SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 29
Nazismo e
Fascismo
Partido Nacional Fascista
• Na Europa foram
vários os movimentos
da extrema direita a
surgir e a ganhar
adeptos, após a 1º
Guerra Mundial, entre
os quais se destacou o
Partido Nacional
Fascista em Itália
desenvolvida por Benito
Mussolini.
Origem do
“Fascismo”
• Deste termo
“fascista”, em
italiano, fascio,
desenvolveu-
se a expressão
fascismo, que
passou a ser
usada de
forma mais
geral para
caracterizar
partidos e
O Crescimento do PNF
• Depois da primeira
Guerra Mundial, Itália
sofreu várias
consequências o que
originou greves e
pequenas revoluções.
Assustados com esta
situação os
proprietários passaram
a apoiar o Partido
Nacional Fascista de
Benedito Mussolini.
Principais Características Do
Fascismo
• O combate ao socialismo e ao comunismo,O combate ao socialismo e ao comunismo,
• A rejeição do parlamentarismo, acusado deA rejeição do parlamentarismo, acusado de
gerar divisões e de enfraquecer a unidadegerar divisões e de enfraquecer a unidade
nacional;nacional;
• O desprezo pela liberdade individual, umaO desprezo pela liberdade individual, uma
vez que consideravam que os direitos dosvez que consideravam que os direitos dos
indivíduos tinham de estar submetidos aosindivíduos tinham de estar submetidos aos
interesses da nação e do estadointeresses da nação e do estado
• A existência de um partido únicoA existência de um partido único
Principais Características Do
Fascismo
• O CorporativismoO Corporativismo
• O enaltecimento da autoridade do Chefe: o EstadoO enaltecimento da autoridade do Chefe: o Estado
devia ser forte e comandado por um Chefe,devia ser forte e comandado por um Chefe,
considerado o guia e o salvador da Nação e a quemconsiderado o guia e o salvador da Nação e a quem
se devia obediência cega.se devia obediência cega.
• O ultra nacionalismo, que defendia a Nação como oO ultra nacionalismo, que defendia a Nação como o
valor mais importante,valor mais importante,
Mussolini, o “Duce”
• Nascido numa família
modesta (1883-1945),
começou na ala
esquerda do partido
socialista “Avanti”.
Participou na Primeira
Guerra, e no regresso,
retomou a direcção do
seu antigo jornal, onde
passou a exigir um
governo com ideais
mais próximos da
extrema direita.
A Vida de Mussolini
• Mussolini fundou grupos armados contra sindicatos
e partidos de esquerda. Esses grupos deram origem
em 1921 ao partido Nacional Fascista, através do
qual Mussolini chegou ao poder.
• A partir desta altura Benedito Mussolini passou a
ser chamado de “Duce”, que em italiano significa “o
chefe”.
• Acabou por ser executado em Abril de 1945.
A Tomada do Poder de
Mussolini
• Em 1922, o rei de
Itália, Vítor Emanuel
III, pressionado pelas
manifestações de força
do Partido Fascista,
entre as quais
destacou-se a “marcha
sobre Roma”,
encarregou Mussolini de
formar governo.
A Tomada do Poder de
Mussolini
• Em 1924, realizaram-se eleições. É importante
lembrar que Benito Mussolini, subiu ao poder,
legalmente nestas eleições já referidas, apesar dos
fascistas e os seus aliados conseguirem três
quartos dos lugares do Parlamento com fraudes.
• Mussolini pôde, assim, tornar-se o senhor absoluto
de Itália.
O Poder Fascista
• O Estado fascista deixou de permitir qualquer
forma de oposição. Todos os partidos à excepção
do PNF (Partido Nacional Fascista), foram
proibidos.
• Uma poderosa polícia politica vigiava os cidadãos e
encarregava-se da repressão. Os jornais, a rádio e
o cinema passaram a ser sujeitos a censura. As
greves não eram autorizadas, e os sindicatos livres
foram proibidos e substituídos pelas corporações.
O Poder Fascista
• Além de tudo isto, também criaram a formação da
juventude, que eram organizações fascistas
infantis, onde eram doutrinados no sentido da
disciplina, da obediência e da veneração pelo
Chefe.
• Os fascistas tinham uma política externa de
carácter imperialista. Em 1936,os exércitos de
Mussolini conquistaram a Etiópia.
Adolfo Hitler
• Dirigente do Partido
Nazi. Nascido em
1889, tinha como
sonho entrar para a
Academia de Belas-
Artes. Sonho nunca
realizado, talvez por
