SlideShare uma empresa Scribd logo

Natura 2

1 de 8
Baixar para ler offline
Análises
 Ciclo Operacional
 Estrutura de Capitais
 Previsão de Falência
 Efeito Tesoura
 Índices


 Ciclo Operacional
 Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA
                     Descrição                2003       2004         2005      2006      2007
Clientes                                         36.72        36.65    34.84     34.36     45.15
Estoques                                          0.07         0.24      0.1      2.76      2.58
Creditos Operacionais                                0            0        0         0         0
Adiantamentos a Fornecedores                       0.7          0.6        0         0         0
Impostos a recuperar                               2.3         2.23     0.06      0.15      0.18
A) Aplicações de recursos oper.em dias           39.79        39.72       35     37.27     47.91
Fornecedores                                       4.6        15.95     4.38       4.7      3.81
Impostos                                         10.14         7.73     8.69      7.76      7.51
Salarios                                          4.26         4.14        0         0         0
Debitos Operacionais                              1.76         0.67     24.8     20.82     21.05
Adiantamentos a Clientes
B) Origens de Recursos Operacionais em               0            0        0         0         0
Dias                                             20.76        28.49    37.87     33.28     32.37
Ciclo Operacional em Dias                        19.03        11.23    -2.87      3.99     15.54
Ciclo Operacional Ajustado                          19           11       -3         4        16




 Estrutura de Capitais
 Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA Fechar em reais
                     Descrição                 2003      2004         2005      2006      2007
Vendas Mensais (VM)                            153341        204825   260622    310989    340280
Capital de Giro (CDG)                           -57012        74762    50765     -65517      -699
Necessidade Capital de Giro(NCG)                97179         76673    -25047    41382    176248
Tesouraria                                     -154191        -1911    74006    -110118   -182348
Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA


Fechar

         VM - Vendas Mensais             CDG - Capital de Giro   NCG - Necessidade Capital de Giro
Índices
 Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA   Endivida Imobilizaç Lucrativid Dinâmico
Liquidez                                     mento    ão         ade        s

                     Conta                     2003       2004        2005       2006      2007
Capital Circulante Liquido (CCL) em R$          -57012     74762       48959      -68736     -6100
Liquidez Corrente                                 0.83        1.2        1.09       0.89      0.99
Liquidez Seca                                     0.83        1.2        1.09       0.85      0.95
Liquidez Geral                                    0.58       1.12        0.98       0.87      0.87




                                             Endivida Imobilizaç Lucrativid Dinâmico
Liquidez                                     mento    ão         ade        s

                    Conta                      2003       2004        2005       2006      2007
Endividamento Geral                              81.01      49.53       55.18      51.31     56.06
Financiamento curto prazo/Vendas
Exigivel a longo prazo/PL                       157.29       13.77      15.39       8.14      24.2


                                             Endivida Imobilizaç Lucrativid Dinâmico
Liquidez                                     mento    ão         ade        s

                    Conta                      2003       2004        2005       2006      2007
Imobilização do Patrimônio liquido                35.7     113.04       97.88      88.29     85.42
Imobilização do Recursos a longo prazo          108.86      77.76       88.54     104.74     94.25


                                             Endividam Imobilizaçã Lucrativida
Liquidez                                     ento      o           de          Dinâmicos


                      Conta                    2003        2004       2005       2006      2007
Margem Bruta                                      41.64      44.96      46.25      46.46     47.42
Margem Operacional                                11.54       15.6      16.42      15.55     14.26
Margem Liquida                             3.54      12.22      12.71      12.58      11.27
Retorno sobre o Ativo Total               10.09      34.66      34.03      35.17      29.55
Retorno sobre o patrimônio liquido        53.14      68.67      75.94      72.23      67.25




                                     Endividam Imobilizaçã Lucrativida
Liquidez                             ento      o           de          Dinâmicos


                      Conta            2003        2004       2005       2006       2007
NCG/Vendas Mensais                         0.63       0.37        -0.1      0.13       0.52
Tesouraria(T)/Vendas Mensais              -1.01      -0.01       0.28       -0.35     -0.54




