SlideShare uma empresa Scribd logo
A GENESE
CAP. XI 26 A 35
A VERDADEIRA LUZ É INTERIOR!!!
Progresso

O progresso material de um planeta acompanha o progresso moral de
                             seus habitantes.
Vamos fazer um paralelo entre a evolução do homem e a progressão
  dos mundos:
  - o Universo tem 13,7 bilhões de anos
  - o Planeta Terra tem 4 bilhões e meio de anos
  - o Hominídeo tem 2 milhões de anos
  - o Homo Sapiens, que representa o que somos atualmente, tem
  150 mil anos.
  Na observação destas datas podemos perceber como somos muito
  novos!
Há pouco tempo usamos de nossa racionalidade e temos a
  consciência de nosso papel como ser vivo.
Humanidade x planeta
• A humanidade e os planetas caminham juntos. O
  progresso material de um planeta acompanha o
  progresso moral de seus habitantes. Da mesma forma
  que o homem evolui, os planetas também evoluem, se
  modificam, acomodam sua superfície, permitindo a
  morada de grupos que sintonizam e se adaptam àquelas
  condições. E, por isso, há tantas moradas na casa do
  Pai...Pela diversidade de estágios evolutivos, há
  moradas correspondentes. Quanto mais evoluído o
  homem, melhor preparado é o ambiente em que ele
  vive.
O planeta Terra é a nossa casa.
• Um dos mundos menos adiantados.
• Povoada de espíritos relativamente
  inferiores.
• A vida corpórea é mais penosa que em
  outros mundos.
• Expiação e provas
Todos nós somos importantes...
Todos nós, encarnados ou desencarnados,
 em qualquer grau de hierarquia que
 pertencemos, somos úteis ao conjunto, ao
 mesmo tempo que a nós próprios. Somos
 a alma do Universo e nossas atitudes
 refletem diretamente no todo
Elemento espiritual
• O elemento espiritual atua em tudo e em
  toda parte sob o impulso divino,
Elemento espiritual + matéria
• Sem esse elemento, só há matéria inerte,
  sem finalidade, sem inteligência, tendo
  como único motor as forças materiais que
  deixam uma imensidade de problemas
  insolúveis.
• A matéria é o laço que prende o Espírito; é o
  instrumento de que este se serve e sobre o
  qual, ao mesmo tempo, exerce sua ação. Pode-
  se dizer-se que a matéria é o agente, o
  intermediário com o auxílio do qual e sobre o
  qual atua o Espírito. (LE)
Pela ação do elemento espiritual
individualizado, tudo tem uma finalidade,
    uma razão de ser, tudo se explica
"Através do nascimento e morte da
forma, o princípio inteligente sofre
constantes modificações nos dois
planos em que se manifesta, razão pela
qual variados elos da evolução fogem à
pesquisa dos naturalistas, por
representarem estágios da consciência
fragmentária fora do campo carnal
propriamente dito." - André Luiz
A casa já está pronta...
Terra = condições climáticas
• Os espíritos chegam e também a espécie
  humana.
• A Terra é povoada de espíritos de
  diferentes categorias, mais ou menos
  aptos ou rebeldes ao progresso.
O progresso não foi uniforme
• Espíritos recém nascidos
• Primeiros grupos que chegaram
• Almas mudam a indumentária carnal, no
  curso incessante dos séculos;
• Constroem o edifício milenar da evolução
  humana com as suas lágrimas e
  sofrimentos.
Imigrantes de diferentes origens
      em uma terra virgem
Reencarnação=oportunidade
Vê-se, então, o fio inquebrantável que sustenta os
  séculos das experiências terrestres, reunindo-as,
  harmoniosamente, umas às outras, a fim de que
  constituam o tesouro imortal da alma humana em
  sua gloriosa ascensão para o Infinito.
As raças são substituídas pelas almas e as gerações
  constituem fases do seu aprendizado e
  aproveitamento; as línguas são formas de
  expressão, caminhando para a expressão única da
  fraternidade e do amor, e os povos são os membros
  dispersos de uma grande família trabalhando para o
  estabelecimento definitivo de sua comunidade
  universal
Todos um dia deixarão a Terra...
• São tempos novos esses.
• Neles, os valores são colocados em teste.
• É necessário definir-se.
• Ou se decide viver de forma digna e fraterna
  ou se busca levar vantagem com a
  instabilidade temporária.
• Ocorre que nessa definição de rumos cada
  um está a traçar o seu destino.
• Porque na Terra em breve devem cessar os
  espetáculos da dor mais atroz.(momento
  espírita)
Emigração e imigração dos
        espíritos

                            Espíritos
      Espíritos
                         Desencarnados
     Encarnados
                       População espiritual
  População da Terra
                            da Terra




