SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Os gêneros textuais
Os gêneros textuais são grupos de textos que podem ser classificados de acordo com
algumas características comuns, tais como estrutura, conteúdo e função social.
Abaixo apresentamos alguns dos gêneros textuais que podemos encontrar no nosso
dia a dia e que podem ser utilizados nas aulas de língua materna como repertório de
ampliação dos conhecimentos das crianças sobre leitura e escrita.
ANÚNCIOS
CONVITES
ATAS
AVISOS
PROGRAMAS DE AUDITÓRIOS
BULAS
CARTAS PESSOAIS
CARTAS COMERCIAIS
CONTOS DE FADAS
FÁBULAS
CRÔNICAS
EDITORIAIS
CARTAS DO LEITOR
EMENTAS
ENSAIOS
ENTREVISTAS
CIRCULARES
CONTRATOS
DECRETOS
DISCURSOS POLÍTICOS
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS
MANUAIS DE INSTRUÇÕES
LETRAS DE MÚSICA
LEIS
MENSAGENS
NOTÍCIAS
BILHETES
CHARGES
RESUMOS
RESENHAS
CONTOS
E-MAILS
POEMAS
PARECERES DESCRITIVOS
CONVERSAS ESPONTÂNEAS
TELEFONEMAS
ENTREVISTAS
SERMÕES
AULAS EXPOSITIVAS
REUNIÕES DE CONDOMÍNIO
HORÓSCOPOS
LISTAS DE COMPRAS
CARDÁPIOS
INQUÉRITOS POLICIAIS
CONFERÊNCIAS
BATE-PAPOS VIRTUAIS
PREFÁCIOS DE LIVROS
TELEGRAMAS
CONSULTAS MÉDICAS
BENZEÇÕES DE CURANDEIRAS
NOVELAS DE TV
NOTICIÁRIOS DE TV
TEXTOS CIENTÍFICOS
REPORTAGENS
SEMINÁRIOS
NOTÍCIAS
PROPAGANDAS TELEVISIVAS
PALESTRAS
DEPOIMENTOS
TEXTOS TEATRAIS
RELATÓRIOS
FORMULÁRIOS
DIÁRIOS
BLOGS
REGRAS DE JOGO
CURRICULOS
ROTEIROS DE VIAGEM
SINOPSES
LENDAS
TESTAMENTOS
BIOGRAFIAS
QUESTIONÁRIOS
Todos estes gêneros textuais e muitos outros fazem parte do conjunto de textos que
circulam diariamente em nossa cultura letrada. Por essa razão, seria ingênuo pensar que as
crianças só têm acesso a textos nos espaços escolares. Se a professora considerar a riqueza de
textos com os quais as crianças já possuem contato fora da escola (e no quadro acima foram
apresentados muitos deles), o seu trabalho com leitura e escrita poderá ter como foco a
exploração dos usos e das funções sociais destes textos a partir de atividades que desenvolvam as
práticas de ler e escrever tais como elas são exercidas nos espaços sociais frequentados pelos seus
alunos.
De acordo com Kaufman e Rodríguez (1995), os textos manifestam diferentes intenções
comunicativas. Neste sentido, poderíamos agrupar os gêneros textuais em tipologias textuais, as
quais podem ser pensadas a partir de certos traços comuns a determinados grupos de gêneros.
Estas categorias ou tipologias, suas principais características e alguns de seus gêneros
constituintes podem ser encontrados no quadro abaixo:
TIPOLOGIA TEXTUAL
Categorias Caracterização Gêneros
Textos literários Privilegia-se a intencionalidade
estética.
Contos
Poemas
Novelas
Obras teatrais
Crônicas
Textos jornalísticos Considera-se o portador
textual (jornais, revistas).
Notícias
Reportagens
Entrevistas
Editoriais
Artigos de opinião
Textos de informação
científica
Privilegia-se a área de
conhecimento – as ciências –
na qual se encontram seus
conteúdos.
Definição
Verbete de dicionário
Nota de enciclopédia
Relato de experimento
científico
Relato histórico
Artigos científicos
Textos instrucionais Considera-se predominante a
intenção manifesta de
organizar tarefas e atividades.
Bulas
Receitas
Manuais
Guias turísticos
Textos epistolares Destacam, em primeiro plano,
o portador e a identificação
precisa do receptor.
Carta pessoal
Solicitação
Ofícios
Circulares
Textos humorísticos Caracteriza-se pela tentativa de
provocar o riso.
História em quadrinhos
Cartuns
Charges
Piadas
Textos publicitários Coloca-se primordialmente em
cena a função apelativa da
linguagem, ou seja, aquela que
busca convencer alguém a
fazer algo.
Aviso
Folheto
Cartaz
Propagandas
Peças publicitárias
Adaptado de KAUFMAN; RODRÍGUEZ, 1995.
Observação: A classificação de um gênero textual em uma das tipologias textuais acima
apresentadas não deve seguir critérios estanques e homogêneos, uma vez que um mesmo texto
pode apresentar características híbridas. Exemplo disso é uma crônica (texto literário), que, por
buscar provocar o riso, pode também ser classificada como texto humorístico.
Os gêneros textuais devem ser observados com atenção pela professora, pois muitos deles
são de fácil acesso, e outros nem tanto. Por essa razão, a escolha da professora deve considerar a
frequência da circulação de determinados gêneros no contexto de vida de seus alunos. Por outro
lado, é preciso ampliar o repertório de gêneros conhecido pelas crianças, o que deve motivar a
docente a propiciar o acesso a alguns gêneros que não sejam do convívio das crianças, mas que
possam contribuir para o enriquecimento da sua bagagem cultural, bem como permitir-lhes o
acesso a diferentes espaços públicos e a novas situações comunicativas.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuais
marlospg
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
Marcia Simone
 
Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerencia
silnog
 
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de marçoPlano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
SHEILA MONTEIRO
 

Mais procurados (20)

Generos textuais
Generos textuaisGeneros textuais
Generos textuais
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuais
 
Oficina de histórias em quadrinhos
Oficina de histórias em quadrinhosOficina de histórias em quadrinhos
Oficina de histórias em quadrinhos
 
Linguagem verbal e não verbal
Linguagem verbal e não verbalLinguagem verbal e não verbal
Linguagem verbal e não verbal
 
Cronica argumentativa 9 ano
Cronica argumentativa 9 anoCronica argumentativa 9 ano
Cronica argumentativa 9 ano
 
Conotacao e denotacao
Conotacao e denotacaoConotacao e denotacao
Conotacao e denotacao
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
 
Crônica
CrônicaCrônica
Crônica
 
O gênero textual entrevista
O gênero textual   entrevistaO gênero textual   entrevista
O gênero textual entrevista
 
Produção de Texto
Produção de TextoProdução de Texto
Produção de Texto
 
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aula
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aulaOficina de Gêneros Textuais em sala de aula
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aula
 
Entre a norma culta e a norma padrão
Entre a norma culta e a norma padrãoEntre a norma culta e a norma padrão
Entre a norma culta e a norma padrão
 
Gêneros literários
Gêneros literáriosGêneros literários
Gêneros literários
 
Gênero notícia
Gênero notíciaGênero notícia
Gênero notícia
 
O verbete
O verbeteO verbete
O verbete
 
Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerencia
 
Produção Textual - Manifesto
Produção Textual  - ManifestoProdução Textual  - Manifesto
Produção Textual - Manifesto
 
SLIDES – TIRINHAS.
SLIDES – TIRINHAS.SLIDES – TIRINHAS.
SLIDES – TIRINHAS.
 
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de marçoPlano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
 
Texto de divulgação científica
Texto de divulgação científicaTexto de divulgação científica
Texto de divulgação científica
 

Destaque

Generos e tipos textuais
Generos e tipos textuaisGeneros e tipos textuais
Generos e tipos textuais
ofpedagogica
 
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médioGêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Lae167
 
Pnaic unidade 5 gêneros e tipos textuais
Pnaic unidade 5  gêneros e tipos textuaisPnaic unidade 5  gêneros e tipos textuais
Pnaic unidade 5 gêneros e tipos textuais
tlfleite
 

Destaque (7)

3ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista
3ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista 3ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista
3ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista
 
2ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista
2ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista  2ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista
2ª Sequência Didática - Gênero textual: Lista
 
Generos e tipos textuais
Generos e tipos textuaisGeneros e tipos textuais
Generos e tipos textuais
 
