SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Vença o Sofrimento com Jesus!
O sofrimento é um sentimento muito comum na vida das pessoas, muitos sofrem por
motivos banais, outros sofrem por não realizar suas vontades e desejos, outros sofrem
por terem sido humilhados ignorados rejeitados injustiçados, outros sofrem por terem
sido traídos, ofendidos, outros sofrem por terem sidos acometidos por uma
enfermidade, outros sofrem por terem perdidos algo ou alguém, enfim o sofrimento
faz parte do cotidiano das pessoas é algo inerente ao ser humano e esse sentimento
essa dor tem levado milhares, centenas de milhares ou até mesmo milhões de vidas ao
fracasso tanto na vida secular e até mesmo na vida espiritual, causa e efeito
desequilíbrio, emocional, a todo tempo o ser humano esta em busca da felicidade não
percebendo que ao homem foi dada uma sentença devido a sua desobediência a
palavra de Deus:
17. Ao homem ele disse: “Porque ouviste a voz da tua mulher e comeste da árvore, de
cujo fruto te proibiu comer, amaldiçoado será o solo por tua causa. Com sofrimento
tirarás dele o alimento todos os dias de tua vida. 18. Ele produzirá para ti espinhos e
ervas daninha, e tu comerás das ervas do campo. 19. Comerás o pão com o suor do teu
rosto, até voltares ao solo, do qual foste tirado. Porque tu és pó e ao pó hás de voltar”.
20. O homem chamou à sua mulher “Eva”, porque ela se tornou a mãe de todos os
viventes. 21. E o SENHOR Deus fez para o homem e sua mulher roupas de pele com as
quais os vestiu. 22. Então o SENHOR Deus disse: “Eis que o homem tornou-se como um
de nós, capaz de conhecer o bem e o mal. Não ponha ele agora a mão na árvore da
vida, para dela comer e viver para sempre”. 23. E o SENHOR Deus o expulsou do jardim
de Éden, para que cultivasse o solo do qual fora tirado. 24. Tendo expulso o ser
humano, postou a oriente do jardim de Éden os querubins, com a espada fulgurante a
cintilar, para guardarem o caminho da árvore da vida. Gênesis 3. 17 – 24
Quando ao homem é dada esta sentença por Deus neste exato momento inicia se o
martírio de toda humanidade, o sofrimento é muito difícil ser vivido e atribuir a se
mesmo toda a culpabilidade por ato praticado em oposição á palavra e vontade de
Deus ao homem é imputado a viver uma vida de dor e sofrimento a uma natureza
caída totalmente desforme ao plano de Deus a sua criação. Amém
Então é preciso entender que o sofrer pertence ao homem e faz parte da sua natureza
humana e pecadora porem, por sua infinita misericórdia o amor de Deus sucumbiu e
abundou em nossas vidas através de seu amado filho Jesus Cristo de Nazaré a palavra
nos descreve no livro de João 3.16.17.
16. De fato, Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho único, para que todo o
que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. 17. Pois Deus enviou o seu Filho
ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por ele.
Esse amor pelo homem da parte de Deus é imensurável assistimos a um pai zeloso que
ama apesar de nossos pecados e desobediência que a todo tempo esta pronto a nos
perdoar e nos levar a plenitude de seu amor e de sua graça é de suma importância que
o homem em sua natureza pecadora e caída reconheça a soberania de Deus e o
sacrifício na cruz do calvário através do sangue derramado de seu amado filho Jesus
Cristo em favor de toda humanidade para que houvesse a reconciliação entre o
homem e Deus. 24. Carregou nossos pecados em seu próprio corpo, sobre a cruz, a
fim de que, mortos para os pecados, vivamos para a justiça. Por suas feridas fostes
curados. 25. Andáveis desgarrados como ovelhas, mas agora voltastes ao pastor que
cuida de vós. . 1 João 2.24.25
Vale ressaltar que o sofrimento é para toda humanidade tanto ímpio como cristão,
porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus Romanos 3.23.
Muito forte essa palavra, percebe a gravidade do ato praticado diante de Deus?
Jesus também disse: 33. Eu vos disse estas coisas para que, em mim, tenhais a paz.
No mundo tereis aflições. Mas tende coragem! “Eu venci o mundo”. João 16.33
Existem, dois momentos para essa causa chamada sofrimento:
Primeiro: O homem destituído da presença de Deus por desobedecer, ás ordens dadas
por Deus. E dai por diante o homem dará conta de seus atos e por suas escolhas, ou
seja, o livre arbítrio fazer ou não fazer cabe ao homem, fazer o homem sofrer não era
o desejo de Deus; o único responsável por essa situação foi o homem e não Deus. O
