SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Baixar para ler offline
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 1
LISTA DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS – TOPOGRAFIA
Professor: MSc. Leonardo Josoé Biffi
Monitora: Heloise Lebkuchen
1) Deduzir, com auxílio gráfico, utilizando uma circunferência orientada positivamente, com origem em
6 horas e um ângulo no segundo quadrante. Verificar a validade da equação e citar o princípio utilizado
na dedução:
α
α
α
Cos
Cotg
Cos =sec
2)Deduzir, com auxílio gráfico, utilizando uma circunferência orientada negativamente, com origem em 6
horas e um ângulo no terceiro quadrante. Verificar a validade da equação e citar o princípio utilizado na
dedução:
α
α
Sen
Cos
1
sec =
3) Utilizando uma circunferência trigonométrica orientada negativamente, com origem em 6 horas e o
ângulo no terceiro quadrante, deduzir para verificar a validade da equação abaixo.
β
β
β seccos
cot
sec
1 g
=
4) Dada uma circunferência trigonométrica, com origem em 9 horas, orientação positiva e um ângulo no
primeiro quadrante. Apresentar auxílio gráfico indicando os segmentos que representam a tg, o cos, a cotg
e o sen do ângulo (identificar cada ponto com letras).
5) Qual a relação existente entre a tangente e a secante de um ângulo?
6) Sabendo-se que sec θ = -1,5824. utilizando auxílio gráfico, com uma circunferência orientada
positivamente, com origem 12 horas.
a) Qual(is) o(s) valor(es) de θ? (em degradiano, radiano e gradiano)
b) Em que quadrante(s) está(ao) este(s) ângulo(s)? explique
7) Tendo-se um triângulo com vértices A, B e C conhecendo-se os três lados, calcule os ângulos interno e
externos e calcule a área do triângulo. AB= 70,23m; BC= 136,20m; AC= 96,55m.
8) Descubra a DH entre dois pontos inacessíveis (AB), porém visíveis de um alinhamento base (CD). O
comprimento do alinhamento base é de 38 metros. Em cada extremidade do alinhamento base foi feito
leitura dos ângulos formados da linha base com os pontos A e B, e se obteve: CA = 123° 15’; CB = 38°
15’; DA = 45° 23’ e DB = 130° 40’
A B
C D
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 2
9) Cite 3 operações que podem ser realizadas para solucionar problemas de campo utilizando apenas trena
e baliza e conhecimento trigonométrico. (utilize auxílio gráfico).
10) Dada uma área de Mata Nativa sobre um mapa, deseja-se conhecer a área aproximada, então foram
efetuadas as seguintes medidas: AB = 153 m, AC = 246 m, ângulo no vértice A=53°26’.
Determine:
a) DH entre os vértices B e C
b) Área total (m² e ha)
11) Sobre um mapa topográfico efetuaram-se duas medidas com auxílio de uma régua graduada em
centímetros, as medidas foram 6,8 e 11,2 cm respectivamente. Qual a distância real em metros, para as
duas leituras, sendo que o mapa está no escala 1: 4.500?
12) Com relação às coordenadas do sistema UTM. Para um ponto localizado no Hemisfério Sul, no fuso
UTM 22, que possui os seguintes valores de coordenadas, N = 6.925.465,213 e E = 568.613,425.
Pergunta-se:
a) Qual a distância em linha reta, no sentido Norte-Sul, do ponto até a linha do Equador? (em metros)
b) Qual a distância em linha reta, no sentido Leste-Oeste, do ponto até Meridiano Central (em metros),
dizendo se o ponto localiza-se a Leste ou a Oeste do mesmo?
13) Escreva na ordem correta, utilizando os códigos da nomenclatura oficial, o nome de uma carta
topográfica na escala 1:25.000.
14) Observando o mapa resultado do levantamento planimétrico indique as distâncias em metros entre
os vértices do perímetro.
A
B
C
P2
P3
P5
1:2500
P4
P1
P6
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 3
15) Dada a planilha de um levantamento por irradiação, calcule o que se pede utilizando as seguintes
informações:
E1 => aparelho zenital; Constante Taqueométrica = 100.
Estação PV FS FM FI AH
(horário)
AV
1 1,548 1,275 1,000 230° 30’ 90° 03’
2 1,410 1,200 1,000 167° 47’ 95° 34’
3 1,200 1,100 1,000 200° 03’ 95° 31’
4 1,400 1,200 1,000 139° 35’ 94° 49’
5 2,635 2,310 2,000 137° 23’ 94° 07’
E1
Nm 180° 00’
a) DH das estações para os pontos visados
b) Azimute
c) Rumo
16) Com o objetivo de medir a área de uma lavoura de feijão, foi realizado um levantamento
planimétrico por irradiação. Os dados estão expostos abaixo.
MIRA TAQUEOMÉTRICA ÂNGULOS LIDOS
PV
FS FM FI Ang Zenital AH (horário)
1 1,578 1,438 1,300 95° 30’ 36” 18°
2 1,935 1,520 1,100 95° 28’ 10” 340°
3 3,285 2,145 1,000 88° 21’ 55” 11°
4 2,820 1,912 1,000 91° 12’ 44” 37°
5 2,245 1,520 0,800 94° 17’ 29” 65°
6 1,950 1,425 0,900 91° 01’ 00” 86°
Nm - - - - 298°
Calcule:
a) DH, b) Azimute, c) Rumo, d) Coordenadas retangulares, e) fazer o desenho na escala 1:2000 com
escala gráfica, f) área total.
17) Dada a caderneta de campo abaixo, de um levantamento feito por irradiação, de dois piquetes
adjacentes, (1º piquete, P5, P6, P1, P2, P3 e P4) (2º piquete, P4, P5, P6, P1, T8 e T7) calcule:
a) DH, b) Azimute, c) Rumo, d) Coordenadas retangulares, e) fazer o desenho na escala 1:1000 com
escala gráfica, f) área total e parcial dos piquetes.
Caderneta de campo: (AV - Aparelho horizontal)
Estação PV FS FI AH AV Obs:
P1 1,56 1,00 255º 50' 3º
P2 2,58 2,00 310º 10' 1º
P3 1,69 1,00 68º 30' 3º 30'
P4 1,59 1,00 98º 10' 3º
P5 1,09 1,00 196º 12' 1º 35'
P6 1,115 1,00 190º 18' 2º 20'
E1
E2 2,30 1,30 185º 30' 3º 05'
AH zerado
no NM, lido
no sentido
horário.
AH = Az
T7 1,69 1,00 76º 50' 5º 05'E2
T8 1,46 1,10 269º 20' 1º
AH zerado
em E1.
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 4
18) Em um levantamento por caminhamento se obteve os dados abaixo. Fazer o ajustamento da
poligonal auxiliar e calcular a área correspondida pelos vértices (A, B, C e D).