isso, iniciou um
percurso de
marginalidade, até ter
sido admitido no
exército Alemão. Em
1921, assumiu a chefia
do Partido Nacional
Socialista.
A Vida De Hitler
• Participou num golpe ao poder e foi condenado a
cinco anos de prisão, onde escreveu o conhecido
livro “A minha luta”, livro em que exponha a sua
teoria racista e o seu programa político.
• Com o Partido Nazi no poder, dominou a Alemanha
até 1945, ano em que acabou por se suicidar.
Implantação do Nazismo na
Alemanha
• Após a primeira guerra
mundial foi
estabelecido na
Alemanha o regime
democrático, originando
uma situação bastante
difícil. A situação
económica agravou-se,
devido à guerra, e ao
pagamento das
indemnizações exigidas
pelos vencedores da
guerra
A Implantação do Nazismo na
Alemanha
• A inflação desceu a uma velocidade incontrolável.
Quando a situação da economia começava por fim,
a melhorar, a grande depressão de 1929, abateu-
se violentamente sobre a Alemanha. Bancos foram
á falência, empresas tiveram de fechar e a
pobreza e a miséria apoderaram-se da população
Alemã.
• A partir desta altura, a população, começou a
responsabilizar os partidos no poder pela situação
que se vivia, então, os partidos da oposição (tanto
o partido comunista como o de extrema-direita)
começaram a ser apoiados.
A tomada do poder de Hitler
• Foi então que, devido a
esta situação, um desses
partidos, o partido Nazi
cresceu rapidamente,
apoiado por grandes
industrias e devido a
uma grande propaganda
da rádio e jornais.
• Nas eleições de 1932, o
Partido Nazi, foi o mais
votado e o Presidente da
República nomeou
Rodolfo Hitler,
Chanceler.
O Estado Hitleriano
• O Nazismo, foi um dos maiores exemplos de
totalitarismo, tinha o total controlo sobre a
sociedade.
• A população não tinha o mínimo de liberdade.
• O estado era submetido às ordens do “Fuhrer”
(guia), Adolf Hitler, que exigia obediência a todos
os cidadãos.
• Os suspeitos opositores do regime, eram enviados
para campos de concentração.
O Grande Racismo Nazi
• A doutrina Nazi,
fundava-se no
Racismo. A raça
superior a todas as
outras, para os
Nazis, era a raça
Ariana, cujos
representantes
seriam os Alemães,
que deveriam dominar
o mundo.
Racismo Nazi
• A raça inferior, e mais perigosa, era a Judaica.
Hitler considerava, como raça perfeita, a
população de pele branca e de olhos claros, logo,
os Judeus, iam contra esses ideias. Foram
perseguidos e enviados para os campos de
concentração.
Exemplos a Não Seguir
• Todos sabemos os milhares de pessoas que
sofreram com estes regimes. Felizmente, nada tem
a dimensão que teve. Por isso, nunca nos
cansaremos de lutar por uma sociedade justa, e
nunca por uma que o mundo já teve.
Parece Impossível!!!Parece Impossível!!!
O General Dwight D.
Eisenhower tinha razão ao
ordenar que fossem feitos
os filmes e as fotos.
Exatamente, como foi previsto há cerca de 60 anos…
HOLOCAUSTHOLOCAUST
OO
É uma questão de História lembrar que, quando o Supremo Comandante das
Forças Aliadas, General Dwight D. Eisenhower encontrou as vítimas dos
campos de concentração, ordenou que fosse feito o maior número possível
de fotos, e fez com que os alemães das cidades vizinhas fossem guiados até
aqueles campos e até mesmo enterrassem os mortos.
E o motivo, ele assim
explanou:
“Que se tenha o máximo
de documentação –
façam filmes – gravem
testemunhos – porque
há-de vir um dia em que
algum idiota se vai
erguer e dizer que isto
nunca aconteceu”.
'Tudo o que é necessário
para o triunfo do mal, é que
os homens de bem nada
façam'.
(Edmund Burke)
Recentemente, o Reino Unido removeu o holocausto dos seus currículos
escolares porque "ofendia" a população de filhos de refugiados palestinos,
que afirmam categoricamente que o holocausto foi mais uma fraude na
história.
Passaram mais de 60 anos do fim da Segunda Guerra Mundial.
Agora, mais do que nunca, com o presidente do Irã, entre
outros, sustentando que o 'Holocausto é um mito', torna-se
imperativo fazer com que o mundo jamais esqueça.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Revolução Russa
Revolução RussaRevolução Russa
Revolução Russa
eiprofessor
 

