SlideShare uma empresa Scribd logo
Nutrição Funcional     “A cura da parte não deve ser feita sem o tratamento do todo”  (Platão ano 380 A )É um nova visão da nutrição que estuda os alimentos e as interações deste com o organismo. O que se come deve estar em sintonia com o que se é, ou seja com o seu código genético.A nutrição funcional estuda a individualidade bioquímica do paciente e mapeia os desequilíbrios nutricionais. Para isso são levados em consideração as interconexões metabólicas, que envolvem interações neuroendócrinas, processos de detoxificação hepática, ecologia gastrointestinal, estresse oxidativo, sistema imunológico e interações corpo e mente.    A interação com todos os sistemas do corpo faz com que tenhamos sucesso e maior assertividade no tratamento do paciente.  A Nutrição das células de forma equilibrada e funcional, favorece o equilíbrio metabólico, levando a melhora dos objetivos esperados pelo tratamento.
Princípios da Nutrição FuncionalIndividualidade bioquímicaTratamento centrado no paciente (sintomas e suas origens) e não só na doença. Equilíbrio nutricional dentro das células (Nutrição Celular) Favorecer uma adequada Biodisponibilidade dos Nutrientes (Ingestão, Digestão, Absorção, Transporte, Utilização e Excreção de forma correta) Saúde (Equilíbrio Físico, Mental e Emocional)   .
Questões levadas em consideração para o Diagnóstico e Tratamento Nutricional.Estresse Oxidativo e metabolismo energético;Regulação Hormonal e de neurotransmissores;Digestão, absorção e integridade da barreira intestinal;Suporte imunológico;Integridade estrutural do individuo;Destoxificação e biotransformação hepática;Processo inflamatório;Equilíbrio psicológico e espiritual – interação corpo e mente
Atuações na Nutrição FuncionalHipersensibilidades Alimentares;Síndrome do Intestino Irritável;Doenças inflamatórias Crônicas;Debilidades do sistema imunológico;Alterações e degenerações articulares (artrose,artrite);Alterações e Degeneração do sistema nervoso (Alzheimer,Parkinson);Doenças auto-imunes;Garantir nutrientes para uma gestação saudável;Alterações do metabolismoMelhora da performance em atletas e praticantes de atividade físicaTratamento por infecções por leveduras, vírus e bactérias;Déficit do Crescimento em crianças;Obesidade e baixo peso;Desequilíbrios endocrinológicos (TPM, menopausa, desordens da tireóide);CandidiaseCrônicaHerpesMá digestão, Refluxo, Gastrite, Azia;Dor de estomago, inchaço abdominal;Flatulências excessivas (gases);CâimbrasConstipação , diarréia crônicaDepressãoEnxaquecaUnhas quebradiças e fracasMicose, fungo nas unhasHipoglicemiaHipotireoidismoCeluliteHipertrofia MuscularDiabetes HipertensãoContaminações por metais tóxicosVegetarianismoDestoxificaçãoDoença Celíaca
Avaliação Nutricional Funcional ClínicaAtravés da analise dos hábitos alimentares, estilo de vida,  exames  laboratoriais, avaliação dos sinais e sintomas, checagem das sensibilidades  alimentares e resultado do exame  de microscopia eletrônica , observamos os  desequilíbrios na alimentação, a situação emocional,o funcionamento do sistema imunológico, as disfunções endócrinas e as alterações gastrointestinais do paciente. Esta anamnese detalhada acima tem o objetivo de avaliar cada sistema, independente do motivo que levou o paciente ao consultório, pois sabemos que para o bom funcionamento do organismo, cada sistema depende da saúde de outro sistema. Buscamos a visão do todo, a relação do paciente com seu meio, seus anseios e frustrações, além de realçar sua historia familiar, hábitos e vulnerabilidades.Com esta pesquisa detalhada  conseguimos definir o seu perfil genético, analisando aquilo que foi herdado e como fazer para que estas predisposições não se manifestem.
Exame FísicoBioimpedânciaUm exame importante, que ajuda a determinar a correção alimentar, mesmo em pessoas com o peso normal, para recuperar e manter a forma corporal.  O que é?    A Bioimpedância é utilizada para avaliar a composição  corporal de gordura. Através de um aparelho, é possível  medir a gordura do corpo por meio de uma corrente elétrica  de baixa intensidade, imperceptível para o paciente.  A corrente anda mais rápida pelos tecidos magros que tem  mais água e eletrólitos e anda mais devagar pelo tecidos com  gordura. Dessa forma, é possível determinar o conteúdo em  gordura de um corpo em porcentagem e identificar se uma  pessoa tem, por exemplo, 32% de massa gordurosa e 68%  de massa magra. Avaliação    O exame ajuda a detectar as chamadas magras-gordas, ou  seja, pessoas magras no peso, e com composição de gordura  aumentada no corpo, que provoca a desarmonia corporal. É  por causa desta composição alterada que mesmo pacientes  com o peso normal podem ter as alterações causadas por  excesso de gordura. Em casos de pacientes com excesso de  peso, se tiverem a composição alterada, também irão  apresentar alterações na aparência corporal.  Valores ideais de Gordura Percentual, Massa Magra, Água  Corporal, metabolismo Basal, Peso Corporal e peso a perder  ou a ganhar, são possíveis de ser avaliados. Além disso,  pode-se programar a Taxa de gordura e o Peso Corporal  ideais para o paciente, personalizando cada caso.
