SSeor cvi i a ç l oCAadad tdeedr i e nv oi s        1
Universidade Anhanguera - Uniderp  Centro de Educação a Distância      Caderno de Atividades    Serviço Social            ...
Universidade Anhanguera - Uniderp                        Centro de Educação a DistânciaChanceler                          ...
Nossa Missão, Nossos ValoresDesde sua fundação, em 1994, os fundamentos da “Anhanguera Educacional” têm sido o principal m...
Sobre o Caderno de AtividadesCaro(a) Aluno(a),Você está recebendo o Caderno de Atividades, preparado pelos professores do ...
Autores                                          Ana Lúcia Américo Antonio                    Graduação: Serviço Social - ...
SumárioFamília e Sociedade   Tema 1 - Mudanças Estruturais, Política Social e Papel da Família ..............................
Tecnologias da Informação e da Comunicação   Tema 1 - A Relação entre a Tecnologia e a Comunicação ..........................
Tecnologias daInformação e daComunicaçãoAutor:Ricardo Leite de Albuquerque
Tecnologias da Informação e da Comunicação Orientações de estudo Este Caderno de Atividades foi elaborado com base no livr...
Poderá compreender, também, o viés político-ideológico que está subjacente às políticas públicas de telecomuni-cações, sen...
Tema 5 A Indústria Cultural e seus Produtos Midiáticos Aborda os conteúdos situados na “Zona de Compromisso” do livro adot...
Outro aspecto relevante deste tópico diz respeito à conotação política que adquire o uso de blogs. Estes atuamcomo ferrame...
Tema 1 A Relação Entre a Tecnologia e a Comunicação Objetivos de aprendizagem •    Compreender a relevância da incorporaçã...
Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação                                                     Tema 1 - Atividades  Ativida...
Tecnologias da InformaçãoTema 1 - Atividades                                                              e da Comunicação...
Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação                                                  Tema 1 - Atividades  e) Graças ...
Tecnologias da InformaçãoTema 1 - Atividades                                                             e da Comunicação ...
Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação                                               Tema 1 - Atividades  Justifique a s...
Tema 2 O Fenômeno Técnico e suas Particularidades no Âmbito da Comunicação e da Cultura Contemporânea Objetivos de aprendi...
Neste tópico, propõe-se uma concepção de tecnologia que amplie os horizontes cognitivos dos estudantes, le-vando-os a perc...
Tecnologias da InformaçãoTema 2 - Atividades                                                             e da Comunicação ...
Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação                                                     Tema 2 - Atividades     dess...
Tecnologias da InformaçãoTema 2 - Atividades                                                           e da Comunicação ni...
Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação                                                       Tema 2 - Atividades       ...
Tecnologias da InformaçãoTema 2 - Atividades                                                         e da Comunicação • O ...
Tema 3A Tecnologia da Informação e a Utilização desuas Ferramentas Computacionais no Apoio àAtuação Profissional do Assiste...
Isso significa que, a despeito da disseminação maciça das TICs no interior das classes sociais, o tipo de comunica- ção, as...
Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação                                                     Tema 3 - Atividades  Ativida...
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Servico social 3a
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Servico social 3a

4.678 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.678
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
91
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Servico social 3a

  1. 1. SSeor cvi i a ç l oCAadad tdeedr i e nv oi s 1
  2. 2. Universidade Anhanguera - Uniderp Centro de Educação a Distância Caderno de Atividades Serviço Social Coordenação do Curso Elisa Cléia Pinheiro Rodrigues Nobre Autores Ana Lucia Américo Antonio Angela Cristina Dias do Rego Catonio Edilene Xavier Rocha Garcia Elisa Cléia Pinheiro Rodrigues Nobre Helenrose A. da S. Pedroso Coelho Luciano Gamez (org.) Ricardo Leite de Albuquerque Yaeko Ozaki
  3. 3. Universidade Anhanguera - Uniderp Centro de Educação a DistânciaChanceler Diretor-AdjuntoAna Maria Costa de Sousa Luciano SathlerReitor Coordenação de Qualidade do MaterialGuilherme Marback Neto DidáticoVice-Reitora Luciano Gamez: Coordenador e organizadorHeloisa Helena Gianotti Pereira da publicaçãoPró-Reitores Barbara Monteiro Gomes de CamposPró-Reitor Administrativo: Antonio Fonseca Bruno Tonhetti Galassede Carvalho Fernanda Bocchi BalthazarPró-Reitor de Extensão, Cultura e Helena OkadaDesporto: Ivo Arcângelo Vendrúsculo Busato Lucia Helena Paula do CantoPró-Reitor de Graduação: Eduardo de Waurie RolãoOliveira Elias IlustraçõesPró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação: Ednei MarxElizabeth Tereza Brunini SbardeliniCENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA ANHANGUERA PUBLICAÇÕESDiretor-Geral Gerente EditorialJosé Manuel Moran Adauto Damásio C129 Caderno de atividades: serviço social / Ana Lucia Américo An- tonio... [et. al.].; Organizador Luciano Gamez; Coordenação do curso Elisa Cléia Pinheiro Rodrigues Nobre. – Valinhos : Anhanguera Publicações, 2011. 288 p. ISBN: 978-85-7969-053-2© 2011 AnhangueraPublicações - Proibidaa reprodução final ou 1. Serviço social. I. Antonio, Ana Lucia Américo. II. Gamez,parcial por qualquer meio Luciano. III. Nobre, Elisa Cléia Pinheiro.de impressão, em formaidêntica, resumida ou CDD - 20.ed. : 370.15modificada em línguaportuguesa ou qualqueroutro idioma. Impressono Brasil 2011
  4. 4. Nossa Missão, Nossos ValoresDesde sua fundação, em 1994, os fundamentos da “Anhanguera Educacional” têm sido o principal motivo doseu crescimento.Buscando permanentemente a inovação e o aprimoramento acadêmico em todas as ações e programas, é umaInstituição de Educação Superior comprometida com a qualidade do ensino, pesquisa de iniciação científica eextensão, que oferecemos.Ela procura adequar suas iniciativas às necessidades do mercado de trabalho e às exigências do mundo em cons-tante transformação.Esse compromisso com a qualidade é evidenciado pelos intensos e constantes investimentos no corpo docentee de funcionários, na infraestrutura, nas bibliotecas, nos laboratórios, nas metodologias e nos Programas Institu-cionais, tais como:• Programa de Iniciação Científica (PIC), que concede bolsas de estudo aos alunos para o desenvolvimento de pesquisa supervisionada pelos nossos professores.• Programa Institucional de Capacitação Docente (PICD), que concede bolsas de estudos para docentes cursa- rem especialização, mestrado e doutorado.• Programa do Livro-Texto (PLT), que propicia aos alunos a aquisição de livros a preços acessíveis, dos melhores autores nacionais e internacionais, indicados pelos professores.• Serviço de Assistência ao Estudante (SAE), que oferece orientação pessoal, psicopedagógica e financeira aos alunos.• Programas de Extensão Comunitária, que desenvolve ações de responsabilidade social, permitindo aos alunos o pleno exercício da cidadania, beneficiando a comunidade no acesso aos bens educacionais e culturais.A fim de manter esse compromisso com a mais perfeita qualidade, a custos acessíveis, a Anhanguera privilegiao preparo dos alunos para que concretizem seus Projetos de Vida e obtenham sucesso no mercado de trabalho.Adota inovadores e modernos sistemas de gestão nas suas instituições. As unidades localizadas em diversos Es-tados do País preservam a missão e difundem os valores da Anhanguera.Atuando também na Educação a Distância, orgulha-se em oferecer ensino superior de qualidade em todo o Terri-tório Nacional, por meio do trabalho desenvolvido pelo Centro de Educação a Distância da Universidade Anhan-guera - Uniderp, nos diversos polos de apoio presencial espalhados por todo o Brasil. Sua metodologia permitea integração dos professores, tutores e coordenadores habilitados na área pedagógica, com a mesma finalidade:aliar os melhores recursos tecnológicos e educacionais, devidamente revisados, atualizados e com conteúdo cadavez mais amplo para o desenvolvimento pessoal e profissional de nossos alunos.A todos, bons estudos! Prof. Antonio Carbonari Netto Presidente - Anhanguera Educacional
  5. 5. Sobre o Caderno de AtividadesCaro(a) Aluno(a),Você está recebendo o Caderno de Atividades, preparado pelos professores do Curso de Graduação em que vocêestá matriculado, com o objetivo de contribuir para a sua aprendizagem. Ele aprofunda os conteúdos disponíveisnas publicações que fazem parte do Programa do Livro-Texto (PLT), trazendo orientações de estudo, destaques,propostas de atividades individuais e em grupo e desafios de aprendizagem a serem realizados.As questões propostas foram elaboradas pelos docentes ou adaptadas de provas públicas já realizadas, inclusi-ve do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE), que tem o objetivo de aferir o rendimento dosalunos dos cursos de graduação em relação a conhecimentos, habilidades e competências, necessários ao seufuturo desempenho profissional. Essa inclusão de perguntas, selecionadas a partir de avaliações ocorridas forado âmbito universitário, colabora na sua preparação para o enfrentamento de situações mais contextualizadas.Você também vai encontrar caminhos para vincular os textos e questões com as teleaulas do seu curso. Issopermite planejar com antecedência seu tempo e dedicação, estudar os temas previamente e se preparar paraaproveitar ao máximo a interação com a equipe docente.Desejamos que você tenha um ótimo semestre letivo. José Manuel Moran e Luciano Sathler Diretoria do Centro de Educação a Distância Universidade Anhanguera - UNIDERP
