SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
Baixar para ler offline
Almir Barbassa
Plano de Investimentos   Diretor Financeiro e de
      2008-2012          Relacionamento com Investidores
                         26 de Novembro de 2007
IBEF e INVESTIDORES
      Campinas




                                                      1
Aviso

   As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais
   previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia.
   Os termos antecipa", "acredita", "espera", "prevê", "pretende", "planeja",
   "projeta", "objetiva", "deverá", bem como outros termos similares, visam a
   identificar tais previsões, as quais, evidentemente, envolvem riscos ou
   incertezas previstos ou não pela Companhia. Portanto, os resultados futuros
   das operações da Companhia podem diferir das atuais expectativas, e o leitor
   não deve se basear exclusivamente nas informações aqui contidas. A
   Companhia não se obriga a atualizar as apresentações e previsões à luz de
   novas informações ou de seus desdobramentos futuros.
   Aviso aos Investidores Norte-Americanos:
   A SEC somente permite que as companhias de óleo e gás incluam em seus
   relatórios arquivados reservas provadas que a Companhia tenha comprovado
   por produção ou testes de formação conclusivos que sejam viáveis
   econômica e legalmente nas condições econômicas e operacionais vigentes.
   Utilizamos alguns termos nesta apresentação, tais como descobertas, que as
   orientações da SEC nos proíbem de usar em nossos relatórios arquivados.




                                                                                  2
Visão 2020 e Missão

                      Visão 2020
       Seremos uma das cinco maiores empresas
   integradas de energia do mundo e a preferida pelos
              nossos públicos de interesse

                       Missão
         Atuar de forma segura e rentável, com
  responsabilidade social e ambiental, nos mercados
    nacional e internacional, fornecendo produtos e
   serviços adequados às necessidades dos clientes
   e contribuindo para o desenvolvimento do Brasil e
                 dos países onde atua.

                                                        3
Desafios de Gestão

Novos Projetos Estratégicos com foco em:
   • Disciplina de Capital
      – Assegurar o retorno adequado do capital empregado nos vários
        segmentos de negócios da Companhia:
         • Busca de maior eficiência na implantação de projetos (Prazos e
           Custos);
         • Gestão de Estoques;
         • Redução de Custos Operacionais e Administrativos;
         • Gestão de Portfólio.
   • Recursos Humanos
      – Ser referência internacional, no segmento de energia, em gestão de
        pessoas, tendo seus empregados como seu maior valor.



                                                                             4
Desafios de Gestão

Novos Projetos Estratégicos com foco em:
    • Responsabilidade Social
      – Ser referência internacional em responsabilidade social na gestão dos
        negócios, contribuindo para o desenvolvimento sustentável.
    • Mudança Climática
      – Atingir patamares de excelência, na indústria de energia, quanto à
        redução da intensidade de emissões de gases de efeito estufa nos
        processos e produtos, contribuindo para a sustentabilidade do
        negócio e para a mitigação da mudança climática global.
    • Tecnologia
      – Ser referência mundial em tecnologias que contribuam para o
        crescimento sustentável da Companhia nas indústrias de petróleo, de
        gás natural, petroquímica e de biocombustíveis.



                                                                              5
Estratégias por Segmento de Negócio
                                        Estratégia Corporativa
                              Comprometimento com o desenvolvimento sustentável
           Crescimento                          Rentabilidade                     Responsabilidade
            Integrado                                                             Social e Ambiental

        Ampliar a atuação nos mercados-alvo de petróleo, derivados, petroquímico, gás e energia,
     biocombustíveis e distribuição, sendo referência mundial como uma empresa integrada de energia


          Crescer          Expandir a atuação       Desenvolver e         Ampliar a     Atuar, globalmente,
       produção e                                liderar o mercado       atuação em     na comercialização
                              integrada em        brasileiro de gás                        e logística de
       reservas de                                                    petroquímica no
      petróleo e gás,             refino,        natural e atuar de                      biocombustíveis,
                                                                         Brasil e na
         de forma           comercialização,       forma integrada
                                                                      América do Sul,       liderando a
                                                 nos mercados de
      sustentável, e            logística e         gás e energia          de forma     produção nacional
     ser reconhecida        distribuição com                           integrada com       de biodiesel e
     pela excelência                              elétrica com foco                         ampliando a
      na atuação em
                            foco na Bacia do              na              os demais
                                 Atlântico         América do Sul       negócios do       participação no
           E&P                                                                           negócio de etanol
                                                                           Sistema
                                                                        PETROBRAS

                    Excelência operacional, em gestão, recursos humanos e tecnologia
                        Downstream                                                            Biocombustíveis
     E&P                                Distribuição       Gás & Energia     Petroquímica
                          (RTC)
                                                                                                                6
Plano de Investimentos: Distribuição por Segmento de Negócio
         Período 2008-12
        US$ 112,4 bilhões                            US$ 97,4 bilhões no Brasil              ...dos quais 15% em SP
                 58%                                      13%




                                                                15
                                                                   ,0
                                                                                           15%




                                                                   bi
                             65,1
                                                                                                 14,
                                                                                                    5b
                                                                                                         i



                                                                          97,4 bi                            82,9 bi
                                                                                                                        85%


       1,5                                                                           87%
                                    29,6
   1% 2,6 2,6
    2%      4,3                                                  Brasil   Internacional
                       6,7                  26%
    2% 4%
                                                                                            São Paulo        Outros Estados
                 6%


  E&P              RTC                     G&E       Biocombustível
  Petroquímica     Distribuição            Corporativo

                  • US$ 65,1 bilhões destinados ao E&P:
                             • Exploração: US$ 11,6 bilhões
                             • Produção: US$ 53,5 bilhões
                                                                                                 Nota: Inclui Internacional   7
Preços do Petróleo: Curvas do Brent



60,0
                                 Curva de Preços PN 2008/12
50,0     55
                       50
40,0                             45            35        35
         40
30,0                   35        35

20,0                                  Curva de Preços PN 2007/11
10,0

 0,0
       2008         2009      2010          2011        2012


                                                                   8
Histórico de Investimentos
                                      Investimento Total (realizado + projetado PN 2008-2012): US$ 311 bilhões                                             22.480



           20.000
                                                      Impacto inflacionário nos investimentos
                                                      Investimentos Nominais
                                                                                                                                                     -
           15.000
 US$ milhões




                                                                                                                                           981
           10.000

                                                                                                                                  220             15.486
                                                                                                                  1.562
                                                                                                                          1.370
                                                                                    1.570                                                10.558
               5.000                                                       1.378
                                                               1.492 1.376                    1.215 1.250 1.062
                                              2.733                                                               6.435 6.012 7.222
                                                       1.368                        4.980
                                                               3.390 3.622 4.009             3.977 4.148 4.227
                                494    1.808 2.038 2.175
                           91
                 -
                           14   86      358
                         54     64    74    84     94        95      96     97       98       99     00     01     02     03     04       05       06       12
                       19   *55- * 65- * 75- * 85-         19      19     19       19       19     20     20     20     20     20       20       20      -20
                                                                                                                                                      08
 * Média Anual                                                                                                                                      20
Números em milhões de dólares correntes, ajustado pelo Corrigido pela Inflação Americana (PPI Index), segundo
os princípios contábeis geralmente aceitos no Brasil (BR GAAP), convertidos pelo dólar médio do período.
A partir de 2005, os investimentos incluem SPCs
                                                                                                                                                                 9
Fontes e Usos – PN 2008-2012