homem por si só não encontrara paz em sua existência enquanto não reconhecer o
senhorio e a autoridade de Deus sob sua vida, mas o homem em sua natureza
pecadora e caída enciste em desafiar o todo poderoso transgredindo seus
mandamentos e sua autoridade trazendo sob se a ira de Deus sob sua existência e sua
destruição.
23. Com efeito, a paga do pecado é a morte, mas o dom de Deus é a vida eterna em
Cristo Jesus, nosso Senhor. Romanos 6.23
Percebe como é muito importante ter o discernimento e conhecimento a respeito das
coisas do Reino de Deus? Seus propósitos? Entender que o sofrimento é gerado pelas
transgressões e pelas obras da carne infrutíferas, o pecado gera sofrimento por si só
entende? Na verdade o que Deus espera do homem é sua rendição e o seu
reconhecimento sua adoração e sua obediência ao Criador dos céus e terras em um só
espírito em comunhão e santidade em toda sua plenitude pelos séculos dos séculos,
que toda honra e glória seja dada ao Deus vivo e pai de Nosso Senhor e Salvador Jesus
Cristo através da comunhão do Espírito Santo com todos os santos. Amém
O segundo momento desta causa chamada sofrimento se da na vida do cristão, dos
filhos de Deus, somente pelo simples fato de ser filho de Deus sofremos ainda por três
motivos:
Primeiro pela identificação com Cristo:
18. “Se o mundo vos odeia, sabei que primeiro odiou a mim”. 19. Se fôsseis do
mundo, o mundo vos amaria como ama o que é seu; mas, porque não sois do
mundo, e porque eu vos escolhi do meio do mundo, por isso o mundo vos odeia.
João 15. 18 – 19.
A palavra “mundo’’ representa a sociedade decaída e iníqua em seus atos e revoltada
contra Deus, sob a influencia do maligno que odeia e persegue a igreja de Cristo a todo
custo, Jesus disse: 20. Recordai-vos daquilo que eu vos disse: ‘O servo não é maior do
que o seu senhor’. Se me perseguiram, perseguirão a vós também. João 15.20.
Quanto mas identificados e dedicados a Cristo maior o sofrimento, quanto maior for à
busca a comunhão a santidade e adoração maior será a perseguição, porem o Senhor
Jesus disse! Mas tende bom ânimo, Eu venci o mundo”. João 16.33
Segundo pela Obediência: Por causa da obediência como cristão e pelo fato de ser
filho de Deus. Não nos exime de pecar, pois ainda na qualidade de filho de Deus a
condição de pecador permanece, Deus disciplina e corrige com adversidades e provas
no intuito de fazer seus filhos, mas perfeitos e fortes diante do mundo e do sistema
maligno.
6. “Pois o Senhor corrige a quem ele ama e castiga a quem aceita como filho”. 7. É
para a vossa correção que sofreis; é como filhos que Deus vos trata. Pois qual é o
filho a quem o pai não corrige? 8. Pelo contrário, se ficais fora da correção aplicada a
todos, então não sois filhos, mas bastardos. 9. Ademais, tivemos os nossos pais
humanos como educadores, aos quais respeitávamos. Será que não devemos
submeter-nos muito mais ao Pai dos espíritos, para termos a vida? 10. Nossos pais
humanos nos corrigiam, como melhor lhes parecia, por um tempo passageiro; Deus,
porém, nos corrige em vista do nosso bem, a fim de partilharmos a sua própria
santidade. Hebreus 12. 6 – 10.
Existe toda uma preocupação por parte de Deus em corrigir e disciplinas seus filhos
para que se tornem referência e exemplo de filhos dedicados e obedientes ao Pai
celestial empenhado em fazer a vontade do Pai do Filho e do Espírito Santo o
sofrimento muitas vezes pode ser uma prova de superação e de amor e fé dada por
Deus aos seus filhos para que haja crescimento no campo humano bem como no
campo espiritual muitas vezes o sofrimento faz com que os filhos de Deus cresçam na
fé, na comunhão, na busca, na santidade, em oração, no relacionamento, na
fidelidade, lealdade e amor ao Reino de Deus.
Terceiro: O Plano de Deus.
Porque o sofrimento faz parte do plano de Deus? Os verdadeiros Cristãos devem
esperar o sofrimento como parte do plano de Deus que decide permitir que inúmeros
cristãos sofram em diferentes circunstâncias e com resultados diversos. Deus afirma:
Eu é que formo a luz e crio as trevas, faço o bem-estar e crio o sofrimento; eu sou o
SENHOR, eu é que faço tudo isso. Isaias 45.7.
O Apostolo Pedro diz que não se deve estranhar o sofrimento como se esse fosse algo
extraordinário: Caríssimos, não estranheis o fogo da provação que lavra entre vós,
como se alguma coisa de estranho vos estivesse acontecendo. 13. Pelo contrário,
alegrai-vos por participar dos sofrimentos de Cristo, para que possais exultar de
alegria quando se revelar a sua glória 1 Pedro 4.12. O Apostolo Paulo conclui:
