SlideShare uma empresa Scribd logo

Plano de gerenciamento do cronograma (2)

Plano gerennciamento projeto cronograma

1 de 8
Baixar para ler offline
Plano de Gerenciamento do cronograma
Nome do Projeto
planodegerenciamentodocronograma2-
211128134841
Página1 de 8
PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br
Controle de Versões
Versão Data Autor Notas da Revisão
1 Objetivo do Plano de gerenciamento do cronograma
[Descreva o objetivo doplanode gerenciamento docronograma. ]
O Planode gerenciamentodocronograma descreve comoosprocessos relacionados aocronograma
do projeto serãoexecutados,controlados,monitoradose encerrados.
Alémde servircomo guiapara a equipe durante todooprojeto.
2 Método de gerenciamento do cronograma
[Use as seções seguintes para identificar os componentes do Planode gerenciamento docronograma ou modifique-as para encontrar suas
necessidades. ]
Gerenciaro cronogramado projetorequerumPlanode gerenciamentodocronograma aprovado
englobandoosprincipaisprocessos doGerenciamentodocronogramadoprojeto definidosabaixo.
O Planode gerenciamentodocronograma é desenvolvidoe aprovadodurante afase de
planejamentodo projetoparaorientara equipe doprojetosobre comoosprocessosrelacionados
ao cronograma serãoexecutados,controlados,monitoradose encerrados.
2.1 Processos de gerenciamento do cronograma
[Descreva os processos de Gerenciamentodo cronograma do projetoa seremadotados no projeto. ]
Definirasatividades
Identificarasatividadesespecíficasque devemserexecutadasparaproduzirasentregasdo
projeto.
Sequenciarasatividades
Identificare documentarasrelaçõesde dependênciaentre asatividades.
Estimaras duraçõesdas atividades
Estimara quantidade de períodosde trabalhoque serãonecessáriosparacompletarcada
atividade.
DesenvolveroCronograma
Analisara sequênciadasatividades,suaduração,seusrecursose suas restriçõesparacriar o
cronograma doprojeto.
Controlaro Cronograma
Controlaras mudançasno cronograma.
Plano de Gerenciamento do cronograma
Nome do Projeto
planodegerenciamentodocronograma2-
211128134841
Página2 de 8
PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br
2.2 Documentos padronizados do cronograma
[Descreva os documentos padronizados a seremusadas nos processos deGerenciamento do cronograma doprojeto.Indique ondeestão
armazenados, comoserão usados,e os responsáveis envolvidos.]
[Exemplo:
Documento Descrição Template
Cronograma do projeto Template de cronograma em conformidade com a
metodologia de gerenciamento de projetos
Cronograma do
Projeto.mpp
Plano de gerenciamento do
cronograma
Plano que estabelece os critérios eas atividades para
o desenvolvimento e o controle do cronograma do
projeto.
Plano de
gerenciamento do
cronograma.docx
Lista das atividades Contém todas as atividades do projeto. É criada no
processo Definir as atividades,dividindo-se o pacote
de trabalho da EAP em componentes menores, que
são as atividades necessárias para executar o pacote
de trabalho.
Lista das
Atividades.docx
ou
Cronograma do
Projeto.mpp -
Selecione no menu
View e escolha a
visão chamada PMO-
Lista de Atividades
com seus atributos
Atributos das atividades Os atributos das atividades descrevem as
particularidades de cada atividade. Eles variam de
acordo com seu projeto ou de sua metodologia de
gerenciamento de projetos.
Atributos das
atividades.xlsx
ou
Cronograma do
Projeto.mpp -
Selecione no menu
View e escolha a
visão chamada PMO-
Lista de Atividades
com seus atributos
Lista dos marcos Um marco no projeto é um momento muito
importante, quando se concluí uma entrega ou fase
do seu projeto, e funciona, com sua previsão, como
uma meta para a equipe do projeto. Ele não possui
duração.
Lista dos
Marcos.docx
ou
Cronograma do
Projeto.mpp -
Selecione no menu
View e escolha a
visão chamada PMO-
Lista de Marcos
Diagramas de rede do
cronograma do projeto
Os diagramas de rede do cronograma do projeto
apresentam graficamente as dependências/relações
entre as atividades.
Cronograma do
Projeto.mpp -
Selecione no menu
View e escolha a
visão chamada PMO-
Network Diagram
Estrutura analítica dos
recursos
Estrutura hierárquica dos recursos identificados
organizada por categoria e tipo de recursos.
Apresenta as relações da estrutura dos recursos
como subordinação e agrupamentos.
EAR-Estrutura
Analítica dos
Recursos.xlsx
Estimativas de duração As estimativas de duração das atividades indicam o -
Plano de Gerenciamento do cronograma
Nome do Projeto
planodegerenciamentodocronograma2-
211128134841
Página3 de 8
PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br
das atividades número de período de trabalhos necessários para
completar uma atividade usando os recursos
definidos. Podem conter intervalos de confiança.
Linha de base do cronograma A linha de base do cronograma é como uma
fotografia retirada no momento da aprovação do
que foi planejado, similar a um congelamento do
cronograma planejado.
Ela contém as datas de início e término de todas
atividades do cronograma e é usada para avaliar a
evolução do projeto monitorando o prazo através da
comparação do planejado com o realizado.
Cronograma do
Projeto.mpp
- Selecione no menu
View e escolha a
visão chamada PMO-
Linha de base do
cronograma
Cronograma do projeto O cronograma do projeto documenta as atividades
do projeto, suas respectivas datas de início e de
término, além dos recursos usados.
Cronograma do
Projeto.mpp
]
2.3 Ferramentas
[Descreveas ferramentas queo projeto empregará nos processos descritos nesteplano,como serãousadas eseu responsável. ]
[Ex.:
Técnica Descrição
