SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 37
Nesse trabalho, vamos nos aprofundar sobre
        a segunda divisão do TAO,
     quando a simbologia YIN e YANG
  se transforma nos CINCO ELEMENTOS.
Como vimos, Yin e Yang é a primeira
                subdivisão
 do símbolo que significa o Todo . De suas
 interações emanam cinco transformações
energéticas básicas, que são denominadas
as Cinco Fases Elementais da Energia .
As Cinco fases das Energias Elementares se
  combinam e re-combinam de inúmeras formas
e produzem a vida manifesta. Todas as coisas que
 existem contêm os cinco elementos em variadas
   proporções, inclusive nós, seres humanos.
 Nosso corpo e saúde, temperamentos, estados
 emocionais e mentais e até nossa vida espiritual,
   resultam da interação dessas cinco forças.
Os antigos taoístas perceberam que cada um
       desses elementos da natureza,
         expressava com exatidão,
 as cinco tendências do Chi em movimento.
Assim, Madeira representa a energia que
  está em geração, em desenvolvimento.
   Fogo representa a energia que está
        se expandindo e irradiando.
 Terra representa a energia que está se
        estabilizando e centrando.
 Metal representa a energia que está se
        solidificando e contraindo.
Água é a energia que está se conservando,
         juntando e submergindo.
As 5 Fases da Energia são expressões de
    energias que podem ser observadas na
         natureza e em todo o universo.
   No céu, elas influenciam os movimentos
          das estrelas e dos planetas.
         Na Terra, as estações do ano -
      primavera, verão, outono, inverno
e uma 5ª,veranico ou colheita (final do verão) .
No corpo humano, essas energias afetam os
           5 conjuntos de órgãos:
        •Rins/Bexiga – Água/Inverno;
•Fígado/Vesícula Biliar – Madeira/Primavera;
  •Coração/Intestino delgado – Fogo/Verão;
•Baço/Pâncreas/Estômago – Terra/Veranico;
 •Pulmões/Intestino Grosso – Metal/ Outono.
A água é a fase da energia associada ao inverno ,
           no qual prevalece a força Yin.
   O inverno é tempo de frio, descanso, quietude,
      quando a energia é recolhida, poupada e
                   condensada.
A água é um elemento muito concentrado, contendo
  um grande poder esperando para ser liberado.
No corpo humano, a água está associada aos Rins
     e aos fluidos essenciais como os hormônios,
     os líquidos linfáticos, a medula, as enzimas,
       todos com grande potencial de energia.
 Sua cor é o preto ou o azul noite, que contêm todas
        as outras cores de forma concentrada.
Na natureza, a água evapora com o excesso de calor;
  nos seres humanos a energia de água nos Rins é
  dispersada pelo excesso de estresse e emoções
fortes. A forma de se conservar a energia da água é
através da quietude e repouso e do se manter "frio".
A próxima fase do ciclo das estações é a primavera ,
      quando, do potencial energético da água,
surge o elemento madeira , simbolizado pelo verde
  das plantas, que florescem durante a primavera.
   Este é um estágio Yang do ciclo das energias.
       Madeira é a fase da geração criativa de
    energia, que é expansiva, alegre e explosiva.
  Tempo de semear o que desejamos colher e que
      desperta nos seres o desejo de procriar.
Madeira está associada ao Fígado , ao vigor,
 à juventude, ao crescimento e ao desenvolvimento.
   Essa energia pede liberdade para se expressar
             e espaço para se expandir.
   Se bloquearmos seu desenvolvimento, criamos
       frustração, raiva, ciúme ou estagnação,
  que afetam o fígado,originando doenças que vão
desde o aumento do colesterol, à hepatite e o câncer.
Assim como a primavera se desenvolve
                    naturalmente
    para o verão , também a energia expansiva e
  criativa da Madeira amadurece para a energia
 florescente do Fogo . Esta é a fase mais cheia de
       energia Yang e quente, de todo o ciclo.
Todas as formas de vida se aquecem nesta fase de
            amadurecimento da energia.
O fogo está associado ao coração , o órgão que
                         pulsa
   e distribui sangue e vida pelo corpo; sua cor é o
       vermelho, a cor do calor e do sangue.
 O coração é a morada do amor , a emoção humana
      mais nobre, que está ligada à compaixão,
à generosidade, à alegria, à abertura e à abundância.
 Se bloquearmos esta energia expansiva, o resultado
    é a hipertensão, os problemas cardíacos e as
          desordens emocionais e nervosas.
O final do verão traz um momento de perfeito
  equilíbrio, um interlúdio em que a energia do fogo
diminui, se transformando em energia da Terra, nem
 muito Yin e nem muito Yang. Trata-se do Veranico
 ou Colheita , o clímax do ciclo, o intervalo entre as
     energias Yang da primavera e do verão e,
       as energias Yin do outono e do inverno.
     É o tempo de colher o que foi plantado na
                       primavera,
          tempo de bem estar e completude.
A energia do Veranico ou final do verão é a energia
     da Terra , sua cor é o amarelo ou o marrom.
   No corpo humano ela está associada ao baço,
pâncreas e o estômago , que energizam e nutrem
todos os órgãos e sistemas,com o Chi dos alimentos.
 Se a energia da terra se tornar insuficiente devido,
      por exemplo, ao desgaste provocado pela
                    preocupação,
 o corpo fica desvitalizado e doenças como anemia,
gastrite, úlcera, obesidade, pancreatite, etc. podem
                         surgir.
Quando o outono chega, a energia da Terra se
 transforma em Metal e começa a se contrair, a se
    solidificar; ela se volta para dentro, para se
  armazenar, da mesma forma como armazenamos
      nossa colheita para sobreviver ao inverno.
   Nesta fase deveríamos liberar tudo o que é velho,
assim como as árvores soltam as folhas para poupar
  sua essência, que então é armazenada nas raízes,
  para suportarem a fase não produtiva do inverno.
A energia do Metal controla o pulmão , que extrai o
    Chi ambiental e expele as toxinas do sangue;
   junto com o intestino grosso, elimina a sujeira
    pesada e recicla toda a água do organismo.
    O outono é a estação onde devemos extrair
  aprendizagens das atividades e experiências do
  verão, transformando-as através da meditação,
        na quietude e sabedoria do inverno.
Por isso o outono é a estação da introspecção,
   da faxina interior para reciclarmos sentimentos
 antigos, nos libertarmos dos apegos e do excesso
de emoções não digeridas, e assim nutrirmos nossas
           raízes emocionais e espirituais.
           A cor da fase Metal é o branco ,
            a cor da pureza e da essência.
Assim a grande roda da vida segue
caminhando entre os ciclos das energias
elementares, adormecendo, acordando e
   dando vida a todas as coisas, num
processo ordenado de seqüência rítmica.
Os 5 Elementos da natureza apresentam
                    atividades,
processos naturais e interações energéticas que
 podem favorecer ou bloquear uns aos outros.
                  Veja o exemplo:
Os taoístas descobriram que o Chi também está
  sujeito a esses mesmos processos naturais,
             aos quais eles chamaram
As cinco fases da energia ou 5 elementos, portanto,
 mantêm o equilíbrio e a harmonia entre as energia
   Yin e Yang, através dos ciclos de equilíbrio e
    checagem, ou Leis da Criação e Leis do
                    Controle .
Essas leis interagem e equilibram as forças polares,
   ao mesmo tempo que as mantém dinâmicas,
  para que possam mover e transformar energias.
Essa lei estabelece um ciclo e uma relação
“Mãe Geradora – Filho” , entre as cinco fases.