 Fechar
Em Dias
2008      2009
 33.71      32.5
  4.74      7.39
     0         0
     0      0.29
  3.61      7.35
 42.06     47.53
  4.03     21.36
  5.06     14.94
     0      4.45
 25.78       2.5
     0         0
 34.87     43.25
  7.19      4.28
     7         4




2008      2009
381322    382764
 -35695   -136112
 91443     54667
-134158   -190779
pital de Giro
Anúncio

Recomendados

Atps estrutura e análise demonstrações financeiras etapa 3
Atps estrutura e análise demonstrações financeiras   etapa 3Atps estrutura e análise demonstrações financeiras   etapa 3
Atps estrutura e análise demonstrações financeiras etapa 3andregmoficial
 
Atps estrutura e análise das demonstrações financeiras
Atps   estrutura e análise das demonstrações financeirasAtps   estrutura e análise das demonstrações financeiras
Atps estrutura e análise das demonstrações financeirasMai Reginato
 
Atps estrutura e análise da demonstrações financeiras padrão abnt
Atps estrutura e análise da demonstrações financeiras   padrão abntAtps estrutura e análise da demonstrações financeiras   padrão abnt
Atps estrutura e análise da demonstrações financeiras padrão abntRobson Silva
 
Atps estrutura e analise das demonstrações financeiras
Atps estrutura e analise das demonstrações financeirasAtps estrutura e analise das demonstrações financeiras
Atps estrutura e analise das demonstrações financeirasBruna Eugênio
 
Exercicio análise
Exercicio análiseExercicio análise
Exercicio análisevaniasiquei
 
Analise demonstracoes financeira_aula04
Analise demonstracoes financeira_aula04Analise demonstracoes financeira_aula04
Analise demonstracoes financeira_aula04contacontabil
 
Financas demonstracoes financeira natura 2008
Financas demonstracoes financeira natura 2008Financas demonstracoes financeira natura 2008
Financas demonstracoes financeira natura 2008controladoriacontab
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Demonstrações financeiras anuais completas
Demonstrações financeiras anuais completasDemonstrações financeiras anuais completas
Demonstrações financeiras anuais completasJorge Meline
 
Analise demonstracoes contabeis dcs
Analise demonstracoes contabeis dcsAnalise demonstracoes contabeis dcs
Analise demonstracoes contabeis dcsapostilacontabil
 
Apresentação dos Resultados do 1T07
Apresentação dos Resultados do 1T07Apresentação dos Resultados do 1T07
Apresentação dos Resultados do 1T07Celesc
 
Análise econômico financeira - cocamar
Análise econômico financeira  - cocamarAnálise econômico financeira  - cocamar
Análise econômico financeira - cocamarRogerio Souza
 
Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015
Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015
Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015Capebe Cooperativa
 
Balanço da Abril
Balanço da AbrilBalanço da Abril
Balanço da AbrilLuis Nassif
 
Apresentação dos Resultados do 1T10
Apresentação dos Resultados do 1T10Apresentação dos Resultados do 1T10
Apresentação dos Resultados do 1T10Celesc
 
Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...
Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...
Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...CG - Choque de Gestao
 
2011 03-28 cteep-apresentacao_4_t10
2011 03-28 cteep-apresentacao_4_t102011 03-28 cteep-apresentacao_4_t10
2011 03-28 cteep-apresentacao_4_t10Cteep_ri
 
1Q06 Results Presentation
1Q06 Results Presentation 1Q06 Results Presentation
1Q06 Results Presentation RiRossi
 
Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010
Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010
Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010Petrobras
 
Balanço sintético 2012
Balanço sintético 2012Balanço sintético 2012
Balanço sintético 2012Paraná Banco
 
Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007
Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007
Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007Banco ABC Brasil
 
Indicadores financeiros balanço ripasa
Indicadores financeiros   balanço ripasaIndicadores financeiros   balanço ripasa
Indicadores financeiros balanço ripasaprofessoredmilson
 
Brph apresentação call 3 t13 (pt)
Brph apresentação call 3 t13 (pt)Brph apresentação call 3 t13 (pt)
Brph apresentação call 3 t13 (pt)brpharma
 
