SlideShare uma empresa Scribd logo
ESTADO DO CEARÁ
                        PREFEITURA MUNICIPAL DE TRAIRI
                      SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO


RELATÓRIO FINAL DOS TRABALHOS REALIZADOS PELO MUNICIPIO REFERENTE AO
                               PETECA
Município: Trairi -Ce
Secretário de Educação - José Cavalcante Arnaud
Coordenador Pedagógico Municipal: Jeremias Sales Barbosa
End: Padre José Romualdo nº 108 Centro
                        Trairi-Ce Cep: 62690-000

Escolas Envolvidas:
E.E.F Antonio Francisco Braga – Batalha
Coord. Kláucio Barbosa Braga
Profª Maria Vilani Braga
E.E.F Jonas Henrique de Azevedo – Purão
Coord. Maria do Livramento Muniz
Profª Antonia Braga Simplício
E.E.F Prof. Elizeu Eli Barbosa – Alto São Francisco
Coord. Ana Paula Miranda
Profª Lurdene Moreira Saraiva
E.E.F Jonas Henrique de Azevedo – Sede
Coord. Rachel Santos R. Freitas
Profª Magna Souto Rodrigues
E.E.F José Firmino da Cunha – Canaã
Coord. Nivea Perla Lopes
Profª Maria Eliezita dos Santos
E.E.F Antonio Urçulino Alves – Munguba
Coord. Maria Lucivanda de Sousa
Profª Maria Antonia de Sousa
E.E.F Santa Luzia – Almécegas
Coord. Raulindo Ramos Menezes
Profª Elidiane Ricardo Moura
E.E.F Nossa Senhora Aparecida – Gualdrapas
Coord. Maria Izeuda R. da Cruz
Profª Katiana Freitas Oliveira
E.E.F José de Anchieta – Padre Anchieta
Coord. Iracema Furtado Sales
Profª Maria do Livramento Barbosa
E.E.F Antonio Robespierre Viana – Córrego Fundo
Coord. Roseli de Sousa
Profª Rosângela de Freitas
PROGRAMAÇÃO DA OFICINA DE FORMAÇÃO -PETECA - 20 HORAS

Município: TRAIRI

Responsável pela Oficina: JEREMIAS SALES BARBOSA

Local: CENTRO DE PROMOÇÕES TURÍSTICAS E AMBIENTAIS-CPTA

Período/data: FEVEREIRO DE 2009                 Horário: 7:30H ÀS 11:30H
                                                        13:30H ÀS 17:00H
Objetivos: Capacitar os coordenadores pedagógicos e professores das
escolas para desenvolver um trabalho de conscientização da comunidade
escolar ( professores, pais e alunos ) e da sociedade em geral, acerca da
erradicação do trabalho infantil e exploração do trabalho do adolescente.


                                    1º DIA

Conteúdo: Crendenciamento
          Apresentação do Programa - PETECA
          A importância de vivenciar a infância
INTERVALO - LANCHE
           Trabalho infantil no mundo, Brasil e Ceará
           Prejuízo do Trabalho Infantil para saúde
           Clip – Trabalho Infantil
INTERVALO - ALMOÇO
            Prejuízo do Trabalho Infantil para a Educação
            Proteção ao Trabalho Adolescente – Direito a profissionalização
            VIDEO - Brasil Contra o Trabalho Infantil
INTERVALO – CAFÉ DA TARDE
            VIDEO – Trabalho Infantil – DUAS CRIANÇAS
            REFLEXÃO – Estudo do vídeo
            Avaliação do dia – reflexão( escrita )


                                    2º DIA

ACOLHIDA – VIDEO – CRIANÇA NÃO TRABALHA
           Sistema de Garantia de Direitos(SGD)
           Atuação no município dos órgãos do SGD
            - CMDA ( Conselho Municipal da Criança e do Adolescente )
            - Palestrante – Germana de Paixão Oliveira( Presidente)
            - Conselho Tutelar
            - Palestrante – Genário Moreira Souto –Conselheiro Tutelar
INTERVALO – LANCHE
            - VÍDEO – OIT ( Trabalho Infantil )
- Atuação dos órgãos de defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes.
               - Ministério Público e Poder Judiciário
                * Palestra – Maria Deolinda R. Maia N. Costa – Promotora
Qual o seu papel e o que estar sendo feito no município.
                * Plenária – Debate ( coordenadores, professores e promotora )
INTERVAO – ALMOÇO
                - VIDEO - FOTOS REFLEXÃO – TRABALHO INFANTIL
                - Abordagem em sala de aula do tema “ Trabalho Infantil ” : uso
do DVD
INTERVALO – CAFÉ DA TARDE
                - Abordagem em sala de aula do tema “ Trabalho infantil” : uso
da cartilha.
                - Avaliação do dia – Reflexão em Plenária
METODOLOGIA: Exposição de vídeos, estudo em grupo, debates, palestras
depoimentos etc.
ATIVIDADES: Mural, estudo dirigido, linha do tempo, debate em grupo, debate
em plenária, etc.
RECURSOS: DATA SHOW, DVD, TV, SOM, Papel ofício, Papel madeira,
Apostilas, pincel atômico e compacto, etc.
AVALIAÇÃO: Relatório sobre o PETECA E OS TEMAS ESTUDADOS.