Dadas as informações:
a) caminhamento no sentido anti-horário, AH lido horário.
b) calcular os erros e os limites aceitáveis.
c) compensação angular: proporcional ao ângulo, compensação linear: proporcional as projeções.
d) coordenadas com valores na E3 de X= 150 e Y= 200
e) fazer desenho na escala mais apropriada.
Estação PV AH DH (m) FS FI AV Obs
E2 97º 55' 38,74
A 237º 10' 4,91E1
Az = 105º
E1 zerado em E4
E3 70º 20' 43,39
B 350º 20' 4,07E2
E2 zerado em E1
E4 101º 55' 29,09E3
C 249º 08' 4,14
E3 zerado em E2
E1 89º 50' 36,96
D 235º 24' 4,19E4
Poste 249º 52' 1,200 1,000 88º 01'
E4 zerado em E3
19) Você foi contratado para efetuar um levantamento por caminhamento e fazer a divisão da área em
duas partes. Na área existiam dois pontos com coordenadas conhecidas que foram ocupados da seguinte
forma, um como estação e outro como um ponto de vértice.
Dada a caderneta de campo abaixo:
Est PV AH DH X Y
P1 220° 30’ 4,44E1
E2 81° 54’ 35” 161,15
P2 231° 22’ 10,76E2
E3 81° 29’ 54” 86,25 5,23 4,58
P3 105° 12’ 0 0E3
E4 201° 22’ 28” 94,61
P4 218° 55’ 6,13E4
E5 101° 29’ 26” 55,05
P5 255° 25’ 5,24E5
E6 123° 21’ 36” 118,57
P6 230° 04’ 5,20E6
E1 130° 19’ 57” 138,29
a) caminhamento no sentido horário, AH lido anti-horário.
b) calcular os erros e os limites aceitáveis.
c) compensação angular: por peso, compensação linear: proporcional as DHs.
d) fazer desenho na escala mais apropriada.
e) divisão da área pelo método analítico, com PP sendo P3
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 5
20) Com os dados de coordenadas dos pontos de um levantamento determine o que se pede pelo método
da planilha inversa. Os dados estão expostos abaixo.
Pontos X Y
1 43,78 167,75
2 75,20 69,40
3 110,17 5,10
4 214,56 39,60
5 173,45 106,35
6 152,44 192,63
Determine:
a) Desenhe na escala 1:1250, e determine o sentido do caminhamento.
b) DH entre os vértices.
c) Azimute e Rumos dos pontos no sentido do caminhamento.
d) Ângulo Interno entre os pontos em cada vértice.
e) Área total (m², ha).
21) Dada a planilha abaixo calcule pela planilha inversa:
Est PV X Y
P1 56,20 132,30E1
E2 64,70 26,80
P2 70,90 20,00E2
E3 10,50 9,60
P3 0,00 0,00E3
E4 0,00 65,85
P4 -15,40 70,50E4
E5 20,70 100,65
P5 18,30 102,30E5
E1 52,10 128,20
Faça o desenho para orientação (Eixo Y orientado com o Norte)
Calcule: a) área dos pontos; b) DH entre as estações e entre os vértices; c) Rumos e Azimutes; d) Ângulos
Internos entre as estações e o Ângulo Horizontal dos pontos.
22) Dada uma área de vértices A, B, C e D demarque 1/3 da área a partir do lado AB, com a linha
divisória saindo do vértice A. Após descobrir o lado que receberá a linha divisória determine qual a
DH do vértice C até o ponto de chegada? (recomenda-se o método de decomposição em figuras
geométricas).
Ponto X Y
A 120 180
B 170 90
C 115 40
D 50 100
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 6
23) Dividir a área em duas partes iguais, decompondo em figuras geométricas regulares. A linha divisória
partirá do vértice C. Dadas as coordenadas abaixo.
Calcular área total, área parcial e DH da intersecção da linha divisória.
Ponto X Y
A 150 150
B 60 100
C 95 46
D 177 32
E 240 105
24) Após um levantamento por caminhamento perimetral, ficou uma dúvida se poderiam começar os
procedimentos de escritório ou retornar a campo. Então os dados foram levados a você. No levantamento
foi utilizando 7 estações, um aparelho com precisão de 1’, a soma dos ângulos internos do levantamento
foi 899° 57’ 48” e a soma das distâncias horizontais foi 692,50 metros.
a) Qual é o valor esperado? Qual foi o erro e qual o erro máximo permitido? Poderia continuar os
cálculos?
Na possibilidade de continuar os cálculos, após as correções angulares e determinação dos azimutes,
calculou-se as projeções, e no somatório das Projeções de E(x) e N(y) obteve-se (-0,85) e (1,2),
respectivamente.
b) Qual o erro linear? Qual o erro em m/km? Poderia continuar os cálculos para um limite de erro de 2
m/km?
25) Calcule as cotas dos pontos de uma poligonal aberta e determine qual a declividade, em porcentagem,
entre cada lance de pontos, levantados em um nivelamento trigonométrico, a partir das seguintes
informações:
E1 => Cota 50,00 m; AI = 1,46 m; aparelho horizontal.
E2 => AI = 1,53m; aparelho nadiral
Distância entre pontos 30 metros
Estação PV FS FM FI AH AV
1 1,548 1,275 1,000 230° 30’ − 0° 03’
2 1,410 1,200 1,000 167° 47’ 5° 34’
E1
E2 1,200 1,100 1,000 200° 03’ 5° 31’
3 1,400 1,200 1,000 139° 35’ 91° 49’E2
4 2,635 2,310 2,000 137° 23’ 95° 09’
26) Determine as cotas dos pontos onde foi efetuado o nivelamento (E1 e E2) e contra-nivelamento (E3,
E4 e E5), sendo espaçamento entre ponto de 45 metros, conforme caderneta de campo abaixo de um
nivelamento geométrico:
- Qual o erro encontrado?
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 7
Estação PV FM AI COTA
1 1,136 922,32
2 1,952
E1
3 0,380
3 2,652
4 1,430
E2
5 0,560
5 1,638E3
4 2,507
4 1,203
3 2,424
E4
2 3,996
2 1,326E5
1 0,507
27) Dada a figura abaixo, com a representação de um levantamento planialtimétrico, determine cotas
eqüidistantes para as isolinhas, desenhe (com linha continua) a linha de talvegue e desenhe (com linha
pontilhada) a linha de divisor de águas e determine a declividade, em porcentagem, do ponto A ao
ponto B e do ponto B ao ponto C, sendo que a escala do desenho é 1:2500.
AB
C
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 8
RESPOSTAS
Exercícios:
1) R: equação válida; princípio: semelhança de triângulos.
2) R: equação válida; princípio: semelhança de triângulos.
3) R: equação válida; princípio: semelhança de triângulos.