  6. 6. Autores Ana Lúcia Américo Antonio Graduação: Serviço Social - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - 1999. Especialização: Trabalho Social com Famílias - Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal (UNIDERP) - 2001. Angela Cristina Dias do Rego Catonio Graduação: Letras - Português/Inglês - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - 1996. Especialização: Comunicação Social - Universidade Metodista de São Paulo (UMESP) - 1999. Mestrado: Comunicação Social - Universidade Metodista de São Paulo (UMESP) - 2000. Edilene Xavier Rocha Garcia Graduação: Serviço Social - Faculdades Unidas Católicas de Mato Grosso (FUCMT) - 1988.Especialização: Gestão de Políticas Sociais - Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal (UNIDERP) - 2003. Mestrado: Desenvolvimento Local - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - 2007. Elisa Cléia Pinheiro Rodrigues Nobre Graduação: Serviço Social - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - 1992. Especialização: Políticas Sociais - Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal (UNIDERP) - 2003. Mestrado: Educação - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) - 2007. Helenrose Aparecida da Silva Pedroso Coelho Graduação: Ciências Sociais - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) - 1982. Direito - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - 1992. Psicologia - Universidade para o Desenvolvimento do Estado e Região do Pantanal (UNIDERP) - 2004.Especialização: Gestão Judiciária Estratégica - Centro Federal de Educação Tecnológica de Mato Grosso (CEFET-MT) - 2007. Mestrado: Psicologia Social - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - 2007. Luciano Gamez - Organizador da publicação Graduação: Psicologia - Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação - Universidade de Lisboa (FPCE-UL) - 1992. Mestrado: Engenharia Humana - Universidade do Minho (UMINHO) - 1998. Doutorado: Engenharia de Produção - Área de concentração: Ergonomia - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - 2004. Ricardo Leite de AlbuquerqueGraduação: Licenciatura em Educação Física e Técnica de desporto - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) - 1976. Especialização: Aperfeiçoamento em Informática Aplicada à Educação - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) - 1987. Mestrado: Educação - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) - 1999. Yaeko Ozaki Graduação: Psicologia - Universidade São Francisco (USF) - 1992. Especialização: Administração de Recursos Humanos - Universidade São Judas Tadeu (USJT) - 1993.Mestrado: Clínica Médica - Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (UNI-CAMP) - 2008.
  7. 7. SumárioFamília e Sociedade Tema 1 - Mudanças Estruturais, Política Social e Papel da Família ............................... 15 Tema 2 - Novas Propostas e Dinâmica da Família ........................................................ 22 Tema 3 - Transformações Econômicas e Sociais no Brasil dos Anos 1990 e seu Impacto no Âmbito da Família ............................................................ 28 Tema 4 - A Família, a Criança e o Adolescente ........................................................... 34 Tema 5 - Família - e as Situações Vivenciadas por seus Membros ................................ 41 Tema 6 - Família e Trabalho........................................................................................ 48 Tema 7 - Programas de Atendimento à Família........................................................... 55 Tema 8 - O Assistente Social e o Trabalho com Famílias .............................................. 61Serviço Social na Contemporaneidade Tema 1 - Preleções sobre a Gênese do Serviço Social .................................................. 79 Tema 2 - A Especificidade do Serviço Social ................................................................ 86 Tema 3 - O Serviço Social e as Políticas Sociais ........................................................... 93 Tema 4 - A Natureza Subalterna do Serviço Social .................................................... 100 Tema 5 - O Objeto do Serviço Social ........................................................................ 107 Tema 6 - Particularidades do Serviço Social .............................................................. 114 Tema 7 - Teoria e Prática no Serviço Social ............................................................... 120 Tema 8 - Demandas Profissionais do Serviço Social ................................................... 126
  8. 8. Tecnologias da Informação e da Comunicação Tema 1 - A Relação entre a Tecnologia e a Comunicação ......................................... 142 Tema 2 - O Fenômeno Técnico e suas Particularidades no Âmbito da Comunicação e da Cultura Contemporânea .................................................................... 148 Tema 3 - A Tecnologia da Informação e a Utilização de suas Ferramentas Computacionais no Apoio à Atuação Profissional do Assistente Social ....... 155 Tema 4 - Mídia e Questão Social: o Direito à Informação como Direito Humano ....... 162 Tema 5 - A Indústria Cultural e seus Produtos Midiáticos .......................................... 169 Tema 6 - Configurações Midiáticas da Globalização: Hegemonia e Monopólios ....... 176 Tema 7 - A Blogosfera e as Alternativas à Comunicação Hegemônica ...................... 182 Tema 8 - O Assistente Social na Era das Comunicações ............................................ 189Leitura e Produção de Textos Tema 1 - Leitura, Texto e Sentido ............................................................................. 204 Tema 2 - Texto e Contexto ....................................................................................... 212 Tema 3 - Texto e Intertextualidade ........................................................................... 221 Tema 4 - Coerência Textual: um Princípio de Interpretabilidade ................................ 231Desenvolvimento Pessoal e Profissional Tema 1 - Você no Mundo ........................................................................................ 253 Tema 2 - Você com os Outros .................................................................................. 259 Tema 3 - Você e a Empregabilidade.......................................................................... 267 Tema 4 - Você Conquistando Oportunidades ........................................................... 275
  9. 9. Tecnologias daInformação e daComunicaçãoAutor:Ricardo Leite de Albuquerque
  10. 10. Tecnologias da Informação e da Comunicação Orientações de estudo Este Caderno de Atividades foi elaborado com base no livro “Mídia, Questão Social e Serviço Social”, dos autores: Mione Apolinário Sales, Jefferson Lee de Souza Ruiz (Org.), Editora Cortez, 2009, PLT 269. Ele é composto de oito temas: Tema 1 A Relação entre a Tecnologia e a Comunicação Aborda os conteúdos situados nos capítulos 1 e 2 do PLT. Neles, você observará que a incorporação das Tecno- logias da Informação e da comunicação (TICs) constitui, hoje, o grande desafio a ser enfrentado por profissio- nais, em qualquer área do conhecimento. Principalmente no campo do Serviço Social, o elemento-chave para compreensão da sua função sociopolítica consiste no desvelamento do conceito de “questão social” e suas im- plicações político-ideológicas. Você irá conhecer os fundamentos histórico-políticos da introdução de tecnologias da informação (TIs), no âmbito da sociedade brasileira e internacional. Desenvolverá, assim, massa crítica para a compreensão dos determinantes políticos, econômicos e sociais que engendram a base tecnológica da sociedade. Por fim, no tema 1, você entenderá a aplicabilidade das TIs no cotidiano profissional, qualificando a perspectiva do exercício da Assistência Social. Ainda compreenderá que o pressuposto epistemológico utilizado para a análise da problemática do uso das TIs e das TICs contempla o reconhecimento de que a evolução tecnológica é fator preponderante para o realinhamento da organização social e o incremento do patrimônio simbólico de um país. Tema 2 O Fenômeno Técnico e suas Particularidades no Âmbito da Comunicação e da Cultura Contemporânea Aborda os conteúdos situados nos capítulos 1 e 2, do tópico “Zona interdisciplinar: diálogos tecnocomunicativos” do PLT. Recomenda-se também a leitura do livro de Darcy Ribeiro: “O processo civilizatório: etapas da evolução sociocultural”, como fonte para o corrente tema. Esse é um tema dedicado ao estabelecimento das categorias antropológicas básicas para a compreensão da complexidade das relações sociais. A partir dos capítulos citados e no tema correspondente, no presente Caderno de Atividades, você observará que, em uma perspectiva antropológica, a vida social é produto de um processo histórico. Nesse processo se entrela- çam revoluções tecnológicas e processos civilizatórios, sendo estes os fatores decisivos para o desenvolvimento das sociedades.138 4