Exame de Microscopia CelularO exame de análise nutricional e funcional celular  através do método de análise de sangue periférico permite a alta resolução da morfologia sanguínea (highresolutionbloodmorphologies - HRBM). Com o teste da gota coagulada (HLB) e gota in vivo ( LBA), é possível diagnosticar alguns tipos de morfologia e correlacionar com o fator de risco funcional. Com isso, ajuda a determinar a fisiopatologia da doença e desenvolver efetivos protocolos de terapêutica.Durante a análise o paciente acompanha o exame, visualizando seu sangue no monitor, o profissional poderá fazer algumas perguntas de sintomatologia para relacionar com a morfologia observada no exame.
Exame de Microscopia Celular:Exame de Microscopia CelularEste exame é realizado em duas etapas:- Coleta de gota de sangue (gota coagulada) colocada em fileira sob lâmina e aguarda alguns minutos até a sua secagem.- Coleta de gota de sangue (sangue vivo) colocada sob lâmina e coberta por uma lamínula para posteriormente ser analisada na microscopia de campo escuro.Indicações para a realização do exame:- Exame funcional;- Quantificar de modo indireto o sistema antioxidante;- Avaliar a taxa de radicais livres;- Avaliar de forma indireta a falta de vitaminas, oligoelementos e sais minerais;- Avaliar de forma indireta a repercussão de doenças no organismo: inflamação intestinal, alteração na tireóide, doenças cardiovasculares, alergias, stress, processos inflamatórios agudos e crônicos, metais pesados e intoxicações, hipersensibilidades, etc.Células vermelhas - hemáceas na qual carregam o oxigênio para os tecidos (suas alterações e defeitos), células. - Células Brancas (sistema de defesa como os leucócitos, linfócitos, bastonetes-infecção aguda, eosinófilos-alergia) e alterações de energia:
 Fungo, bactérias, disbiose - Rouleau, cristais, colesterol;Como é feito?É realizado através de punção - igual ao exame de glicemia. Punciona-se o dedo através de uma técnica especial e o exame é colhido em duas lâminas, uma para o HLB e a outra para o exame de campo escuro.Quem pode fazer?Para todo o tipo de pacientes, desde a infância até a senilidade, sexo, raça ou classe social. Abrange a todos, sem discriminação.Os resultados são obtidos no mesmo dia?Os exames são analisados na mesma hora que o paciente colhe o exame, pois tem a duração de 30 à 40 minutos aproximadamente. O paciente fica sentado na frente do examinador e é explicado item por item as alterações que estão ocorrendo.
Planejamento AlimentarDiferente dos regimes aplicados em larga escala, a Nutrição Funcional prescreve uma dieta individualizada e preventiva, baseando-se nas necessidades e no metabolismo específico de cada pessoa. As necessidades individuais são baseadas em seus desequilíbrios (sintomas), objetivos e reações aos diferentes alimentos e situações do dia a dia. O organismo é observado como um todo.  Portanto, com base nos itens avaliados e investigação minuciosa através de aparelhos complementares monta-se um programa com horários, alimentos, e orientações específica para cada caso. O plano inclui ainda a reposição das  vitaminas e minerais necessários, a eliminação dos tóxicos, e  o uso dos alimentos funcionais específicos, resultando num  organismo mais harmônico, equilibrado e saudável.Educamos os pacientes a tomar atitudes positivas em relação a vida
CoachingNutritionAlimentação correta com suporte que você procuraEste serviço foi elaborado para pacientes que pela correria do dia a dia não tem tempo de se deslocar ao consultório e além disto necessitam de um acompanhamento in loco, com esta estrutura suprimos um problema comum nos centros urbanos a falta de tempo. Levamos ao paciente um processo continuo de educação nutricional, adequação da alimentação, gerando maior adesão ao  tratamento, resultados mais rápidos e duradouros.A quem se destina:Pacientes com carga excessiva de trabalho ou que moram sozinhas;
 Pacientes que não fazem refeições em casa;

