SlideShare uma empresa Scribd logo
A Atividade Logística é regida pelos
para níveis maiores de
Complexidade Operacional, como por exemplo histórico de
demanda dos produtos ou serviços, histórico da frequência
dos pedidos, histórico das quantidades por pedido, custos
envolvidos na operação, tempo de entrega (lead-time),
pedido mínimo, rupturas de abastecimento, prazos de
entrega, períodos promocionais e frequência de
sazonalidades, políticas de estoque (evitando faltas ou
excessos), planejamento da produção, políticas de fretes,
políticas de gestão dos pedidos (orders), análise dos modelos
de canais de distribuição, entre outros. Em linhas gerais,
pode-se dizer que a Logística está presente em todas as
atividades de uma organização. A Logística começa pela
necessidade do cliente. Sem essa necessidade, não há
movimento de produção e entrega.
Para a maioria das empresas, o transporte
é a atividade mais importante,
simplesmente porque ela é a mais visível e
também porque ela é essencial. Nenhuma
firma pode operar sem providenciar a
movimentação de suas matérias primas ou
de seus produtos acabados. “Transportes”
refere-se aos vários métodos para se
movimentar produtos. A administração da
atividade de transporte geralmente
envolve decidir-se quanto ao método de
transporte, aos roteiros e à utilização da
capacidade dos veículos.
Muitas vezes não é possível
entregar o produto ao cliente
assim que acaba sua
fabricação. Da mesma forma,
não é possível receber todos
os suprimentos no exato
momento em que eles são
necessários na produção,
embora muito se tenha feito
dentro dos conceitos de “just-
in-time”.
Os custos de processamentos de
pedidos tendem a ser pequenos
quando comparados aos custos de
transporte ou de manutenção de
estoques. Contudo, o processamento
de pedidos é uma atividade logística
primária. Sua importância deriva do
fato de ser um elemento crítico em
termos do tempo necessário para levar
bens e serviços aos clientes. É também
uma atividade primária que inicializa a
movimentação de produtos e a entrega
de serviços.
As principais mudanças econômicas que afetam a Logística são:
• Globalização
• Aumento da incerteza econômica
• Proliferação de produtos
• Ciclo de vida mais curtos
• Maiores exigências de serviços
Aplicações hardware Aplicações software
Aplicações de TI para a Logística:
Com a evolução da tecnologia, a
logística passou a ter um sistema
computadorizado, evitando erros
atrasos e atendendo os pedidos
com mais perfeição e agilidade.
O conceito de logística integrada, remete para
uma integração dos processos de logística da
empresa em sistemas que aumentam a sua
eficiência, melhorando os seus resultados.
Para que possa ser gerenciada de forma integrada, a logística
deve ser tratada como um sistema, ou seja, um conjunto de
componentes interligados, trabalhando de forma coordenada,
com finalidade de atingir um objetivo comum.
Aos fatores que determinam a
excelência logística exigem grande
esforço e criatividade para serem
implementados.
Para compreender o conceito de Gerenciamento da
Cadeia de Suprimentos, ou SCM, é fundamental
entender o conceito de canal de distribuição.
, o conceito de canal de distribuição pode ser
definido como o conjunto de unidades
organizacionais, instituições e agentes, internos e
externos, que executam as
de produtos e serviços de determinada
empresa.
RELACIONAMENTO E SERVIÇO
• A armazenagem e manuseio de mercadorias são
componentes essenciais do conjunto de
atividades logísticas. Seus custos podem chegar
a absorver de 10% a 40% das despesas logísticas
de uma empresa.
• Ao contrário do sistema de transporte, que
ocorre entre locais e tempos diferentes, a
armazenagem e o manuseio de materiais
acontecem, na maioria das vezes, em algumas
localidades fixadas. Portanto, os custos dessas
atividades estão intimamente associados à
seleção desses locais.
Estruturas escalonadas – uma rede de
distribuição escalonada típica possui um ou
mais armazéns centrais e um conjunto de
armazéns, ou centros de distribuição
avançados próximos das áreas de mercado;
Estruturas diretas – são sistemas de
distribuição em que os produtos são expedidos
de um ou mais armazéns centrais diretamente
para os clientes.
– uma rede de
distribuição escalonada típica possui um ou
mais armazéns centrais e um conjunto de
armazéns, ou centros de distribuição
avançados próximos das áreas de mercado;
– são sistemas de
distribuição em que os produtos são
expedidos de um ou mais armazéns centrais
diretamente para os clientes.
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Logística 2 fundamentos
Logística 2 fundamentosLogística 2 fundamentos
Logística 2 fundamentos
Andrey Martins
 
