SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
UNIVERSIDADE  FEDERAL  DE  RORAIMA  
DEPARTAMENTO  DE  GEOCIÊNCIAS  
BACHARELADO  EM  GEOLOGIA  
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  -­‐  CIV  03  
A6vidade  07  -­‐  Nivelamento  Geométrico  Simples    
Alunos  
Ezequias  Nogueira  Guimarães  
Matheus  Scalabrin  
Paulo  Roberto  Teixeira  
Thiago  Alves  Evangelista  
Boa  Vista,  RR  
2015

RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  
Resumo:  o  presente  trabalho  tem  como  objeRvo  relatar  as  aRvidades  de  campo  realizadas  na  disciplina  
de  Topografia,  do  curso  de  Bacharelado  em  Geologia  da  Universidade  Federal  de  Roraima.  O  objeRvo  
da  aRvidade  foi  coletar  dados  para  cálculo  de  nivelamento  geométrico.  A  metodologia  consisRu  coletar  
os  dados  com  auxílio  de  Teodolito  afim  de  realizar  o  cálculo  do  nivelamento  do  terreno.    
Palavras-­‐chave:  Nivelamento  Geométrico  
INTRODUÇÃO  
   A   alRmetria   é   a   parte   da   topografia   que   trata   dos   métodos   e   instrumentos   empregados   no  
estudo  e  na  representação  do  relevo  do  solo.  O  estudo  do  relevo  de  um  terreno,  planimetricamente  
conhecido,   consiste   na   determinação   das   alturas   de   seus   pontos   caracterísRcos   e   definidores   da  
alRmetria,   relacionados   com   uma   super[cie   de   nível   que   se   toma   como   elemento   de   comparação,  
denominado  equipotencial.  
   Para   determinar   as   diferenças   de   nível   entre   os   pontos   caracterísRcos   da   alRmetria   de   um  
terreno,  é  necessário  proceder  a  um  trabalho  topográfico  denominado  nivelamento.  O  nivelamento  é  a  
operação   topográfica   que   consiste   na   determinação   da   diferença   de   nível,   que   podem   ser  
determinadas   diretamente,   com   o   emprego   de   instrumentos   de   medição   chamados   níveis,   ou  
indiretamente,  com  base  em  resoluções  trigonométricas  ou  com  base  nos  princípios  barométricos.  
   Para  cálculo  uRliza-­‐se  a  referência  de  nível  (RN)  para  que  as  leituras  do  levantamento  tenham  
significado,  é  necessário  que  elas  sejam  referenciadas  a  um  plano.  A  esta  referência  de  nível  pode  ser  
arbitraria,  atribui  um  valor  inicial  elevado  de  modo  que  não  ocorram  no  decorrer  do  levantamento  
cotas  negaRvas.  
   O   objeRvo   do   trabalho   foi   coletar   dados   para   o   cálculo   do   nivelamento   geométrico   de   uma  
área.    
MATERIAIS  E  MÉTODOS  
Área  de  estudo  
   O  estudo  foi  realizado  em  uma  área  dentro  do  campus  da  Universidade  Federal  de  Roraima,  no  
município  de  Boa  Vista.  A  preparação  da  área  de  estudo  envolveu  a  demarcação  do  local  com  três  
estacas,  na  qual  serviram  com  o  referência  para  todas  aRvidades  de  medição  (Figura  01).  
Figura  01:  Mapa  de  localização  do  levantamento  
Obtenção  em  processamento  de  dados  
   O  instrumento  uRlizado  para  coleta  de  dados  foi  o  teodolito  e  mira.  O  operador  do  Teodolito  se  
localizou  em  um  ponto  fixo  e  de  lá  coletou  todas  as  informações  necessárias,  sem  a  necessidade  de  
mudar  de  plano  de  referência,  portanto,  o  processo  aplicado  foi  o  nivelamento  geométrico  simples  de  
poligonal  aberta.  O  estudante  com  a  mira  se  deslocou  para  todos  os  outros  pontos,  para  que  fosse  
possível  ler  o  Fio  Médio  de  cada  ponto,  alem  disso,  foram  coletadas  as  coordenadas  com  auxílio  de  
GPS.  
RESULTADOS  E  DISCUSSÃO  
   Com  os  resultados  foi  possível  desenhar  um  croqui  da  área  de  estudo  com  todos  os  pontos  e  
seus  respecRvos  valores  de  Fio  Médio  (Figura  02).  
Figura  02:  croqui  do  local  de  estudo  com  os  pontos  e  o  valor  do  Fio  Médio.  
     