4) R: Representação Gráfica
5) R: 1sec 2
+= tg
6) a) R: 129º11’39,2”; 2,254864552rad; 143,5491358gr e 230°48’20,7”; 4,02832035rad; 256,4508385gr
b) R: 2º quadrante e 3º quadrante pois são os quadrantes onde o cosseno é negativo
7) R: ângulos internos: A = 108º28’11”; B = 42º15’01”; C= 29º16’48”
ângulos externos: A’= 251º31’49” B’= 317º44’59” C’= 330º43’12”
área: 3215,72m²
8) R: 194,244m
9) R: Perpendicular a um alinhamento (Triângulo retângulo; triângulo isósceles); Paralela a um alinhamento; determinação
de um ângulo qualquer.
10) R: a) DHBC= 197,68m
b) S= 15114,74725m² /1,5115 há
11) R: 6,8cm = 306m; 11,2cm = 504m
12) R: a) N= 3074534,787m
b) E= 68613,425m; Localiza-se a leste (E).
13) R: SG – 22 – Z – C – V – 1 – NE
14) R: P1 P2 = 162,5m; P2 P3 = 85m; P3 P4 = 90m; P4 P5 = 170m; P5 P6 = 135m; P6 P1 = 95m
15) R: a) DH1= 54,80m; DH2= 40,61m; DH3= 19,82m; DH4= 39,72m; DH5= 63,17m
b) AZ1= 50°30’; AZ2= 347° 47’; AZ3= 20° 3’; AZ4= 319° 35’; AZ5= 317° 23’
c) R1= 50° 30’ NE; R2= 12° 13’ NW; R3= 20° 3’ NE; R4= 40° 25’ NW; R5= 42° 37’ NW.
16) R: a) DH1=27,54m;DH2=82,74m; DH3=228,31m; DH4=181,92m; DH5=143,69m; DH6=104,97m
b) AZ1=80º; AZ2=42º; AZ3= 73º; AZ4= 99º; AZ5= 127º; AZ6= 148º
c) R1=80º NE; R2= 42º NE; R3= 73º NE; R4= 81º SE; R5= 53º SE; R6= 32º SE
d) X1=27,12m; X2= 55,36m; X3=218,33m; X4= 179,68m; X5= 114,76m; X6= 55,63m
Y1= 4,78m; Y2= 61,49m; Y3= 66,75m; Y4= -28,46m; Y5= -86,48m; Y6= -89,02m
f) S = 20765,86565m²
17) R: a) DHP1= 55,85m; DHP2= 57,98m; DHP3= 68,74m; DHP4= 58,84m; DHP5= 8,99m; DHP6= 11,48m; DHE2= 99,71m;
DHT7= 68,46m; DHT8= 35,99m
b) AZP1= 255º50’; AZP2= 310º10’; AZP3= 68º30’; AZP4= 98º10’; AZT7= 82º20’; AZT8= 274º50’
c) RP1= 14º10’12” SW; RP2= 49º49’48”NW; RP3= 68º30’SE; RP4= 81º49’48” SE; RP5= 73º48’ SW; RP6= 79º42’SW;
RE2= 84º30’SW; RT7= 82º19’48” NE; RT8= 85º10’12”NW
d) XP1= -54,15m; XP2= -44,30m; XP3= 63,96m; XP4= 58,24m; XP5= -2,5m; XP6= -2,05m; XE2= -9,56m; XT7= 58,29m;
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 9
XT8= -15,42m
YPI= -13,67m; YP2= 37,40m; YP3= 25,19m; YP4= -8,36m; YP5= -8,63m; YP6= -11,3m; YE2= -68,14m; YT7= -59m;
YT8= -65,11m
e) ST = 8760,22m²; Sp1 = 4618,704 m² ; Sp2 = 5615,944m²
18) R:
estação PV DH AH Az RUMO X Y
E1 E2 38,74 97°55'12" 105° 75°SE -153,55 156,87
E2 E3 43,39 70°19'48" 355°19'48" 4°40'12"NW 150 200
E3 E4 29,09 101°55'12" 277°15' 82°45'NW 120,96 203,68
E4 E1 36,96 89°49'48" 187°4'48" 7°4'48"SW 116,37 166,42
∑ 148,18 360°
19) R: emax = ±2’27”; ea = -124”;
el = 0,642m/km (limite 3m/km)
estação PV DH PESO AH angular AH corrigido Az Proj. X corrig. Proj. Y corrig.
E1 E2 149,72 0,5 81°54'35" 14" 81°54'49" 55°29'38" 132,89 91,34
E2 E3 123,7 0,61 81°29'54" 17" 81°30'11" 153°59'27" 37,87 -77,49
E3 E4 90,43 0,83 201°22'28" 24" 201°22'52" 132°36'35" 69,68 -64,02
E4 E5 74,83 1 101°29'26" 28" 101°29'54" 211°13'43" -28,51 -47,05
E5 E6 86,81 0,86 123°21'36" 25" 123°22'01" 267°44'40" -118,42 -4,63
E6 E1 128,43 0,58 130°19'57" 16" 130°20'13" 317°24'27" -93,51 101,85
∑ 653,92 4,38 719°57'36" 124” 720° 0 0
estação PV Az X Y
E1 P1 276°54'27" -169,94 -8,74
E2 P2 4°07'38" -31,87 92,8
E3 P3 228°47'27" 0 0
E4 P4 93°41'35" 81,03 -59,83
E5 P5 135°48'43" 50,05 -110,25
E6 P6 217°40'40" -75,2 -115,24
ST = 27486,62m² ; SP = 13743,31m²
Equação da reta: yp = -199,774501-1,124129xp
xp = -123,4926818m ; yp = -60,9527961m
20) a) R: caminhamento anti-horário
b) R: DH1,2 = 103,25m ; DH2,3 = 73,19m ; DH3,4 = 109,94m ; DH4,5 = 78,39m ; DH5,6 = 88,80m ; DH6,1 = 164,29m
c) R: R P1 P2 = 17° 43’ 1,88” SE AZ P1 P2 = 162° 16’ 58,1”
R P2 P3 = 28° 32’ 23,51” SE AZ P2 P3 = 151° 27’ 36,4”
R P3 P4 = 71° 42’ 42,2” NE AZ P3 P4 = 71° 42’ 42,2”
R P4 P5 = 31° 37’ 41,13” SW AZ P4 P5 = 211° 37’ 41,1”
R P5 P6 = 13° 41’ 8,55” SE AZ P5 P6 = 166° 18’ 51,4”
R P6 P1 = 77° 6’ 11,66” SE AZP6 P1 = 102° 53’ 48,3”
d) R: AI1 = 85° 10’ 46,42”
AI2 = 133° 44’34,5”
AI3 = 43° 10’ 18,6”
AI4 = 103° 20’ 23,3”
AI5 = 197° 55’ 52,5”
AI6 = 89° 12’ 39,7”
e) R: S = 18358,85725m² / 1,835885725ha
21) R: a) SPontos = 7224,905m²
b) DHE1E2 = 102,18m; DHE2E3 = 56,86m; DHE3E4 = 57,22m; DHE4E5 = 40,49m; DHE5E1 = 41,47m;
DHP1P2 = 113,26m; DHP2P3 = 73,67m; DHP3P4 = 72,16m; DHP4P5 = 46,33m; DHP5P1 = 48,34m;
EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 10
c) RE1E2 =-5°55’31,67”SE; RE2E3 = 72°23’36,67”SW; RE3E4 = -10º34’24,68”NW; RE4E5 = 30º44’43,26”NE;
RE5E1 = 48º44’11,96”NE
RP1P2 = -7º27’27,29”NW; RP2P3 = 74º14’48,86”NE; RP3P4 = -12º19’19,63”NW; RP4P5 = 46º39’41,58”NE;
RP5P1 = 51º38’10,99”NE
AZE1 = 174°4’28,33”; AZE2 = 252º23’36,6”; AZE3 = 349º25’35,3”; AZE4 =30°44’43,26”; AZE5 = 48°44’11,96”;
AZP1 =172°32’32,7”; AZP2 = 254°14’48,8”; AZP3 = 347°40’40,3” ; AZP4 = 46°39’41,58”; AZP5 = 51°38’10,99”;
d) AIE1 = 54°39’43,63”; AIE2 = 101°40’51,7”; AIE3 = 82°58’1,3”; AIE4 = 138°40’52”; AIE5 = 162°0’31,3”;
AHP1 = 59°5’38,29”; AHP2 = 98°17’43,9”; AHP3 = 86°34’8,5”; AHP4 = 121°0’58,72”; AHP5 = 175°1’30,59”;
22) R: DH = 56,04m
23) R: St = 12656,2m²; Sp = 6328,1m²; DH = 51,40m
24) a) R: Vesp = 900° ; ea = -2’ 12” ; ea max = ±2’ 38,75” ; poderia continuar com os cálculos
b) R: el = 0,8470m; 1,223m/km; poderia continuar com os cálculos
25) R: C1 = 50,2382m; C2 = 54,218m; CE2 = 52,274m; C3 = 53,872m; C4 = 57,171m
d1 = 0,794%; d2 = 14,06%; dE2 = 7,581%; d3 = 5,325%; d4 = 16,32%
26) R: el = 0,005m
27) R: dAB = 0% ; dBC = depende da cota.
Estação PV FM AI COTA
1 1,136 922,32
2 1,952 921,504
E1
3 0,380
923,456
923,076
3 2,652 923,076
4 1,430 924,298
E2
5 0,560
925,728
925,168
5 1,638 925,168E3
4 2,507
926,806
924,299
4 1,203 924,299
3 2,424 923,078
E4
2 3,996
925,502
921,506
2 1,326 921,506E5
1 0,507
922,832
922,325