                    3º DIA – HORÁRIO ( 7:30H ÀS 11:30H )



ACOLHIDA – VIDEO – “ VC VIU A ROSINHA? “
            - Reflexão no grupão
           - Plano de Ação – Apresentação das sugestões contidas no manual.
           - Orientações aos professores do Plano de Ação a ser desenvolvi-
do nas turmas do Programa.
ENCERRAMENTO – VIDEO – OIT ( As piores formas de trabalho infantil )
AVALIAÇÃO: Relatório final - Memórias da Formação.
FOTOS DA OFICINA DE FORMAÇÃO
Quadro Demonstrativo das atividades nas escolas
                ESCOLAS                         SÉRIE        Nº DE     TRABALHOS
                                                            ALUNOS   PRODUZIDOS POR
                                                                       CATEGORIA
E.E.F Antonio Francisco Braga                 6º ao 9º ano     286        01
E.E.F Profº Elizeu Eli Barbosa               7ºAB e 9ºAB       150        01
E.E.F Jonas Henrique de Azevedo –Sede         1º ao 9º ano     548        01
E.E.F José Firmino da Cunha                   6º ao 9º ano     335        01
E.E.F Antonio Urçulino Alves                  6º ao 9º ano     100        01
E.E.F Santa Luzia                           7º, 8º e 9º ano     60        01
E.E.F Nossa Sra. Apartecida                   6º ao 9º ano     233        02
E.E.F Jonas Henrique Azevedo                7ºA, 8ºU, 9ºAB     142        01
E.E.F José de Anchieta                        6º ao 9º ano     287        01
E.E.F Antonio Robespierre Viana               6º ao 9º ano     224        01
                      Total de alunos beneficiados – 2.365 alunos

      RELAÇÃO DE ENTIDADES E AUTORIDADES QUE PARTICIPARAM DO
                            PROGRAMA

       ENTIDADES                                AUTORIDADES
Escolas Municipais            Diretores e Coordenadores Municipais
                                                                 Realizaram nas
                                    escolas momentos de sensibilização
                                    integrando escola e comunidade.
                                                                 Culminância do
Programa – Apresentação das atividades pelos
                                alunos.
CMDCA- Conselho             Germana de Paixão Oliveira Presidente do CMDCA
Municipal dos Direitos da                                     Disponibilizou
Criança e do Adolescente        assessoramento para encaminhar alguns
                                casos que violavam o direito da criança e do
                                adolescente.
Conselho Tutelar            Genário Moreira Souto    Conselheiro Tutelar
                                                              Realizou
                                Palestras em algumas escolas do município
                                com a comunidade local.

Promotoria Pública          Maria Deolinda R. Maia N. Costa Promotora de
                            Justiça
                                                               Realizou
                                  Palestras em algumas escolas do município
                                  com comunidade local.
Secretaria de Educação      José Cavalcante Arnaud
                            Secretario de Educação
                            Jeremias Sales Barbosa
                            Coordenador Municipal do Programa
                                                               Acompanhou e
                                  ofereceu suporte para execução do Programa
                                  nas escolas.



                     ATIVIDADES REALIZADAS NAS ESCOLAS
PINTURAS
TEATRO
POESIAS E PARÓDIAS
AVALIAÇÃO GERAL DO PROGRAMA PETECA
   Programa de Educação Contra a Exploração do Trabalho da criança e do
                              Adolescente

O Programa PETECA veio oportunizar momentos para debatermos temáticas
que sensibilizou a todos no sentido de valorizar e respeitar a criança e sua
infância.

   Pontos Positivos


           A Adesão do Programa pela Secretaria de Educação;
           A Oficina realizada para Coordenadores e professores;
           O Envolvimento dos atores do Programa;
           O estudo das Leis que regulamenta o Trabalho Infantil;
           As temáticas estudadas nas escolas;
           O mapeamento dos casos de trabalho infantil;
           O encaminhamento de alguns casos detectados;
           A Preocupação da maioria dos pais com o problema;
           A integração promovida pelo PETECA entre escola e família;
           A parceria com: Promotoria, CMDCA, Conselho Tutelar e PETI;
           O envolvimento dos coordenadores pedagógicos, professores e
            alunos na realização das atividades;
 O estudo das temáticas na formação com coordenadores e
         professores;
        As atividades realizadas nas escolas: sensibilização das famílias,
         palestras com pais e alunos, visitas à algumas famílias e atividades
         propostas pelo Programa;
        A aceitação do Programa por parte dos alunos, ficaram
         sensibilizados;
        O resgate de alunos evadidos e com baixa freqüência para o
         ambiente escolar.
        O aprendizado adquirido pelas crianças e adolescentes referente
         seus direitos e deveres;
        A escola reconheceu seu papel frente ao problema.