   A  parRr  dos  dados  coletados  foi  possível  elaborar  uma  planilha  para  os  cálculos  (Tabela  01).  
Tabela  01:  caderneta  de  campo  com  dados  e  cálculos  do  nivelamento  geométrico  
Fonte:  dados  coletados  em  campo  
   Para  verificação  do  cálculo  da  planilha,  uRliza-­‐se  a  seguinte  fórmula:  
     
   ∑  ré  -­‐  ∑  vante  =  cota  chegada  -­‐  cota  saída  
   1,41  -­‐  1,17  =  10,240  -­‐  10,000  
   0,24  =  0,24  
   Ambos   os   resultados   conferem,   portanto   o   cálculo   está   correto   e   não   há   necessidade   de  
realizar  correções.  
CONCLUSÃO  
     
   Concluiu-­‐se  com  o  trabalho  que  o  nivelamento  geométrico  simples  é  uma  técnica    com  cálculos    
e  procedimentos  relaRvamente  simples  e  que  são  muito  efeRvos  e  com  resultados  que  são  de  grande  
importância  para  as  áreas  em  que  se  aplicam  essas  técnicas.  A  aRvidade  alcançou  seu  objeRvo  pois  o  
grupo   compreendeu   na   praRca   o   uso   dessa   ferramenta   e   pode   senRr   as   dificuldades   da   coleta   de  
dados,  como  leitura  de  mira  e  ajuste  de  equipamentos  em  campo.    
REFERÊNCIAS  
COMASTRI,  José  Anibal.  Topografia  AlRmetria.  Ed  UFV:  2005  
Ponto  Visado
Plano  de  
Referência
Leitura  de  Mira
Cotas  (m) Coordenadas
Ré Vante
1 11,410 1,41 -­‐ 10,000 20N  756431  313738
2 11,410 -­‐ 1,46 9,950 20N  756441  313744
3 11,410 -­‐ 0,45 10,960 20N  756445  313751
4 11,410 -­‐ 1,43 9,980 20N  756444  313758
5 11,410 -­‐ 1,40 10,010 20N  756434  313770
6 11,410 -­‐ 1,31 10,100 20N  756457  313779
7 11,410 -­‐ 0,94 10,470 20N  756464  313785
8 11,410 -­‐ 1,17 10,240 20N  756466  313756
∑  1,41

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 06 topografia UFPI 2018.1
Aula 06 topografia UFPI 2018.1Aula 06 topografia UFPI 2018.1
Aula 06 topografia UFPI 2018.1Martins Neto
 
Topografia exercícios propostos com solução
Topografia    exercícios  propostos com soluçãoTopografia    exercícios  propostos com solução
Topografia exercícios propostos com soluçãoMaíra Barros
 
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIA
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIARELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIA
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIAEzequias Guimaraes
 
Introdução geral à topografia
Introdução geral à topografiaIntrodução geral à topografia
Introdução geral à topografiaPessoal
 
Calculo de rumos e azimutes2
Calculo de rumos e azimutes2Calculo de rumos e azimutes2
Calculo de rumos e azimutes2botelho_19
 
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA -  Medi...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  -  Medi...RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  -  Medi...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA -  Medi...Ezequias Guimaraes
 
Topografia representação do relevo notas de aula
Topografia representação do relevo notas de aulaTopografia representação do relevo notas de aula
Topografia representação do relevo notas de aulaHenrique Prado
 