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITO
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITORELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITO
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITOEzequias Guimaraes
 
Relatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenos
Relatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenosRelatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenos
Relatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenosluancaio_aguas
 
Relatório de levantamento topográfico planimétrico
Relatório de levantamento topográfico planimétricoRelatório de levantamento topográfico planimétrico
Relatório de levantamento topográfico planimétricoluancaio_aguas
 
Aula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civil
Aula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civilAula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civil
Aula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civildebvieir
 
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdfCésar Antônio da Silva
 
Topografia unidade 2 planimetria
Topografia unidade 2 planimetriaTopografia unidade 2 planimetria
Topografia unidade 2 planimetriavanilsonsertao01
 
Acad 5_06_topografia_11
 Acad 5_06_topografia_11 Acad 5_06_topografia_11
Acad 5_06_topografia_11Maíra Barros
 
Curso topografia basica jun13_rocha
Curso topografia basica jun13_rochaCurso topografia basica jun13_rocha
Curso topografia basica jun13_rochaAlexandre Rocha
 
Topografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de TerrenosTopografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de TerrenosBruno Anacleto
 
Aula de topografia 1 - módulo 3
Aula de topografia 1 - módulo 3Aula de topografia 1 - módulo 3
Aula de topografia 1 - módulo 3debvieir
 
Apostila topografia 1ªparte
Apostila topografia 1ªparteApostila topografia 1ªparte
Apostila topografia 1ªparteCarla Tamara
 
Aula 1 curvas_de_nível
Aula 1 curvas_de_nívelAula 1 curvas_de_nível
Aula 1 curvas_de_nívelhagggar
 

Mais procurados (20)

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITO
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITORELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITO
RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE CAMPO SOBRE USO DO TEODOLITO
 
Relatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenos
Relatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenosRelatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenos
Relatório de levantamento topográfico altimétrico - Sistematização de terrenos
 
Relatório de levantamento topográfico planimétrico
Relatório de levantamento topográfico planimétricoRelatório de levantamento topográfico planimétrico
Relatório de levantamento topográfico planimétrico
 
Aula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civil
Aula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civilAula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civil
Aula topografia 1 - módulo 2 - Engenharia civil
 
Leitura da mira
Leitura da miraLeitura da mira
Leitura da mira
 
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
11ª e 12ª Aula - Equipamentos Topograficos.pdf
 
Topografia unidade 2 planimetria
Topografia unidade 2 planimetriaTopografia unidade 2 planimetria
Topografia unidade 2 planimetria
 
Desenho Arquitetônico.
Desenho Arquitetônico.Desenho Arquitetônico.
Desenho Arquitetônico.
 
Aula - Topografia
Aula - TopografiaAula - Topografia
Aula - Topografia
 
Topografia aula01
Topografia aula01Topografia aula01
Topografia aula01
 
Acad 5_06_topografia_11
 Acad 5_06_topografia_11 Acad 5_06_topografia_11
Acad 5_06_topografia_11
 
Curso topografia basica jun13_rocha
Curso topografia basica jun13_rochaCurso topografia basica jun13_rocha
Curso topografia basica jun13_rocha
 
Altimetria perfis e_curvas_de_nivel
Altimetria perfis e_curvas_de_nivelAltimetria perfis e_curvas_de_nivel
Altimetria perfis e_curvas_de_nivel
 
Topografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de TerrenosTopografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
Topografia - Nivelamento e Sistematização de Terrenos
 
Aula 08 terraplenagem
Aula 08   terraplenagemAula 08   terraplenagem
Aula 08 terraplenagem
 
Aula de topografia 1 - módulo 3
Aula de topografia 1 - módulo 3Aula de topografia 1 - módulo 3
Aula de topografia 1 - módulo 3
 
Altimetria topografia?
Altimetria topografia?Altimetria topografia?
Altimetria topografia?
 
