SlideShare uma empresa Scribd logo
U. F. P. B.
AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM
Danilo Raniery Alves Coutinho
Emiliano José Silva de Oliveira
Mailton Fernandes de Carvalho
Avaliação escolar e
democratização: o direito
de errar
Introdução
- Desafio Histórico: Democratizar o ensino.
- Fatores:
o Questões estruturais.
o Econômico/Financeira
o Renda mal distribuída
Podemos culpar apenas
o governo ?
- Não! Porque ?
- Temos de estar atentos as estruturas das
escolas, pois elas tem uma grande influencia no
desenvolvimento educacional;
- E a avaliação está sendo feita de forma correta?
Sabemos que grande maioria não a utiliza de
maneira correta;
Para que avaliação escolar ?
- Concretização de uma dado projeto educacional
e social;
- Projeto educacional;
●Compromisso com os estudantes.
●Instituição que viabilize um ensino que
estimule a construção do conhecimento.
●Formação do sujeito social.
●Relação de poder compartilhada.
- A avaliação escolar procura identificar os
problemas, os sucessos e os erros ocorridos;
- Natureza pedagógica, administrativa ou
estrutural;
- PPP - Projeto
Político Pedagógico;
E avaliar os alunos
porque ?
Praticas avaliativas na escola
- Diversas pesquisas vem sendo feita com
finalidade de descrever e analisar a avaliação
escolar;
- Tendo como alvo o seu significado; com vista a
contribuir para democratização do ensino;
- Essas pesquisas observa-se que similaridade nos
resultados, que é chamado de “cultura avaliativa”
presente nas organizações escolares;
Praticas avaliativas na escola
- A avaliação vem sendo confundido com
procedimentos de medidas de verificação do
rendimento escolar, resultando em um conceito ou
nota ao aluno;
- Os resultados dos procedimentos de testagem não
são interpretados com possíveis alterações ou
redirecionamentos nas propostas de trabalho;
- A aprovação/reprovação ganha centralidade na
relação de professores e alunos e pais, sendo foco
de suas preocupações não a aprendizagem;
Praticas avaliativas na escola
Funções da avaliação
-Diagnosticar: caracterizar o aluno pelo seu interesse,
necessidade, conhecimento e/ou habilidades, e identificar
dificuldades de aprendizagem;
-Retroinformar: evidenciar os resultados alcançados no
processo ensino-aprendizagem, apoiando o replanejamento
do trabalho com base nas informações obtidas;
-Favorecer o desenvolvimento individual: atuar com
atividade que estimula o crescimento do aluno, desenvolvendo
a auto avaliação.
Praticas avaliativas na escola
- A avaliação tem sido utilizada como instrumento de
controle e adaptação das condutas educacionais e
sociais do aluno, com a pretensão de se conseguir
a aprendizagem;
- Sendo punido os alunos “desobedientes” com
baixos conceitos, reprovação ou ate o
convencimento de que é incapaz de adaptar-se a
escola;
Praticas avaliativas na escola
- A escola em vez de tornar os conteúdos de ensino
mais significativos e interessante para os alunos,
se organiza a parti de expectativas que não levam
em conta as característica dos alunos como grupo
social;
- A avaliação como instrumento usado para
descriminação torna-se improdutiva
pedagogicamente e injusta socialmente;
Praticas avaliativas na escola
A avaliação em transformação
- A discurssão das práticas avaliativas e suas
concepções de ensino, aprendizagem e educação
torna um problema no sentido constitutivo;
- É fundamental para tornar viável um ensino de
qualidade é a vivência do processo avaliativo
como elemento que contribui para construção
dessa qualidade;
A avaliação em transformação
- Não basta tomar conhecimento das criticas que
são feitas, é preciso construir, a partir delas, a
própria análise e reflexão, individual e
coletivamente, na escola;
- A participação do aluno na avaliação é
fundamental para sua integração no processo
educacional para o seu compromisso com a
aprendizagem;
- Deve haver a necessidade e o propósito dos
educadores romper com a cultura avaliativa
dominante nas escolas;
- Os pais precisam estar envolvidos no processo
de transformação das praticas avaliativa, sendo
informado sobre estudos e discussões que vem
ocorrendo entre os educadores e alunos;
A avaliação em transformação
- Uma das atividades que tem potencial é o conselho
de classe, utilizado para defesa da promoção ou
retenção do aluno;
A avaliação em transformação
- Repensar o processo avaliativo:
Informações Para que?
Por quem?
Da avaliação tecnoburocrática para
a avaliação democrática
- O professor deve registrar informações;
- Alunos autônomos;
- Sistema de avaliação da escola.
Da avaliação tecnoburocrática para
a avaliação democrática
CARVALHO, José Sérgio Fonseca de. Avaliação escolar e
democratização: o direito de errar. In: AQUINO, Julio Groppa
(Org.). Erro e fracasso na escola: alternativas teóricas e
práticas. São Paulo: Summus, 1997, p. 125-137.
Referências

