Verbal RegêNcia Crase
[02 11 07] ConcordâNcia Verbal   RegêNcia   Crase[02 11 07] ConcordâNcia Verbal   RegêNcia   Crase
[02 11 07] ConcordâNcia Verbal RegêNcia Crase
Fernando Vieira
 
Concordancia verbal
Concordancia verbalConcordancia verbal
Concordancia verbal
Tati Borlote Varanda
 
Concordância verbal
Concordância verbalConcordância verbal
Concordância verbal
Andriane Cursino
 
Concordância Verbal
Concordância Verbal Concordância Verbal
Concordância Verbal
Caroline Indayara
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
Blog Estudo
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
Tio Pablo Virtual
 
Concordância Verbal e Nominal
Concordância Verbal e NominalConcordância Verbal e Nominal
Concordância Verbal e Nominal
Daniele Silva
 
Concordância verbal
Concordância verbalConcordância verbal
Concordância verbal
Isabella Silva
 
Concordância verbal e concordância nominal
Concordância verbal e concordância nominalConcordância verbal e concordância nominal
Concordância verbal e concordância nominal
Cynthia Funchal
 
Aula concordância verbal e nominal apresentação
Aula concordância verbal e nominal apresentaçãoAula concordância verbal e nominal apresentação
Aula concordância verbal e nominal apresentação
Aline Alves
 
Casos específicos da concordância verbal
Casos específicos da concordância verbalCasos específicos da concordância verbal
Casos específicos da concordância verbal
Caroline Capellari
 
8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)
8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)
8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)
Marcos Emídio
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
Kennedy Soares
 
Concordância verbal e nominal certo
Concordância verbal e nominal certoConcordância verbal e nominal certo
Concordância verbal e nominal certo
Ana Paula Dos Santos
 
CONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINAL
CONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINALCONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINAL
CONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINAL
MGLAUCIA /LÍNGUA PORTUGUESA
 
Gramática concordância
Gramática concordânciaGramática concordância
Gramática concordância
Walter Mendes
 
Concordancia Verbal
Concordancia VerbalConcordancia Verbal
Concordancia Verbal
guest927573a
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
Lucilene Barcelos
 

Mais procurados (20)

Concordância nominal
Concordância nominalConcordância nominal
Concordância nominal
 
Concordância verbal - Sujeito simples
Concordância verbal - Sujeito simplesConcordância verbal - Sujeito simples
Concordância verbal - Sujeito simples
 
[02 11 07] ConcordâNcia Verbal RegêNcia Crase
[02 11 07] ConcordâNcia Verbal   RegêNcia   Crase[02 11 07] ConcordâNcia Verbal   RegêNcia   Crase
[02 11 07] ConcordâNcia Verbal RegêNcia Crase
 
Concordancia verbal
Concordancia verbalConcordancia verbal
Concordancia verbal
 
Concordância verbal
Concordância verbalConcordância verbal
Concordância verbal
 
Concordância Verbal
Concordância Verbal Concordância Verbal
Concordância Verbal
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
 
Concordância Verbal e Nominal
Concordância Verbal e NominalConcordância Verbal e Nominal
Concordância Verbal e Nominal
 
Concordância verbal
Concordância verbalConcordância verbal
Concordância verbal
 
Concordância verbal e concordância nominal
Concordância verbal e concordância nominalConcordância verbal e concordância nominal
Concordância verbal e concordância nominal
 
Aula concordância verbal e nominal apresentação
Aula concordância verbal e nominal apresentaçãoAula concordância verbal e nominal apresentação
Aula concordância verbal e nominal apresentação
 
Casos específicos da concordância verbal
Casos específicos da concordância verbalCasos específicos da concordância verbal
Casos específicos da concordância verbal
 
8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)
8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)
8ª Série - ConcordâNcia Verbal (Material Complementar)
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
 
Concordância verbal e nominal certo
Concordância verbal e nominal certoConcordância verbal e nominal certo
Concordância verbal e nominal certo
 
CONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINAL
CONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINALCONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINAL
CONCORDÂNCIA VERBAL E NOMINAL
 
Gramática concordância
Gramática concordânciaGramática concordância
Gramática concordância
 
Concordancia Verbal
Concordancia VerbalConcordancia Verbal
Concordancia Verbal
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
 

