SlideShare uma empresa Scribd logo

Programação 10º b pais 2014 15

Este documento apresenta o plano de aulas para Biologia e Geologia do 10o ano B para o ano letivo de 2014/2015, dividido em 3 períodos. No 1o período são apresentados os conteúdos de Geologia, incluindo a introdução à disciplina, a Terra e a estrutura e dinâmica da geosfera. No 2o período são lecionados conteúdos de Biologia sobre a diversidade na biosfera e obtenção de matéria pelos seres vivos. No 3o período são abordados temas sobre obtenção

1 de 1
Baixar para ler offline
BIOLOGIA E GEOLOGIA 
PLANIFICAÇÃO PROGRAMÁTICA 
10ºB - 2014/2015 
1º PERÍODO 
2º PERÍODO 
3º PERÍODO 
NOTA: Não foram contabilizadas algumas aulas correspondentes à Semana do Agrupamento, devido às diversas atividades em que os alunos se encontram envolvidos. 
Agrupamento de Escolas D. Maria II, setembro 2014 
A professora, 
Margarida Barbosa Teixeira 
UNIDADES 
CONTEÚDOS 
NºAulas 
Apresentação – Regras de funcionamento das aulas; critérios de avaliação da disciplina 
Apresentação do programa de Geologia. 
2 
GEOLOGIA 
Tema I- Módulo inicial 
A Geologia, os geólogos e os seus métodos 
31 
Tema II 
A Terra, um planeta muito especial 
20 
Tema III 
Compreender a estrutura e a dinâmica da Geosfera 
22 
Atividades de avaliação diagnóstica, formativa, sumativa e 
autoavaliação 
16 
Total 91 
UNIDADES 
CONTEÚDOS 
NºAulas 
Tema III 
(continuação) 
Compreender a estrutura e a dinâmica da Geosfera 
14 
BIOLOGIA 
Módulo inicial 
Unidade 1 
Diversidade na Biosfera 
Obtenção de matéria pelos seres heterotróficos 
24 
14 
Atividades de avaliação diagnóstica, formativa, sumativa e 
autoavaliação 
14 
Total 66 
UNIDADES 
CONTEÚDOS 
NºAulas 
Unidade 1 
Unidade 2 
Obtenção de matéria pelos seres autotróficos 
Distribuição de matéria e trocas gasosas nas plantas 
Distribuição de matéria nos animais 
11 
15 
Unidade 3 
Transformação e utilização de energia pelos seres vivos 
Trocas gasosas nos animais 
11 
Unidade 4 
Regulação dos seres vivos 
13 
Atividades de avaliação diagnóstica, formativa, sumativa e 
autoavaliação 
13 
Total 63

Recomendados

Programação anual 10º C
Programação anual 10º CProgramação anual 10º C
Programação anual 10º Cmargaridabt
 
Programação 10º B 2013 14
Programação 10º B  2013 14Programação 10º B  2013 14
Programação 10º B 2013 14margaridabt
 
Programação 11ºC - 2017-18
Programação 11ºC - 2017-18Programação 11ºC - 2017-18
Programação 11ºC - 2017-18margaridabt
 
Programação Anual 10º 2016/17
Programação Anual 10º 2016/17Programação Anual 10º 2016/17
Programação Anual 10º 2016/17margaridabt
 
Roteiro do relatório 2013.1
Roteiro do relatório 2013.1Roteiro do relatório 2013.1
Roteiro do relatório 2013.1Arisdelia
 
GEOLOGIA APLICADA À GEOGRAFIA: REFLEXÃO SOBRE A INICIAÇÃO À DOCÊNCIA
GEOLOGIA APLICADA À GEOGRAFIA: REFLEXÃO SOBRE A INICIAÇÃO À DOCÊNCIAGEOLOGIA APLICADA À GEOGRAFIA: REFLEXÃO SOBRE A INICIAÇÃO À DOCÊNCIA
GEOLOGIA APLICADA À GEOGRAFIA: REFLEXÃO SOBRE A INICIAÇÃO À DOCÊNCIAMaicon
 
Relatório estágio-GUILHERME CHINGUA
Relatório estágio-GUILHERME CHINGUARelatório estágio-GUILHERME CHINGUA
Relatório estágio-GUILHERME CHINGUAGuilherme Chingua
 