 Água gera a Madeira nutrindo seu crescimento.
 Madeira gera Fogo dando-lhe combustível para
queimar; Fogo gera Terra, fertilizando-a com suas
   cinzas; Terra produz Metal para extração e
 refinamento; Metal se torna líquido, como Água
   quando fundido, somando-lhe propriedades
         especiais, ao misturar-se à ela .
Assim, Inverno/Rins/Água, gera, provê o alimento
                          e
  mantém o filho, Primavera/Fígado/Madeira .
          Por sua vez, Primavera alimenta e
      mantém o filho, Verão/Coração/Fogo .
  Então, o Verão gera, acalenta, nutre e mantém
   o filho Colheita (Veranico ) /Terra/Baço.
    A Colheita gera Outono/Pulmões/Metal,
    que cria o Inverno /Rins/Água , fechando
      o ciclo. Mas o inverno logo despertará e
           criará novamente a Primavera .
De acordo com a MTC, pela Lei da Criação,
 se um órgão está fraco, frio, muito Yin ou
     deficiente, precisamos fortalecer a
   Estação/Órgão que o precede no ciclo,
      ou seja, a “mãe” do órgão doente.
 A teoria diz que a mãe, quando mais forte,
passa o seu excesso de energia para o filho.
Da mesma forma, se um órgão está muito quente,
muito Yang e tem excesso de energia, é porque vem
    tirando parte da energia do órgão seguinte,
                 seu filho, no ciclo.
O procedimento será levar o excesso de energia da
mãe, para seu filho, o órgão afetado. A mãe sempre
        dá o excesso de energia para o filho.
Este conceito diz respeito à
  possibilidade de um órgão perceber, conter e
  moderar um órgão que está tentando dominar
                 outro mais fraco.
  Embora desagradável, a imagem de um adulto
maltratando uma criança, mostra bem essa relação.
Nesse caso, podemos pedir a colaboração de outro
membro da família, talvez uma tia ou irmã (do órgão)
  para refrear a mãe dominadora e salvar o filho.
Ficará mais fácil você entender a Lei do
   Controle, se pensar no efeito que os
elementos exercem uns sobre os outros...
Metal abate Madeira;
Madeira penetra a Terra, dominando-a;
   a Terra controla o fluxo da Água;
       a Água extingue o Fogo,
e o Fogo, por sua vez, derrete o Metal.
Assim o fígado controla o baço;
     o baço controla os rins;
   os rins controlam o coração;
 o coração controla os pulmões
e os pulmões controlam o fígado.
A teoria das Cinco Fases da Energia e dos
 Cinco Elementos classifica o funcionamento do
     organismo de maneira bastante peculiar –
ao mesmo tempo em que separa órgãos, sintomas
 e funções, relaciona-os todos, uma vez que cada
       elemento depende do outro, para sua
                criação e controle.
Essas teorias permitem à Medicina Chinesa,
   explicar um grande número de quadros clínicos
           e efetuar diagnósticos precisos,
     tornando possível através de suas milenares
terapêuticas, equilibrar as correntes do Chi que fluem
 no corpo humano, restaurando a saúde e prevenindo
              o surgimento de doenças!
Obrigado pela atenção!
Gostaria de encontrá-lo na próxima !
Texto adaptado do Sistema Taoísta de
Cura de Mantak Chia
                Criação e Formatação:
OLGA MENDONÇA
                      Psicóloga, Psicoterapeuta
Corporal e Naturoterapeuta