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdfCésar Antônio da Silva
 
AULA-03 - Nivelamento geométrico.pdf
AULA-03 - Nivelamento geométrico.pdfAULA-03 - Nivelamento geométrico.pdf
AULA-03 - Nivelamento geométrico.pdfRafael Moreno
 
Aula 8 métodos de levantamento de detalhes - avaliações de áreas(2)
Aula 8    métodos de levantamento de detalhes  - avaliações de áreas(2)Aula 8    métodos de levantamento de detalhes  - avaliações de áreas(2)
Aula 8 métodos de levantamento de detalhes - avaliações de áreas(2)Felipe Serpa
 
Aula 05 topografia UFPI 2018.1
Aula 05 topografia UFPI 2018.1Aula 05 topografia UFPI 2018.1
Aula 05 topografia UFPI 2018.1Martins Neto
 

Mais procurados (20)

Aula 06 topografia UFPI 2018.1
Aula 06 topografia UFPI 2018.1Aula 06 topografia UFPI 2018.1
Aula 06 topografia UFPI 2018.1
 
Topografia exercícios propostos com solução
Topografia    exercícios  propostos com soluçãoTopografia    exercícios  propostos com solução
Topografia exercícios propostos com solução
 
Topografia basica
Topografia basicaTopografia basica
Topografia basica
 
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIA
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIARELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIA
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO DA DISCIPLINA DE TOPOGRAFIA SOBRE TAQUIOMETRIA
 
Introdução geral à topografia
Introdução geral à topografiaIntrodução geral à topografia
Introdução geral à topografia
 
Calculo de rumos e azimutes2
Calculo de rumos e azimutes2Calculo de rumos e azimutes2
Calculo de rumos e azimutes2
 
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA -  Medi...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  -  Medi...RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  -  Medi...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA -  Medi...
 
Topografia representação do relevo notas de aula
Topografia representação do relevo notas de aulaTopografia representação do relevo notas de aula
Topografia representação do relevo notas de aula
 
Topografia aula01
Topografia aula01Topografia aula01
Topografia aula01
 
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
 
Exercícios de rumos e azimutes
Exercícios de rumos e azimutesExercícios de rumos e azimutes
Exercícios de rumos e azimutes
 
Levantamento Topografico Palnimetrico
Levantamento Topografico PalnimetricoLevantamento Topografico Palnimetrico
Levantamento Topografico Palnimetrico
 
Exercicios resolvidos
Exercicios resolvidosExercicios resolvidos
Exercicios resolvidos
 
Aula4 planimetria
Aula4 planimetriaAula4 planimetria
Aula4 planimetria
 
Apost topografia
Apost topografiaApost topografia
Apost topografia
 
AULA-03 - Nivelamento geométrico.pdf
AULA-03 - Nivelamento geométrico.pdfAULA-03 - Nivelamento geométrico.pdf
AULA-03 - Nivelamento geométrico.pdf
 
Aula 8 métodos de levantamento de detalhes - avaliações de áreas(2)
Aula 8    métodos de levantamento de detalhes  - avaliações de áreas(2)Aula 8    métodos de levantamento de detalhes  - avaliações de áreas(2)
Aula 8 métodos de levantamento de detalhes - avaliações de áreas(2)
 
Aula 05 topografia UFPI 2018.1
Aula 05 topografia UFPI 2018.1Aula 05 topografia UFPI 2018.1
Aula 05 topografia UFPI 2018.1
 
Métodos de medição angular
Métodos de medição angularMétodos de medição angular
Métodos de medição angular
 
Geoprocessamento
Geoprocessamento Geoprocessamento
Geoprocessamento
 

Semelhante a Nivelamento geométrico UFRR

Nivelamento_Trigonométrico.pdf
Nivelamento_Trigonométrico.pdfNivelamento_Trigonométrico.pdf
Nivelamento_Trigonométrico.pdfetopoagrimensura
 
