Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990
 
<ul><li>A história da ortografia se divide em três períodos; </li></ul><ul><li>Fonético: cada pessoa fazia a interpretação...
<ul><li>ACL (Academia das Ciências de Lisboa)  </li></ul><ul><li>ABL (Academia Brasileira de Letras) </li></ul>
 
<ul><li>Objetivo principal:  Unificação da escrita nos países luso- fônicos. </li></ul><ul><li>O acordo foi assinado em 16...
<ul><li>As letras K, W e Y, serão reintroduzidas no alfabeto. </li></ul><ul><li>O trema desaparece em todas palavras. (Per...
<ul><li>Some o acento no i e no u fortes depois de ditongos, em palavras paroxítonas . </li></ul><ul><li>Feiúra  passa a s...
 
 
 
 
<ul><li>O prefixo  co  aglutina-se com a segunda palavra </li></ul><ul><li>Ex: Coobrigação, copiloto </li></ul><ul><li>Com...
 
<ul><li>Unificação da ortografia nos países lusofônicos </li></ul><ul><li>Facilitação na divulgação  internacional do Port...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

1.320 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

  1. 1. Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990
  2. 3. <ul><li>A história da ortografia se divide em três períodos; </li></ul><ul><li>Fonético: cada pessoa fazia a interpretação das palavras e as escrevia à sua maneira, causando uma enorme confusão. </li></ul><ul><li>Pseudo-etimológico: predominava a duplicação das consoantes intervocálicas. Também se destacavam consoantes duplas e mudas. Ex.: approximar, septe </li></ul><ul><li>Simplificado: foram excluídos todos os símbolos da etimologia grega, foram reduzidas as consoantes insonoras e dobradas, com exceção de RR e SS. Também foram eliminadas as consoantes nulas. </li></ul>
  3. 4. <ul><li>ACL (Academia das Ciências de Lisboa) </li></ul><ul><li>ABL (Academia Brasileira de Letras) </li></ul>
  4. 6. <ul><li>Objetivo principal: Unificação da escrita nos países luso- fônicos. </li></ul><ul><li>O acordo foi assinado em 16 de Dezembro de 1990. </li></ul><ul><li>Países participantes; </li></ul><ul><li>Angola Brasil Cabo Verde Guiné-Bissau </li></ul><ul><li>Galícia Moçambique Portugal </li></ul><ul><li>São Tomé e Príncipe Timor Leste </li></ul>
  5. 7. <ul><li>As letras K, W e Y, serão reintroduzidas no alfabeto. </li></ul><ul><li>O trema desaparece em todas palavras. (Permanece em palavras estrangeiras e nomes próprios). </li></ul><ul><li>As palavras paroxítonas que contêm os ditongos abertos éi e ói , perdem o acento gráfico. </li></ul><ul><li>Idéia passa a ser Ideia </li></ul><ul><li>Jóia passa a ser Joia </li></ul>
  6. 8. <ul><li>Some o acento no i e no u fortes depois de ditongos, em palavras paroxítonas . </li></ul><ul><li>Feiúra passa a se r Feiura </li></ul><ul><li>Alauíta passa a ser Alauita </li></ul><ul><li>Palavras terminadas em: êem e ôo(s) , perdem o acento gráfico. </li></ul><ul><li>Crêem passa a ser Creem </li></ul><ul><li>Vôo passa a ser Voo </li></ul>
  7. 13. <ul><li>O prefixo co aglutina-se com a segunda palavra </li></ul><ul><li>Ex: Coobrigação, copiloto </li></ul><ul><li>Com os prefixos vice, ex, sem, além, aquém, recém, pós e pré, sempre será usado o hífen </li></ul><ul><li>Ex: Ex-namorado, vice-presidente </li></ul>
  8. 15. <ul><li>Unificação da ortografia nos países lusofônicos </li></ul><ul><li>Facilitação na divulgação internacional do Português </li></ul><ul><li>Estabelecimento de ensino da Língua Portuguesa nos países estrangeiros </li></ul><ul><li>Facilitará a distribuição e circulação de materiais didáticos </li></ul><ul><li>Fortalecimento gráfico do Português </li></ul><ul><li>Reconhecimento como idioma oficial pela ONU (Organização das Nações Unidas) </li></ul>

×