Modelos Modelos sãotemplates pré-definidos deatividades.O próprio software, como o Microsoft Project,Primavera, entre
outros, oferecem os modelos já pré-definidos.
Faz parte das boas práticas deuma empresa ou deum Escritório deProjetos criar e atualizarseus modelos de
projetos, principalmente, os tipos deprojetos mais comuns na empresa.
Planejamento emondas
sucessivas
O planejamento emondas sucessivas éespecialmenteútilquando temos eventos desconhecidos no projeto.
O gerente de projeto planeja somente o curtoprazo, deixando os eventos demaior incerteza para depois.
Á medida queo projeto vaievoluindo e as incertezas diminuindo,seplaneja a próxima etapa ou onda, e assimpor
diante,daí o nome, ondas sucessivas.
Método do diagramade
precedência
O método do diagrama de precedência (MDP) é usado para representar graficamentetodas atividades de seu
projeto, com suas respectivas dependências.
Dependência
Dependência é umrelacionamentoentreo (começo ou) término deuma atividade eo (término ou) começodeuma
outra atividadee refleteo relacionamentodecausa-efeitoentreduas atividades.
O MDP também éusado para determinaro caminhocríticodo projeto.
Determinação de
Dependências
A determinação dedependências implica na sequência da execução das atividades.
Existem três tipos dedependências:
 Obrigatória/Mandatória:Inerenteà natureza do trabalho/exigida por contrato.
 Arbitrada/Discricionária/Lógica Preferencial: Definida pela equipedo projeto,lógica preferencial com
base nas melhores práticas. Ex.: Estagiário nãoinicia uma atividade antes determinar outra/Processos
do Guia PMBOK®
 Externa: Envolveo relacionamentoentreatividades doprojeto e atividades quenão sãodo projeto. Ex.:
Atividades quesão controladas emoutros projetos.Vocêdependeda conclusão deum projeto/ou
entrega deum fornecedorpara iniciar uma atividadedo seuprojeto.
Aplicação de antecipaçõese
esperas
A aplicação deantecipações eesperas é devido a relação entre as atividades.
Tempo de antecipação éa antecipação doinício deuma atividadesucessora.
Tempo de Espera é a postergaçãodo inícioda atividadesucessora.
Modelosde diagramade
rede de cronograma
Os modelos dediagrama de rededecronograma são úteis para agilizar a criaçãodediagrama deredepara projetos
similares.
Podem ajudar noprojeto comoum todo ou em entregas específicas.
Faz parte das boas práticas deuma empresa ou deum Escritório deProjetos criar e atualizarseus modelos,
principalmente, os tipos deprojetos mais comuns na empresa.
Análise de alternativas O gerente de projetos deve analisar todas as diferentes alternativas para executaras atividades doprojeto.
Algumas das alternativas mais comuns a serem analisadas:
 Fazer x Adquirir x Alugar;
 Recurso Sênior X Recurso Júnior.
Plano de Gerenciamento do cronograma
Nome do Projeto
planodegerenciamentodocronograma2-
211128134841
Página4 de 8
PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br
Dadospublicadospara
auxílio aestimativas
Os dados para auxiliar nas estimativas dos projetos sãopublicados na Internet e/ou revistas/publicações
especializadas epodemagilizare aumentar a precisãodas estimativas através deanalogias.
É importante lembrar que seu projetodeveter particularidades em relação aos dados publicados e que as mesmas
devem ser consideradas nocálculo das estimativas.
Estimativa bottom-up A estimativa "bottom-up"é uma das técnicas mais usadas para estimar as atividades.
Você decompõeseus pacotes detrabalho em atividades menores, atédetalhar suficientementepara estimarde
forma precisa a atividade.
Os recursos necessários para o pacotede trabalho é a somatória dos recursos das atividades queo compõe.
Software de gerenciamento
de projetos
O uso de um software degerenciamento deprojetos fará,pelo menos na teoria,sua vida degerente deprojetos
muito mais fácil.
Obviamente, existemvárias opções no mercado e grandes diferenças entreeles.
Um bom softwarede gerenciamento deprojetos fará:
 A gestãodo trabalhodo seuprojeto e doportfólio deprojetos da sua empresa;
 A gestãodo pool derecursos da sua empresa envolvidos com projetos sejam eles, materiais,recursos
humanos ou financeiros;
 E ainda oferecerá serviços decolaboração,produtividade, fluxos detrabalho, entreoutros.
Alguns dos softwares degerenciamentode projetos mais vendidos nomercado sãoo Microsoft Project e o
Primavera.
Estimativaanáloga A estimativa análoga baseia-seempacotes detrabalho/atividades similares de projetos anteriores para estimar a
duraçãodos pacotes de trabalho e/ou atividades doseu projetoatual.
Estimativaparamétrica A estimativa paramétrica usa relações estatísticas para estimar custo eduração das atividades com base em dados
históricos e parâmetros doprojeto.
Por exemplo: Historicamente,o pintorX pinta 10m2deparede/dia, conclui-sequeelepintará 100m2em10 dias.
Estimativasde trêspontos A estimativa detrês pontos considera três cenários para estimar o prazo.
 Cenário otimista (tudodará certo), qual éo prazo esperado? Prazo otimista (PO)
 Cenário pessimista (tudo dará errado), qualé o prazo esperado? Prazo pessimista (PP)
 Cenário mais provável, qual é o prazoesperado? Prazo mais provável(PMP)
Prazo esperado =(PO+4PMP+PP) /6
Análise de rede do
cronograma
A análise derededo cronograma usa várias técnicas para desenvolver o cronograma do projetocomo o Métododo
caminhocrítico.
É uma visãográfica das atividades do projeto usada para identificar as datas de início e término mais cedoou
antecipado emais tarde ouatrasado.
Método do caminho crítico O Método do caminho crítico identifica a sequência de atividades na qual,casouma delas atrase, todo o projeto