Criterios avaliação 10 e 11 biologia geologia12biologia 2016 17
Criterios avaliação 10 e 11 biologia geologia12biologia 2016 17Criterios avaliação 10 e 11 biologia geologia12biologia 2016 17
Criterios avaliação 10 e 11 biologia geologia12biologia 2016 17margaridabt
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Critérios de avaliação
Critérios de avaliação Critérios de avaliação
Critérios de avaliação margaridabt
 
Planificação anual 7º 11 12
Planificação anual 7º 11 12Planificação anual 7º 11 12
Planificação anual 7º 11 12Pedro Tonyzinho
 
A sessão de esclarecimento 2015-2016 - final
A sessão de esclarecimento 2015-2016 - finalA sessão de esclarecimento 2015-2016 - final
A sessão de esclarecimento 2015-2016 - finalClara Monteiro
 
23.04 plano semanal - ciências 8 a b c profa solange
23.04   plano semanal - ciências 8 a b c profa solange23.04   plano semanal - ciências 8 a b c profa solange
23.04 plano semanal - ciências 8 a b c profa solangeSOLANGEFERREIRADASIL5
 
Programação anual 11ºB
Programação anual 11ºBProgramação anual 11ºB
Programação anual 11ºBmargaridabt
 
Planific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terra
Planific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terraPlanific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terra
Planific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terraEdgar Fernandes
 
O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...
O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...
O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...Marisa Correia
 
Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...
Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...
Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...Marisa Correia
 
Programação 11º B 2014 15
Programação 11º B 2014 15Programação 11º B 2014 15
Programação 11º B 2014 15margaridabt
 
Plano de aula região centro oeste
Plano de aula   região centro oestePlano de aula   região centro oeste
Plano de aula região centro oesteAndré Moraes
 
Programa da cadeira de prospecção grav e mag
Programa da cadeira de prospecção grav e magPrograma da cadeira de prospecção grav e mag
Programa da cadeira de prospecção grav e magJoão Baptista
 
As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...
As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...
As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...Marisa Correia
 
Pollen
PollenPollen
Pollendidi73
 
Metodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso Técnológico
Metodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso TécnológicoMetodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso Técnológico
Metodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso Técnológicohyguer
 
Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5Mary Silva
 

Mais procurados (19)

Critérios de avaliação
Critérios de avaliação Critérios de avaliação
Critérios de avaliação
 
Planificação anual 7º 11 12
Planificação anual 7º 11 12Planificação anual 7º 11 12
Planificação anual 7º 11 12
 
As Fases da Lua
As Fases da LuaAs Fases da Lua
As Fases da Lua
 
A sessão de esclarecimento 2015-2016 - final
A sessão de esclarecimento 2015-2016 - finalA sessão de esclarecimento 2015-2016 - final
A sessão de esclarecimento 2015-2016 - final
 
23.04 plano semanal - ciências 8 a b c profa solange
23.04   plano semanal - ciências 8 a b c profa solange23.04   plano semanal - ciências 8 a b c profa solange
23.04 plano semanal - ciências 8 a b c profa solange
 
Programação anual 11ºB
Programação anual 11ºBProgramação anual 11ºB
Programação anual 11ºB
 
Planific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terra
Planific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terraPlanific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terra
Planific ativi dia-florestaautoctone-dia mundial da terra
 
O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...
O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...
O CONTRIBUTO DAS ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO EM CIÊNCIAS E DA INTERDISCIPLINAR...
 
Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...
Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...
Mudanças nas conceções e práticas de professores. Dois estudos com professore...
 
Programação 11º B 2014 15
Programação 11º B 2014 15Programação 11º B 2014 15
Programação 11º B 2014 15
 
Plano de aula região centro oeste
Plano de aula   região centro oestePlano de aula   região centro oeste
Plano de aula região centro oeste
 
Programa da cadeira de prospecção grav e mag
Programa da cadeira de prospecção grav e magPrograma da cadeira de prospecção grav e mag
Programa da cadeira de prospecção grav e mag
 
Planejamento
Planejamento Planejamento
Planejamento
 
As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...
As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...
As implicações dos ambientes educativos inovadores para as práticas dos profe...
 
