SlideShare uma empresa Scribd logo

“Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários”

J
JUERP

1. Paulo pregou o evangelho nas cidades da Galácia, Éfeso, Filipos e Colossos durante suas viagens missionárias descritas no livro de Atos. 2. Deus realizou milagres extraordinários por meio de Paulo para confirmar o evangelho. 3. Foi estabelecida igrejas nessas cidades que receberiam cartas de Paulo e continuariam espalhando a mensagem cristã.

1 de 18
Baixar para ler offline
As cartas de Paulo III
                     Gálatas, Efésios,
                        Filipenses e
                        Colossenses




Diretrizes para
as igrejas primitivas
que valem para as
igrejas cristãs de hoje
Estas quatro cartas contêm o
   que poderíamos chamar de
     âmago escriturístico do
apóstolo Paulo. Por uma questão
   que não sabemos imaginar
     sequer, o cânon bíblico
  neotestamentário as inseriu
 exatamente dentre as cartas
  escritas às igrejas, após as
     duas epístolas maiores
  (Romanos e 1/2Coríntios) e
    antes das duas epístolas
escritas à igreja de Tessalônica
onde ele escreve sobre o último
     passo da vida cristã, a
          ressurreição.
Quando mencionamos que
   tratam elas do âmago dos
 escritos paulinos, o fazemos
   porque se em Romanos ele
     analisa a personalidade
     humana destituída dos
 atributos divinos, imersa na
    idolatria, na depravação
  sexual, na libertinagem dos
costumes e se nas cartas aos
Coríntios ele vai dar destaque
   aos dons mas também aos
pesos da vida cristã diante de
      tais fatos, é nestas
 quatro cartas que se seguem
 que ele expõe como o crente
   vai viver a vida cristã em
     face de tais desafios:
Para cada carta então,
 três ou quatro lições o
que poderá nos dar, sem
dúvida, um trimestre de
grandes expectativas de
   crescimento cristão,
permitindo a cada um de
  nós, avaliar aquilo que
  como crentes estamos
  realizando em função
das armas que o Senhor
   Deus colocou à nossa
  disposição desde esta
          época.
A região
              abrangida pelas
              cartas em foto
                de satélite




A região da
Galácia em
mapa antigo
Na carta aos Gálatas, ele aborda com
proficiência e coragem a liberdade cristã
em contraposição aos ditames retrógrados
 que os legalistas queriam impor à igreja
            que se constituía.
Em Efésios, ele faz o mais belo discurso sobre
 a santidade cristã, e como com ela o crente
 poderia enfrentar o mundo, certo da vitória
           sobre o mal e o pecado.
Na carta aos filipenses ele vai falar sobre o poder que
   Deus dá ao crente e à sua igreja de forma que o
 crente saiba daí para a frente e em todas as épocas
que "pode todas as coisas naquele que lhe fortalece“.
Na carta aos colossenses ele vai então expor como com
 tais armas - liberdade, santidade e poder - o crente
  poderia desenvolver uma vivência de fraternidade e
          amor com os seus irmãos em Cristo.
As cartas de Paulo III
                            Gálatas, Efésios,
                               Filipenses e
                               Colossenses

                                     Estudo 01
  “Deus pelas mãos
de Paulo fazia milagres
    extraordinários”

   Texto bíblico – Atos 14,16,19

     Texto áureo – Atos 19.11
“E Deus pelas mãos de Paulo fazia
     milagres extraordinários”
O texto bíblico desta
primeira lição não será
nas cartas em estudo.
  Estaremos lendo e
 estudando no livro de
 Atos, a passagem de
    Paulo por estas
cidades enquanto suas
       viagens se
    desenrolavam no
   panorama bíblico:

     Atos 14.1-7
Texto bíblico:

                                    Atos 14.20-23



 A leitura do texto nos demonstra que deixando Perge,
  porto de entrada para a Ásia, subiram a Antioquia,
agora da Pisídia, e dali vão prosseguir, de certa forma
   incitados pelas perseguições e resistências que lhes
 moviam os judeus, atingindo assim, as demais cidades
 que nesta primeira viagem, receberão a mensagem da
salvação em Cristo: Icônio, Derbe, Listra, as chamadas
                    igrejas da Galácia.
Texto bíblico:

                                    Atos 16.1-8



   Depois do Concílio de Jerusalém, Paulo e Barnabé,
voltam à igreja-missionária em Antioquia e se preparam
  para uma nova jornada. Agora, temos duas viagens
 simultaneamente sendo feitas, pois enquanto, Barnabé
  juntamente com João Marcos, partem por mar para
Chipre, Paulo e Silas se dirigem por terra às cidades ao
    norte de Antioquia, chegando assim às igrejas da
                  Galácia como lemos.
Texto bíblico:

                                     Atos 16.9-15



 Em Trôade, Paulo tem a visão que o leva a atravessar
o Estreito de Bósforo para chegar à Europa, onde dará
  início à sua jornada missionária mais expressiva pois
  estará atingindo o cume da civilização ocidental que
 com o Império Romano dominava o mundo, chegando à
 Filipos, na Macedônia, a principal província romana da
                         região.
Texto bíblico:

                                    Atos 19.1-7




  Depois de passar por Filipos, Paulo vai demorar-se
bastante ainda em sua segunda viagem, pois atravessa
  a península balcânica de norte a sul passando por
  Tessalônica, Beréia, Atenas, Corinto, onde ficou
 cerca de 1 ano e meio, e já retornando à Palestina,
  aporta em Éfeso, na Ásia, mas não fica ali muito
tempo, prometendo aos efésios que apelavam para que
  ali ficasse com eles que retornaria, "se o Senhor
      quisesse", como menciona em Atos 18.21.
Texto bíblico:

                                           Atos 19.8-16



Éfeso era ao tempo do final do primeiro século da Era cristã, a
 quarta maior cidade do Império Romano. Tinha como centro de
 sua atração, o histórico templo de Diana, deusa pagã cultuada
com muito fanatismo, mesmo depois da destruição do seu templo
 que foi considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo.
Embora destruído em 356 a.C., ele teve diversas tentativas de
    reconstrução,e ainda que sem o esplendor estrutural de
outrora, seu culto pagão e idolátrico persistia com fanatismo ao
   tempo da viagem de Paulo como vamos verificar na reação
       efetivada por Demétrio contra a pregação de Paulo.
Texto bíblico:

                                       Atos 19.17-22



Daí, pelo que lemos no texto bíblico acima, o Evangelho chegou
 a Colossos, a última de nossas cidades a serem destinatárias
 das quatro cartas que estaremos estudando neste trimestre.
  Epafras um dos companheiros de Paulo em Éfeso, ou mesmo
Filemom, pelo que lemos em sua carta, receberam a mensagem
     cristã e a levaram a Colossos, onde uma igreja será
 constituída, e mais tarde, Paulo demonstrará o seu interesse
  em ali estar e conviver com os crentes daquela comunidade,
        onde Arquipo, filho de Filemom, seria o pastor.
Conclusão

  3.A obra de Deus se faz
    através das igrejas de
Cristo: as igrejas da Galácia,
  de Éfeso, de Filipos e de
 Colossos vão comprovar-nos
              isto
   2. Se não fosse assim o
 Evangelho não teria chegado
       aos nossos dias;
3. Nós somos os responsáveis
     pela continuidade da
pregação desta mensagem ao
            mundo;
4. Paulo nos dá o exemplo de
     dedicação à pregação
       evangelizadora.

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

2 epístolas paulinas
2 epístolas paulinas2 epístolas paulinas
2 epístolas paulinasJosé Santos
 
Paulo e a Igreja em Corinto
Paulo e a Igreja em CorintoPaulo e a Igreja em Corinto
Paulo e a Igreja em Corintoguest985a0e
 
Apresentação 2 Coríntios - Teologia
Apresentação 2 Coríntios - Teologia Apresentação 2 Coríntios - Teologia
Apresentação 2 Coríntios - Teologia Rodrigo F Menegatti
 
Panorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1CoríntiosPanorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1CoríntiosRespirando Deus
 
1º tessalonicenses
1º tessalonicenses1º tessalonicenses
1º tessalonicensesrenisvan
 
O Discipulado Cristão nas Cartas aos Tessalonicenses
O Discipulado Cristão nas Cartas aos TessalonicensesO Discipulado Cristão nas Cartas aos Tessalonicenses
O Discipulado Cristão nas Cartas aos TessalonicensesJUERP
 
A Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diária
A Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diáriaA Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diária
A Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diáriaDaniel Junior
 