estará atrasado, emoutras palavras, a sequência das atividades quenão tem folga (Abaixo mostraremos
como calcular a folga).
Desta forma, o caminho críticoaponta quais atividades o GP e responsáveis devemter atençãoredobrada;
O caminho críticopode ter folga positiva, igual a zero ou negativa dependendo das restrições de prazoaplicadas.
Um exemplode restriçãode prazo que acarretará em uma folga negativa: O projeto deveterminar em uma data
inferior a data de término mais cedodo projeto.
Um projeto podetermais deum caminho crítico.
Um diagrama de redemostra uma visão gráfica das atividades, seucaminho críticoe como elas serelacionam umas
com as outras.
Método da correntecrítica O método da corrente crítica é uma das técnicas usadas na análise da rededo cronograma que tem comobase:
 Dependência das atividades;
 Limitação dos recursos;
 Margem de contingência ou buffers.
Passo a Passo
1. Identificartodas as atividades e dependências;
2. Construir um diagrama derededo cronograma;
3. Definir restrições;
4. Determinar o caminho crítico;
5. Determinebuffers;
6. Aplicar a disponibilidadederecursos.
O método da corrente crítica aciona buffers deduração que são atividades sem trabalho para gerenciarincertezas.
Ele trata três (3) tipos diferentes debuffers:
1. Buffer de projeto: incluídono finalda correntecrítica para proteger a data alvo detérminocontra o seu
desvio aolongo da correntecrítica.
2. Buffer adicionais ou dealimentação: inseridoem pontoqueuma cadeia de tarefas dependentes fora da
correntecrítica para protegera corrente crítica contra o seu desvio ao longo das cadeias dealimentação
3. Buffers de recursos: inserido antes deuma atividade da correntecrítica, ondeé exigido umrecurso
crítico.
Plano de Gerenciamento do cronograma
Nome do Projeto
planodegerenciamentodocronograma2-
211128134841
Página5 de 8
PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br
Técnicasde otimização de
recursos
Técnicas deotimização derecursos são usadas para ajustar o cronograma baseando-se na demanda e oferta de
recursos.
Entre as mais conhecidas estão:
 Nivelamento derecursos;
 Estabilização derecursos.
Técnicasde criação de
modelos
As técnicas decriação demodelos sãousadas para simular cenários (ameaças ou oportunidades identificadas) e
avaliar o impacto das mesmas no cronograma doprojeto.
As mais conhecidas são:
 Análisede cenário"E-se";
 Simulaçãode MonteCarlo.
Compressão de cronograma A compressão decronograma consisteemreduzira duração doprojeto mantendoo escopodo projeto.
As técnicas mais conhecidas são:
 Compressão:Inclusão derecursos adicionais comoaprovação dehoras extras, pagamento para a
aceleração da entrega das atividades no caminhocrítico -aumenta o risco ecusto;
 Paralelismo: Atividades normalmente executadas sequencialmentesãoexecutadas em paralelo.
Aumenta o risco e retrabalho.
Ferramentade cronograma Pode ser umdos módulos do Softwarede gerenciamento deprojetos usadopara desenvolvero cronograma do
projeto.
Análise de desempenho A análise dedesempenhocompara a linha debasedo cronograma com o realizado.
As técnicas mais conhecidas são:
 Análisede variação;
 Método do caminhocrítico
 Método da corrente crítica
]
2.4 Papéis e Responsabilidades daEquipe do Projeto
[Descreva os papéis esuas responsabilidades, competências e autoridade necessárias relacionados com o cronograma eo prazo do
projeto; onde:
Papel: designação que descrevea partedeum projetopela qual uma pessoa éresponsável eresponde pelos resultados.
Responsabilidade: trabalho queseespera queum membro da equipedo projetoexecutepara concluir as atividades do projeto.
Autoridade: direito deaplicarrecursos doprojeto, tomardecisões e aprovar.
Competência: habilidadee capacidadenecessária para concluir atividades do projeto.
]
Papel Responsabilidades Competências Autoridade
3 Definir as Atividades
[Descreva como as atividades serãoidentificadas -Saiba mais em Definir as atividades. ]
Identificarasatividadesespecíficasdocronogramaque precisamserrealizadasparaproduziras
váriasentregasdoprojeto
Ferramentas
Decomposição
Planejamentoemondassucessivas
Plano de Gerenciamento do cronograma
Nome do Projeto
planodegerenciamentodocronograma2-
211128134841
Página6 de 8
PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br
Algumasdicaspara padronizare facilitaroentendimento
• Atividadessumárias:
– São frequentemente asentregasoufasesque dãoà listaumaestruturalógicae
hierárquica.
• Atividadesdetalhe:
– São peladefiniçãoonível o maisbaixodocronograma
• Marco (MILESTONE):
– São todasas datas importantesemseu cronograma.
– Temduração 0; é umponto notempo
– Um eventoe não uma atividade.
• Formulação doselementos naEAP
– Evite o usode siglase Use MIXED CASE(Inicial emmaiúscula)
Atividade Sumária Substantivo +(Adjetivo) Homologação,Definição daArquitetura
Atividade Detalhe VerbonoInfinitivo ReunircomEquipe
Marco Substantivo +Adjetivo Planode ProjetoAprovado
Tarefarecorrente Substantivo (Plural) Comitêsde Projeto
4 Sequenciar as Atividades
[Descreva como as atividades serãorelacionadas e como serãoidentificadas suas dependências -Saiba mais emSequenciar as atividades. ]
• Identificare documentarasrelaçõesde dependênciaentre asatividades
• Dependências
– Relacionamentoentre otérminode umatarefae o começo da outra.
– Predecessor:tarefaindependenteque direciona(direcionador)
– Sucessor:tarefadependente dirigida(seguidor).
– Lógica da rede. Qual tarefadirecionaaoutra tarefa?
– Pode sermandatóriaou desejada
Exemplo:
3ª demão
2ª demão
1ª demão
Lixara parede