                 Ambiente
                 Espiritual
                    da
                  Terra
Chegadas e partidas coletivas
• Para tudo na criação há um objetivo.
• Flagelos,cataclismos,guerras = ocasiões
  de renovar a população corporal do globo.
• O determinismo do amor e do bem é a lei
  de todo o Universo e a alma humana
  emerge de todas as catástrofes em busca
  de uma vida melhor.
Progresso x destruição
• Sem dúvida é penoso pensar que o
  progresso, por vezes, precisa de
  destruição. Mas é preciso destruir os
  velhos casebres e substituí-los por casas
  novas, mais belas e mais cômodas. Aliás,
  é preciso levar em conta o estado
  atrasado do globo, onde a Humanidade
  está apenas no progresso material e
  intelectual.
Aceleram o progresso...
• Social
Progresso físico
Progresso intelectual
Progresso moral
• Quando entrar no progresso moral e
  espiritual, as necessidades morais
  suplantarão as necessidades materiais
Eu sou o caminho...
• Jesus não passou, na caminhada dolorosa das raças, objetivando a
  dilaceração de todas as fronteiras para o amplexo universal.
• Ele é a Luz do Principio e nas suas mãos misericordiosas
  repousam os destinos do mundo.
• Seu coração magnânimo é a fonte da vida para toda a Humanidade
  terrestre.
• Sua mensagem de amor, no Evangelho, é a eterna palavra da
  ressurreição e da justiça, da fraternidade e da misericórdia.
• Todas as coisas humanas passaram, todas as coisas humanas se
  modificarão. Ele, porém, é a Luz de todas as vidas terrestres,
  inacessível ao tempo e à destruição
• Emannuel
Era do progresso moral
O Espiritismo, ao ensinar a participação
 do elemento espiritual em todas as
 coisas do mundo, amplia o seu
 horizonte e muda o curso de suas
 idéias; abre a era do progresso moral.
Transfusão populacional entre os
             mundos
• Coletivas
• Individuais
• Introdução de elementos novos.
Modificação da raça humana

Novos habitantes chegando à Terra,
inicialmente fazem parte da sua
população espiritual depois encarnam
como os outros.
Com que objetivo estão reencarnando
             na Terra?
• Divaldo – Allan Kardec, com a sabedoria que lhe era peculiar, no
  último capítulo do livro A Gênese, refere-se à nova geração que
  viria de uma outra dimensão. Da mesma forma que no tempo do
  Pithecanthropus erectus vieram os denominados Exilados de
  Capela ou de onde quer que seja, porque há muita resistência de
  alguns estudiosos a respeito dessa tese, a verdade é que vieram
  muitos Espíritos de uma outra dimensão. Foram eles que
  produziram a grande transição, denominada por Darwin como o Elo
  Perdido, porque aqueles Espíritos que vieram de uma dimensão
  superior traziam o perispírito já formado e plasmaram, nas
  gerações imediatas, o nosso biótipo, o corpo, conforme o
  conhecemos.
• Logo depois, cumprida a tarefa na Terra, retornaram aos seus
  lares, como diz a Bíblia, ao referir-se ao anjo que se rebelara contra
  Deus – Lúcifer.
• Na atualidade, esses lucíferes voltaram. Somente que, neste outro
  grande momento, estão vindo de Alcione, uma estrela de 3ª.
  grandeza do grupo das plêiades, constituídas por sete estrelas,
  conhecidas pelos gregos, pelos chineses antigos e que fazem parte
  da Constelação de Touro
A GERAÇÃO NOVA
• (...) A Terra, como tudo o que existe,
  está submetida à lei do progresso que,
  moralmente, se dará pela depuração
  dos Espíritos encarnados e
  desencarnados que a povoam.
  (...) Restam aos homens fazerem que
  entre si reinem a caridade, a
  fraternidade, a solidariedade, que lhes
  assegurem o bem-estar moral.
  (...) A geração futura (estávamos em
  1868) desembaraçada das escórias do
  velho mundo e formada de elementos
  mais depurados, se achará possuída
  de idéias e sentimentos muito diversos
  dos da geração presente.
  (...) O caráter, os costumes, os usos,
  tudo está mudado. É que, com efeito,
  surgiram homens novos, ou, melhor,
  regenerados.
• (...) A geração que surge, retemperada em fonte mais
  pura, imbuída de idéias mais sãs, imprimirá ao mundo
  ascensional movimento, no sentido do progresso moral
  que assinalará a nova fase da evolução humana.
  .
  (...) A Terra, no dizer dos Espíritos, não terá de
  transformar-se por meio de um cataclismo que aniquile
  de súbito uma geração. A atual desaparecerá
  gradualmente e a nova lhe sucederá do mesmo modo,
  sem que haja mudança alguma na ordem natural das
  coisas.
  (...) Pela natureza das disposições morais, sobretudo
  das disposições intuitivas e inatas das duas gerações,
  da que parte e da que chega, torna-se fácil distinguir a
  qual das duas pertence cada indivíduo.
  (...) A regeneração da Humanidade não exige
  absolutamente a renovação integral dos Espíritos: basta
  uma modificação em suas disposições morais.
A TRANSFORMAÇÃO DA TERRA
             A           Como se processará
           GERAÇ                                           a
            ÃO
           NOVA
                        transformação
                                        da
                § 27 ... uma parte dos Espíritos
                      geração atual da Terra?
QUEM            que encarnavam na Terra aí não                            QUEM
FICA            mais tornarão a encarnar...
                                 encarnar                                  SAI
   §. 29 - ... “Por esta emigração dos          § 27 ... “aqueles que praticam o
Espíritos, não se deve entender que todos      mal pelo mal, e que o sentimento do
os Espíritos retardatários serão expulsos        bem não atinge, não sendo mais
     da Terra e relegados a mundos             dignos da Terra transformada, dela
  inferiores. Ao contrario, muitos aqui       serão excluídos, por que eles
     voltarão, pois muitos cederam à                  lhe trariam novamente
    influência das circunstâncias e do        perturbações e confusão, e seriam um
exemplo,             a superfície era neles        obstáculo ao progresso. (...)
      pior que          o fundo . (...)
Como realizar essa missão?
•   1. Buscar o autoconhecimento
    A medida que olha para dentro de si, reconheça os próprios sentimentos e
    desenvolva novas habilidades para lidar com eles. O professor-líder deve se
    perguntar: Quem sou eu? Onde estou? Onde quero chegar?
    2. Desenvolver a automotivação
    Fernando Pessoa melhor traduz esta necessidade: "Para ser grande, se inteiro: nada
    / Teu exagera ou exclui. / Se todo em cada coisa. Põe quanto és / No mínimo que
    fazes. / Assim em cada lago a lua toda / Brilha, porque alta vive."
    3. Ter foco na comunicação
    O professor-líder prioriza a autenticidade, a serenidade e a coerência na sua
    comunicação, pois, assim, gera no aluno confiança, consideração e interesse.
    4. Investir na formação de vínculos afetivos
    Acreditando na pessoa e compreendendo seus limites individuais, o professor-líder
    recupera a afetividade na escola, não somente do afeto que consola, mas tambem
    do afeto que impulsiona porque aponta caminhos e reconstrói a esperança.
    5. Praticar seu poder de ação Quem apenas reage as situações não utiliza o seu
    poder de ação, e e ele que transforma a nossa vida.
•   http://www.profissaomestre.com.br/php/verMateria.php?cod=1482
A G E R AÇÃO N O VA
        “Em cada criança que nascer, em vez de um espírito
atrasado e inclinado ao mal, que antes nela encarnaria, virá
um espírito mais adiantado e propenso ao bem:
        Características:
        * inteligência e razão precoces
        * sentimento inato do bem e às crenças espiritu-
         alistas
         * são espíritos   que, já tendo   progredido, se
acham
         predispostos a assimilar as idéias progressistas e
         aptos a secundar o movimento de regeneração.