Destaque

Concordancia2
Concordancia2Concordancia2
Concordancia2
flicts
 
Figuras linguagem
Figuras linguagemFiguras linguagem
Figuras linguagem
flicts
 
Vozes verbais 7a_serie
Vozes verbais 7a_serieVozes verbais 7a_serie
Vozes verbais 7a_serie
patrícia silva
 
Figuras linguagem
Figuras linguagemFiguras linguagem
Figuras linguagemflicts
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
Angela Santos
 
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; CraseConcordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Lidiane Rodrigues
 
Concordância Nominal
Concordância NominalConcordância Nominal
Concordância Nominal
Angela Santos
 
Aula concordância verbal e nominal
Aula concordância verbal e nominalAula concordância verbal e nominal
Aula concordância verbal e nominal
Gisele Fernandes Loures Domith
 
Verbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brVerbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.br
Prof Palmito Rocha
 
Concordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominalConcordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominal
Rebeca Kaus
 
Verbo
VerboVerbo

Destaque (11)

Concordancia2
Concordancia2Concordancia2
Concordancia2
 
Figuras linguagem
Figuras linguagemFiguras linguagem
Figuras linguagem
 
Vozes verbais 7a_serie
Vozes verbais 7a_serieVozes verbais 7a_serie
Vozes verbais 7a_serie
 
Figuras linguagem
Figuras linguagemFiguras linguagem
Figuras linguagem
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
 
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; CraseConcordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
Concordância Verbal; Regência Verbal e Nominal; Crase
 
Concordância Nominal
Concordância NominalConcordância Nominal
Concordância Nominal
 
Aula concordância verbal e nominal
Aula concordância verbal e nominalAula concordância verbal e nominal
Aula concordância verbal e nominal
 
Verbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brVerbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.br
 
Concordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominalConcordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominal
 
Verbo
VerboVerbo
Verbo
 

Semelhante a Concordancia verbal

concordancia-verbal.pdf
concordancia-verbal.pdfconcordancia-verbal.pdf
concordancia-verbal.pdf
LeneAntonya
 
Portugues para concursos
Portugues para concursosPortugues para concursos
Portugues para concursos
Adail Silva
 
Apostila
ApostilaApostila
Apostila
Ricardo Borges
 
Apostila básica de inglês completa
Apostila básica de inglês completaApostila básica de inglês completa
Apostila básica de inglês completa
Luciana Viter
 
Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)
Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)
Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)
Amelia Barros
 
Portugues.naufal.concordancia verbal
Portugues.naufal.concordancia verbalPortugues.naufal.concordancia verbal
Portugues.naufal.concordancia verbal
Flávio Ferreira
 
11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...
11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...
11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...
Fladimy Rocha
 
Gabarito comentado dos exercícios de concordância verbal
Gabarito comentado dos exercícios de concordância verbalGabarito comentado dos exercícios de concordância verbal
Gabarito comentado dos exercícios de concordância verbal
ProfFernandaBraga
 
Aula 07 português.text.marked
Aula 07   português.text.markedAula 07   português.text.marked
Aula 07 português.text.marked
HELIO ALVES
 
Aula 07 português.text.marked
Aula 07   português.text.markedAula 07   português.text.marked
Aula 07 português.text.marked
HELIO ALVES
 
Concordância verbal.pptx
Concordância verbal.pptxConcordância verbal.pptx
Concordância verbal.pptx
VvianCorreia1
 
COLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptx
COLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptxCOLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptx
COLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptx
GabrielySilvaSchwinn
 
666
666666
Inglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptx
Inglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptxInglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptx
Inglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptx
AmineMariane
 
Concordância (tudo)
Concordância (tudo)Concordância (tudo)
Concordância (tudo)
professorakathia
 
Concordancia verbal
Concordancia verbalConcordancia verbal
Concordancia verbal
PreOnline
 
CONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTOR
CONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTORCONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTOR
CONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTOR
lucianadsguimaraes
 
Resumo concordância 06.10.2016
Resumo concordância 06.10.2016Resumo concordância 06.10.2016
Resumo concordância 06.10.2016
Felipe Luccas Rosas
 
Apostila basica ingles[1]
Apostila basica ingles[1]Apostila basica ingles[1]
Apostila basica ingles[1]
Edna Bezerra
 
pontuação em lingua portuguesa
pontuação em   lingua portuguesapontuação em   lingua portuguesa
pontuação em lingua portuguesa
Fatimagomes Macedo
 