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Manual oficial contagem_carboidratos_2009
Manual oficial contagem_carboidratos_2009Manual oficial contagem_carboidratos_2009
Manual oficial contagem_carboidratos_2009
marikoh
 
Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009
Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009
Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009
Dr. Benevenuto
 
Aula 7 cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
Aula 7  cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modularAula 7  cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
Aula 7 cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
milagre moreira
 
Nutrição na Empresa
Nutrição na EmpresaNutrição na Empresa
Nutrição na Empresa
luischagaca
 
Manual nutricao (nao profissional) 4
Manual nutricao (nao profissional) 4Manual nutricao (nao profissional) 4
Manual nutricao (nao profissional) 4
projetacursosba
 
Dietas hospitalares ripari (1)
Dietas hospitalares ripari (1)Dietas hospitalares ripari (1)
Dietas hospitalares ripari (1)
Izabela Pereira
 
Slide do trabalho de introdução a nutrição
Slide do trabalho de introdução a nutriçãoSlide do trabalho de introdução a nutrição
Slide do trabalho de introdução a nutrição
Natiele Carvalho
 
Resumo FENERC 2012 - Serra Talhada
Resumo FENERC 2012 - Serra TalhadaResumo FENERC 2012 - Serra Talhada
Resumo FENERC 2012 - Serra Talhada
forumdealimetacao
 
Samuel_Diario_alimentar
Samuel_Diario_alimentarSamuel_Diario_alimentar
Samuel_Diario_alimentar
comunidadedepraticas
 
Terapia Nutricional no idoso com câncer
Terapia Nutricional no idoso com câncerTerapia Nutricional no idoso com câncer
Terapia Nutricional no idoso com câncer
Brendha Soares
 
Nutrição no Ensino da Enfermagem
Nutrição no Ensino da EnfermagemNutrição no Ensino da Enfermagem
Nutrição no Ensino da Enfermagem
Abilio Cardoso Teixeira
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
PaulaReis84
 
Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta
Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta
Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta
LviaMotta3
 
Fitoesteróis e Colesterol
Fitoesteróis e ColesterolFitoesteróis e Colesterol
Fitoesteróis e Colesterol
Dr. Benevenuto
 
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idososAvalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Nara Barros
 
Nutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internadoNutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internado
uhgeri
 
Aula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humano
Aula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humanoAula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humano
Aula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humano
Cleverson Ribeiro
 
Dietas
DietasDietas
Dietas
e.ferreira
 
Guia alimentar de dietas vegetarianas para adultos
Guia alimentar de dietas vegetarianas para adultosGuia alimentar de dietas vegetarianas para adultos
Guia alimentar de dietas vegetarianas para adultos
Bruno Rocha
 
Vera_Atualizacao_terapeutica_DM
Vera_Atualizacao_terapeutica_DMVera_Atualizacao_terapeutica_DM
Vera_Atualizacao_terapeutica_DM
comunidadedepraticas
 

Mais procurados (20)

Manual oficial contagem_carboidratos_2009
Manual oficial contagem_carboidratos_2009Manual oficial contagem_carboidratos_2009
Manual oficial contagem_carboidratos_2009
 
Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009
Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009
Nutrição e Atividade Física, Consenso SBME, 2009
 
Aula 7 cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
Aula 7  cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modularAula 7  cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
Aula 7 cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
 
Nutrição na Empresa
Nutrição na EmpresaNutrição na Empresa
Nutrição na Empresa
 
Manual nutricao (nao profissional) 4
Manual nutricao (nao profissional) 4Manual nutricao (nao profissional) 4
Manual nutricao (nao profissional) 4
 
Dietas hospitalares ripari (1)
Dietas hospitalares ripari (1)Dietas hospitalares ripari (1)
Dietas hospitalares ripari (1)
 
Slide do trabalho de introdução a nutrição
Slide do trabalho de introdução a nutriçãoSlide do trabalho de introdução a nutrição
Slide do trabalho de introdução a nutrição
 
Resumo FENERC 2012 - Serra Talhada
Resumo FENERC 2012 - Serra TalhadaResumo FENERC 2012 - Serra Talhada
Resumo FENERC 2012 - Serra Talhada
 
Samuel_Diario_alimentar
Samuel_Diario_alimentarSamuel_Diario_alimentar
Samuel_Diario_alimentar
 
Terapia Nutricional no idoso com câncer
Terapia Nutricional no idoso com câncerTerapia Nutricional no idoso com câncer
Terapia Nutricional no idoso com câncer
 
Nutrição no Ensino da Enfermagem
Nutrição no Ensino da EnfermagemNutrição no Ensino da Enfermagem
Nutrição no Ensino da Enfermagem
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta
Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta
Apostila de nutrição e dietética profª lívia motta
 