  11. 11. Poderá compreender, também, o viés político-ideológico que está subjacente às políticas públicas de telecomuni-cações, sendo estas direcionadas à manutenção das estruturas de poder historicamente instituídas. Isso já define,de antemão, o papel sectário e classista dos órgãos de comunicação tradicionalmente dominantes.Espera-se, com o estudo deste tema 2, que você compreenda a relação existente entre: a) organização social; b)tecnologia, como saber fazer; e c) patrimônio simbólico, como o conjunto das nossas crenças, religiões, filosofias,mitos, ciências, opiniões. Enfim, tudo aquilo que compõe o nosso universo cultural - produto de uma construçãohistórica - e, portanto, transitório e passível de modificações.Tema 3A Tecnologia da Informação e a Utilização de suas Ferramentas Computa-cionais no Apoio à Atuação Profissional do Assistente SocialAborda os conteúdos situados no tópico “Zona de compromisso”, em especial o texto de Kênia Augusta Figuei-redo: “O assistente social na era das comunicações”. Nele, vê-se que o objetivo é “contribuir com as discussõesacerca da intervenção profissional do assistente social na era das comunicações, tendo a mobilização social comoum instrumento de trabalho”. (p. 323)Neste tópico, um assunto requer atenção especial para um aspecto das relações socioeconômicas encontradas nasociedade, que é a “oligopolização” do setor das comunicações. Isso exige do aluno a compreensão de conceitosbásicos e prévios, tais como: cartel, truste, holding, conglomerado, monopsônio, oligopsônio e monopólio.Além dessas categorias socioeconômicas adotadas para a análise da questão social brasileira, o Tema 3 tambémaborda a importância da presença de alguns “componentes” conceituais, presentes no processo de mobilizaçãosocial: comunicação, educação, cultura e organização, sociedade civil e construção da cidadania. Tornam-se,também, “categorias” centrais para subsidiar uma análise social competente da sociedade e da questão social.Tema 4Mídia e Questão Social: o Direito à Informação como Direito HumanoAborda os conteúdos situados na “Zona de abertura” do livro adotado (pp. 33-82), com atenção especial parao texto: “Mídia e questão social: o direito à informação como ética da resistência”, de Mione Apolinário Sales.No tema 4, “uma das questões mais debatidas no contexto das políticas de comunicação é a chamada ‘liberdadede expressão’”. Essa expressão afirma “a necessidade de uma imprensa livre, que possa expressar tudo que lheparece que merece reflexão crítica da sociedade”. (PLT 269)Nesse contexto, o tema em questão “provoca” sérias reflexões do aluno, no sentido de direcionar suas indagaçõese preocupações para a questão da liberdade de expressão. Por isso, o aluno encontrará, no Tema 4, uma profícuadiscussão sobre essa dimensão da liberdade de expressão, que nos leva a indagar: A dimensão dessa liberdadeé absoluta ou relativa? O que significam tais dimensões (absolutas ou relativas)? É possível falar, realmente, emliberdade de imprensa?Trata-se, portanto, de um tema instigante. Esse debate se torna imprescindível no âmbito do Serviço Social, umavez que se está falando do contexto concreto no qual você, futuro profissional da área, deverá se expressar, deforma consciente, sob pena de não compreender a complexidade da organização social, o que inviabilizará a suaatuação no setor. 139
  12. 12. Tema 5 A Indústria Cultural e seus Produtos Midiáticos Aborda os conteúdos situados na “Zona de Compromisso” do livro adotado, com atenção especial para o texto: “Mídia e questão social: o direito à informação como ética da resistência” (pp. 344- 357), de Dianne Figueiredo Arrais. Neste tema, um conteúdo exige atenção especial para alunos e professores: a forma como a mídia, de maneira geral, trata o “produto cultural”, entendendo-o como o porta-voz das suas representações de mundo. Por isso, o conceito de “indústria cultural”, desenvolvido pela “Escola de Frankfurt”, precisa ser absolutamente compreendido para que o aluno possa fazer jus ao seu diploma. Por fim, o tema 5 aborda as estratégias utilizadas pelos meios de comunicação e o comportamento de apresenta- dores e repórteres, como uma forma de ‘despolitização dos fatos’, esse último fruto de uma engenharia fomenta- da, dentre outras razões, pelas necessidades do mercado, sendo, portanto, produtora da disseminação do senso comum da cultura contemporânea. Como você pode verificar, este tema é, provavelmente, dos mais relevantes no contexto das TICs e das políticas públicas de comunicação. Tema 6 Configurações Midiáticas da Globalização: Hegemonia e Monopólios Aborda os conteúdos situados no tópico “Zona de compromisso”, com ênfase ao texto de Cláudia Correia: “De- safios da comunicação para o Serviço Social” (p. 358). Nesse texto, a autora afirma a existência de três instâncias que são imperativos para o melhor exercício da profissão de assistente social. Na busca pelo estabelecimento de parâmetros político-sociais para a área, algumas categorias aparecem como fundamentais para a compreensão do problema e o incremento de qualidade para o exercício da profissão de assistente social. São elas: • Processo de formação acadêmica do profissional de Serviço Social. • Maior ou menor capacidade de articulação entre os setores governamentais. • Instâncias administrativas e afins. “O processo de globalização econômica e o avanço da tecnologia no campo das Comunicações têm imposto a to- dos, comprometidos com esse projeto societário, uma visão crítica da estrutura de poder dominante e de suas es- tratégias de disseminação de valores, que sustentam o autoritarismo, a discriminação e a desigualdade” (p.372). Podemos afirmar que esse é o instigante eixo temático do Tema 6. Tema 7 A Blogosfera e as Alternativas à Comunicação Hegemônica Para este tema de número 7, optamos por fazer uma incursão no campo das alternativas técnicas, políticas e sociais, que nos auxiliem “a vislumbrar alternativas ao controle hegemônico da produção e circulação de informa- ções, tanto no plano nacional como no plano internacional”. (p. 91) Nesse contexto, sobressaem-se os conceitos de blogs e blogosfera, como verdadeiros fenômenos comunicacionais contemporâneos, permitindo aos seus usuários vivenciar experiências midiáticas originais, “no sentido de perce- ber, concretamente, outras possibilidades de veiculação de informações, tanto na forma, como no conteúdo.”140 4
  13. 13. Outro aspecto relevante deste tópico diz respeito à conotação política que adquire o uso de blogs. Estes atuamcomo ferramentas midiáticas de expressão individual - ou grupal - à margem das estruturas dominantes de índoleconservadora e defensora da manutenção das relações sociais estabelecidas nos últimos quinhentos anos, pelomodo de produção capitalista.Trata-se, portanto, de um tema absolutamente desafiador, que exigirá do aluno profunda reflexão sobre suasconcepções de mundo e as representações que povoam o seu universo conceitual.Tema 8O Assistente Social na Era das ComunicaçõesEste último tema compreenderá um processo de revisão conceitual das categorias utilizadas no decorrer dos seteencontros anteriores, de forma a revalidar os assuntos discutidos, constituindo uma espécie de “reforço de apren-dizagem”, realizado por intermédio de uma ferramenta tipicamente informacional: o Frequently Asked Questions(FAQ), ou Perguntas Frequentemente Feitas.Esse recurso permite a sociabilização das dúvidas apresentadas pelos acadêmicos no decorrer da disciplina, o quefavorece a realização de um “nivelamento teórico”, no sentido de disponibilizar, aos participantes desse “Fórum”,os esclarecimentos às suas indagações. Com isso, tornam as respostas verdadeiras produções coletivas.O FAQ é hoje uma ferramenta didático-metodológica bastante utilizada no âmbito empresarial/informacional econstitui excelente ferramenta pedagógica, posto que estabelece um novo parâmetro nos processos de ensino ede aprendizagem, que podemos chamar de “inteligência coletiva”.Como você, caro aluno, pode perceber, trataremos nesses oito encontros de assuntos absolutamente relevantespara a sua formação intelectual e profissional. Esperamos que os conteúdos aqui trabalhados sejam incorporadosao seu universo conceitual e possam auxiliá-lo no exercício competente da sua profissão.ATENÇÃO! As respostas para as atividades deste caderno estão disponíveis no ambiente vir-tual do curso. Consulte seu tutor presencial para mais informações. 141