Parte final pa
Parte final paParte final pa
Parte final pabobrafa
 

Mais procurados (17)

Demonstrações financeiras anuais completas
Demonstrações financeiras anuais completasDemonstrações financeiras anuais completas
Demonstrações financeiras anuais completas
 
Analise demonstracoes contabeis dcs
Analise demonstracoes contabeis dcsAnalise demonstracoes contabeis dcs
Analise demonstracoes contabeis dcs
 
Apresentação dos Resultados do 1T07
Apresentação dos Resultados do 1T07Apresentação dos Resultados do 1T07
Apresentação dos Resultados do 1T07
 
Análise econômico financeira - cocamar
Análise econômico financeira  - cocamarAnálise econômico financeira  - cocamar
Análise econômico financeira - cocamar
 
Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015
Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015
Demonstrações Financeiras em 31 de dezembro de 2015
 
Balanço da Abril
Balanço da AbrilBalanço da Abril
Balanço da Abril
 
Apresentação dos Resultados do 1T10
Apresentação dos Resultados do 1T10Apresentação dos Resultados do 1T10
Apresentação dos Resultados do 1T10
 
Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...
Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...
Estudo de viabilidade economica escola particular com concessão de bolsas e d...
 
Exerc pract irc 2008
Exerc pract irc 2008Exerc pract irc 2008
Exerc pract irc 2008
 
2011 03-28 cteep-apresentacao_4_t10
2011 03-28 cteep-apresentacao_4_t102011 03-28 cteep-apresentacao_4_t10
2011 03-28 cteep-apresentacao_4_t10
 
1Q06 Results Presentation
1Q06 Results Presentation 1Q06 Results Presentation
1Q06 Results Presentation
 
Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010
Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010
Análise Financeira e Demonstrações Contábeis 2010
 
Balanço sintético 2012
Balanço sintético 2012Balanço sintético 2012
Balanço sintético 2012
 
Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007
Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007
Banco ABC - Apresentação dos Resultados do 4º Trimestre de 2007
 
Indicadores financeiros balanço ripasa
Indicadores financeiros   balanço ripasaIndicadores financeiros   balanço ripasa
Indicadores financeiros balanço ripasa
 
Brph apresentação call 3 t13 (pt)
Brph apresentação call 3 t13 (pt)Brph apresentação call 3 t13 (pt)
Brph apresentação call 3 t13 (pt)
 
Parte final pa
Parte final paParte final pa
Parte final pa
 

Destaque

Destaque (14)

Visa - Instrumentos de Análise
Visa - Instrumentos de AnáliseVisa - Instrumentos de Análise
Visa - Instrumentos de Análise
 
Analise ergonomica-perfumaria-e-cosmeticos
Analise ergonomica-perfumaria-e-cosmeticosAnalise ergonomica-perfumaria-e-cosmeticos
Analise ergonomica-perfumaria-e-cosmeticos
 
analise instrumental
analise  instrumentalanalise  instrumental
analise instrumental
 
Aula Apresentação de Informática Instrumental - Prof. Rogerio P. C do Nascimento
Aula Apresentação de Informática Instrumental - Prof. Rogerio P. C do NascimentoAula Apresentação de Informática Instrumental - Prof. Rogerio P. C do Nascimento
Aula Apresentação de Informática Instrumental - Prof. Rogerio P. C do Nascimento
 
Quimica instrumental
Quimica instrumentalQuimica instrumental
Quimica instrumental
 
Ana nery indústria de cosméticos e cuidados de higiene
Ana nery   indústria de cosméticos e cuidados de higieneAna nery   indústria de cosméticos e cuidados de higiene
Ana nery indústria de cosméticos e cuidados de higiene
 
Quimica dos cosmeticos
Quimica dos cosmeticosQuimica dos cosmeticos
Quimica dos cosmeticos
 
Análise instrumental aula1 introducao
Análise instrumental   aula1 introducaoAnálise instrumental   aula1 introducao
Análise instrumental aula1 introducao
 
Analise instrumental
Analise instrumentalAnalise instrumental
Analise instrumental
 