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médioGêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
 
1ª Sequência Didática - Género textual: Lista de compras
1ª Sequência Didática - Género textual: Lista de compras1ª Sequência Didática - Género textual: Lista de compras
1ª Sequência Didática - Género textual: Lista de compras
 
Pnaic unidade 5 gêneros e tipos textuais
Pnaic unidade 5  gêneros e tipos textuaisPnaic unidade 5  gêneros e tipos textuais
Pnaic unidade 5 gêneros e tipos textuais
 
Apostila gêneros textuais 4º ano
Apostila gêneros textuais  4º anoApostila gêneros textuais  4º ano
Apostila gêneros textuais 4º ano
 

Semelhante a Os gêneros textuais

_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf
_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf
_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf
Eliane Regis
 
Gênerose Tipos Textuais
Gênerose Tipos TextuaisGênerose Tipos Textuais
Gênerose Tipos Textuais
dalvabambil
 
Slidedaedna 090327115700-phpapp02
Slidedaedna 090327115700-phpapp02Slidedaedna 090327115700-phpapp02
Slidedaedna 090327115700-phpapp02
leandrogerlach
 
Generos textuais
Generos textuaisGeneros textuais
Generos textuais
dalvabambil
 
Generos textuais
Generos textuaisGeneros textuais
Generos textuais
dalvabambil
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuais
dalvabambil
 
Gêneros textuais
Gêneros textuaisGêneros textuais
Gêneros textuais
mfmpafatima
 

Semelhante a Os gêneros textuais (20)

Gênero textual escola
Gênero textual escola Gênero textual escola
Gênero textual escola
 
_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf
_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf
_GENEROS_E_TIPOS_TEXTUAIS_FIGURAS_DE_LINGUAGEM_COESÃO_E_COERENCIA.pdf
 
Linguagem aula 02 ok
Linguagem aula 02  okLinguagem aula 02  ok
Linguagem aula 02 ok
 
5º gênero e tipologia textual
5º gênero e tipologia textual5º gênero e tipologia textual
5º gênero e tipologia textual
 
Trabalho de portugues
Trabalho de portuguesTrabalho de portugues
Trabalho de portugues
 
Portugues ufpe
Portugues ufpePortugues ufpe
Portugues ufpe
 
Gêneros textuais e
Gêneros textuais eGêneros textuais e
Gêneros textuais e
 
Gênerose Tipos Textuais
Gênerose Tipos TextuaisGênerose Tipos Textuais
Gênerose Tipos Textuais
 
Slidedaedna 090327115700-phpapp02
Slidedaedna 090327115700-phpapp02Slidedaedna 090327115700-phpapp02
Slidedaedna 090327115700-phpapp02
 
slidedaedna-090327115700-phpapp02.pdf
slidedaedna-090327115700-phpapp02.pdfslidedaedna-090327115700-phpapp02.pdf
slidedaedna-090327115700-phpapp02.pdf
 
Generos textuais
Generos textuaisGeneros textuais
Generos textuais
 
Generos textuais
Generos textuaisGeneros textuais
Generos textuais
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuais
 
Introdução a Literatura.pdf
Introdução a Literatura.pdfIntrodução a Literatura.pdf
Introdução a Literatura.pdf
 
Gêneros textuais
Gêneros textuaisGêneros textuais
Gêneros textuais
 
AULA 1 - TEXTO.pdf
AULA 1 - TEXTO.pdfAULA 1 - TEXTO.pdf
AULA 1 - TEXTO.pdf
 
Foi Você que Pediu um Bom Título?
Foi Você que Pediu um Bom Título?Foi Você que Pediu um Bom Título?
Foi Você que Pediu um Bom Título?
 