  14. 14. Tema 1 A Relação Entre a Tecnologia e a Comunicação Objetivos de aprendizagem • Compreender a relevância da incorporação de tecnologias ao processo social, com ênfase nas tecnologias da informação e da comunicação (TICs), no contexto da sociedade contemporânea. • Conhecer os fundamentos histórico-políticos na introdução de tecnologias da informação (TI), no âmbito da sociedade brasileira. • Apreender a aplicabilidade das tecnologias da informação no cotidiano profissional, sob a perspectiva de qualificar o exercício da Assistência Social. Para início de conversa Esse tema dará oportunidade a você de compreender os impactos que as diferentes tecnologias podem causar ao processo social. Em especial, mostrará a influência decisiva que as tecnologias da informação e da comunicação (TICs) exercem sobre o desenvolvimento cultural, profissional e ideológico de diversas populações. Isso irá se alterando na compreensão do mundo em que vivemos. As atividades a serem desenvolvidas neste tema levarão você a refletir sobre mídia e questão social: o direito à informação como ética da resistência e comunicação como direito huma- no. Trata-se de uma temática que aborda o direito humano à comunicação, como elemento de resistência política às injus- tiças do contexto socioeconômico. Por dentro do tema “A comunicação humana é um processo constante, complexo e ativo que se dis- tingue da comunicação animal por seu conteúdo simbólico, isto é, as pessoas são capazes de compreender, interpretar, elaborar e modificar signos e símbolos. A co- municação se dá sempre: é impossível não comunicar. Mesmo quando estamos calados olhando a parede, estamos emitindo uma mensagem”. (GUSMAN, 2006) A comunicação será o eixo norteador dos nossos estudos sobre a mídia, na sociedade contemporânea, isso porque partiremos de um princípio amplamente conhecido na lite- ratura sociológica: a comunicação entre as pessoas de uma comunidade é, na realidade, um conjunto de trocas simbólicas, resultado de um determinado contexto socioeconô- mico, contexto este no qual os papéis sociais e o posicionamento de cada pessoa na escala social são determinantes para configurar o perfil cultural e ideológico do indivíduo, visto na sua singularidade. Esta é a importância essencial para abrirmos os estudos de mídia e sociedade com a temática: “A relação entre a tecnologia e a comunicação”.142 4
  15. 15. Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação Tema 1 - Atividades Atividades ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ INSTRUÇÕES ____________________________________________ Como este tipo de estudo representa, com abso- ____________________________________________ luta certeza, uma área de análise nova para um futuro profissional do Serviço Social, as ativida- des do Tema 1 - “A relação entre a tecnologia e Agora é com você! Responda às questões a a comunicação” - devem ser realizadas, na ínte- seguir para conferir o que aprendeu. gra, de forma individual. É recomendável, porém, a aprendizagem coletiva, por intermédio da leitura e interpreta- ção de textos, debates, seminários ou outras es- tratégias que evidenciem a sua capacidade ex- Questão 1 pressiva, ou seja, as leituras e análises dos textos e os problemas apresentados devem ser realiza- Para esta atividade, você terá disponíveis, dos em pequenos grupos e/ou no grande gru- no Portal, os seguintes textos: “História da po. A resposta das questões, todavia, deve ser comunicação”, de Rodrigo Pereira de Castro produzida individualmente, de modo a exprimir e “Qual seria o significado de cultura?” (Dis- a consciência de mundo do aluno, visto na sua ponível em: <http://www.alunosonline.com.br/ singularidade política, econômica e cultural. filosofia/o-que-e-cultura>. Acesso em: 20 ago. 2010). Mãos à obra!!! A partir da leitura dos dois textos indicados, faça um levantamento sobre os conceitos de “cultura” que existem em nosso meio. Verifique Ponto de partida as definições dos seus colegas e registre, a se- guir, aquela que, na sua concepção, parece ser a definição mais adequada da palavra. Nesta breve introdução, podemos perceber que Sugestões: Procure, na biblioteca da sua insti- os estudos sobre a mídia e a questão social não tuição, dicionários etimológicos de Ciências So- se circunscrevem ao âmbito restrito da tecno- ciais e afins. logia, vista apenas como artefato tecnológico e desprovida de conotações políticas e ideoló- ____________________________________________ gicas. Nesse sentido, abriremos nossos estudos ____________________________________________ com uma indagação de ordem pessoal a você, ____________________________________________ caro aluno, que lhe permita refletir sobre a se- ____________________________________________ guinte temática: ____________________________________________ • Quais são os seus meios regulares de infor- mação? ____________________________________________ • Você acha que as suas fontes de informação ____________________________________________ são fidedignas? Por quê? ____________________________________________ • Você estaria disposto a mudar as suas fon- ____________________________________________ tes de informação, com o objetivo de desvendar ____________________________________________ certas manipulações que a mídia realiza? ____________________________________________ Reflita sobre essas questões e escreva, em um pe- ____________________________________________ queno texto, as suas reflexões sobre o assunto. ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ 143
  16. 16. Tecnologias da InformaçãoTema 1 - Atividades e da Comunicação c) Para o cidadão ateniense, havia um estatuto Questão 2 composto de direitos reconhecidos, que se opunham aos direitos do Estado, muitas ve- zes sobrepujando-o, em nome dos direitos Selecione a afirmação correta. do cidadão. a) Os meios de comunicação de massa exercem d) A concepção de “direitos humanos”, na grande influência sobre as populações pela Antiguidade, refere-se a quaisquer direitos sua inegável capacidade de retratar fielmen- atribuídos aos seres humanos. Difere, por- te os fatos ocorridos. Garantem, assim, uma tanto, da ideia moderna universalista de posição histórica de neutralidade na condu- direitos humanos, eventualmente oponíveis ção da informação. aos interesses do Estado. b) As descobertas realizadas no campo da co- e) A concepção de “direitos humanos” não municação, particularmente nos últimos tem sofrido alterações com o passar dos dois séculos, não alteraram significativa- séculos, mantendo-se inalterada a ideia de mente o conhecimento que a humanidade que quaisquer direitos devem ser considera- detinha sobre suas origens e mesmo sobre dos inerentes à natureza humana, passíveis suas condições atuais. de serem atendidos pelo Estado. c) Os meios de comunicação de massa adqui- rem um papel fundamental para o desenvol- vimento cultural, profissional e ideológico de diversas populações, uma vez que inter- Questão 4 ferem e alteram a compreensão do mundo em que as pessoas vivem. Considerando o impacto causado na moderni- d) O surgimento da imprensa escrita, do rádio, do dade pela Revolução Industrial, indique, entre telefone, da televisão, do cinema, da internet e as seguintes frases, a afirmativa que melhor ca- de outros meios de comunicação está entre os racteriza esse período. fatos que marcaram os séculos XVI e XVII. a) A Revolução Industrial, cujo início e apogeu e) No Brasil, um dos exemplos da influência po- se dão no transcorrer do século XVI, tem sitiva dos meios de comunicação, no sentido como grande característica o desenvolvi- de contribuir para o senso crítico da popula- mento acelerado das navegações mercantis. ção, é dado pelas organizações Globo, parti- b) França, Alemanha e Dinamarca do século cularmente pela Rede Globo de Televisão. XVIII são as grandes representantes da re- volução que iria provocar as maiores trans- formações já realizadas na humanidade: a Questão 3 Revolução Industrial. c) Foi a Inglaterra o país que saiu à frente no processo de Revolução Industrial do século Para esta atividade, você terá disponível, no XVIII. A burguesia inglesa tinha capital su- Portal, o seguinte texto: “Direitos Humanos ficiente para financiar as fábricas, comprar na Antiguidade”. Disponível em: <http://www. matéria-prima, máquinas e contratar empre- dhnet.org.br/direitos/militantes/herkenhoff/ gados. O mercado consumidor inglês tam- livro1/dhmundo/index.html#1>. Acesso em: 30 bém pode ser destacado como importante ago. 2010. Observe o conceito de direitos fator que contribuiu para o tal pioneirismo. humanos contido no texto. Principalmente em d) A Revolução Industrial foi a responsável pelo relação às sociedades antigas, há uma clara intenso e rápido crescimento experimenta- concepção de que: do pelos Estados Unidos, ainda na sua fase a) Os direitos de todos os seres humanos eram de colonização. Isso explica o fato de que, eternos e inalienáveis, garantidos pelo Esta- mesmo sendo colonizado posteriormente do, sob cuja responsabilidade repousava o ao Brasil, o seu desenvolvimento socioeco- cumprimento da justiça. nômico ultrapassou, em muito, as condições b) A ideia de direitos humanos implicava o re- históricas da sociedade brasileira. conhecimento do poder limitado do Estado sobre a vida da população.144