Sabemos que tudo contribui para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que
são chamados segundo o seu desígnio. Romanos 8.28
Como Lidar com o Sofrimento?
“No mundo passais por aflições’’”. Três fatos se acham envolvidos nesta declaração de
Jesus. Primeiro, que enquanto viver neste mundo estará vulnerável ás aflições viver é
enfrentar circunstâncias contrarias e alcançar soluções para os problemas que por
ventura vier a existir, segundo essa aflição é momentânea, terceiro independente de
qual for à aflição permaneça firme ao chamado e a vocação.
Como se posicionar diante do sofrimento?
Eis a grande questão tudo vai depender da maneira pela qual o cristão ira se posicionar
diante do sofrimento, confia no Senhor ou se entrega e se rende ao problema se
submetendo a escravidão e a submissão frente ao sofrimento, à escolha quem ira fazer
é você!
67. Antes de ser humilhado, saí do bom caminho, mas agora guardo tua promessa.
68. Tu és bom e fazes o bem, ensina-me teus estatutos. 69. Caluniaram-me os
insolentes, de todo coração guardarei teus preceitos. 70. O coração deles é insensível
como a gordura, na tua lei encontro minhas delícias. 71. Foi bom para mim ser
humilhado, para aprender teus estatutos. Salmos 119. 67 – 71.
Você precisar buscar no Senhor as causas do sofrimento pelo qual esta passando, por
obedecer ou desobedecer ao Senhor?
Qual são o objetivo e a vontade de Deus para vida de seus filhos?
6. Isso é motivo de alegria para vós, embora seja necessário que no momento
estejais por algum tempo aflitos, por causa de várias provações. 7. Deste modo, o
quilate de vossa fé, que tem mais valor que o ouro testado no fogo, alcançará louvor,
honra e glória, no dia da revelação de Jesus Cristo. 8. Sem terdes visto o Senhor, vós
o amais. Sem que agora o estejais vendo, credes nele. Isto será para vós fonte de
alegria inefável e gloriosa, 9. Pois obtereis aquilo em que acreditais: a vossa
salvação. 1 Pedro 1. 6 – 9.
Toda ação gera uma ação positiva ou negativa através de atos e palavras?
Esse sofrimento tem te aproximado de Deus? Ou te afastado?
Muitos afirmam que quando você esta ao meio ao sofrimento é porque esta em
pecado em desacordo com os princípios e mandamentos do Senhor, todos que
pensam dessa maneira têm seus pensamentos em desarmonia com os propósitos de
Deus, a questão é muito complexa o fato de estar vivendo uma tribulação não quer
dizer necessariamente que você esta em pecado, quanto, mas você se aproxima de
Deus, mas estreito vai ficando o caminho, pois a perseguição se da de maneira
implacável aos santos por isso se faz necessário uma vida de oração e comunhão e
consagração na busca da unção e pela presença do Espirito Santo na revelação do
sobre natural de Deus na vida do cristão.
O sofrimento produz intimidade com Deus.
Eu te conhecia só por ouvir dizer, mas, agora, vejo-te com meus próprios olhos. Jó
42:5
O sofrimento nos refina (Isaias 48:10).
Eis que já te purifiquei, mas não como a prata; escolhi – te na fornalha da aflição.
O sofrimento produz crescimento e maturidade. Tiago 1 2 – 4
2. Considerai uma grande alegria, meus irmãos, quando tiverdes de passar por
diversas provações, 3. Pois sabeis que a prova da fé produz em vós a constância. 4.
Ora, a constância deve levar a uma obra perfeita: que vos torneis perfeitos e
íntegros, sem falta ou deficiência alguma.
Para serem conformes à imagem de seu filho. Romanos 8. 28 – 29.
Sabemos que tudo contribui para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que
são chamados segundo o seu desígnio. 29. Pois aos que ele conheceu desde sempre,
também os predestinou a se configurarem com a imagem de seu Filho, para que este
seja o primogênito numa multidão de irmãos.
Não se pode estranhar o sofrimento.
Você deve buscar a paz em Cristo Jesus.
Você deve ter bom ânimo.
Amados e queridos irmãos em Cristo Jesus que a paz de Cristo possa abundar em
vossas vidas e a graça do Nosso Senhor Jesus Cristo e as doces consolações do Espírito
Santo seja com todos os santos, que independente das tribulações e sofrimentos
possamos permanecer firme na presença de Deus para honra e glória do Senhor.
Amém
17. Com efeito, a insignificância de uma tribulação momentânea acarreta para nós
um volume incomensurável e eterno de glória. 2 Coríntios 4.17
2. Considerai uma grande alegria, meus irmãos, quando tiverdes de passar por
diversas provações, 3. Pois sabeis que a prova da fé produz em vós a constância.
Tiago 1. 2 – 3