Contato: terapeutaolga@gmail.com

                       Visite nosso site e
     conheça outros PPS da série:
      http://terapeutaolga.com.br/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Nadis e Pontos Marma
Nadis e Pontos MarmaNadis e Pontos Marma
Nadis e Pontos MarmaMichele Pó
 
Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira), Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira), Leonardo Pereira
 
Primeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de força
Primeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de forçaPrimeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de força
Primeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de forçaCeiClarencio
 
Aula 2 CENTROS DE FORÇA
Aula 2 CENTROS DE FORÇAAula 2 CENTROS DE FORÇA
Aula 2 CENTROS DE FORÇAFlávio Soares
 
Curso de passe 2016 - Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia Energética
Curso de passe 2016 -  Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia EnergéticaCurso de passe 2016 -  Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia Energética
Curso de passe 2016 - Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia EnergéticaEdna Costa
 
05 elementos 2 e 3
05 elementos 2 e 305 elementos 2 e 3
05 elementos 2 e 3Renata Pudo
 
Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...
Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...
Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...costaunicastelo
 
Chacras, plexos, nadis, kundalini e prana
Chacras, plexos, nadis, kundalini e pranaChacras, plexos, nadis, kundalini e prana
Chacras, plexos, nadis, kundalini e pranapaikachambi
 
Aula 5 Centros de Força
Aula 5   Centros de ForçaAula 5   Centros de Força
Aula 5 Centros de ForçaEHMANA
 
Estudo sobre os chacras e as doenças
Estudo sobre os chacras e as doençasEstudo sobre os chacras e as doenças
Estudo sobre os chacras e as doençasEdna Costa
 
Curso de passe centro de força 2011113 v1
Curso de passe   centro de força 2011113 v1Curso de passe   centro de força 2011113 v1
Curso de passe centro de força 2011113 v1Tiburcio Santos
 

Mais procurados (20)

Medicina da alma
Medicina da almaMedicina da alma
Medicina da alma
 
Nadis e Pontos Marma
Nadis e Pontos MarmaNadis e Pontos Marma
Nadis e Pontos Marma
 
Bexiga
Bexiga Bexiga
Bexiga
 
Yang
YangYang
Yang
 
62200067 palestra-de-chakras
62200067 palestra-de-chakras62200067 palestra-de-chakras
62200067 palestra-de-chakras
 
Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira), Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira),
 
Primeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de força
Primeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de forçaPrimeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de força
Primeiro Módulo - Aulas 7 e 8 - Perispirito e centros de força
 
Corpos sutís e o corpo físico
Corpos sutís e o corpo físicoCorpos sutís e o corpo físico
Corpos sutís e o corpo físico
 
Aula 2 CENTROS DE FORÇA
Aula 2 CENTROS DE FORÇAAula 2 CENTROS DE FORÇA
Aula 2 CENTROS DE FORÇA
 
Apresentação ma 2
Apresentação ma 2Apresentação ma 2
Apresentação ma 2
 
Curso de passe 2016 - Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia Energética
Curso de passe 2016 -  Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia EnergéticaCurso de passe 2016 -  Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia Energética
Curso de passe 2016 - Módulo 2 - Anatomia Humana e Anatomia Energética
 
05 elementos 2 e 3
05 elementos 2 e 305 elementos 2 e 3
05 elementos 2 e 3
 
10 os chacras
10 os chacras10 os chacras
10 os chacras
 
Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...
Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...
Curso do Passe Espírita - Associação Espírita Missionários da Luz - 2012 - Fe...
 