             (US$ 123,8 Bilhões)          (US$ 123,8 Bilhões)
                     19.4                         11.4
                    (15,7%)                       (9,2%)




                     104.4                        112.4
                    (84,3%)                      (90,8%)




                   2004-2010
              Recursos de Terceiros          Amort. Dívida
              Geração Própria                Investimentos

      No PN 2007-11 a necessidade de recursos de terceiros foi de 13%

                                                                        10
Principais Indicadores Financeiros

                                                             Média          Média
 Indicadores
                                                          PN 2007-2011   PN 2008-2012
 Retorno sobre o Capital Empregado (ROCE) (%)                  16              14
 Captação de Recursos por Financiamento LP (US$ Bilhão)        3,1             3,9
 Saldo de Caixa (final do ano) (US$ Bilhão)                    3,5             3,1
 Dívida Líq. / Dívida Líq. + Patrimônio
 (Alavancagem Financeira) (%)                                  25              20
 Fluxo de Caixa Operacional Livre (US$ Bilhão)                 1,5             1,4


 Sensibilidade (média anual) ao preço do Brent - PN 2008-012
 • Cada variação de US$ 5,00 no preço acarretará 2,0 pp de variação no ROCE;
 • Cada variação de US$ 5,00 no preço acarretará variação de US$ 2,5 bilhões na
   geração de caixa operacional;
 • Cada variação de US$ 5,00 no preço resultará em variação de 5 pp na alavancagem .



                                                                                       11
Expressivo crescimento da produção
                                                                                                                        6,8% a.a.
           (Mil boed)    1995     2006      Diferença                 Economia de Divisas                                                 4.153
                                                                     1.062 mil boed X US$ 74,82* =
                                                                           US$ 79,5 milhões                                                18 3
       Produção
       Óleo e GNL
                         716      1.778       1.062                                                                7,2% a.a.
                                                                     US$ 79,5 milhões X 365 = US$
                                                                                                                               3.494        515 *
                                                                             29,0 bilhões
                                                                                                                                151
                                                                                                                                2 8 5*
                                                                                                                                           643
                                                      .
                                            9% a.a
Mil boed




                                                                                                                                637
                                                                                                                2.298
                                                                                                       2.217
                                                                                     2.036     2.020             10 1
                                                                            1.810                       96
                                                          1.565   1.636               85         94
                                                                             23                                 14 2
                                             1.505                  24       35                        16 3     277
                                  1.238                    20                         16 1      16 8
                                              16                    44                                 274
                         1.090                             53                252      250       265
           885 1.008                10        60                                                                                          2 . 8 12
                           11                              221     232
                 9                  45                                                                                         2 .4 2 1
           10             47                  19 7
                 38                17 9
           25             16 3                                                                                 1.7 7 8
                15 2
           13 4                                                             1.5 0 0 1.5 4 0 1.4 9 3 1.6 8 4
                                             1.13 2       1.2 7 1 1.3 3 6
                         869      1.0 0 4
           7 16 8 0 9

                                                                                                                                 Meta       Meta
19 9 5          19 9 6   19 9 7    19 9 8 19 9 9 2 0 0 0 2 0 0 1            2002 2003 2004 2005                   2006           2012       2015
                                  Ó le o e G N L - B ra s il                   G á s N a t ura l - B ra s il
                                  Ó le o e G N L - Int e rna c io na l          G á s N a t ura l - Int e rna c io na l
       * Inclui produção não consolidada                                                                                                        12
Área de Tupi




                                          Caxaréu e
                                           Pirambu




               BMS-9 e
               BMS-10
                                   Poços testados
                         BMS-11
                          (Tupi)




                                                      13
Investimentos em Downstream

        Investimentos de US$ 29,6 bilhões na área de Downstream....

                                                                         US$ milhões

        21%                                                                8.619
                                                 Qualidade combustível
                                     28%
                                                 Conversão                 3.938

                                                 Expansão                  5.353

  8%                                                                       1.083
                                                 SMS


                                                 Transporte Marit.         2.270
   8%
                                                 Dutos                     2.264
                                     13%
        4%
                                                 Outros                    6.112

                   18%




                                                                                       14
Mercado de Gás Natural no Brasil *

      160         Milhões de m3/dia
                                                              134                        134
      140
      120                                           .                                   31,1
                                              a.a            43,9                                 GNL
                                     ,4   %
      100                         19
                                                                                        30,0      Bolívia
       80
                         46,3                                42,1
       60
                                                                                                  E&P
       40                16,2                                                           72,9
       20                                                    48,0
                          24
        0                 6,1
                         2006                                2012                   Oferta 2012

                          Termelétrica                  Industrial    Outros usos

       (*) Considera despacho máximo das termelétricas.
       • Outros usos: veicular, residencial/comercial, refinarias e plantas de fertilizantes



                                                                                                            15
Plano de Investimentos na Cadeia de Valor do Gás Natural

                               Parcela           Parcela
        Segmento/
                              Petrobras         Parceiros        Total
   Cadeia de Gás Natural
                               2008-12           2008-12
  Mercado Brasileiro             18,2              1,0            19,2
  E&P                            11,7              1,0            12,7
  RTC                            1,4               0,0            1,4
  Gás e Energia                  5,0               0,0            5,0
  Distribuição                   0,1               0,0            0,1


  Outros Mercados                0,5               0,0            0,5


  Total Gás Natural              18,7              1,0            19,7

   Em 2007 serão investidos US$ 6,6 bilhões na Cadeia de Valor do Gás
   Natural, sendo US$ 6,5 bilhões no Mercado Brasileiro
                                                                         16
Plangás: Ampliação da oferta de gás natural do Sudeste
• Atuais 15,8 milhões de metros cúbicos por dia para 40 milhões em 2008 e 55 milhões em 2010.
• Principais projetos:
   • Campo Marlim e Roncador na Bacia de Campos, Merluza na Bacia de Santos e Peroá na Bacia do Espírito Santo.




                                                                                                                  17
Cadeia do Gás Natural


                 Desafios                        Metas do PN 2008-2012

   Mais de 75% da produção atual de gás      Investimentos para desenvolver a
        natural é de gás associado            produção de gás não-associado


   Risco de falta de oferta de gás devido    GNL irá garantir flexibilidade para
             a anormalidades                         evitar tais riscos


      Carência de infra-estrutura para        Investimentos totais (Petrobras e
     desenvolver o mercado brasileiro       parceiros) na cadeia de gás natural no
                                               Brasil somam US$ 19,6 bilhões




                                                                                     18
Energia renovável e Biocombustíveis

   Investimentos                                          Investimentos de
                                 Metas 2012
     2008-2012                                              US$ 1,5 bilhão
                           Disponibilidade de 938 mil
 Plantas de Biodiesel
                                    m3/ano                         4%
  H-Bio (Bio-Refino)    Processamento de Óleo Vegetal
                                                         21%                         29%
                              1.6 milhões m³/ano
      Alcodutos
                         Exportação de 4.7 bilhões de
Projeto Embarcações           m³/ano de Etanol
      de Etanol
    Energia Solar
                          Capacidade Instalada de
    Energia Solar       Geração de Energia Elétrica de
  Outras Fontes de      Fontes Renováveis de 365 MW                46%

 Energia Renovável                                             Biodiesel
                                                               Dutos e Álcooldutos
  Total evitado de emissões de Gases de Efeito Estufa:         Outros
      3.93 bilhões de toneladas de CO2 equivalente             H-Bio

                                                                                     19
Investimentos para exportação do Etanol


                                    Novo Alcoduto
                                    (1.150 Km)