Pollen
PollenPollen
Pollen
 
gps7 pa_90_
gps7 pa_90_gps7 pa_90_
gps7 pa_90_
 
Metodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso Técnológico
Metodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso TécnológicoMetodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso Técnológico
Metodologas Aplicadas no Ambiente Escolar com a falta de Recurso Técnológico
 
Plano de ensino 6 ano
Plano de ensino 6 anoPlano de ensino 6 ano
Plano de ensino 6 ano
 
Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5
 

Semelhante a Programação 10º b pais 2014 15

Planificação lp 10.2012.2013
Planificação lp 10.2012.2013Planificação lp 10.2012.2013
Planificação lp 10.2012.2013sandradomingues29
 
DATADO FEVEREIRO.doc
DATADO FEVEREIRO.docDATADO FEVEREIRO.doc
DATADO FEVEREIRO.docTCC2022
 
2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx
2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx
2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docxJohnnyAlfh1
 
Programação 10º b pais 2012 13
Programação 10º b pais 2012 13Programação 10º b pais 2012 13
Programação 10º b pais 2012 13margaridabt
 
Gabriel portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel   portifólio estágio supervisionado iiGabriel   portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel portifólio estágio supervisionado iifamiliaestagio
 
Gabriel portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel   portifólio estágio supervisionado iiGabriel   portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel portifólio estágio supervisionado iifamiliaestagio
 
Plano de aula 7 gabriel
Plano de aula 7   gabrielPlano de aula 7   gabriel
Plano de aula 7 gabrielfamiliaestagio
 
Inst ens fis_plano_de_curso
Inst ens fis_plano_de_cursoInst ens fis_plano_de_curso
Inst ens fis_plano_de_cursoMiranda Locem
 
Webconferencia estagio supervisionado ii
Webconferencia estagio supervisionado iiWebconferencia estagio supervisionado ii
Webconferencia estagio supervisionado iiArisdelia
 
Porientador (eixo ii)
Porientador (eixo ii)Porientador (eixo ii)
Porientador (eixo ii)UyaraPortugal
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1Rosa Serra
 
Banner beth 2º ano b equipe 3
Banner beth 2º ano b   equipe 3Banner beth 2º ano b   equipe 3
Banner beth 2º ano b equipe 3Lusinaldo Farias
 
Cronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestre
Cronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestreCronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestre
Cronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestreRonaldo Santana
 
_Plano6.solo.docx (1).pdf
_Plano6.solo.docx (1).pdf_Plano6.solo.docx (1).pdf
_Plano6.solo.docx (1).pdfDirceGrein
 
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 20101º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010familiaestagio
 
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 20101º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010familiaestagio
 

Semelhante a Programação 10º b pais 2014 15 (20)

Planificação lp 10.2012.2013
Planificação lp 10.2012.2013Planificação lp 10.2012.2013
Planificação lp 10.2012.2013
 
Baner sup claudecir
Baner sup claudecirBaner sup claudecir
Baner sup claudecir
 
DATADO FEVEREIRO.doc
DATADO FEVEREIRO.docDATADO FEVEREIRO.doc
DATADO FEVEREIRO.doc
 
2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx
2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx
2022.1_PGCC_de_Estruturacao_III_Vespertino.docx
 
Programação 10º b pais 2012 13
Programação 10º b pais 2012 13Programação 10º b pais 2012 13
Programação 10º b pais 2012 13
 
Gabriel portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel   portifólio estágio supervisionado iiGabriel   portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel portifólio estágio supervisionado ii
 
Gabriel portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel   portifólio estágio supervisionado iiGabriel   portifólio estágio supervisionado ii
Gabriel portifólio estágio supervisionado ii
 
Plano de aula 7 gabriel
Plano de aula 7   gabrielPlano de aula 7   gabriel
Plano de aula 7 gabriel
 
Manual do-estagio-
Manual do-estagio-Manual do-estagio-
Manual do-estagio-
 
Inst ens fis_plano_de_curso
Inst ens fis_plano_de_cursoInst ens fis_plano_de_curso
Inst ens fis_plano_de_curso
 