                                            Gênese XVII: 27
Desperte!
•   Nós ganhamos a oportunidade da vida
•   Não nascemos com manual impresso
•   Todos temos o desejo de plenitude
•   É possível satisfazer esse desejo
Toda eclosão de notícias, de mensagens, de
          Paraespiritual, deve significar para o
  avisos da vida
                   não esquecer!
  homem domiciliado na Terra, do presente
  século, a urgência do aproveitamento das lições
  de Jesus.
A transformação atual da Terra será sob um ponto
  de vista moral!                   Emmanuel
Transcrito do jornal Folha Espírita – março 2011
“ Que importa crer na existência dos
 Espíritos, se essa crença não faz que
aquele que a tem se torne melhor, mais
humilde e paciente, mais benevolente?
 De que serve ao avarento ser espírita,
        se continua avarento?”
             Ney Lobo
A genese cap. xi

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Perispírito-1,5h
Perispírito-1,5hPerispírito-1,5h
Perispírito-1,5hhome
 
Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Denise Aguiar
 
Roteiro 5 diferentes categorias de mundos habitados
Roteiro 5   diferentes categorias de mundos habitadosRoteiro 5   diferentes categorias de mundos habitados
Roteiro 5 diferentes categorias de mundos habitadosBruno Cechinel Filho
 
Provas e expiações
Provas e expiações  Provas e expiações
Provas e expiações Mima Badan
 
Tríplice Aspecto da Doutrina Espírita
Tríplice Aspecto da Doutrina EspíritaTríplice Aspecto da Doutrina Espírita
Tríplice Aspecto da Doutrina EspíritaAntonino Silva
 
A reencarnação visão geral
A reencarnação visão geralA reencarnação visão geral
A reencarnação visão geralAnderson Dias
 
O processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucura
O processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucuraO processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucura
O processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucurajcevadro
 
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIODESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIOJorge Luiz dos Santos
 
Curso de Passe - Módulo 1
Curso de Passe - Módulo 1Curso de Passe - Módulo 1
Curso de Passe - Módulo 1Edna Costa
 