Recomendados

Exemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
Exemplo De Plano De Gerenciamento De ProjetoExemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
Exemplo De Plano De Gerenciamento De Projetolhencar
 
Modelo de Declaracao do escopo do projeto
Modelo de Declaracao do escopo do projetoModelo de Declaracao do escopo do projeto
Modelo de Declaracao do escopo do projetoFernando Palma
 
Gestão do escopo e qualidade em Gestão de Projetos
Gestão do escopo e qualidade em Gestão de ProjetosGestão do escopo e qualidade em Gestão de Projetos
Gestão do escopo e qualidade em Gestão de ProjetosAntonio Marcos Montai Messias
 
Implantação de um PMO
Implantação de um PMOImplantação de um PMO
Implantação de um PMOMarco Coghi
 
Como definir indicadores de desempenho para um PMO @ Fórum Internacional de P...
Como definir indicadores de desempenho para um PMO @ Fórum Internacional de P...Como definir indicadores de desempenho para um PMO @ Fórum Internacional de P...
Como definir indicadores de desempenho para um PMO @ Fórum Internacional de P...Rodrigo Thahira, PfMP, PMP, PRINCE2, PMO-CC
 
Termo de abertura do projeto jf
Termo de abertura do projeto   jfTermo de abertura do projeto   jf
Termo de abertura do projeto jfBernardo d'Able
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Construção de uma casa
Construção de uma casaConstrução de uma casa
Construção de uma casaMarco Coghi
 
Aula04 - EAP e Cronograma
Aula04 - EAP e CronogramaAula04 - EAP e Cronograma
Aula04 - EAP e CronogramaDaniela Brauner
 
Termo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beautyTermo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beautyMLGV
 
Termo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do ProjetoTermo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do ProjetoClaudio Barbosa
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosNIFCJ
 
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOKGerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOKClaudio Barbosa
 
Declaracao de escopo projeto novas fronteiras
Declaracao de escopo projeto novas fronteirasDeclaracao de escopo projeto novas fronteiras
Declaracao de escopo projeto novas fronteirasRicardo Hippler
 
Declaração de escopo MODELO
Declaração de escopo MODELODeclaração de escopo MODELO
Declaração de escopo MODELOSuzana Sarmento
 
501 templates plano_projeto
501 templates plano_projeto501 templates plano_projeto
501 templates plano_projetoInfolifesc
 
Pqo plano de qualidade da obra
Pqo   plano de qualidade da obraPqo   plano de qualidade da obra
Pqo plano de qualidade da obraDIEGO SANTINO
 
Modelo de Negócio do PMO
Modelo de Negócio do PMOModelo de Negócio do PMO
Modelo de Negócio do PMOProject Builder
 

Mais procurados (20)

Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de Projetos
 
Construção de uma casa
Construção de uma casaConstrução de uma casa
Construção de uma casa
 
Apostila - ProjectLibre 1.5
Apostila - ProjectLibre 1.5Apostila - ProjectLibre 1.5
Apostila - ProjectLibre 1.5
 
Cronograma de Obras em 4 Passos
Cronograma de Obras em 4 PassosCronograma de Obras em 4 Passos
Cronograma de Obras em 4 Passos
 
Gerenciamento do Escopo em Projetos
Gerenciamento do Escopo em ProjetosGerenciamento do Escopo em Projetos
Gerenciamento do Escopo em Projetos
 
Aula04 - EAP e Cronograma
Aula04 - EAP e CronogramaAula04 - EAP e Cronograma
Aula04 - EAP e Cronograma
 
ELABORAÇÃO DE PROJETOS
ELABORAÇÃO DE PROJETOSELABORAÇÃO DE PROJETOS
ELABORAÇÃO DE PROJETOS
 
Gerenciamento de escopo PMBOK
Gerenciamento de escopo PMBOKGerenciamento de escopo PMBOK
Gerenciamento de escopo PMBOK
 
Termo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beautyTermo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beauty
 
Plano de Projeto - GREENSOLAR
Plano de Projeto - GREENSOLARPlano de Projeto - GREENSOLAR
Plano de Projeto - GREENSOLAR
 
Termo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do ProjetoTermo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do Projeto
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetos
 
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOKGerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
 
Declaracao de escopo projeto novas fronteiras
Declaracao de escopo projeto novas fronteirasDeclaracao de escopo projeto novas fronteiras
Declaracao de escopo projeto novas fronteiras
 
Gerenciamento de Projetos - Aula03 - Termo de abertura, EAP e cronograma
Gerenciamento de Projetos - Aula03 - Termo de abertura, EAP e cronogramaGerenciamento de Projetos - Aula03 - Termo de abertura, EAP e cronograma
Gerenciamento de Projetos - Aula03 - Termo de abertura, EAP e cronograma
 
Declaração de escopo MODELO
Declaração de escopo MODELODeclaração de escopo MODELO
Declaração de escopo MODELO
 
501 templates plano_projeto
501 templates plano_projeto501 templates plano_projeto
501 templates plano_projeto
 
Planejamento De Projetos
Planejamento De ProjetosPlanejamento De Projetos
Planejamento De Projetos
 
Pqo plano de qualidade da obra
Pqo   plano de qualidade da obraPqo   plano de qualidade da obra
Pqo plano de qualidade da obra
 
Modelo de Negócio do PMO
Modelo de Negócio do PMOModelo de Negócio do PMO
Modelo de Negócio do PMO
 

Semelhante a Plano de gerenciamento do cronograma (2)

Curso Microsoft Project 2010 / 2013
Curso Microsoft Project 2010 / 2013Curso Microsoft Project 2010 / 2013
Curso Microsoft Project 2010 / 2013Dimitri Campana, PMP
 
