SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
10. Exame   de consciência diário          prática da santa oração e meditação e
                                                                                               Dez Dicas de Santidade no
                                              fazer a tua santíssima vontade em todos
Através do exame de consciência diário
vamos nos conhecendo melhor. Quais os
                                              os meus deveres, a fim de manter a
                                              minha alma sempre preparada, disposta e
                                                                                                  Caminho Espiritual
nossos vícios, nossos defeitos, em quais
                                              apegada a Ti Pai, Filho e Espírito Santo e a
atitudes durante o dia faltei com amor,
                                              todos os teus infinitos atributos e ser eu
com o respeito, com a humildade? É
                                              transformado em Ti de modo que chegue
importante    terminar   o   exame   de
                                              a ser semelhante a ti na glória. Amém.
consciência com um pequeno ato de
                                              (SV. Pallotti).
contrição pedindo a Deus o Seu perdão e
Sua    misericórdia  pelas   faltas que
cometemos ao longo do dia.                        Máximas a serem meditadas
                                                    (São Vicente Pallotti)
            Ato de Contrição                  1. Nosso único fim é a glória de Deus e a
Meu Pai, pequei contra Vós. Já não sou
                                              Salvação da Alma.
digno de ser chamado Vosso filho. Tende
                                              2. O nosso passo único é a morte.
Piedade de Mim, sou pecador. Quero fazer
                                              3. O único mal é o pecado.
todo o esforço de não pecar mais. Amém.
                                              4. O medo único é o do juízo.                     1. Dedicar um tempo de oração
                                              5. O único tormento é o inferno                      pessoal todos os dias.
        Oração de S.V. Pallotti               6. O único bem é o Paraíso.                    Temos que falar com Jesus para
Meu Deus, amor infinito de minha alma,        7. O único conforto é a divina misericórdia    descobrirmos a sua santíssima vontade. Na
alimento e sustento eterno, infinito,         e o Patrocínio de Nossa Senhora.               oração, conhecemos melhor a Deus e a
imenso, incompreensível da minha pobre        8. O único exemplo é a vida de Jesus           nós mesmos. Devemos ser generosos com
alma,    tu   vês    quando    sou   fraco,   Cristo.                                        Deus e dedicar 30 ou 15 minutos de
deformado, chagado, porque não me             9. A única contemplação é a Paixão de          diálogo, contemplação ou meditação. A
alimentei de ti, como podia e devia. Ao       Jesus Cristo.                                  oração bem feita ajuda-nos a começarmos
Contrário, andei alimentando a minha          10. O único tesouro é o Sacramento.            o dia alegres e dispostos a reavivar a fé e
alma de pensamentos, desejos e afetos,        11. O único amor é Deus.                       o amor.
todos terrenos, brutais, de morte e de        12. Ajudar o nosso próximo, nas suas
morte eterna e abandonei com horrível         necessidades espirituais e temporais, é o
ingratidão, a ti, que és o alimento da vida   meio seguro para alcançar a misericórdia.
                                                                                                2. Escolher uma intenção para
eterna. Concede-me a graça de uma                                                                  cada dia.
perfeita contrição da minha ingratidão e                                                     Oferecer nossas orações, nossos esforços e
de todos os meus pecados e a graça de                                                        nossos trabalhos do dia. Pode ser
levar uma vida toda desapegada dos                                                           intenções particulares como uma pessoa
prazeres terrenos e toda entregue à                                                          doente, pela conversão dos pecadores ou