           Novo Alcoduto
             (1412 km)
                                  Nova Rota Fluvial para o
                                  Etanol                             Replan – Duto Ilha Dágua (Fluxo Atual)

                                                                     Rota Fluvial Tietê-Paraná

                                                                      Senador Canedo – Duto São Sebastião

                                                                      Replan – Duto Brasília Pipeline (OSBRA)

                                                                      Replan – Duto Guararema


                                                                           Dutos Existentes

                                                                           Dutos Futuros
   Novo Alcoduto
                                                                            Terminal Existente
     (919Km)
                                                                            Terminal Futuro


                                                                           Exportação



                                                      Terminal Marítimo
                                                      do Rio de Janeiro
                                  Terminal Marítimo
                                    de São Paulo

                                     Meta: Exportação: 4.75 MM m3/ano em 2012
                                                     crescimento de 45,5% a.a.
                                                                          20
Conteúdo Nacional

     Os resultados consolidados indicam um Conteúdo Nacional de 65%,
     levando a uma média anual de US$ 12,6 bilhões colocados junto ao
     mercado fornecedor local
                                                                       US$ bilhões
                                                  Colocação no
                                  Investimento
                                                    Mercado          Conteúdo
           Área de Negócio         Doméstico
                                                    Nacional        Nacional (%)
                                     2008-12
                                                    2008-12
           E&P                        54,6             29,5             54%
           Abastecimento              31,4             24,3             77%
           G&E                        6,6               5,0             76%
           Distribuição               2,5               2,4             100%
           Áreas Corporativas         2,3               1,9             80%
           Total                      97,4             63,1             65%


    A média anual de colocação no mercado nacional do Plano anterior, era cerca de US$ 10 bilhões


       Conteúdo Nacional dos Investimentos em São Paulo: Cerca de 74%

                                                                                               21
Petrobras
                             TRIBUTOS e PG's Pagos 2006
                                  (R$ 81.708 milhões)             Municipais
                                                                    0,1%

                          PG's
                          20,2%                           Estaduais
                                                            24,3%

                                          Próprios
                                           62,5%



                         Retidos
                                                                               Federais
                          17,3%
                                                                                38,1%



              Arrecadação da SRF em 2006                              Arrecadação de ICMS em 2006
                   (R$ 392.5 bilhões)                                       (R$ 171,6 bilhões)
                                         Demais                                                      Demais
                                         Empresas                                                   empresas
                                           87%                                                        83%




                                                     PETROBRAS
             PETROBRAS                                  17%
                13%

  Valores segundo Regime de Caixa                                                                          22
Resultados Financeiros

                   Receita Operacional Líquida (R$ bilhões)

                                                                 158,2
                                                         136,6           125,1
                                                 111,1
                                          95,7
                            57,5   69,2
                    44,6
    15,8    26,9


     1998   1999    2000    2001   2002   2003   2004    2005    2006    9M 2007

                           Lucro Líquido (R$ bilhões)
                                                                 25,9
                                                         23,7
                                          17,8   16,9                     16,5
                    9,9     9,9    8,1
     1,4    1,8

    1998    1999    2000    2001   2002   2003   2004    2005    2006    9M 2007

                                                                                   23
Política de Dividendos


                                                       Dividend Payout
                   52,1%
    43,4%
                                              34,8%           29,6% 32,2%          29,9%     31,5%      31,3%
           30,7%               26,6%                                     29,7% 28,2%    29,9%      30,3%
                         25,9%     26,5%           28,3% 28,2%




        1998            1999           2000       2001         2002         2003             2004             2005        2006

                            % do Lucro Líquido                        % do Lucro Líquido Ajustado
                                                          Dividend Yield
                                                6,3%
                                                       6,5%                 6 , 2 %6 , 8 %
                                                                     5,4%
    4,6%                            4,6% 4,9%                 4,8%                           4 , 3 %4 , 7 %    3 ,9 %4 ,3 %
            3,4%                                                                                                              3 , 3%3 ,7 %
                   2 , 0 % 1, 8 %




      1998            1999            2000        2001          2002          2003             2004              2005            2006
                        Ações Ordinárias                                     Ações Preferenciais

 Dividend Yield: Dividendo declarado para cada ano / Preço por ação ao final do mesmo ano

                                                                                                                                             24
Valor de Mercado
                                                      Valor do Mercado em US$ bilhões

                                                                               2007 =     + 82,7 %

                                                                                                                                               196,8

                                                                                                                                     155,2
                                                                                                                134,4      128,1
                                                                                                      127,0
                                        107,8                          105,6                112,1
                                                  102,9                          105,0
                                                            94,8
                               74,2

                     42,4
           30,7
 15,6


dez-02    dez-03    dez-04    dez-05    dez-06    jan-07    fev-07    mar-07     abr-07     mai07     jun-07    jul-07     ago-07    set-07    out-07
                                                                      Período

                                                      Valor do Mercado em R$ bilhões

                                                                                2007 =     +49%

                                                                                                                                                 343,2


                                                                                                                                       285,3

                                                                                                        244,6     252,2      251,3
                                          230,3
                                                    218,6                216,6     213,5      216,3
                                                              200,7
                                173,6


                      112,5
             88,7
   54,9




 dez-02    dez-03    dez-04    dez-05    dez-06    jan-07    fev-07     mar-07     abr-07     mai07    jun-07     jul-07    ago-07    set-07    out-07
                                                                       Período

                                                                                                                                                   25
Quantidade de acionistas

                                                                                                                          + 46.702 mil
             250.000                Qtde de acionistas                                                                  novos acionistas
                                                                                  + 36,2%


             200.000                                                                          190.954                         187.488
                                                                                                        186.236
                                                                                                                    179.370                175.664
                                                                        171.137   167.580
                                                             160.395
                                                  155.357
             150.000                   140.060
Acionistas




                           128.962



             100.000




              50.000




                 -
                           5




                                                                                                                               7
                                      05



                                                 06



                                                            06



                                                                       06



                                                                                  06



                                                                                             07



                                                                                                        07



                                                                                                                   07




                                                                                                                                          07
                           00




                                                                                                                               00
                                      20



                                                 20



                                                            20



                                                                       20



                                                                                  20



                                                                                             20



                                                                                                        20



                                                                                                                   20




                                                                                                                                          20
                         /2




                                                                                                                             /2
                                    2/



                                               3/



                                                          6/



                                                                     9/



                                                                                2/



                                                                                           3/



                                                                                                      5/



                                                                                                                 7/




                                                                                                                                        0/
                       /8




                                                                                                                           /8
                                  /1



                                             /0



                                                        /0



                                                                   /0



                                                                              /1



                                                                                         /0



                                                                                                    /0



                                                                                                               /0




                                                                                                                                      /1
                     31




                                                                                                                         31
                                31



                                           31



                                                      30



                                                                 30



                                                                            31



                                                                                       31



                                                                                                  31



                                                                                                             30




                                                                                                                                    31
                                                                                                                                                     26
Reconhecimento pela Imprensa Internacional

  BEYOND 'PETROSAURUS'
  How a Sleepy Oil Giant Became a World Player
  Em reportagem de 30 de Agosto de 2007, o “The Wall Street Journal” destaca a
  trajetória de sucesso da Petrobras nos últimos anos. A publicação aponta como
  principais chaves do sucesso da Companhia:

   • Tecnologia avançada em águas profundas;

   • Mudança em sua estrutura corporativa, com a criação de um Conselho de
   Administração independente e emissão de ADRs em Nova York;

   • Aumento da concorrência com o fim do monopólio e expressivo aumento da
   produção;

  A reportagem aponta que o sucesso da Companhia tem chamado a atenção das
  companhias internacionais, que buscam realizar joint-ventures com a Petrobras.