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Avaliação em EAD
Avaliação em EADAvaliação em EAD
Avaliação em EAD
Vania Leitao
 
Avaliação em perrenoud
Avaliação em perrenoudAvaliação em perrenoud
Avaliação em perrenoud
FranciscaLidianeArau
 
S2 2
S2 2S2 2
O direito de errar
O direito de errarO direito de errar
O direito de errar
thamiresaneves
 
Papel Da AvaliaçãO
Papel Da AvaliaçãOPapel Da AvaliaçãO
Papel Da AvaliaçãO
guest1c37d0
 
A avaliação da aprendizagem como processo
A avaliação da aprendizagem como processoA avaliação da aprendizagem como processo
A avaliação da aprendizagem como processo
UESPI - PI
 
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Mario Amorim
 
Avaliação na aprendizagem
Avaliação na aprendizagemAvaliação na aprendizagem
Avaliação na aprendizagem
Wagner Ruiz Soares
 
O processo de Avaliação no Ensino Superior
O processo de Avaliação no Ensino SuperiorO processo de Avaliação no Ensino Superior
O processo de Avaliação no Ensino Superior
Instituto Consciência GO
 
A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor
A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autorA avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor
A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor
Fabiana Jacon
 
Slide avaliação
Slide avaliaçãoSlide avaliação
Slide avaliação
Leilakassab
 
TéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãO
TéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãOTéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãO
TéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãO
Messias Matusse
 
Cipriano luckesi dani fran e luuh
Cipriano luckesi dani fran e luuhCipriano luckesi dani fran e luuh
Cipriano luckesi dani fran e luuh
daniellefrancielleluana
 
Progestão x
Progestão xProgestão x
Progestão x
progestaoanguera
 

Mais procurados (14)

Avaliação em EAD
Avaliação em EADAvaliação em EAD
Avaliação em EAD
 
Avaliação em perrenoud
Avaliação em perrenoudAvaliação em perrenoud
Avaliação em perrenoud
 
S2 2
S2 2S2 2
S2 2
 
O direito de errar
O direito de errarO direito de errar
O direito de errar
 
Papel Da AvaliaçãO
Papel Da AvaliaçãOPapel Da AvaliaçãO
Papel Da AvaliaçãO
 
A avaliação da aprendizagem como processo
A avaliação da aprendizagem como processoA avaliação da aprendizagem como processo
A avaliação da aprendizagem como processo
 
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
 
Avaliação na aprendizagem
Avaliação na aprendizagemAvaliação na aprendizagem
Avaliação na aprendizagem
 
O processo de Avaliação no Ensino Superior
O processo de Avaliação no Ensino SuperiorO processo de Avaliação no Ensino Superior
O processo de Avaliação no Ensino Superior
 
A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor
A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autorA avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor
A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor
 
Slide avaliação
Slide avaliaçãoSlide avaliação
Slide avaliação
 
TéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãO
TéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãOTéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãO
TéCnicas E Instrumentos De AvaliaçãO
 
Cipriano luckesi dani fran e luuh
Cipriano luckesi dani fran e luuhCipriano luckesi dani fran e luuh
Cipriano luckesi dani fran e luuh
 
Progestão x
Progestão xProgestão x
Progestão x
 

Semelhante a Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.