Esquecimento do Passado
Esquecimento do Passado Esquecimento do Passado
Esquecimento do Passado meebpeixotinho
 
Progressão dos Espíritos - 1ª Parte
Progressão dos Espíritos - 1ª ParteProgressão dos Espíritos - 1ª Parte
Progressão dos Espíritos - 1ª ParteDenise Aguiar
 
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e AchareisPalestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e Achareismanumino
 
Os espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morteOs espíritas diante da morte
Os espíritas diante da mortehome
 
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpoRoteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpoBruno Cechinel Filho
 
AULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃO
AULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃOAULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃO
AULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃODaniel de Melo
 
Instinto e inteligência
Instinto e inteligênciaInstinto e inteligência
Instinto e inteligênciaShantappa Jewur
 

Mais procurados (20)

Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
 
Perispírito-1,5h
Perispírito-1,5hPerispírito-1,5h
Perispírito-1,5h
 
Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1
 
Roteiro 5 diferentes categorias de mundos habitados
Roteiro 5   diferentes categorias de mundos habitadosRoteiro 5   diferentes categorias de mundos habitados
Roteiro 5 diferentes categorias de mundos habitados
 
Provas e expiações
Provas e expiações  Provas e expiações
Provas e expiações
 
Tríplice Aspecto da Doutrina Espírita
Tríplice Aspecto da Doutrina EspíritaTríplice Aspecto da Doutrina Espírita
Tríplice Aspecto da Doutrina Espírita
 
A reencarnação visão geral
A reencarnação visão geralA reencarnação visão geral
A reencarnação visão geral
 
O processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucura
O processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucuraO processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucura
O processo obsessivo - obsessor e obsidiado - obsessão e loucura
 
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIODESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
 
Curso de Passe - Módulo 1
Curso de Passe - Módulo 1Curso de Passe - Módulo 1
Curso de Passe - Módulo 1
 
Esquecimento do Passado
Esquecimento do Passado Esquecimento do Passado
Esquecimento do Passado
 
Progressão dos Espíritos - 1ª Parte
Progressão dos Espíritos - 1ª ParteProgressão dos Espíritos - 1ª Parte
Progressão dos Espíritos - 1ª Parte
 
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e AchareisPalestra Espirita - Buscai e Achareis
Palestra Espirita - Buscai e Achareis
 
JustiçA da Reencarnação
JustiçA  da  ReencarnaçãoJustiçA  da  Reencarnação
JustiçA da Reencarnação
 
Os espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morteOs espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morte
 
A realeza de jesus
A realeza de jesusA realeza de jesus
A realeza de jesus
 
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpoRoteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
 
AULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃO
AULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃOAULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃO
AULA 002 EAE DM - A CRIAÇÃO
 
Simpatias e antipatias terrenas
Simpatias e antipatias terrenasSimpatias e antipatias terrenas
Simpatias e antipatias terrenas
 
Instinto e inteligência
Instinto e inteligênciaInstinto e inteligência
Instinto e inteligência
 

Destaque

Transição do Mundo e Geração Nova
Transição do Mundo e Geração NovaTransição do Mundo e Geração Nova
Transição do Mundo e Geração NovaGraça Maciel
 
Palestra crianças indigo e cristais - levy
Palestra   crianças indigo e cristais - levyPalestra   crianças indigo e cristais - levy
Palestra crianças indigo e cristais - levyDaura Alves
 
Crianças Indigo e Cristal
Crianças Indigo e CristalCrianças Indigo e Cristal
Crianças Indigo e Cristalguestd2718d
 
Transição Nova Era
Transição Nova EraTransição Nova Era
Transição Nova EraAri Carrasco
 
Nova geraçao
Nova geraçaoNova geraçao
Nova geraçaodijfergs
 

Destaque (7)

Transição do Mundo e Geração Nova
Transição do Mundo e Geração NovaTransição do Mundo e Geração Nova
Transição do Mundo e Geração Nova
 
A gênese
A gêneseA gênese
A gênese
 
Palestra crianças indigo e cristais - levy
Palestra   crianças indigo e cristais - levyPalestra   crianças indigo e cristais - levy
Palestra crianças indigo e cristais - levy
 
Crianças Indigo e Cristal
Crianças Indigo e CristalCrianças Indigo e Cristal
Crianças Indigo e Cristal
 
Crianças índigo
Crianças índigoCrianças índigo
Crianças índigo
 
Transição Nova Era
Transição Nova EraTransição Nova Era
Transição Nova Era
 
Nova geraçao
Nova geraçaoNova geraçao
Nova geraçao
 

Semelhante a A genese cap. xi

Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidosGenese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidosFernando Pinto
 
Palestra Pluralidade Mundos Habitados
Palestra Pluralidade Mundos HabitadosPalestra Pluralidade Mundos Habitados
Palestra Pluralidade Mundos Habitadoscab3032
 
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitadosEvangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitadosAntonino Silva
 
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]gutoFund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]gutoGuto Ovsky
 