                                                                                   27
Sessão de Perguntas e Respostas
      Para mais informações favor contatar:
      Petróleo Brasileiro S.A – PETROBRAS
Departamento de Relacionamento com Investidores
      E-mail: petroinvest@petrobras.com.br
      Av. República do Chile, 65 – 22o andar
         20031-912 – Rio de Janeiro, RJ
          (55-21) 3224-1510 / 3224-9947




                                                  28

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Seminário - A Importância do RI na abertura de capital
Seminário - A Importância do RI na abertura de capitalSeminário - A Importância do RI na abertura de capital
Seminário - A Importância do RI na abertura de capital
CPFL RI
 
Governança e Sustentabilidade como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...
Governança e Sustentabilidade  como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...Governança e Sustentabilidade  como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...
Governança e Sustentabilidade como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...
IBRI
 
Fact Sheet 4T07
Fact Sheet 4T07Fact Sheet 4T07
Fact Sheet 4T07
CPFL RI
 
Apresentação almoço btg pactual 18-08-10
Apresentação   almoço btg pactual 18-08-10Apresentação   almoço btg pactual 18-08-10
Apresentação almoço btg pactual 18-08-10
Braskem_RI
 
Apresentação roadshow de targeting
Apresentação   roadshow de targetingApresentação   roadshow de targeting
Apresentação roadshow de targeting
Braskem_RI
 
APIMEC - Resultados 1T05
APIMEC - Resultados 1T05APIMEC - Resultados 1T05
APIMEC - Resultados 1T05
CPFL RI
 
ABAMEC - Resultados 1T05
ABAMEC - Resultados 1T05ABAMEC - Resultados 1T05
ABAMEC - Resultados 1T05
CPFL RI
 
Apresentação jbs day 3 t12 final
Apresentação jbs  day 3 t12 finalApresentação jbs  day 3 t12 final
Apresentação jbs day 3 t12 final
JBS RI
 
Apresentação apimec sp – março 2010
Apresentação apimec sp – março 2010Apresentação apimec sp – março 2010
Apresentação apimec sp – março 2010
BrasilEcodiesel
 
Fact Sheet 1T08
Fact Sheet 1T08Fact Sheet 1T08
Fact Sheet 1T08
CPFL RI
 
Reunião Pública – APIMEC RIO
Reunião Pública – APIMEC RIOReunião Pública – APIMEC RIO
Reunião Pública – APIMEC RIO
Providência
 
Apresentação teleconferência de resultados 4 t10 e 2010
Apresentação   teleconferência de resultados 4 t10 e 2010Apresentação   teleconferência de resultados 4 t10 e 2010
Apresentação teleconferência de resultados 4 t10 e 2010
Braskem_RI
 
Apresentação de resultados 1 t10
Apresentação de resultados 1 t10Apresentação de resultados 1 t10
Apresentação de resultados 1 t10
BrasilEcodiesel
 

Mais procurados (16)

Seminário - A Importância do RI na abertura de capital
Seminário - A Importância do RI na abertura de capitalSeminário - A Importância do RI na abertura de capital
Seminário - A Importância do RI na abertura de capital
 
Apresentação da REDE PETROMARANHÃO
Apresentação da REDE PETROMARANHÃOApresentação da REDE PETROMARANHÃO
Apresentação da REDE PETROMARANHÃO
 
Governança e Sustentabilidade como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...
Governança e Sustentabilidade  como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...Governança e Sustentabilidade  como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...
Governança e Sustentabilidade como Pilares do Crescimento do Grupo CPFL Ener...
 
Fact Sheet 4T07
Fact Sheet 4T07Fact Sheet 4T07
Fact Sheet 4T07
 
Apresentação almoço btg pactual 18-08-10
Apresentação   almoço btg pactual 18-08-10Apresentação   almoço btg pactual 18-08-10
Apresentação almoço btg pactual 18-08-10
 
Apresentação roadshow de targeting
Apresentação   roadshow de targetingApresentação   roadshow de targeting
Apresentação roadshow de targeting
 
APIMEC - Resultados 1T05
APIMEC - Resultados 1T05APIMEC - Resultados 1T05
APIMEC - Resultados 1T05
 
ABAMEC - Resultados 1T05
ABAMEC - Resultados 1T05ABAMEC - Resultados 1T05
ABAMEC - Resultados 1T05
 
Apresentação jbs day 3 t12 final
Apresentação jbs  day 3 t12 finalApresentação jbs  day 3 t12 final
Apresentação jbs day 3 t12 final
 
Apresentação apimec sp – março 2010
Apresentação apimec sp – março 2010Apresentação apimec sp – março 2010
Apresentação apimec sp – março 2010
 
Planejamento Estratégico - Petrobras
Planejamento Estratégico - PetrobrasPlanejamento Estratégico - Petrobras
Planejamento Estratégico - Petrobras
 
Fact Sheet 1T08
Fact Sheet 1T08Fact Sheet 1T08
Fact Sheet 1T08
 
Reunião Pública – APIMEC RIO
Reunião Pública – APIMEC RIOReunião Pública – APIMEC RIO
Reunião Pública – APIMEC RIO
 
Apresentação teleconferência de resultados 4 t10 e 2010
Apresentação   teleconferência de resultados 4 t10 e 2010Apresentação   teleconferência de resultados 4 t10 e 2010
Apresentação teleconferência de resultados 4 t10 e 2010
 
Petrobrás: Fato relevante PNG 2019-2023
Petrobrás: Fato relevante PNG 2019-2023Petrobrás: Fato relevante PNG 2019-2023
Petrobrás: Fato relevante PNG 2019-2023
 
Apresentação de resultados 1 t10
Apresentação de resultados 1 t10Apresentação de resultados 1 t10
Apresentação de resultados 1 t10
 

Destaque

Forum tendencias alianca Brasil
Forum tendencias alianca BrasilForum tendencias alianca Brasil
Forum tendencias alianca Brasil
Petrobras
 
UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”
UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”
UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”
Petrobras
 
Webcast2 t06 port
Webcast2 t06 portWebcast2 t06 port
Webcast2 t06 port
Petrobras
 
Road show october 2007
Road show october 2007Road show october 2007
Road show october 2007
Petrobras
 
A indústria de petróleo e gás natural presidente josé sergio gabrielli de az...
A indústria de petróleo e gás natural  presidente josé sergio gabrielli de az...A indústria de petróleo e gás natural  presidente josé sergio gabrielli de az...
A indústria de petróleo e gás natural presidente josé sergio gabrielli de az...
Petrobras
 
The 4th Brazil Investment Forum - Latin Finance
The 4th Brazil Investment Forum - Latin FinanceThe 4th Brazil Investment Forum - Latin Finance
The 4th Brazil Investment Forum - Latin Finance
Petrobras
 
Latibex biofuels 21nov07
Latibex biofuels 21nov07Latibex biofuels 21nov07
Latibex biofuels 21nov07
Petrobras
 
Almir barbassa china india_nov2007
Almir barbassa china india_nov2007Almir barbassa china india_nov2007
Almir barbassa china india_nov2007
Petrobras
 
"Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental"
"Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental""Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental"
"Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental"
Petrobras
 