Chacras, plexos, nadis, kundalini e prana
Chacras, plexos, nadis, kundalini e pranaChacras, plexos, nadis, kundalini e prana
Chacras, plexos, nadis, kundalini e prana
 
Aula 5 Centros de Força
Aula 5   Centros de ForçaAula 5   Centros de Força
Aula 5 Centros de Força
 
Crystal sete chakras
Crystal   sete chakrasCrystal   sete chakras
Crystal sete chakras
 
Estudo sobre os chacras e as doenças
Estudo sobre os chacras e as doençasEstudo sobre os chacras e as doenças
Estudo sobre os chacras e as doenças
 
Ayurveda aromaterapia
Ayurveda aromaterapiaAyurveda aromaterapia
Ayurveda aromaterapia
 
Curso de passe centro de força 2011113 v1
Curso de passe   centro de força 2011113 v1Curso de passe   centro de força 2011113 v1
Curso de passe centro de força 2011113 v1
 

Destaque

Conceitos Básicos MTC parte1
Conceitos Básicos MTC  parte1Conceitos Básicos MTC  parte1
Conceitos Básicos MTC parte1Andreia Moreira
 
Conceitos Básicos MTC parte 5
Conceitos Básicos MTC parte 5Conceitos Básicos MTC parte 5
Conceitos Básicos MTC parte 5Andreia Moreira
 
Conceitos Básicos MTC parte 6
Conceitos Básicos MTC parte 6Conceitos Básicos MTC parte 6
Conceitos Básicos MTC parte 6Andreia Moreira
 
O diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeaco
O diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeacoO diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeaco
O diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeacoFisio Júnias
 
Apostila+de+auriculoacupuntura+chinesa
Apostila+de+auriculoacupuntura+chinesaApostila+de+auriculoacupuntura+chinesa
Apostila+de+auriculoacupuntura+chinesaCesar Pereira
 
5 elementos - Shu Antigos
5 elementos - Shu Antigos5 elementos - Shu Antigos
5 elementos - Shu AntigosFlavia Parente
 
Ação energética dos pontos de acupuntura
Ação energética dos pontos de acupunturaAção energética dos pontos de acupuntura
Ação energética dos pontos de acupunturaFlavia Parente
 
SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...
SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...
SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...http://www.saudebio.com Bio
 
Pontos Fonte E Lo
Pontos  Fonte E  LoPontos  Fonte E  Lo
Pontos Fonte E LoRenata Pudo
 
Pontos de alarme, vc e shu mo
Pontos de alarme, vc e shu moPontos de alarme, vc e shu mo
Pontos de alarme, vc e shu moFlavia Parente
 
Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009
Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009
Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009Ásia Mágica
 
Meridianos Tendinos Musculares
Meridianos Tendinos MuscularesMeridianos Tendinos Musculares
Meridianos Tendinos MuscularesFlavia Parente
 
Vasos maravilhosos
Vasos maravilhososVasos maravilhosos
Vasos maravilhososRenata Pudo
 
Lingua diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-Virality
Lingua  diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-ViralityLingua  diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-Virality
Lingua diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-ViralityMarcos Dias
 
As várias avaliações da medicina tradicional chinesa
As várias avaliações da medicina tradicional chinesaAs várias avaliações da medicina tradicional chinesa
As várias avaliações da medicina tradicional chinesaliliana ponte
 

Destaque (20)

Conceitos Básicos MTC parte1
Conceitos Básicos MTC  parte1Conceitos Básicos MTC  parte1
Conceitos Básicos MTC parte1
 
Conceitos Básicos MTC parte 5
Conceitos Básicos MTC parte 5Conceitos Básicos MTC parte 5
Conceitos Básicos MTC parte 5
 
Conceitos Básicos MTC parte 6
Conceitos Básicos MTC parte 6Conceitos Básicos MTC parte 6
Conceitos Básicos MTC parte 6
 
O diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeaco
O diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeacoO diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeaco
O diagnóstico na medicina chinesa [auteroche, navailh]blzdeaco
 
Apostila+de+auriculoacupuntura+chinesa
Apostila+de+auriculoacupuntura+chinesaApostila+de+auriculoacupuntura+chinesa
Apostila+de+auriculoacupuntura+chinesa
 
5 elementos - Shu Antigos
5 elementos - Shu Antigos5 elementos - Shu Antigos
5 elementos - Shu Antigos
 
Ação energética dos pontos de acupuntura
Ação energética dos pontos de acupunturaAção energética dos pontos de acupuntura
Ação energética dos pontos de acupuntura
 
SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...
SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...
SÍNDROMES NA MEDICINA TRADICIONAL CHINESA E PADRÕES DE DESARMONIA E MANIFESTA...
 