                                                    Fonte - http://www.palotinos.com.br
                                                   http://alexandriacatolica.blogspot.com
pela santificação dos sacerdotes e            somos cristãos e não sabermos nem                8. A caridade para com o nosso
seminaristas,      etc. Quando     nos        mesmo os dez mandamentos. Quem
concentramos numa intenção concreta, se       conhece e medita os mandamentos e as                próximo.
torna mais fácil rezar.                       promessas do Senhor evita as decisões         O que nos torna mais semelhantes a Jesus
                                              que conduzem ao pecado que é o grande         é o amor que temos a Deus e aos nossos
   3. Rezar o Rosário ou o Terço              inimigo de nossa salvação. È de grande        irmãos. “A caridade de Cristo nos impele”.
                                              proveito e de grande paz interior saber       Devemos estar atentos para ajudar os que
      todos os dias.                          discernir bem entre o que agrada e o que      nos rodeiam, sejam nas suas necessidades
Ao rezarmos o terço ou o rosário todos os     ofende a Deus.                                materiais ou nas suas necessidades
dias, confiamos mais diretamente na                                                         espirituais com uma presença amiga,
presença e no auxilio de nossa Senhora                                                      orante e solidária. Se não pusermos em
em nossas vidas, em nossas decisões e
                                                 6. A confissão mensal.                     prática o novo mandamento do amor não
em nossos problemas e desafios de cada        Ajuda-nos a manter pura e limpa nossa
                                                                                            seremos verdadeiros discípulos de Cristo.
dia. Assim no rosário meditamos os            alma e a não relaxar no nosso combate
                                                                                            “Se vocês tiverem amor uns para com os
principais mistérios de nossa fé. Os frutos   contra o pecado. Ajuda-nos a vencer
                                                                                            outros, todos reconhecerão que vocês são
de nossas orações: alegria espiritual, paz,   nossos vícios mais enraizados e a formar
                                                                                            meus discípulos.” (Jo 13, 35)
iluminação de nossa mente, dependem do        melhor      nossa     consciência.    Se
                                              percebêssemos o grandioso valor da
modo como rezamos. Devemos rezar
                                              confissão, na qual são perdoados nossos          9. Fazer pequenos atos de
bem.
                                              pecados, seriamos mais fortes na fé e               humildade.
                                              mais penitentes.                              Todos temos em nós a tendência para o
   4. Ler a bíblia todos os dias
                                                                                            orgulho, a tendência de enxergarmo-nos
      (Lectio Divina)                            7. Fazer mortificações.                    melhores que os outros e cheios de
A Palavra de Deus deve ser o alimento         É necessário porque nos ajuda a               direitos e razões diante dos que nos
Principal de nossa vida de oração. É a luz    dominarmos nossos instintos humanos           rodeiam. A humildade é uma virtude, pois
da Palavra de Deus que nos guia pela          que tantas vezes nos arrastam para o          sempre que nos humilhamos em ações
estrada da felicidade verdadeira. Se não      pecado. Todos, sabemos que “a carne é         concretas conhecemos o nada que somos e
tomarmos cuidado corremos o risco de          fraca” por isso é preciso observar as         o muito que é Deus. “Eu sou nada e
sabermos mais de futebol, de novela, de       ocasiões que temos durante o dia para         pecado” (são Vicente Pallotti). Não
internet do que de Jesus Cristo o Filho de    fazer alguma renúncia. Todo sacrifício que    podemos esquecer o exemplo que Jesus
Deus.                                         suportamos durante o dia deve estar           deixou quando lavou os pés dos discípulos.
                                              unido ao sacrifício de Cristo na Cruz pois    Ele nos ensinou a repetir sempre esse
   5. Conhecer os mandamentos e as            assim se transforma em salvação para          gesto de humildade que expressa o nosso
                                              muitas almas. O jejum é um meio simples       serviço aos irmãos. “O Filho do Homem
      promessas que Deus fez ao seu           e eficaz de por em prática este espírito de   veio para servir e não para ser servido.”
      povo.                                   penitencia e renúncia por um bem maior.       (Mt 20,28).
Isso é o mínimo para um discípulo de
Cristo. Seria uma vergonha dizermos que
                                                                                                       Fonte - http://www.palotinos.com.br
                                                                                                     http://alexandriacatolica.blogspot.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As portas de entrada de demônios parte 1
As portas de entrada de demônios parte 1As portas de entrada de demônios parte 1
As portas de entrada de demônios parte 1Rômulo Martins
 
6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-
6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-
6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-Wstallony Gomes
 
10 sermões por robert murray m cheyne volume-ii
10 sermões por robert murray m cheyne   volume-ii10 sermões por robert murray m cheyne   volume-ii
10 sermões por robert murray m cheyne volume-iiDeusdete Soares
 
A livre graça charles haddon spurgeon
A livre graça   charles haddon spurgeonA livre graça   charles haddon spurgeon
A livre graça charles haddon spurgeonDeusdete Soares
 
Eae 67 Continuação das Epístolas
Eae 67 Continuação das EpístolasEae 67 Continuação das Epístolas
Eae 67 Continuação das EpístolasPatiSousa1
 