A nova geração
A nova geraçãoA nova geração
A nova geraçãosheilaleite
 
A terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiaçõesA terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiaçõesGraça Maciel
 
Higienização espiritual da Terra
Higienização espiritual da TerraHigienização espiritual da Terra
Higienização espiritual da Terracarlos freire
 
Mundos regeneradores dalila melo, julho 2013
Mundos regeneradores   dalila melo, julho 2013Mundos regeneradores   dalila melo, julho 2013
Mundos regeneradores dalila melo, julho 2013Dalila Melo
 
Viajantes das estrelas
Viajantes das estrelasViajantes das estrelas
Viajantes das estrelascarlos freire
 
Cosmovisão
CosmovisãoCosmovisão
CosmovisãoFalec
 
Cosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaCosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaFalec
 
Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8
Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8
Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8Lucia Andrade
 
Palestra ese 03 muitas moradas 20160223 v3
Palestra ese 03   muitas moradas  20160223 v3Palestra ese 03   muitas moradas  20160223 v3
Palestra ese 03 muitas moradas 20160223 v3Tiburcio Santos
 
Pluralidade de mundos habitados
Pluralidade de mundos habitadosPluralidade de mundos habitados
Pluralidade de mundos habitadosPonte de Luz ASEC
 
Roteiro 6 materialização nos diferentes mundos
Roteiro 6   materialização nos diferentes mundosRoteiro 6   materialização nos diferentes mundos
Roteiro 6 materialização nos diferentes mundosBruno Cechinel Filho
 
Allan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOS
Allan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOSAllan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOS
Allan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOSFatima Carvalho
 

Semelhante a A genese cap. xi (20)

Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidosGenese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
 
Palestra Pluralidade Mundos Habitados
Palestra Pluralidade Mundos HabitadosPalestra Pluralidade Mundos Habitados
Palestra Pluralidade Mundos Habitados
 
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitadosEvangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
 
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]gutoFund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
 
A nova geração
A nova geraçãoA nova geração
A nova geração
 
A terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiaçõesA terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiações
 
Higienização espiritual da Terra
Higienização espiritual da TerraHigienização espiritual da Terra
Higienização espiritual da Terra
 
Higienização espiritual da terra
Higienização espiritual da terraHigienização espiritual da terra
Higienização espiritual da terra
 
Mundos regeneradores dalila melo, julho 2013
Mundos regeneradores   dalila melo, julho 2013Mundos regeneradores   dalila melo, julho 2013
Mundos regeneradores dalila melo, julho 2013
 
Viajantes das estrelas
Viajantes das estrelasViajantes das estrelas
Viajantes das estrelas
 
Cosmovisão
CosmovisãoCosmovisão
Cosmovisão
 
Cosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaCosmovisao Espírita
Cosmovisao Espírita
 
Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8
Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8
Palestra pluralidade-mundos-habitados-1211296550779779-8
 
GEEAD_2012_01_11
GEEAD_2012_01_11GEEAD_2012_01_11
GEEAD_2012_01_11
 
Palestra ese 03 muitas moradas 20160223 v3
Palestra ese 03   muitas moradas  20160223 v3Palestra ese 03   muitas moradas  20160223 v3
Palestra ese 03 muitas moradas 20160223 v3
 
Pluralidade de mundos habitados
Pluralidade de mundos habitadosPluralidade de mundos habitados
Pluralidade de mundos habitados
 
Roteiro 6 materialização nos diferentes mundos
Roteiro 6   materialização nos diferentes mundosRoteiro 6   materialização nos diferentes mundos
Roteiro 6 materialização nos diferentes mundos
 
Transição_Portal da Nova Geração
Transição_Portal da Nova GeraçãoTransição_Portal da Nova Geração
Transição_Portal da Nova Geração
 
Allan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOS
Allan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOSAllan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOS
Allan Kardec 150 Anos LIVRO DOS ESPÍRITOS
 
Viajantes das estrelas ppt
Viajantes das estrelas pptViajantes das estrelas ppt
Viajantes das estrelas ppt
 

Mais de Dalila Melo

é Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homensé Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homensDalila Melo
 
As criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existemAs criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existemDalila Melo
 
Confissões livro vi item iv
Confissões livro vi item ivConfissões livro vi item iv
Confissões livro vi item ivDalila Melo
 
Manifeste seu progresso
Manifeste seu progressoManifeste seu progresso
Manifeste seu progressoDalila Melo
 
Instruções a timóteo
Instruções a timóteoInstruções a timóteo
Instruções a timóteoDalila Melo
 
Psicologia da gratidão
Psicologia da gratidãoPsicologia da gratidão
Psicologia da gratidãoDalila Melo
 
Literatura infantil espírita
Literatura infantil espíritaLiteratura infantil espírita
Literatura infantil espíritaDalila Melo
 
A Casa espírita
A Casa espíritaA Casa espírita
A Casa espíritaDalila Melo
 
Falatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de LuzFalatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de LuzDalila Melo
 
Caminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espiritoCaminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espiritoDalila Melo
 
Educação do afeto
Educação do afetoEducação do afeto
Educação do afetoDalila Melo
 
Valor ação correta
Valor ação corretaValor ação correta
Valor ação corretaDalila Melo
 
3 história da terra
3   história da terra3   história da terra
3 história da terraDalila Melo
 
Criação de deus
Criação de deusCriação de deus
Criação de deusDalila Melo
 
Pensamento e vontade
Pensamento e vontadePensamento e vontade
Pensamento e vontadeDalila Melo
 

Mais de Dalila Melo (20)

é Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homensé Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homens
 
As criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existemAs criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existem
 
Confissões livro vi item iv
Confissões livro vi item ivConfissões livro vi item iv
Confissões livro vi item iv
 
Manifeste seu progresso
Manifeste seu progressoManifeste seu progresso
Manifeste seu progresso
 
Instruções a timóteo
Instruções a timóteoInstruções a timóteo
Instruções a timóteo
 
Psicologia da gratidão
Psicologia da gratidãoPsicologia da gratidão
Psicologia da gratidão
 
Literatura infantil espírita
Literatura infantil espíritaLiteratura infantil espírita
Literatura infantil espírita
 
1 coríntios 4
1 coríntios 41 coríntios 4
1 coríntios 4
 
A Casa espírita
A Casa espíritaA Casa espírita
A Casa espírita
 
Falatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de LuzFalatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de Luz
 
Caminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espiritoCaminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espirito
 
Educação do afeto
Educação do afetoEducação do afeto
Educação do afeto
 
Valor ação correta
Valor ação corretaValor ação correta
Valor ação correta
 
Rosas
RosasRosas
Rosas
 
3 história da terra
3   história da terra3   história da terra
3 história da terra
 
Criação de deus
Criação de deusCriação de deus
Criação de deus
 
Pensamento e vontade
Pensamento e vontadePensamento e vontade
Pensamento e vontade
 