3 romanos e gálatas
3 romanos e gálatas3 romanos e gálatas
3 romanos e gálatasJosé Santos
 
Estudo 12 as cartas de paulo III - gl-ef-fp-cl
Estudo 12   as cartas de paulo III - gl-ef-fp-clEstudo 12   as cartas de paulo III - gl-ef-fp-cl
Estudo 12 as cartas de paulo III - gl-ef-fp-clJUERP
 
Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.
Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.
Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.Nehemias Santos
 
Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.
Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.
Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.Abdias Barreto
 
Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013
Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013
Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013Pré Cursilho Taguatinga
 
6 epístolas gerais pedro
6 epístolas gerais pedro6 epístolas gerais pedro
6 epístolas gerais pedroJosé Santos
 
Alegrai vos no senhor uma exposição de filipenses - russell p. shedd
Alegrai vos no senhor   uma exposição de filipenses - russell p. sheddAlegrai vos no senhor   uma exposição de filipenses - russell p. shedd
Alegrai vos no senhor uma exposição de filipenses - russell p. sheddDeusdete Soares
 
Panorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosPanorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosRespirando Deus
 

Mais procurados (20)

EADE - As epístolas de Paulo (1)
EADE - As epístolas de Paulo (1)EADE - As epístolas de Paulo (1)
EADE - As epístolas de Paulo (1)
 
2 epístolas paulinas
2 epístolas paulinas2 epístolas paulinas
2 epístolas paulinas
 
Paulo e a Igreja em Corinto
Paulo e a Igreja em CorintoPaulo e a Igreja em Corinto
Paulo e a Igreja em Corinto
 
Apresentação 2 Coríntios - Teologia
Apresentação 2 Coríntios - Teologia Apresentação 2 Coríntios - Teologia
Apresentação 2 Coríntios - Teologia
 
Panorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1CoríntiosPanorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1Coríntios
 
1º tessalonicenses
1º tessalonicenses1º tessalonicenses
1º tessalonicenses
 
O Discipulado Cristão nas Cartas aos Tessalonicenses
O Discipulado Cristão nas Cartas aos TessalonicensesO Discipulado Cristão nas Cartas aos Tessalonicenses
O Discipulado Cristão nas Cartas aos Tessalonicenses
 
10. 2a. epístola de paulo aos corintios
10. 2a. epístola de paulo aos corintios10. 2a. epístola de paulo aos corintios
10. 2a. epístola de paulo aos corintios
 
A Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diária
A Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diáriaA Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diária
A Igreja em Corinto: Realidade espiritual x Vivência diária
 
3 romanos e gálatas
3 romanos e gálatas3 romanos e gálatas
3 romanos e gálatas
 
Estudo 12 as cartas de paulo III - gl-ef-fp-cl
Estudo 12   as cartas de paulo III - gl-ef-fp-clEstudo 12   as cartas de paulo III - gl-ef-fp-cl
Estudo 12 as cartas de paulo III - gl-ef-fp-cl
 
I e ii_tessalonicenses
I e ii_tessalonicensesI e ii_tessalonicenses
I e ii_tessalonicenses
 
Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.
Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.
Lição 9 - Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses.
 
Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.
Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.
Comentário Filipenses - moody. (Auxilio para as Aulas EBD. 3º Trimestre-2013.
 
Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013
Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013
Palestra às epistolas de são paulo janeiro de 2013 atualizado em 01 04-2013
 
6 epístolas gerais pedro
6 epístolas gerais pedro6 epístolas gerais pedro
6 epístolas gerais pedro
 
2 coríntios autobiografia de uma pessoa no espírito
2 coríntios   autobiografia de uma pessoa no espírito2 coríntios   autobiografia de uma pessoa no espírito
2 coríntios autobiografia de uma pessoa no espírito
 
Alegrai vos no senhor uma exposição de filipenses - russell p. shedd
Alegrai vos no senhor   uma exposição de filipenses - russell p. sheddAlegrai vos no senhor   uma exposição de filipenses - russell p. shedd
Alegrai vos no senhor uma exposição de filipenses - russell p. shedd
 
Carta aos gálatas
Carta aos gálatasCarta aos gálatas
Carta aos gálatas
 
Panorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosPanorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2Coríntios
 

Semelhante a “Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários”

epistolaspaulinascorrigidas.pdf
epistolaspaulinascorrigidas.pdfepistolaspaulinascorrigidas.pdf
epistolaspaulinascorrigidas.pdfcadastromoria
 