Business Plan 2010-2014
Business Plan 2010-2014Business Plan 2010-2014
Business Plan 2010-2014
Petrobras
 
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielliRio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
Petrobras
 
"Contrato Petrobras - YPFB” Espanhol
"Contrato Petrobras - YPFB”  Espanhol"Contrato Petrobras - YPFB”  Espanhol
"Contrato Petrobras - YPFB” Espanhol
Petrobras
 
Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11
Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11
Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11
Petrobras
 
Seminario rio transportes_wec
Seminario rio transportes_wecSeminario rio transportes_wec
Seminario rio transportes_wec
Petrobras
 
Rio oil and gas expo conference gerente executiva de e&p – engenharia de pr...
Rio oil and gas expo conference   gerente executiva de e&p – engenharia de pr...Rio oil and gas expo conference   gerente executiva de e&p – engenharia de pr...
Rio oil and gas expo conference gerente executiva de e&p – engenharia de pr...
Petrobras
 
"Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results"
"Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results""Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results"
"Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results"
Petrobras
 
Annual Report 2005
Annual Report 2005Annual Report 2005
Annual Report 2005
Petrobras
 
Plano de Negócios 2010-2014
Plano de Negócios 2010-2014Plano de Negócios 2010-2014
Plano de Negócios 2010-2014
Petrobras
 
"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”
"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”
"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”
Petrobras
 

Destaque (20)

Forum tendencias alianca Brasil
Forum tendencias alianca BrasilForum tendencias alianca Brasil
Forum tendencias alianca Brasil
 
UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”
UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”
UBS - Latin America Emerging Market - One on One Conference”
 
Webcast2 t06 port
Webcast2 t06 portWebcast2 t06 port
Webcast2 t06 port
 
Webcast 4Q14
Webcast 4Q14Webcast 4Q14
Webcast 4Q14
 
Road show october 2007
Road show october 2007Road show october 2007
Road show october 2007
 
A indústria de petróleo e gás natural presidente josé sergio gabrielli de az...
A indústria de petróleo e gás natural  presidente josé sergio gabrielli de az...A indústria de petróleo e gás natural  presidente josé sergio gabrielli de az...
A indústria de petróleo e gás natural presidente josé sergio gabrielli de az...
 
The 4th Brazil Investment Forum - Latin Finance
The 4th Brazil Investment Forum - Latin FinanceThe 4th Brazil Investment Forum - Latin Finance
The 4th Brazil Investment Forum - Latin Finance
 
Latibex biofuels 21nov07
Latibex biofuels 21nov07Latibex biofuels 21nov07
Latibex biofuels 21nov07
 
Almir barbassa china india_nov2007
Almir barbassa china india_nov2007Almir barbassa china india_nov2007
Almir barbassa china india_nov2007
 
"Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental"
"Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental""Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental"
"Estratégia da Petrobras Foco na Responsabilidade Social e Ambiental"
 
Business Plan 2010-2014
Business Plan 2010-2014Business Plan 2010-2014
Business Plan 2010-2014
 
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielliRio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
 
"Contrato Petrobras - YPFB” Espanhol
"Contrato Petrobras - YPFB”  Espanhol"Contrato Petrobras - YPFB”  Espanhol
"Contrato Petrobras - YPFB” Espanhol
 
Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11
Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11
Projetos para 2007 e Financiabilidade do PN 2007-11
 
Seminario rio transportes_wec
Seminario rio transportes_wecSeminario rio transportes_wec
Seminario rio transportes_wec
 
Rio oil and gas expo conference gerente executiva de e&p – engenharia de pr...
Rio oil and gas expo conference   gerente executiva de e&p – engenharia de pr...Rio oil and gas expo conference   gerente executiva de e&p – engenharia de pr...
Rio oil and gas expo conference gerente executiva de e&p – engenharia de pr...
 
"Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results"
"Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results""Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results"
"Petrobras America Inc. “Business Strategy And Results"
 
Annual Report 2005
Annual Report 2005Annual Report 2005
Annual Report 2005
 
Plano de Negócios 2010-2014
Plano de Negócios 2010-2014Plano de Negócios 2010-2014
Plano de Negócios 2010-2014
 
"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”
"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”
"O reflexo da auto-suficiência da Petrobras”
 

Semelhante a Plano estratégico para 2020 IBEF

Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016
Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016
Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016
Petrobras
 
"Plano de Negócios 2007-2011" FIRJAN
"Plano de Negócios 2007-2011"  FIRJAN"Plano de Negócios 2007-2011"  FIRJAN
"Plano de Negócios 2007-2011" FIRJAN
Petrobras
 
Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...
Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...
Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...
Petrobras
 
Apresentação institucional outubro 2010
Apresentação institucional outubro 2010Apresentação institucional outubro 2010
Apresentação institucional outubro 2010
Suzano Papel e Celulose
 
Apresentação institucional setembro 2010
Apresentação institucional setembro 2010Apresentação institucional setembro 2010
Apresentação institucional setembro 2010
Suzano Papel e Celulose
 
Apresentação para investidores itaú
Apresentação para investidores   itaúApresentação para investidores   itaú
Apresentação para investidores itaú
Braskem_RI
 

Semelhante a Plano estratégico para 2020 IBEF (20)

Apresentação PNG 2018-2022
Apresentação PNG 2018-2022Apresentação PNG 2018-2022
Apresentação PNG 2018-2022
 
Visão Geral Petrobras
Visão Geral PetrobrasVisão Geral Petrobras
Visão Geral Petrobras
 
Visão Geral 2017 fevereiro
Visão Geral   2017 fevereiro Visão Geral   2017 fevereiro
Visão Geral 2017 fevereiro
 
Plano Estratégico 2040 || Plano de Negócios e Gestão 2019-2023
Plano Estratégico 2040 || Plano de Negócios e Gestão 2019-2023Plano Estratégico 2040 || Plano de Negócios e Gestão 2019-2023
Plano Estratégico 2040 || Plano de Negócios e Gestão 2019-2023
 
Petrobras pretende concluir 2º trem da Refinaria Abreu e Lima
Petrobras pretende concluir 2º trem da Refinaria Abreu e LimaPetrobras pretende concluir 2º trem da Refinaria Abreu e Lima
Petrobras pretende concluir 2º trem da Refinaria Abreu e Lima
 
Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016
Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016
Fato Relevante: Plano de Negócios 2012-2016
 
Fato Relevante: Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão...
Fato Relevante: Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão...Fato Relevante: Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão...
Fato Relevante: Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão...
 
Cv paulo maksoud jul12 final
Cv paulo maksoud jul12 finalCv paulo maksoud jul12 final
Cv paulo maksoud jul12 final
 
Apresentação petrobras
Apresentação petrobrasApresentação petrobras
Apresentação petrobras
 
Apresentação institucional maio 2010
Apresentação institucional maio 2010Apresentação institucional maio 2010
Apresentação institucional maio 2010
 
"Plano de Negócios 2007-2011" FIRJAN
"Plano de Negócios 2007-2011"  FIRJAN"Plano de Negócios 2007-2011"  FIRJAN
"Plano de Negócios 2007-2011" FIRJAN
 
009512000101011 (4).pdf
009512000101011 (4).pdf009512000101011 (4).pdf
009512000101011 (4).pdf
 
Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...
Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...
Diretor Almir Guilherme Barbassa - Plano de Negócios 2011-15 - Apresentação p...
 