A fé religiosa
A fé religiosaA fé religiosa
A fé religiosa
 
A piedade
A piedadeA piedade
A piedade
 
Ano novo
Ano novoAno novo
Ano novo
 

A genese cap. xi

  • 2. A VERDADEIRA LUZ É INTERIOR!!!
  • 3. Progresso O progresso material de um planeta acompanha o progresso moral de seus habitantes. Vamos fazer um paralelo entre a evolução do homem e a progressão dos mundos: - o Universo tem 13,7 bilhões de anos - o Planeta Terra tem 4 bilhões e meio de anos - o Hominídeo tem 2 milhões de anos - o Homo Sapiens, que representa o que somos atualmente, tem 150 mil anos. Na observação destas datas podemos perceber como somos muito novos! Há pouco tempo usamos de nossa racionalidade e temos a consciência de nosso papel como ser vivo.
  • 4.
  • 5. Humanidade x planeta • A humanidade e os planetas caminham juntos. O progresso material de um planeta acompanha o progresso moral de seus habitantes. Da mesma forma que o homem evolui, os planetas também evoluem, se modificam, acomodam sua superfície, permitindo a morada de grupos que sintonizam e se adaptam àquelas condições. E, por isso, há tantas moradas na casa do Pai...Pela diversidade de estágios evolutivos, há moradas correspondentes. Quanto mais evoluído o homem, melhor preparado é o ambiente em que ele vive.
  • 6. O planeta Terra é a nossa casa. • Um dos mundos menos adiantados. • Povoada de espíritos relativamente inferiores. • A vida corpórea é mais penosa que em outros mundos. • Expiação e provas
  • 7. Todos nós somos importantes... Todos nós, encarnados ou desencarnados, em qualquer grau de hierarquia que pertencemos, somos úteis ao conjunto, ao mesmo tempo que a nós próprios. Somos a alma do Universo e nossas atitudes refletem diretamente no todo
  • 8. Elemento espiritual • O elemento espiritual atua em tudo e em toda parte sob o impulso divino,
  • 9. Elemento espiritual + matéria • Sem esse elemento, só há matéria inerte, sem finalidade, sem inteligência, tendo como único motor as forças materiais que deixam uma imensidade de problemas insolúveis.
  • 10. • A matéria é o laço que prende o Espírito; é o instrumento de que este se serve e sobre o qual, ao mesmo tempo, exerce sua ação. Pode- se dizer-se que a matéria é o agente, o intermediário com o auxílio do qual e sobre o qual atua o Espírito. (LE)
  • 11. Pela ação do elemento espiritual individualizado, tudo tem uma finalidade, uma razão de ser, tudo se explica
  • 12. "Através do nascimento e morte da forma, o princípio inteligente sofre constantes modificações nos dois planos em que se manifesta, razão pela qual variados elos da evolução fogem à pesquisa dos naturalistas, por representarem estágios da consciência fragmentária fora do campo carnal propriamente dito." - André Luiz
  • 13. A casa já está pronta...
  • 14. Terra = condições climáticas • Os espíritos chegam e também a espécie humana. • A Terra é povoada de espíritos de diferentes categorias, mais ou menos aptos ou rebeldes ao progresso.
  • 15. O progresso não foi uniforme • Espíritos recém nascidos • Primeiros grupos que chegaram • Almas mudam a indumentária carnal, no curso incessante dos séculos; • Constroem o edifício milenar da evolução humana com as suas lágrimas e sofrimentos.
  • 16. Imigrantes de diferentes origens em uma terra virgem
  • 17.
  • 18. Reencarnação=oportunidade Vê-se, então, o fio inquebrantável que sustenta os séculos das experiências terrestres, reunindo-as, harmoniosamente, umas às outras, a fim de que constituam o tesouro imortal da alma humana em sua gloriosa ascensão para o Infinito. As raças são substituídas pelas almas e as gerações constituem fases do seu aprendizado e aproveitamento; as línguas são formas de expressão, caminhando para a expressão única da fraternidade e do amor, e os povos são os membros dispersos de uma grande família trabalhando para o estabelecimento definitivo de sua comunidade universal
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22. Todos um dia deixarão a Terra... • São tempos novos esses. • Neles, os valores são colocados em teste. • É necessário definir-se. • Ou se decide viver de forma digna e fraterna ou se busca levar vantagem com a instabilidade temporária. • Ocorre que nessa definição de rumos cada um está a traçar o seu destino. • Porque na Terra em breve devem cessar os espetáculos da dor mais atroz.(momento espírita)
  • 23. Emigração e imigração dos espíritos Espíritos Espíritos Desencarnados Encarnados População espiritual População da Terra da Terra Ambiente Espiritual da Terra
  • 24. Chegadas e partidas coletivas • Para tudo na criação há um objetivo. • Flagelos,cataclismos,guerras = ocasiões de renovar a população corporal do globo. • O determinismo do amor e do bem é a lei de todo o Universo e a alma humana emerge de todas as catástrofes em busca de uma vida melhor.
  • 25. Progresso x destruição • Sem dúvida é penoso pensar que o progresso, por vezes, precisa de destruição. Mas é preciso destruir os velhos casebres e substituí-los por casas novas, mais belas e mais cômodas. Aliás, é preciso levar em conta o estado atrasado do globo, onde a Humanidade está apenas no progresso material e intelectual.
  • 29. Progresso moral • Quando entrar no progresso moral e espiritual, as necessidades morais suplantarão as necessidades materiais
  • 30. Eu sou o caminho... • Jesus não passou, na caminhada dolorosa das raças, objetivando a dilaceração de todas as fronteiras para o amplexo universal. • Ele é a Luz do Principio e nas suas mãos misericordiosas repousam os destinos do mundo. • Seu coração magnânimo é a fonte da vida para toda a Humanidade terrestre. • Sua mensagem de amor, no Evangelho, é a eterna palavra da ressurreição e da justiça, da fraternidade e da misericórdia. • Todas as coisas humanas passaram, todas as coisas humanas se modificarão. Ele, porém, é a Luz de todas as vidas terrestres, inacessível ao tempo e à destruição • Emannuel
  • 31.
  • 32. Era do progresso moral O Espiritismo, ao ensinar a participação do elemento espiritual em todas as coisas do mundo, amplia o seu horizonte e muda o curso de suas idéias; abre a era do progresso moral.