Logistica
LogisticaLogistica
Logistica
Studiesfree
 
Logistica empresarial
Logistica empresarialLogistica empresarial
Logistica empresarial
Denis Carlos Sodré
 
Apresentação sobre Logística
Apresentação sobre LogísticaApresentação sobre Logística
Apresentação sobre Logística
Isabella Menezes
 
Cadeia de suprimentos
Cadeia de suprimentosCadeia de suprimentos
Cadeia de suprimentos
Felippi Perez
 
Distribuição e Transporte
Distribuição e TransporteDistribuição e Transporte
Distribuição e Transporte
william ribeiro
 
Logística Operações de Armazenagem
Logística Operações de ArmazenagemLogística Operações de Armazenagem
Logística Operações de Armazenagem
Marcelo Aparecido Sampaio
 
Administração de materiais
Administração de materiaisAdministração de materiais
Administração de materiais
Denis Carlos Sodré
 
Gestão da Cadeia de Suprimentos
Gestão da Cadeia de SuprimentosGestão da Cadeia de Suprimentos
Gestão da Cadeia de Suprimentos
Gerisval Pessoa
 
Gestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentaçãoGestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentação
Charles Rebouças
 
81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
81 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 201381 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 2013
81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
delano chaves gurgel do amaral
 
03 aula armazenagem
03 aula armazenagem03 aula armazenagem
03 aula armazenagem
Homero Alves de Lima
 
Logística historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo Pires
Logística  historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo PiresLogística  historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo Pires
Logística historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo Pires
Danilo Pires
 
recebimento-e-expedicao.ppt
recebimento-e-expedicao.pptrecebimento-e-expedicao.ppt
recebimento-e-expedicao.ppt
Marcelo370708
 
Logística - princípios básicos
Logística - princípios básicosLogística - princípios básicos
Logística - princípios básicos
Nara Oliveira
 
Custos Logísticos - Conceitos
Custos Logísticos - ConceitosCustos Logísticos - Conceitos
Custos Logísticos - Conceitos
Willian dos Santos Abreu
 
Estrutura organizacional
Estrutura organizacionalEstrutura organizacional
Estrutura organizacional
Letícia Vilela de Aquino
 
Logística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De Informação
Logística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De InformaçãoLogística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De Informação
Logística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De Informação
WeNova Consulting
 
Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos
Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos
Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos
Alejandra Flechas
 
07 aula armazenagem l
07 aula armazenagem l07 aula armazenagem l
07 aula armazenagem l
Homero Alves de Lima
 

Mais procurados (20)

Logística 2 fundamentos
Logística 2 fundamentosLogística 2 fundamentos
Logística 2 fundamentos
 
Logistica
LogisticaLogistica
Logistica
 
Logistica empresarial
Logistica empresarialLogistica empresarial
Logistica empresarial
 
Apresentação sobre Logística
Apresentação sobre LogísticaApresentação sobre Logística
Apresentação sobre Logística
 
Cadeia de suprimentos
Cadeia de suprimentosCadeia de suprimentos
Cadeia de suprimentos
 
Distribuição e Transporte
Distribuição e TransporteDistribuição e Transporte
Distribuição e Transporte
 
Logística Operações de Armazenagem
Logística Operações de ArmazenagemLogística Operações de Armazenagem
Logística Operações de Armazenagem
 
Administração de materiais
Administração de materiaisAdministração de materiais
Administração de materiais
 
Gestão da Cadeia de Suprimentos
Gestão da Cadeia de SuprimentosGestão da Cadeia de Suprimentos
Gestão da Cadeia de Suprimentos
 
Gestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentaçãoGestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentação
 
81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
81 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 201381 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 2013
81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
 
03 aula armazenagem
03 aula armazenagem03 aula armazenagem
03 aula armazenagem
 
Logística historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo Pires
Logística  historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo PiresLogística  historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo Pires
Logística historico,fundamentos e perspectivas- Professor Danilo Pires
 
recebimento-e-expedicao.ppt
recebimento-e-expedicao.pptrecebimento-e-expedicao.ppt
recebimento-e-expedicao.ppt
 
Logística - princípios básicos
Logística - princípios básicosLogística - princípios básicos
Logística - princípios básicos
 