Apresentação institucional outubro 2010
Apresentação institucional outubro 2010Apresentação institucional outubro 2010
Apresentação institucional outubro 2010
 
Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão 2017-2021
Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão 2017-2021Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão 2017-2021
Plano Estratégico e Plano de Negócios e Gestão 2017-2021
 
Fato Relevante: Plano de Negocios e Gestao - 2013-2017
Fato Relevante: Plano de Negocios e Gestao - 2013-2017Fato Relevante: Plano de Negocios e Gestao - 2013-2017
Fato Relevante: Plano de Negocios e Gestao - 2013-2017
 
Apresentação institucional setembro 2010
Apresentação institucional setembro 2010Apresentação institucional setembro 2010
Apresentação institucional setembro 2010
 
Apresentação para investidores itaú
Apresentação para investidores   itaúApresentação para investidores   itaú
Apresentação para investidores itaú
 
S&OP IBP Foods & Beverage Industries Summary
S&OP IBP Foods & Beverage Industries SummaryS&OP IBP Foods & Beverage Industries Summary
S&OP IBP Foods & Beverage Industries Summary
 
PIM UNIP PRONTO GESTÃO COMERCIAL UNIVERSIDADE PAULISTA
PIM UNIP PRONTO GESTÃO COMERCIAL UNIVERSIDADE PAULISTAPIM UNIP PRONTO GESTÃO COMERCIAL UNIVERSIDADE PAULISTA
PIM UNIP PRONTO GESTÃO COMERCIAL UNIVERSIDADE PAULISTA
 

Mais de Petrobras

Apresentacao png-2018-2022-webcast-ingles
Apresentacao png-2018-2022-webcast-inglesApresentacao png-2018-2022-webcast-ingles
Apresentacao png-2018-2022-webcast-ingles
Petrobras
 

Mais de Petrobras (20)

Strategic Plan 2040 || Business and Management Plan 2019-2023
Strategic Plan 2040 || Business and Management Plan 2019-2023Strategic Plan 2040 || Business and Management Plan 2019-2023
Strategic Plan 2040 || Business and Management Plan 2019-2023
 
Petrobras Overview - September 2018
Petrobras Overview - September 2018Petrobras Overview - September 2018
Petrobras Overview - September 2018
 
Apresentação Investor Day, São Paulo, 2018
Apresentação Investor Day, São Paulo, 2018Apresentação Investor Day, São Paulo, 2018
Apresentação Investor Day, São Paulo, 2018
 
Petrobras Investor Day - London 2018
Petrobras Investor Day - London 2018Petrobras Investor Day - London 2018
Petrobras Investor Day - London 2018
 
Sustentabilidade 2017
Sustentabilidade 2017Sustentabilidade 2017
Sustentabilidade 2017
 
Apresentacao png-2018-2022-webcast-ingles
Apresentacao png-2018-2022-webcast-inglesApresentacao png-2018-2022-webcast-ingles
Apresentacao png-2018-2022-webcast-ingles
 
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day Nova York
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day Nova YorkApresentação de Pedro Parente no Investor Day Nova York
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day Nova York
 
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day Londres
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day LondresApresentação de Pedro Parente no Investor Day Londres
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day Londres
 
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day São Paulo
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day São PauloApresentação de Pedro Parente no Investor Day São Paulo
Apresentação de Pedro Parente no Investor Day São Paulo
 
Petrobras General Overview
Petrobras General OverviewPetrobras General Overview
Petrobras General Overview
 
Petrobras at a Glance
Petrobras at a GlancePetrobras at a Glance
Petrobras at a Glance
 
Strategic Plan and 2017-2021 Business & Management Plan
Strategic Plan and 2017-2021 Business & Management PlanStrategic Plan and 2017-2021 Business & Management Plan
Strategic Plan and 2017-2021 Business & Management Plan
 
Plano de Negócios e Gestão 2015 – 2019
Plano de Negócios e Gestão 2015 – 2019 Plano de Negócios e Gestão 2015 – 2019
Plano de Negócios e Gestão 2015 – 2019
 