Semelhante a Concordancia verbal (20)

concordancia-verbal.pdf
concordancia-verbal.pdfconcordancia-verbal.pdf
concordancia-verbal.pdf
 
Portugues para concursos
Portugues para concursosPortugues para concursos
Portugues para concursos
 
Apostila
ApostilaApostila
Apostila
 
Apostila básica de inglês completa
Apostila básica de inglês completaApostila básica de inglês completa
Apostila básica de inglês completa
 
Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)
Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)
Anlisesinttica 110531125130-phpapp02 (1)
 
Portugues.naufal.concordancia verbal
Portugues.naufal.concordancia verbalPortugues.naufal.concordancia verbal
Portugues.naufal.concordancia verbal
 
11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...
11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...
11389 3274 27.11.2012 21.03.23_11389_3274_30.05.2012 16.37.46_concordã¢ncia i...
 
Gabarito comentado dos exercícios de concordância verbal
Gabarito comentado dos exercícios de concordância verbalGabarito comentado dos exercícios de concordância verbal
Gabarito comentado dos exercícios de concordância verbal
 
Aula 07 português.text.marked
Aula 07   português.text.markedAula 07   português.text.marked
Aula 07 português.text.marked
 
Aula 07 português.text.marked
Aula 07   português.text.markedAula 07   português.text.marked
Aula 07 português.text.marked
 
Concordância verbal.pptx
Concordância verbal.pptxConcordância verbal.pptx
Concordância verbal.pptx
 
COLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptx
COLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptxCOLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptx
COLOCAÇÃO PRONOMINAL.pptx
 
666
666666
666
 
Inglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptx
Inglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptxInglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptx
Inglês I - Slides - Malu - Jan 2017.pptx
 
Concordância (tudo)
Concordância (tudo)Concordância (tudo)
Concordância (tudo)
 
Concordancia verbal
Concordancia verbalConcordancia verbal
Concordancia verbal
 
CONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTOR
CONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTORCONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTOR
CONCORDANCIA VERBAL AULA PROFESSOR AUTOR
 
Resumo concordância 06.10.2016
Resumo concordância 06.10.2016Resumo concordância 06.10.2016
Resumo concordância 06.10.2016
 
Apostila basica ingles[1]
Apostila basica ingles[1]Apostila basica ingles[1]
Apostila basica ingles[1]
 
pontuação em lingua portuguesa
pontuação em   lingua portuguesapontuação em   lingua portuguesa
pontuação em lingua portuguesa
 

Último

Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
KeilianeOliveira3
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
kdn15710
 
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdfCaderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
carlaslr1
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
JulianeMelo17
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptxFato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
MariaFatima425285
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Luana Neres
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
os-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdf
os-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdfos-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdf
os-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdf
GiselaAlves15
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Mary Alvarenga
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Mary Alvarenga
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptxLIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
WelidaFreitas1
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 

Último (20)

Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
 
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdfCaderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
 
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptxFato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
 
os-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdf
os-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdfos-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdf
os-lusiadas-resumo-os-lusiadas-10-ano.pdf
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptxLIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 