Apostila 3º ano medio
Apostila 3º  ano medioApostila 3º  ano medio
Apostila 3º ano medio
 
Trabalho de portugues
Trabalho de portuguesTrabalho de portugues
Trabalho de portugues
 
Gênero textual escola 2016
Gênero textual escola 2016Gênero textual escola 2016
Gênero textual escola 2016
 

Mais de Carla Fernanda Matté Marengo

Resumo de parte do livro ortografia artur gomes de morais
Resumo de parte do livro ortografia artur gomes de moraisResumo de parte do livro ortografia artur gomes de morais
Resumo de parte do livro ortografia artur gomes de morais
Carla Fernanda Matté Marengo
 
Sugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetização
Sugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetizaçãoSugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetização
Sugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetização
Carla Fernanda Matté Marengo
 
Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)
Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)
Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)
Carla Fernanda Matté Marengo
 

Mais de Carla Fernanda Matté Marengo (19)

Ortografia carla
Ortografia carlaOrtografia carla
Ortografia carla
 
Ppt artur gomes ortografia
Ppt artur gomes ortografiaPpt artur gomes ortografia
Ppt artur gomes ortografia
 
Resumo de parte do livro ortografia artur gomes de morais
Resumo de parte do livro ortografia artur gomes de moraisResumo de parte do livro ortografia artur gomes de morais
Resumo de parte do livro ortografia artur gomes de morais
 
Alfabetização e ortografia cagliari (1)
Alfabetização e ortografia cagliari (1)Alfabetização e ortografia cagliari (1)
Alfabetização e ortografia cagliari (1)
 
Livro sobre ortografia artur gomes de morais
Livro sobre ortografia artur gomes de moraisLivro sobre ortografia artur gomes de morais
Livro sobre ortografia artur gomes de morais
 
Logo geame a4 (2)
Logo geame a4 (2)Logo geame a4 (2)
Logo geame a4 (2)
 
Logo geame a4 (2) (1)
Logo geame a4 (2) (1)Logo geame a4 (2) (1)
Logo geame a4 (2) (1)
 
Como formar os grupos áulicos (1)
Como formar os grupos áulicos (1)Como formar os grupos áulicos (1)
Como formar os grupos áulicos (1)
 
Tipos de letras
Tipos de letrasTipos de letras
Tipos de letras
 
Sugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetização
Sugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetizaçãoSugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetização
Sugestões de atividades de (re)escrita de textos na alfabetização
 
Como iniciar a alfabetização com sentido (1)
Como iniciar a alfabetização com sentido (1)Como iniciar a alfabetização com sentido (1)
Como iniciar a alfabetização com sentido (1)
 
Alfabetização todos podem aprender
Alfabetização todos podem aprenderAlfabetização todos podem aprender
Alfabetização todos podem aprender
 
Educando o olhar
Educando o olharEducando o olhar
Educando o olhar
 
A fragilidade do olhar do professor
A fragilidade do olhar do professorA fragilidade do olhar do professor
A fragilidade do olhar do professor
 
A fragilidade do olhar do professor
A fragilidade do olhar do professorA fragilidade do olhar do professor
A fragilidade do olhar do professor
 
Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)
Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)
Informe resultados inaf2011_versao final_12072012b (1)
 
íNdices educação
íNdices educaçãoíNdices educação
íNdices educação
 
Alf mortattihisttextalfbbr (2)
Alf mortattihisttextalfbbr (2)Alf mortattihisttextalfbbr (2)
Alf mortattihisttextalfbbr (2)
 
Ppt vídeo caserna_geame
Ppt vídeo caserna_geamePpt vídeo caserna_geame
Ppt vídeo caserna_geame
 