Fitoesteróis e Colesterol
Fitoesteróis e ColesterolFitoesteróis e Colesterol
Fitoesteróis e Colesterol
 
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idososAvalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
 
Nutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internadoNutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internado
 
Aula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humano
Aula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humanoAula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humano
Aula 1 import+éncia da nutri+ç+âo para o ser humano
 
Dietas
DietasDietas
Dietas
 
Guia alimentar de dietas vegetarianas para adultos
Guia alimentar de dietas vegetarianas para adultosGuia alimentar de dietas vegetarianas para adultos
Guia alimentar de dietas vegetarianas para adultos
 
Vera_Atualizacao_terapeutica_DM
Vera_Atualizacao_terapeutica_DMVera_Atualizacao_terapeutica_DM
Vera_Atualizacao_terapeutica_DM
 

Destaque

Alimentação e emoções
Alimentação e emoçõesAlimentação e emoções
Alimentação e emoções
António Carvalho
 
O pensamento gordo e pensamento magro
O pensamento gordo e pensamento magroO pensamento gordo e pensamento magro
O pensamento gordo e pensamento magro
penelopepotter
 
A Saúde A Nutrição & Os Nutrientes 4
A Saúde   A Nutrição & Os Nutrientes 4A Saúde   A Nutrição & Os Nutrientes 4
A Saúde A Nutrição & Os Nutrientes 4
Helena Rocha
 
Compreensão dos Aspectos Psicológicos da Obesidade
Compreensão dos Aspectos Psicológicos da ObesidadeCompreensão dos Aspectos Psicológicos da Obesidade
Compreensão dos Aspectos Psicológicos da Obesidade
Silvia Marina Anaruma
 
EmagreSer
EmagreSerEmagreSer
Acompanhamento psicológico de emagrecimento
Acompanhamento psicológico de emagrecimentoAcompanhamento psicológico de emagrecimento
Acompanhamento psicológico de emagrecimento
Jhonas Rodrigues
 
Coaching de emagrecimento pdf
Coaching de emagrecimento pdfCoaching de emagrecimento pdf
Coaching de emagrecimento pdf
Lucas Ribeiro
 
Email mkt emagrecimento setembro
Email mkt emagrecimento setembroEmail mkt emagrecimento setembro
Email mkt emagrecimento setembro
Débora Gibertoni
 
Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia
Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia
Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia
Emanoel Freire
 
Workshop de Emagrecimento Natural com Consciência plena
Workshop de Emagrecimento Natural com Consciência plenaWorkshop de Emagrecimento Natural com Consciência plena
Workshop de Emagrecimento Natural com Consciência plena
Emerson Pacheco
 
Apostila Da Personal Cooking
Apostila Da Personal CookingApostila Da Personal Cooking
Apostila Da Personal Cooking
themis dovera
 
Aprenda pensar magro e emagreça
Aprenda pensar magro e emagreçaAprenda pensar magro e emagreça
Aprenda pensar magro e emagreça
Célia Prado Psicóloga
 

Destaque (12)

Alimentação e emoções
Alimentação e emoçõesAlimentação e emoções
Alimentação e emoções
 
O pensamento gordo e pensamento magro
O pensamento gordo e pensamento magroO pensamento gordo e pensamento magro
O pensamento gordo e pensamento magro
 
A Saúde A Nutrição & Os Nutrientes 4
A Saúde   A Nutrição & Os Nutrientes 4A Saúde   A Nutrição & Os Nutrientes 4
A Saúde A Nutrição & Os Nutrientes 4
 
Compreensão dos Aspectos Psicológicos da Obesidade
Compreensão dos Aspectos Psicológicos da ObesidadeCompreensão dos Aspectos Psicológicos da Obesidade
Compreensão dos Aspectos Psicológicos da Obesidade
 
EmagreSer
EmagreSerEmagreSer
EmagreSer
 
Acompanhamento psicológico de emagrecimento
Acompanhamento psicológico de emagrecimentoAcompanhamento psicológico de emagrecimento
Acompanhamento psicológico de emagrecimento
 
Coaching de emagrecimento pdf
Coaching de emagrecimento pdfCoaching de emagrecimento pdf
Coaching de emagrecimento pdf
 
Email mkt emagrecimento setembro
Email mkt emagrecimento setembroEmail mkt emagrecimento setembro
Email mkt emagrecimento setembro
 
Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia
Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia
Palestra comportamento alimentar e cognição - Patricia
 
Workshop de Emagrecimento Natural com Consciência plena
Workshop de Emagrecimento Natural com Consciência plenaWorkshop de Emagrecimento Natural com Consciência plena
Workshop de Emagrecimento Natural com Consciência plena
 