Mais procurados (20)

Período entre guerras
Período entre guerrasPeríodo entre guerras
Período entre guerras
 
Ascensão do Nazismo
Ascensão do NazismoAscensão do Nazismo
Ascensão do Nazismo
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
 
Slide nazismo
Slide nazismoSlide nazismo
Slide nazismo
 
Crise de 29
Crise de 29Crise de 29
Crise de 29
 
Nazismo
NazismoNazismo
Nazismo
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 
O fascismo italiano
O fascismo italianoO fascismo italiano
O fascismo italiano
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
 
Revolução Russa
Revolução RussaRevolução Russa
Revolução Russa
 
Independência da áfrica
Independência da áfricaIndependência da áfrica
Independência da áfrica
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
9º ano - Segunda guerra mundial
9º ano - Segunda guerra mundial9º ano - Segunda guerra mundial
9º ano - Segunda guerra mundial
 
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPeríodo entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Primavera arabe
Primavera arabePrimavera arabe
Primavera arabe
 

Destaque (7)

Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Nazifascismo
Nazifascismo Nazifascismo
Nazifascismo
 
07 guerra fria
07   guerra fria07   guerra fria
07 guerra fria
 
II guerra
II guerraII guerra
II guerra
 
O nazifascismo e o estado novo no brasil
O nazifascismo e o estado novo no brasilO nazifascismo e o estado novo no brasil
O nazifascismo e o estado novo no brasil
 
Regimes Totalitários Fascismo e Nazismo
Regimes Totalitários Fascismo e NazismoRegimes Totalitários Fascismo e Nazismo
Regimes Totalitários Fascismo e Nazismo
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 

Semelhante a Nazifascismo

Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e Nazi
Rui Neto
 
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Braulio Santos Pereira
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
betepa
 
O tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditadurasO tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditaduras
Nuno Faustino
 
Nazismo,fascismo e salazar
Nazismo,fascismo e salazarNazismo,fascismo e salazar
Nazismo,fascismo e salazar
kyzinha
 

Semelhante a Nazifascismo (20)

O Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o NazismoO Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o Nazismo
 
Governos totalitários
Governos totalitáriosGovernos totalitários
Governos totalitários
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e Nazi
 
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 
3ºano slide - da crise à guerra
3ºano   slide - da crise à guerra3ºano   slide - da crise à guerra
3ºano slide - da crise à guerra
 
O tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditadurasO tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditaduras
 
O Tempo Das Ditaduras
O Tempo Das DitadurasO Tempo Das Ditaduras
O Tempo Das Ditaduras
 
Sit 4 vol 1 regimes totalitarismos
Sit 4 vol 1   regimes totalitarismosSit 4 vol 1   regimes totalitarismos
Sit 4 vol 1 regimes totalitarismos
 