Webconferencia estagio supervisionado ii
Webconferencia estagio supervisionado iiWebconferencia estagio supervisionado ii
Webconferencia estagio supervisionado ii
 
Porientador (eixo ii)
Porientador (eixo ii)Porientador (eixo ii)
Porientador (eixo ii)
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Banner beth 2º ano b equipe 3
Banner beth 2º ano b   equipe 3Banner beth 2º ano b   equipe 3
Banner beth 2º ano b equipe 3
 
Cronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestre
Cronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestreCronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestre
Cronograma das aulas 1º ano do Ensino Médio Técnico de informática TI 1 bimestre
 
Plano de curso 3º ano bio 2014 ciep
Plano de curso 3º ano bio 2014 ciepPlano de curso 3º ano bio 2014 ciep
Plano de curso 3º ano bio 2014 ciep
 
_Plano6.solo.docx (1).pdf
_Plano6.solo.docx (1).pdf_Plano6.solo.docx (1).pdf
_Plano6.solo.docx (1).pdf
 
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 20101º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
 
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 20101º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
1º e 2° plano de aula .quinzenal. 06.10 a 13.10 de 2010
 
Plano de curso 3º ano bio 2014
Plano de curso 3º ano bio 2014Plano de curso 3º ano bio 2014
Plano de curso 3º ano bio 2014
 

Mais de margaridabt

1 a terra e os subsistemas terrestres
1   a terra e os subsistemas terrestres1   a terra e os subsistemas terrestres
1 a terra e os subsistemas terrestresmargaridabt
 
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Regulação nervosa e hormonal nos animaisRegulação nervosa e hormonal nos animais
Regulação nervosa e hormonal nos animaismargaridabt
 
Kahoot biomoléculas e alimentação
Kahoot   biomoléculas e alimentaçãoKahoot   biomoléculas e alimentação
Kahoot biomoléculas e alimentaçãomargaridabt
 
1 biodiversidade (2017)
1   biodiversidade (2017)1   biodiversidade (2017)
1 biodiversidade (2017)margaridabt
 
7 métodos estudo interior da terra
7   métodos estudo interior da terra7   métodos estudo interior da terra
7 métodos estudo interior da terramargaridabt
 
1 intervenção do homem ...
1   intervenção do homem ...1   intervenção do homem ...
1 intervenção do homem ...margaridabt
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testesCritérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testesmargaridabt
 
Temas 10ºano testes 11º
Temas 10ºano testes 11ºTemas 10ºano testes 11º
Temas 10ºano testes 11ºmargaridabt
 
Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16
Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16
Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16margaridabt
 
Critérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BGCritérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BGmargaridabt
 
Trabalho biomoléculas
Trabalho biomoléculasTrabalho biomoléculas
Trabalho biomoléculasmargaridabt
 
Matriz exame bg 2015
Matriz exame bg 2015Matriz exame bg 2015
Matriz exame bg 2015margaridabt
 
Criterios biologiageologia2014 15
Criterios biologiageologia2014 15Criterios biologiageologia2014 15
Criterios biologiageologia2014 15margaridabt
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes margaridabt
 
Temas 10ºano testes 11º6 testes
Temas 10ºano testes 11º6 testesTemas 10ºano testes 11º6 testes
Temas 10ºano testes 11º6 testesmargaridabt
 
Método Científico
Método CientíficoMétodo Científico
Método Científicomargaridabt
 
Movimentos transmembranares
Movimentos transmembranaresMovimentos transmembranares
Movimentos transmembranaresmargaridabt
 

Mais de margaridabt (20)

1 a terra e os subsistemas terrestres
1   a terra e os subsistemas terrestres1   a terra e os subsistemas terrestres
1 a terra e os subsistemas terrestres
 
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Regulação nervosa e hormonal nos animaisRegulação nervosa e hormonal nos animais
Regulação nervosa e hormonal nos animais
 
Kahoot biomoléculas e alimentação
Kahoot   biomoléculas e alimentaçãoKahoot   biomoléculas e alimentação
Kahoot biomoléculas e alimentação
 
1 biodiversidade (2017)
1   biodiversidade (2017)1   biodiversidade (2017)
1 biodiversidade (2017)
 