  Pontos Negativos

        O desprepara de algumas famílias para assimilar os conteúdos
         estudados;
        Algumas famílias resistiram ao Programa( falta de cultura);
        Algumas crianças e adolescentes não levaram o assunto a serio.




O Programa PETECA veio mostrar com mais firmeza, que escola e sociedade
não estam sozinha nessa luta e que não devemos ser omisso ao nosso papel
como educador, membro da sociedade e família. Muitas de nossas crianças e
adolescentes tem se tornado vítimas de uma sociedade cruel, que tem
fechado os olhos para um pedido de socorro. Sabemos que uma das maiores
dificuldades da escola ainda é trabalhar com famílias despreparas que não
assumem seu verdadeiro papel de ser pai e mãe, enquanto isso seus filhos
são incumbidos de tarefas que não condizem com seus direitos. Sendo assim
precisamos nos sentir sensibilizado o bastante para dar asas a esse Programa
e mostrar que também somos motivados a agir na defesa dos direitos da
criança e do adolescente erradicando assim o trabalho infantil.




                                             Trairi-Ce, 11 de agosto de 2009
Jeremias Sales Barbosa
Coord. Municipal do Programa

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Relatorio final estágio_não escolar e gestão
Relatorio final estágio_não escolar e gestãoRelatorio final estágio_não escolar e gestão
Relatorio final estágio_não escolar e gestão
mkbariotto
 
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL II
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL IIESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL II
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL II
Fábio Ribeiro Silva
 
Plano gestão
Plano gestãoPlano gestão
Plano gestão
perola2014
 
Projeto "Minha Família é um Show!"
Projeto "Minha Família é um Show!"Projeto "Minha Família é um Show!"
Projeto "Minha Família é um Show!"
eliz71
 
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL I
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL IESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL I
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL I
Fábio Ribeiro Silva
 
Orientações ao Estagiário da Educação Especial
Orientações ao Estagiário da Educação Especial Orientações ao Estagiário da Educação Especial
Orientações ao Estagiário da Educação Especial
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
jornal_a_ pagina_outubro_2011
jornal_a_ pagina_outubro_2011jornal_a_ pagina_outubro_2011
jornal_a_ pagina_outubro_2011
eb23bocage
 
Artigo relatório de estágio na educação infantil.
Artigo relatório de estágio na educação infantil.Artigo relatório de estágio na educação infantil.
Artigo relatório de estágio na educação infantil.
renatalguterres
 
Relatório de estagio supervisionado ii joseane
Relatório de estagio supervisionado ii joseaneRelatório de estagio supervisionado ii joseane
Relatório de estagio supervisionado ii joseane
Franck Lima
 
JBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São Paulo
JBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São PauloJBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São Paulo
JBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São Paulo
BeefPoint
 
Relatorio pronto
Relatorio prontoRelatorio pronto
Relatorio pronto
Diego Moura
 
Ensino Fundamental I Colegio Pauliceia
Ensino Fundamental I Colegio PauliceiaEnsino Fundamental I Colegio Pauliceia
Ensino Fundamental I Colegio Pauliceia
Gustavo Blank
 
I audiência de 2012
I audiência de 2012I audiência de 2012
I audiência de 2012
Maria Helena Silva
 
Projecto da componente de apoio a familia vg
Projecto da componente de apoio a familia vgProjecto da componente de apoio a familia vg
Projecto da componente de apoio a familia vg
Ana Barroca
 
PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1
PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1
PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1
Jonasblog
 
Jornal a voz edgard 3ª edição
Jornal a voz edgard 3ª ediçãoJornal a voz edgard 3ª edição
Jornal a voz edgard 3ª edição
jornaledgar
 
Jornal Primeirão Maio
Jornal Primeirão MaioJornal Primeirão Maio
Jornal Primeirão Maio
Fábio SIlva
 
Jornal escolar segunda edição1
Jornal escolar segunda edição1Jornal escolar segunda edição1
Jornal escolar segunda edição1
SHEILA MONTEIRO
 
Breve histórico apee
Breve histórico apeeBreve histórico apee
Breve histórico apee
zecaafonso
 
Projeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDRO
Projeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDROProjeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDRO
Projeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDRO
DMEDPraia
 

Mais procurados (20)

Relatorio final estágio_não escolar e gestão
Relatorio final estágio_não escolar e gestãoRelatorio final estágio_não escolar e gestão
Relatorio final estágio_não escolar e gestão
 
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL II
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL IIESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL II
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL II
 
Plano gestão
Plano gestãoPlano gestão
Plano gestão
 
Projeto "Minha Família é um Show!"
Projeto "Minha Família é um Show!"Projeto "Minha Família é um Show!"
Projeto "Minha Família é um Show!"
 
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL I
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL IESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL I
ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL I
 
Orientações ao Estagiário da Educação Especial
Orientações ao Estagiário da Educação Especial Orientações ao Estagiário da Educação Especial
Orientações ao Estagiário da Educação Especial
 
jornal_a_ pagina_outubro_2011
jornal_a_ pagina_outubro_2011jornal_a_ pagina_outubro_2011
jornal_a_ pagina_outubro_2011
 
Artigo relatório de estágio na educação infantil.
Artigo relatório de estágio na educação infantil.Artigo relatório de estágio na educação infantil.
Artigo relatório de estágio na educação infantil.
 
