Curso de Moodle Tutorial del Moodle: Parte 4 de 5

3.826 visualizações

Publicada em

Curso de Moodle Tutorial de Moodle para autores e tutores destina-se a profissionais interessados no uso do AVA para ministrar cursos.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.826
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
961
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curso de Moodle Tutorial del Moodle: Parte 4 de 5

  1. 1. Curso de MOODLE Tutorial 4 de 5
  2. 2. Módulo 4 Atividades do MOODLE
  3. 3. Amplie ainda mais a sua aprendizagem Amplie ainda mais a sua aprendizagem O nosso curso tem como base o livro Moodle para Autores e Tutores, de Robson Santos da Silva – Editora N . O livro pode ser comprado em todas as livrarias. Caso queira comprar diretamente no site da Editora (www.novatec.com.br) com 20% de desconto, utilize o código EADAMAZON.
  4. 4. Este módulo é um dos mais importantes de nosso curso. Nosso objetivo é identificar as funcionalidades e potencialidades oferecidas pelo menu de Atividades que contém as ferramentas de interação e interatividade.
  5. 5. O menu de atividades é o grande dinamizador da comunicação no Moodle, uma vez que, a partir dele, é possível a disponibilização de importantes funcionalidades que, a cada atualização do software, incorpora novidades e melhorias significativas. O menu de atividades é o grande dinamizador da comunicação no Moodle, uma vez que, a partir dele, é possível a disponibilização de importantes funcionalidades que, a cada atualização do software, incorpora novidades e melhorias significativas.
  6. 6. Novas opções de atividades podem ser obtidas a partir do link Downloads do portal do MOODLE. No menu que estamos lhe apresentando, constam as opções mais utilizadas atualmente. Novas opções de atividades podem ser obtidas a partir do link Downloads do portal do MOODLE. No menu que estamos lhe apresentando, constam as opções mais utilizadas atualmente. Atividades
  7. 7. As telas apresentadas a seguir lhe ajudarão a compreender melhor as atividades mais importantes oferecidas pelo MOODLE. Para facilitar seu estudo, serão disponibilizados anexos e vídeos .
  8. 8. Permite a criação e busca de bancos e bases de dados sobre qualquer tópico. A estrutura dos itens permite a inclusão de imagens, arquivos, números, links e textos. Conhecimentos sobre programas como Microsoft Access ou Filemaker podem ser muito úteis. BASE DE DADOS
  9. 9. A base de dados, também chamada de banco de dados, é uma atividade de concepção simples, mas de estruturação complexa e demorada. Deve-se fazer um estudo adequado de cada situação para verificar se sua utilização será compensadora. BASE DE DADOS
  10. 10. BASE DE DADOS: Configuração
  11. 11. BASE DE DADOS: Configuração - Exemplo
  12. 12. Também conhecido como “sala de bate-papo”, o Chat viabiliza o contato síncrono, simultâneo e em tempo real entre os participantes de um curso ou atividade. Trata-se de um excelente canal para troca de informações, compartilhamento de ideias e esclarecimento de dúvidas. CHAT
  13. 13. CHAT: Configuração
  14. 14. CHAT: Configuração
  15. 15. CHAT: Configuração Os demais itens possibilitam uma especificação ainda maior:
  16. 16. LEMBRE-SE... Coloque em prática os conhecimentos que estão sendo disponibilizados. Abra o seu ambiente virtual e crie as atividades apresentadas!
  17. 17. A Escolha é uma atividade muito simples e limitada. Na prática, possibilita apenas a criação de um formulário com uma pergunta e opções de respostas. Escolha
  18. 18. Escolha: Configuração
  19. 19. Escolha: Configuração
  20. 20. O fórum é uma ferramenta de discussão e troca de conhecimentos por natureza. Apesar de estar perdendo terreno para outros recursos externos como, por exemplo, o Twitter, é uma atividade muito rica e de múltiplas possibilidades. Além do tradicional formato de troca e disponibilização de mensagens, também pode ser configurada com outros formatos. Os mais comuns são mailing list, blog e wiki. Fórum
  21. 21. Trata-se de uma atividade de interação assíncrona de muito valor que, além de permitir o acompanhamento via e-mail, também possibilita o envio de anexos. Classificam-se em: Fórum
  22. 22. Fórum: Configuração
  23. 23. Fórum: Configuração
  24. 24. Fórum: Configuração
  25. 25. Trata-se de uma atividade muito importante. Por meio dela, podem ser criadas listas de termos e expressões técnicas que interessem diretamente aos participantes. Sua configuração completa oferece muitas opções interessantes para ambos os tipos de glossários, principal e secundário. Glossário
  26. 26. Glossário: Configuração
  27. 27. Glossário: Configuração