8 vulcanologia
8   vulcanologia8   vulcanologia
8 vulcanologia
 
7 métodos estudo interior da terra
7   métodos estudo interior da terra7   métodos estudo interior da terra
7 métodos estudo interior da terra
 
2 as rochas
2   as rochas2   as rochas
2 as rochas
 
1 intervenção do homem ...
1   intervenção do homem ...1   intervenção do homem ...
1 intervenção do homem ...
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testesCritérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes
 
Temas 10ºano testes 11º
Temas 10ºano testes 11ºTemas 10ºano testes 11º
Temas 10ºano testes 11º
 
Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16
Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16
Criterios av. 10 11º biologia geologia 15-16
 
Critérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BGCritérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BG
 
Trabalho biomoléculas
Trabalho biomoléculasTrabalho biomoléculas
Trabalho biomoléculas
 
Matriz exame bg 2015
Matriz exame bg 2015Matriz exame bg 2015
Matriz exame bg 2015
 
Criterios biologiageologia2014 15
Criterios biologiageologia2014 15Criterios biologiageologia2014 15
Criterios biologiageologia2014 15
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes
 
Célula
CélulaCélula
Célula
 
Temas 10ºano testes 11º6 testes
Temas 10ºano testes 11º6 testesTemas 10ºano testes 11º6 testes
Temas 10ºano testes 11º6 testes
 
Método Científico
Método CientíficoMétodo Científico
Método Científico
 
Movimentos transmembranares
Movimentos transmembranaresMovimentos transmembranares
Movimentos transmembranares
 

Último

Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...azulassessoriaacadem3
 
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...Prime Assessoria
 
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...apoioacademicoead
 
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...azulassessoriaacadem3
 
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIMSOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIMHisrelBlog
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...apoioacademicoead
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...azulassessoriaacadem3
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...excellenceeducaciona
 
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...azulassessoriaacadem3
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;azulassessoriaacadem3
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Mary Alvarenga
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...Prime Assessoria
 
610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...
610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...
610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...GraceDavino
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...azulassessoriaacadem3
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...excellenceeducaciona
 
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
 
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
 
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
 
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIMSOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
Namorar não és ser don .
Namorar não és ser don                  .Namorar não és ser don                  .
Namorar não és ser don .
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
 
610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...
610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...
610854 (4).pptx Linguagem da música. Diferentes gêneros da musica tradicional...
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
 
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
 

Programação 10º b pais 2014 15

  • 1. BIOLOGIA E GEOLOGIA PLANIFICAÇÃO PROGRAMÁTICA 10ºB - 2014/2015 1º PERÍODO 2º PERÍODO 3º PERÍODO NOTA: Não foram contabilizadas algumas aulas correspondentes à Semana do Agrupamento, devido às diversas atividades em que os alunos se encontram envolvidos. Agrupamento de Escolas D. Maria II, setembro 2014 A professora, Margarida Barbosa Teixeira UNIDADES CONTEÚDOS NºAulas Apresentação – Regras de funcionamento das aulas; critérios de avaliação da disciplina Apresentação do programa de Geologia. 2 GEOLOGIA Tema I- Módulo inicial A Geologia, os geólogos e os seus métodos 31 Tema II A Terra, um planeta muito especial 20 Tema III Compreender a estrutura e a dinâmica da Geosfera 22 Atividades de avaliação diagnóstica, formativa, sumativa e autoavaliação 16 Total 91 UNIDADES CONTEÚDOS NºAulas Tema III (continuação) Compreender a estrutura e a dinâmica da Geosfera 14 BIOLOGIA Módulo inicial Unidade 1 Diversidade na Biosfera Obtenção de matéria pelos seres heterotróficos 24 14 Atividades de avaliação diagnóstica, formativa, sumativa e autoavaliação 14 Total 66 UNIDADES CONTEÚDOS NºAulas Unidade 1 Unidade 2 Obtenção de matéria pelos seres autotróficos Distribuição de matéria e trocas gasosas nas plantas Distribuição de matéria nos animais 11 15 Unidade 3 Transformação e utilização de energia pelos seres vivos Trocas gasosas nos animais 11 Unidade 4 Regulação dos seres vivos 13 Atividades de avaliação diagnóstica, formativa, sumativa e autoavaliação 13 Total 63