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...Ezequias Guimaraes
 
Lev altimetrico trab. campo 01 - r03 (1)
Lev altimetrico   trab. campo 01 - r03 (1)Lev altimetrico   trab. campo 01 - r03 (1)
Lev altimetrico trab. campo 01 - r03 (1)Matheus Sant'Ana Vieira
 
Relatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPS
Relatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPSRelatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPS
Relatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPSEzequias Guimaraes
 
Topografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de TerrenosTopografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de TerrenosBruno Anacleto
 
Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...
Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...
Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...alcscens
 
Sequência didática circunferência
Sequência didática circunferênciaSequência didática circunferência
Sequência didática circunferênciaeduardabotelho
 
TOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdf
TOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdfTOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdf
TOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdfJR agrimensura
 
TP03 - Fotogrametria II
TP03 - Fotogrametria IITP03 - Fotogrametria II
TP03 - Fotogrametria IIUFPR
 
Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013
Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013
Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013UCB
 

Semelhante a Nivelamento geométrico UFRR (20)

Medida com Trena e Escala
Medida com Trena e EscalaMedida com Trena e Escala
Medida com Trena e Escala
 
Grupo do hidrisi
Grupo do hidrisiGrupo do hidrisi
Grupo do hidrisi
 
Nivelamento_Trigonométrico.pdf
Nivelamento_Trigonométrico.pdfNivelamento_Trigonométrico.pdf
Nivelamento_Trigonométrico.pdf
 
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
 
Lev altimetrico trab. campo 01 - r03 (1)
Lev altimetrico   trab. campo 01 - r03 (1)Lev altimetrico   trab. campo 01 - r03 (1)
Lev altimetrico trab. campo 01 - r03 (1)
 
estacao_livre.pdf
estacao_livre.pdfestacao_livre.pdf
estacao_livre.pdf
 
Relatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPS
Relatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPSRelatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPS
Relatório de atividade prática de topografia sobre o uso do GPS
 
Aerofotogrametria
AerofotogrametriaAerofotogrametria
Aerofotogrametria
 
Topo aplicada 2012
Topo aplicada 2012Topo aplicada 2012
Topo aplicada 2012
 
Topografia1
Topografia1Topografia1
Topografia1
 
Topografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de TerrenosTopografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
 
Metadados
MetadadosMetadados
Metadados
 
Geoestatistica
GeoestatisticaGeoestatistica
Geoestatistica
 
teste
testeteste
teste
 
Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...
Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...
Estimativa da temperatura da superfície terrestre, destinada ao monitoramento...
 
Sequência didática circunferência
Sequência didática circunferênciaSequência didática circunferência
Sequência didática circunferência
 
TOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdf
TOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdfTOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdf
TOPOGRAFIA_II_APOSTILA.pdf
 
TP03 - Fotogrametria II
TP03 - Fotogrametria IITP03 - Fotogrametria II
TP03 - Fotogrametria II
 
Sig
SigSig
Sig
 
Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013
Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013
Aula 2 nivelamento_geom_trico_1sem2013
 

Mais de Ezequias Guimaraes

VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...Ezequias Guimaraes
 
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUSMAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUSEzequias Guimaraes
 
Geologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do TacutuGeologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do TacutuEzequias Guimaraes
 
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasA Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasEzequias Guimaraes
 
TV Series to improve your English
TV Series to improve your EnglishTV Series to improve your English
TV Series to improve your EnglishEzequias Guimaraes
 
Movie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color PurpleMovie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color PurpleEzequias Guimaraes
 
Proyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudoProyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudoEzequias Guimaraes
 
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERAPLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERAEzequias Guimaraes
 
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA Ezequias Guimaraes
 
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037Ezequias Guimaraes
 
METODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINALMETODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINALEzequias Guimaraes
 
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOSCONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOSEzequias Guimaraes
 
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓNFundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓNEzequias Guimaraes
 

Mais de Ezequias Guimaraes (20)

VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
 
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUSMAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
 
Geologia de Roraima
Geologia de RoraimaGeologia de Roraima
Geologia de Roraima
 
Geologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do TacutuGeologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do Tacutu
 