Aula métodos de identificação
Aula  métodos de identificaçãoAula  métodos de identificação
Aula métodos de identificação
 
Métodos Instrumentais de Análise
Métodos Instrumentais de AnáliseMétodos Instrumentais de Análise
Métodos Instrumentais de Análise
 
Metodos de analises
Metodos de analisesMetodos de analises
Metodos de analises
 
Cosméticos
CosméticosCosméticos
Cosméticos
 
Isomeria
IsomeriaIsomeria
Isomeria
 

Semelhante a Natura 2

Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaAnexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaguestf90a779
 
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaAnexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaPortalCabo
 
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaAnexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaguestf90a779
 
Relatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla Energia
Relatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla EnergiaRelatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla Energia
Relatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla EnergiaAmpla Energia S.A.
 
Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11Cteep
 
Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11Cteep
 
Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008
Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008
Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008Endesa Brasil
 
Apresentacao port 1_t12
Apresentacao port 1_t12Apresentacao port 1_t12
Apresentacao port 1_t12locamerica
 
Apresentação 1T12 | Locamerica
Apresentação 1T12 | LocamericaApresentação 1T12 | Locamerica
Apresentação 1T12 | Locamericalocamerica
 
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)ideiasnet
 
Apresentação 3T 2011 (portugues)
Apresentação 3T 2011 (portugues)Apresentação 3T 2011 (portugues)
Apresentação 3T 2011 (portugues)ideiasnet
 
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)ideiasnet
 

Semelhante a Natura 2 (20)

Abamec resultados do 4 t02
Abamec   resultados do 4 t02Abamec   resultados do 4 t02
Abamec resultados do 4 t02
 
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaAnexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
 
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaAnexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
 
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuidaAnexo Iii   Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
Anexo Iii Demonstrativo Da Receita Corrente LíQuida
 
Apimec – resultados do 4 t08
Apimec – resultados do 4 t08Apimec – resultados do 4 t08
Apimec – resultados do 4 t08
 
Apimec – resultados do 4 t08
Apimec – resultados do 4 t08Apimec – resultados do 4 t08
Apimec – resultados do 4 t08
 
Relatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla Energia
Relatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla EnergiaRelatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla Energia
Relatório Anual de Sustentabilidade 2010 - Ampla Energia
 
Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11
 
Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11Cteep apresentacao 2_t11
Cteep apresentacao 2_t11
 
Relatório Anual 2009
Relatório Anual 2009Relatório Anual 2009
Relatório Anual 2009
 
Apimec – resultados do 4 t07
Apimec – resultados do 4 t07Apimec – resultados do 4 t07
Apimec – resultados do 4 t07
 
Resultados do 4 t07
Resultados do 4 t07Resultados do 4 t07
Resultados do 4 t07
 
Apimec – resultados do 4 t07
Apimec – resultados do 4 t07Apimec – resultados do 4 t07
Apimec – resultados do 4 t07
 
Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008
Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008
Relatorio de Sustentabilidade Ampla 2008
 
Apresentacao port 1_t12
Apresentacao port 1_t12Apresentacao port 1_t12
Apresentacao port 1_t12
 
Apresentação 1T12 | Locamerica
Apresentação 1T12 | LocamericaApresentação 1T12 | Locamerica
Apresentação 1T12 | Locamerica
 
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
 
Apresentação 3T 2011 (portugues)
Apresentação 3T 2011 (portugues)Apresentação 3T 2011 (portugues)
Apresentação 3T 2011 (portugues)
 
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
Apresentação call 3 t 2011 (portugues)
 
Apostila financeira iii
Apostila financeira iiiApostila financeira iii
Apostila financeira iii
 