Seminario o direito de errar
Seminario o direito de errarSeminario o direito de errar
Seminario o direito de errar
Andreza Lira
 
Seminario o direito de errar
Seminario o direito de errarSeminario o direito de errar
Seminario o direito de errar
Andreza Lira
 
Otaciso_Seminário2
Otaciso_Seminário2Otaciso_Seminário2
Otaciso_Seminário2
LidiaPerside
 
Avaliação escolar e democratização o direito de errar
Avaliação escolar e democratização o direito de errarAvaliação escolar e democratização o direito de errar
Avaliação escolar e democratização o direito de errar
jefc21
 
Seminário discussao coordenada (1)
Seminário   discussao coordenada (1)Seminário   discussao coordenada (1)
Seminário discussao coordenada (1)
jamilemile
 
Discussao 2
Discussao 2Discussao 2
Discussao 2
EdileideSantosAlves
 
Avaliações Hoffmann
Avaliações    HoffmannAvaliações    Hoffmann
Avaliações Hoffmann
Claudia Ramos
 
4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf
4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf
4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf
Flavio de Souza
 
Avaliação artigo da ufpi
Avaliação artigo da ufpiAvaliação artigo da ufpi
Avaliação artigo da ufpi
Robson Eugênio
 
Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia ...
Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia   ...Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia   ...
Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia ...
vinicius_lyma
 
Sala ppp
Sala pppSala ppp
Sala ppp
ryldonjohnson
 
Apresentação avaliação romilda
Apresentação avaliação romildaApresentação avaliação romilda
Apresentação avaliação romilda
gracykf
 
Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...
Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...
Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...
aninhaw2
 
Texto vasconcelos
Texto vasconcelosTexto vasconcelos
Texto vasconcelos
gracykf
 
Avaliacao formativa
Avaliacao formativaAvaliacao formativa
Avaliacao formativa
Marcelo Brito
 
Estudar concurso 80 verdetes
Estudar concurso   80 verdetesEstudar concurso   80 verdetes
Estudar concurso 80 verdetes
Armazém Do Educador
 
Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?
Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?
Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?
edudesafios
 
Maria do Carmo Clímaco
Maria do Carmo ClímacoMaria do Carmo Clímaco
Maria do Carmo Clímaco
edudesafios
 
80 conceitos importantes_na_pr
80 conceitos importantes_na_pr80 conceitos importantes_na_pr
80 conceitos importantes_na_pr
afermartins
 
A avaliação no processo de ensino aprendizagem - rea
A avaliação no processo de ensino aprendizagem - reaA avaliação no processo de ensino aprendizagem - rea
A avaliação no processo de ensino aprendizagem - rea
Elizeu Gomes de Faria
 

Semelhante a Avaliação escolar e democratização: o direito de errar. (20)

Seminario o direito de errar
Seminario o direito de errarSeminario o direito de errar
Seminario o direito de errar
 
Seminario o direito de errar
Seminario o direito de errarSeminario o direito de errar
Seminario o direito de errar
 
Otaciso_Seminário2
Otaciso_Seminário2Otaciso_Seminário2
Otaciso_Seminário2
 
Avaliação escolar e democratização o direito de errar
Avaliação escolar e democratização o direito de errarAvaliação escolar e democratização o direito de errar
Avaliação escolar e democratização o direito de errar
 
Seminário discussao coordenada (1)
Seminário   discussao coordenada (1)Seminário   discussao coordenada (1)
Seminário discussao coordenada (1)
 
Discussao 2
Discussao 2Discussao 2
Discussao 2
 
Avaliações Hoffmann
Avaliações    HoffmannAvaliações    Hoffmann
Avaliações Hoffmann
 
4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf
4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf
4.2 EM_Volume 4_ Gestão do Ensino e da Aprendizagem.pdf
 
Avaliação artigo da ufpi
Avaliação artigo da ufpiAvaliação artigo da ufpi
Avaliação artigo da ufpi
 
Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia ...
Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia   ...Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia   ...
Simulado concurso professor de educacao fisica questoes concurso pedagogia ...
 