Epistola Paulina Completo.pptx
Epistola Paulina  Completo.pptxEpistola Paulina  Completo.pptx
Epistola Paulina Completo.pptxLucianoMachado52
 
Continuação da Análise de I Corintios
Continuação da Análise de I CorintiosContinuação da Análise de I Corintios
Continuação da Análise de I CorintiosUEPB
 
Estudo Bíblico de I Corintios
Estudo Bíblico de I CorintiosEstudo Bíblico de I Corintios
Estudo Bíblico de I CorintiosUEPB
 
I Corintios Inicio
 I Corintios Inicio I Corintios Inicio
I Corintios InicioUEPB
 
Aula nº 1 introdução
Aula nº 1   introduçãoAula nº 1   introdução
Aula nº 1 introduçãoWelton Dias
 
comentário biblico-1 coríntios (moody)
comentário biblico-1 coríntios (moody)comentário biblico-1 coríntios (moody)
comentário biblico-1 coríntios (moody)leniogravacoes
 
Atos dos Apóstolos licao 1.ppt
Atos dos Apóstolos licao 1.pptAtos dos Apóstolos licao 1.ppt
Atos dos Apóstolos licao 1.pptAnderson Cezar
 
“O viver é Cristo e o morrer é lucro”
“O viver é Cristo e o morrer é lucro”“O viver é Cristo e o morrer é lucro”
“O viver é Cristo e o morrer é lucro”JUERP
 
A missiologia apocaliptica da carta aos romanos
A missiologia apocaliptica da carta aos romanosA missiologia apocaliptica da carta aos romanos
A missiologia apocaliptica da carta aos romanosMarcos Lino
 
Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.
Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.
Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
Elienai cabral comentário bíblico efésios
Elienai cabral   comentário bíblico efésiosElienai cabral   comentário bíblico efésios
Elienai cabral comentário bíblico efésiosjosimar silva
 
Elienai cabral comentário bíblico efésios
Elienai cabral   comentário bíblico efésiosElienai cabral   comentário bíblico efésios
Elienai cabral comentário bíblico efésiosjosimar silva
 
O Discipulado Cristão na Carta aos Colossenses
O Discipulado Cristão na Carta aos ColossensesO Discipulado Cristão na Carta aos Colossenses
O Discipulado Cristão na Carta aos ColossensesJUERP
 
A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016
A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016
A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016Pr. Andre Luiz
 
Aula 01 2 trimestre
Aula 01 2 trimestreAula 01 2 trimestre
Aula 01 2 trimestreDamiao Silva
 

Semelhante a “Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários” (20)

epistolaspaulinascorrigidas.pdf
epistolaspaulinascorrigidas.pdfepistolaspaulinascorrigidas.pdf
epistolaspaulinascorrigidas.pdf
 
Colossenses e Filemom
Colossenses e FilemomColossenses e Filemom
Colossenses e Filemom
 
Epistola Paulina Completo.pptx
Epistola Paulina  Completo.pptxEpistola Paulina  Completo.pptx
Epistola Paulina Completo.pptx
 
Continuação da Análise de I Corintios
Continuação da Análise de I CorintiosContinuação da Análise de I Corintios
Continuação da Análise de I Corintios
 
Estudo Bíblico de I Corintios
Estudo Bíblico de I CorintiosEstudo Bíblico de I Corintios
Estudo Bíblico de I Corintios
 
I Corintios Inicio
 I Corintios Inicio I Corintios Inicio
I Corintios Inicio
 
Aula nº 1 introdução
Aula nº 1   introduçãoAula nº 1   introdução
Aula nº 1 introdução
 
comentário biblico-1 coríntios (moody)
comentário biblico-1 coríntios (moody)comentário biblico-1 coríntios (moody)
comentário biblico-1 coríntios (moody)
 
Atos dos Apóstolos licao 1.ppt
Atos dos Apóstolos licao 1.pptAtos dos Apóstolos licao 1.ppt
Atos dos Apóstolos licao 1.ppt
 
“O viver é Cristo e o morrer é lucro”
“O viver é Cristo e o morrer é lucro”“O viver é Cristo e o morrer é lucro”
“O viver é Cristo e o morrer é lucro”
 
A missiologia apocaliptica da carta aos romanos
A missiologia apocaliptica da carta aos romanosA missiologia apocaliptica da carta aos romanos
A missiologia apocaliptica da carta aos romanos
 
Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.
Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.
Ebd cpad lições bíblicas 2°trimestre 2016 lição 1 Epístola aos Romanos.
 