Interpretando a Oração Pai Nosso
Interpretando a Oração Pai NossoInterpretando a Oração Pai Nosso
Interpretando a Oração Pai NossoHelio Cruz
 
JORMI - Jornal Missionário n° 98
JORMI - Jornal Missionário n° 98JORMI - Jornal Missionário n° 98
JORMI - Jornal Missionário n° 98Almir Rodrigues
 
A decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomarA decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomarLuiz Santos
 
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu Gééh Santos
 
Isaias 55.1 3 - John Dod
Isaias 55.1 3 - John DodIsaias 55.1 3 - John Dod
Isaias 55.1 3 - John DodSilvio Dutra
 
Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4
Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4
Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4Patricia Farias
 
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)Deusdete Soares
 

Mais procurados (18)

Carta 3
Carta 3Carta 3
Carta 3
 
Palestra Prece
Palestra PrecePalestra Prece
Palestra Prece
 
As portas de entrada de demônios parte 1
As portas de entrada de demônios parte 1As portas de entrada de demônios parte 1
As portas de entrada de demônios parte 1
 
6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-
6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-
6481950 curando-feridas-emocionais-j-m-
 
10 sermões por robert murray m cheyne volume-ii
10 sermões por robert murray m cheyne   volume-ii10 sermões por robert murray m cheyne   volume-ii
10 sermões por robert murray m cheyne volume-ii
 
A livre graça charles haddon spurgeon
A livre graça   charles haddon spurgeonA livre graça   charles haddon spurgeon
A livre graça charles haddon spurgeon
 
Estudos do evangelho 17
Estudos do evangelho 17Estudos do evangelho 17
Estudos do evangelho 17
 
Eae 67 Continuação das Epístolas
Eae 67 Continuação das EpístolasEae 67 Continuação das Epístolas
Eae 67 Continuação das Epístolas
 
A oração de confissão 1
A oração de confissão 1A oração de confissão 1
A oração de confissão 1
 
Interpretando a Oração Pai Nosso
Interpretando a Oração Pai NossoInterpretando a Oração Pai Nosso
Interpretando a Oração Pai Nosso
 
Fé e obras
Fé e obrasFé e obras
Fé e obras
 
Jormi - Jornal Missionário n° 77
Jormi -  Jornal Missionário n° 77Jormi -  Jornal Missionário n° 77
Jormi - Jornal Missionário n° 77
 
JORMI - Jornal Missionário n° 98
JORMI - Jornal Missionário n° 98JORMI - Jornal Missionário n° 98
JORMI - Jornal Missionário n° 98
 
A decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomarA decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomar
 
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
 
Isaias 55.1 3 - John Dod
Isaias 55.1 3 - John DodIsaias 55.1 3 - John Dod
Isaias 55.1 3 - John Dod
 
Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4
Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4
Livro dos Espiritos Q. 230 Evangelho Cap 17 4
 
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
As oito coisas que cristo realizará (d. l. moody)
 

Destaque

Exercicios De Perfeicao Tomo I
Exercicios De Perfeicao  Tomo IExercicios De Perfeicao  Tomo I
Exercicios De Perfeicao Tomo Iepinus
 
Tratado da alegria da alma cristã
Tratado da alegria da alma cristãTratado da alegria da alma cristã
Tratado da alegria da alma cristãepinus
 
O Itinerário Místico de São João da Cruz
O Itinerário Místico de São João da CruzO Itinerário Místico de São João da Cruz
O Itinerário Místico de São João da Cruzlucianodidimo
 
A Oracao Santo Afonso de Ligório
A Oracao Santo Afonso de LigórioA Oracao Santo Afonso de Ligório
A Oracao Santo Afonso de LigórioTarcisio Silva
 
Devocionario santo-rosario-e-orações
Devocionario santo-rosario-e-oraçõesDevocionario santo-rosario-e-orações
Devocionario santo-rosario-e-oraçõesSuely SS
 
As virtudes de Nossa Senhora
As virtudes de Nossa Senhora As virtudes de Nossa Senhora
As virtudes de Nossa Senhora Tarcisio Silva
 
Beato Marmion - Jesucristo vida del alma
Beato Marmion - Jesucristo vida del almaBeato Marmion - Jesucristo vida del alma
Beato Marmion - Jesucristo vida del almaAlexandria Católica
 