Sala ppp
Sala pppSala ppp
Sala ppp
 
Apresentação avaliação romilda
Apresentação avaliação romildaApresentação avaliação romilda
Apresentação avaliação romilda
 
Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...
Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...
Uma releitura dos indicadores da qualidade na educação no contexto de na esco...
 
Texto vasconcelos
Texto vasconcelosTexto vasconcelos
Texto vasconcelos
 
Avaliacao formativa
Avaliacao formativaAvaliacao formativa
Avaliacao formativa
 
Estudar concurso 80 verdetes
Estudar concurso   80 verdetesEstudar concurso   80 verdetes
Estudar concurso 80 verdetes
 
Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?
Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?
Avaliação das escolas: estratégia de responsabilização e de melhoria?
 
Maria do Carmo Clímaco
Maria do Carmo ClímacoMaria do Carmo Clímaco
Maria do Carmo Clímaco
 
80 conceitos importantes_na_pr
80 conceitos importantes_na_pr80 conceitos importantes_na_pr
80 conceitos importantes_na_pr
 
A avaliação no processo de ensino aprendizagem - rea
A avaliação no processo de ensino aprendizagem - reaA avaliação no processo de ensino aprendizagem - rea
A avaliação no processo de ensino aprendizagem - rea
 

Mais de Affonso César

A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
Affonso César
 
Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.
Affonso César
 
Fracasso escolar.
Fracasso escolar.Fracasso escolar.
Fracasso escolar.
Affonso César
 
As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...
As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...
As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...
Affonso César
 
Os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada um
Os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada umOs nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada um
Os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada um
Affonso César
 
Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.
Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.
Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.
Affonso César
 
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...
Affonso César
 
Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...
Affonso César
 
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...
Affonso César
 

Mais de Affonso César (9)

A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
 
Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.
 
Fracasso escolar.
Fracasso escolar.Fracasso escolar.
Fracasso escolar.
 
As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...
As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...
As noções do erro e fracasso escolar no contexto escolar: algumas consideraçõ...
 
Os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada um
Os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada umOs nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada um
Os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefícios de cada um
 
Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.
Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.
Seminário - Avaliação da Aprendizagem: Um ato amoroso.
 
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: do erro como fonte de castigo ao erro ...
 
Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem - por uma prática docente crítica e con...
 
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...
Seminário - Avaliação de Aprendizagem: Avaliação do aluno a favor ou contra d...
 

Último

D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 

Último (20)

D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 

Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.