  17. 17. Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação Tema 1 - Atividades e) Graças à Revolução Industrial, o mundo ex- a) Forças produtivas. perimentou um crescimento sem preceden- ____________________________________________ tes na história, sendo o Continente Africano ____________________________________________ o maior beneficiário desse processo de evo- lução sociocultural. ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ Questão 5 ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ Um dos conceitos mais importantes para a aná- ____________________________________________ lise da sociedade moderna, as Relações de Pro- dução são fundamentais para compreendermos ____________________________________________ a complexidade da organização social. Dominar b) Relações de produção. tal conceito, portanto, torna-se condição fun- ____________________________________________ damental para a qualificação da análise. Nesse ____________________________________________ sentido, escolha a alternativa que lhe parece a mais adequada para a correta conceituação de ____________________________________________ Relações de Produção: ____________________________________________ a) As Relações de Produção constituem o con- ____________________________________________ junto de normas que determinam a maior ____________________________________________ capacidade de produção de uma sociedade. ____________________________________________ b) Denominam-se Relações de Produção o con- ____________________________________________ junto das relações que grupos ou classes es- tabelecem entre si no decorrer do processo ____________________________________________ produtivo e que se concretizam por meio da ____________________________________________ atividade econômica (salário, por exemplo). c) Ideologia. c) Relações de Produção são as relações comer- ____________________________________________ ciais que existem entre os países, influindo ____________________________________________ diretamente na condição de superioridade de um país sobre o outro. ____________________________________________ d) O nível de desenvolvimento das forças pro- ____________________________________________ dutivas envolve a força de trabalho e os ____________________________________________ meios de produção existentes, com relevân- ____________________________________________ cia para os instrumentos e a técnica adota- ____________________________________________ da. ____________________________________________ e) Relações de Produção são as relações esta- ____________________________________________ belecidas entre as empresas de um mesmo segmento econômico, com o objetivo de es- ____________________________________________ tabelecer os parâmetros de precificação dos produtos. Questão 7 Questão 6 Com base no texto de Guzmán (2006), responda a atividade abaixo: Procure as palavras, a seguir destacadas, em di- “A comunicação humana é um processo cons- cionários etimológicos de Ciências Sociais e Filo- tante, complexo e ativo que se distingue da sofia, e escreva os significados correspondentes comunicação animal por seu conteúdo simbóli- que lhe parecem mais apropriados. co. Isso significa que as pessoas são capazes de Discuta com o seu professor e verifique a per- compreender, interpretar, elaborar e modificar tinência da sua pesquisa e a aplicabilidade dos signos e símbolos. A comunicação se dá sempre: conceitos estudados. é impossível não comunicar. Mesmo quando es- 145
  18. 18. Tecnologias da InformaçãoTema 1 - Atividades e da Comunicação tamos calados olhando a parede, estamos emi- b) A comunicação humana é um processo cons- tindo uma mensagem”. (GUZMÁN, 2006) tante, complexo e ativo que se distingue da O processo de comunicação está integrado pe- comunicação animal por seu conteúdo sim- los seguintes componentes: emissor, receptor, bólico. Isso significa que as pessoas são capa- mensagem e meio. Escolha as respectivas con- zes de compreender, interpretar, elaborar e ceituações de emissor e receptor que você consi- modificar signos e símbolos. dera corretas (apenas uma opção está correta). c) Diz-se que a comunicação é uma forma de a) Emissor é quem elabora e põe em circulação expressão que, para existir, necessita de, no a mensagem; receptor, quem recebe e inter- mínimo, duas pessoas. preta a mensagem. d) O que difere a comunicação dos seres huma- b) Emissor é quem recebe a informação; recep- nos entre os animais é que aqueles detêm a tor é o suporte físico por meio do qual se fala, o meio por excelência do ato de comu- transmite a mensagem. nicar. c) Emissor é o suporte físico por intermédio do e) Não é possível haver comunicação entre dois qual se dissemina a mensagem; receptor é o elementos que possuem concepções dife- sistema físico que recebe a mensagem, deco- rentes de mundo. difica e propaga por sistemas de comunica- ção. d) Emissor: agente que financia a produção da mensagem; receptor: aparelho sonoro que Questão 10 capta e reproduz a mensagem. e) Emissor é aquele que distribui a mensagem Nos estudos de comunicação, existem as cha- à população; receptor é aquele que recep- madas “bases para a boa comunicação”, que se ciona mensagem e redistribui para locais expressam em alguns princípios, dos quais, cita- mais afastados. mos alguns deles: • Saber ouvir - Demonstre estar apto a ouvir informações, mesmo que desagradáveis, e crí- ticas, procurando vê-las de forma construtiva. Questão 8 Escute, ouça atentamente, demonstrando in- teresse pelo que está sendo apresentado; não interrompa desnecessariamente. Indique, entre as frases a seguir, o conceito cor- reto de “meio”. • Examine o ponto criticado - Seja humilde e examine o ponto criticado para dar crédito às a) É o local exato que se situa entre o emissor e boas ideias e ao trabalho sincero. Ao receber o receptor. críticas, procure extrair os aspectos positivos e b) O meio é o justo equilíbrio entre as duas construtivos. Posteriormente, analise e estabe- partes conflitantes: emissor e receptor. leça procedimentos de ajuste e/ou correções. c) Meio é o suporte físico pelo qual se transmi- • Esclareça suas ideias antes de transmiti-las; te a mensagem. faça com que elas sejam precisas. Analise se es- d) Meio é o suporte eletrônico que dissemina sas ideias estão coerentes com o que se deseja qualquer tipo de mensagem. transmitir. e) Meio é a forma com a qual a comunicação se (Disponível em: <http://www.attender.com.br/ expressa: a língua é o meio. publico/dicas/comun-bases.htm>. Acesso em: 20 ago. 2010). Faça uma busca, na biblioteca do polo, ou em outra disponível, dos “princípios para a boa co- Questão 9 municação” e inclua, à listagem anterior, pelo menos dois que você considera relevantes para Assinale a alternativa correta. acrescentar àqueles que você já conhece. a) A comunicação tem sido utilizada sistemati- camente, no País, para promover a democra- tização da sociedade.146
  19. 19. Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação Tema 1 - Atividades Justifique a sua escolha em um texto com alguns No decorrer dos estudos, a relação entre a tec- exemplos da sua experiência em breve relato. nologia (saber fazer), a organização social (di- ____________________________________________ visão do trabalho) e o patrimônio simbólico (cultura) fica devidamente esclarecida e é um ____________________________________________ elemento teórico fundamental para a compre- ____________________________________________ ensão da complexidade social. ____________________________________________ Tal fundamento, de caráter histórico-antropo- ____________________________________________ lógico, deverá acompanhar você no decorrer ____________________________________________ dos nossos encontros. Espero acompanhar a sua ____________________________________________ vida profissional, no desenvolvimento de massa crítica e competência técnica para o seu sucesso ____________________________________________ na área. ____________________________________________ Bom estudo! ____________________________________________ AMPLIANDO O CONHECIMENTO Anotações Você quer saber mais sobre esse assunto? Então: ____________________________________________ • Consulte o site do Observatório da Imprensa. ____________________________________________ Disponível em: <http://observatoriodaimprensa. com.br>. Acesso em: 20 ago. 2010. Página es- ____________________________________________ truturada com o objetivo de acompanhar ____________________________________________ o comportamento da mídia, realizando ____________________________________________ importante análise crítica sobre os veículos de ____________________________________________ comunicação. Portanto, de acesso público, o “Observatório” permite acompanhar temas ____________________________________________ instigantes que estão presentes na blogosfera ____________________________________________ contemporânea. ____________________________________________ • Consulte o site do HistóriaNet. Disponível ____________________________________________ em: <http://historianet.com.br/home/>. Acesso ____________________________________________ em: 20 ago. 2010. Sem sombra de dúvida, um dos grandes sites para consultas em aspectos ____________________________________________ históricos da formação socioeconômica bra- ____________________________________________ sileira. Especialmente recomendado para ____________________________________________ aqueles que gostam de compreender as raízes ____________________________________________ sociais, econômicas e políticas da sociedade contemporânea. ____________________________________________ • Leia o livro de Marilena Chauí, Convite à ____________________________________________ Filosofia. Disponível em: <http://www.4shared. ____________________________________________ com/document/5vcDrQ7J/Convite__Filosofia_-_ ____________________________________________ Marilena_.htm>. Acesso em: 20 ago. 2010. ____________________________________________ • Consulte o site da EDUCAREDE. Disponível ____________________________________________ em: <http://educarede.org.br/educa/index.cfm>. ____________________________________________ Acesso em: 20 ago. 2010. Leia os artigos rela- cionados às tecnologias da informação e da ____________________________________________ comunicação (TICs). ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ FINALIZANDO ____________________________________________ Nesse tema, você pôde verificar a importância ____________________________________________ de conhecer os fundamentos históricos, políti- cos e econômicos da introdução das tecnologias ____________________________________________ da informação em contextos sociais. ____________________________________________ 147