Tratado de história eclesiástica - volume 1
Tratado de história eclesiástica - volume 1Tratado de história eclesiástica - volume 1
Tratado de história eclesiástica - volume 1epinus
 
Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2
Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2
Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2epinus
 
Obras de São João da Cruz vol. I
Obras de São João da Cruz vol. IObras de São João da Cruz vol. I
Obras de São João da Cruz vol. ITarcisio Silva
 
Espiritualidade são paulo
Espiritualidade  são pauloEspiritualidade  são paulo
Espiritualidade são pauloLeutherio
 
Doutrina espiritual de santo afonso
Doutrina espiritual de santo  afonsoDoutrina espiritual de santo  afonso
Doutrina espiritual de santo afonsoLeutherio
 
Vida de Santo Afonso Maria de Ligório
Vida de Santo Afonso Maria de LigórioVida de Santo Afonso Maria de Ligório
Vida de Santo Afonso Maria de Ligórioepinus
 
Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...
Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...
Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...epinus
 
Exclamaciones del alma a Dios - Sta Teresa
Exclamaciones del alma a Dios - Sta TeresaExclamaciones del alma a Dios - Sta Teresa
Exclamaciones del alma a Dios - Sta TeresaAlexandria Católica
 
Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]
Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]
Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]pptnosite
 

Destaque (20)

Exercicios De Perfeicao Tomo I
Exercicios De Perfeicao  Tomo IExercicios De Perfeicao  Tomo I
Exercicios De Perfeicao Tomo I
 
Tratado da alegria da alma cristã
Tratado da alegria da alma cristãTratado da alegria da alma cristã
Tratado da alegria da alma cristã
 
O Itinerário Místico de São João da Cruz
O Itinerário Místico de São João da CruzO Itinerário Místico de São João da Cruz
O Itinerário Místico de São João da Cruz
 
A Oracao Santo Afonso de Ligório
A Oracao Santo Afonso de LigórioA Oracao Santo Afonso de Ligório
A Oracao Santo Afonso de Ligório
 
Devocionario santo-rosario-e-orações
Devocionario santo-rosario-e-oraçõesDevocionario santo-rosario-e-orações
Devocionario santo-rosario-e-orações
 
Minhas Resoluções_S. leonardo
Minhas Resoluções_S. leonardoMinhas Resoluções_S. leonardo
Minhas Resoluções_S. leonardo
 
As virtudes de Nossa Senhora
As virtudes de Nossa Senhora As virtudes de Nossa Senhora
As virtudes de Nossa Senhora
 
Os Santos Incorruptos
Os Santos IncorruptosOs Santos Incorruptos
Os Santos Incorruptos
 
Beato Marmion - Jesucristo vida del alma
Beato Marmion - Jesucristo vida del almaBeato Marmion - Jesucristo vida del alma
Beato Marmion - Jesucristo vida del alma
 
Chaga do ombro
Chaga do ombroChaga do ombro
Chaga do ombro
 
Tratado de história eclesiástica - volume 1
Tratado de história eclesiástica - volume 1Tratado de história eclesiástica - volume 1
Tratado de história eclesiástica - volume 1
 
Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2
Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2
Tratado de História Eclesiástica (Padre Rivaux) - Volume 2
 
Obras de São João da Cruz vol. I
Obras de São João da Cruz vol. IObras de São João da Cruz vol. I
Obras de São João da Cruz vol. I
 
Espiritualidade são paulo
Espiritualidade  são pauloEspiritualidade  são paulo
Espiritualidade são paulo
 
Matemática aplicada: uma proposta de curso
Matemática aplicada: uma proposta de cursoMatemática aplicada: uma proposta de curso
Matemática aplicada: uma proposta de curso
 
Doutrina espiritual de santo afonso
Doutrina espiritual de santo  afonsoDoutrina espiritual de santo  afonso
Doutrina espiritual de santo afonso
 
Vida de Santo Afonso Maria de Ligório
Vida de Santo Afonso Maria de LigórioVida de Santo Afonso Maria de Ligório
Vida de Santo Afonso Maria de Ligório
 
Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...
Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...
Concílio Ecumênico Vaticano II - Um debate a ser feito - Mons. Brunero Gherar...
 