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Jonatha pecadores nas maos de um deus irado
Jonatha   pecadores nas maos de um deus iradoJonatha   pecadores nas maos de um deus irado
Jonatha pecadores nas maos de um deus irado
Jhone Anderson
 
As doutrinas da graça não levam ao pecado charles haddon spurgeon
As doutrinas da graça não levam ao pecado   charles haddon spurgeonAs doutrinas da graça não levam ao pecado   charles haddon spurgeon
As doutrinas da graça não levam ao pecado charles haddon spurgeon
Deusdete Soares
 
As exigências de deus spurgeon
As exigências de deus   spurgeonAs exigências de deus   spurgeon
As exigências de deus spurgeon
Deusdete Soares
 
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
Deusdete Soares
 

Mais procurados (20)

O homem segundo o coração de deus [modo de compatibilidade]
O homem segundo o coração de deus [modo de compatibilidade]O homem segundo o coração de deus [modo de compatibilidade]
O homem segundo o coração de deus [modo de compatibilidade]
 
Ajuda para os Fracos - Richard Sibbes
Ajuda para os Fracos - Richard SibbesAjuda para os Fracos - Richard Sibbes
Ajuda para os Fracos - Richard Sibbes
 
JORMI - Jornal Missionário nº 100
JORMI - Jornal Missionário nº 100JORMI - Jornal Missionário nº 100
JORMI - Jornal Missionário nº 100
 
A cura das almas abatidas 2 - Christopher Love
A cura das almas abatidas 2  -  Christopher LoveA cura das almas abatidas 2  -  Christopher Love
A cura das almas abatidas 2 - Christopher Love
 
07 tipos de pecado
07 tipos de pecado07 tipos de pecado
07 tipos de pecado
 
A Preparação da Alma para Cristo – Parte 1
A Preparação da Alma para Cristo – Parte 1A Preparação da Alma para Cristo – Parte 1
A Preparação da Alma para Cristo – Parte 1
 
Pecadores nas maos de um deus irado jonathan edwards
Pecadores nas maos de um deus irado   jonathan edwardsPecadores nas maos de um deus irado   jonathan edwards
Pecadores nas maos de um deus irado jonathan edwards
 
Dicas de santidade
Dicas de santidadeDicas de santidade
Dicas de santidade
 
Bem aventurados os aflitos!
Bem aventurados os aflitos! Bem aventurados os aflitos!
Bem aventurados os aflitos!
 
Breve forma de uma confissão de fé - João Calvino
Breve forma de uma confissão de fé - João CalvinoBreve forma de uma confissão de fé - João Calvino
Breve forma de uma confissão de fé - João Calvino
 
Isaias 55.1 3 - John Dod
Isaias 55.1 3 - John DodIsaias 55.1 3 - John Dod
Isaias 55.1 3 - John Dod
 
Jonatha pecadores nas maos de um deus irado
Jonatha   pecadores nas maos de um deus iradoJonatha   pecadores nas maos de um deus irado
Jonatha pecadores nas maos de um deus irado
 
As doutrinas da graça não levam ao pecado charles haddon spurgeon
As doutrinas da graça não levam ao pecado   charles haddon spurgeonAs doutrinas da graça não levam ao pecado   charles haddon spurgeon
As doutrinas da graça não levam ao pecado charles haddon spurgeon
 
A mudança do tempos
A mudança do temposA mudança do tempos
A mudança do tempos
 
A Preparação da Alma para Cristo - Parte 3 - Thomas Hooker
A Preparação da Alma para Cristo  - Parte 3 - Thomas HookerA Preparação da Alma para Cristo  - Parte 3 - Thomas Hooker
A Preparação da Alma para Cristo - Parte 3 - Thomas Hooker
 
As exigências de deus spurgeon
As exigências de deus   spurgeonAs exigências de deus   spurgeon
As exigências de deus spurgeon
 
A oração de confissão 1
A oração de confissão 1A oração de confissão 1
A oração de confissão 1
 
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
 
(Livro Boa nova) Cap.19 Comunhão com Deus
(Livro Boa nova) Cap.19   Comunhão com Deus(Livro Boa nova) Cap.19   Comunhão com Deus
(Livro Boa nova) Cap.19 Comunhão com Deus
 
Amargura pr. jorge
Amargura  pr. jorgeAmargura  pr. jorge
Amargura pr. jorge
 

Destaque

Home Automation System
Home Automation SystemHome Automation System
Home Automation System
Saifullah Khan
 
Pemvha foros
Pemvha forosPemvha foros
Pemvha foros
PEMVHA
 
Thomas Selso CV 2017 Dansk
Thomas Selso CV 2017 DanskThomas Selso CV 2017 Dansk
Thomas Selso CV 2017 Dansk
Thomas Selsø
 
Scan eng.mostafa sayed
Scan eng.mostafa sayedScan eng.mostafa sayed
Scan eng.mostafa sayed
mostafa sayed
 

Destaque (13)

Home Automation System
Home Automation SystemHome Automation System
Home Automation System
 
The Right Level of Content? BIM for Manufacturers
The Right Level of Content? BIM for ManufacturersThe Right Level of Content? BIM for Manufacturers
The Right Level of Content? BIM for Manufacturers
 
Disco
DiscoDisco
Disco
 
Engage students to STEM careers
Engage students to STEM careers Engage students to STEM careers
Engage students to STEM careers
 
Pemvha foros
Pemvha forosPemvha foros
Pemvha foros
 
Thomas Selso CV 2017 Dansk
Thomas Selso CV 2017 DanskThomas Selso CV 2017 Dansk
Thomas Selso CV 2017 Dansk
 
Jak zwiększyliśmy ruch organiczny o 275% dla centrumtlumaczen.pl dzięki pozyc...
Jak zwiększyliśmy ruch organiczny o 275% dla centrumtlumaczen.pl dzięki pozyc...Jak zwiększyliśmy ruch organiczny o 275% dla centrumtlumaczen.pl dzięki pozyc...
Jak zwiększyliśmy ruch organiczny o 275% dla centrumtlumaczen.pl dzięki pozyc...
 