Relatório de estagio supervisionado ii joseane
Relatório de estagio supervisionado ii joseaneRelatório de estagio supervisionado ii joseane
Relatório de estagio supervisionado ii joseane
 
JBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São Paulo
JBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São PauloJBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São Paulo
JBS - Do sonho à realidade: Escola Germinare já funciona em São Paulo
 
Relatorio pronto
Relatorio prontoRelatorio pronto
Relatorio pronto
 
Ensino Fundamental I Colegio Pauliceia
Ensino Fundamental I Colegio PauliceiaEnsino Fundamental I Colegio Pauliceia
Ensino Fundamental I Colegio Pauliceia
 
I audiência de 2012
I audiência de 2012I audiência de 2012
I audiência de 2012
 
Projecto da componente de apoio a familia vg
Projecto da componente de apoio a familia vgProjecto da componente de apoio a familia vg
Projecto da componente de apoio a familia vg
 
PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1
PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1
PV NOTÍCIAS - EDIÇÃO 1
 
Jornal a voz edgard 3ª edição
Jornal a voz edgard 3ª ediçãoJornal a voz edgard 3ª edição
Jornal a voz edgard 3ª edição
 
Jornal Primeirão Maio
Jornal Primeirão MaioJornal Primeirão Maio
Jornal Primeirão Maio
 
Jornal escolar segunda edição1
Jornal escolar segunda edição1Jornal escolar segunda edição1
Jornal escolar segunda edição1
 
Breve histórico apee
Breve histórico apeeBreve histórico apee
Breve histórico apee
 
Projeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDRO
Projeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDROProjeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDRO
Projeto Educativo - PÓLO NºXX III DE SÃO PEDRO
 

Destaque

Taller de informatica
Taller de informaticaTaller de informatica
Taller de informatica
helenmarina00
 
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Samuel Flores Moraes
 
Coordillera
CoordilleraCoordillera
Rincones de la clase de Carmen
Rincones de la clase de CarmenRincones de la clase de Carmen
Rincones de la clase de Carmen
guest8b4844e
 
Software Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de Negócio
Software Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de NegócioSoftware Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de Negócio
Software Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de Negócio
John Lemos Forman
 
[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses
[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses
[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses
PRnewsWeb
 
Innovo Launch Slide Show
Innovo Launch Slide ShowInnovo Launch Slide Show
Innovo Launch Slide Show
keisha_t
 
Pk19 duran
Pk19 duranPk19 duran
Pk19 duran
Miquel Duran
 
Grid application テンプレートを紐解く
Grid application テンプレートを紐解くGrid application テンプレートを紐解く
Grid application テンプレートを紐解くKazuhide Maruyama
 
Dispotivos de entrada
Dispotivos de entradaDispotivos de entrada
Dispotivos de entrada
SaRaER
 
How can taller
How can tallerHow can taller
How can taller
kenmicheal148
 
3 programa estructuras ii
3 programa estructuras ii3 programa estructuras ii
3 programa estructuras ii
catedra diez
 
Texturas visuales 1ºc
Texturas visuales 1ºcTexturas visuales 1ºc
Texturas visuales 1ºc
Paky Alemán
 
Social Media Syndication - Viral Marketing Strategy
Social Media Syndication - Viral Marketing StrategySocial Media Syndication - Viral Marketing Strategy
Social Media Syndication - Viral Marketing Strategy
SyndicationMasters
 
5 bibliografía
5 bibliografía5 bibliografía
5 bibliografía
catedra diez
 
2802_Business.People Club#6
2802_Business.People Club#62802_Business.People Club#6
2802_Business.People Club#6Olga Zaimenko
 
Rincones de mi clase
Rincones de mi claseRincones de mi clase
Rincones de mi clase
carmen peña
 

Destaque (20)

Taller de informatica
Taller de informaticaTaller de informatica
Taller de informatica
 
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
 
Coordillera
CoordilleraCoordillera
Coordillera
 
Rincones de la clase de Carmen
Rincones de la clase de CarmenRincones de la clase de Carmen
Rincones de la clase de Carmen
 
Software Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de Negócio
Software Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de NegócioSoftware Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de Negócio
Software Livre e Programas de Código Aberto como um Modelo de Negócio
 
AWS Vol.1
AWS Vol.1AWS Vol.1
AWS Vol.1
 
[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses
[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses
[Infographic] The Content Marketing Matrix for Small Businesses
 
นโยบายหลักด้านการศึกษา 2555
นโยบายหลักด้านการศึกษา 2555นโยบายหลักด้านการศึกษา 2555
นโยบายหลักด้านการศึกษา 2555
 
Innovo Launch Slide Show
Innovo Launch Slide ShowInnovo Launch Slide Show
Innovo Launch Slide Show
 