Apostila topografia 1ªparte
Apostila topografia 1ªparteApostila topografia 1ªparte
Apostila topografia 1ªparte
 
Exercicios resolvidos
Exercicios resolvidosExercicios resolvidos
Exercicios resolvidos
 
Aula 1 curvas_de_nível
Aula 1 curvas_de_nívelAula 1 curvas_de_nível
Aula 1 curvas_de_nível
 

Semelhante a Exercicios-topografia-corrigidos

RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...Ezequias Guimaraes
 
Exercicios altimetria
Exercicios altimetriaExercicios altimetria
Exercicios altimetriaDenny Santana
 
A técnica de edificar walid yazigi
A técnica de edificar   walid yazigiA técnica de edificar   walid yazigi
A técnica de edificar walid yazigiKempes Bidoia Farias
 
Matematica aplicada
Matematica aplicadaMatematica aplicada
Matematica aplicadacon_seguir
 
Trigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retânguloTrigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retânguloKalculosOnline
 
Geometria Plana - Exercícios
Geometria Plana - ExercíciosGeometria Plana - Exercícios
Geometria Plana - ExercíciosEverton Moraes
 
Trigonometria soluções
Trigonometria soluçõesTrigonometria soluções
Trigonometria soluçõesaldaalves
 
Razões trigonométricas
Razões trigonométricasRazões trigonométricas
Razões trigonométricasKalculosOnline
 
Atividades de matemática trigonometria no triângulo retângulo
Atividades de matemática trigonometria no triângulo retânguloAtividades de matemática trigonometria no triângulo retângulo
Atividades de matemática trigonometria no triângulo retânguloWaldir Montenegro
 
Lista coseno seno
Lista coseno senoLista coseno seno
Lista coseno senoprofwtelles
 
Gráficos das funções
Gráficos das funçõesGráficos das funções
Gráficos das funçõesadalvo
 

Semelhante a Exercicios-topografia-corrigidos (20)

RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
RELATÓRIO  DE  ATIVIDADES  DE  CAMPO  DA  DISCIPLINA  DE  TOPOGRAFIA: Estação...
 
Exercicios altimetria
Exercicios altimetriaExercicios altimetria
Exercicios altimetria
 
Apostila ler3402007
Apostila ler3402007Apostila ler3402007
Apostila ler3402007
 
Exc trigon
Exc trigonExc trigon
Exc trigon
 
A técnica de edificar walid yazigi
A técnica de edificar   walid yazigiA técnica de edificar   walid yazigi
A técnica de edificar walid yazigi
 
Mat triangulo 004
Mat triangulo  004Mat triangulo  004
Mat triangulo 004
 
Matematica aplicada
Matematica aplicadaMatematica aplicada
Matematica aplicada
 
Matematica aplicada
Matematica aplicadaMatematica aplicada
Matematica aplicada
 
Trigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retânguloTrigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retângulo
 
Ficha nº18 trigonometria
Ficha nº18 trigonometriaFicha nº18 trigonometria
Ficha nº18 trigonometria
 
Ficha nº18 trigonometria
Ficha nº18 trigonometriaFicha nº18 trigonometria
Ficha nº18 trigonometria
 
Exercicios resolvidos
Exercicios resolvidosExercicios resolvidos
Exercicios resolvidos
 
Geometria Plana - Exercícios
Geometria Plana - ExercíciosGeometria Plana - Exercícios
Geometria Plana - Exercícios
 
Trigonometria soluções
Trigonometria soluçõesTrigonometria soluções
Trigonometria soluções
 
Razões trigonométricas
Razões trigonométricasRazões trigonométricas
Razões trigonométricas
 
Atividades de matemática trigonometria no triângulo retângulo
Atividades de matemática trigonometria no triângulo retânguloAtividades de matemática trigonometria no triângulo retângulo
Atividades de matemática trigonometria no triângulo retângulo
 
Trigonometria
TrigonometriaTrigonometria
Trigonometria
 
Arcos e Ângulos
Arcos e Ângulos Arcos e Ângulos
Arcos e Ângulos
 
Lista coseno seno
Lista coseno senoLista coseno seno
Lista coseno seno
 
Gráficos das funções
Gráficos das funçõesGráficos das funções
Gráficos das funções
 

Último

A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralA Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralFranciscaArrudadaSil
 
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraTecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraGuilhermeLucio9
 
DESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICA
DESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICADESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICA
DESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICAPabloVinicius40
 
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréEletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréGuilhermeLucio9
 
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção IndividualTreinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individualpablocastilho3
 
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfLivro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfSamuel Ramos
 
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaLEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaGuilhermeLucio9
 

Último (7)

A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralA Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
 
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraTecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
 
DESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICA
DESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICADESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICA
DESTRAVANDO O NOVO EDITAL DA CAIXA ECONOMICA
 
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréEletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
 
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção IndividualTreinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
 
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfLivro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
 
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaLEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
 