Interface homem-maquina
Interface  homem-maquinaInterface  homem-maquina
Interface homem-maquina
 
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasA Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
 
TV Series to improve your English
TV Series to improve your EnglishTV Series to improve your English
TV Series to improve your English
 
Movie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color PurpleMovie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color Purple
 
Political system of the USA
Political system of the USAPolitical system of the USA
Political system of the USA
 
TV Series Outlander
TV Series OutlanderTV Series Outlander
TV Series Outlander
 
Proyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudoProyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudo
 
BOOK - THE FOUR AGREEMENTS
BOOK - THE FOUR AGREEMENTS BOOK - THE FOUR AGREEMENTS
BOOK - THE FOUR AGREEMENTS
 
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERAPLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
 
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
 
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
 
METODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINALMETODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINAL
 
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOSCONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
 
LICENCIA DE FUNCIONAMIENTO
LICENCIA DE FUNCIONAMIENTOLICENCIA DE FUNCIONAMIENTO
LICENCIA DE FUNCIONAMIENTO
 
Vertederos Trapezoidales
Vertederos TrapezoidalesVertederos Trapezoidales
Vertederos Trapezoidales
 
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓNFundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
 

Nivelamento geométrico UFRR

  • 1. UNIVERSIDADE  FEDERAL  DE  RORAIMA   DEPARTAMENTO  DE  GEOCIÊNCIAS   BACHARELADO  EM  GEOLOGIA   RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA  -­‐  CIV  03   A6vidade  07  -­‐  Nivelamento  Geométrico  Simples     Alunos   Ezequias  Nogueira  Guimarães   Matheus  Scalabrin   Paulo  Roberto  Teixeira   Thiago  Alves  Evangelista   Boa  Vista,  RR   2015