Os gêneros textuais

  • 1. Os gêneros textuais Os gêneros textuais são grupos de textos que podem ser classificados de acordo com algumas características comuns, tais como estrutura, conteúdo e função social. Abaixo apresentamos alguns dos gêneros textuais que podemos encontrar no nosso dia a dia e que podem ser utilizados nas aulas de língua materna como repertório de ampliação dos conhecimentos das crianças sobre leitura e escrita. ANÚNCIOS CONVITES ATAS AVISOS PROGRAMAS DE AUDITÓRIOS BULAS CARTAS PESSOAIS CARTAS COMERCIAIS CONTOS DE FADAS FÁBULAS CRÔNICAS EDITORIAIS CARTAS DO LEITOR EMENTAS ENSAIOS ENTREVISTAS CIRCULARES CONTRATOS DECRETOS DISCURSOS POLÍTICOS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS MANUAIS DE INSTRUÇÕES LETRAS DE MÚSICA LEIS MENSAGENS NOTÍCIAS BILHETES CHARGES RESUMOS RESENHAS CONTOS E-MAILS POEMAS PARECERES DESCRITIVOS CONVERSAS ESPONTÂNEAS TELEFONEMAS ENTREVISTAS SERMÕES AULAS EXPOSITIVAS REUNIÕES DE CONDOMÍNIO HORÓSCOPOS LISTAS DE COMPRAS CARDÁPIOS INQUÉRITOS POLICIAIS CONFERÊNCIAS BATE-PAPOS VIRTUAIS PREFÁCIOS DE LIVROS TELEGRAMAS CONSULTAS MÉDICAS BENZEÇÕES DE CURANDEIRAS NOVELAS DE TV NOTICIÁRIOS DE TV TEXTOS CIENTÍFICOS REPORTAGENS SEMINÁRIOS NOTÍCIAS PROPAGANDAS TELEVISIVAS PALESTRAS DEPOIMENTOS TEXTOS TEATRAIS
  • 2. RELATÓRIOS FORMULÁRIOS DIÁRIOS BLOGS REGRAS DE JOGO CURRICULOS ROTEIROS DE VIAGEM SINOPSES LENDAS TESTAMENTOS BIOGRAFIAS QUESTIONÁRIOS
  • 3. Todos estes gêneros textuais e muitos outros fazem parte do conjunto de textos que circulam diariamente em nossa cultura letrada. Por essa razão, seria ingênuo pensar que as crianças só têm acesso a textos nos espaços escolares. Se a professora considerar a riqueza de textos com os quais as crianças já possuem contato fora da escola (e no quadro acima foram apresentados muitos deles), o seu trabalho com leitura e escrita poderá ter como foco a exploração dos usos e das funções sociais destes textos a partir de atividades que desenvolvam as práticas de ler e escrever tais como elas são exercidas nos espaços sociais frequentados pelos seus alunos. De acordo com Kaufman e Rodríguez (1995), os textos manifestam diferentes intenções comunicativas. Neste sentido, poderíamos agrupar os gêneros textuais em tipologias textuais, as quais podem ser pensadas a partir de certos traços comuns a determinados grupos de gêneros. Estas categorias ou tipologias, suas principais características e alguns de seus gêneros constituintes podem ser encontrados no quadro abaixo: TIPOLOGIA TEXTUAL Categorias Caracterização Gêneros Textos literários Privilegia-se a intencionalidade estética. Contos Poemas Novelas Obras teatrais Crônicas Textos jornalísticos Considera-se o portador textual (jornais, revistas). Notícias Reportagens Entrevistas Editoriais Artigos de opinião Textos de informação científica Privilegia-se a área de conhecimento – as ciências – na qual se encontram seus conteúdos. Definição Verbete de dicionário Nota de enciclopédia Relato de experimento científico Relato histórico Artigos científicos
  • 4. Textos instrucionais Considera-se predominante a intenção manifesta de organizar tarefas e atividades. Bulas Receitas Manuais Guias turísticos Textos epistolares Destacam, em primeiro plano, o portador e a identificação precisa do receptor. Carta pessoal Solicitação Ofícios Circulares Textos humorísticos Caracteriza-se pela tentativa de provocar o riso. História em quadrinhos Cartuns Charges Piadas Textos publicitários Coloca-se primordialmente em cena a função apelativa da linguagem, ou seja, aquela que busca convencer alguém a fazer algo. Aviso Folheto Cartaz Propagandas Peças publicitárias Adaptado de KAUFMAN; RODRÍGUEZ, 1995. Observação: A classificação de um gênero textual em uma das tipologias textuais acima apresentadas não deve seguir critérios estanques e homogêneos, uma vez que um mesmo texto pode apresentar características híbridas. Exemplo disso é uma crônica (texto literário), que, por buscar provocar o riso, pode também ser classificada como texto humorístico. Os gêneros textuais devem ser observados com atenção pela professora, pois muitos deles são de fácil acesso, e outros nem tanto. Por essa razão, a escolha da professora deve considerar a frequência da circulação de determinados gêneros no contexto de vida de seus alunos. Por outro lado, é preciso ampliar o repertório de gêneros conhecido pelas crianças, o que deve motivar a docente a propiciar o acesso a alguns gêneros que não sejam do convívio das crianças, mas que possam contribuir para o enriquecimento da sua bagagem cultural, bem como permitir-lhes o acesso a diferentes espaços públicos e a novas situações comunicativas.