A sabedoria do TAO
A sabedoria do TAOA sabedoria do TAO
A sabedoria do TAO
 
Canais unitários
Canais unitáriosCanais unitários
Canais unitários
 
Pontos Fonte E Lo
Pontos  Fonte E  LoPontos  Fonte E  Lo
Pontos Fonte E Lo
 
Pontos de alarme, vc e shu mo
Pontos de alarme, vc e shu moPontos de alarme, vc e shu mo
Pontos de alarme, vc e shu mo
 
Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009
Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009
Workshop de Medicina Tradicional Chinesa, China, julho de 2009
 
Pulsologia
PulsologiaPulsologia
Pulsologia
 
Meridianos Tendinos Musculares
Meridianos Tendinos MuscularesMeridianos Tendinos Musculares
Meridianos Tendinos Musculares
 
Vasos maravilhosos
Vasos maravilhososVasos maravilhosos
Vasos maravilhosos
 
Lingua diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-Virality
Lingua  diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-ViralityLingua  diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-Virality
Lingua diagnostico na MTC- MEDICINA TRADICIONAL CHINESA-Virality
 
Ser transparente
Ser transparenteSer transparente
Ser transparente
 
Dani Ching Zen
Dani Ching ZenDani Ching Zen
Dani Ching Zen
 
As várias avaliações da medicina tradicional chinesa
As várias avaliações da medicina tradicional chinesaAs várias avaliações da medicina tradicional chinesa
As várias avaliações da medicina tradicional chinesa
 

Semelhante a Conceitos Básicos MTC parte 4

As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...
As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...
As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...Sergio Costa
 
Aula 4 classificações de signos
Aula 4   classificações de signosAula 4   classificações de signos
Aula 4 classificações de signosFábio Mascarenhas
 
O templo do universo
O templo do universoO templo do universo
O templo do universoeyuiudfgeyd
 
Circulos espiritualidade feminina
Circulos espiritualidade femininaCirculos espiritualidade feminina
Circulos espiritualidade femininaju_almeida
 
28740135 a-cura-de-orion
28740135 a-cura-de-orion28740135 a-cura-de-orion
28740135 a-cura-de-orionJota Santos
 
Os Gunas e a Mente
Os Gunas e a MenteOs Gunas e a Mente
Os Gunas e a MenteMichele Pó
 
Astrologia karmica 1
 Astrologia karmica 1 Astrologia karmica 1
Astrologia karmica 1RODRIGO ORION
 
AGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdf
AGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdfAGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdf
AGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdfRoberto Rabat Chame
 
Astrologia e Diagnóstico - Vanda Marques
Astrologia e Diagnóstico - Vanda MarquesAstrologia e Diagnóstico - Vanda Marques
Astrologia e Diagnóstico - Vanda MarquesMichele Pó
 
medicina-tradicional-chinesa.pdf
medicina-tradicional-chinesa.pdfmedicina-tradicional-chinesa.pdf
medicina-tradicional-chinesa.pdfFabioAbagabir1
 
Geometria sagrada 123d.pdf
Geometria sagrada 123d.pdfGeometria sagrada 123d.pdf
Geometria sagrada 123d.pdfSuzyCarvalho10
 
A magia das pedras preciosas mellie-uyldert
A magia das pedras  preciosas  mellie-uyldertA magia das pedras  preciosas  mellie-uyldert
A magia das pedras preciosas mellie-uyldertPaloma Lopes
 
Lua (fases e calendário lunar)
Lua (fases e calendário lunar)Lua (fases e calendário lunar)
Lua (fases e calendário lunar)Ivo Silva
 

Semelhante a Conceitos Básicos MTC parte 4 (20)

Mae e filho
Mae e filhoMae e filho
Mae e filho
 
As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...
As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...
As tres teorias de hermes suas investigações culminaram na teoria das três su...
 
Aula 4 classificações de signos
Aula 4   classificações de signosAula 4   classificações de signos
Aula 4 classificações de signos
 
O templo do universo
O templo do universoO templo do universo
O templo do universo
 
Circulos espiritualidade feminina
Circulos espiritualidade femininaCirculos espiritualidade feminina
Circulos espiritualidade feminina
 
61818432 a-cura-de-orion
61818432 a-cura-de-orion61818432 a-cura-de-orion
61818432 a-cura-de-orion
 
61818432 a-cura-de-orion(1)
61818432 a-cura-de-orion(1)61818432 a-cura-de-orion(1)
61818432 a-cura-de-orion(1)
 
Principio Vital
Principio VitalPrincipio Vital
Principio Vital
 
124570866 60447845-a-cura-de-orion-1
124570866 60447845-a-cura-de-orion-1124570866 60447845-a-cura-de-orion-1
124570866 60447845-a-cura-de-orion-1
 
28740135 a-cura-de-orion
28740135 a-cura-de-orion28740135 a-cura-de-orion
28740135 a-cura-de-orion
 