Pk19 duran
Pk19 duranPk19 duran
Pk19 duran
 
Grid application テンプレートを紐解く
Grid application テンプレートを紐解くGrid application テンプレートを紐解く
Grid application テンプレートを紐解く
 
Imagens arte românica (7ª ano)
Imagens arte românica (7ª ano)Imagens arte românica (7ª ano)
Imagens arte românica (7ª ano)
 
Dispotivos de entrada
Dispotivos de entradaDispotivos de entrada
Dispotivos de entrada
 
How can taller
How can tallerHow can taller
How can taller
 
3 programa estructuras ii
3 programa estructuras ii3 programa estructuras ii
3 programa estructuras ii
 
Texturas visuales 1ºc
Texturas visuales 1ºcTexturas visuales 1ºc
Texturas visuales 1ºc
 
Social Media Syndication - Viral Marketing Strategy
Social Media Syndication - Viral Marketing StrategySocial Media Syndication - Viral Marketing Strategy
Social Media Syndication - Viral Marketing Strategy
 
5 bibliografía
5 bibliografía5 bibliografía
5 bibliografía
 
2802_Business.People Club#6
2802_Business.People Club#62802_Business.People Club#6
2802_Business.People Club#6
 
Rincones de mi clase
Rincones de mi claseRincones de mi clase
Rincones de mi clase
 

Semelhante a Trairi2009

Santana do cariri2009
Santana do cariri2009Santana do cariri2009
Santana do cariri2009
Ministério Público do Trabalho
 
Itapipoca2009
Itapipoca2009Itapipoca2009
Santa quitéria2009
Santa quitéria2009Santa quitéria2009
Relatório Peteca Groaíras 2011
Relatório Peteca Groaíras 2011Relatório Peteca Groaíras 2011
Relatório Peteca Groaíras 2011
Ministério Público do Trabalho
 
Maracanau2009
Maracanau2009Maracanau2009
Itaitinga2009
Itaitinga2009Itaitinga2009
Relatório Peteca Assaré 2011
Relatório Peteca Assaré 2011Relatório Peteca Assaré 2011
Relatório Peteca Assaré 2011
Ministério Público do Trabalho
 
Jaguaribe2009
Jaguaribe2009Jaguaribe2009
Relatório Peteca Quiterianópolis 2011
Relatório Peteca Quiterianópolis 2011Relatório Peteca Quiterianópolis 2011
Relatório Peteca Quiterianópolis 2011
Ministério Público do Trabalho
 
Folder trilhas 2019
Folder trilhas 2019Folder trilhas 2019
Folder trilhas 2019
DiedNuenf
 
Iguatu2009
Iguatu2009Iguatu2009
Apresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptx
Apresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptxApresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptx
Apresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptx
JosReinaldoPereira3
 
Retrospectiva 2.009
Retrospectiva 2.009Retrospectiva 2.009
Retrospectiva 2.009
Cleide Avila
 
Relatório Peteca Farias Brito Final 2011
Relatório Peteca Farias Brito Final 2011Relatório Peteca Farias Brito Final 2011
Relatório Peteca Farias Brito Final 2011
Ministério Público do Trabalho
 
Canindé2009
Canindé2009Canindé2009
Samira versaofinal
Samira versaofinalSamira versaofinal
Samira versaofinal
Valéria da Costa
 
Sobral2009
Sobral2009Sobral2009
Relatório Peteca Quixadá 2011
Relatório Peteca Quixadá 2011Relatório Peteca Quixadá 2011
Relatório Peteca Quixadá 2011
Ministério Público do Trabalho
 
Pacoti2010
Pacoti2010Pacoti2010
Relatório Peteca Coreaú 2011
Relatório Peteca Coreaú 2011Relatório Peteca Coreaú 2011
Relatório Peteca Coreaú 2011
Ministério Público do Trabalho
 

Semelhante a Trairi2009 (20)

Santana do cariri2009
Santana do cariri2009Santana do cariri2009
Santana do cariri2009
 
Itapipoca2009
Itapipoca2009Itapipoca2009
Itapipoca2009
 
Santa quitéria2009
Santa quitéria2009Santa quitéria2009
Santa quitéria2009
 
Relatório Peteca Groaíras 2011
Relatório Peteca Groaíras 2011Relatório Peteca Groaíras 2011
Relatório Peteca Groaíras 2011
 
Maracanau2009
Maracanau2009Maracanau2009
Maracanau2009
 
Itaitinga2009
Itaitinga2009Itaitinga2009
Itaitinga2009
 
Relatório Peteca Assaré 2011
Relatório Peteca Assaré 2011Relatório Peteca Assaré 2011
Relatório Peteca Assaré 2011
 
Jaguaribe2009
Jaguaribe2009Jaguaribe2009
Jaguaribe2009
 
Relatório Peteca Quiterianópolis 2011
Relatório Peteca Quiterianópolis 2011Relatório Peteca Quiterianópolis 2011
Relatório Peteca Quiterianópolis 2011
 