Os regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europaOs regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europa
 
Mussolini
MussoliniMussolini
Mussolini
 
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
 
Nazismo
NazismoNazismo
Nazismo
 
Os regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europaOs regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europa
 
Regimes Totalitários
Regimes TotalitáriosRegimes Totalitários
Regimes Totalitários
 
Regimes Totalitários
Regimes TotalitáriosRegimes Totalitários
Regimes Totalitários
 
A Maré negra do Fascismo
A Maré negra do FascismoA Maré negra do Fascismo
A Maré negra do Fascismo
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
 
Nazismo,fascismo e salazar
Nazismo,fascismo e salazarNazismo,fascismo e salazar
Nazismo,fascismo e salazar
 

Mais de Portal do Vestibulando

Mais de Portal do Vestibulando (20)

Idade Média - Feudalismo - Reino Franco
Idade Média - Feudalismo - Reino FrancoIdade Média - Feudalismo - Reino Franco
Idade Média - Feudalismo - Reino Franco
 
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, AstecasSociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
 
Independência dos EUA
Independência dos EUAIndependência dos EUA
Independência dos EUA
 
Ditadura militar anos de chumbo (1964-1985)
Ditadura militar   anos de chumbo (1964-1985)Ditadura militar   anos de chumbo (1964-1985)
Ditadura militar anos de chumbo (1964-1985)
 
07 revolução mexicana
07   revolução mexicana07   revolução mexicana
07 revolução mexicana
 
Guerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - AtualizadaGuerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - Atualizada
 
Nova República
Nova RepúblicaNova República
Nova República
 
Senhora
SenhoraSenhora
Senhora
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
 
Absolutismo
AbsolutismoAbsolutismo
Absolutismo
 
Questão Palestina
Questão PalestinaQuestão Palestina
Questão Palestina
 
Descolonização afro-asiática
Descolonização afro-asiáticaDescolonização afro-asiática
Descolonização afro-asiática
 
África nos tempos de tráfico atlântico
África nos tempos de tráfico atlânticoÁfrica nos tempos de tráfico atlântico
África nos tempos de tráfico atlântico
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
 
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistasBrasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
 
Brasil: Economia Colonial
Brasil: Economia ColonialBrasil: Economia Colonial
Brasil: Economia Colonial
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
 
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - ManausCuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
 
Religiões de matriz africana
Religiões de matriz africanaReligiões de matriz africana
Religiões de matriz africana
 
Morfologia - Classes Gramaticais
Morfologia - Classes GramaticaisMorfologia - Classes Gramaticais
Morfologia - Classes Gramaticais
 

Último

Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
profbrunogeo95
 
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
GisellySobral
 

Último (20)

Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
 

Nazifascismo

  • 2. Partido Nacional Fascista • Na Europa foram vários os movimentos da extrema direita a surgir e a ganhar adeptos, após a 1º Guerra Mundial, entre os quais se destacou o Partido Nacional Fascista em Itália desenvolvida por Benito Mussolini.
  • 3. Origem do “Fascismo” • Deste termo “fascista”, em italiano, fascio, desenvolveu- se a expressão fascismo, que passou a ser usada de forma mais geral para caracterizar partidos e
  • 4. O Crescimento do PNF • Depois da primeira Guerra Mundial, Itália sofreu várias consequências o que originou greves e pequenas revoluções. Assustados com esta situação os proprietários passaram a apoiar o Partido Nacional Fascista de Benedito Mussolini.
  • 5. Principais Características Do Fascismo • O combate ao socialismo e ao comunismo,O combate ao socialismo e ao comunismo, • A rejeição do parlamentarismo, acusado deA rejeição do parlamentarismo, acusado de gerar divisões e de enfraquecer a unidadegerar divisões e de enfraquecer a unidade nacional;nacional; • O desprezo pela liberdade individual, umaO desprezo pela liberdade individual, uma vez que consideravam que os direitos dosvez que consideravam que os direitos dos indivíduos tinham de estar submetidos aosindivíduos tinham de estar submetidos aos interesses da nação e do estadointeresses da nação e do estado • A existência de um partido únicoA existência de um partido único
  • 6. Principais Características Do Fascismo • O CorporativismoO Corporativismo • O enaltecimento da autoridade do Chefe: o EstadoO enaltecimento da autoridade do Chefe: o Estado devia ser forte e comandado por um Chefe,devia ser forte e comandado por um Chefe, considerado o guia e o salvador da Nação e a quemconsiderado o guia e o salvador da Nação e a quem se devia obediência cega.se devia obediência cega. • O ultra nacionalismo, que defendia a Nação como oO ultra nacionalismo, que defendia a Nação como o valor mais importante,valor mais importante,
  • 7. Mussolini, o “Duce” • Nascido numa família modesta (1883-1945), começou na ala esquerda do partido socialista “Avanti”. Participou na Primeira Guerra, e no regresso, retomou a direcção do seu antigo jornal, onde passou a exigir um governo com ideais mais próximos da extrema direita.
  • 8. A Vida de Mussolini • Mussolini fundou grupos armados contra sindicatos e partidos de esquerda. Esses grupos deram origem em 1921 ao partido Nacional Fascista, através do qual Mussolini chegou ao poder. • A partir desta altura Benedito Mussolini passou a ser chamado de “Duce”, que em italiano significa “o chefe”. • Acabou por ser executado em Abril de 1945.
  • 9. A Tomada do Poder de Mussolini • Em 1922, o rei de Itália, Vítor Emanuel III, pressionado pelas manifestações de força do Partido Fascista, entre as quais destacou-se a “marcha sobre Roma”, encarregou Mussolini de formar governo.
  • 10. A Tomada do Poder de Mussolini • Em 1924, realizaram-se eleições. É importante lembrar que Benito Mussolini, subiu ao poder, legalmente nestas eleições já referidas, apesar dos fascistas e os seus aliados conseguirem três quartos dos lugares do Parlamento com fraudes. • Mussolini pôde, assim, tornar-se o senhor absoluto de Itália.
  • 11. O Poder Fascista • O Estado fascista deixou de permitir qualquer forma de oposição. Todos os partidos à excepção do PNF (Partido Nacional Fascista), foram proibidos. • Uma poderosa polícia politica vigiava os cidadãos e encarregava-se da repressão. Os jornais, a rádio e o cinema passaram a ser sujeitos a censura. As greves não eram autorizadas, e os sindicatos livres foram proibidos e substituídos pelas corporações.
  • 12. O Poder Fascista • Além de tudo isto, também criaram a formação da juventude, que eram organizações fascistas infantis, onde eram doutrinados no sentido da disciplina, da obediência e da veneração pelo Chefe. • Os fascistas tinham uma política externa de carácter imperialista. Em 1936,os exércitos de Mussolini conquistaram a Etiópia.
  • 13. Adolfo Hitler • Dirigente do Partido Nazi. Nascido em 1889, tinha como sonho entrar para a Academia de Belas- Artes. Sonho nunca realizado, talvez por isso, iniciou um percurso de marginalidade, até ter sido admitido no exército Alemão. Em 1921, assumiu a chefia do Partido Nacional Socialista.