Elienai cabral comentário bíblico efésios
Elienai cabral   comentário bíblico efésiosElienai cabral   comentário bíblico efésios
Elienai cabral comentário bíblico efésios
 
Elienai cabral comentário bíblico efésios
Elienai cabral   comentário bíblico efésiosElienai cabral   comentário bíblico efésios
Elienai cabral comentário bíblico efésios
 
O Discipulado Cristão na Carta aos Colossenses
O Discipulado Cristão na Carta aos ColossensesO Discipulado Cristão na Carta aos Colossenses
O Discipulado Cristão na Carta aos Colossenses
 
A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016
A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016
A Epístola aos Romanos - Lição 01 - 2º Trimestre de 2016
 
STNB-NT2-M2
STNB-NT2-M2STNB-NT2-M2
STNB-NT2-M2
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - carta aos colossenses
( Espiritismo)   # - amag ramgis - carta aos colossenses( Espiritismo)   # - amag ramgis - carta aos colossenses
( Espiritismo) # - amag ramgis - carta aos colossenses
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - carta aos colossenses
( Espiritismo)   # - amag ramgis - carta aos colossenses( Espiritismo)   # - amag ramgis - carta aos colossenses
( Espiritismo) # - amag ramgis - carta aos colossenses
 
Aula 01 2 trimestre
Aula 01 2 trimestreAula 01 2 trimestre
Aula 01 2 trimestre
 

Mais de JUERP

“Perseveravam na oração”
“Perseveravam na oração”“Perseveravam na oração”
“Perseveravam na oração”JUERP
 
“Purifica-me Senhor”
“Purifica-me Senhor”“Purifica-me Senhor”
“Purifica-me Senhor”JUERP
 
"A súplica de um justo pode muito na sua atuação"
"A súplica de um justo pode muito na sua atuação""A súplica de um justo pode muito na sua atuação"
"A súplica de um justo pode muito na sua atuação"JUERP
 
"Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores""Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores"JUERP
 
“Para que todos sejam um”
“Para que todos sejam um”“Para que todos sejam um”
“Para que todos sejam um”JUERP
 
“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”JUERP
 
“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”
“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”
“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”JUERP
 
“Buscarás ao Senhor teu Deus”
“Buscarás ao Senhor teu Deus”“Buscarás ao Senhor teu Deus”
“Buscarás ao Senhor teu Deus”JUERP
 
"O Senhor ouviu as orações"
"O Senhor ouviu as orações""O Senhor ouviu as orações"
"O Senhor ouviu as orações"JUERP
 
“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”
“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”
“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”JUERP
 
“Tratai aos empregados com equidade”
“Tratai aos empregados com equidade”“Tratai aos empregados com equidade”
“Tratai aos empregados com equidade”JUERP
 
“Prossigo para o alvo”
“Prossigo para o alvo”“Prossigo para o alvo”
“Prossigo para o alvo”JUERP
 
“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”JUERP
 
“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”JUERP
 
“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”JUERP
 
A Deus seja a glória
A Deus seja a glóriaA Deus seja a glória
A Deus seja a glóriaJUERP
 
“Pela graça sois salvos”
“Pela graça sois salvos”“Pela graça sois salvos”
“Pela graça sois salvos”JUERP
 
“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”
“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”
“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”JUERP
 
“Filho e herdeiro por Deus”
“Filho e herdeiro por Deus”“Filho e herdeiro por Deus”
“Filho e herdeiro por Deus”JUERP
 
"O Justo viverá pela fé"
"O Justo viverá pela fé""O Justo viverá pela fé"
"O Justo viverá pela fé"JUERP
 

Mais de JUERP (20)

“Perseveravam na oração”
“Perseveravam na oração”“Perseveravam na oração”
“Perseveravam na oração”
 
“Purifica-me Senhor”
“Purifica-me Senhor”“Purifica-me Senhor”
“Purifica-me Senhor”
 
"A súplica de um justo pode muito na sua atuação"
"A súplica de um justo pode muito na sua atuação""A súplica de um justo pode muito na sua atuação"
"A súplica de um justo pode muito na sua atuação"
 
"Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores""Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores"
 
“Para que todos sejam um”
“Para que todos sejam um”“Para que todos sejam um”
“Para que todos sejam um”
 
“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”
 
“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”
“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”
“Atende a oração de teu servo, ó Senhor”
 
“Buscarás ao Senhor teu Deus”
“Buscarás ao Senhor teu Deus”“Buscarás ao Senhor teu Deus”
“Buscarás ao Senhor teu Deus”
 
"O Senhor ouviu as orações"
"O Senhor ouviu as orações""O Senhor ouviu as orações"
"O Senhor ouviu as orações"
 
“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”
“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”
“Os homens começaram a invocar o nome de Deus”
 
“Tratai aos empregados com equidade”
“Tratai aos empregados com equidade”“Tratai aos empregados com equidade”
“Tratai aos empregados com equidade”
 
“Prossigo para o alvo”
“Prossigo para o alvo”“Prossigo para o alvo”
“Prossigo para o alvo”
 
“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”
 
“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”
 
“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”“Há um só corpo e um só Espírito”
“Há um só corpo e um só Espírito”
 
A Deus seja a glória
A Deus seja a glóriaA Deus seja a glória
A Deus seja a glória
 
“Pela graça sois salvos”
“Pela graça sois salvos”“Pela graça sois salvos”
“Pela graça sois salvos”
 
“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”
“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”
“Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito”
 
“Filho e herdeiro por Deus”
“Filho e herdeiro por Deus”“Filho e herdeiro por Deus”
“Filho e herdeiro por Deus”
 
"O Justo viverá pela fé"
"O Justo viverá pela fé""O Justo viverá pela fé"
"O Justo viverá pela fé"
 

Último

Oração De São Jorge
Oração De São JorgeOração De São Jorge
Oração De São JorgeNilson Almeida
 
Orações Para Crianças
Orações Para CriançasOrações Para Crianças
Orações Para CriançasNilson Almeida
 
Orações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E LibertaçãoOrações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E LibertaçãoNilson Almeida
 
Orações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De LéllisOrações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De LéllisNilson Almeida
 
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...Denise Aguiar
 
Orações Da Noite Junto A Um Recém-Nascido
Orações Da Noite Junto A Um Recém-NascidoOrações Da Noite Junto A Um Recém-Nascido
Orações Da Noite Junto A Um Recém-NascidoNilson Almeida
 
Novena A Nossa Senhora Do Perpétuo Socorro
Novena A Nossa Senhora Do Perpétuo SocorroNovena A Nossa Senhora Do Perpétuo Socorro
Novena A Nossa Senhora Do Perpétuo SocorroNilson Almeida
 
Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024
Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024
Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024Nilson Almeida
 
Oração De Proteção Jesus Cristo
Oração De Proteção Jesus CristoOração De Proteção Jesus Cristo
Oração De Proteção Jesus CristoNilson Almeida
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E MariaOração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E MariaNilson Almeida
 
Oração Da Prosperidade E Da Riqueza
Oração Da Prosperidade E Da RiquezaOração Da Prosperidade E Da Riqueza
Oração Da Prosperidade E Da RiquezaNilson Almeida
 
Orações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos Vícios
Orações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos VíciosOrações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos Vícios
Orações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos VíciosNilson Almeida
 
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E ProteçãoOração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E ProteçãoNilson Almeida
 
Intercessão e batalha espiritual Débora.pdf
Intercessão e batalha espiritual Débora.pdfIntercessão e batalha espiritual Débora.pdf
Intercessão e batalha espiritual Débora.pdfDenivalSouza1
 
Ho'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração OriginalHo'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração OriginalNilson Almeida
 
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.pptBíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.pptIgrejadoVerbo
 
Oração De Proteção Às Crianças
Oração De Proteção Às CriançasOração De Proteção Às Crianças
Oração De Proteção Às CriançasNilson Almeida
 

Último (20)

Oração De São Jorge
Oração De São JorgeOração De São Jorge
Oração De São Jorge
 
Orações Para Crianças
Orações Para CriançasOrações Para Crianças
Orações Para Crianças
 
Orações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E LibertaçãoOrações Selecionadas De Cura E Libertação
Orações Selecionadas De Cura E Libertação
 