  • 33. Transfusão populacional entre os mundos • Coletivas • Individuais • Introdução de elementos novos.
  • 34. Modificação da raça humana Novos habitantes chegando à Terra, inicialmente fazem parte da sua população espiritual depois encarnam como os outros.
  • 35. Com que objetivo estão reencarnando na Terra? • Divaldo – Allan Kardec, com a sabedoria que lhe era peculiar, no último capítulo do livro A Gênese, refere-se à nova geração que viria de uma outra dimensão. Da mesma forma que no tempo do Pithecanthropus erectus vieram os denominados Exilados de Capela ou de onde quer que seja, porque há muita resistência de alguns estudiosos a respeito dessa tese, a verdade é que vieram muitos Espíritos de uma outra dimensão. Foram eles que produziram a grande transição, denominada por Darwin como o Elo Perdido, porque aqueles Espíritos que vieram de uma dimensão superior traziam o perispírito já formado e plasmaram, nas gerações imediatas, o nosso biótipo, o corpo, conforme o conhecemos. • Logo depois, cumprida a tarefa na Terra, retornaram aos seus lares, como diz a Bíblia, ao referir-se ao anjo que se rebelara contra Deus – Lúcifer. • Na atualidade, esses lucíferes voltaram. Somente que, neste outro grande momento, estão vindo de Alcione, uma estrela de 3ª. grandeza do grupo das plêiades, constituídas por sete estrelas, conhecidas pelos gregos, pelos chineses antigos e que fazem parte da Constelação de Touro
  • 36. A GERAÇÃO NOVA • (...) A Terra, como tudo o que existe, está submetida à lei do progresso que, moralmente, se dará pela depuração dos Espíritos encarnados e desencarnados que a povoam. (...) Restam aos homens fazerem que entre si reinem a caridade, a fraternidade, a solidariedade, que lhes assegurem o bem-estar moral. (...) A geração futura (estávamos em 1868) desembaraçada das escórias do velho mundo e formada de elementos mais depurados, se achará possuída de idéias e sentimentos muito diversos dos da geração presente. (...) O caráter, os costumes, os usos, tudo está mudado. É que, com efeito, surgiram homens novos, ou, melhor, regenerados.
  • 37. • (...) A geração que surge, retemperada em fonte mais pura, imbuída de idéias mais sãs, imprimirá ao mundo ascensional movimento, no sentido do progresso moral que assinalará a nova fase da evolução humana. . (...) A Terra, no dizer dos Espíritos, não terá de transformar-se por meio de um cataclismo que aniquile de súbito uma geração. A atual desaparecerá gradualmente e a nova lhe sucederá do mesmo modo, sem que haja mudança alguma na ordem natural das coisas. (...) Pela natureza das disposições morais, sobretudo das disposições intuitivas e inatas das duas gerações, da que parte e da que chega, torna-se fácil distinguir a qual das duas pertence cada indivíduo. (...) A regeneração da Humanidade não exige absolutamente a renovação integral dos Espíritos: basta uma modificação em suas disposições morais.
  • 38. A TRANSFORMAÇÃO DA TERRA A Como se processará GERAÇ a ÃO NOVA transformação da § 27 ... uma parte dos Espíritos geração atual da Terra? QUEM que encarnavam na Terra aí não QUEM FICA mais tornarão a encarnar... encarnar SAI  §. 29 - ... “Por esta emigração dos § 27 ... “aqueles que praticam o Espíritos, não se deve entender que todos mal pelo mal, e que o sentimento do os Espíritos retardatários serão expulsos bem não atinge, não sendo mais da Terra e relegados a mundos dignos da Terra transformada, dela inferiores. Ao contrario, muitos aqui serão excluídos, por que eles voltarão, pois muitos cederam à lhe trariam novamente influência das circunstâncias e do perturbações e confusão, e seriam um exemplo, a superfície era neles obstáculo ao progresso. (...) pior que o fundo . (...)
  • 39.
  • 40.
  • 41.
  • 42.
  • 43.
  • 44. Como realizar essa missão? • 1. Buscar o autoconhecimento A medida que olha para dentro de si, reconheça os próprios sentimentos e desenvolva novas habilidades para lidar com eles. O professor-líder deve se perguntar: Quem sou eu? Onde estou? Onde quero chegar? 2. Desenvolver a automotivação Fernando Pessoa melhor traduz esta necessidade: "Para ser grande, se inteiro: nada / Teu exagera ou exclui. / Se todo em cada coisa. Põe quanto és / No mínimo que fazes. / Assim em cada lago a lua toda / Brilha, porque alta vive." 3. Ter foco na comunicação O professor-líder prioriza a autenticidade, a serenidade e a coerência na sua comunicação, pois, assim, gera no aluno confiança, consideração e interesse. 4. Investir na formação de vínculos afetivos Acreditando na pessoa e compreendendo seus limites individuais, o professor-líder recupera a afetividade na escola, não somente do afeto que consola, mas tambem do afeto que impulsiona porque aponta caminhos e reconstrói a esperança. 5. Praticar seu poder de ação Quem apenas reage as situações não utiliza o seu poder de ação, e e ele que transforma a nossa vida. • http://www.profissaomestre.com.br/php/verMateria.php?cod=1482
  • 45. A G E R AÇÃO N O VA “Em cada criança que nascer, em vez de um espírito atrasado e inclinado ao mal, que antes nela encarnaria, virá um espírito mais adiantado e propenso ao bem: Características: * inteligência e razão precoces * sentimento inato do bem e às crenças espiritu- alistas * são espíritos que, já tendo progredido, se acham predispostos a assimilar as idéias progressistas e aptos a secundar o movimento de regeneração. Gênese XVII: 27
  • 46.
  • 47. Desperte! • Nós ganhamos a oportunidade da vida • Não nascemos com manual impresso • Todos temos o desejo de plenitude • É possível satisfazer esse desejo
  • 48. Toda eclosão de notícias, de mensagens, de Paraespiritual, deve significar para o avisos da vida não esquecer! homem domiciliado na Terra, do presente século, a urgência do aproveitamento das lições de Jesus. A transformação atual da Terra será sob um ponto de vista moral! Emmanuel Transcrito do jornal Folha Espírita – março 2011
  • 49. “ Que importa crer na existência dos Espíritos, se essa crença não faz que aquele que a tem se torne melhor, mais humilde e paciente, mais benevolente? De que serve ao avarento ser espírita, se continua avarento?” Ney Lobo