Exclamaciones del alma a Dios - Sta Teresa
Exclamaciones del alma a Dios - Sta TeresaExclamaciones del alma a Dios - Sta Teresa
Exclamaciones del alma a Dios - Sta Teresa
 
Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]
Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]
Apresentação dos novos cursos bíblicos [passos série a, conectados séries a, b]
 

Semelhante a 10 dicas para uma vida espiritual

Semelhante a 10 dicas para uma vida espiritual (20)

É possível ser santo
É possível ser santoÉ possível ser santo
É possível ser santo
 
Oração, jejum e esmola quaresma 2012
Oração, jejum e esmola   quaresma 2012Oração, jejum e esmola   quaresma 2012
Oração, jejum e esmola quaresma 2012
 
Palestra modo de orar 2015 nosso lar
Palestra modo de orar 2015   nosso larPalestra modo de orar 2015   nosso lar
Palestra modo de orar 2015 nosso lar
 
A prece
A preceA prece
A prece
 
Pela graça de deus
Pela graça de deusPela graça de deus
Pela graça de deus
 
Boletim cbg n° 18_4_ maio_2014
Boletim cbg n° 18_4_ maio_2014Boletim cbg n° 18_4_ maio_2014
Boletim cbg n° 18_4_ maio_2014
 
Aula sobre prece- como Rezar
Aula sobre prece- como Rezar Aula sobre prece- como Rezar
Aula sobre prece- como Rezar
 
A divina visão
A divina visãoA divina visão
A divina visão
 
Gerado depois da meia noite
Gerado depois da meia noiteGerado depois da meia noite
Gerado depois da meia noite
 
2021 1º trimestre jovens lição 01
2021 1º trimestre jovens lição 012021 1º trimestre jovens lição 01
2021 1º trimestre jovens lição 01
 
A SEMENTE 4 novembro
A  SEMENTE  4 novembroA  SEMENTE  4 novembro
A SEMENTE 4 novembro
 
aula 7 - evangelho no lar.pdf - esde - G6
aula 7 - evangelho no lar.pdf - esde - G6aula 7 - evangelho no lar.pdf - esde - G6
aula 7 - evangelho no lar.pdf - esde - G6
 
Estudo sobre prece!
Estudo sobre prece!Estudo sobre prece!
Estudo sobre prece!
 
3ª edição - CAMINHAR COM O VERBO
3ª edição - CAMINHAR COM O VERBO3ª edição - CAMINHAR COM O VERBO
3ª edição - CAMINHAR COM O VERBO
 
O Perdão - Espirtismo
O Perdão - EspirtismoO Perdão - Espirtismo
O Perdão - Espirtismo
 
11 09 11
11 09 1111 09 11
11 09 11
 
Evangelho no lar
Evangelho no larEvangelho no lar
Evangelho no lar
 
Livro de Orações Diárias
Livro de Orações DiáriasLivro de Orações Diárias
Livro de Orações Diárias
 
10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne
10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne
10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne
 
10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne
10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne
10 sermões vol. ii, por robert murray m'cheyne
 

Mais de Alexandria Católica

Mais de Alexandria Católica (6)

A morte da formosura
A morte da formosuraA morte da formosura
A morte da formosura
 
Novena São José
Novena São JoséNovena São José
Novena São José
 
Bula - Ineffabilis Deus Papa Pio IX
Bula - Ineffabilis Deus Papa Pio IXBula - Ineffabilis Deus Papa Pio IX
Bula - Ineffabilis Deus Papa Pio IX
 
Pq o Católico não pode ser espírita_ F. Boaventura
Pq o Católico não pode ser espírita_ F. BoaventuraPq o Católico não pode ser espírita_ F. Boaventura
Pq o Católico não pode ser espírita_ F. Boaventura
 
Sales san francisco de introduccion a la vida devota
Sales san francisco de   introduccion a la vida devotaSales san francisco de   introduccion a la vida devota
Sales san francisco de introduccion a la vida devota
 
Escapulário
EscapulárioEscapulário
Escapulário
 

Último

slide da missa com leituras e oração eucarística
slide da missa com leituras e oração eucarísticaslide da missa com leituras e oração eucarística
slide da missa com leituras e oração eucarísticaFranklinOliveira30
 
Lição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptx
Lição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptxLição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptx
Lição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptxCelso Napoleon
 
RESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familia
RESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familiaRESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familia
RESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familiamaysa997520
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Introdução
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - IntroduçãoEbook - Mentoria Ministério com Jovens - Introdução
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - IntroduçãoInsituto Propósitos de Ensino
 
Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptx
Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptxLição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptx
Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptxCelso Napoleon
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivo
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivoEbook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivo
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivoInsituto Propósitos de Ensino
 
O concílio de Jerusalém Cap 14 e 15.pptx
O concílio de Jerusalém  Cap 14 e 15.pptxO concílio de Jerusalém  Cap 14 e 15.pptx
O concílio de Jerusalém Cap 14 e 15.pptxPIB Penha
 

Último (11)

slide da missa com leituras e oração eucarística
slide da missa com leituras e oração eucarísticaslide da missa com leituras e oração eucarística
slide da missa com leituras e oração eucarística
 
Lição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptx
Lição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptxLição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptx
Lição 1 - O início da caminhada - CPAD.pptx
 
RESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familia
RESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familiaRESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familia
RESOLVENDO CONFLITOS NO CASAMENTOe na familia
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Introdução
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - IntroduçãoEbook - Mentoria Ministério com Jovens - Introdução
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Introdução
 
Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptx
Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptxLição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptx
Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga.pptx
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivo
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivoEbook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivo
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula ao vivo
 
O Livro dos Espiritos - Allan Kardec.pdf
O Livro dos Espiritos - Allan Kardec.pdfO Livro dos Espiritos - Allan Kardec.pdf
O Livro dos Espiritos - Allan Kardec.pdf
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 01
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 01Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 01
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 01
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 02
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 02Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 02
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 02
 
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 03
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 03Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 03
Ebook - Mentoria Ministério com Jovens - Aula 03
 
O concílio de Jerusalém Cap 14 e 15.pptx
O concílio de Jerusalém  Cap 14 e 15.pptxO concílio de Jerusalém  Cap 14 e 15.pptx
O concílio de Jerusalém Cap 14 e 15.pptx
 