Concordancia verbal

  • 2. MENU PRINCIPAL O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS REGRA GERAL CLIQUE NO TÓPICO DESEJADO CASOS PARTICULARES
  • 3. 01 SUJEITO: Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO: Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO: Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO: Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO: Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 4. 01 SUJEITO: Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO: Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO: Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO: Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO: Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 5. 01 SUJEITO: Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO: Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO: Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO: Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO: Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 6. 01 SUJEITO: Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO: Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO: Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO: Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO: Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 7. 01 SUJEITO: Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural 02 03 04 CASOS PARTICULARES SUJEITO: Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural SUJEITO: Mais de Um + Substantivo no Singular SUJEITO: Pronome Relativo QUE 05 SUJEITO: Pronome Relativo QUEM CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 8. 06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO: Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO: Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO: Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 9. 06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO: Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO: Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO: Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 10. 06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO: Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO: Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO: Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 11. 06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO: Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO: Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO: Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 12. 06 07 08 09 CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós SUJEITO: Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural SUJEITO: Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo SUJEITO: Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural CLIQUE NO CASO DESTACADO
  • 13. O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS PRIMEIROS ERROS Meu caminho é cada manhã Não procure saber onde estou Meu destino não é de ninguém E eu não deixo meus passos no chão Se você não me entende, não vê Se não me vê, não entende Não procure saber onde estou Se o meu jeito te surpreende Se meu corpo virasse sol Se minha mente virasse sol Mas só chove e chove Chove e chove (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi) O SUJEITO representa o ser de que ou de quem se diz algo ou, ainda, o ser com o qual o verbo deve concordar. SUJEITOS PRIMEIROS ERROS Meu caminho é cada manhã Não procure saber onde estou Meu destino não é de ninguém E eu não deixo meus passos no chão Se você não me entende, não vê Se não me vê, não entende Não procure saber onde estou Se o meu jeito te surpreende Se meu corpo virasse sol Se minha mente virasse sol Mas só chove e chove Chove e chove (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi)
  • 14. O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS O SUJEITO, como qualquer termo, apresenta NÚCLEOS. Vejamos que palavras podem representar o núcleo do sujeito: NÚCLEOS DO SUJEITO SUBSTANTIVO PRONOME SUBSTANTIVO NUMERAL SUBSTANTIVO PALAVRA SUBSTANTIVADA
  • 15. O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS PRIMEIROS ERROS Meu caminho é cada manhã (...) Meu destino não é de ninguém (...) Se o meu jeito te surpreende Se meu corpo virasse sol Se minha mente virasse sol (...) (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi) NÚCLEO DO SUJEITO: SUBSTANTIVO
  • 16. O SUJEITO E SEUS NÚCLEOS PRIMEIROS ERROS Meu caminho é cada manhã Não procure saber onde estou Meu destino não é de ninguém E eu não deixo meus passos no chão Se você não me entende, não vê Se não me vê, não entende (...) (CAPITAL INICIAL – composição: Kiko Zambianchi) NÚCLEO DO SUJEITO: PRONOME SUBSTANTIVO MENU PRINCIPAL
  • 17. REGRA GERAL 01 REGRA GERAL O verbo concorda com o núcleo do sujeito em número e em pessoa. A ordem das apresentações também sofreram alterações, mas nada eu prejudicasse a beleza do espetáculo. (JC – 20/02/2007) A ordem das apresentações também sofreu alterações, mas nada eu prejudicasse a beleza do espetáculo. (JC – 20/02/2007)
  • 18. REGRA GERAL 01 REGRA GERAL O verbo concorda com o núcleo do sujeito em número e em pessoa. O uso de animais em pesquisas científicas sempre causaram polêmica. (ISTOÉ – 21/01/2007) O uso de animais em pesquisas científicas sempre causou polêmica. (ISTOÉ – 21/01/2007) MENU PRINCIPAL
  • 19. CASOS PARTICULARES 01 SUJEITO: Perto de/Cerca de/Mais de + Núcleo no Plural O verbo flexiona na 3ª pessoa do plural. Cerca de cento e cinquenta pessoas morreu no maior desastre da aviação brasileira, envolvendo o Boeing da Gol e o Legacy da ExcelAire. MENU EXTENSIVO Cerca de cento e cinquenta pessoas morreram no maior desastre da aviação brasileira, envolvendo o Boeing da Gol e o Legacy da ExcelAire.