Ms project final
Ms project   finalMs project   final
Ms project finalDudu Costa
 
1- Apresentacao Metodologia RCP
1- Apresentacao Metodologia RCP1- Apresentacao Metodologia RCP
1- Apresentacao Metodologia RCPFrank Coelho
 
1 apresentacao metodologia rcp
1  apresentacao metodologia rcp1  apresentacao metodologia rcp
1 apresentacao metodologia rcpFrank Coelho
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasNei Grando
 
Sharepoint intranet - anatomia de um projeto
Sharepoint intranet - anatomia de um projetoSharepoint intranet - anatomia de um projeto
Sharepoint intranet - anatomia de um projetoJoão Beltrão
 
Administração de tempo e prazo
Administração de tempo e prazoAdministração de tempo e prazo
Administração de tempo e prazoCiro Lopes
 
Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02
Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02
Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02Evandro Madeira
 
Modelo de plano de gerenciamento de projetos
Modelo de plano de gerenciamento de projetosModelo de plano de gerenciamento de projetos
Modelo de plano de gerenciamento de projetosMarcelo Aires
 
Apresentacao microsoft project
Apresentacao microsoft projectApresentacao microsoft project
Apresentacao microsoft projectFranklin G. Mendes
 
Gerenciamento de Projetos PMBOK cap6 tempo
Gerenciamento de Projetos PMBOK  cap6 tempoGerenciamento de Projetos PMBOK  cap6 tempo
Gerenciamento de Projetos PMBOK cap6 tempoFernando Palma
 
Gerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos capGerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos capleopaiva217101
 
Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos
Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos
Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos André Cruz
 

Semelhante a Plano de gerenciamento do cronograma (2) (20)

Curso Microsoft Project 2010 / 2013
Curso Microsoft Project 2010 / 2013Curso Microsoft Project 2010 / 2013
Curso Microsoft Project 2010 / 2013
 
Ms project final
Ms project   finalMs project   final
Ms project final
 
1- Apresentacao Metodologia RCP
1- Apresentacao Metodologia RCP1- Apresentacao Metodologia RCP
1- Apresentacao Metodologia RCP
 
1 apresentacao metodologia rcp
1  apresentacao metodologia rcp1  apresentacao metodologia rcp
1 apresentacao metodologia rcp
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e Ferramentas
 
Apostila ms project basico
Apostila ms project basicoApostila ms project basico
Apostila ms project basico
 
Sharepoint intranet - anatomia de um projeto
Sharepoint intranet - anatomia de um projetoSharepoint intranet - anatomia de um projeto
Sharepoint intranet - anatomia de um projeto
 
Administração de tempo e prazo
Administração de tempo e prazoAdministração de tempo e prazo
Administração de tempo e prazo
 
Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02
Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02
Exemplodeplanodegerenciamentodeprojeto 100726151218-phpapp02
 
Modelo de plano de gerenciamento de projetos
Modelo de plano de gerenciamento de projetosModelo de plano de gerenciamento de projetos
Modelo de plano de gerenciamento de projetos
 
Apresentacao microsoft project
Apresentacao microsoft projectApresentacao microsoft project
Apresentacao microsoft project
 
Gerenciamento de Projetos PMBOK cap6 tempo
Gerenciamento de Projetos PMBOK  cap6 tempoGerenciamento de Projetos PMBOK  cap6 tempo
Gerenciamento de Projetos PMBOK cap6 tempo
 
Gerenciamento de tempo em projetos
Gerenciamento de tempo em projetosGerenciamento de tempo em projetos
Gerenciamento de tempo em projetos
 
Aula 2 - Gestão de Projetos.pptx
Aula 2 - Gestão de Projetos.pptxAula 2 - Gestão de Projetos.pptx
Aula 2 - Gestão de Projetos.pptx
 
Gestão de Projetos com Ms project
Gestão de Projetos com Ms projectGestão de Projetos com Ms project
Gestão de Projetos com Ms project
 
Gerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos capGerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos cap
 
Do Zero à Produção
Do Zero à ProduçãoDo Zero à Produção
Do Zero à Produção
 
Gestao de tempo v4.0
Gestao de tempo v4.0Gestao de tempo v4.0
Gestao de tempo v4.0
 
Samuel ta1.pps
Samuel ta1.ppsSamuel ta1.pps
Samuel ta1.pps
 
Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos
Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos
Preparatório PMP -Gerenciamento de Prazos
 

Plano de gerenciamento do cronograma (2)