Custos Logísticos - Conceitos
Custos Logísticos - ConceitosCustos Logísticos - Conceitos
Custos Logísticos - Conceitos
 
Estrutura organizacional
Estrutura organizacionalEstrutura organizacional
Estrutura organizacional
 
Logística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De Informação
Logística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De InformaçãoLogística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De Informação
Logística Empresarial - Processamento De Pedidos E Sistemas De Informação
 
Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos
Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos
Scm Gerenciamento cadeia de suprimentos
 
07 aula armazenagem l
07 aula armazenagem l07 aula armazenagem l
07 aula armazenagem l
 

Destaque

Winsig Apresentação 2012
Winsig Apresentação 2012Winsig Apresentação 2012
Winsig Apresentação 2012
Andrea Figueiral
 
Sistemas de Automação para Gestão de Armazéns
Sistemas de Automação para Gestão de ArmazénsSistemas de Automação para Gestão de Armazéns
Sistemas de Automação para Gestão de Armazéns
praxated
 
4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...
4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...
4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...
Moises Ribeiro
 
Eye Peak WMS - Sistema de Gestão de Armazéns
Eye Peak WMS - Sistema de Gestão de ArmazénsEye Peak WMS - Sistema de Gestão de Armazéns
Eye Peak WMS - Sistema de Gestão de Armazéns
SINFIC
 
A História da Logística.
A História da Logística.A História da Logística.
A História da Logística.
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Nível de serviço logístico
Nível de serviço logísticoNível de serviço logístico
Nível de serviço logístico
Rafael Rodrigues
 
História da Logística
História da LogísticaHistória da Logística
História da Logística
Robson Costa
 
Fundamentos da logistica
Fundamentos da logisticaFundamentos da logistica
Fundamentos da logistica
lopes22
 
01 _fundamentos_de_logistica___introducao (1)
01  _fundamentos_de_logistica___introducao (1)01  _fundamentos_de_logistica___introducao (1)
01 _fundamentos_de_logistica___introducao (1)
Aline Trevisol
 

Destaque (9)

Winsig Apresentação 2012
Winsig Apresentação 2012Winsig Apresentação 2012
Winsig Apresentação 2012
 
Sistemas de Automação para Gestão de Armazéns
Sistemas de Automação para Gestão de ArmazénsSistemas de Automação para Gestão de Armazéns
Sistemas de Automação para Gestão de Armazéns
 
4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...
4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...
4º artigo da distribuição física ao supply chain management o pensamento, o e...
 
Eye Peak WMS - Sistema de Gestão de Armazéns
Eye Peak WMS - Sistema de Gestão de ArmazénsEye Peak WMS - Sistema de Gestão de Armazéns
Eye Peak WMS - Sistema de Gestão de Armazéns
 
A História da Logística.
A História da Logística.A História da Logística.
A História da Logística.
 
Nível de serviço logístico
Nível de serviço logísticoNível de serviço logístico
Nível de serviço logístico
 
História da Logística
História da LogísticaHistória da Logística
História da Logística
 
Fundamentos da logistica
Fundamentos da logisticaFundamentos da logistica
Fundamentos da logistica
 
01 _fundamentos_de_logistica___introducao (1)
01  _fundamentos_de_logistica___introducao (1)01  _fundamentos_de_logistica___introducao (1)
01 _fundamentos_de_logistica___introducao (1)
 

Semelhante a Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA

Logística Empresarial - Aspectos Teóricos e Tributários
Logística Empresarial - Aspectos Teóricos e TributáriosLogística Empresarial - Aspectos Teóricos e Tributários
Logística Empresarial - Aspectos Teóricos e Tributários
IOB News
 
Aula 3 Logistica Integrada.pdf
Aula 3 Logistica Integrada.pdfAula 3 Logistica Integrada.pdf
Aula 3 Logistica Integrada.pdf
yalla6
 
LOGÍSTICA
LOGÍSTICALOGÍSTICA
Logística
LogísticaLogística
Logística
Rodrigo Cisco
 
Aula00 intrudução
Aula00 intruduçãoAula00 intrudução
Aula00 intrudução
prof_david_araujo
 
Scm
ScmScm
Aula 2 cã³pia
Aula 2   cã³piaAula 2   cã³pia
Aula 2 cã³pia
Jordeilson Amaral
 
Supply Chain Management
Supply Chain ManagementSupply Chain Management
Supply Chain Management
IsaDesiree
 