10 dicas para uma vida espiritual

  • 1. 10. Exame de consciência diário prática da santa oração e meditação e Dez Dicas de Santidade no fazer a tua santíssima vontade em todos Através do exame de consciência diário vamos nos conhecendo melhor. Quais os os meus deveres, a fim de manter a minha alma sempre preparada, disposta e Caminho Espiritual nossos vícios, nossos defeitos, em quais apegada a Ti Pai, Filho e Espírito Santo e a atitudes durante o dia faltei com amor, todos os teus infinitos atributos e ser eu com o respeito, com a humildade? É transformado em Ti de modo que chegue importante terminar o exame de a ser semelhante a ti na glória. Amém. consciência com um pequeno ato de (SV. Pallotti). contrição pedindo a Deus o Seu perdão e Sua misericórdia pelas faltas que cometemos ao longo do dia. Máximas a serem meditadas (São Vicente Pallotti) Ato de Contrição 1. Nosso único fim é a glória de Deus e a Meu Pai, pequei contra Vós. Já não sou Salvação da Alma. digno de ser chamado Vosso filho. Tende 2. O nosso passo único é a morte. Piedade de Mim, sou pecador. Quero fazer 3. O único mal é o pecado. todo o esforço de não pecar mais. Amém. 4. O medo único é o do juízo. 1. Dedicar um tempo de oração 5. O único tormento é o inferno pessoal todos os dias. Oração de S.V. Pallotti 6. O único bem é o Paraíso. Temos que falar com Jesus para Meu Deus, amor infinito de minha alma, 7. O único conforto é a divina misericórdia descobrirmos a sua santíssima vontade. Na alimento e sustento eterno, infinito, e o Patrocínio de Nossa Senhora. oração, conhecemos melhor a Deus e a imenso, incompreensível da minha pobre 8. O único exemplo é a vida de Jesus nós mesmos. Devemos ser generosos com alma, tu vês quando sou fraco, Cristo. Deus e dedicar 30 ou 15 minutos de deformado, chagado, porque não me 9. A única contemplação é a Paixão de diálogo, contemplação ou meditação. A alimentei de ti, como podia e devia. Ao Jesus Cristo. oração bem feita ajuda-nos a começarmos Contrário, andei alimentando a minha 10. O único tesouro é o Sacramento. o dia alegres e dispostos a reavivar a fé e alma de pensamentos, desejos e afetos, 11. O único amor é Deus. o amor. todos terrenos, brutais, de morte e de 12. Ajudar o nosso próximo, nas suas morte eterna e abandonei com horrível necessidades espirituais e temporais, é o ingratidão, a ti, que és o alimento da vida meio seguro para alcançar a misericórdia. 2. Escolher uma intenção para eterna. Concede-me a graça de uma cada dia. perfeita contrição da minha ingratidão e Oferecer nossas orações, nossos esforços e de todos os meus pecados e a graça de nossos trabalhos do dia. Pode ser levar uma vida toda desapegada dos intenções particulares como uma pessoa prazeres terrenos e toda entregue à doente, pela conversão dos pecadores ou Fonte - http://www.palotinos.com.br http://alexandriacatolica.blogspot.com
  • 2. pela santificação dos sacerdotes e somos cristãos e não sabermos nem 8. A caridade para com o nosso seminaristas, etc. Quando nos mesmo os dez mandamentos. Quem concentramos numa intenção concreta, se conhece e medita os mandamentos e as próximo. torna mais fácil rezar. promessas do Senhor evita as decisões O que nos torna mais semelhantes a Jesus que conduzem ao pecado que é o grande é o amor que temos a Deus e aos nossos 3. Rezar o Rosário ou o Terço inimigo de nossa salvação. È de grande irmãos. “A caridade de Cristo nos impele”. proveito e de grande paz interior saber Devemos estar atentos para ajudar os que todos os dias. discernir bem entre o que agrada e o que nos rodeiam, sejam nas suas necessidades Ao rezarmos o terço ou o rosário todos os ofende a Deus. materiais ou nas suas necessidades dias, confiamos mais diretamente na espirituais com uma presença amiga, presença e no auxilio de nossa Senhora orante e solidária. Se não pusermos em em nossas vidas, em nossas decisões e 6. A confissão mensal. prática o novo mandamento do amor não em nossos problemas e desafios de cada Ajuda-nos a manter pura e limpa nossa seremos verdadeiros discípulos de Cristo. dia. Assim no rosário meditamos os alma e a não relaxar no nosso combate “Se vocês tiverem amor uns para com os principais mistérios de nossa fé. Os frutos contra o pecado. Ajuda-nos a vencer outros, todos reconhecerão que vocês são de nossas orações: alegria espiritual, paz, nossos vícios mais enraizados e a formar meus discípulos.” (Jo 13, 35) iluminação de nossa mente, dependem do melhor nossa consciência. Se percebêssemos o grandioso valor da modo como rezamos. Devemos rezar confissão, na qual são perdoados nossos 9. Fazer pequenos atos de bem. pecados, seriamos mais fortes na fé e humildade. mais penitentes. Todos temos em nós a tendência para o 4. Ler a bíblia todos os dias orgulho, a tendência de enxergarmo-nos (Lectio Divina) 7. Fazer mortificações. melhores que os outros e cheios de A Palavra de Deus deve ser o alimento É necessário porque nos ajuda a direitos e razões diante dos que nos Principal de nossa vida de oração. É a luz dominarmos nossos instintos humanos rodeiam. A humildade é uma virtude, pois da Palavra de Deus que nos guia pela que tantas vezes nos arrastam para o sempre que nos humilhamos em ações estrada da felicidade verdadeira. Se não pecado. Todos, sabemos que “a carne é concretas conhecemos o nada que somos e tomarmos cuidado corremos o risco de fraca” por isso é preciso observar as o muito que é Deus. “Eu sou nada e sabermos mais de futebol, de novela, de ocasiões que temos durante o dia para pecado” (são Vicente Pallotti). Não internet do que de Jesus Cristo o Filho de fazer alguma renúncia. Todo sacrifício que podemos esquecer o exemplo que Jesus Deus. suportamos durante o dia deve estar deixou quando lavou os pés dos discípulos. unido ao sacrifício de Cristo na Cruz pois Ele nos ensinou a repetir sempre esse 5. Conhecer os mandamentos e as assim se transforma em salvação para gesto de humildade que expressa o nosso muitas almas. O jejum é um meio simples serviço aos irmãos. “O Filho do Homem promessas que Deus fez ao seu e eficaz de por em prática este espírito de veio para servir e não para ser servido.” povo. penitencia e renúncia por um bem maior. (Mt 20,28). Isso é o mínimo para um discípulo de Cristo. Seria uma vergonha dizermos que Fonte - http://www.palotinos.com.br http://alexandriacatolica.blogspot.com