Apostila Da Personal Cooking
Apostila Da Personal CookingApostila Da Personal Cooking
Apostila Da Personal Cooking
 
Aprenda pensar magro e emagreça
Aprenda pensar magro e emagreçaAprenda pensar magro e emagreça
Aprenda pensar magro e emagreça
 

Semelhante a Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa

Apostila avaliação nutricional
Apostila  avaliação nutricionalApostila  avaliação nutricional
Apostila avaliação nutricional
Bruna Bellini
 
Apostila avaliação nutricional
Apostila   avaliação nutricionalApostila   avaliação nutricional
Apostila avaliação nutricional
Rayanethaynarasantos2
 
Apostila de educação física 3º bimestre 2º ano
Apostila de educação física 3º bimestre   2º anoApostila de educação física 3º bimestre   2º ano
Apostila de educação física 3º bimestre 2º ano
Tiago Oliveira
 
Ovário policísticos 2
Ovário policísticos 2Ovário policísticos 2
Ovário policísticos 2
Ana Luisa Andrade Teixeira
 
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICADESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
Silvana Lima
 
Programas de Diabetes - Saúde Publica
Programas de Diabetes - Saúde PublicaProgramas de Diabetes - Saúde Publica
Programas de Diabetes - Saúde Publica
Roberto Moreira Silva
 
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogoEmagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Dr. Rafael Higashi
 
Nutrição e Quimioterapia
Nutrição e QuimioterapiaNutrição e Quimioterapia
Nutrição e Quimioterapia
Cláudia Hellena Ribeiro
 
Nutrição
NutriçãoNutrição
Slides nhb
Slides nhbSlides nhb
Slides nhb
calinesa
 
Obesidade CriançA E Adolescente
Obesidade CriançA E AdolescenteObesidade CriançA E Adolescente
Obesidade CriançA E Adolescente
hudsonjunior
 
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
DL assessoria 31
 
Aula l Nutrição e Estética _out _2019.pdf
Aula l Nutrição e Estética _out _2019.pdfAula l Nutrição e Estética _out _2019.pdf
Aula l Nutrição e Estética _out _2019.pdf
VivianneVelozoSa
 
Crescer sudavel
Crescer sudavelCrescer sudavel
Crescer sudavel
Graça Dantas
 
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriaisA importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
UNIME
 
Aula amputados
Aula amputadosAula amputados
Aula amputados
lael Laeldasilva
 
Nutrição do paciente oncológico.pptx
Nutrição do paciente oncológico.pptxNutrição do paciente oncológico.pptx
Nutrição do paciente oncológico.pptx
LarissaCampos96
 
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdfPedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
InsSilva801685
 

Semelhante a Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa (18)

Apostila avaliação nutricional
Apostila  avaliação nutricionalApostila  avaliação nutricional
Apostila avaliação nutricional
 
Apostila avaliação nutricional
Apostila   avaliação nutricionalApostila   avaliação nutricional
Apostila avaliação nutricional
 
Apostila de educação física 3º bimestre 2º ano
Apostila de educação física 3º bimestre   2º anoApostila de educação física 3º bimestre   2º ano
Apostila de educação física 3º bimestre 2º ano
 
Ovário policísticos 2
Ovário policísticos 2Ovário policísticos 2
Ovário policísticos 2
 
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICADESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
 
Programas de Diabetes - Saúde Publica
Programas de Diabetes - Saúde PublicaProgramas de Diabetes - Saúde Publica
Programas de Diabetes - Saúde Publica
 
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogoEmagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
 
Nutrição e Quimioterapia
Nutrição e QuimioterapiaNutrição e Quimioterapia
Nutrição e Quimioterapia
 
Nutrição
NutriçãoNutrição
Nutrição
 
Slides nhb
Slides nhbSlides nhb
Slides nhb
 
Obesidade CriançA E Adolescente
Obesidade CriançA E AdolescenteObesidade CriançA E Adolescente
Obesidade CriançA E Adolescente
 
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
 
Aula l Nutrição e Estética _out _2019.pdf
Aula l Nutrição e Estética _out _2019.pdfAula l Nutrição e Estética _out _2019.pdf
Aula l Nutrição e Estética _out _2019.pdf
 
Crescer sudavel
Crescer sudavelCrescer sudavel
Crescer sudavel
 
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriaisA importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
 
Aula amputados
Aula amputadosAula amputados
Aula amputados
 
Nutrição do paciente oncológico.pptx
Nutrição do paciente oncológico.pptxNutrição do paciente oncológico.pptx
Nutrição do paciente oncológico.pptx
 
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdfPedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
 

Último

Cirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdf
Cirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdfCirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdf
Cirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdf
BrunaNeves80
 
NR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdf
NR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdfNR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdf
NR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdf
guilhermefontenele8
 