  28. 28. Você já percebeu que o MOODLE é fácil de configurar. No entanto, em caso de dúvidas, basta clicar na ajuda (?). Uma pequena pausa para leitura detalhada certamente ajudará bastante. Você já percebeu que o MOODLE é fácil de configurar. No entanto, em caso de dúvidas, basta clicar na ajuda (?). Uma pequena pausa para leitura detalhada certamente ajudará bastante. Observe também que o AVA já está otimizado para a prática pedagógica. Caso não consiga sanar suas dúvidas, mantenha os quadros como mostrados e o sistema irá se configurar automaticamente da melhor forma possível. Observe também que o AVA já está otimizado para a prática pedagógica. Caso não consiga sanar suas dúvidas, mantenha os quadros como mostrados e o sistema irá se configurar automaticamente da melhor forma possível.
  29. 29. A Lição é uma atividade que possibilita a criação de perguntas e respostas mescladas com apresentações e arquivos de diferentes formatos. Sua configuração se inicia com a inserção do título (nome da atividade), delimitação de tempo em que a atividade ficará disponível (opcional) e número de páginas/seções em que a atividade será configurada. Lição Fale com o autor: cigrobson@gmail.com
  30. 30. Planejamento é essencial! Para que a atividade Lição seja confeccionada, é exigida uma estrutura predefinida contendo a quantidade de páginas, seções e perguntas que serão disponibilizadas aos alunos. Planejamento é essencial! Para que a atividade Lição seja confeccionada, é exigida uma estrutura predefinida contendo a quantidade de páginas, seções e perguntas que serão disponibilizadas aos alunos. LEMBRE-SE...
  31. 31. Essa atividade é composta de alguns questionários de avaliação previamente formatados para avaliação em ambientes virtuais. Seu principal objetivo é fazer com que o participante reflita sobre sua aprendizagem e participação durante um curso. Pesquisa de Avaliação
  32. 32. Pesquisa de Avaliação: Configuração Atualmente, o Moodle tem dois formatos de questionários:
  33. 33. Pesquisa de Avaliação: Configuração
  34. 34. Se fossem consideradas as especificidades da educação brasileira, essa atividade poderia ser denominada exercício, teste, questionário, prova on-line ou mesmo avaliação. Suas inúmeras possibilidades oferecem características peculiares e muito interessantes para um curso. Questionário
  35. 35. As questões criadas podem ser armazenadas em categorias formando um banco de dados de questões em diversos formatos, tais como verdadeiro ou falso, múltipla escolha, resposta breve e resposta numérica entre outros. Questionário Outra vantagem da atividade é a possibilidade de que a correção das questões seja feita pelo próprio sistema, gerando também feedback automático. Sua configuração é simples e intuitiva Outra vantagem da atividade é a possibilidade de que a correção das questões seja feita pelo próprio sistema, gerando também feedback automático. Sua configuração é simples e intuitiva
  36. 36. Questionário Configuração A configuração do Questionário possui inúmeras variáveis. Consulte a pasta de anexos para identificar a função de cada uma delas. A configuração do Questionário possui inúmeras variáveis. Consulte a pasta de anexos para identificar a função de cada uma delas. Fale com o autor: cigrobson@gmail.com
  37. 37. O pacote Scorm/AICC agrega um conjunto de conteúdos que, criados sob a forma de pacotes, oferecem a possibilidade de incluir páginas de web, gráficos, programas Java script, apresentações em flash e qualquer programa que seja compatível com a web. SCORM
  38. 38. SCORM: Configuração
  39. 39. SCORM: Configuração
  40. 40. SCORM: Configuração
  41. 41. SCORM: Configuração
  42. 42. A utilização do padrão SCORM possibilita a interoperabilidade, ou seja, um curso pode ser migrado entre ambientes virtuais de aprendizagem sem perdas. Trata-se de uma opção que merece ser considerada. A utilização do padrão SCORM possibilita a interoperabilidade, ou seja, um curso pode ser migrado entre ambientes virtuais de aprendizagem sem perdas. Trata-se de uma opção que merece ser considerada. LEMBRE-SE...
  43. 43. A tarefa consiste em um conjunto de atividades com diferentes possibilidades: produção off-line, on-line, envio de arquivos ou, simplesmente, apresentação de uma temática para discussões do grupo. Tarefa A seguir, as especificidades dos quatro tipos de tarefas. A seguir, as especificidades dos quatro tipos de tarefas.
  44. 44. Tarefa: Tipos Modalidade avançada de carregamentoModalidade avançada de carregamento Essa tarefa permite o envio simultâneo de mais de uma atividade para avaliação. Sua melhor opção de uso se faz quando arquivos de diferentes formatos devem ser enviados. Essa tarefa permite o envio simultâneo de mais de uma atividade para avaliação. Sua melhor opção de uso se faz quando arquivos de diferentes formatos devem ser enviados.