  • 1. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página1 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br Controle de Versões Versão Data Autor Notas da Revisão 1 Objetivo do Plano de gerenciamento do cronograma [Descreva o objetivo doplanode gerenciamento docronograma. ] O Planode gerenciamentodocronograma descreve comoosprocessos relacionados aocronograma do projeto serãoexecutados,controlados,monitoradose encerrados. Alémde servircomo guiapara a equipe durante todooprojeto. 2 Método de gerenciamento do cronograma [Use as seções seguintes para identificar os componentes do Planode gerenciamento docronograma ou modifique-as para encontrar suas necessidades. ] Gerenciaro cronogramado projetorequerumPlanode gerenciamentodocronograma aprovado englobandoosprincipaisprocessos doGerenciamentodocronogramadoprojeto definidosabaixo. O Planode gerenciamentodocronograma é desenvolvidoe aprovadodurante afase de planejamentodo projetoparaorientara equipe doprojetosobre comoosprocessosrelacionados ao cronograma serãoexecutados,controlados,monitoradose encerrados. 2.1 Processos de gerenciamento do cronograma [Descreva os processos de Gerenciamentodo cronograma do projetoa seremadotados no projeto. ] Definirasatividades Identificarasatividadesespecíficasque devemserexecutadasparaproduzirasentregasdo projeto. Sequenciarasatividades Identificare documentarasrelaçõesde dependênciaentre asatividades. Estimaras duraçõesdas atividades Estimara quantidade de períodosde trabalhoque serãonecessáriosparacompletarcada atividade. DesenvolveroCronograma Analisara sequênciadasatividades,suaduração,seusrecursose suas restriçõesparacriar o cronograma doprojeto. Controlaro Cronograma Controlaras mudançasno cronograma.
  • 2. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página2 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br 2.2 Documentos padronizados do cronograma [Descreva os documentos padronizados a seremusadas nos processos deGerenciamento do cronograma doprojeto.Indique ondeestão armazenados, comoserão usados,e os responsáveis envolvidos.] [Exemplo: Documento Descrição Template Cronograma do projeto Template de cronograma em conformidade com a metodologia de gerenciamento de projetos Cronograma do Projeto.mpp Plano de gerenciamento do cronograma Plano que estabelece os critérios eas atividades para o desenvolvimento e o controle do cronograma do projeto. Plano de gerenciamento do cronograma.docx Lista das atividades Contém todas as atividades do projeto. É criada no processo Definir as atividades,dividindo-se o pacote de trabalho da EAP em componentes menores, que são as atividades necessárias para executar o pacote de trabalho. Lista das Atividades.docx ou Cronograma do Projeto.mpp - Selecione no menu View e escolha a visão chamada PMO- Lista de Atividades com seus atributos Atributos das atividades Os atributos das atividades descrevem as particularidades de cada atividade. Eles variam de acordo com seu projeto ou de sua metodologia de gerenciamento de projetos. Atributos das atividades.xlsx ou Cronograma do Projeto.mpp - Selecione no menu View e escolha a visão chamada PMO- Lista de Atividades com seus atributos Lista dos marcos Um marco no projeto é um momento muito importante, quando se concluí uma entrega ou fase do seu projeto, e funciona, com sua previsão, como uma meta para a equipe do projeto. Ele não possui duração. Lista dos Marcos.docx ou Cronograma do Projeto.mpp - Selecione no menu View e escolha a visão chamada PMO- Lista de Marcos Diagramas de rede do cronograma do projeto Os diagramas de rede do cronograma do projeto apresentam graficamente as dependências/relações entre as atividades. Cronograma do Projeto.mpp - Selecione no menu View e escolha a visão chamada PMO- Network Diagram Estrutura analítica dos recursos Estrutura hierárquica dos recursos identificados organizada por categoria e tipo de recursos. Apresenta as relações da estrutura dos recursos como subordinação e agrupamentos. EAR-Estrutura Analítica dos Recursos.xlsx Estimativas de duração As estimativas de duração das atividades indicam o -
  • 3. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página3 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br das atividades número de período de trabalhos necessários para completar uma atividade usando os recursos definidos. Podem conter intervalos de confiança. Linha de base do cronograma A linha de base do cronograma é como uma fotografia retirada no momento da aprovação do que foi planejado, similar a um congelamento do cronograma planejado. Ela contém as datas de início e término de todas atividades do cronograma e é usada para avaliar a evolução do projeto monitorando o prazo através da comparação do planejado com o realizado. Cronograma do Projeto.mpp - Selecione no menu View e escolha a visão chamada PMO- Linha de base do cronograma Cronograma do projeto O cronograma do projeto documenta as atividades do projeto, suas respectivas datas de início e de término, além dos recursos usados. Cronograma do Projeto.mpp ] 2.3 Ferramentas [Descreveas ferramentas queo projeto empregará nos processos descritos nesteplano,como serãousadas eseu responsável. ] [Ex.: Técnica Descrição Modelos Modelos sãotemplates pré-definidos deatividades.O próprio software, como o Microsoft Project,Primavera, entre outros, oferecem os modelos já pré-definidos. Faz parte das boas práticas deuma empresa ou deum Escritório deProjetos criar e atualizarseus modelos de projetos, principalmente, os tipos deprojetos mais comuns na empresa. Planejamento emondas sucessivas O planejamento emondas sucessivas éespecialmenteútilquando temos eventos desconhecidos no projeto. O gerente de projeto planeja somente o curtoprazo, deixando os eventos demaior incerteza para depois. Á medida queo projeto vaievoluindo e as incertezas diminuindo,seplaneja a próxima etapa ou onda, e assimpor diante,daí o nome, ondas sucessivas. Método do diagramade precedência O método do diagrama de precedência (MDP) é usado para representar graficamentetodas atividades de seu projeto, com suas respectivas dependências. Dependência Dependência é umrelacionamentoentreo (começo ou) término deuma atividade eo (término ou) começodeuma outra atividadee refleteo relacionamentodecausa-efeitoentreduas atividades. O MDP também éusado para determinaro caminhocríticodo projeto. Determinação de Dependências A determinação dedependências implica na sequência da execução das atividades. Existem três tipos dedependências:  Obrigatória/Mandatória:Inerenteà natureza do trabalho/exigida por contrato.  