Pedro leopoldo

791 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
791
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
145
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pedro leopoldo

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS – UFMG ESCOLA DE ARQUITETURA Oficina de Planejamento Urbano: Problemas de Desenvolvimento Urbano Municipal PROJETO DE REVITALIZAÇÃO DA ÁREA LINDEIRA A LINHA FÉRREA NA RUA CAIO MARTINS Bárbara Luiza – Érika Penido – Lorenna Gabrielle Thaisa Nogueira – Vinícius Fortes Belo Horizonte - 2010
  2. 2. ÁREA VISITADA
  3. 3. ÁREA VISITADA
  4. 4. CONCEITO Ação integrada de revitalização de espaços de uso público aliada à requalificação paisagística, de modo a promover o uso dessas áreas, atualmente abandonadas pelo poder público e pela comunidade . As intervenções serão localizadas em pontos estratégicos, visando criar em torno delas áreas de influência, onde essas atuações se repercutiriam não só no meio físico mas também antrópico e ambiental. A proposta objetiva ainda criar uma apropriação dos moradores com esses lugares, já que estabelecendo vínculos a conservação se torna mais efetiva. E também resgatar a historicidade das antigas ocupações do Bairro São Geraldo, intensificando assim o significado do local e reforçando os laços com os usuários. Para gerar a apropriação pretende-se criar uma estrutura que favoreça o uso, como áreas de descanso, leitura, esportes e lazer infantil, associadas a centros comercias e/ou serviços de uso público .
  5. 5. POSSÍVEIS ÁREAS DE INTERVENÇÃO <ul><li>Praça do cemitério </li></ul><ul><li>Praça do velório </li></ul><ul><li>Praça/ rotatórias de todo o bairro </li></ul><ul><li>Avenida Caio Martins </li></ul>
  6. 6. DIRETRIZES <ul><li>Revitalizar a Rua Caio Martins no bairro São Geraldo englobando a revitalização das moradias. </li></ul><ul><li>Revitalizar a calçada existente ao longo do córrego, transformando-a em uma pista de caminhada e potencializando o valor paisagístico da região. </li></ul><ul><li>Instalar equipamentos de ginástica e promover atividades esportivas na pista. </li></ul><ul><li>Tratar a queda d’água existente de forma a eliminar a impressão de esgoto e garantir efeito paisagístico . </li></ul>
  7. 7. PROPOSTAS <ul><li>Criar uma separação física entre a ferrovia e a calçada, porém sensoriamente permeável, por questões de segurança. </li></ul><ul><li>Criação de uma academia comunitária à céu aberto, para atender a população idosa da região </li></ul><ul><li>Requalificação da pista de caminhada, fazendo uma separação desta com a calçada. </li></ul><ul><li>Criação de uma ciclovia associada a um bicicletário, considerando o grande número de ciclistas encontrados na cidade e a ausência de estruturas desse tipo. </li></ul><ul><li>Estreitamento da pista de rolamento, tornando a via restrita ao uso local e aumentando a área disponível para lazer. </li></ul><ul><li>Tratamento paisagístico do córrego em leito natural, de forma a preservar as águas e manter a permeabilidade visual. </li></ul>
  8. 8. PROGRAMA DE NECESSIDADES <ul><li>Ciclovia - ciclofaixa </li></ul><ul><li>Pista de caminhada </li></ul><ul><li>Ponte </li></ul><ul><li>Miragem para a cachoeira </li></ul><ul><li>Equipamentos de ginástica </li></ul><ul><li>Bicicletário </li></ul><ul><li>Mobiliário urbano (bancos, mesas, lixeiras) </li></ul><ul><li>Quadra poliesportiva </li></ul>
  9. 9. IMPLANTAÇÃO DAS PROPOSTAS
  10. 10. DIREITO DE PREEMPÇÃO Utilização de parte da gleba da fazenda de propriedade da Fábrica Têxtil Preferência do poder público para adquirir imóvel urbano em razão das diretrizes da política urbana.
  11. 11. A RUA <ul><li>Restrição do tráfego de veículos na via </li></ul><ul><li>Supressão da calçada adjacente a linha férrea </li></ul><ul><li>Ciclofaixa </li></ul><ul><li>Pista de caminhada </li></ul><ul><li>Jardim arborizado </li></ul>
  12. 12. A RUA
  13. 13. A ESCOLHA DO PISO <ul><li>Os pavimentos intertravados representam uma nova tendência na área de revestimento sendo ideal para as áreas externas. Apresentam as seguintes vantagens: </li></ul><ul><li>Bons resultados estéticos </li></ul><ul><li>Fácil assentamento </li></ul><ul><li>Diversas cores </li></ul><ul><li>Textura homogênea </li></ul><ul><li>Redução de iluminação pública </li></ul><ul><li>Fácil recolocação em caso de possíveis intervenções na rede subterrânea </li></ul><ul><li>Extremamente duráveis </li></ul>
  14. 14. A RUA – PERSPECTIVAS DA PISTA DE CAMINHADA E CICLOFAIXA
  15. 15. A PONTE – REFERÊNCIAS PARA O PROJETO Ponte Toulsa – Oklahoma/EUA The Jubilee Bridge – Inninsfail/Austrália The Jubilee Bridge – Inninsfail/Austrália
  16. 16. A PONTE <ul><li>Conexão com a margem oposta a Avenida </li></ul><ul><li>Dimensão de 10 mx 30 metros </li></ul><ul><li>Estrutura de aço corten </li></ul><ul><li>Pergulado </li></ul><ul><li>Mobiliário Urbano </li></ul><ul><li>Ciclofaixa </li></ul>
  17. 17. A PONTE
  18. 18. A PONTE
  19. 19. ZONEAMENTO DA PROPOSTA
  20. 20. ZONEAMENTO DA PROPOSTA
  21. 21. ZONEAMENTO DA PROPOSTA
  22. 22. ZONEAMENTO DA PROPOSTA
  23. 23. O PARQUE <ul><li>Integração com o entorno </li></ul><ul><li>Atividades voltadas para o lazer esportivo </li></ul><ul><li>Quadra poliesportiva </li></ul><ul><li>Arquibancada </li></ul><ul><li>Quiosque </li></ul><ul><li>Equipamentos para ginástica </li></ul><ul><li>Playground </li></ul>
  24. 24. O PARQUE
  25. 25. O PARQUE
  26. 26. REFERÊNCIAS <ul><li>Arquivo pessoal </li></ul><ul><li>RATTENBURY, Kester. Arquitetos Contemporâneos. 2009 </li></ul>

×