9º ano E. F. II - Período Simples e Composto, Período Composto por Subordinação e Coordenação

17.727 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
6 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
17.727
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
496
Comentários
1
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

9º ano E. F. II - Período Simples e Composto, Período Composto por Subordinação e Coordenação

  1. 1. 1 Atendimento Pedagógico 9º ano E. F. II (Aula #3)
  2. 2. 2 Período Período é o conjunto de uma ou mais orações que apresenta sentido geral autônomo em relação aos enunciados que o precedem ou sucedem. Exemplos: Corram! É bom que ela venha amanhã e traga os livros.
  3. 3. 3 Período Simples e Composto O período pode ser: SIMPLES – Quando encerra apenas uma oração. Exemplos: Três paixões governaram minha vida. Vou trabalhar cedo amanhã. COMPOSTO – Quando encerra mais de uma oração. Exemplos: Anseio aliviar o mal, mas não posso e sofro. Vim, vi e venci.
  4. 4. 4 Período Composto O período pode ser composto por: COORDENAÇÃO – quando as orações têm sentido completo. SUBORDINAÇÃO – quando o sentido de uma ou mais orações depende de outra oração.
  5. 5. 5 Período composto por subordinação ORAÇÃO PRINCIPAL – exige que outra lhe seja dependente. ORAÇÃO SUBORDINADA – oração cujo significado depende da oração principal. Viajaremos assim que amanhecer Oração principal Oração subordinada
  6. 6. 6 Período composto por coordenação Uma oração chama-se coordenada quando não funciona como termo de outra e nem tem outra que funcione como termo dela. Ou seja, as orações coordenadas são sintaticamente independentes entre si. Eu lhe trouxe o livro, mas você não o leu 1ª oração 2ª oração
  7. 7. 7 Eu lhe trouxe o livro, masmas você não o leu. Observe, no exemplo, como a 2ª oração não precisa funcionar como termo da 1ª e vice-versa, porque as duas já têm estrutura sintática completa. Ainda no exemplo, note que a 1ª oração não apresenta conjunção, enquanto a 2ª apresenta a conjunção mas. Dependendo da presença ou da ausência de conjunção, uma oração coordenada é sindética ou assindética. Coordenada sindéticaCoordenada sindética – quando possui conjunção. Coordenada assindéticaCoordenada assindética – quando não possui conjunção.
  8. 8. 8 Classificação das coordenadas sindéticas As orações coordenadas assindéticas, isto é, sem conjunção, não recebem nenhuma classificação. As coordenadas sindéticas são classificadas de acordo com o sentido que têm no período.
  9. 9. 9 1. Coordenada sindética aditiva Exprime uma relação de soma, de adição. Conjunções: e; nem; não só ... mas também. Ela parou o carro na rua ee nós fomos cumprimentá- la. Ele não faz o trabalho dele, nemnem ajuda os colegas.
  10. 10. 10 2. Coordenada sindética adversativa Indica uma ideia contrária à da outra oração, uma oposição. Conjunções: mas; porém; todavia; contudo; entretanto; no entanto. A noite estava fria, masmas as crianças brincavam na rua.
  11. 11. 11 3. Coordenada sindética alternativa Exprime possibilidade de opção, de escolha, de alternância. Conjunções: ou ... ou; ora ... ora; quer ... quer. OuOu tudo se resolve hoje, ouou não viremos mais aqui.
  12. 12. 12 4. Coordenada sindética conclusiva Exprime uma conclusão da ideia contida na oração coordenada. Conjunções: logo; (após o verbo) pois; portanto; por isso. Tudo está em ordem, portantoportanto não devemos nos preocupar. Ele está confuso, precisa, poispois, de nosso apoio.
  13. 13. 13 5. Coordenada sindética explicativa Exprime uma explicação, uma justificativa ao que está contido na oração coordenada. Conjunções: pois (antes do verbo); porque; que. Não saia hoje, poispois vai chover muito.

×