currículo Multirreferencial

411 visualizações

Publicada em

Trabalha de Educação à distância
Texto: currículo Multirreferencial
Elizabeth N Baptista
Jose Monoel Oliveira
Renata Cunha

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
411
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

currículo Multirreferencial

  1. 1. O CURRÍCULOO CURRÍCULO MULTIRREFERENCIALMULTIRREFERENCIAL
  2. 2. TEXTO: 3TEXTO: 3 CURRÍCULO MULTIRREFERENCIAL:CURRÍCULO MULTIRREFERENCIAL: OUTROS ESPAÇOS TEMPOS PARAOUTROS ESPAÇOS TEMPOS PARA EDUCAÇÃO ONLINEEDUCAÇÃO ONLINE
  3. 3. DIFERENCIAÇÕES DE CURRÍCULOSDIFERENCIAÇÕES DE CURRÍCULOS  OO CurrículoCurrículo tradicionaltradicional caracteriza-se porcaracteriza-se por dar ênfase adar ênfase a elementoselementos curriculares como:curriculares como: ensino aprendizagemensino aprendizagem voltado para avoltado para a “decoreba”, por ser“decoreba”, por ser tecnicista,tecnicista, burocrático, acríticoburocrático, acrítico estático, unilateral eestático, unilateral e homogêneohomogêneo  O CurrículoO Currículo MultirreferencialMultirreferencial caracteriza-se porcaracteriza-se por priorizar elementospriorizar elementos curriculares como umacurriculares como uma aprendizagemaprendizagem significativa, crítica,significativa, crítica, reflexiva, múltipla,reflexiva, múltipla, móvel e heterogênea.móvel e heterogênea. valorizando os espaçosvalorizando os espaços tempos através dastempos através das novas tecnologias.novas tecnologias.
  4. 4. INTERNET E INTERATIVIDADEINTERNET E INTERATIVIDADE::  Pré-requisito para que a perspectivaPré-requisito para que a perspectiva Multirreferenciada possa fazer parte doMultirreferenciada possa fazer parte do processo ensino-aprendizagem naprocesso ensino-aprendizagem na modalidade presencial, como já vemmodalidade presencial, como já vem acontecendo com a Educação à Distancia.acontecendo com a Educação à Distancia.
  5. 5. ““ Se a escola ministra um ensino queSe a escola ministra um ensino que aparentemente não é mais útil para oaparentemente não é mais útil para o uso externo, corre o risco deuso externo, corre o risco de desqualificação. Então, como vocêsdesqualificação. Então, como vocês querem que as crianças tenhamquerem que as crianças tenham confiança nela.”confiança nela.” Patrick MendelshonPatrick Mendelshon
  6. 6. CURRÍCULO MULTIRREFERENCIALCURRÍCULO MULTIRREFERENCIAL E AS NOVAS TECNOLOGIASE AS NOVAS TECNOLOGIAS  As novasAs novas tecnologiastecnologias digitais em rededigitais em rede no ciberespaçono ciberespaço fomentam efomentam e potencializa estápotencializa está nova relação denova relação de aprendizagemaprendizagem
  7. 7. DEMOCRATIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO!DEMOCRATIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO!  As TICs permitem que se ofereçam grandesAs TICs permitem que se ofereçam grandes quantidades de cursos variados a pessoas emquantidades de cursos variados a pessoas em áreas longínquas, principalmente aquelasáreas longínquas, principalmente aquelas desprovidas de bons colégios ou faculdades,desprovidas de bons colégios ou faculdades, independente de locais e de horários fixos, ouindependente de locais e de horários fixos, ou seja, permitindo que o sujeito possa estudarseja, permitindo que o sujeito possa estudar em horário mais conveniente ao mesmo.em horário mais conveniente ao mesmo.  Portanto a educação pode usufruir das TICsPortanto a educação pode usufruir das TICs dando pulos de qualidade e criatividade,dando pulos de qualidade e criatividade, fortalecendo desde a educação básicafortalecendo desde a educação básica passando pelo ensino à distância epassando pelo ensino à distância e aproximando e formando mais pessoas paraaproximando e formando mais pessoas para uma educação significativa.uma educação significativa.
  8. 8. E assim a Educação à Distancia VemE assim a Educação à Distancia Vem Rompendo as Barreiras de Tempo eRompendo as Barreiras de Tempo e Espaços Através das Ferramentas...Espaços Através das Ferramentas...
  9. 9. Por Isso a Legitimação dos Novos EspaçosPor Isso a Legitimação dos Novos Espaços de Aprendizagem Se Faz Pertinentede Aprendizagem Se Faz Pertinente  E a Educação no BrasilE a Educação no Brasil precisa legitimar osprecisa legitimar os novos espaços denovos espaços de aprendizagem e assimaprendizagem e assim “Fugir do reducionismo“Fugir do reducionismo que separa os ambientesque separa os ambientes de produção Promoção ede produção Promoção e legitimação de novoslegitimação de novos espaços deespaços de aprendizagem”, Ou seja,aprendizagem”, Ou seja, é percebido que essasé percebido que essas interações em redesinterações em redes sociais fomentem ossociais fomentem os processos deprocessos de aprendizagens reflexivoaprendizagens reflexivo