Webcast 1T16
Webcast 1T16Webcast 1T16
Webcast 1T16
 
Webcast 1Q16
Webcast 1Q16Webcast 1Q16
Webcast 1Q16
 
Webcast 4Q15
Webcast 4Q15Webcast 4Q15
Webcast 4Q15
 
Webcast 4T15
Webcast 4T15Webcast 4T15
Webcast 4T15
 
Webcast 3T15
Webcast 3T15Webcast 3T15
Webcast 3T15
 
Webcast 3T15
Webcast 3T15Webcast 3T15
Webcast 3T15
 
Petrobras at Glance
Petrobras at GlancePetrobras at Glance
Petrobras at Glance
 

Plano estratégico para 2020 IBEF

  • 1. Almir Barbassa Plano de Investimentos Diretor Financeiro e de 2008-2012 Relacionamento com Investidores 26 de Novembro de 2007 IBEF e INVESTIDORES Campinas 1
  • 2. Aviso As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia. Os termos antecipa", "acredita", "espera", "prevê", "pretende", "planeja", "projeta", "objetiva", "deverá", bem como outros termos similares, visam a identificar tais previsões, as quais, evidentemente, envolvem riscos ou incertezas previstos ou não pela Companhia. Portanto, os resultados futuros das operações da Companhia podem diferir das atuais expectativas, e o leitor não deve se basear exclusivamente nas informações aqui contidas. A Companhia não se obriga a atualizar as apresentações e previsões à luz de novas informações ou de seus desdobramentos futuros. Aviso aos Investidores Norte-Americanos: A SEC somente permite que as companhias de óleo e gás incluam em seus relatórios arquivados reservas provadas que a Companhia tenha comprovado por produção ou testes de formação conclusivos que sejam viáveis econômica e legalmente nas condições econômicas e operacionais vigentes. Utilizamos alguns termos nesta apresentação, tais como descobertas, que as orientações da SEC nos proíbem de usar em nossos relatórios arquivados. 2
  • 3. Visão 2020 e Missão Visão 2020 Seremos uma das cinco maiores empresas integradas de energia do mundo e a preferida pelos nossos públicos de interesse Missão Atuar de forma segura e rentável, com responsabilidade social e ambiental, nos mercados nacional e internacional, fornecendo produtos e serviços adequados às necessidades dos clientes e contribuindo para o desenvolvimento do Brasil e dos países onde atua. 3
  • 4. Desafios de Gestão Novos Projetos Estratégicos com foco em: • Disciplina de Capital – Assegurar o retorno adequado do capital empregado nos vários segmentos de negócios da Companhia: • Busca de maior eficiência na implantação de projetos (Prazos e Custos); • Gestão de Estoques; • Redução de Custos Operacionais e Administrativos; • Gestão de Portfólio. • Recursos Humanos – Ser referência internacional, no segmento de energia, em gestão de pessoas, tendo seus empregados como seu maior valor. 4
  • 5. Desafios de Gestão Novos Projetos Estratégicos com foco em: • Responsabilidade Social – Ser referência internacional em responsabilidade social na gestão dos negócios, contribuindo para o desenvolvimento sustentável. • Mudança Climática – Atingir patamares de excelência, na indústria de energia, quanto à redução da intensidade de emissões de gases de efeito estufa nos processos e produtos, contribuindo para a sustentabilidade do negócio e para a mitigação da mudança climática global. • Tecnologia – Ser referência mundial em tecnologias que contribuam para o crescimento sustentável da Companhia nas indústrias de petróleo, de gás natural, petroquímica e de biocombustíveis. 5
  • 6. Estratégias por Segmento de Negócio Estratégia Corporativa Comprometimento com o desenvolvimento sustentável Crescimento Rentabilidade Responsabilidade Integrado Social e Ambiental Ampliar a atuação nos mercados-alvo de petróleo, derivados, petroquímico, gás e energia, biocombustíveis e distribuição, sendo referência mundial como uma empresa integrada de energia Crescer Expandir a atuação Desenvolver e Ampliar a Atuar, globalmente, produção e liderar o mercado atuação em na comercialização integrada em brasileiro de gás e logística de reservas de petroquímica no petróleo e gás, refino, natural e atuar de biocombustíveis, Brasil e na de forma comercialização, forma integrada América do Sul, liderando a nos mercados de sustentável, e logística e gás e energia de forma produção nacional ser reconhecida distribuição com integrada com de biodiesel e pela excelência elétrica com foco ampliando a na atuação em foco na Bacia do na os demais Atlântico América do Sul negócios do participação no E&P negócio de etanol Sistema PETROBRAS Excelência operacional, em gestão, recursos humanos e tecnologia Downstream Biocombustíveis E&P Distribuição Gás & Energia Petroquímica (RTC) 6
  • 7. Plano de Investimentos: Distribuição por Segmento de Negócio Período 2008-12 US$ 112,4 bilhões US$ 97,4 bilhões no Brasil ...dos quais 15% em SP 58% 13% 15 ,0 15% bi 65,1 14, 5b i 97,4 bi 82,9 bi 85% 1,5 87% 29,6 1% 2,6 2,6 2% 4,3 Brasil Internacional 6,7 26% 2% 4% São Paulo Outros Estados 6% E&P RTC G&E Biocombustível Petroquímica Distribuição Corporativo • US$ 65,1 bilhões destinados ao E&P: • Exploração: US$ 11,6 bilhões • Produção: US$ 53,5 bilhões Nota: Inclui Internacional 7
  • 8. Preços do Petróleo: Curvas do Brent 60,0 Curva de Preços PN 2008/12 50,0 55 50 40,0 45 35 35 40 30,0 35 35 20,0 Curva de Preços PN 2007/11 10,0 0,0 2008 2009 2010 2011 2012 8
  • 9. Histórico de Investimentos Investimento Total (realizado + projetado PN 2008-2012): US$ 311 bilhões 22.480 20.000 Impacto inflacionário nos investimentos Investimentos Nominais - 15.000 US$ milhões 981 10.000 220 15.486 1.562 1.370 1.570 10.558 5.000 1.378 1.492 1.376 1.215 1.250 1.062 2.733 6.435 6.012 7.222 1.368 4.980 3.390 3.622 4.009 3.977 4.148 4.227 494 1.808 2.038 2.175 91 - 14 86 358 54 64 74 84 94 95 96 97 98 99 00 01 02 03 04 05 06 12 19 *55- * 65- * 75- * 85- 19 19 19 19 19 20 20 20 20 20 20 20 -20 08 * Média Anual 20 Números em milhões de dólares correntes, ajustado pelo Corrigido pela Inflação Americana (PPI Index), segundo os princípios contábeis geralmente aceitos no Brasil (BR GAAP), convertidos pelo dólar médio do período. A partir de 2005, os investimentos incluem SPCs 9
  • 10. Fontes e Usos – PN 2008-2012 (US$ 123,8 Bilhões) (US$ 123,8 Bilhões) 19.4 11.4 (15,7%) (9,2%) 104.4 112.4 (84,3%) (90,8%) 2004-2010 Recursos de Terceiros Amort. Dívida Geração Própria Investimentos No PN 2007-11 a necessidade de recursos de terceiros foi de 13% 10
  • 11. Principais Indicadores Financeiros Média Média Indicadores PN 2007-2011 PN 2008-2012 Retorno sobre o Capital Empregado (ROCE) (%) 16 14 Captação de Recursos por Financiamento LP (US$ Bilhão) 3,1 3,9 Saldo de Caixa (final do ano) (US$ Bilhão) 3,5 3,1 Dívida Líq. / Dívida Líq. + Patrimônio (Alavancagem Financeira) (%) 25 20 Fluxo de Caixa Operacional Livre (US$ Bilhão) 1,5 1,4 Sensibilidade (média anual) ao preço do Brent - PN 2008-012 • Cada variação de US$ 5,00 no preço acarretará 2,0 pp de variação no ROCE; • Cada variação de US$ 5,00 no preço acarretará variação de US$ 2,5 bilhões na geração de caixa operacional; • Cada variação de US$ 5,00 no preço resultará em variação de 5 pp na alavancagem . 11