Textile Industry
Textile IndustryTextile Industry
Textile Industry
 
No Smoking
No SmokingNo Smoking
No Smoking
 
Scan eng.mostafa sayed
Scan eng.mostafa sayedScan eng.mostafa sayed
Scan eng.mostafa sayed
 
Make to stock po
Make to stock poMake to stock po
Make to stock po
 
A melancolia na literatura moacyr scliar
A melancolia na literatura moacyr scliarA melancolia na literatura moacyr scliar
A melancolia na literatura moacyr scliar
 
Jornal digital 31 de janeiro de 2017
Jornal digital   31 de janeiro de 2017Jornal digital   31 de janeiro de 2017
Jornal digital 31 de janeiro de 2017
 

Semelhante a Vença o sofrimento com Jesus!

Folheto Cristão
Folheto CristãoFolheto Cristão
Folheto Cristão
ibramada
 
Um Evangelho Reformado - Paul Washer
Um Evangelho Reformado - Paul WasherUm Evangelho Reformado - Paul Washer
Um Evangelho Reformado - Paul Washer
materialcristao
 
Como ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudoComo ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudo
jb1955
 

Semelhante a Vença o sofrimento com Jesus! (20)

PERDÃO.pptx
PERDÃO.pptxPERDÃO.pptx
PERDÃO.pptx
 
Morrer para viver
Morrer para viverMorrer para viver
Morrer para viver
 
Folheto Cristão
Folheto CristãoFolheto Cristão
Folheto Cristão
 
Pré revisão 1
Pré revisão 1Pré revisão 1
Pré revisão 1
 
O verdadeiro perdão nos restaura
O verdadeiro perdão nos restauraO verdadeiro perdão nos restaura
O verdadeiro perdão nos restaura
 
1 a salvação 1_2012
1 a salvação 1_20121 a salvação 1_2012
1 a salvação 1_2012
 
EVANGELISMO.pptx
EVANGELISMO.pptxEVANGELISMO.pptx
EVANGELISMO.pptx
 
A unica via da salvacao joao 14 6
A unica via da salvacao joao 14 6A unica via da salvacao joao 14 6
A unica via da salvacao joao 14 6
 
Confissão e arrependimento: as condições do reavivamento_Resumo_632013
Confissão e arrependimento: as condições do reavivamento_Resumo_632013Confissão e arrependimento: as condições do reavivamento_Resumo_632013
Confissão e arrependimento: as condições do reavivamento_Resumo_632013
 
Arrependimento
ArrependimentoArrependimento
Arrependimento
 
A obra da expiação propósito e alcance
A obra da expiação propósito e alcanceA obra da expiação propósito e alcance
A obra da expiação propósito e alcance
 
A doutrina da Salvação
A doutrina da Salvação A doutrina da Salvação
A doutrina da Salvação
 
Um Evangelho Reformado - Paul Washer
Um Evangelho Reformado - Paul WasherUm Evangelho Reformado - Paul Washer
Um Evangelho Reformado - Paul Washer
 
Ebd lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Ebd   lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016Ebd   lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Ebd lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
 
O verdadeiro perdão nos restaura
O verdadeiro perdão nos restauraO verdadeiro perdão nos restaura
O verdadeiro perdão nos restaura
 
Como ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudoComo ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudo
 
O Problema do Sofrimento - Perspectiva Bíblica
O Problema do Sofrimento - Perspectiva BíblicaO Problema do Sofrimento - Perspectiva Bíblica
O Problema do Sofrimento - Perspectiva Bíblica
 
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptxebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
 
Plano salvação
Plano salvaçãoPlano salvação
Plano salvação
 
EU FUI SALVO DO QUE.pptx
EU FUI SALVO DO QUE.pptxEU FUI SALVO DO QUE.pptx
EU FUI SALVO DO QUE.pptx
 

Mais de Jorge Henrique R de Araujo

Mais de Jorge Henrique R de Araujo (20)

Devemos contribuir na obra e no reino de deus com excelência(1)
Devemos contribuir na obra e no reino de deus com excelência(1)Devemos contribuir na obra e no reino de deus com excelência(1)
Devemos contribuir na obra e no reino de deus com excelência(1)
 
A nossa incredulidade!
A nossa incredulidade!A nossa incredulidade!
A nossa incredulidade!
 
Suportando as palavras negativas para alcançar as bênçãos do senhor 1 samuel 1
Suportando as palavras negativas para alcançar as bênçãos do senhor   1 samuel 1Suportando as palavras negativas para alcançar as bênçãos do senhor   1 samuel 1
Suportando as palavras negativas para alcançar as bênçãos do senhor 1 samuel 1
 
O Falso Profeta Hananias!
O Falso Profeta Hananias!O Falso Profeta Hananias!
O Falso Profeta Hananias!
 
As Bodas do cordeiro!
As Bodas do cordeiro!As Bodas do cordeiro!
As Bodas do cordeiro!
 
Amós 5
Amós 5Amós 5
Amós 5
 
Adoração
AdoraçãoAdoração
Adoração
 
A Unidade de Cristo!
A Unidade de Cristo!A Unidade de Cristo!
A Unidade de Cristo!
 
A onde esta o meu coração
A onde esta o meu coraçãoA onde esta o meu coração
A onde esta o meu coração
 
A glória de Cristo e a firmeza das Escrituras!
A glória de Cristo e a firmeza das Escrituras!A glória de Cristo e a firmeza das Escrituras!
A glória de Cristo e a firmeza das Escrituras!
 