  10. 10. E O CURRÍCULO MULTIRREFERENCIALE O CURRÍCULO MULTIRREFERENCIAL  Deve estimular atitudes favoráveis diante do uso deDeve estimular atitudes favoráveis diante do uso de tecnologias na educação fomentando a reflexão-açãotecnologias na educação fomentando a reflexão-ação dos cidadãos do mundo contemporâneodos cidadãos do mundo contemporâneo  Colaborar com produção coletiva de conhecimento eColaborar com produção coletiva de conhecimento e de propostas de ensino-aprendizagemde propostas de ensino-aprendizagem    fomentar a discussão sobre a complexa relação entrefomentar a discussão sobre a complexa relação entre pessoas, máquinas e grupos sociais e a reflexão sobrepessoas, máquinas e grupos sociais e a reflexão sobre essa relação nos processos de ensino-aprendizagemessa relação nos processos de ensino-aprendizagem  Potencializar o processo de ensino-aprendizagemPotencializar o processo de ensino-aprendizagem voltado para a busca virtual e digital, análises,voltado para a busca virtual e digital, análises, integração em fóruns, criação de comunidadesintegração em fóruns, criação de comunidades virtuais, para que formem sujeitos em contextosvirtuais, para que formem sujeitos em contextos plurais.plurais.
  11. 11. PARA ISSO A FORMAÇÃO CONTINUADAPARA ISSO A FORMAÇÃO CONTINUADA TEM OBJETIVOS DE....TEM OBJETIVOS DE....  ProporPropor desenvolvimento dadesenvolvimento da pessoa humana e relaciona-sepessoa humana e relaciona-se com a idéia de construção do sercom a idéia de construção do ser humano e que é realizada aohumano e que é realizada ao longo da vida.longo da vida. Desta forma a educaçãoDesta forma a educação continuada traz possibilidadescontinuada traz possibilidades de reflexão da própria prática ede reflexão da própria prática e assim melhorar o fazerassim melhorar o fazer pedagógico de nós professores,pedagógico de nós professores, pois, a relação unilateral epois, a relação unilateral e hierárquica não cabe nestahierárquica não cabe nesta nova perspectiva.nova perspectiva.
  12. 12.  Sendo assim o processo deSendo assim o processo de aprendizagem da Educação Continuadaaprendizagem da Educação Continuada pode adquirir formatos diversos, comopode adquirir formatos diversos, como por exemplo, workshops, seminários,por exemplo, workshops, seminários, conferências, cursos de curto prazo,conferências, cursos de curto prazo, cursos online à distância e etc. Portanto,cursos online à distância e etc. Portanto, não há um formato ou duraçãonão há um formato ou duração específica para um programa deespecífica para um programa de Educação Continuada, que pode terEducação Continuada, que pode ter prazo tanto de um final de semana, comoprazo tanto de um final de semana, como de um semestre.de um semestre.
  13. 13. ““Ninguém educa ninguém, ninguém educa aNinguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre si,si mesmo, os homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo”mediatizados pelo mundo” Paulo FreirePaulo Freire
  14. 14. FINALIZAÇÃO:FINALIZAÇÃO: Então...Então...  A proposta do currículo multirreferencial é disA proposta do currículo multirreferencial é discutircutir estratégias e ferramentas que viabilizem a gestãoestratégias e ferramentas que viabilizem a gestão das mídias no ambiente escolar, em suas dimensõesdas mídias no ambiente escolar, em suas dimensões pedagógica, administrativa e tecnológica, para umapedagógica, administrativa e tecnológica, para uma educação integral e interligada com diversoseducação integral e interligada com diversos contextos.contextos.  
  15. 15. BIBLIOGRAFIA:BIBLIOGRAFIA:  Souza, Arnaldo Oliveira. A NECESSIDADE DE CONSTRUÇÃO DE UMSouza, Arnaldo Oliveira. A NECESSIDADE DE CONSTRUÇÃO DE UM CURRÍCULO MULTIRREFERENCIAL NO ENSINO SUPERIORCURRÍCULO MULTIRREFERENCIAL NO ENSINO SUPERIOR  http://linhamarques.blogspot.com/2010/03/o-curriculo-em-sua-proposta.htmlhttp://linhamarques.blogspot.com/2010/03/o-curriculo-em-sua-proposta.html  Santos, Edméa. O currículo multirreferencial: outros espaços tempos para aSantos, Edméa. O currículo multirreferencial: outros espaços tempos para a educação onlineeducação online
  16. 16. EQUIPEEQUIPE Pólo: MaracanãPólo: Maracanã Elizabeth do Nascimento BaptistaElizabeth do Nascimento Baptista Matrícula _______ 20081208875Matrícula _______ 20081208875 Renata CunhaRenata Cunha Matrícula________20081208493Matrícula________20081208493 Jose Manoel de OliveiraJose Manoel de Oliveira Matrícula________20081208895Matrícula________20081208895

×