Folder trilhas 2019
Folder trilhas 2019Folder trilhas 2019
Folder trilhas 2019
 
Iguatu2009
Iguatu2009Iguatu2009
Iguatu2009
 
Apresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptx
Apresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptxApresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptx
Apresentação - Boas Práticas EJA 2021 - Seminário Regional.pptx
 
Retrospectiva 2.009
Retrospectiva 2.009Retrospectiva 2.009
Retrospectiva 2.009
 
Relatório Peteca Farias Brito Final 2011
Relatório Peteca Farias Brito Final 2011Relatório Peteca Farias Brito Final 2011
Relatório Peteca Farias Brito Final 2011
 
Canindé2009
Canindé2009Canindé2009
Canindé2009
 
Samira versaofinal
Samira versaofinalSamira versaofinal
Samira versaofinal
 
Sobral2009
Sobral2009Sobral2009
Sobral2009
 
Relatório Peteca Quixadá 2011
Relatório Peteca Quixadá 2011Relatório Peteca Quixadá 2011
Relatório Peteca Quixadá 2011
 
Pacoti2010
Pacoti2010Pacoti2010
Pacoti2010
 
Relatório Peteca Coreaú 2011
Relatório Peteca Coreaú 2011Relatório Peteca Coreaú 2011
Relatório Peteca Coreaú 2011
 

Mais de Ministério Público do Trabalho

FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...
FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...
FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...
Ministério Público do Trabalho
 
RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27
RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27
RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27
Ministério Público do Trabalho
 
ENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTE
ENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTEENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTE
ENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTE
Ministério Público do Trabalho
 
PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013
PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013
PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013
Ministério Público do Trabalho
 
Baturité 2010
Baturité 2010Baturité 2010
Barroquinha 2010
Barroquinha 2010Barroquinha 2010
Barro2010
Barro2010Barro2010
Aratuba2010
Aratuba2010Aratuba2010
Aracati2010
Aracati2010Aracati2010
Aracati.2010pdf
Aracati.2010pdfAracati.2010pdf
Aracati.2010pdf cópia
Aracati.2010pdf   cópiaAracati.2010pdf   cópia
Aracati.2010pdf cópia
Ministério Público do Trabalho
 
Caucaia2010
Caucaia2010Caucaia2010
Horizonte2010
Horizonte2010Horizonte2010
Saboeiro2010
Saboeiro2010Saboeiro2010
Tejuçuoca2009
Tejuçuoca2009Tejuçuoca2009
Tauá2009
Tauá2009Tauá2009
Redenção2009
Redenção2009Redenção2009
Quixadá2009
Quixadá2009Quixadá2009
Quiterianópolis2009
Quiterianópolis2009Quiterianópolis2009
Quiterianópolis2009
Ministério Público do Trabalho
 
Pindoretama2009
Pindoretama2009Pindoretama2009

Mais de Ministério Público do Trabalho (20)

FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...
FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...
FORMAÇÃO CIDADÃ: O CONHECIMENTO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE POR P...
 
RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27
RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27
RELATÓRIO DO PETECA DE BEBERIBE - 2013-03-27
 
ENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTE
ENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTEENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTE
ENCONTRO DO PETECA DE GUARACIABA DO NORTE
 
PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013
PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013
PROJETO DE TRABALHO DO PETECA EM BEBERIBE 2013
 
Baturité 2010
Baturité 2010Baturité 2010
Baturité 2010
 
Barroquinha 2010
Barroquinha 2010Barroquinha 2010
Barroquinha 2010
 
Barro2010
Barro2010Barro2010
Barro2010
 
Aratuba2010
Aratuba2010Aratuba2010
Aratuba2010
 
Aracati2010
Aracati2010Aracati2010
Aracati2010
 
Aracati.2010pdf
Aracati.2010pdfAracati.2010pdf
Aracati.2010pdf
 
Aracati.2010pdf cópia
Aracati.2010pdf   cópiaAracati.2010pdf   cópia
Aracati.2010pdf cópia
 
