HISTORIA DA CIENCIA

1.009 visualizações

Publicada em

ciencia

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.009
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
24
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

HISTORIA DA CIENCIA

  1. 1. <ul><li>Daniela Oliveira </li></ul><ul><li>Elaine Portugal </li></ul><ul><li>Juliana Portela </li></ul><ul><li>Kenia Martins </li></ul><ul><li>Silvia Ferreira </li></ul>
  2. 2. Num período anterior ao século XVII, data considerada a do nascimento da ciência numa visão eurocêntrica, na América pré-colombiana já havia a existência de atividades científicas relevantes, com o desenvolvimento da arquitetura, engenharia, agronomia, astronomia, matemática, medicina, etc. Estas atividades têm valor ainda nos dias atuais, pois estes conhecimentos não se tornaram obsoletos.
  3. 3. <ul><li>Idade Média: desenvolveu a ciência no Ocidente e houve a preparação para a Revolução Científica; o cristianismo no século IV era a religião oficial do Império Romano. Neste período desenvolveu-se, com a presença da Igreja, a ciência Medieval. </li></ul><ul><li>Orígenes: foi o primeiro a definir a conformidade entre a cultura antiga, a ciência Alexandrina e a fé cristã; </li></ul><ul><li>Em 529 foram fechadas as escolas filosóficas gregas, por ordem de Justiniano; </li></ul><ul><li>As catedrais são consideradas grandes monumentos, comparadas às pirâmides. Cada construção de catedrais tinha-se uma relíquia sagrada, com a qual se operava milagres e atraía peregrinos; </li></ul><ul><li>Acredita-se que as Cruzadas foram um dos maiores difusores da cultura e da ciência entre o Ocidente e o Oriente. </li></ul><ul><li>Roberto Grossseteste - filósofo inglês graduado em Oxford, professor de Medicina, Ciências Naturais e Direito nessa universidade.Contribuiu para o renascimento dos estudos clássicos, traduziu a Ética a Nicômaco de Aristóteles. </li></ul><ul><li>Santo Tomás de Aquino, nasceu na Itália e ingressou na Ordem Dominicana, foi professor da Universidade de Paris. Papa Leão XIII proclamou sua filosofia como pensamento oficial da igreja. Harmonizou-se com a síntese aristotélica, demonstrando que não há ponto de conflito entre a fé e a razão, mostrou a existência de Deus. De sua obra surgiu o tomismo. Santo Tomás de Aquino desprezava o trabalho manual, sendo incompatíveis as atividades físicas e intelectuais. </li></ul><ul><li>Academia de Platão, Liceu de Aristóteles e o museu de Alexandria eram centros de pesquisas. As escolas árabes eram em geral locais de pesquisas, não centros de profissionalização. </li></ul><ul><li>O ensino era privilégio da igreja, destinado quase exclusivamente à formação dos administradores e dirigentes da igreja. O currículo era trivium ( gramática, linguagem e retórica) considerado suficiente para a formação do clero. Na Alta Idade Média adota-se o quadrivium (aritmética, geometria, música e astronomia) Trivium+ Quadirvium = Sete Artes Liberais. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Devido o fato do ensino ser normatizado pela igreja e não renovar-se, começaram divergências em relação ao tomismo, por parte de João Duns Scotus e Guilherme de Ocam, estes formam idéias contrárias as da Igreja e são excomungados pelo Papa João XXII, além de serem proibidos de lecionar em universidades da Igreja. Fugiram para Munique e continuaram a ensinar que “não devem multiplicar as essências sem necessidade”- navalha de Ocam. </li></ul>

×