Posicionamento dos ombros para avalizaçao por RX
Posicionamento dos ombros para avalizaçao por RXPosicionamento dos ombros para avalizaçao por RX
Posicionamento dos ombros para avalizaçao por RX
paathizinhya
 
Relação de Médicos e Prestadores 2023.pdf
Relação de Médicos e Prestadores 2023.pdfRelação de Médicos e Prestadores 2023.pdf
Relação de Médicos e Prestadores 2023.pdf
maripinkmarianne
 
TREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das Mãos
TREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das MãosTREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das Mãos
TREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das Mãos
Anderson1783
 
mini curso de suturas para enfermeiros 2024
mini curso de suturas para enfermeiros 2024mini curso de suturas para enfermeiros 2024
mini curso de suturas para enfermeiros 2024
OttomGonalvesDaSilva
 
9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf
9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf
9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf
KauFelipo
 

Último (7)

Cirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdf
Cirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdfCirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdf
Cirurgia Bucomaxilofacial - Roberto Prado _ OCR.pdf
 
NR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdf
NR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdfNR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdf
NR 12 - OPERADOR DE CESTO AÉREO elet.pdf
 
Posicionamento dos ombros para avalizaçao por RX
Posicionamento dos ombros para avalizaçao por RXPosicionamento dos ombros para avalizaçao por RX
Posicionamento dos ombros para avalizaçao por RX
 
Relação de Médicos e Prestadores 2023.pdf
Relação de Médicos e Prestadores 2023.pdfRelação de Médicos e Prestadores 2023.pdf
Relação de Médicos e Prestadores 2023.pdf
 
TREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das Mãos
TREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das MãosTREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das Mãos
TREINAMENTO PROTEÇÃO DAS MÃOS.ppt Proteção das Mãos
 
mini curso de suturas para enfermeiros 2024
mini curso de suturas para enfermeiros 2024mini curso de suturas para enfermeiros 2024
mini curso de suturas para enfermeiros 2024
 
9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf
9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf
9 - Nutrição e Longevidade - apóstila.pdf
 

Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa

  • 1. Nutrição Funcional “A cura da parte não deve ser feita sem o tratamento do todo” (Platão ano 380 A )É um nova visão da nutrição que estuda os alimentos e as interações deste com o organismo. O que se come deve estar em sintonia com o que se é, ou seja com o seu código genético.A nutrição funcional estuda a individualidade bioquímica do paciente e mapeia os desequilíbrios nutricionais. Para isso são levados em consideração as interconexões metabólicas, que envolvem interações neuroendócrinas, processos de detoxificação hepática, ecologia gastrointestinal, estresse oxidativo, sistema imunológico e interações corpo e mente. A interação com todos os sistemas do corpo faz com que tenhamos sucesso e maior assertividade no tratamento do paciente. A Nutrição das células de forma equilibrada e funcional, favorece o equilíbrio metabólico, levando a melhora dos objetivos esperados pelo tratamento.
  • 2. Princípios da Nutrição FuncionalIndividualidade bioquímicaTratamento centrado no paciente (sintomas e suas origens) e não só na doença. Equilíbrio nutricional dentro das células (Nutrição Celular) Favorecer uma adequada Biodisponibilidade dos Nutrientes (Ingestão, Digestão, Absorção, Transporte, Utilização e Excreção de forma correta) Saúde (Equilíbrio Físico, Mental e Emocional)   .
  • 3. Questões levadas em consideração para o Diagnóstico e Tratamento Nutricional.Estresse Oxidativo e metabolismo energético;Regulação Hormonal e de neurotransmissores;Digestão, absorção e integridade da barreira intestinal;Suporte imunológico;Integridade estrutural do individuo;Destoxificação e biotransformação hepática;Processo inflamatório;Equilíbrio psicológico e espiritual – interação corpo e mente
  • 4. Atuações na Nutrição FuncionalHipersensibilidades Alimentares;Síndrome do Intestino Irritável;Doenças inflamatórias Crônicas;Debilidades do sistema imunológico;Alterações e degenerações articulares (artrose,artrite);Alterações e Degeneração do sistema nervoso (Alzheimer,Parkinson);Doenças auto-imunes;Garantir nutrientes para uma gestação saudável;Alterações do metabolismoMelhora da performance em atletas e praticantes de atividade físicaTratamento por infecções por leveduras, vírus e bactérias;Déficit do Crescimento em crianças;Obesidade e baixo peso;Desequilíbrios endocrinológicos (TPM, menopausa, desordens da tireóide);CandidiaseCrônicaHerpesMá digestão, Refluxo, Gastrite, Azia;Dor de estomago, inchaço abdominal;Flatulências excessivas (gases);CâimbrasConstipação , diarréia crônicaDepressãoEnxaquecaUnhas quebradiças e fracasMicose, fungo nas unhasHipoglicemiaHipotireoidismoCeluliteHipertrofia MuscularDiabetes HipertensãoContaminações por metais tóxicosVegetarianismoDestoxificaçãoDoença Celíaca
  • 5. Avaliação Nutricional Funcional ClínicaAtravés da analise dos hábitos alimentares, estilo de vida, exames laboratoriais, avaliação dos sinais e sintomas, checagem das sensibilidades alimentares e resultado do exame de microscopia eletrônica , observamos os desequilíbrios na alimentação, a situação emocional,o funcionamento do sistema imunológico, as disfunções endócrinas e as alterações gastrointestinais do paciente. Esta anamnese detalhada acima tem o objetivo de avaliar cada sistema, independente do motivo que levou o paciente ao consultório, pois sabemos que para o bom funcionamento do organismo, cada sistema depende da saúde de outro sistema. Buscamos a visão do todo, a relação do paciente com seu meio, seus anseios e frustrações, além de realçar sua historia familiar, hábitos e vulnerabilidades.Com esta pesquisa detalhada conseguimos definir o seu perfil genético, analisando aquilo que foi herdado e como fazer para que estas predisposições não se manifestem.
  • 6. Exame FísicoBioimpedânciaUm exame importante, que ajuda a determinar a correção alimentar, mesmo em pessoas com o peso normal, para recuperar e manter a forma corporal.  O que é?    A Bioimpedância é utilizada para avaliar a composição  corporal de gordura. Através de um aparelho, é possível  medir a gordura do corpo por meio de uma corrente elétrica  de baixa intensidade, imperceptível para o paciente.  A corrente anda mais rápida pelos tecidos magros que tem  mais água e eletrólitos e anda mais devagar pelo tecidos com  gordura. Dessa forma, é possível determinar o conteúdo em  gordura de um corpo em porcentagem e identificar se uma  pessoa tem, por exemplo, 32% de massa gordurosa e 68%  de massa magra. Avaliação    O exame ajuda a detectar as chamadas magras-gordas, ou  seja, pessoas magras no peso, e com composição de gordura  aumentada no corpo, que provoca a desarmonia corporal. É  por causa desta composição alterada que mesmo pacientes  com o peso normal podem ter as alterações causadas por  excesso de gordura. Em casos de pacientes com excesso de  peso, se tiverem a composição alterada, também irão  apresentar alterações na aparência corporal.  Valores ideais de Gordura Percentual, Massa Magra, Água  Corporal, metabolismo Basal, Peso Corporal e peso a perder  ou a ganhar, são possíveis de ser avaliados. Além disso,  pode-se programar a Taxa de gordura e o Peso Corporal  ideais para o paciente, personalizando cada caso.
  • 7. Exame de Microscopia CelularO exame de análise nutricional e funcional celular através do método de análise de sangue periférico permite a alta resolução da morfologia sanguínea (highresolutionbloodmorphologies - HRBM). Com o teste da gota coagulada (HLB) e gota in vivo ( LBA), é possível diagnosticar alguns tipos de morfologia e correlacionar com o fator de risco funcional. Com isso, ajuda a determinar a fisiopatologia da doença e desenvolver efetivos protocolos de terapêutica.Durante a análise o paciente acompanha o exame, visualizando seu sangue no monitor, o profissional poderá fazer algumas perguntas de sintomatologia para relacionar com a morfologia observada no exame.