Exercicios-topografia-corrigidos

  • 1. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 1 LISTA DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS – TOPOGRAFIA Professor: MSc. Leonardo Josoé Biffi Monitora: Heloise Lebkuchen 1) Deduzir, com auxílio gráfico, utilizando uma circunferência orientada positivamente, com origem em 6 horas e um ângulo no segundo quadrante. Verificar a validade da equação e citar o princípio utilizado na dedução: α α α Cos Cotg Cos =sec 2)Deduzir, com auxílio gráfico, utilizando uma circunferência orientada negativamente, com origem em 6 horas e um ângulo no terceiro quadrante. Verificar a validade da equação e citar o princípio utilizado na dedução: α α Sen Cos 1 sec = 3) Utilizando uma circunferência trigonométrica orientada negativamente, com origem em 6 horas e o ângulo no terceiro quadrante, deduzir para verificar a validade da equação abaixo. β β β seccos cot sec 1 g = 4) Dada uma circunferência trigonométrica, com origem em 9 horas, orientação positiva e um ângulo no primeiro quadrante. Apresentar auxílio gráfico indicando os segmentos que representam a tg, o cos, a cotg e o sen do ângulo (identificar cada ponto com letras). 5) Qual a relação existente entre a tangente e a secante de um ângulo? 6) Sabendo-se que sec θ = -1,5824. utilizando auxílio gráfico, com uma circunferência orientada positivamente, com origem 12 horas. a) Qual(is) o(s) valor(es) de θ? (em degradiano, radiano e gradiano) b) Em que quadrante(s) está(ao) este(s) ângulo(s)? explique 7) Tendo-se um triângulo com vértices A, B e C conhecendo-se os três lados, calcule os ângulos interno e externos e calcule a área do triângulo. AB= 70,23m; BC= 136,20m; AC= 96,55m. 8) Descubra a DH entre dois pontos inacessíveis (AB), porém visíveis de um alinhamento base (CD). O comprimento do alinhamento base é de 38 metros. Em cada extremidade do alinhamento base foi feito leitura dos ângulos formados da linha base com os pontos A e B, e se obteve: CA = 123° 15’; CB = 38° 15’; DA = 45° 23’ e DB = 130° 40’ A B C D
  • 2. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 2 9) Cite 3 operações que podem ser realizadas para solucionar problemas de campo utilizando apenas trena e baliza e conhecimento trigonométrico. (utilize auxílio gráfico). 10) Dada uma área de Mata Nativa sobre um mapa, deseja-se conhecer a área aproximada, então foram efetuadas as seguintes medidas: AB = 153 m, AC = 246 m, ângulo no vértice A=53°26’. Determine: a) DH entre os vértices B e C b) Área total (m² e ha) 11) Sobre um mapa topográfico efetuaram-se duas medidas com auxílio de uma régua graduada em centímetros, as medidas foram 6,8 e 11,2 cm respectivamente. Qual a distância real em metros, para as duas leituras, sendo que o mapa está no escala 1: 4.500? 12) Com relação às coordenadas do sistema UTM. Para um ponto localizado no Hemisfério Sul, no fuso UTM 22, que possui os seguintes valores de coordenadas, N = 6.925.465,213 e E = 568.613,425. Pergunta-se: a) Qual a distância em linha reta, no sentido Norte-Sul, do ponto até a linha do Equador? (em metros) b) Qual a distância em linha reta, no sentido Leste-Oeste, do ponto até Meridiano Central (em metros), dizendo se o ponto localiza-se a Leste ou a Oeste do mesmo? 13) Escreva na ordem correta, utilizando os códigos da nomenclatura oficial, o nome de uma carta topográfica na escala 1:25.000. 14) Observando o mapa resultado do levantamento planimétrico indique as distâncias em metros entre os vértices do perímetro. A B C P2 P3 P5 1:2500 P4 P1 P6
  • 3. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 3 15) Dada a planilha de um levantamento por irradiação, calcule o que se pede utilizando as seguintes informações: E1 => aparelho zenital; Constante Taqueométrica = 100. Estação PV FS FM FI AH (horário) AV 1 1,548 1,275 1,000 230° 30’ 90° 03’ 2 1,410 1,200 1,000 167° 47’ 95° 34’ 3 1,200 1,100 1,000 200° 03’ 95° 31’ 4 1,400 1,200 1,000 139° 35’ 94° 49’ 5 2,635 2,310 2,000 137° 23’ 94° 07’ E1 Nm 180° 00’ a) DH das estações para os pontos visados b) Azimute c) Rumo 16) Com o objetivo de medir a área de uma lavoura de feijão, foi realizado um levantamento planimétrico por irradiação. Os dados estão expostos abaixo. MIRA TAQUEOMÉTRICA ÂNGULOS LIDOS PV FS FM FI Ang Zenital AH (horário) 1 1,578 1,438 1,300 95° 30’ 36” 18° 2 1,935 1,520 1,100 95° 28’ 10” 340° 3 3,285 2,145 1,000 88° 21’ 55” 11° 4 2,820 1,912 1,000 91° 12’ 44” 37° 5 2,245 1,520 0,800 94° 17’ 29” 65° 6 1,950 1,425 0,900 91° 01’ 00” 86° Nm - - - - 298° Calcule: a) DH, b) Azimute, c) Rumo, d) Coordenadas retangulares, e) fazer o desenho na escala 1:2000 com escala gráfica, f) área total. 17) Dada a caderneta de campo abaixo, de um levantamento feito por irradiação, de dois piquetes adjacentes, (1º piquete, P5, P6, P1, P2, P3 e P4) (2º piquete, P4, P5, P6, P1, T8 e T7) calcule: a) DH, b) Azimute, c) Rumo, d) Coordenadas retangulares, e) fazer o desenho na escala 1:1000 com escala gráfica, f) área total e parcial dos piquetes. Caderneta de campo: (AV - Aparelho horizontal) Estação PV FS FI AH AV Obs: P1 1,56 1,00 255º 50' 3º P2 2,58 2,00 310º 10' 1º P3 1,69 1,00 68º 30' 3º 30' P4 1,59 1,00 98º 10' 3º P5 1,09 1,00 196º 12' 1º 35' P6 1,115 1,00 190º 18' 2º 20' E1 E2 2,30 1,30 185º 30' 3º 05' AH zerado no NM, lido no sentido horário. AH = Az T7 1,69 1,00 76º 50' 5º 05'E2 T8 1,46 1,10 269º 20' 1º AH zerado em E1.