Caucaia2010
Caucaia2010Caucaia2010
Caucaia2010
 
Horizonte2010
Horizonte2010Horizonte2010
Horizonte2010
 
Saboeiro2010
Saboeiro2010Saboeiro2010
Saboeiro2010
 
Tejuçuoca2009
Tejuçuoca2009Tejuçuoca2009
Tejuçuoca2009
 
Tauá2009
Tauá2009Tauá2009
Tauá2009
 
Redenção2009
Redenção2009Redenção2009
Redenção2009
 
Quixadá2009
Quixadá2009Quixadá2009
Quixadá2009
 
Quiterianópolis2009
Quiterianópolis2009Quiterianópolis2009
Quiterianópolis2009
 
Pindoretama2009
Pindoretama2009Pindoretama2009
Pindoretama2009
 

Trairi2009

  • 1. ESTADO DO CEARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE TRAIRI SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO RELATÓRIO FINAL DOS TRABALHOS REALIZADOS PELO MUNICIPIO REFERENTE AO PETECA Município: Trairi -Ce Secretário de Educação - José Cavalcante Arnaud Coordenador Pedagógico Municipal: Jeremias Sales Barbosa End: Padre José Romualdo nº 108 Centro Trairi-Ce Cep: 62690-000 Escolas Envolvidas: E.E.F Antonio Francisco Braga – Batalha Coord. Kláucio Barbosa Braga Profª Maria Vilani Braga E.E.F Jonas Henrique de Azevedo – Purão Coord. Maria do Livramento Muniz Profª Antonia Braga Simplício E.E.F Prof. Elizeu Eli Barbosa – Alto São Francisco Coord. Ana Paula Miranda Profª Lurdene Moreira Saraiva E.E.F Jonas Henrique de Azevedo – Sede Coord. Rachel Santos R. Freitas Profª Magna Souto Rodrigues E.E.F José Firmino da Cunha – Canaã Coord. Nivea Perla Lopes Profª Maria Eliezita dos Santos E.E.F Antonio Urçulino Alves – Munguba Coord. Maria Lucivanda de Sousa Profª Maria Antonia de Sousa E.E.F Santa Luzia – Almécegas Coord. Raulindo Ramos Menezes Profª Elidiane Ricardo Moura E.E.F Nossa Senhora Aparecida – Gualdrapas Coord. Maria Izeuda R. da Cruz Profª Katiana Freitas Oliveira E.E.F José de Anchieta – Padre Anchieta Coord. Iracema Furtado Sales Profª Maria do Livramento Barbosa E.E.F Antonio Robespierre Viana – Córrego Fundo Coord. Roseli de Sousa Profª Rosângela de Freitas
  • 2. PROGRAMAÇÃO DA OFICINA DE FORMAÇÃO -PETECA - 20 HORAS Município: TRAIRI Responsável pela Oficina: JEREMIAS SALES BARBOSA Local: CENTRO DE PROMOÇÕES TURÍSTICAS E AMBIENTAIS-CPTA Período/data: FEVEREIRO DE 2009 Horário: 7:30H ÀS 11:30H 13:30H ÀS 17:00H Objetivos: Capacitar os coordenadores pedagógicos e professores das escolas para desenvolver um trabalho de conscientização da comunidade escolar ( professores, pais e alunos ) e da sociedade em geral, acerca da erradicação do trabalho infantil e exploração do trabalho do adolescente. 1º DIA Conteúdo: Crendenciamento Apresentação do Programa - PETECA A importância de vivenciar a infância INTERVALO - LANCHE Trabalho infantil no mundo, Brasil e Ceará Prejuízo do Trabalho Infantil para saúde Clip – Trabalho Infantil INTERVALO - ALMOÇO Prejuízo do Trabalho Infantil para a Educação Proteção ao Trabalho Adolescente – Direito a profissionalização VIDEO - Brasil Contra o Trabalho Infantil INTERVALO – CAFÉ DA TARDE VIDEO – Trabalho Infantil – DUAS CRIANÇAS REFLEXÃO – Estudo do vídeo Avaliação do dia – reflexão( escrita ) 2º DIA ACOLHIDA – VIDEO – CRIANÇA NÃO TRABALHA Sistema de Garantia de Direitos(SGD) Atuação no município dos órgãos do SGD - CMDA ( Conselho Municipal da Criança e do Adolescente ) - Palestrante – Germana de Paixão Oliveira( Presidente) - Conselho Tutelar - Palestrante – Genário Moreira Souto –Conselheiro Tutelar INTERVALO – LANCHE - VÍDEO – OIT ( Trabalho Infantil )
  • 3. - Atuação dos órgãos de defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes. - Ministério Público e Poder Judiciário * Palestra – Maria Deolinda R. Maia N. Costa – Promotora Qual o seu papel e o que estar sendo feito no município. * Plenária – Debate ( coordenadores, professores e promotora ) INTERVAO – ALMOÇO - VIDEO - FOTOS REFLEXÃO – TRABALHO INFANTIL - Abordagem em sala de aula do tema “ Trabalho Infantil ” : uso do DVD INTERVALO – CAFÉ DA TARDE - Abordagem em sala de aula do tema “ Trabalho infantil” : uso da cartilha. - Avaliação do dia – Reflexão em Plenária METODOLOGIA: Exposição de vídeos, estudo em grupo, debates, palestras depoimentos etc. ATIVIDADES: Mural, estudo dirigido, linha do tempo, debate em grupo, debate em plenária, etc. RECURSOS: DATA SHOW, DVD, TV, SOM, Papel ofício, Papel madeira, Apostilas, pincel atômico e compacto, etc. AVALIAÇÃO: Relatório sobre o PETECA E OS TEMAS ESTUDADOS. 3º DIA – HORÁRIO ( 7:30H ÀS 11:30H ) ACOLHIDA – VIDEO – “ VC VIU A ROSINHA? “ - Reflexão no grupão - Plano de Ação – Apresentação das sugestões contidas no manual. - Orientações aos professores do Plano de Ação a ser desenvolvi- do nas turmas do Programa. ENCERRAMENTO – VIDEO – OIT ( As piores formas de trabalho infantil ) AVALIAÇÃO: Relatório final - Memórias da Formação.