  45. 45. Tarefa: Tipos A tarefa no formato de texto on-line permite que o participante escreva um texto no formato HTML no mesmo espaço da tarefa, enviando-o, em seguida, para avaliação. A tarefa no formato de texto on-line permite que o participante escreva um texto no formato HTML no mesmo espaço da tarefa, enviando-o, em seguida, para avaliação. Modalidade Texto on-lineModalidade Texto on-line
  46. 46. Tarefa: Tipos Permite que o participante envie um único arquivo para avaliação. Sua configuração segue o mesmo parâmetro de configurações das tarefas anteriores. Permite que o participante envie um único arquivo para avaliação. Sua configuração segue o mesmo parâmetro de configurações das tarefas anteriores. Envio de arquivo únicoEnvio de arquivo único
  47. 47. Tarefa: Tipos Esta tarefa permite a disponibilização de um assunto que deva ser debatido em um encontro presencial, fórum ou em qualquer outra atividade cuja utilização seja favorável. Esta tarefa permite a disponibilização de um assunto que deva ser debatido em um encontro presencial, fórum ou em qualquer outra atividade cuja utilização seja favorável. Tarefa Off-lineTarefa Off-line
  48. 48. Tarefas: Configuração comum Itens configuráveis nas tarefasItens configuráveis nas tarefas Nome da tarefa – insere-se o nome da atividade. Descrição – contém o objetivo e os parâmetros da tarefa. Nota – define a nota que a tarefa terá, com valores variando entre 0 a 100. Disponibilidade – o autor define qual a data e o horário de disponibilidade e entrega da atividade. Impedir envio atrasado – a opção Sim impede o envio retardatário da tarefa.
  49. 49. Tarefa: Configuração comum Tamanho máximo do arquivo – indica qual o tamanho máximo dos arquivos que poderão ser postados pelos participantes. Permitir cancelamento – ao configurar a opção Sim o autor define se o participante poderá cancelar o arquivo antes da avaliação. Número máximo de arquivos carregados – define o máximo de arquivos que o participante poderá enviar para avaliação. Permitir notas – habilita a possibilidade de inserção de notas e comentários. Itens configuráveis nas tarefasItens configuráveis nas tarefas
  50. 50. Tarefa: Configuração comum Esconder descrição antes de sua abertura – a opção Sim faz com que a atividade só possa ser visualizada na data escolhida. Aviso de email aos professores – se habilitado, o sistema enviará notificações por e-mail aos tutores sempre que uma tarefa for entregue. Habilitar envio para avaliação – essa opção possibilita que o participante se comunique com o tutor para informar que a tarefa está pronta. Depois de verificá-la, o tutor poderá dar feedback ao participante para que ele refaça ou ajuste sua atividade. Itens configuráveis nas tarefasItens configuráveis nas tarefas
  51. 51. Tarefa: Configuração comum Esconder descrição antes de sua abertura – a opção Sim faz com que a atividade só possa ser visualizada na data escolhida. Aviso de email aos professores – se habilitado, o sistema enviará notificações por e-mail aos tutores sempre que uma tarefa for entregue. Habilitar envio para avaliação – essa opção possibilita que o participante se comunique com o tutor para informar que a tarefa está pronta. Depois de verificá-la, o tutor poderá dar feedback ao participante para que ele refaça ou ajuste sua atividade. Itens configuráveis nas tarefasItens configuráveis nas tarefas
  52. 52. Tarefa: Configuração comum Permitir novo envio – o autor decide se quer que o participante envie novamente a tarefa se esta não estiver de acordo com os parâmetros preestabelecidos. Aviso por email aos professores – o autor decide se deseja avisos por e-mail sobre qualquer alteração na tarefa. Comentário inserido na frase – o autor decide se deseja que os avaliadores da tarefa façam comentários de correção, inserindo-os nas frases do texto enviado. Itens configuráveis nas tarefasItens configuráveis nas tarefas
  53. 53. O WIKI permite a construção colaborativa de documentos, textos e bibliografias a partir do próprio browser, ou seja, on-line e pelo navegador web. Sua utilização vem, cada vez mais, merecendo destaque em cursos virtuais devido a facilidade de configuração, possibilidade de atualização e, principalmente, seu potencial interativo. WIKI
  54. 54. WIKI: Configuração
  55. 55. Os instrumentos de avaliação do curso devem ser previamente escolhidos. Os participantes de um curso ficam extremamente desconfiados sobre a qualidade de um trabalho quando esse critério não fica claramente definido. Os instrumentos de avaliação do curso devem ser previamente escolhidos. Os participantes de um curso ficam extremamente desconfiados sobre a qualidade de um trabalho quando esse critério não fica claramente definido. LEMBRE-SE...
  56. 56. Outros livros do AutorOutros livros do Autor
  57. 57. Que bom! Concluímos mais uma etapa! Aproveito para lembrar que você deve praticar os conceitos apresentados. Aguardarei por você no nosso próximo módulo. Obrigado!

×