Clãs elementais
Clãs elementaisClãs elementais
Clãs elementais
 
Os Gunas e a Mente
Os Gunas e a MenteOs Gunas e a Mente
Os Gunas e a Mente
 
Astrologia karmica 1
 Astrologia karmica 1 Astrologia karmica 1
Astrologia karmica 1
 
AGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdf
AGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdfAGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdf
AGRISSENIOR NOTÍCIAS Nº 548 pdf
 
Astrologia e Diagnóstico - Vanda Marques
Astrologia e Diagnóstico - Vanda MarquesAstrologia e Diagnóstico - Vanda Marques
Astrologia e Diagnóstico - Vanda Marques
 
medicina-tradicional-chinesa.pdf
medicina-tradicional-chinesa.pdfmedicina-tradicional-chinesa.pdf
medicina-tradicional-chinesa.pdf
 
Geometria sagrada 123d.pdf
Geometria sagrada 123d.pdfGeometria sagrada 123d.pdf
Geometria sagrada 123d.pdf
 
Pentagrama 3
Pentagrama 3Pentagrama 3
Pentagrama 3
 
A magia das pedras preciosas mellie-uyldert
A magia das pedras  preciosas  mellie-uyldertA magia das pedras  preciosas  mellie-uyldert
A magia das pedras preciosas mellie-uyldert
 
Lua (fases e calendário lunar)
Lua (fases e calendário lunar)Lua (fases e calendário lunar)
Lua (fases e calendário lunar)
 

Mais de Andreia Moreira (20)

Pedido de Demissão
Pedido de DemissãoPedido de Demissão
Pedido de Demissão
 
Tratamento de Fibromialgia com Cristais Radiônicos
Tratamento de Fibromialgia com Cristais RadiônicosTratamento de Fibromialgia com Cristais Radiônicos
Tratamento de Fibromialgia com Cristais Radiônicos
 
Cura Real
Cura RealCura Real
Cura Real
 
Seus Rins
Seus RinsSeus Rins
Seus Rins
 
Sua Vesícula
Sua VesículaSua Vesícula
Sua Vesícula
 
Seus Pulmões
Seus Pulmões Seus Pulmões
Seus Pulmões
 
Seu Estômago
Seu  EstômagoSeu  Estômago
Seu Estômago
 
Seu Intestino Grosso
Seu Intestino GrossoSeu Intestino Grosso
Seu Intestino Grosso
 
Fígado
Fígado  Fígado
Fígado
 
Baço Pâncreas
Baço Pâncreas Baço Pâncreas
Baço Pâncreas
 
Seu Coração
Seu Coração Seu Coração
Seu Coração
 
Crystal Michelle Coutant -Templo de Deus
Crystal   Michelle Coutant -Templo de DeusCrystal   Michelle Coutant -Templo de Deus
Crystal Michelle Coutant -Templo de Deus
 
Intestino Delgado
Intestino DelgadoIntestino Delgado
Intestino Delgado
 
Declaro me vivo
Declaro me vivoDeclaro me vivo
Declaro me vivo
 
Autoproteoespiritual 110817173201-phpapp01
Autoproteoespiritual 110817173201-phpapp01Autoproteoespiritual 110817173201-phpapp01
Autoproteoespiritual 110817173201-phpapp01
 
Plasma marinho
Plasma marinhoPlasma marinho
Plasma marinho
 
O Ponto Azul
O Ponto AzulO Ponto Azul
O Ponto Azul
 
Ressonancia Schumann
Ressonancia SchumannRessonancia Schumann
Ressonancia Schumann
 
Aspargos X Câncer
Aspargos X CâncerAspargos X Câncer
Aspargos X Câncer
 
Lemuria
Lemuria Lemuria
Lemuria
 

Último

Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosCaracterísticas gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosThaiseGerber2
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfHELLEN CRISTINA
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................paulo222341
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfHELLEN CRISTINA
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdfHELLEN CRISTINA
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisbertoadelinofelisberto3
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfivana Sobrenome
 

Último (8)

Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosCaracterísticas gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
 