Natura 2

  • 1. Análises Ciclo Operacional Estrutura de Capitais Previsão de Falência Efeito Tesoura Índices Ciclo Operacional Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA Descrição 2003 2004 2005 2006 2007 Clientes 36.72 36.65 34.84 34.36 45.15 Estoques 0.07 0.24 0.1 2.76 2.58 Creditos Operacionais 0 0 0 0 0 Adiantamentos a Fornecedores 0.7 0.6 0 0 0 Impostos a recuperar 2.3 2.23 0.06 0.15 0.18 A) Aplicações de recursos oper.em dias 39.79 39.72 35 37.27 47.91 Fornecedores 4.6 15.95 4.38 4.7 3.81 Impostos 10.14 7.73 8.69 7.76 7.51 Salarios 4.26 4.14 0 0 0 Debitos Operacionais 1.76 0.67 24.8 20.82 21.05 Adiantamentos a Clientes B) Origens de Recursos Operacionais em 0 0 0 0 0 Dias 20.76 28.49 37.87 33.28 32.37 Ciclo Operacional em Dias 19.03 11.23 -2.87 3.99 15.54 Ciclo Operacional Ajustado 19 11 -3 4 16 Estrutura de Capitais Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA Fechar em reais Descrição 2003 2004 2005 2006 2007 Vendas Mensais (VM) 153341 204825 260622 310989 340280 Capital de Giro (CDG) -57012 74762 50765 -65517 -699 Necessidade Capital de Giro(NCG) 97179 76673 -25047 41382 176248 Tesouraria -154191 -1911 74006 -110118 -182348
  • 2. Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA Fechar VM - Vendas Mensais CDG - Capital de Giro NCG - Necessidade Capital de Giro
  • 3. Índices Empresa Selecionada: Natura Cosmeticos SA Endivida Imobilizaç Lucrativid Dinâmico Liquidez mento ão ade s Conta 2003 2004 2005 2006 2007 Capital Circulante Liquido (CCL) em R$ -57012 74762 48959 -68736 -6100 Liquidez Corrente 0.83 1.2 1.09 0.89 0.99 Liquidez Seca 0.83 1.2 1.09 0.85 0.95 Liquidez Geral 0.58 1.12 0.98 0.87 0.87 Endivida Imobilizaç Lucrativid Dinâmico Liquidez mento ão ade s Conta 2003 2004 2005 2006 2007 Endividamento Geral 81.01 49.53 55.18 51.31 56.06 Financiamento curto prazo/Vendas Exigivel a longo prazo/PL 157.29 13.77 15.39 8.14 24.2 Endivida Imobilizaç Lucrativid Dinâmico Liquidez mento ão ade s Conta 2003 2004 2005 2006 2007 Imobilização do Patrimônio liquido 35.7 113.04 97.88 88.29 85.42 Imobilização do Recursos a longo prazo 108.86 77.76 88.54 104.74 94.25 Endividam Imobilizaçã Lucrativida Liquidez ento o de Dinâmicos Conta 2003 2004 2005 2006 2007 Margem Bruta 41.64 44.96 46.25 46.46 47.42 Margem Operacional 11.54 15.6 16.42 15.55 14.26
  • 4. Margem Liquida 3.54 12.22 12.71 12.58 11.27 Retorno sobre o Ativo Total 10.09 34.66 34.03 35.17 29.55 Retorno sobre o patrimônio liquido 53.14 68.67 75.94 72.23 67.25 Endividam Imobilizaçã Lucrativida Liquidez ento o de Dinâmicos Conta 2003 2004 2005 2006 2007 NCG/Vendas Mensais 0.63 0.37 -0.1 0.13 0.52 Tesouraria(T)/Vendas Mensais -1.01 -0.01 0.28 -0.35 -0.54 Fechar
  • 5. Em Dias 2008 2009 33.71 32.5 4.74 7.39 0 0 0 0.29 3.61 7.35 42.06 47.53 4.03 21.36 5.06 14.94 0 4.45 25.78 2.5 0 0 34.87 43.25 7.19 4.28 7 4 2008 2009 381322 382764 -35695 -136112 91443 54667 -134158 -190779
  • 7. 2008 2009 -42715 -136112 0.95 0.87 0.87 0.78 0.8 1.07 2008 2009 58.96 49.97 30.83 7.98 2008 2009 78.06 107.28 97.91 86.33 2008 2009 48.8 57.4 15.38 17.69
  • 8. 11.49 14.89 30.34 30.02 73.93 60 2008 2009 0.24 0.14 -0.35 -0.5