Arbitrada/Discricionária/Lógica Preferencial: Definida pela equipedo projeto,lógica preferencial com base nas melhores práticas. Ex.: Estagiário nãoinicia uma atividade antes determinar outra/Processos do Guia PMBOK®  Externa: Envolveo relacionamentoentreatividades doprojeto e atividades quenão sãodo projeto. Ex.: Atividades quesão controladas emoutros projetos.Vocêdependeda conclusão deum projeto/ou entrega deum fornecedorpara iniciar uma atividadedo seuprojeto. Aplicação de antecipaçõese esperas A aplicação deantecipações eesperas é devido a relação entre as atividades. Tempo de antecipação éa antecipação doinício deuma atividadesucessora. Tempo de Espera é a postergaçãodo inícioda atividadesucessora. Modelosde diagramade rede de cronograma Os modelos dediagrama de rededecronograma são úteis para agilizar a criaçãodediagrama deredepara projetos similares. Podem ajudar noprojeto comoum todo ou em entregas específicas. Faz parte das boas práticas deuma empresa ou deum Escritório deProjetos criar e atualizarseus modelos, principalmente, os tipos deprojetos mais comuns na empresa. Análise de alternativas O gerente de projetos deve analisar todas as diferentes alternativas para executaras atividades doprojeto. Algumas das alternativas mais comuns a serem analisadas:  Fazer x Adquirir x Alugar;  Recurso Sênior X Recurso Júnior.
  • 4. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página4 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br Dadospublicadospara auxílio aestimativas Os dados para auxiliar nas estimativas dos projetos sãopublicados na Internet e/ou revistas/publicações especializadas epodemagilizare aumentar a precisãodas estimativas através deanalogias. É importante lembrar que seu projetodeveter particularidades em relação aos dados publicados e que as mesmas devem ser consideradas nocálculo das estimativas. Estimativa bottom-up A estimativa "bottom-up"é uma das técnicas mais usadas para estimar as atividades. Você decompõeseus pacotes detrabalho em atividades menores, atédetalhar suficientementepara estimarde forma precisa a atividade. Os recursos necessários para o pacotede trabalho é a somatória dos recursos das atividades queo compõe. Software de gerenciamento de projetos O uso de um software degerenciamento deprojetos fará,pelo menos na teoria,sua vida degerente deprojetos muito mais fácil. Obviamente, existemvárias opções no mercado e grandes diferenças entreeles. Um bom softwarede gerenciamento deprojetos fará:  A gestãodo trabalhodo seuprojeto e doportfólio deprojetos da sua empresa;  A gestãodo pool derecursos da sua empresa envolvidos com projetos sejam eles, materiais,recursos humanos ou financeiros;  E ainda oferecerá serviços decolaboração,produtividade, fluxos detrabalho, entreoutros. Alguns dos softwares degerenciamentode projetos mais vendidos nomercado sãoo Microsoft Project e o Primavera. Estimativaanáloga A estimativa análoga baseia-seempacotes detrabalho/atividades similares de projetos anteriores para estimar a duraçãodos pacotes de trabalho e/ou atividades doseu projetoatual. Estimativaparamétrica A estimativa paramétrica usa relações estatísticas para estimar custo eduração das atividades com base em dados históricos e parâmetros doprojeto. Por exemplo: Historicamente,o pintorX pinta 10m2deparede/dia, conclui-sequeelepintará 100m2em10 dias. Estimativasde trêspontos A estimativa detrês pontos considera três cenários para estimar o prazo.  Cenário otimista (tudodará certo), qual éo prazo esperado? Prazo otimista (PO)  Cenário pessimista (tudo dará errado), qualé o prazo esperado? Prazo pessimista (PP)  Cenário mais provável, qual é o prazoesperado? Prazo mais provável(PMP) Prazo esperado =(PO+4PMP+PP) /6 Análise de rede do cronograma A análise derededo cronograma usa várias técnicas para desenvolver o cronograma do projetocomo o Métododo caminhocrítico. É uma visãográfica das atividades do projeto usada para identificar as datas de início e término mais cedoou antecipado emais tarde ouatrasado. Método do caminho crítico O Método do caminho crítico identifica a sequência de atividades na qual,casouma delas atrase, todo o projeto estará atrasado, emoutras palavras, a sequência das atividades quenão tem folga (Abaixo mostraremos como calcular a folga). Desta forma, o caminho críticoaponta quais atividades o GP e responsáveis devemter atençãoredobrada; O caminho críticopode ter folga positiva, igual a zero ou negativa dependendo das restrições de prazoaplicadas. Um exemplode restriçãode prazo que acarretará em uma folga negativa: O projeto deveterminar em uma data inferior a data de término mais cedodo projeto. Um projeto podetermais deum caminho crítico. Um diagrama de redemostra uma visão gráfica das atividades, seucaminho críticoe como elas serelacionam umas com as outras. Método da correntecrítica O método da corrente crítica é uma das técnicas usadas na análise da rededo cronograma que tem comobase:  Dependência das atividades;  Limitação dos recursos;  Margem de contingência ou buffers. Passo a Passo 1. Identificartodas as atividades e dependências; 2. Construir um diagrama derededo cronograma; 3. Definir restrições; 4. Determinar o caminho crítico; 5. Determinebuffers; 6. Aplicar a disponibilidadederecursos. O método da corrente crítica aciona buffers deduração que são atividades sem trabalho para gerenciarincertezas. Ele trata três (3) tipos diferentes debuffers: 1. Buffer de projeto: incluídono finalda correntecrítica para proteger a data alvo detérminocontra o seu desvio aolongo da correntecrítica. 2. Buffer adicionais ou dealimentação: inseridoem pontoqueuma cadeia de tarefas dependentes fora da correntecrítica para protegera corrente crítica contra o seu desvio ao longo das cadeias dealimentação 3. Buffers de recursos: inserido antes deuma atividade da correntecrítica, ondeé exigido umrecurso crítico.