Conceitos Básicos MTC parte 4

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4. Nesse trabalho, vamos nos aprofundar sobre a segunda divisão do TAO, quando a simbologia YIN e YANG se transforma nos CINCO ELEMENTOS.
  • 5. Como vimos, Yin e Yang é a primeira subdivisão do símbolo que significa o Todo . De suas interações emanam cinco transformações energéticas básicas, que são denominadas as Cinco Fases Elementais da Energia .
  • 6. As Cinco fases das Energias Elementares se combinam e re-combinam de inúmeras formas e produzem a vida manifesta. Todas as coisas que existem contêm os cinco elementos em variadas proporções, inclusive nós, seres humanos. Nosso corpo e saúde, temperamentos, estados emocionais e mentais e até nossa vida espiritual, resultam da interação dessas cinco forças.
  • 7. Os antigos taoístas perceberam que cada um desses elementos da natureza, expressava com exatidão, as cinco tendências do Chi em movimento.
  • 8. Assim, Madeira representa a energia que está em geração, em desenvolvimento. Fogo representa a energia que está se expandindo e irradiando. Terra representa a energia que está se estabilizando e centrando. Metal representa a energia que está se solidificando e contraindo. Água é a energia que está se conservando, juntando e submergindo.
  • 9. As 5 Fases da Energia são expressões de energias que podem ser observadas na natureza e em todo o universo. No céu, elas influenciam os movimentos das estrelas e dos planetas. Na Terra, as estações do ano - primavera, verão, outono, inverno e uma 5ª,veranico ou colheita (final do verão) .
  • 10. No corpo humano, essas energias afetam os 5 conjuntos de órgãos: •Rins/Bexiga – Água/Inverno; •Fígado/Vesícula Biliar – Madeira/Primavera; •Coração/Intestino delgado – Fogo/Verão; •Baço/Pâncreas/Estômago – Terra/Veranico; •Pulmões/Intestino Grosso – Metal/ Outono.
  • 11. A água é a fase da energia associada ao inverno , no qual prevalece a força Yin. O inverno é tempo de frio, descanso, quietude, quando a energia é recolhida, poupada e condensada. A água é um elemento muito concentrado, contendo um grande poder esperando para ser liberado.
  • 12. No corpo humano, a água está associada aos Rins e aos fluidos essenciais como os hormônios, os líquidos linfáticos, a medula, as enzimas, todos com grande potencial de energia. Sua cor é o preto ou o azul noite, que contêm todas as outras cores de forma concentrada. Na natureza, a água evapora com o excesso de calor; nos seres humanos a energia de água nos Rins é dispersada pelo excesso de estresse e emoções fortes. A forma de se conservar a energia da água é através da quietude e repouso e do se manter "frio".
  • 13. A próxima fase do ciclo das estações é a primavera , quando, do potencial energético da água, surge o elemento madeira , simbolizado pelo verde das plantas, que florescem durante a primavera. Este é um estágio Yang do ciclo das energias. Madeira é a fase da geração criativa de energia, que é expansiva, alegre e explosiva. Tempo de semear o que desejamos colher e que desperta nos seres o desejo de procriar.
  • 14. Madeira está associada ao Fígado , ao vigor, à juventude, ao crescimento e ao desenvolvimento. Essa energia pede liberdade para se expressar e espaço para se expandir. Se bloquearmos seu desenvolvimento, criamos frustração, raiva, ciúme ou estagnação, que afetam o fígado,originando doenças que vão desde o aumento do colesterol, à hepatite e o câncer.
  • 15. Assim como a primavera se desenvolve naturalmente para o verão , também a energia expansiva e criativa da Madeira amadurece para a energia florescente do Fogo . Esta é a fase mais cheia de energia Yang e quente, de todo o ciclo. Todas as formas de vida se aquecem nesta fase de amadurecimento da energia.
  • 16. O fogo está associado ao coração , o órgão que pulsa e distribui sangue e vida pelo corpo; sua cor é o vermelho, a cor do calor e do sangue. O coração é a morada do amor , a emoção humana mais nobre, que está ligada à compaixão, à generosidade, à alegria, à abertura e à abundância. Se bloquearmos esta energia expansiva, o resultado é a hipertensão, os problemas cardíacos e as desordens emocionais e nervosas.
  • 17. O final do verão traz um momento de perfeito equilíbrio, um interlúdio em que a energia do fogo diminui, se transformando em energia da Terra, nem muito Yin e nem muito Yang. Trata-se do Veranico ou Colheita , o clímax do ciclo, o intervalo entre as energias Yang da primavera e do verão e, as energias Yin do outono e do inverno. É o tempo de colher o que foi plantado na primavera, tempo de bem estar e completude.
  • 18. A energia do Veranico ou final do verão é a energia da Terra , sua cor é o amarelo ou o marrom. No corpo humano ela está associada ao baço, pâncreas e o estômago , que energizam e nutrem todos os órgãos e sistemas,com o Chi dos alimentos. Se a energia da terra se tornar insuficiente devido, por exemplo, ao desgaste provocado pela preocupação, o corpo fica desvitalizado e doenças como anemia, gastrite, úlcera, obesidade, pancreatite, etc. podem surgir.