  • 4. FOTOS DA OFICINA DE FORMAÇÃO
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11. Quadro Demonstrativo das atividades nas escolas ESCOLAS SÉRIE Nº DE TRABALHOS ALUNOS PRODUZIDOS POR CATEGORIA E.E.F Antonio Francisco Braga 6º ao 9º ano 286 01 E.E.F Profº Elizeu Eli Barbosa 7ºAB e 9ºAB 150 01 E.E.F Jonas Henrique de Azevedo –Sede 1º ao 9º ano 548 01 E.E.F José Firmino da Cunha 6º ao 9º ano 335 01 E.E.F Antonio Urçulino Alves 6º ao 9º ano 100 01 E.E.F Santa Luzia 7º, 8º e 9º ano 60 01 E.E.F Nossa Sra. Apartecida 6º ao 9º ano 233 02 E.E.F Jonas Henrique Azevedo 7ºA, 8ºU, 9ºAB 142 01 E.E.F José de Anchieta 6º ao 9º ano 287 01 E.E.F Antonio Robespierre Viana 6º ao 9º ano 224 01 Total de alunos beneficiados – 2.365 alunos RELAÇÃO DE ENTIDADES E AUTORIDADES QUE PARTICIPARAM DO PROGRAMA ENTIDADES AUTORIDADES Escolas Municipais Diretores e Coordenadores Municipais Realizaram nas escolas momentos de sensibilização integrando escola e comunidade. Culminância do
  • 12. Programa – Apresentação das atividades pelos alunos. CMDCA- Conselho Germana de Paixão Oliveira Presidente do CMDCA Municipal dos Direitos da Disponibilizou Criança e do Adolescente assessoramento para encaminhar alguns casos que violavam o direito da criança e do adolescente. Conselho Tutelar Genário Moreira Souto Conselheiro Tutelar Realizou Palestras em algumas escolas do município com a comunidade local. Promotoria Pública Maria Deolinda R. Maia N. Costa Promotora de Justiça Realizou Palestras em algumas escolas do município com comunidade local. Secretaria de Educação José Cavalcante Arnaud Secretario de Educação Jeremias Sales Barbosa Coordenador Municipal do Programa Acompanhou e ofereceu suporte para execução do Programa nas escolas. ATIVIDADES REALIZADAS NAS ESCOLAS
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23. AVALIAÇÃO GERAL DO PROGRAMA PETECA Programa de Educação Contra a Exploração do Trabalho da criança e do Adolescente O Programa PETECA veio oportunizar momentos para debatermos temáticas que sensibilizou a todos no sentido de valorizar e respeitar a criança e sua infância.  Pontos Positivos  A Adesão do Programa pela Secretaria de Educação;  A Oficina realizada para Coordenadores e professores;  O Envolvimento dos atores do Programa;  O estudo das Leis que regulamenta o Trabalho Infantil;  As temáticas estudadas nas escolas;  O mapeamento dos casos de trabalho infantil;  O encaminhamento de alguns casos detectados;  A Preocupação da maioria dos pais com o problema;  A integração promovida pelo PETECA entre escola e família;  A parceria com: Promotoria, CMDCA, Conselho Tutelar e PETI;  O envolvimento dos coordenadores pedagógicos, professores e alunos na realização das atividades;
  • 24.  O estudo das temáticas na formação com coordenadores e professores;  As atividades realizadas nas escolas: sensibilização das famílias, palestras com pais e alunos, visitas à algumas famílias e atividades propostas pelo Programa;  A aceitação do Programa por parte dos alunos, ficaram sensibilizados;  O resgate de alunos evadidos e com baixa freqüência para o ambiente escolar.  O aprendizado adquirido pelas crianças e adolescentes referente seus direitos e deveres;  A escola reconheceu seu papel frente ao problema.  Pontos Negativos  O desprepara de algumas famílias para assimilar os conteúdos estudados;  Algumas famílias resistiram ao Programa( falta de cultura);  Algumas crianças e adolescentes não levaram o assunto a serio. O Programa PETECA veio mostrar com mais firmeza, que escola e sociedade não estam sozinha nessa luta e que não devemos ser omisso ao nosso papel como educador, membro da sociedade e família. Muitas de nossas crianças e adolescentes tem se tornado vítimas de uma sociedade cruel, que tem fechado os olhos para um pedido de socorro. Sabemos que uma das maiores dificuldades da escola ainda é trabalhar com famílias despreparas que não assumem seu verdadeiro papel de ser pai e mãe, enquanto isso seus filhos são incumbidos de tarefas que não condizem com seus direitos. Sendo assim precisamos nos sentir sensibilizado o bastante para dar asas a esse Programa e mostrar que também somos motivados a agir na defesa dos direitos da criança e do adolescente erradicando assim o trabalho infantil. Trairi-Ce, 11 de agosto de 2009
  • 25. Jeremias Sales Barbosa Coord. Municipal do Programa