  • 8. Exame de Microscopia Celular:Exame de Microscopia CelularEste exame é realizado em duas etapas:- Coleta de gota de sangue (gota coagulada) colocada em fileira sob lâmina e aguarda alguns minutos até a sua secagem.- Coleta de gota de sangue (sangue vivo) colocada sob lâmina e coberta por uma lamínula para posteriormente ser analisada na microscopia de campo escuro.Indicações para a realização do exame:- Exame funcional;- Quantificar de modo indireto o sistema antioxidante;- Avaliar a taxa de radicais livres;- Avaliar de forma indireta a falta de vitaminas, oligoelementos e sais minerais;- Avaliar de forma indireta a repercussão de doenças no organismo: inflamação intestinal, alteração na tireóide, doenças cardiovasculares, alergias, stress, processos inflamatórios agudos e crônicos, metais pesados e intoxicações, hipersensibilidades, etc.Células vermelhas - hemáceas na qual carregam o oxigênio para os tecidos (suas alterações e defeitos), células. - Células Brancas (sistema de defesa como os leucócitos, linfócitos, bastonetes-infecção aguda, eosinófilos-alergia) e alterações de energia:
  • 9. Fungo, bactérias, disbiose - Rouleau, cristais, colesterol;Como é feito?É realizado através de punção - igual ao exame de glicemia. Punciona-se o dedo através de uma técnica especial e o exame é colhido em duas lâminas, uma para o HLB e a outra para o exame de campo escuro.Quem pode fazer?Para todo o tipo de pacientes, desde a infância até a senilidade, sexo, raça ou classe social. Abrange a todos, sem discriminação.Os resultados são obtidos no mesmo dia?Os exames são analisados na mesma hora que o paciente colhe o exame, pois tem a duração de 30 à 40 minutos aproximadamente. O paciente fica sentado na frente do examinador e é explicado item por item as alterações que estão ocorrendo.
  • 10. Planejamento AlimentarDiferente dos regimes aplicados em larga escala, a Nutrição Funcional prescreve uma dieta individualizada e preventiva, baseando-se nas necessidades e no metabolismo específico de cada pessoa. As necessidades individuais são baseadas em seus desequilíbrios (sintomas), objetivos e reações aos diferentes alimentos e situações do dia a dia. O organismo é observado como um todo. Portanto, com base nos itens avaliados e investigação minuciosa através de aparelhos complementares monta-se um programa com horários, alimentos, e orientações específica para cada caso. O plano inclui ainda a reposição das  vitaminas e minerais necessários, a eliminação dos tóxicos, e  o uso dos alimentos funcionais específicos, resultando num  organismo mais harmônico, equilibrado e saudável.Educamos os pacientes a tomar atitudes positivas em relação a vida
  • 11. CoachingNutritionAlimentação correta com suporte que você procuraEste serviço foi elaborado para pacientes que pela correria do dia a dia não tem tempo de se deslocar ao consultório e além disto necessitam de um acompanhamento in loco, com esta estrutura suprimos um problema comum nos centros urbanos a falta de tempo. Levamos ao paciente um processo continuo de educação nutricional, adequação da alimentação, gerando maior adesão ao tratamento, resultados mais rápidos e duradouros.A quem se destina:Pacientes com carga excessiva de trabalho ou que moram sozinhas;
  • 12. Pacientes que não fazem refeições em casa;
  • 13. Famílias que possuem funcionários para elaboração de suas refeições, porém não estão habilitadas para preparar ou comprar os alimentos de forma adequada.√ Acompanhamento domiciliar nutricional: O acompanhamento nutricional segue o ritmo de vida do paciente, podendo ser semanal ou quinzenal.√ Elaboração de cardápios quinzenais ou mensais Confecção de cardápios com lista de compras e forma de preparo das refeições.√ Suporte para a confecção dos cardápios - Treinamento de cozinheirosOrientação do funcionário responsável pelo preparo da alimentação em sua residência de forma a aproveitar melhor os alimentos e garantir suas propriedades funcionais.Informações sobre higiene pessoal, higiene dos alimentos, preparo de técnicas dietéticas funcionais, orientação de armazenagem e utilização de utensílios (panelas, embalagens plásticas).- Orientação de compra de matéria primaFornecimento de informações e dicas importantes para aquisição de um produto através de visitas em supermercados
  • 14. FamilyCoachingNutritionAlimentação correta com suporte que você procura no tamanho da sua famílaAcompanhamento e planejamento alimentar para toda família. Este programa tem o objetivo de levar um equilíbrio para a alimentação de toda família, levando em consideração as preferências individuais e rotina familiar.Todos os serviços oferecidos pelo CoachingNutrition adequado para a sua família.
  • 15. CoachingNutrition for KidsAlimentação correta com suporte que você procura para seu filhoPrograma desenvolvido exclusivamente e personalizado para crianças de zero a doze anos de idade. Através deste programa começamos a instituir valores alimentares e hábitos nutricionais corretos para as crianças com intuito de torná-lo um adulto mais responsável com sua alimentação.Educação NutricionalAtravés de atividades lúdicas propomos a promoção e prevenção da saúde, nas atividades as crianças aprendem noções de nutrição, higiene pessoal e dos alimentos.CoachingNutrition para BabásSabemos que é muito difícil para as mães sacrificarem suas horas de trabalho para qualificarem melhor as babás. Por isso o curso tem que se adaptar à realidade e dia a dia das famílias. Pensando em facilitar a vida da família, levamos até a sua profissional informações relacionadas à nutrição, aos cuidados de higiene pessoal, higiene de alimentos, higiene de equipamentos e utensílios, cuidados na manipulação de alimentos.  Noções de técnica dietética, preparo de pratos atrativos, nutritivos e decorados. Buscamos com este programa através do treinamento sobre Nutrição para Babás, quer promover um bom desenvolvimento infantil e garantir segurança aos pais quanto à alimentação e nutrição de seus filhos.