  20. 20. Tema 2 O Fenômeno Técnico e suas Particularidades no Âmbito da Comunicação e da Cultura Contemporânea Objetivos de aprendizagem • Compreender a relação historicamente estabelecida entre o desenvolvimento de revoluções tecnológicas e seu desdobramento em processos civilizatórios. • Identificar as potencialidades de utilização das tecnologias da informação, em seu viés político-ideológico. Para início de conversa As atividades deste tema exploram o seu entendimento so- bre as revoluções tecnológicas e os processos civilizatórios e as tecnologias da informação: potencialidades contraditó- rias. Faça-as cuidadosamente, pois você aprofundará o seu conhecimento sobre fundamentos antropológicos da socie- dade, o que muito o auxiliará na compreensão do contexto social contemporâneo. Para o desenvolvimento desses estudos, utilizaremos a ex- celente contribuição de Darcy Ribeiro, na obra: “O processo civilizatório: etapas da evolução sociocultural”. São Paulo: Companhia das Letras, 1998. Faça bom proveito! Por dentro do tema Os estudos sobre a sociedade necessitam dos fundamentos disponíveis no arsenal teórico de todas as ciências: as humanas e sociais, em especial. Quando estudamos tecnologias, não podemos nos furtar a entender o desenvolvimento de qualquer forma de tecnologia como uma maneira peculiar de um povo desenvolver sua cul- tura, suas relações socioeconômicas e, principalmente, o seu acervo de conhecimen- tos, expresso sob a forma de ciências, religiões, opiniões, filosofias, crenças, enfim, daquilo que comumente denominamos “cultura”. O Tema de número 2 deste caderno pretende promover a compreensão - funda- mentada na concepção histórico-antropológica - das diferentes formas que as so- ciedades adquiriram ao longo do seu desenvolvimento, como forma de desenvolver, na massa crítica acadêmica, uma representação de tecnologia que extrapole a mera ideia de que “tecnologia é máquina”.148 4
  21. 21. Neste tópico, propõe-se uma concepção de tecnologia que amplie os horizontes cognitivos dos estudantes, le-vando-os a perceber que o conhecimento é a tecnologia básica para o desenvolvimento dos artefatos, máquinase ferramentas utilizadas para as atividades produtivas.Por isso, a importância de compreender a relação historicamente estabelecida entre o desenvolvimento de revo-luções tecnológicas e seu desdobramento em processos civilizatórios, conforme consta nos “Objetivos de apren-dizagem” deste tema.Tais categorias deverão ser assimiladas por você, caro aluno, como suporte teórico imprescindível para a análisedo contexto social em que vivemos.A tecnologia é o próprio conhecimento desenvolvido no ser humano, que eventualmente se expressa sob a formade ferramentas e máquinas para o trabalho, ou o mero lazer descompromissado.No entanto, é preciso consolidar, no plano teórico, a concepção de tecnologia, de maneira que fique teoricamenteexplícita a ideia sobre o assunto.Para uma boa reflexão, pense sobre a sua concepção de tecnologia e o impacto que, de maneira geral, as tecno-logias produzem na sociedade.Discuta com o tutor presencial as suas conclusões e compare-as com as de seus colegas.Boa reflexão!Anotações________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ 149
  22. 22. Tecnologias da InformaçãoTema 2 - Atividades e da Comunicação Atividades ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ INSTRUÇÕES ____________________________________________ O tema que ora iniciamos exige de você atenção ____________________________________________ redobrada, uma vez que se trata de estabelecer ____________________________________________ pelo menos duas categorias essenciais da Antro- pologia histórica: as revoluções tecnológicas e os processos civilizatórios. Agora é com você! Responda às questões a É imprescindível, portanto, que todo o estudo seguir para conferir o que aprendeu. desenvolvido nessa área aconteça de forma a consolidar o conhecimento de alguns termos es- senciais, já citados, e acrescentar possibilidades teóricas de análise da sociedade. Para desenvolver esse tipo de “massa crítica”, os Questão 1 estudos do tema 2 devem ser realizados, quan- do se tratar de leituras de texto, em pequenos Neste tema, trabalharemos com alguns concei- grupos, e de forma individual, quando se tratar tos próprios da abordagem científica, em cam- da elaboração de respostas às situações-proble- pos do conhecimento como a Antropologia, a ma apresentadas. Filosofia e a Sociologia. Por isso, a nossa primei- ra atividade estará direcionada ao domínio de Desse modo, reiteramos o que será uma soli- alguns conceitos básicos, que serão utilizados citação constante, nas nossas aulas: as leituras no decorrer dos nossos encontros. Para reali- devem ser realizadas em grupos e a produção zar essa tarefa, recomendamos a realização de propriamente dita deve ser realizada de forma consultas ao livro de Darcy Ribeiro: “O processo individual. Essa é uma excelente forma para de- civilizatório: etapas da evolução sociocultural”. senvolver a sua capacidade de expressão. Companhia das Letras, 1997. Disponível na bi- Mãos à obra! blioteca do seu polo. a) Pesquise, na obra sugerida e em outras fon- tes (dicionários de Ciências Sociais e Filoso- Ponto de partida fia), os conceitos relacionados à organização social, à tecnologia e ao patrimônio simbóli- co. Antes de iniciarmos o tema em pauta, é impor- ____________________________________________ tante que o tutor presencial conheça a situação ____________________________________________ do grupo, em termos de conhecimentos prévios, de forma que tais informações orientem o pro- ____________________________________________ cesso pedagógico e definam os passos mais acer- ____________________________________________ tados, do ponto de vista didático-pedagógico. ____________________________________________ Para favorecer esse “diagnóstico” realizado ____________________________________________ pelo tutor presencial, escreva, em no mínimo ____________________________________________ dez linhas, sua compreensão sobre o significado de: ____________________________________________ • Revoluções tecnológicas. ____________________________________________ • Processos civilizatórios. ____________________________________________ Depois, compare o que escreveu com o que b) Defina, em um pequeno texto, cada um des- aprendeu na aula e verifique se ocorreu a devi- ses elementos, bem como a influência que da compreensão das categorias trabalhadas. um exerce sobre o outro. Observe que, na perspectiva antropológica histórica, um dos ____________________________________________ elementos é determinante na transforma- ____________________________________________ ção dos outros dois, deflagrando, a partir ____________________________________________150
  23. 23. Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação Tema 2 - Atividades dessa relação, processos civilizatórios. Des- c) Significa prover ao cidadão a possibilidade cubra e cite qual será esse elemento decisivo de exercício da cidadania, por intermédio da no contexto. sua regularização documental. ____________________________________________ d) A organização social, nesse contexto, adqui- ____________________________________________ re a conotação de organização dos setores sociais representados pelos sindicatos. Em ____________________________________________ síntese, representa o estabelecimento da de- ____________________________________________ mocracia representativa, para a defesa dos ____________________________________________ interesses dos trabalhadores. ____________________________________________ e) Quando uma sociedade estabelece as suas ____________________________________________ leis gerais, para o cumprimento por parte de ____________________________________________ todos os cidadãos, indistintamente, ela está organizando a vida social em um contexto ____________________________________________ de legalidade e respeito mútuo. ____________________________________________ Questão 3 Questão 2 Do ponto de vista antropológico, podemos No nosso estudo, o termo “evolução” se refere afirmar que toda e qualquer sociedade, ao lon- ao conjunto de transformações pelas quais pas- go dos tempos, se fundamenta em um tripé, sam (passaram) as sociedades humanas ao lon- composto daquilo que chamamos de impera- go dos tempos, transformações essas que são tivos, que constitui a base antropológica para expressas por uma sucessão de revoluções tec- a formação social. Esse tripé é constituído dos nológicas e processos civilizatórios, por meio da seguintes elementos (escolha a alternativa cor- qual a maioria dos homens passa de uma condi- reta): ção generalizada de caçadores e coletores para a) Poder, tecnologia e recursos financeiros. diversos modos de prover a subsistência, de or- b) Poderio bélico, relações internacionais e po- ganizar a vida social e de explicar suas próprias sicionamento político. experiências. (RIBEIRO, 1997, pp. 39-49) c) Domínio da tecnologia (saber fazer), divisão São esses diferentes modos de prover a subsis- do trabalho (organização social) e patrimô- tência, de organizar a vida social e de explicar nio simbólico. suas próprias experiências que comporão, como uma base sólida, as relações socioculturais den- d) Domínio da tecnologia, domínio em arma- tro dos grupos e entre grupos distintos, em um mentos e domínio econômico. município, em um Estado ou entre países. Consi- e) Saber negociar, saber contribuir, democrati- derando o exposto, como podemos interpretar zar as relações internas e externas e promo- o termo: “organizar a vida social”? Escolha a al- ver a distribuição de renda. ternativa correta. a) O termo se refere à distribuição de funções dentro do grupo, o que poderíamos chamar também de divisão do trabalho ou, ainda, Questão 4 uma forma específica de organização inter- na entre os seus membros, “bem como das Leia as afirmações a seguir: suas relações com outras sociedades”. “A propagação de uma invenção original ou b) Organizar a vida social significa definir os inovação (conhecimento, artefato, máquina) padrões de comportamento que são acei- sobre diversos contextos socioculturais (ambien- táveis para a convivência em grupo. Daí, a tes, povos, países) e sua aplicação a diferentes existência de líderes comunitários que cum- setores produtivos [...]” e “O resultado (dinâmi- prem esse papel de “normatizadores” da co) das transformações ocorridas a partir da in- vida social. trodução de novas tecnologias no grupo social, o que vai provocar alterações na forma de orga- 151