Orações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De LéllisOrações A São Camilo De Léllis
Orações A São Camilo De Léllis
 
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
 
Orações Da Noite Junto A Um Recém-Nascido
Orações Da Noite Junto A Um Recém-NascidoOrações Da Noite Junto A Um Recém-Nascido
Orações Da Noite Junto A Um Recém-Nascido
 
Novena A Nossa Senhora Do Perpétuo Socorro
Novena A Nossa Senhora Do Perpétuo SocorroNovena A Nossa Senhora Do Perpétuo Socorro
Novena A Nossa Senhora Do Perpétuo Socorro
 
Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024
Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024
Oração Da Campanha Da Fraternidade 2024
 
Orações Do Cristão
Orações Do CristãoOrações Do Cristão
Orações Do Cristão
 
Oração De Proteção Jesus Cristo
Oração De Proteção Jesus CristoOração De Proteção Jesus Cristo
Oração De Proteção Jesus Cristo
 
Prece De Caritas
Prece De CaritasPrece De Caritas
Prece De Caritas
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E MariaOração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria
 
Oração Da Prosperidade E Da Riqueza
Oração Da Prosperidade E Da RiquezaOração Da Prosperidade E Da Riqueza
Oração Da Prosperidade E Da Riqueza
 
Oração Pelos Filhos
Oração Pelos FilhosOração Pelos Filhos
Oração Pelos Filhos
 
Orações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos Vícios
Orações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos VíciosOrações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos Vícios
Orações Novena Santas Chagas Pela Libertação Dos Vícios
 
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E ProteçãoOração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
Oração Aos Três Arcanjos - Círculo De Luz E Proteção
 
Intercessão e batalha espiritual Débora.pdf
Intercessão e batalha espiritual Débora.pdfIntercessão e batalha espiritual Débora.pdf
Intercessão e batalha espiritual Débora.pdf
 
Ho'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração OriginalHo'oponopono Oração Original
Ho'oponopono Oração Original
 
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.pptBíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
Bíblia Sagrada - livro II de Salmos - 42-72 - slides powerpoint.ppt
 
Oração De Proteção Às Crianças
Oração De Proteção Às CriançasOração De Proteção Às Crianças
Oração De Proteção Às Crianças
 

“Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários”