A Desobediência dos filhos de Deus 1 samuel 2. 12.36 (3)
A Desobediência dos filhos de Deus 1 samuel 2. 12.36 (3)A Desobediência dos filhos de Deus 1 samuel 2. 12.36 (3)
A Desobediência dos filhos de Deus 1 samuel 2. 12.36 (3)
 
A Cura junto ao tanque de Betesda
A Cura junto ao tanque de BetesdaA Cura junto ao tanque de Betesda
A Cura junto ao tanque de Betesda
 
Mostrar a situação real do pecador diante de Deus!
Mostrar a situação real do pecador diante de Deus!Mostrar a situação real do pecador diante de Deus!
Mostrar a situação real do pecador diante de Deus!
 
Falsas Igrejas!
Falsas Igrejas! Falsas Igrejas!
Falsas Igrejas!
 
Revendo nossos conceitos sobre Discipulado!
Revendo nossos conceitos sobre Discipulado!Revendo nossos conceitos sobre Discipulado!
Revendo nossos conceitos sobre Discipulado!
 
O que é o Dispensacionalismo!
O que é o Dispensacionalismo!O que é o Dispensacionalismo!
O que é o Dispensacionalismo!
 
Nicolau Maquiavel
Nicolau MaquiavelNicolau Maquiavel
Nicolau Maquiavel
 
Max weber
Max weberMax weber
Max weber
 
Sementes!
Sementes!Sementes!
Sementes!
 
Cazuza já afirmava
Cazuza já afirmavaCazuza já afirmava
Cazuza já afirmava
 

Último

Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
MilyFonceca
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
StelaWilbert
 

Último (10)

Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
 
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdfpdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoHermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
 

Vença o sofrimento com Jesus!

