A Operação Urbana Vila Sônia vista pela Sociedade Civil Organizada

2.304 visualizações

Publicada em

Breve histórico de mobilização da comunidade do Butantã frente o projeto da Prefeitura de São Paulo: Operação Urbana Consorciada Vila Sônia.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.304
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
301
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
61
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Operação Urbana Vila Sônia vista pela Sociedade Civil Organizada

  1. 1. OPERAÇÃO URBANA C. VILA SÔNIA E A SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA Um breve histórico das mobilizações
  2. 2. Trâmites para aprovação do projeto da Operação Urbana Consorciada:
  3. 3. Projeto de Lei específico deve ser aprovado na
  4. 4. 2005 Associações de moradores do Butantã tomam conhecimento sobre o traçado da OUCVS e projeto do túnel. A pedido da comunidade, a SEMPLA – Secretaria Municipal de Planejamento, apresenta a Operação Urbana na Subprefeitura do Butantã para aprox. 16 entidades e se compromete a dar continuidade ao diálogo. Encontro agendado é desmarcado e não há nenhum outro retorno
  5. 5. 2007 Comunidade é surpreendida com Estudo de Impacto Ambiental apresentado à SVMA. PERÍMETRO PDE (LEI Nº 13.430/02) PERÍMETRO PRE (LEI Nº 13.885/04) NOVO PERÍMETRO EM ESTUDO ÁREA: 327ha ÁREA: 424ha ÁREA: 676ha
  6. 6. 2008 Estudo de Impacto Ambiental é avaliado pelo Conselho (CADES) da Secretaria do Verde e Meio Ambiente, sendo considerado insuficiente, é devolvido à Secretaria Munic. de Desenvolvimento Urbano para ser reelaborado atendendo às exigências.
  7. 7. “Naturificação” do Córrego Pirajussara – “Bulevar” PERSPECTIVA Um dos projetos mais importantes da Operação Urbana Vila Sonia
  8. 8. Bulevar no Córrego Pirajussara - larguras reais Levantamento realizado em 21.03.2007 65,80 m 55,80 m 35,80 m Calçada a calçada: Medida proposta 35,80 m. 24,00 m Medida real 24 m. Proposta do Bulevar é inviável (calçadas máx. 2-3 m.)
  9. 9. MOBILIZAÇÕES
  10. 10. 28 de maio e 18 de junho de 2009 Dos encontros de maio, nasce o Movimento Butantã Pode! A AMAPAR - Assoc. de Moradores e Amigos do Parque Previdência auxilia a promover encontros no Amorim Lima e articula moradores contra o Túnel • Site • Abaixo-assinado • Comissões: Técnica, Comunicação e Ocupação Cultural, e de formalização de LUZ COM O FIM DO TÚNEL Associações www.butanta.com.br
  11. 11. 05 de agosto de 2009 Reunião no Parque Previdência - Secretaria de Desenvolvimento Urbano – Secretário e ATOU - Secretaria do Verde e do Meio Ambiente - Subprefeitura do Butantã São feitos esclarecimentos à comunidade, e a SMDU, por meio do Exmo. Sr. Secretário, se compromete a realizar reuniões entre sua equipe técnica e Comissão de representantes, afim de responder diversas questões não atendidas e iniciar processo de diálogo com a comunidade .
  12. 12. Desde agosto de 2009, após 12 meses, inúmeros ofícios protocolados, e-mails enviados e ligações realizadas, a SMDU permanece sem ter atendido seu compromisso assumido com a comunidade
  13. 13. Repercussões das mobilizações Veiculação na mídia: - Canal São Paulo (TVA) - Folha de São Paulo - Rádio Bandeirantes - Rádio Cultura - Estado de São Paulo - Jornal da Tarde - CBN - TV Gazeta
  14. 14. Áreas verdes Praça Elis Regina em risco Parque Previdência com a Operação Urbana Consorciada Vila Sônia-Butantã Chácara Pequeninos Do Jóckey
  15. 15. TÚNEL SOB PARQUE e AVENIDA SOBRE A PRAÇA Do lado da Av. Corifeu •Impacto Viário e de tráfego sobre área consolidada, com: •Conjuntos Habitacionais •Escolas Públicas •Praça Elis Regina • Córrego • Soc. Beneficente Alemã Do lado da Av. Eliseu •Solo local frágil (área aterrada sobre várzea, loteamento vizinhos em encosta de vale) •Poluição do ar por confinamento de automóveis entre faróis dentro do Túnel • Escola Pública - EMEF M. Deodoro •Degradação permanente do Parque, •impacto no lençol freático, destruição de nascente, vegetação e redução significativa da área do Parque para construção do túnel
  16. 16. Do lado da Av. Corifeu Conjunto Habitacional,Praça Elis Regina e Soc. Beneficente Alemã
  17. 17. Do lado da Av. Eliseu Parque Previdência Local proposto como embocadura do Túnel
  18. 18. AGRADECIMENTOS Contribuíram na disponibilização do material apresentado: - AMAPAR – Associação de Moradores Amigos do Parque Previdência - Movimento Butantã Pode! - O Autor na Praça - Rede Butantã de Entidades e Forças Sociais Acesse www.butanta.com.br solourbano.wordpress.com

×