Aula de logística empresarial
Aula de logística empresarialAula de logística empresarial
Aula de logística empresarial
Ranieri Araújo
 
Aulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptx
Aulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptxAulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptx
Aulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptx
TeixeiraJulio
 
Supply chain management
Supply chain managementSupply chain management
Supply chain management
Jonatas f.siqueira
 
AULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptx
AULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptxAULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptx
AULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptx
LuciaCosta75
 
Aula 8 gcl
Aula 8 gclAula 8 gcl
Aula 8 gcl
mifarias
 
O sistema mizu
O sistema mizuO sistema mizu
O sistema mizu
CLT Valuebased Services
 
Artigo científico transporte centro de distribuição e operador logístico
Artigo científico transporte centro de distribuição e operador logísticoArtigo científico transporte centro de distribuição e operador logístico
Artigo científico transporte centro de distribuição e operador logístico
ANDERSON TADEU BERNI
 
Slides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdf
Slides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdfSlides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdf
Slides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdf
AndersonCarlos75
 
Prointer parcial
Prointer parcialProinter parcial
Prointer parcial
Ana Paula
 
Logistica empresarial
Logistica empresarialLogistica empresarial
Logistica empresarial
Penttágono
 
Logistica
LogisticaLogistica
Logistica
Penttágono
 
Custos De Armazenagem
Custos De ArmazenagemCustos De Armazenagem
Custos De Armazenagem
Alessandro Marcuzo
 

Semelhante a Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA (20)

Logística Empresarial - Aspectos Teóricos e Tributários
Logística Empresarial - Aspectos Teóricos e TributáriosLogística Empresarial - Aspectos Teóricos e Tributários
Logística Empresarial - Aspectos Teóricos e Tributários
 
Aula 3 Logistica Integrada.pdf
Aula 3 Logistica Integrada.pdfAula 3 Logistica Integrada.pdf
Aula 3 Logistica Integrada.pdf
 
LOGÍSTICA
LOGÍSTICALOGÍSTICA
LOGÍSTICA
 
Logística
LogísticaLogística
Logística
 
Aula00 intrudução
Aula00 intruduçãoAula00 intrudução
Aula00 intrudução
 
Scm
ScmScm
Scm
 
Aula 2 cã³pia
Aula 2   cã³piaAula 2   cã³pia
Aula 2 cã³pia
 
Supply Chain Management
Supply Chain ManagementSupply Chain Management
Supply Chain Management
 
Aula de logística empresarial
Aula de logística empresarialAula de logística empresarial
Aula de logística empresarial
 
Aulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptx
Aulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptxAulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptx
Aulas LE Finais 2022 Apontamentos.pptx
 
Supply chain management
Supply chain managementSupply chain management
Supply chain management
 
AULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptx
AULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptxAULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptx
AULA 05 GESTÃO DE DISTRIBUIÇÃO.pptx
 
Aula 8 gcl
Aula 8 gclAula 8 gcl
Aula 8 gcl
 
O sistema mizu
O sistema mizuO sistema mizu
O sistema mizu
 
Artigo científico transporte centro de distribuição e operador logístico
Artigo científico transporte centro de distribuição e operador logísticoArtigo científico transporte centro de distribuição e operador logístico
Artigo científico transporte centro de distribuição e operador logístico
 
Slides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdf
Slides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdfSlides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdf
Slides_Aula_Fundamentos_SCM USP.pdf
 
Prointer parcial
Prointer parcialProinter parcial
Prointer parcial
 
Logistica empresarial
Logistica empresarialLogistica empresarial
Logistica empresarial
 
Logistica
LogisticaLogistica
Logistica
 
Custos De Armazenagem
Custos De ArmazenagemCustos De Armazenagem
Custos De Armazenagem
 

Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6. A Atividade Logística é regida pelos para níveis maiores de Complexidade Operacional, como por exemplo histórico de demanda dos produtos ou serviços, histórico da frequência dos pedidos, histórico das quantidades por pedido, custos envolvidos na operação, tempo de entrega (lead-time), pedido mínimo, rupturas de abastecimento, prazos de entrega, períodos promocionais e frequência de sazonalidades, políticas de estoque (evitando faltas ou excessos), planejamento da produção, políticas de fretes, políticas de gestão dos pedidos (orders), análise dos modelos de canais de distribuição, entre outros. Em linhas gerais, pode-se dizer que a Logística está presente em todas as atividades de uma organização. A Logística começa pela necessidade do cliente. Sem essa necessidade, não há movimento de produção e entrega.
  • 7.
  • 8. Para a maioria das empresas, o transporte é a atividade mais importante, simplesmente porque ela é a mais visível e também porque ela é essencial. Nenhuma firma pode operar sem providenciar a movimentação de suas matérias primas ou de seus produtos acabados. “Transportes” refere-se aos vários métodos para se movimentar produtos. A administração da atividade de transporte geralmente envolve decidir-se quanto ao método de transporte, aos roteiros e à utilização da capacidade dos veículos.
  • 9. Muitas vezes não é possível entregar o produto ao cliente assim que acaba sua fabricação. Da mesma forma, não é possível receber todos os suprimentos no exato momento em que eles são necessários na produção, embora muito se tenha feito dentro dos conceitos de “just- in-time”.
  • 10. Os custos de processamentos de pedidos tendem a ser pequenos quando comparados aos custos de transporte ou de manutenção de estoques. Contudo, o processamento de pedidos é uma atividade logística primária. Sua importância deriva do fato de ser um elemento crítico em termos do tempo necessário para levar bens e serviços aos clientes. É também uma atividade primária que inicializa a movimentação de produtos e a entrega de serviços.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14. As principais mudanças econômicas que afetam a Logística são: • Globalização • Aumento da incerteza econômica • Proliferação de produtos • Ciclo de vida mais curtos • Maiores exigências de serviços
  • 15. Aplicações hardware Aplicações software Aplicações de TI para a Logística: Com a evolução da tecnologia, a logística passou a ter um sistema computadorizado, evitando erros atrasos e atendendo os pedidos com mais perfeição e agilidade.
  • 16. O conceito de logística integrada, remete para uma integração dos processos de logística da empresa em sistemas que aumentam a sua eficiência, melhorando os seus resultados. Para que possa ser gerenciada de forma integrada, a logística deve ser tratada como um sistema, ou seja, um conjunto de componentes interligados, trabalhando de forma coordenada, com finalidade de atingir um objetivo comum.
  • 17. Aos fatores que determinam a excelência logística exigem grande esforço e criatividade para serem implementados.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21. Para compreender o conceito de Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos, ou SCM, é fundamental entender o conceito de canal de distribuição. , o conceito de canal de distribuição pode ser definido como o conjunto de unidades organizacionais, instituições e agentes, internos e externos, que executam as de produtos e serviços de determinada empresa.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32.
  • 33.
  • 34.
  • 35.
  • 36.
  • 37.
  • 38.
  • 39. • A armazenagem e manuseio de mercadorias são componentes essenciais do conjunto de atividades logísticas. Seus custos podem chegar a absorver de 10% a 40% das despesas logísticas de uma empresa. • Ao contrário do sistema de transporte, que ocorre entre locais e tempos diferentes, a armazenagem e o manuseio de materiais acontecem, na maioria das vezes, em algumas localidades fixadas. Portanto, os custos dessas atividades estão intimamente associados à seleção desses locais.
  • 40. Estruturas escalonadas – uma rede de distribuição escalonada típica possui um ou mais armazéns centrais e um conjunto de armazéns, ou centros de distribuição avançados próximos das áreas de mercado; Estruturas diretas – são sistemas de distribuição em que os produtos são expedidos de um ou mais armazéns centrais diretamente para os clientes. – uma rede de distribuição escalonada típica possui um ou mais armazéns centrais e um conjunto de armazéns, ou centros de distribuição avançados próximos das áreas de mercado; – são sistemas de distribuição em que os produtos são expedidos de um ou mais armazéns centrais diretamente para os clientes.

Notas do Editor

  1. Ferroviário Altos Custos Fixo em equipamentos, terminais, vias férreas etc; Custo Variável Baixo.   Rodoviário Custos Fixos Baixos (rodovias estabelecidas e construídas com fundos públicos); Custo Variável Médio.   Aquaviário Custo Fixo Médio (navios e equipamentos); Custo Variável Baixo (capacidade para transportar grande quantidade de tonelagem).   Dutoviário Custo Fixo mais Elevado (direitos de acesso, construção, requisitos para controles das estações e capacidade de bombeamento); Custo Variável mais Baixo (nenhum custo com mão-de-obra de grande importância).     Aeroviário Custo Fixo Alto (aeronaves e manuseio e sistemas de cargas); Alto Custo Variável (combustível, mão-de-obra, manutenção etc.).