  • 4. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 4 18) Em um levantamento por caminhamento se obteve os dados abaixo. Fazer o ajustamento da poligonal auxiliar e calcular a área correspondida pelos vértices (A, B, C e D). Dadas as informações: a) caminhamento no sentido anti-horário, AH lido horário. b) calcular os erros e os limites aceitáveis. c) compensação angular: proporcional ao ângulo, compensação linear: proporcional as projeções. d) coordenadas com valores na E3 de X= 150 e Y= 200 e) fazer desenho na escala mais apropriada. Estação PV AH DH (m) FS FI AV Obs E2 97º 55' 38,74 A 237º 10' 4,91E1 Az = 105º E1 zerado em E4 E3 70º 20' 43,39 B 350º 20' 4,07E2 E2 zerado em E1 E4 101º 55' 29,09E3 C 249º 08' 4,14 E3 zerado em E2 E1 89º 50' 36,96 D 235º 24' 4,19E4 Poste 249º 52' 1,200 1,000 88º 01' E4 zerado em E3 19) Você foi contratado para efetuar um levantamento por caminhamento e fazer a divisão da área em duas partes. Na área existiam dois pontos com coordenadas conhecidas que foram ocupados da seguinte forma, um como estação e outro como um ponto de vértice. Dada a caderneta de campo abaixo: Est PV AH DH X Y P1 220° 30’ 4,44E1 E2 81° 54’ 35” 161,15 P2 231° 22’ 10,76E2 E3 81° 29’ 54” 86,25 5,23 4,58 P3 105° 12’ 0 0E3 E4 201° 22’ 28” 94,61 P4 218° 55’ 6,13E4 E5 101° 29’ 26” 55,05 P5 255° 25’ 5,24E5 E6 123° 21’ 36” 118,57 P6 230° 04’ 5,20E6 E1 130° 19’ 57” 138,29 a) caminhamento no sentido horário, AH lido anti-horário. b) calcular os erros e os limites aceitáveis. c) compensação angular: por peso, compensação linear: proporcional as DHs. d) fazer desenho na escala mais apropriada. e) divisão da área pelo método analítico, com PP sendo P3
  • 5. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 5 20) Com os dados de coordenadas dos pontos de um levantamento determine o que se pede pelo método da planilha inversa. Os dados estão expostos abaixo. Pontos X Y 1 43,78 167,75 2 75,20 69,40 3 110,17 5,10 4 214,56 39,60 5 173,45 106,35 6 152,44 192,63 Determine: a) Desenhe na escala 1:1250, e determine o sentido do caminhamento. b) DH entre os vértices. c) Azimute e Rumos dos pontos no sentido do caminhamento. d) Ângulo Interno entre os pontos em cada vértice. e) Área total (m², ha). 21) Dada a planilha abaixo calcule pela planilha inversa: Est PV X Y P1 56,20 132,30E1 E2 64,70 26,80 P2 70,90 20,00E2 E3 10,50 9,60 P3 0,00 0,00E3 E4 0,00 65,85 P4 -15,40 70,50E4 E5 20,70 100,65 P5 18,30 102,30E5 E1 52,10 128,20 Faça o desenho para orientação (Eixo Y orientado com o Norte) Calcule: a) área dos pontos; b) DH entre as estações e entre os vértices; c) Rumos e Azimutes; d) Ângulos Internos entre as estações e o Ângulo Horizontal dos pontos. 22) Dada uma área de vértices A, B, C e D demarque 1/3 da área a partir do lado AB, com a linha divisória saindo do vértice A. Após descobrir o lado que receberá a linha divisória determine qual a DH do vértice C até o ponto de chegada? (recomenda-se o método de decomposição em figuras geométricas). Ponto X Y A 120 180 B 170 90 C 115 40 D 50 100
  • 6. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 6 23) Dividir a área em duas partes iguais, decompondo em figuras geométricas regulares. A linha divisória partirá do vértice C. Dadas as coordenadas abaixo. Calcular área total, área parcial e DH da intersecção da linha divisória. Ponto X Y A 150 150 B 60 100 C 95 46 D 177 32 E 240 105 24) Após um levantamento por caminhamento perimetral, ficou uma dúvida se poderiam começar os procedimentos de escritório ou retornar a campo. Então os dados foram levados a você. No levantamento foi utilizando 7 estações, um aparelho com precisão de 1’, a soma dos ângulos internos do levantamento foi 899° 57’ 48” e a soma das distâncias horizontais foi 692,50 metros. a) Qual é o valor esperado? Qual foi o erro e qual o erro máximo permitido? Poderia continuar os cálculos? Na possibilidade de continuar os cálculos, após as correções angulares e determinação dos azimutes, calculou-se as projeções, e no somatório das Projeções de E(x) e N(y) obteve-se (-0,85) e (1,2), respectivamente. b) Qual o erro linear? Qual o erro em m/km? Poderia continuar os cálculos para um limite de erro de 2 m/km? 25) Calcule as cotas dos pontos de uma poligonal aberta e determine qual a declividade, em porcentagem, entre cada lance de pontos, levantados em um nivelamento trigonométrico, a partir das seguintes informações: E1 => Cota 50,00 m; AI = 1,46 m; aparelho horizontal. E2 => AI = 1,53m; aparelho nadiral Distância entre pontos 30 metros Estação PV FS FM FI AH AV 1 1,548 1,275 1,000 230° 30’ − 0° 03’ 2 1,410 1,200 1,000 167° 47’ 5° 34’ E1 E2 1,200 1,100 1,000 200° 03’ 5° 31’ 3 1,400 1,200 1,000 139° 35’ 91° 49’E2 4 2,635 2,310 2,000 137° 23’ 95° 09’ 26) Determine as cotas dos pontos onde foi efetuado o nivelamento (E1 e E2) e contra-nivelamento (E3, E4 e E5), sendo espaçamento entre ponto de 45 metros, conforme caderneta de campo abaixo de um nivelamento geométrico: - Qual o erro encontrado?
  • 7. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 7 Estação PV FM AI COTA 1 1,136 922,32 2 1,952 E1 3 0,380 3 2,652 4 1,430 E2 5 0,560 5 1,638E3 4 2,507 4 1,203 3 2,424 E4 2 3,996 2 1,326E5 1 0,507 27) Dada a figura abaixo, com a representação de um levantamento planialtimétrico, determine cotas eqüidistantes para as isolinhas, desenhe (com linha continua) a linha de talvegue e desenhe (com linha pontilhada) a linha de divisor de águas e determine a declividade, em porcentagem, do ponto A ao ponto B e do ponto B ao ponto C, sendo que a escala do desenho é 1:2500. AB C