  • 19. Quando o outono chega, a energia da Terra se transforma em Metal e começa a se contrair, a se solidificar; ela se volta para dentro, para se armazenar, da mesma forma como armazenamos nossa colheita para sobreviver ao inverno. Nesta fase deveríamos liberar tudo o que é velho, assim como as árvores soltam as folhas para poupar sua essência, que então é armazenada nas raízes, para suportarem a fase não produtiva do inverno.
  • 20. A energia do Metal controla o pulmão , que extrai o Chi ambiental e expele as toxinas do sangue; junto com o intestino grosso, elimina a sujeira pesada e recicla toda a água do organismo. O outono é a estação onde devemos extrair aprendizagens das atividades e experiências do verão, transformando-as através da meditação, na quietude e sabedoria do inverno.
  • 21. Por isso o outono é a estação da introspecção, da faxina interior para reciclarmos sentimentos antigos, nos libertarmos dos apegos e do excesso de emoções não digeridas, e assim nutrirmos nossas raízes emocionais e espirituais. A cor da fase Metal é o branco , a cor da pureza e da essência.
  • 22. Assim a grande roda da vida segue caminhando entre os ciclos das energias elementares, adormecendo, acordando e dando vida a todas as coisas, num processo ordenado de seqüência rítmica.
  • 23. Os 5 Elementos da natureza apresentam atividades, processos naturais e interações energéticas que podem favorecer ou bloquear uns aos outros. Veja o exemplo: Os taoístas descobriram que o Chi também está sujeito a esses mesmos processos naturais, aos quais eles chamaram
  • 24. As cinco fases da energia ou 5 elementos, portanto, mantêm o equilíbrio e a harmonia entre as energia Yin e Yang, através dos ciclos de equilíbrio e checagem, ou Leis da Criação e Leis do Controle . Essas leis interagem e equilibram as forças polares, ao mesmo tempo que as mantém dinâmicas, para que possam mover e transformar energias.
  • 25. Essa lei estabelece um ciclo e uma relação “Mãe Geradora – Filho” , entre as cinco fases. Água gera a Madeira nutrindo seu crescimento. Madeira gera Fogo dando-lhe combustível para queimar; Fogo gera Terra, fertilizando-a com suas cinzas; Terra produz Metal para extração e refinamento; Metal se torna líquido, como Água quando fundido, somando-lhe propriedades especiais, ao misturar-se à ela .
  • 26. Assim, Inverno/Rins/Água, gera, provê o alimento e mantém o filho, Primavera/Fígado/Madeira . Por sua vez, Primavera alimenta e mantém o filho, Verão/Coração/Fogo . Então, o Verão gera, acalenta, nutre e mantém o filho Colheita (Veranico ) /Terra/Baço. A Colheita gera Outono/Pulmões/Metal, que cria o Inverno /Rins/Água , fechando o ciclo. Mas o inverno logo despertará e criará novamente a Primavera .
  • 27.
  • 28. De acordo com a MTC, pela Lei da Criação, se um órgão está fraco, frio, muito Yin ou deficiente, precisamos fortalecer a Estação/Órgão que o precede no ciclo, ou seja, a “mãe” do órgão doente. A teoria diz que a mãe, quando mais forte, passa o seu excesso de energia para o filho.
  • 29. Da mesma forma, se um órgão está muito quente, muito Yang e tem excesso de energia, é porque vem tirando parte da energia do órgão seguinte, seu filho, no ciclo. O procedimento será levar o excesso de energia da mãe, para seu filho, o órgão afetado. A mãe sempre dá o excesso de energia para o filho.
  • 30. Este conceito diz respeito à possibilidade de um órgão perceber, conter e moderar um órgão que está tentando dominar outro mais fraco. Embora desagradável, a imagem de um adulto maltratando uma criança, mostra bem essa relação. Nesse caso, podemos pedir a colaboração de outro membro da família, talvez uma tia ou irmã (do órgão) para refrear a mãe dominadora e salvar o filho.
  • 31. Ficará mais fácil você entender a Lei do Controle, se pensar no efeito que os elementos exercem uns sobre os outros...
  • 32. Metal abate Madeira; Madeira penetra a Terra, dominando-a; a Terra controla o fluxo da Água; a Água extingue o Fogo, e o Fogo, por sua vez, derrete o Metal.
  • 33. Assim o fígado controla o baço; o baço controla os rins; os rins controlam o coração; o coração controla os pulmões e os pulmões controlam o fígado.
  • 34. A teoria das Cinco Fases da Energia e dos Cinco Elementos classifica o funcionamento do organismo de maneira bastante peculiar – ao mesmo tempo em que separa órgãos, sintomas e funções, relaciona-os todos, uma vez que cada elemento depende do outro, para sua criação e controle.
  • 35. Essas teorias permitem à Medicina Chinesa, explicar um grande número de quadros clínicos e efetuar diagnósticos precisos, tornando possível através de suas milenares terapêuticas, equilibrar as correntes do Chi que fluem no corpo humano, restaurando a saúde e prevenindo o surgimento de doenças!
  • 36. Obrigado pela atenção! Gostaria de encontrá-lo na próxima !
  • 37. Texto adaptado do Sistema Taoísta de Cura de Mantak Chia Criação e Formatação: OLGA MENDONÇA Psicóloga, Psicoterapeuta Corporal e Naturoterapeuta Contato: terapeutaolga@gmail.com Visite nosso site e conheça outros PPS da série: http://terapeutaolga.com.br/