  • 1. U. F. P. B. AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM Danilo Raniery Alves Coutinho Emiliano José Silva de Oliveira Mailton Fernandes de Carvalho Avaliação escolar e democratização: o direito de errar
  • 2. Introdução - Desafio Histórico: Democratizar o ensino. - Fatores: o Questões estruturais. o Econômico/Financeira o Renda mal distribuída Podemos culpar apenas o governo ?
  • 3. - Não! Porque ? - Temos de estar atentos as estruturas das escolas, pois elas tem uma grande influencia no desenvolvimento educacional; - E a avaliação está sendo feita de forma correta? Sabemos que grande maioria não a utiliza de maneira correta;
  • 4. Para que avaliação escolar ? - Concretização de uma dado projeto educacional e social; - Projeto educacional; ●Compromisso com os estudantes. ●Instituição que viabilize um ensino que estimule a construção do conhecimento. ●Formação do sujeito social. ●Relação de poder compartilhada.
  • 5. - A avaliação escolar procura identificar os problemas, os sucessos e os erros ocorridos; - Natureza pedagógica, administrativa ou estrutural; - PPP - Projeto Político Pedagógico; E avaliar os alunos porque ?
  • 6. Praticas avaliativas na escola - Diversas pesquisas vem sendo feita com finalidade de descrever e analisar a avaliação escolar; - Tendo como alvo o seu significado; com vista a contribuir para democratização do ensino; - Essas pesquisas observa-se que similaridade nos resultados, que é chamado de “cultura avaliativa” presente nas organizações escolares;
  • 7. Praticas avaliativas na escola - A avaliação vem sendo confundido com procedimentos de medidas de verificação do rendimento escolar, resultando em um conceito ou nota ao aluno; - Os resultados dos procedimentos de testagem não são interpretados com possíveis alterações ou redirecionamentos nas propostas de trabalho;
  • 8. - A aprovação/reprovação ganha centralidade na relação de professores e alunos e pais, sendo foco de suas preocupações não a aprendizagem; Praticas avaliativas na escola
  • 9. Funções da avaliação -Diagnosticar: caracterizar o aluno pelo seu interesse, necessidade, conhecimento e/ou habilidades, e identificar dificuldades de aprendizagem; -Retroinformar: evidenciar os resultados alcançados no processo ensino-aprendizagem, apoiando o replanejamento do trabalho com base nas informações obtidas; -Favorecer o desenvolvimento individual: atuar com atividade que estimula o crescimento do aluno, desenvolvendo a auto avaliação. Praticas avaliativas na escola
  • 10. - A avaliação tem sido utilizada como instrumento de controle e adaptação das condutas educacionais e sociais do aluno, com a pretensão de se conseguir a aprendizagem; - Sendo punido os alunos “desobedientes” com baixos conceitos, reprovação ou ate o convencimento de que é incapaz de adaptar-se a escola; Praticas avaliativas na escola
  • 11. - A escola em vez de tornar os conteúdos de ensino mais significativos e interessante para os alunos, se organiza a parti de expectativas que não levam em conta as característica dos alunos como grupo social; - A avaliação como instrumento usado para descriminação torna-se improdutiva pedagogicamente e injusta socialmente; Praticas avaliativas na escola
  • 12. A avaliação em transformação - A discurssão das práticas avaliativas e suas concepções de ensino, aprendizagem e educação torna um problema no sentido constitutivo; - É fundamental para tornar viável um ensino de qualidade é a vivência do processo avaliativo como elemento que contribui para construção dessa qualidade;
  • 13. A avaliação em transformação - Não basta tomar conhecimento das criticas que são feitas, é preciso construir, a partir delas, a própria análise e reflexão, individual e coletivamente, na escola; - A participação do aluno na avaliação é fundamental para sua integração no processo educacional para o seu compromisso com a aprendizagem;
  • 14. - Deve haver a necessidade e o propósito dos educadores romper com a cultura avaliativa dominante nas escolas; - Os pais precisam estar envolvidos no processo de transformação das praticas avaliativa, sendo informado sobre estudos e discussões que vem ocorrendo entre os educadores e alunos; A avaliação em transformação
  • 15. - Uma das atividades que tem potencial é o conselho de classe, utilizado para defesa da promoção ou retenção do aluno; A avaliação em transformação
  • 16. - Repensar o processo avaliativo: Informações Para que? Por quem? Da avaliação tecnoburocrática para a avaliação democrática
  • 17. - O professor deve registrar informações; - Alunos autônomos; - Sistema de avaliação da escola. Da avaliação tecnoburocrática para a avaliação democrática
  • 18. CARVALHO, José Sérgio Fonseca de. Avaliação escolar e democratização: o direito de errar. In: AQUINO, Julio Groppa (Org.). Erro e fracasso na escola: alternativas teóricas e práticas. São Paulo: Summus, 1997, p. 125-137. Referências