  • 8. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 8 RESPOSTAS Exercícios: 1) R: equação válida; princípio: semelhança de triângulos. 2) R: equação válida; princípio: semelhança de triângulos. 3) R: equação válida; princípio: semelhança de triângulos. 4) R: Representação Gráfica 5) R: 1sec 2 += tg 6) a) R: 129º11’39,2”; 2,254864552rad; 143,5491358gr e 230°48’20,7”; 4,02832035rad; 256,4508385gr b) R: 2º quadrante e 3º quadrante pois são os quadrantes onde o cosseno é negativo 7) R: ângulos internos: A = 108º28’11”; B = 42º15’01”; C= 29º16’48” ângulos externos: A’= 251º31’49” B’= 317º44’59” C’= 330º43’12” área: 3215,72m² 8) R: 194,244m 9) R: Perpendicular a um alinhamento (Triângulo retângulo; triângulo isósceles); Paralela a um alinhamento; determinação de um ângulo qualquer. 10) R: a) DHBC= 197,68m b) S= 15114,74725m² /1,5115 há 11) R: 6,8cm = 306m; 11,2cm = 504m 12) R: a) N= 3074534,787m b) E= 68613,425m; Localiza-se a leste (E). 13) R: SG – 22 – Z – C – V – 1 – NE 14) R: P1 P2 = 162,5m; P2 P3 = 85m; P3 P4 = 90m; P4 P5 = 170m; P5 P6 = 135m; P6 P1 = 95m 15) R: a) DH1= 54,80m; DH2= 40,61m; DH3= 19,82m; DH4= 39,72m; DH5= 63,17m b) AZ1= 50°30’; AZ2= 347° 47’; AZ3= 20° 3’; AZ4= 319° 35’; AZ5= 317° 23’ c) R1= 50° 30’ NE; R2= 12° 13’ NW; R3= 20° 3’ NE; R4= 40° 25’ NW; R5= 42° 37’ NW. 16) R: a) DH1=27,54m;DH2=82,74m; DH3=228,31m; DH4=181,92m; DH5=143,69m; DH6=104,97m b) AZ1=80º; AZ2=42º; AZ3= 73º; AZ4= 99º; AZ5= 127º; AZ6= 148º c) R1=80º NE; R2= 42º NE; R3= 73º NE; R4= 81º SE; R5= 53º SE; R6= 32º SE d) X1=27,12m; X2= 55,36m; X3=218,33m; X4= 179,68m; X5= 114,76m; X6= 55,63m Y1= 4,78m; Y2= 61,49m; Y3= 66,75m; Y4= -28,46m; Y5= -86,48m; Y6= -89,02m f) S = 20765,86565m² 17) R: a) DHP1= 55,85m; DHP2= 57,98m; DHP3= 68,74m; DHP4= 58,84m; DHP5= 8,99m; DHP6= 11,48m; DHE2= 99,71m; DHT7= 68,46m; DHT8= 35,99m b) AZP1= 255º50’; AZP2= 310º10’; AZP3= 68º30’; AZP4= 98º10’; AZT7= 82º20’; AZT8= 274º50’ c) RP1= 14º10’12” SW; RP2= 49º49’48”NW; RP3= 68º30’SE; RP4= 81º49’48” SE; RP5= 73º48’ SW; RP6= 79º42’SW; RE2= 84º30’SW; RT7= 82º19’48” NE; RT8= 85º10’12”NW d) XP1= -54,15m; XP2= -44,30m; XP3= 63,96m; XP4= 58,24m; XP5= -2,5m; XP6= -2,05m; XE2= -9,56m; XT7= 58,29m;
  • 9. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 9 XT8= -15,42m YPI= -13,67m; YP2= 37,40m; YP3= 25,19m; YP4= -8,36m; YP5= -8,63m; YP6= -11,3m; YE2= -68,14m; YT7= -59m; YT8= -65,11m e) ST = 8760,22m²; Sp1 = 4618,704 m² ; Sp2 = 5615,944m² 18) R: estação PV DH AH Az RUMO X Y E1 E2 38,74 97°55'12" 105° 75°SE -153,55 156,87 E2 E3 43,39 70°19'48" 355°19'48" 4°40'12"NW 150 200 E3 E4 29,09 101°55'12" 277°15' 82°45'NW 120,96 203,68 E4 E1 36,96 89°49'48" 187°4'48" 7°4'48"SW 116,37 166,42 ∑ 148,18 360° 19) R: emax = ±2’27”; ea = -124”; el = 0,642m/km (limite 3m/km) estação PV DH PESO AH angular AH corrigido Az Proj. X corrig. Proj. Y corrig. E1 E2 149,72 0,5 81°54'35" 14" 81°54'49" 55°29'38" 132,89 91,34 E2 E3 123,7 0,61 81°29'54" 17" 81°30'11" 153°59'27" 37,87 -77,49 E3 E4 90,43 0,83 201°22'28" 24" 201°22'52" 132°36'35" 69,68 -64,02 E4 E5 74,83 1 101°29'26" 28" 101°29'54" 211°13'43" -28,51 -47,05 E5 E6 86,81 0,86 123°21'36" 25" 123°22'01" 267°44'40" -118,42 -4,63 E6 E1 128,43 0,58 130°19'57" 16" 130°20'13" 317°24'27" -93,51 101,85 ∑ 653,92 4,38 719°57'36" 124” 720° 0 0 estação PV Az X Y E1 P1 276°54'27" -169,94 -8,74 E2 P2 4°07'38" -31,87 92,8 E3 P3 228°47'27" 0 0 E4 P4 93°41'35" 81,03 -59,83 E5 P5 135°48'43" 50,05 -110,25 E6 P6 217°40'40" -75,2 -115,24 ST = 27486,62m² ; SP = 13743,31m² Equação da reta: yp = -199,774501-1,124129xp xp = -123,4926818m ; yp = -60,9527961m 20) a) R: caminhamento anti-horário b) R: DH1,2 = 103,25m ; DH2,3 = 73,19m ; DH3,4 = 109,94m ; DH4,5 = 78,39m ; DH5,6 = 88,80m ; DH6,1 = 164,29m c) R: R P1 P2 = 17° 43’ 1,88” SE AZ P1 P2 = 162° 16’ 58,1” R P2 P3 = 28° 32’ 23,51” SE AZ P2 P3 = 151° 27’ 36,4” R P3 P4 = 71° 42’ 42,2” NE AZ P3 P4 = 71° 42’ 42,2” R P4 P5 = 31° 37’ 41,13” SW AZ P4 P5 = 211° 37’ 41,1” R P5 P6 = 13° 41’ 8,55” SE AZ P5 P6 = 166° 18’ 51,4” R P6 P1 = 77° 6’ 11,66” SE AZP6 P1 = 102° 53’ 48,3” d) R: AI1 = 85° 10’ 46,42” AI2 = 133° 44’34,5” AI3 = 43° 10’ 18,6” AI4 = 103° 20’ 23,3” AI5 = 197° 55’ 52,5” AI6 = 89° 12’ 39,7” e) R: S = 18358,85725m² / 1,835885725ha 21) R: a) SPontos = 7224,905m² b) DHE1E2 = 102,18m; DHE2E3 = 56,86m; DHE3E4 = 57,22m; DHE4E5 = 40,49m; DHE5E1 = 41,47m; DHP1P2 = 113,26m; DHP2P3 = 73,67m; DHP3P4 = 72,16m; DHP4P5 = 46,33m; DHP5P1 = 48,34m;
  • 10. EXERCÍCIOS DE TOPOGRAFIA 10 c) RE1E2 =-5°55’31,67”SE; RE2E3 = 72°23’36,67”SW; RE3E4 = -10º34’24,68”NW; RE4E5 = 30º44’43,26”NE; RE5E1 = 48º44’11,96”NE RP1P2 = -7º27’27,29”NW; RP2P3 = 74º14’48,86”NE; RP3P4 = -12º19’19,63”NW; RP4P5 = 46º39’41,58”NE; RP5P1 = 51º38’10,99”NE AZE1 = 174°4’28,33”; AZE2 = 252º23’36,6”; AZE3 = 349º25’35,3”; AZE4 =30°44’43,26”; AZE5 = 48°44’11,96”; AZP1 =172°32’32,7”; AZP2 = 254°14’48,8”; AZP3 = 347°40’40,3” ; AZP4 = 46°39’41,58”; AZP5 = 51°38’10,99”; d) AIE1 = 54°39’43,63”; AIE2 = 101°40’51,7”; AIE3 = 82°58’1,3”; AIE4 = 138°40’52”; AIE5 = 162°0’31,3”; AHP1 = 59°5’38,29”; AHP2 = 98°17’43,9”; AHP3 = 86°34’8,5”; AHP4 = 121°0’58,72”; AHP5 = 175°1’30,59”; 22) R: DH = 56,04m 23) R: St = 12656,2m²; Sp = 6328,1m²; DH = 51,40m 24) a) R: Vesp = 900° ; ea = -2’ 12” ; ea max = ±2’ 38,75” ; poderia continuar com os cálculos b) R: el = 0,8470m; 1,223m/km; poderia continuar com os cálculos 25) R: C1 = 50,2382m; C2 = 54,218m; CE2 = 52,274m; C3 = 53,872m; C4 = 57,171m d1 = 0,794%; d2 = 14,06%; dE2 = 7,581%; d3 = 5,325%; d4 = 16,32% 26) R: el = 0,005m 27) R: dAB = 0% ; dBC = depende da cota. Estação PV FM AI COTA 1 1,136 922,32 2 1,952 921,504 E1 3 0,380 923,456 923,076 3 2,652 923,076 4 1,430 924,298 E2 5 0,560 925,728 925,168 5 1,638 925,168E3 4 2,507 926,806 924,299 4 1,203 924,299 3 2,424 923,078 E4 2 3,996 925,502 921,506 2 1,326 921,506E5 1 0,507 922,832 922,325