  • 12. Expressivo crescimento da produção 6,8% a.a. (Mil boed) 1995 2006 Diferença Economia de Divisas 4.153 1.062 mil boed X US$ 74,82* = US$ 79,5 milhões 18 3 Produção Óleo e GNL 716 1.778 1.062 7,2% a.a. US$ 79,5 milhões X 365 = US$ 3.494 515 * 29,0 bilhões 151 2 8 5* 643 . 9% a.a Mil boed 637 2.298 2.217 2.036 2.020 10 1 1.810 96 1.565 1.636 85 94 23 14 2 1.505 24 35 16 3 277 1.238 20 16 1 16 8 16 44 274 1.090 53 252 250 265 885 1.008 10 60 2 . 8 12 11 221 232 9 45 2 .4 2 1 10 47 19 7 38 17 9 25 16 3 1.7 7 8 15 2 13 4 1.5 0 0 1.5 4 0 1.4 9 3 1.6 8 4 1.13 2 1.2 7 1 1.3 3 6 869 1.0 0 4 7 16 8 0 9 Meta Meta 19 9 5 19 9 6 19 9 7 19 9 8 19 9 9 2 0 0 0 2 0 0 1 2002 2003 2004 2005 2006 2012 2015 Ó le o e G N L - B ra s il G á s N a t ura l - B ra s il Ó le o e G N L - Int e rna c io na l G á s N a t ura l - Int e rna c io na l * Inclui produção não consolidada 12
  • 13. Área de Tupi Caxaréu e Pirambu BMS-9 e BMS-10 Poços testados BMS-11 (Tupi) 13
  • 14. Investimentos em Downstream Investimentos de US$ 29,6 bilhões na área de Downstream.... US$ milhões 21% 8.619 Qualidade combustível 28% Conversão 3.938 Expansão 5.353 8% 1.083 SMS Transporte Marit. 2.270 8% Dutos 2.264 13% 4% Outros 6.112 18% 14
  • 15. Mercado de Gás Natural no Brasil * 160 Milhões de m3/dia 134 134 140 120 . 31,1 a.a 43,9 GNL ,4 % 100 19 30,0 Bolívia 80 46,3 42,1 60 E&P 40 16,2 72,9 20 48,0 24 0 6,1 2006 2012 Oferta 2012 Termelétrica Industrial Outros usos (*) Considera despacho máximo das termelétricas. • Outros usos: veicular, residencial/comercial, refinarias e plantas de fertilizantes 15
  • 16. Plano de Investimentos na Cadeia de Valor do Gás Natural Parcela Parcela Segmento/ Petrobras Parceiros Total Cadeia de Gás Natural 2008-12 2008-12 Mercado Brasileiro 18,2 1,0 19,2 E&P 11,7 1,0 12,7 RTC 1,4 0,0 1,4 Gás e Energia 5,0 0,0 5,0 Distribuição 0,1 0,0 0,1 Outros Mercados 0,5 0,0 0,5 Total Gás Natural 18,7 1,0 19,7 Em 2007 serão investidos US$ 6,6 bilhões na Cadeia de Valor do Gás Natural, sendo US$ 6,5 bilhões no Mercado Brasileiro 16
  • 17. Plangás: Ampliação da oferta de gás natural do Sudeste • Atuais 15,8 milhões de metros cúbicos por dia para 40 milhões em 2008 e 55 milhões em 2010. • Principais projetos: • Campo Marlim e Roncador na Bacia de Campos, Merluza na Bacia de Santos e Peroá na Bacia do Espírito Santo. 17
  • 18. Cadeia do Gás Natural Desafios Metas do PN 2008-2012 Mais de 75% da produção atual de gás Investimentos para desenvolver a natural é de gás associado produção de gás não-associado Risco de falta de oferta de gás devido GNL irá garantir flexibilidade para a anormalidades evitar tais riscos Carência de infra-estrutura para Investimentos totais (Petrobras e desenvolver o mercado brasileiro parceiros) na cadeia de gás natural no Brasil somam US$ 19,6 bilhões 18
  • 19. Energia renovável e Biocombustíveis Investimentos Investimentos de Metas 2012 2008-2012 US$ 1,5 bilhão Disponibilidade de 938 mil Plantas de Biodiesel m3/ano 4% H-Bio (Bio-Refino) Processamento de Óleo Vegetal 21% 29% 1.6 milhões m³/ano Alcodutos Exportação de 4.7 bilhões de Projeto Embarcações m³/ano de Etanol de Etanol Energia Solar Capacidade Instalada de Energia Solar Geração de Energia Elétrica de Outras Fontes de Fontes Renováveis de 365 MW 46% Energia Renovável Biodiesel Dutos e Álcooldutos Total evitado de emissões de Gases de Efeito Estufa: Outros 3.93 bilhões de toneladas de CO2 equivalente H-Bio 19
  • 20. Investimentos para exportação do Etanol Novo Alcoduto (1.150 Km) Novo Alcoduto (1412 km) Nova Rota Fluvial para o Etanol Replan – Duto Ilha Dágua (Fluxo Atual) Rota Fluvial Tietê-Paraná Senador Canedo – Duto São Sebastião Replan – Duto Brasília Pipeline (OSBRA) Replan – Duto Guararema Dutos Existentes Dutos Futuros Novo Alcoduto Terminal Existente (919Km) Terminal Futuro Exportação Terminal Marítimo do Rio de Janeiro Terminal Marítimo de São Paulo Meta: Exportação: 4.75 MM m3/ano em 2012 crescimento de 45,5% a.a. 20
  • 21. Conteúdo Nacional Os resultados consolidados indicam um Conteúdo Nacional de 65%, levando a uma média anual de US$ 12,6 bilhões colocados junto ao mercado fornecedor local US$ bilhões Colocação no Investimento Mercado Conteúdo Área de Negócio Doméstico Nacional Nacional (%) 2008-12 2008-12 E&P 54,6 29,5 54% Abastecimento 31,4 24,3 77% G&E 6,6 5,0 76% Distribuição 2,5 2,4 100% Áreas Corporativas 2,3 1,9 80% Total 97,4 63,1 65% A média anual de colocação no mercado nacional do Plano anterior, era cerca de US$ 10 bilhões Conteúdo Nacional dos Investimentos em São Paulo: Cerca de 74% 21
  • 22. Petrobras TRIBUTOS e PG's Pagos 2006 (R$ 81.708 milhões) Municipais 0,1% PG's 20,2% Estaduais 24,3% Próprios 62,5% Retidos Federais 17,3% 38,1% Arrecadação da SRF em 2006 Arrecadação de ICMS em 2006 (R$ 392.5 bilhões) (R$ 171,6 bilhões) Demais Demais Empresas empresas 87% 83% PETROBRAS PETROBRAS 17% 13% Valores segundo Regime de Caixa 22
  • 23. Resultados Financeiros Receita Operacional Líquida (R$ bilhões) 158,2 136,6 125,1 111,1 95,7 57,5 69,2 44,6 15,8 26,9 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 9M 2007 Lucro Líquido (R$ bilhões) 25,9 23,7 17,8 16,9 16,5 9,9 9,9 8,1 1,4 1,8 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 9M 2007 23
  • 24. Política de Dividendos Dividend Payout 52,1% 43,4% 34,8% 29,6% 32,2% 29,9% 31,5% 31,3% 30,7% 26,6% 29,7% 28,2% 29,9% 30,3% 25,9% 26,5% 28,3% 28,2% 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 % do Lucro Líquido % do Lucro Líquido Ajustado Dividend Yield 6,3% 6,5% 6 , 2 %6 , 8 % 5,4% 4,6% 4,6% 4,9% 4,8% 4 , 3 %4 , 7 % 3 ,9 %4 ,3 % 3,4% 3 , 3%3 ,7 % 2 , 0 % 1, 8 % 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 Ações Ordinárias Ações Preferenciais Dividend Yield: Dividendo declarado para cada ano / Preço por ação ao final do mesmo ano 24
  • 25. Valor de Mercado Valor do Mercado em US$ bilhões 2007 = + 82,7 % 196,8 155,2 134,4 128,1 127,0 107,8 105,6 112,1 102,9 105,0 94,8 74,2 42,4 30,7 15,6 dez-02 dez-03 dez-04 dez-05 dez-06 jan-07 fev-07 mar-07 abr-07 mai07 jun-07 jul-07 ago-07 set-07 out-07 Período Valor do Mercado em R$ bilhões 2007 = +49% 343,2 285,3 244,6 252,2 251,3 230,3 218,6 216,6 213,5 216,3 200,7 173,6 112,5 88,7 54,9 dez-02 dez-03 dez-04 dez-05 dez-06 jan-07 fev-07 mar-07 abr-07 mai07 jun-07 jul-07 ago-07 set-07 out-07 Período 25
  • 26. Quantidade de acionistas + 46.702 mil 250.000 Qtde de acionistas novos acionistas + 36,2% 200.000 190.954 187.488 186.236 179.370 175.664 171.137 167.580 160.395 155.357 150.000 140.060 Acionistas 128.962 100.000 50.000 - 5 7 05 06 06 06 06 07 07 07 07 00 00 20 20 20 20 20 20 20 20 20 /2 /2 2/ 3/ 6/ 9/ 2/ 3/ 5/ 7/ 0/ /8 /8 /1 /0 /0 /0 /1 /0 /0 /0 /1 31 31 31 31 30 30 31 31 31 30 31 26
  • 27. Reconhecimento pela Imprensa Internacional BEYOND 'PETROSAURUS' How a Sleepy Oil Giant Became a World Player Em reportagem de 30 de Agosto de 2007, o “The Wall Street Journal” destaca a trajetória de sucesso da Petrobras nos últimos anos. A publicação aponta como principais chaves do sucesso da Companhia: • Tecnologia avançada em águas profundas; • Mudança em sua estrutura corporativa, com a criação de um Conselho de Administração independente e emissão de ADRs em Nova York; • Aumento da concorrência com o fim do monopólio e expressivo aumento da produção; A reportagem aponta que o sucesso da Companhia tem chamado a atenção das companhias internacionais, que buscam realizar joint-ventures com a Petrobras. 27
  • 28. Sessão de Perguntas e Respostas Para mais informações favor contatar: Petróleo Brasileiro S.A – PETROBRAS Departamento de Relacionamento com Investidores E-mail: petroinvest@petrobras.com.br Av. República do Chile, 65 – 22o andar 20031-912 – Rio de Janeiro, RJ (55-21) 3224-1510 / 3224-9947 28