  • 1. Vença o Sofrimento com Jesus! O sofrimento é um sentimento muito comum na vida das pessoas, muitos sofrem por motivos banais, outros sofrem por não realizar suas vontades e desejos, outros sofrem por terem sido humilhados ignorados rejeitados injustiçados, outros sofrem por terem sido traídos, ofendidos, outros sofrem por terem sidos acometidos por uma enfermidade, outros sofrem por terem perdidos algo ou alguém, enfim o sofrimento faz parte do cotidiano das pessoas é algo inerente ao ser humano e esse sentimento essa dor tem levado milhares, centenas de milhares ou até mesmo milhões de vidas ao fracasso tanto na vida secular e até mesmo na vida espiritual, causa e efeito desequilíbrio, emocional, a todo tempo o ser humano esta em busca da felicidade não percebendo que ao homem foi dada uma sentença devido a sua desobediência a palavra de Deus: 17. Ao homem ele disse: “Porque ouviste a voz da tua mulher e comeste da árvore, de cujo fruto te proibiu comer, amaldiçoado será o solo por tua causa. Com sofrimento tirarás dele o alimento todos os dias de tua vida. 18. Ele produzirá para ti espinhos e ervas daninha, e tu comerás das ervas do campo. 19. Comerás o pão com o suor do teu rosto, até voltares ao solo, do qual foste tirado. Porque tu és pó e ao pó hás de voltar”. 20. O homem chamou à sua mulher “Eva”, porque ela se tornou a mãe de todos os viventes. 21. E o SENHOR Deus fez para o homem e sua mulher roupas de pele com as quais os vestiu. 22. Então o SENHOR Deus disse: “Eis que o homem tornou-se como um de nós, capaz de conhecer o bem e o mal. Não ponha ele agora a mão na árvore da vida, para dela comer e viver para sempre”. 23. E o SENHOR Deus o expulsou do jardim de Éden, para que cultivasse o solo do qual fora tirado. 24. Tendo expulso o ser
  • 2. humano, postou a oriente do jardim de Éden os querubins, com a espada fulgurante a cintilar, para guardarem o caminho da árvore da vida. Gênesis 3. 17 – 24 Quando ao homem é dada esta sentença por Deus neste exato momento inicia se o martírio de toda humanidade, o sofrimento é muito difícil ser vivido e atribuir a se mesmo toda a culpabilidade por ato praticado em oposição á palavra e vontade de Deus ao homem é imputado a viver uma vida de dor e sofrimento a uma natureza caída totalmente desforme ao plano de Deus a sua criação. Amém Então é preciso entender que o sofrer pertence ao homem e faz parte da sua natureza humana e pecadora porem, por sua infinita misericórdia o amor de Deus sucumbiu e abundou em nossas vidas através de seu amado filho Jesus Cristo de Nazaré a palavra nos descreve no livro de João 3.16.17. 16. De fato, Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho único, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. 17. Pois Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por ele. Esse amor pelo homem da parte de Deus é imensurável assistimos a um pai zeloso que ama apesar de nossos pecados e desobediência que a todo tempo esta pronto a nos perdoar e nos levar a plenitude de seu amor e de sua graça é de suma importância que o homem em sua natureza pecadora e caída reconheça a soberania de Deus e o sacrifício na cruz do calvário através do sangue derramado de seu amado filho Jesus Cristo em favor de toda humanidade para que houvesse a reconciliação entre o homem e Deus. 24. Carregou nossos pecados em seu próprio corpo, sobre a cruz, a fim de que, mortos para os pecados, vivamos para a justiça. Por suas feridas fostes
  • 3. curados. 25. Andáveis desgarrados como ovelhas, mas agora voltastes ao pastor que cuida de vós. . 1 João 2.24.25 Vale ressaltar que o sofrimento é para toda humanidade tanto ímpio como cristão, porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus Romanos 3.23. Muito forte essa palavra, percebe a gravidade do ato praticado diante de Deus? Jesus também disse: 33. Eu vos disse estas coisas para que, em mim, tenhais a paz. No mundo tereis aflições. Mas tende coragem! “Eu venci o mundo”. João 16.33 Existem, dois momentos para essa causa chamada sofrimento: Primeiro: O homem destituído da presença de Deus por desobedecer, ás ordens dadas por Deus. E dai por diante o homem dará conta de seus atos e por suas escolhas, ou seja, o livre arbítrio fazer ou não fazer cabe ao homem, fazer o homem sofrer não era o desejo de Deus; o único responsável por essa situação foi o homem e não Deus. O homem por si só não encontrara paz em sua existência enquanto não reconhecer o senhorio e a autoridade de Deus sob sua vida, mas o homem em sua natureza pecadora e caída enciste em desafiar o todo poderoso transgredindo seus mandamentos e sua autoridade trazendo sob se a ira de Deus sob sua existência e sua destruição. 23. Com efeito, a paga do pecado é a morte, mas o dom de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor. Romanos 6.23 Percebe como é muito importante ter o discernimento e conhecimento a respeito das coisas do Reino de Deus? Seus propósitos? Entender que o sofrimento é gerado pelas transgressões e pelas obras da carne infrutíferas, o pecado gera sofrimento por si só
  • 4. entende? Na verdade o que Deus espera do homem é sua rendição e o seu reconhecimento sua adoração e sua obediência ao Criador dos céus e terras em um só espírito em comunhão e santidade em toda sua plenitude pelos séculos dos séculos, que toda honra e glória seja dada ao Deus vivo e pai de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo através da comunhão do Espírito Santo com todos os santos. Amém O segundo momento desta causa chamada sofrimento se da na vida do cristão, dos filhos de Deus, somente pelo simples fato de ser filho de Deus sofremos ainda por três motivos: Primeiro pela identificação com Cristo: 18. “Se o mundo vos odeia, sabei que primeiro odiou a mim”. 19. Se fôsseis do mundo, o mundo vos amaria como ama o que é seu; mas, porque não sois do mundo, e porque eu vos escolhi do meio do mundo, por isso o mundo vos odeia. João 15. 18 – 19. A palavra “mundo’’ representa a sociedade decaída e iníqua em seus atos e revoltada contra Deus, sob a influencia do maligno que odeia e persegue a igreja de Cristo a todo custo, Jesus disse: 20. Recordai-vos daquilo que eu vos disse: ‘O servo não é maior do que o seu senhor’. Se me perseguiram, perseguirão a vós também. João 15.20. Quanto mas identificados e dedicados a Cristo maior o sofrimento, quanto maior for à busca a comunhão a santidade e adoração maior será a perseguição, porem o Senhor Jesus disse! Mas tende bom ânimo, Eu venci o mundo”. João 16.33 Segundo pela Obediência: Por causa da obediência como cristão e pelo fato de ser filho de Deus. Não nos exime de pecar, pois ainda na qualidade de filho de Deus a