  24. 24. Tecnologias da InformaçãoTema 2 - Atividades e da Comunicação nização social desse grupo e, consequentemen- a) ( ) A expressão “era tecnológica” refere-se te, no seu conhecimento, suas crenças e valores a toda e qualquer época da história, desde (patrimônio simbólico)”. que homens e mulheres se constituíram em As frases correspondem, respectivamente, aos seres capazes de elaborar projetos e de rea- conceitos de (escolha a alternativa correta): lizar os objetos ou as ações que os concreti- zam. a) Revolução agrícola e revolução mercantil. b) ( ) A sua conceituação oscila entre limitá-la b) Revolução do regadio e revolução termonu- às atividades desenvolvidas pelos recursos da clear. informática, ou ainda, compreendê-la como c) Liberalismo e neoliberalismo. a aplicação de seus diferentes ramos na gera- d) Revoluções tecnológicas e processos civiliza- ção, processamento e difusão de informações. tórios. c) ( ) A expressão “Tecnologia da Informação” e) Revolução cultural e cultura de massa. refere-se, exclusivamente às mais recentes tecnologias informacionais que impulsiona- ram as comunicações, no processo de globa- lização da economia. Questão 5 d) ( ) Vista sob a perspectiva histórica, a expres- são “Tecnologia da Informação” não pode No Livro-Texto, “Mídia, Questão Social e Servi- ser aplicada a períodos anteriores à socieda- ço Social” (pp. 174-194), Renato Veloso aborda de contemporânea, por se tratar de um fato com bastante propriedade a definição de Tec- tecnológico absolutamente recente. nologia da Informação, bem como alerta para o e) ( ) A definição de TI remete ao conjunto de fenômeno da convergência tecnológica, como dispositivos, serviços e conhecimentos rela- possibilidades que se apresentam ao profissio- cionados a uma determinada infraestrutura nal da Assistência Social para criação de novas composta de computadores, software, siste- práticas sociais, “seja para a acumulação, seja mas de rede e outros. para a emancipação dos indivíduos”. (p. 178) Leia o texto e faça um resumo de dez linhas, explicitando em que consiste a contradição res- saltada, pelo autor, no texto. Questão 7 ____________________________________________ ____________________________________________ Leia atentamente o texto disponibilizado no ____________________________________________ Portal: “Cresce o acesso às TICs, mas ainda é ____________________________________________ grande o desafio de democratizá-las a todos os brasileiros”, elaborado pelo Comitê Gestor de ____________________________________________ Informática, sobre o acesso da população brasi- ____________________________________________ leira às Tecnologias da Informação e da Comu- ____________________________________________ nicação (TICs). A seguir apresente, por escrito, a ____________________________________________ sua posição política sobre o assunto e descreva a sua proposta para aumentar (ou não) o acesso ____________________________________________ das pessoas às tais tecnologias. ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ Questão 6 ____________________________________________ ____________________________________________ Ainda tomando como referência o texto ante- ____________________________________________ rior, no que se refere à conceituação dos termos ____________________________________________ “tecnologia” e “Tecnologia da Informação (TI)”, ____________________________________________ marque as alternativas como verdadeiras (V) e falsas (F), em relação ao conceito de “Tecnolo- ____________________________________________ gia da Informação”. ____________________________________________152
  25. 25. Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação Tema 2 - Atividades ____________________________________________ Questão 8 ____________________________________________ ____________________________________________ Considere o que você trabalhou sobre o con- ____________________________________________ ceito de “patrimônio simbólico”. (Tema 1) Sa- bendo que ele está relacionado à construção da nossa subjetividade, da nossa consciência, esco- lha, a seguir, a alternativa que lhe parece a mais Questão 10 adequada para sintetizarmos a relação entre o patrimônio simbólico e a inserção de tecnolo- Ainda sobre a questão da informação na socie- gias no ambiente de produção. dade contemporânea, indique, entre parênte- a) À introdução de uma nova tecnologia em ses, se são verdadeiras (V) ou falsas (F) as seguin- um ambiente de produção (trabalho) cor- tes afirmativas: responde uma situação de inércia, no que se a) ( ) No Brasil, os meios de comunicação, em refere ao patrimônio simbólico das pessoas especial a televisão, são concessões de ser- envolvidas naquele contexto. viço público, sujeitando-se, portanto, às de- b) À introdução de uma nova tecnologia em cisões do Poder Público (Governo) para seu um ambiente de produção (trabalho), cor- funcionamento. responde uma situação de transformação, b) ( ) Os meios de comunicação, no Brasil, são no que se refere ao patrimônio simbólico distribuídos, observando-se as leis da oferta das pessoas envolvidas naquele contexto. e da procura, o que explica o relativo equilí- c) Não há uma relação direta entre o patrimô- brio nacional, no que se refere à proprieda- nio simbólico e a introdução de novas tec- de das empresas. nologias, posto que a cultura independe da c) ( ) No Brasil, um restrito grupo de proprie- máquina. tários que controlam os principais meios de d) Na relação: organização social, tecnologia e comunicação não nutre a menor vontade patrimônio simbólico, a organização social política de efetuar qualquer mudança nas é que promove todas as transformações so- atuais regras do jogo. ciais necessárias ao desenvolvimento. d) ( ) Os proprietários dos meios de comunica- e) A tecnologia está sempre atrelada ao desen- ção do País participam ativamente das dis- volvimento do patrimônio simbólico. cussões sobre modificações que precisam ser efetivadas para a democratização do acesso à comunicação, em âmbito nacional. Questão 9 e) ( ) A utilização da internet e o crescimento do uso dos blogs representam um novo mo- mento das comunicações brasileiras e mun- Reflita sobre a questão do impacto causado pe- diais, o que significa uma nova configuração las tecnologias da comunicação na sociedade e de redes de comunicação no País. responda à seguinte indagação: como proceder, na sociedade contemporânea, para superar a marginalização de um imenso número de pes- AMPLIANDO O CONHECIMENTO soas que não têm acesso às TICs? Escreva um Você quer saber mais sobre esse assunto? Então, texto curto, a partir também da sua experiên- consulte: cia, e apresente-o em classe aos seus colegas, em horário a ser definido pelo tutor presencial. • O site da Arqueologia Digital. Disponível em: <http://arqueologiadigital.com/>. Acesso em: ____________________________________________ 20 ago. 2010. Excelente site de pesquisa, com ____________________________________________ ênfase nos estudos arqueológicos, o “Arqueo- ____________________________________________ logia Digital” é uma rede social que congrega ____________________________________________ pesquisadores da área e afins. Vale a pena uma consulta. ____________________________________________ ____________________________________________ 153
  26. 26. Tecnologias da InformaçãoTema 2 - Atividades e da Comunicação • O site da Terra Networks Brasil S.A. Disponível ____________________________________________ em: <http://tecnologia.terra.com.br/>. Acesso em: ____________________________________________ 20 ago. 2010. Esta página apresenta notícias ____________________________________________ e curiosidades sobre o uso das Tecnologias da Informação e da comunicação. Pelo fato de ____________________________________________ trazer informações generalizadas sobre as TICs, ____________________________________________ pode ser uma prazerosa fonte de consulta para ____________________________________________ o enriquecimento de conhecimentos gerais na ____________________________________________ área. ____________________________________________ ____________________________________________ FINALIZANDO ____________________________________________ Nesse tema 2, você, caro aluno, deve ter per- ____________________________________________ cebido a relação absoluta que existe entre a ____________________________________________ eclosão de uma “revolução tecnológica” e o seu ____________________________________________ correspondente “processo civilizatório”. Deve ____________________________________________ também ter compreendido a supremacia que a tecnologia exerce sobre a organização social ____________________________________________ e o patrimônio simbólico de um povo. Isto sig- ____________________________________________ nifica que a partir da introdução de uma nova ____________________________________________ tecnologia em um contexto social, esse fato de- ____________________________________________ sencadeia reações significativas no grupo social, tanto no que se refere à necessidade de novas ____________________________________________ demandas produzidas (trabalho, organização ____________________________________________ social), como no que diz respeito às modifica- ____________________________________________ ções ocorridas no plano cultural, de representa- ____________________________________________ ção do mundo. ____________________________________________ Pela pertinência do assunto, o Tema número 2 é especialmente relevante para nossos estudos. ____________________________________________ Bom trabalho! ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ Anotações ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________ ____________________________________________154