  • 1. As cartas de Paulo III Gálatas, Efésios, Filipenses e Colossenses Diretrizes para as igrejas primitivas que valem para as igrejas cristãs de hoje
  • 2. Estas quatro cartas contêm o que poderíamos chamar de âmago escriturístico do apóstolo Paulo. Por uma questão que não sabemos imaginar sequer, o cânon bíblico neotestamentário as inseriu exatamente dentre as cartas escritas às igrejas, após as duas epístolas maiores (Romanos e 1/2Coríntios) e antes das duas epístolas escritas à igreja de Tessalônica onde ele escreve sobre o último passo da vida cristã, a ressurreição.
  • 3. Quando mencionamos que tratam elas do âmago dos escritos paulinos, o fazemos porque se em Romanos ele analisa a personalidade humana destituída dos atributos divinos, imersa na idolatria, na depravação sexual, na libertinagem dos costumes e se nas cartas aos Coríntios ele vai dar destaque aos dons mas também aos pesos da vida cristã diante de tais fatos, é nestas quatro cartas que se seguem que ele expõe como o crente vai viver a vida cristã em face de tais desafios:
  • 4. Para cada carta então, três ou quatro lições o que poderá nos dar, sem dúvida, um trimestre de grandes expectativas de crescimento cristão, permitindo a cada um de nós, avaliar aquilo que como crentes estamos realizando em função das armas que o Senhor Deus colocou à nossa disposição desde esta época.
  • 5. A região abrangida pelas cartas em foto de satélite A região da Galácia em mapa antigo
  • 6. Na carta aos Gálatas, ele aborda com proficiência e coragem a liberdade cristã em contraposição aos ditames retrógrados que os legalistas queriam impor à igreja que se constituía.
  • 7. Em Efésios, ele faz o mais belo discurso sobre a santidade cristã, e como com ela o crente poderia enfrentar o mundo, certo da vitória sobre o mal e o pecado.
  • 8. Na carta aos filipenses ele vai falar sobre o poder que Deus dá ao crente e à sua igreja de forma que o crente saiba daí para a frente e em todas as épocas que "pode todas as coisas naquele que lhe fortalece“.
  • 9. Na carta aos colossenses ele vai então expor como com tais armas - liberdade, santidade e poder - o crente poderia desenvolver uma vivência de fraternidade e amor com os seus irmãos em Cristo.
  • 10. As cartas de Paulo III Gálatas, Efésios, Filipenses e Colossenses Estudo 01 “Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários” Texto bíblico – Atos 14,16,19 Texto áureo – Atos 19.11 “E Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários”
  • 11. O texto bíblico desta primeira lição não será nas cartas em estudo. Estaremos lendo e estudando no livro de Atos, a passagem de Paulo por estas cidades enquanto suas viagens se desenrolavam no panorama bíblico: Atos 14.1-7
  • 12. Texto bíblico: Atos 14.20-23 A leitura do texto nos demonstra que deixando Perge, porto de entrada para a Ásia, subiram a Antioquia, agora da Pisídia, e dali vão prosseguir, de certa forma incitados pelas perseguições e resistências que lhes moviam os judeus, atingindo assim, as demais cidades que nesta primeira viagem, receberão a mensagem da salvação em Cristo: Icônio, Derbe, Listra, as chamadas igrejas da Galácia.
  • 13. Texto bíblico: Atos 16.1-8 Depois do Concílio de Jerusalém, Paulo e Barnabé, voltam à igreja-missionária em Antioquia e se preparam para uma nova jornada. Agora, temos duas viagens simultaneamente sendo feitas, pois enquanto, Barnabé juntamente com João Marcos, partem por mar para Chipre, Paulo e Silas se dirigem por terra às cidades ao norte de Antioquia, chegando assim às igrejas da Galácia como lemos.
  • 14. Texto bíblico: Atos 16.9-15 Em Trôade, Paulo tem a visão que o leva a atravessar o Estreito de Bósforo para chegar à Europa, onde dará início à sua jornada missionária mais expressiva pois estará atingindo o cume da civilização ocidental que com o Império Romano dominava o mundo, chegando à Filipos, na Macedônia, a principal província romana da região.
  • 15. Texto bíblico: Atos 19.1-7 Depois de passar por Filipos, Paulo vai demorar-se bastante ainda em sua segunda viagem, pois atravessa a península balcânica de norte a sul passando por Tessalônica, Beréia, Atenas, Corinto, onde ficou cerca de 1 ano e meio, e já retornando à Palestina, aporta em Éfeso, na Ásia, mas não fica ali muito tempo, prometendo aos efésios que apelavam para que ali ficasse com eles que retornaria, "se o Senhor quisesse", como menciona em Atos 18.21.
  • 16. Texto bíblico: Atos 19.8-16 Éfeso era ao tempo do final do primeiro século da Era cristã, a quarta maior cidade do Império Romano. Tinha como centro de sua atração, o histórico templo de Diana, deusa pagã cultuada com muito fanatismo, mesmo depois da destruição do seu templo que foi considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo. Embora destruído em 356 a.C., ele teve diversas tentativas de reconstrução,e ainda que sem o esplendor estrutural de outrora, seu culto pagão e idolátrico persistia com fanatismo ao tempo da viagem de Paulo como vamos verificar na reação efetivada por Demétrio contra a pregação de Paulo.
  • 17. Texto bíblico: Atos 19.17-22 Daí, pelo que lemos no texto bíblico acima, o Evangelho chegou a Colossos, a última de nossas cidades a serem destinatárias das quatro cartas que estaremos estudando neste trimestre. Epafras um dos companheiros de Paulo em Éfeso, ou mesmo Filemom, pelo que lemos em sua carta, receberam a mensagem cristã e a levaram a Colossos, onde uma igreja será constituída, e mais tarde, Paulo demonstrará o seu interesse em ali estar e conviver com os crentes daquela comunidade, onde Arquipo, filho de Filemom, seria o pastor.
  • 18. Conclusão 3.A obra de Deus se faz através das igrejas de Cristo: as igrejas da Galácia, de Éfeso, de Filipos e de Colossos vão comprovar-nos isto 2. Se não fosse assim o Evangelho não teria chegado aos nossos dias; 3. Nós somos os responsáveis pela continuidade da pregação desta mensagem ao mundo; 4. Paulo nos dá o exemplo de dedicação à pregação evangelizadora.