  • 20. CASOS PARTICULARES 02 SUJEITO: Coletivo/Expressão Partitiva + Determinante no Plural O verbo concorda com o coletivo/expressão partitiva (3ª pessoa do singular); A maior parte das vítimas morreu queimada . MENU EXTENSIVO O verbo concorda com o determinante (3ª pessoa do plural). A maior parte das vítimas morreram queimadas .
  • 21. CASOS PARTICULARES 03 SUJEITO: Mais de Um + Substantivo no Singular O verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular. Mais de um turista afirmaram que voltará às ladeiras de Olinda no Carnaval vindouro. Mais de um turista afirmou que voltará às ladeiras de Olinda no Carnaval vindouro. MENU EXTENSIVO
  • 22. CASOS PARTICULARES 04 SUJEITO: Pronome Relativo QUE O verbo concorda com o termo antecedente do pronome relativo QUE. Foste tu que informou os advogados da decisão do juiz. Foste tu que informaste os advogados da decisão do juiz.
  • 23. CASOS PARTICULARES 04 SUJEITO: Pronome Relativo QUE O verbo concorda com o termo antecedente do pronome relativo QUE. A investigação criminal, que devem indiciar os culpados pelo pior acidente aéreo da história brasileira, é conduzida pela Polícia Federal. (JC, 20/02/2007) MENU EXTENSIVO A investigação criminal, que deve indiciar os culpados pelo pior acidente aéreo da história brasileira, é conduzida pela Polícia Federal. (JC, 20/02/2007)
  • 24. CASOS PARTICULARES 05 SUJEITO: Pronome Relativo QUEM O verbo concorda com o termo antecedente do pronome relativo QUEM; Certamente, não foste tu quem informaste os advogados da decisão do juiz. MENU EXTENSIVO O verbo concorda com o pronome relativo QUEM. Certamente, não foste tu quem informou os advogados da decisão do juiz.
  • 25. CASOS PARTICULARES 06 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós Pronome Indefinido ou interrogativo no Singular: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; Nenhum de nós consideramos legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais. Pronome Indefinido ou interrogativo no Plural: a) o verbo flexiona na 3ª pessoa do plural; b) o verbo concorda com “nós” ou “vós”. Quais de nós concordam / concordamos com legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais. Nenhum de nós considera legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais.
  • 26. CASOS PARTICULARES 06 SUJEITO: Pronome Indefinido/Interrogativo + de nós/de vós Pronome Indefinido ou interrogativo no Singular: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; Qual de nós concordaremos com o aumento abusivo que deverá ser concedido aos parlamentares federais? MENU EXTENSIVO Pronome Indefinido ou interrogativo no Plural: a) o verbo flexiona na 3ª pessoa do plural; b) o verbo concorda com “nós” ou “vós”. Quais de vós concordam / concordais com legítimo o aumento abusivo concedido aos parlamentares federais. Qual de nós concordará com o aumento abusivo que deverá ser concedido aos parlamentares federais?
  • 27. CASOS PARTICULARES 07 SUJEITO: Topônimos/Acidentes Geográficos/Obras de Arte (pl.) Sem determinante: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; Ilhéus se destacam por sua vocação de cidade turística. MENU EXTENSIVO Ilhéus se destaca por sua vocação de cidade turística. Com determinante no Singular: o verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do singular; O Amazonas desaguam no Oceano Atlântico? O Amazonas deságua no Oceano Atlântico? Com determinante no Plural: o verbo flexiona, obrigatoriamente, na 3ª pessoa do plural. Os Estados Unidos não recolhe INSS dos funcionários de seus postos diplomáticos no Brasil. (ISTOÉ – 21/01/2007) Os Estados Unidos não recolhem INSS dos funcionários de seus postos diplomáticos no Brasil. (ISTOÉ – 21/01/2007)
  • 28. CASOS PARTICULARES 08 SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural O verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoal do singular. Cada uma das empreiteiras deverão ser responsabilizada pelo grave acidente ocorrido nas obras do metrô de São Paulo. Cada uma das empreiteiras deverá ser responsabilizada pelo grave acidente ocorrido nas obras do metrô de São Paulo.
  • 29. CASOS PARTICULARES 08 SUJEITO: Cada um / Nenhum de + Expressão no Plural O verbo fica, obrigatoriamente, na 3ª pessoal do singular. Nenhum dos maracatus deixaram de mostrar beleza e magia nas apresentações do carnaval deste ano. Nenhum dos maracatus deixou de mostrar beleza e magia nas apresentações do carnaval deste ano. MENU EXTENSIVO
  • 30. CASOS PARTICULARES 09 SUJEITO: Núcleo no plural + Parecer + Infinitivo O verbo parecer fica na 3ª pessoa do singular e o infinitivo flexiona na 3ª pessoa do plural; Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses parece reconhecer a importância política da ONU. MENU EXTENSIVO Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses parece reconhecerem a importância política da ONU. O verbo parecer flexiona na 3ª pessoa do plural e o infinitivo não flexiona (3ª pessoa do singular). Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses parecem reconhecerem a importância política da ONU. Depois do fiasco no Iraque, os estadunidenses parecem reconhecer a importância política da ONU.
  • 31. CASOS PARTICULARES 10 SUJEITO: Número Percentual + Expressão no Singular ou Plural O verbo concorda com o número percentual ou com a expressão seguinte ao número percentual. 30% dos aposentados já recebeu a restituição do imposto de renda retido na fonte. 30% dos aposentados já receberam nas viagens pelas péssimas rodovias brasileiras. 27,8% da produção agrícola se deteriora / deterioram nas viagens pelas péssimas rodovias brasileiras. Segundo dados do MEC, 1% do alunado conseguem concluir o doutorado. Segundo dados do MEC, 1% do alunado consegue concluir o doutorado.
  • 32. Copyright  2008 diafonsoport. Todos os direitos reservados. Fonte: Prof. Diafonso