  • 5. condição de pecador permanece, Deus disciplina e corrige com adversidades e provas no intuito de fazer seus filhos, mas perfeitos e fortes diante do mundo e do sistema maligno. 6. “Pois o Senhor corrige a quem ele ama e castiga a quem aceita como filho”. 7. É para a vossa correção que sofreis; é como filhos que Deus vos trata. Pois qual é o filho a quem o pai não corrige? 8. Pelo contrário, se ficais fora da correção aplicada a todos, então não sois filhos, mas bastardos. 9. Ademais, tivemos os nossos pais humanos como educadores, aos quais respeitávamos. Será que não devemos submeter-nos muito mais ao Pai dos espíritos, para termos a vida? 10. Nossos pais humanos nos corrigiam, como melhor lhes parecia, por um tempo passageiro; Deus, porém, nos corrige em vista do nosso bem, a fim de partilharmos a sua própria santidade. Hebreus 12. 6 – 10. Existe toda uma preocupação por parte de Deus em corrigir e disciplinas seus filhos para que se tornem referência e exemplo de filhos dedicados e obedientes ao Pai celestial empenhado em fazer a vontade do Pai do Filho e do Espírito Santo o sofrimento muitas vezes pode ser uma prova de superação e de amor e fé dada por Deus aos seus filhos para que haja crescimento no campo humano bem como no campo espiritual muitas vezes o sofrimento faz com que os filhos de Deus cresçam na fé, na comunhão, na busca, na santidade, em oração, no relacionamento, na fidelidade, lealdade e amor ao Reino de Deus. Terceiro: O Plano de Deus. Porque o sofrimento faz parte do plano de Deus? Os verdadeiros Cristãos devem esperar o sofrimento como parte do plano de Deus que decide permitir que inúmeros
  • 6. cristãos sofram em diferentes circunstâncias e com resultados diversos. Deus afirma: Eu é que formo a luz e crio as trevas, faço o bem-estar e crio o sofrimento; eu sou o SENHOR, eu é que faço tudo isso. Isaias 45.7. O Apostolo Pedro diz que não se deve estranhar o sofrimento como se esse fosse algo extraordinário: Caríssimos, não estranheis o fogo da provação que lavra entre vós, como se alguma coisa de estranho vos estivesse acontecendo. 13. Pelo contrário, alegrai-vos por participar dos sofrimentos de Cristo, para que possais exultar de alegria quando se revelar a sua glória 1 Pedro 4.12. O Apostolo Paulo conclui: Sabemos que tudo contribui para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu desígnio. Romanos 8.28 Como Lidar com o Sofrimento? “No mundo passais por aflições’’”. Três fatos se acham envolvidos nesta declaração de Jesus. Primeiro, que enquanto viver neste mundo estará vulnerável ás aflições viver é enfrentar circunstâncias contrarias e alcançar soluções para os problemas que por ventura vier a existir, segundo essa aflição é momentânea, terceiro independente de qual for à aflição permaneça firme ao chamado e a vocação. Como se posicionar diante do sofrimento? Eis a grande questão tudo vai depender da maneira pela qual o cristão ira se posicionar diante do sofrimento, confia no Senhor ou se entrega e se rende ao problema se submetendo a escravidão e a submissão frente ao sofrimento, à escolha quem ira fazer é você!
  • 7. 67. Antes de ser humilhado, saí do bom caminho, mas agora guardo tua promessa. 68. Tu és bom e fazes o bem, ensina-me teus estatutos. 69. Caluniaram-me os insolentes, de todo coração guardarei teus preceitos. 70. O coração deles é insensível como a gordura, na tua lei encontro minhas delícias. 71. Foi bom para mim ser humilhado, para aprender teus estatutos. Salmos 119. 67 – 71. Você precisar buscar no Senhor as causas do sofrimento pelo qual esta passando, por obedecer ou desobedecer ao Senhor? Qual são o objetivo e a vontade de Deus para vida de seus filhos? 6. Isso é motivo de alegria para vós, embora seja necessário que no momento estejais por algum tempo aflitos, por causa de várias provações. 7. Deste modo, o quilate de vossa fé, que tem mais valor que o ouro testado no fogo, alcançará louvor, honra e glória, no dia da revelação de Jesus Cristo. 8. Sem terdes visto o Senhor, vós o amais. Sem que agora o estejais vendo, credes nele. Isto será para vós fonte de alegria inefável e gloriosa, 9. Pois obtereis aquilo em que acreditais: a vossa salvação. 1 Pedro 1. 6 – 9. Toda ação gera uma ação positiva ou negativa através de atos e palavras? Esse sofrimento tem te aproximado de Deus? Ou te afastado? Muitos afirmam que quando você esta ao meio ao sofrimento é porque esta em pecado em desacordo com os princípios e mandamentos do Senhor, todos que pensam dessa maneira têm seus pensamentos em desarmonia com os propósitos de Deus, a questão é muito complexa o fato de estar vivendo uma tribulação não quer dizer necessariamente que você esta em pecado, quanto, mas você se aproxima de
  • 8. Deus, mas estreito vai ficando o caminho, pois a perseguição se da de maneira implacável aos santos por isso se faz necessário uma vida de oração e comunhão e consagração na busca da unção e pela presença do Espirito Santo na revelação do sobre natural de Deus na vida do cristão. O sofrimento produz intimidade com Deus. Eu te conhecia só por ouvir dizer, mas, agora, vejo-te com meus próprios olhos. Jó 42:5 O sofrimento nos refina (Isaias 48:10). Eis que já te purifiquei, mas não como a prata; escolhi – te na fornalha da aflição. O sofrimento produz crescimento e maturidade. Tiago 1 2 – 4 2. Considerai uma grande alegria, meus irmãos, quando tiverdes de passar por diversas provações, 3. Pois sabeis que a prova da fé produz em vós a constância. 4. Ora, a constância deve levar a uma obra perfeita: que vos torneis perfeitos e íntegros, sem falta ou deficiência alguma. Para serem conformes à imagem de seu filho. Romanos 8. 28 – 29. Sabemos que tudo contribui para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu desígnio. 29. Pois aos que ele conheceu desde sempre, também os predestinou a se configurarem com a imagem de seu Filho, para que este seja o primogênito numa multidão de irmãos. Não se pode estranhar o sofrimento.
  • 9. Você deve buscar a paz em Cristo Jesus. Você deve ter bom ânimo. Amados e queridos irmãos em Cristo Jesus que a paz de Cristo possa abundar em vossas vidas e a graça do Nosso Senhor Jesus Cristo e as doces consolações do Espírito Santo seja com todos os santos, que independente das tribulações e sofrimentos possamos permanecer firme na presença de Deus para honra e glória do Senhor. Amém 17. Com efeito, a insignificância de uma tribulação momentânea acarreta para nós um volume incomensurável e eterno de glória. 2 Coríntios 4.17 2. Considerai uma grande alegria, meus irmãos, quando tiverdes de passar por diversas provações, 3. Pois sabeis que a prova da fé produz em vós a constância. Tiago 1. 2 – 3