  • 14. A Vida De Hitler • Participou num golpe ao poder e foi condenado a cinco anos de prisão, onde escreveu o conhecido livro “A minha luta”, livro em que exponha a sua teoria racista e o seu programa político. • Com o Partido Nazi no poder, dominou a Alemanha até 1945, ano em que acabou por se suicidar.
  • 15. Implantação do Nazismo na Alemanha • Após a primeira guerra mundial foi estabelecido na Alemanha o regime democrático, originando uma situação bastante difícil. A situação económica agravou-se, devido à guerra, e ao pagamento das indemnizações exigidas pelos vencedores da guerra
  • 16. A Implantação do Nazismo na Alemanha • A inflação desceu a uma velocidade incontrolável. Quando a situação da economia começava por fim, a melhorar, a grande depressão de 1929, abateu- se violentamente sobre a Alemanha. Bancos foram á falência, empresas tiveram de fechar e a pobreza e a miséria apoderaram-se da população Alemã. • A partir desta altura, a população, começou a responsabilizar os partidos no poder pela situação que se vivia, então, os partidos da oposição (tanto o partido comunista como o de extrema-direita) começaram a ser apoiados.
  • 17. A tomada do poder de Hitler • Foi então que, devido a esta situação, um desses partidos, o partido Nazi cresceu rapidamente, apoiado por grandes industrias e devido a uma grande propaganda da rádio e jornais. • Nas eleições de 1932, o Partido Nazi, foi o mais votado e o Presidente da República nomeou Rodolfo Hitler, Chanceler.
  • 18. O Estado Hitleriano • O Nazismo, foi um dos maiores exemplos de totalitarismo, tinha o total controlo sobre a sociedade. • A população não tinha o mínimo de liberdade. • O estado era submetido às ordens do “Fuhrer” (guia), Adolf Hitler, que exigia obediência a todos os cidadãos. • Os suspeitos opositores do regime, eram enviados para campos de concentração.
  • 19. O Grande Racismo Nazi • A doutrina Nazi, fundava-se no Racismo. A raça superior a todas as outras, para os Nazis, era a raça Ariana, cujos representantes seriam os Alemães, que deveriam dominar o mundo.
  • 20. Racismo Nazi • A raça inferior, e mais perigosa, era a Judaica. Hitler considerava, como raça perfeita, a população de pele branca e de olhos claros, logo, os Judeus, iam contra esses ideias. Foram perseguidos e enviados para os campos de concentração.
  • 21. Exemplos a Não Seguir • Todos sabemos os milhares de pessoas que sofreram com estes regimes. Felizmente, nada tem a dimensão que teve. Por isso, nunca nos cansaremos de lutar por uma sociedade justa, e nunca por uma que o mundo já teve.
  • 22. Parece Impossível!!!Parece Impossível!!! O General Dwight D. Eisenhower tinha razão ao ordenar que fossem feitos os filmes e as fotos.
  • 23. Exatamente, como foi previsto há cerca de 60 anos… HOLOCAUSTHOLOCAUST OO
  • 24. É uma questão de História lembrar que, quando o Supremo Comandante das Forças Aliadas, General Dwight D. Eisenhower encontrou as vítimas dos campos de concentração, ordenou que fosse feito o maior número possível de fotos, e fez com que os alemães das cidades vizinhas fossem guiados até aqueles campos e até mesmo enterrassem os mortos.
  • 25. E o motivo, ele assim explanou: “Que se tenha o máximo de documentação – façam filmes – gravem testemunhos – porque há-de vir um dia em que algum idiota se vai erguer e dizer que isto nunca aconteceu”.
  • 26. 'Tudo o que é necessário para o triunfo do mal, é que os homens de bem nada façam'. (Edmund Burke)
  • 27. Recentemente, o Reino Unido removeu o holocausto dos seus currículos escolares porque "ofendia" a população de filhos de refugiados palestinos, que afirmam categoricamente que o holocausto foi mais uma fraude na história.
  • 28. Passaram mais de 60 anos do fim da Segunda Guerra Mundial.
  • 29. Agora, mais do que nunca, com o presidente do Irã, entre outros, sustentando que o 'Holocausto é um mito', torna-se imperativo fazer com que o mundo jamais esqueça.

Notas do Editor

  1. Está um bom trabalho, referindo os aspectos da subida ao poder da extrema direita na Europa. Faltou enunciar os princípios do Fascismo, mas caracterizaram-nos com exemplos concretos na Itália e na Alemanha. Imagens, cor e links apropriados. Imagens apropriadas, mas por vezes dificultavam a leitura. Parabéns.