  • 2. RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA   Resumo:  o  presente  trabalho  tem  como  objeRvo  relatar  as  aRvidades  de  campo  realizadas  na  disciplina   de  Topografia,  do  curso  de  Bacharelado  em  Geologia  da  Universidade  Federal  de  Roraima.  O  objeRvo   da  aRvidade  foi  coletar  dados  para  cálculo  de  nivelamento  geométrico.  A  metodologia  consisRu  coletar   os  dados  com  auxílio  de  Teodolito  afim  de  realizar  o  cálculo  do  nivelamento  do  terreno.     Palavras-­‐chave:  Nivelamento  Geométrico   INTRODUÇÃO     A   alRmetria   é   a   parte   da   topografia   que   trata   dos   métodos   e   instrumentos   empregados   no   estudo  e  na  representação  do  relevo  do  solo.  O  estudo  do  relevo  de  um  terreno,  planimetricamente   conhecido,   consiste   na   determinação   das   alturas   de   seus   pontos   caracterísRcos   e   definidores   da   alRmetria,   relacionados   com   uma   super[cie   de   nível   que   se   toma   como   elemento   de   comparação,   denominado  equipotencial.     Para   determinar   as   diferenças   de   nível   entre   os   pontos   caracterísRcos   da   alRmetria   de   um   terreno,  é  necessário  proceder  a  um  trabalho  topográfico  denominado  nivelamento.  O  nivelamento  é  a   operação   topográfica   que   consiste   na   determinação   da   diferença   de   nível,   que   podem   ser   determinadas   diretamente,   com   o   emprego   de   instrumentos   de   medição   chamados   níveis,   ou   indiretamente,  com  base  em  resoluções  trigonométricas  ou  com  base  nos  princípios  barométricos.     Para  cálculo  uRliza-­‐se  a  referência  de  nível  (RN)  para  que  as  leituras  do  levantamento  tenham   significado,  é  necessário  que  elas  sejam  referenciadas  a  um  plano.  A  esta  referência  de  nível  pode  ser   arbitraria,  atribui  um  valor  inicial  elevado  de  modo  que  não  ocorram  no  decorrer  do  levantamento   cotas  negaRvas.     O   objeRvo   do   trabalho   foi   coletar   dados   para   o   cálculo   do   nivelamento   geométrico   de   uma   área.     MATERIAIS  E  MÉTODOS   Área  de  estudo     O  estudo  foi  realizado  em  uma  área  dentro  do  campus  da  Universidade  Federal  de  Roraima,  no   município  de  Boa  Vista.  A  preparação  da  área  de  estudo  envolveu  a  demarcação  do  local  com  três   estacas,  na  qual  serviram  com  o  referência  para  todas  aRvidades  de  medição  (Figura  01).   Figura  01:  Mapa  de  localização  do  levantamento  
  • 3. Obtenção  em  processamento  de  dados     O  instrumento  uRlizado  para  coleta  de  dados  foi  o  teodolito  e  mira.  O  operador  do  Teodolito  se   localizou  em  um  ponto  fixo  e  de  lá  coletou  todas  as  informações  necessárias,  sem  a  necessidade  de   mudar  de  plano  de  referência,  portanto,  o  processo  aplicado  foi  o  nivelamento  geométrico  simples  de   poligonal  aberta.  O  estudante  com  a  mira  se  deslocou  para  todos  os  outros  pontos,  para  que  fosse   possível  ler  o  Fio  Médio  de  cada  ponto,  alem  disso,  foram  coletadas  as  coordenadas  com  auxílio  de   GPS.   RESULTADOS  E  DISCUSSÃO     Com  os  resultados  foi  possível  desenhar  um  croqui  da  área  de  estudo  com  todos  os  pontos  e   seus  respecRvos  valores  de  Fio  Médio  (Figura  02).   Figura  02:  croqui  do  local  de  estudo  com  os  pontos  e  o  valor  do  Fio  Médio.         A  parRr  dos  dados  coletados  foi  possível  elaborar  uma  planilha  para  os  cálculos  (Tabela  01).  
  • 4. Tabela  01:  caderneta  de  campo  com  dados  e  cálculos  do  nivelamento  geométrico   Fonte:  dados  coletados  em  campo     Para  verificação  do  cálculo  da  planilha,  uRliza-­‐se  a  seguinte  fórmula:         ∑  ré  -­‐  ∑  vante  =  cota  chegada  -­‐  cota  saída     1,41  -­‐  1,17  =  10,240  -­‐  10,000     0,24  =  0,24     Ambos   os   resultados   conferem,   portanto   o   cálculo   está   correto   e   não   há   necessidade   de   realizar  correções.   CONCLUSÃO         Concluiu-­‐se  com  o  trabalho  que  o  nivelamento  geométrico  simples  é  uma  técnica    com  cálculos     e  procedimentos  relaRvamente  simples  e  que  são  muito  efeRvos  e  com  resultados  que  são  de  grande   importância  para  as  áreas  em  que  se  aplicam  essas  técnicas.  A  aRvidade  alcançou  seu  objeRvo  pois  o   grupo   compreendeu   na   praRca   o   uso   dessa   ferramenta   e   pode   senRr   as   dificuldades   da   coleta   de   dados,  como  leitura  de  mira  e  ajuste  de  equipamentos  em  campo.     REFERÊNCIAS   COMASTRI,  José  Anibal.  Topografia  AlRmetria.  Ed  UFV:  2005   Ponto  Visado Plano  de   Referência Leitura  de  Mira Cotas  (m) Coordenadas Ré Vante 1 11,410 1,41 -­‐ 10,000 20N  756431  313738 2 11,410 -­‐ 1,46 9,950 20N  756441  313744 3 11,410 -­‐ 0,45 10,960 20N  756445  313751 4 11,410 -­‐ 1,43 9,980 20N  756444  313758 5 11,410 -­‐ 1,40 10,010 20N  756434  313770 6 11,410 -­‐ 1,31 10,100 20N  756457  313779 7 11,410 -­‐ 0,94 10,470 20N  756464  313785 8 11,410 -­‐ 1,17 10,240 20N  756466  313756 ∑  1,41