Carvão vegetal e mineral

865 visualizações

Publicada em

Carvão vegetal e mineral

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
865
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
445
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Carvão vegetal e mineral

  1. 1. CARVÃO VEGETAL E MINERAL Isabela Rocha Sulamita Ferreira Vinicius Reis Wesley Germano
  2. 2. DIFERENÇAS Carvão Vegetal •Madeira Recente •Alta Capacidade de Absorção •Fonte Renovável Carvão Mineral •é uma pedra que, ao longo de milhões de anos formou-se através de altas pressões no interior da Terra. •Alta Capacidade Calorifica •Fonte Esgotável
  3. 3. MATÉRIAS PRIMAS E PROCESSO DE OBTENÇÃO Carvão Vegetal •É obtido através da queima da madeira em presença de pouquíssimo oxigênio •A madeira é constituída basicamente de hidrogênio (H), oxigênio (O) e carbono (C), e com a queimada elimina hidrogênio e oxigênio em forma de água(H2O) e dióxido de carbono(CO2)
  4. 4. MATÉRIAS PRIMAS E PROCESSO DE OBTENÇÃO Carvão Mineral •O carvão mineral é formado por uma complexa e variada mistura de componentes orgânicos sólidos, fossilizados ao longo de milhões de anos que por ação de pressão e temperatura em ambiente sem contato com o ar que se solidificam, perdem oxigênio e hidrogênio e se enriquecem em carbono, em um processo denominado carbonificação.
  5. 5. MATÉRIAS PRIMAS E PROCESSO DE OBTENÇÃO Lavra É o processo de extração do carvão. Pode ser lavra a céu aberto ou lavra subterrânea. Se a camada que recobre o carvão é estreita ou o solo não é apropriado à perfuração de túneis (por exemplo, areia ou cascalho),a opção é a mineração a céu aberto. A lavra subterrânea (mais profunda) é feita através de galerias. Esta extração pode ser manual, semi-mecanizada ou mecanizada.
  6. 6. MATÉRIAS PRIMAS E PROCESSO DE OBTENÇÃO A céu Aberto Subterrânea
  7. 7. MATÉRIAS PRIMAS E PROCESSO DE OBTENÇÃO Beneficiamento consiste em processos que visam à redução da matéria inorgânica existente no carvão, melhorando desta forma a qualidade. O Carvão ROM (Run of Mine): É o minério bruto, obtido diretamente da mina, sem sofrer nenhum tipo de beneficiamento e é retirado através de correia transportadora ou vagonetes. Carvão pré-lavado É o minério que após sua extração sofre o primeiro beneficiamento, nas "bocas da mina" ficando com menor quantidade de impurezas.
  8. 8. SUBPRODUTOS Carvão Vegetal Distinguem-se 3 produtos básicos formados durante a produção: Carvão Vegetal Termo genérico do produto sólido obtido da carbonização da madeira. Segundo as técnicas para sua obtenções e o uso para o qual ele é destinado, pode-se obter carvões muito diferentes. O rendimento em carvão vegetal gira em torno dos limites de 25 a 35% com base na madeira seca.
  9. 9. SUBPRODUTOS Carvão Vegetal Produtos Condensáveis Tais produtos são representados pela água (no mínimo ¾ da totalidade dos produtos condensáveis), seguido pelo ácido acético, álcool metílico, acetona e alcatrões. Normalmente os produtos condensáveis se separam por repouso, em duas camadas: uma camada inferior formada por alcatrão e uma camada superior aquosa, onde são encontrados o ácido acético, álcool metílico, acetona e alcatrões solúveis dissolvidos em 80-85% de água. Essa camada é denominada de ácido ou licor pirolenhoso. Em termos de rendimento os valores encontrados para estas duas frações tem estado compreendidos entre 40 e 45% para o caso do ácido pirolenhoso e 5% a 15% para o alcatrão, com base na madeira seca.
  10. 10. SUBPRODUTOS Carvão Vegetal Produtos Gasosos O volume e a composição dos gases não condensáveis dependem da madeira e da técnica de carbonização empregada. A destilação seca da madeira fornece em média de 15 a 20% de seu peso em gás.
  11. 11. SUBPRODUTOS Carvão Mineral Fração gasosa(gás de hulha): gás de rua ou gás de iluminação (já serviu para iluminar as ruas e hoje é utilizada na indústria e como combustível doméstico). Fração líquida clara ou águas amoniacais: predomina NH3 (amônia ou gás amoníaco). É empregada na preparação de fertilizantes (adubos), ácido nítrico, etc.. Fração líquida escura ou alcatrão da hulha: mais densa que a fração líquida clara - águas amoniacais. Fração sólida: coque
  12. 12. VANTAGENS E DESVANTAGENS DA UTILIZAÇÃO Vantagem Também é usado na medicina. Pode-se destacar o seu uso no tratamento de dores estomacais, mau hálito, aftas, gases intestinais, diarreias infecciosas, disenteria hepática e intoxicações. Condução de oxigênio e um eficiente disseminador de toxinas. O carvão vegetal é derivado de uma matéria-prima renovável ,o eucalipto, que tem poder de limpeza da atmosfera por meio da reação da fotossíntese. Desvantagem Origem da madeira Carvão Vegetal
  13. 13. VANTAGENS E DESVANTAGENS DA UTILIZAÇÃO Vantagem Grandes quantidades de eletricidade são formadas onde existe carvão Custo relativamente baixo por causa de grandes reservas O carvão é o recurso mineral mais abundante Simples acessibilidade Desvantagem Recurso não renovável Grande poluente da atmosfera liberta CO2, óxidos de enxofre de azoto, além de poluentes radioativos e de cinzas. Agrava o aquecimento global Elevado uso do solo Contribui para as chuvas ácidas Carvão Mineral
  14. 14. CARVÃO VEGETAL E MINERAL Isabela Rocha Sulamita Ferreira Vinicius Reis Wesley Germano

×