  27. 27. Tema 3A Tecnologia da Informação e a Utilização desuas Ferramentas Computacionais no Apoio àAtuação Profissional do Assistente SocialObjetivos de aprendizagem• Compreender como as Tecnologias da Informação e Comunicação podem contribuir para a atuação do pro- fissional de Assistência Social.• Verificar os parâmetros teórico-conceituais para a compreensão das possibilidades de mobilização social, no âmbito das Tecnologias da Informação e da Comunicação.Para início de conversaO conteúdo deste tema se divide em três tópicos de estu-do, distribuídos da seguinte forma: “Por dentro das comu-nicações”, “Serviço Social e os desafios das comunicações”e “Sobre a mobilização social”. Os três tópicos, integrados,permitirão uma visão abrangente das relações entre as comu-nicações, em todas as suas modalidades de aplicação, e suaspossibilidades e limites no contexto da mobilização social. Es-peramos que, ao final deste capítulo, você tenha apreendido,conceitualmente, os pressupostos teóricos e práticos da açãodo assistente social, no que se refere à sua intervenção na“questão social”, de maneira efetiva e tecnicamente orga-nizada.Por dentro do temaO nosso primeiro objetivo, “compreender como as Tecnologias da Informação e Co-municação podem contribuir para a atuação do profissional de Assistência Social”,exige uma reflexão profunda sobre a utilização ideológica dos meios de comunica-ção no Brasil e no mundo, para além da mera compreensão técnica do que sejamTecnologias da Informação e da Comunicação, suas respectivas classificações ououtras formas tecnocráticas de estudá-las.A sociedade contemporânea tem, entre várias características de cunho político ecultural, uma que é reconhecidamente marcante: vivemos em um contexto que seapropria, de forma intensa e crescente, das Tecnologias da Informação e da Comu-nicação (TICs). Evidentemente, tal apropriação é revestida, no seu caráter político,de estratégias ideológicas de manutenção das estruturas de poder. 155
  28. 28. Isso significa que, a despeito da disseminação maciça das TICs no interior das classes sociais, o tipo de comunica- ção, as informações, as notícias, enfim, a representação de mundo que é veiculada pelos mais variados suportes tecnológicos (televisão, celular, redes computacionais e outros), é oriunda de centros políticos decisórios, no que se refere às relações político-econômicas internacionais, sediados em alguns poucos países desenvolvidos. Para se ter uma ideia, ainda que breve, da dimensão desta problemática, é interessante observar algumas infor- mações divulgadas por Robert McChesney1, na sua abordagem sobre a mídia: • “o mercado global é dominado por uma primeira camada de cerca de dez imensos conglomerados... Eles têm ações em diversos setores da mídia e operam em todos os lugares do mundo. Existe uma segunda ca- mada, onde estão cerca de quarenta empresas de mídia que giram em torno do sistema global. A maioria dessas firmas provêm da Europa Ocidental ou da América do Norte, mas algumas são da Ásia e da América Latina”. [...] • “A humanidade fica refém desses monopólios, com receitas entre US$ 8 bilhões e US$ 40 bilhões, que de- fendem, de forma escancarada ou enrustida, os interesses das corporações capitalistas e das potências impe- rialistas. Relatório recente de uma Comissão Especial da ONU adverte que 85% das notícias que circulam no planeta são geradas nos EUA”. “Pensemos na CNN, que distribui, por satélites e cabos, a partir da matriz em Atlanta, notícias, 24 horas por dia, para 240 milhões de lares em 200 países e mais 86 milhões nos Estados Unidos, além de 890 mil quartos de hotéis conveniados. O mundo em tempo real, exibido para 1 bilhão de telespectadores”. Esta “estrutura” midiática globalizada possui uma clara dimensão político-ideológica: construir, no inconsciente coletivo dos indivíduos, o consenso favorável ao modelo socioeconômico vigente, conhecido por Neoliberalismo. Compreender a complexidade dessa “estrutura de poder” é o elemento fundamental do nosso segundo objetivo: “estabelecer parâmetros teórico-conceituais para a compreensão das possibilidades de mobilização social, no âmbito das tecnologias da informação e da comunicação” Desvelar esta realidade é papel do assistente social, bem como buscar instrumentos para a sua superação. Anotações _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________ 1 McChesney é o autor de vários livros sobre mídia e política, professor de comunicação da Universidade de Illinois em Urbana - Champaign, apresentador do talk show semanal, Media Matters , em Vontade de Rádio-AM, e cofundador da organização de reforma de mídia Free Press. (Extraído de: http://www.robertmcchesney.com/)156 4
  29. 29. Tecnologias da Informaçãoe da Comunicação Tema 3 - Atividades Atividades pedagógico e definam os passos mais acertados, do ponto de vista didático-pedagógico. Para favorecer esse “diagnóstico” realizado pelo tutor presencial, escreva, em no mínimo INSTRUÇÕES dez linhas, a sua compreensão sobre o signifi- cado de: O desenvolvimento dessa temática deve ser as- - Mídia sociado a um processo de busca/pesquisa nos meios digitais ou outros disponíveis, no senti- - Multimídia do de que sejam identificados, claramente, os Depois, compare o que escreveu com o que veículos de comunicação que monopolizam a aprendeu na aula e verifique se ocorreu a devi- informação no País, porém, que se identifique da compreensão das categorias trabalhadas em também, a existência de propostas alternativas sala. existentes, cujo papel de contra-hegemonia as ____________________________________________ torna fundamental para o processo de transfor- ____________________________________________ mação social. ____________________________________________ É muito importante para esse bloco, portanto, que você desenvolva um trabalho individual ____________________________________________ de busca de informações, principalmente utili- ____________________________________________ zando os recursos da web (internet). Necessá- ____________________________________________ rio tentar classificar, pelas leituras realizadas, os ____________________________________________ tipos de veículos de comunicação (jornais, re- ____________________________________________ vistas, rádios, televisões) que se enquadram na perspectiva de manutenção das estruturas de ____________________________________________ poder, ou aqueles que procuram alternativas à ____________________________________________ hegemonia dos conglomerados midiáticos. Esse exercício será fundamental para a produ- ção das últimas aulas dessa disciplina. Agora é com você! Responda às questões a Um lembrete: é importante que esse tipo de seguir para conferir o que aprendeu. busca não seja realizado apenas uma vez, com o caráter de apenas responder a uma demanda do professor. Verifique e acompanhe o compor- tamento dos veículos investigados. Cadastre- Questão 1 se nos sites e blogs, torne-se um “seguidor”, acesse-os periodicamente, crie uma “cultura” Para a temática central desta atividade - “O de leitura sistemática, verifique a forma com Assistente Social na Era das Comunicações”-, o que a mesma informação é tratada em veícu- conceito de MULTIMÍDIA é essencial, posto que, los diferentes, perceba o sentido ideológico das no contexto da globalização da economia, as interpretações das notícias. Enfim, circule pela tecnologias assumem o papel de “[...] simulta- blogosfera. neamente, causa e efeito da mundialização do Será, no mínimo, instigante e enriquecedor. capital. As indústrias da comunicação expres- Lembre-se do que disse o poeta (Fernando Pes- sam não só o imaginário deste movimento, con- soa): “Navegar é preciso”. trolando seus significados, como, também, co- Mãos à obra!!! laboram para sua organização” (Kênia Augusto Figueiredo, p. 324 do Livro-Texto adotado). Indique, entre as frases a seguir, a que expressa, corretamente, o conceito de multimídia. Ponto de partida a) Como o próprio nome indica, multimídia refere-se às possibilidades de expansão das Antes de iniciarmos o tema em pauta, é impor- comunicações, pelo veículo símbolo da mí- tante que o tutor presencial saiba a situação do dia internacional: a televisão. grupo em termos de conhecimentos prévios, de modo que tais informações orientem o processo 157

×