  • 5. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página5 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br Técnicasde otimização de recursos Técnicas deotimização derecursos são usadas para ajustar o cronograma baseando-se na demanda e oferta de recursos. Entre as mais conhecidas estão:  Nivelamento derecursos;  Estabilização derecursos. Técnicasde criação de modelos As técnicas decriação demodelos sãousadas para simular cenários (ameaças ou oportunidades identificadas) e avaliar o impacto das mesmas no cronograma doprojeto. As mais conhecidas são:  Análisede cenário"E-se";  Simulaçãode MonteCarlo. Compressão de cronograma A compressão decronograma consisteemreduzira duração doprojeto mantendoo escopodo projeto. As técnicas mais conhecidas são:  Compressão:Inclusão derecursos adicionais comoaprovação dehoras extras, pagamento para a aceleração da entrega das atividades no caminhocrítico -aumenta o risco ecusto;  Paralelismo: Atividades normalmente executadas sequencialmentesãoexecutadas em paralelo. Aumenta o risco e retrabalho. Ferramentade cronograma Pode ser umdos módulos do Softwarede gerenciamento deprojetos usadopara desenvolvero cronograma do projeto. Análise de desempenho A análise dedesempenhocompara a linha debasedo cronograma com o realizado. As técnicas mais conhecidas são:  Análisede variação;  Método do caminhocrítico  Método da corrente crítica ] 2.4 Papéis e Responsabilidades daEquipe do Projeto [Descreva os papéis esuas responsabilidades, competências e autoridade necessárias relacionados com o cronograma eo prazo do projeto; onde: Papel: designação que descrevea partedeum projetopela qual uma pessoa éresponsável eresponde pelos resultados. Responsabilidade: trabalho queseespera queum membro da equipedo projetoexecutepara concluir as atividades do projeto. Autoridade: direito deaplicarrecursos doprojeto, tomardecisões e aprovar. Competência: habilidadee capacidadenecessária para concluir atividades do projeto. ] Papel Responsabilidades Competências Autoridade 3 Definir as Atividades [Descreva como as atividades serãoidentificadas -Saiba mais em Definir as atividades. ] Identificarasatividadesespecíficasdocronogramaque precisamserrealizadasparaproduziras váriasentregasdoprojeto Ferramentas Decomposição Planejamentoemondassucessivas
  • 6. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página6 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br Algumasdicaspara padronizare facilitaroentendimento • Atividadessumárias: – São frequentemente asentregasoufasesque dãoà listaumaestruturalógicae hierárquica. • Atividadesdetalhe: – São peladefiniçãoonível o maisbaixodocronograma • Marco (MILESTONE): – São todasas datas importantesemseu cronograma. – Temduração 0; é umponto notempo – Um eventoe não uma atividade. • Formulação doselementos naEAP – Evite o usode siglase Use MIXED CASE(Inicial emmaiúscula) Atividade Sumária Substantivo +(Adjetivo) Homologação,Definição daArquitetura Atividade Detalhe VerbonoInfinitivo ReunircomEquipe Marco Substantivo +Adjetivo Planode ProjetoAprovado Tarefarecorrente Substantivo (Plural) Comitêsde Projeto 4 Sequenciar as Atividades [Descreva como as atividades serãorelacionadas e como serãoidentificadas suas dependências -Saiba mais emSequenciar as atividades. ] • Identificare documentarasrelaçõesde dependênciaentre asatividades • Dependências – Relacionamentoentre otérminode umatarefae o começo da outra. – Predecessor:tarefaindependenteque direciona(direcionador) – Sucessor:tarefadependente dirigida(seguidor). – Lógica da rede. Qual tarefadirecionaaoutra tarefa? – Pode sermandatóriaou desejada Exemplo: 3ª demão 2ª demão 1ª demão Lixara parede
  • 7. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página7 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br 5 Estimar os Recursos e as durações das Atividades [Descreva como os recursos das atividades serãoestimados -Saiba mais emEstimar os recursos das atividades. ] [Descreva como a duração das atividades serão estimadas - Saiba mais em Estimar as durações das atividades.] • Estimaro tipoe as quantidadesde recursosnecessáriospararealizarcadaatividade do cronograma • Tiposde recursos: – Material:areia,cimento,... – Equipamentos:Computador,Caçamba,... – RecursosHumanos:Pintor,Mestre-de-obras,ajudantes, 6 Desenvolver o cronograma [Descreva como o cronograma será desenvolvido -Saiba mais emDesenvolvero Cronograma.] • Boas Práticasp/ DesenvolveroCronograma o Cronogramadeve serfacilmente atualizadodurante aexecuçãodoprojeto. o Minimizaronúmerode datas fixas(restrições) emseucronograma. o Quandoa duração ou a data do começodas tarefasmudam, o Projectrecalculao cronograma. o Modo de Agendamento:Agendadoautomaticamente • CaminhoCrítico o Identificaçãodasequênciade tarefasna qual,caso umadelasatrase,todoo projeto estaráatrasado o Determinaquandoutilizartécnicasde gestão o Permite que oGP possanegociaroutrasatividadesnãopresentesnocaminhocrítico o Exibição– Gantt de Controle o Atividadesemvermelho • Linhade base o Congelamentodocronogramainicial o Aprovaçãodo grupodo projeto o Permite avaliaraevoluçãodoprojeto o Influenciaosfatoresde alteraçãode cronograma o Ajudao GP a negociara documentaçãode mudanças o Projeto– DefinirLinhade Base 7 Controlar o cronograma [Descreva como o cronograma será controladoe monitorado -Saiba mais em Controlar o Cronograma.] O cronograma serámonitoradoatravésdoGerenciamentodovaloragregado e de seuindicadorde desempenho de prazo(IDP) e semáforosparaindicaroprogressodo projeto. Os critériosserão: Indicador Verde Amarelo Vermelho IDP >= 1.0 >= 0.9 < 1.0 < 0.9
  • 8. Plano de Gerenciamento do cronograma Nome do Projeto planodegerenciamentodocronograma2- 211128134841 Página8 de 8 PMO Escritóriode Projetos http://escritoriodeprojetos.com.br Para isso,a linhabase de tempoé salvaapós a conclusãodo planejamento. Apósisso,seráfeitooacompanhamentosemanal entre oplanejado(linhade base salva) como realizado. A comunicaçãodosindicadoresseráfeitaatravésdo StatusReportSemanal notópicoSumário Executivo. Aprovações Participante Assinatura Data PatrocinadordoProjeto Gerente doProjeto