Milk-run

421 visualizações

Publicada em

milk run - conceitos

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
421
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Milk-run

  1. 1. MILK RUN
  2. 2. Otermo MILK RUN surgiu à partir da idéia de trazer para a indústria a prática oriunda dos antigos leiteiros norte- americanos, que deixavam galões vazios na porta das suas fazendas fornecedoras e levavam galões cheios no lugar, tendo, assim, a matéria prima no momento que desejavam.  
  3. 3. Milk Run é um método de acelerar fluxo de materiais entre plantas no qual os veículos seguem uma rota para fazer múltiplas cargas e entregas em muitas plantas.
  4. 4. O sistema Milk Run surgiu à partir do conceito Toyota Production System (TPS), idealizado pela Toyota do Japão, que visa o Just in Time.
  5. 5. A Toyota desenvolveu um sistema de logística que otimizasse seu tempo de trabalho em todos as etapas do processo industrial. Esse sistema englobava desde a captação da matéria prima - cada uma das plantas enviava sua própria frota de caminhões até as instalações de cada fornecedor para a retirada dos materiais (milk run) - até a entrega do produto finalizado aos seus clientes
  6. 6. Vantagens do Sistema Milk Run: •Embarques programados segundo a necessidade do cliente (janelas de coleta, data, hora e quantidades); •Reduz necessidade de espaço; •Reduz furtos e compressão dos produtos; •Reduz obsolescência (e problemas com prazo de validade) dos produtos; •Estoques reduzidos devido ao fracionamento de embarques; •Melhora nos serviços de manuseio de materiais; •Embalagens padronizadas e reutilizáveis, com isto redução de custo; •Agilidade no carregamento e descarregamento; •Redução dos custos de manutenção de inventário. •Ferramenta para o JIT e o kanban.
  7. 7. Desvantagens do Sistema Milk Run: •Requer sincronização dos fornecedores e demanda; •Relações imperfeitas com fornecedores; •Perda de credibilidade nos fornecedores; •Maior custo para a montadora, devido a frete extra cobrado que ocorre quando a montadora solicita quantidades não planejadas; •Parada da produção por conta da falta de material; •Atrasos na retirada de materiais nos fornecedores.
  8. 8. Exemplo: Planta da Toyota de Indaiatuba 4 caminhões: • 2 para Grande São Paulo; • 1 para o Sul de Minas; • 1 para as regiões de Salto e Sorocaba;
  9. 9. ConclusãoConclusão  O Milk Run é um trabalho em conjunto, cliente e fornecedor, com atividades coordenadas pela área de suprimentos.  Na fase inicial, a parceria com a área de compras é o que vai garantir a negociação com o fornecedor.  Na fase operacional, são as equipes de logística que vão determinar a programação do consumo, ou seja, a frequência e a quantidade de peças necessárias para suprir a linha de produção e realizar o planejamento de produção programado para um determinado período com o menor estoque possível e maior precisão das entregas.

×