Jogo x Esporte

368 visualizações

Publicada em

Jogo x Esporte

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
368
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jogo x Esporte

  1. 1. JOGO X ESPORTE JOGO Jogo é toda e qualquer atividade em que exista a figura do jogador (como indivíduo praticante do jogo) e para ele, são criadas as regras que podem ser para ambiente restrito ou livre. Geralmente os jogos têm poucas regras e estas tendem a ser simples, sua presença é importante em vários aspectos, entre eles a regra define o início e fim do jogo. Pode envolver dois ou mais jogando entre si como adversários ou cooperativamente com grupos de adversários. É importante que um jogo tenha adversários interagindo e como resultado de interação exista um vencedor e um perdedor. Jogos são atividades estruturadas, praticadas com fins recreativos e em alguns casos fazem parte de instrumentos educacionais, onde são usados jogos para passar uma mensagem aos jogadores (vencedores e perdedores). São distintos do trabalho que visa remuneração e da arte que está associado à expressão de ideias. Esta separação é sempre precisa, porém, há jogos praticados por remuneração e outros associados à expressão de ideias e emoções. Jogos geralmente envolvem estimulação mental ou física e muitas vezes ambos. Muitos deles ajudam a desenvolver habilidades práticas, servem como uma forma de exercício ou realizam um papel educativo, simulação ou psicológica. Jogos são disputados contra adversários, o que os diferencia de competições, o adversário pode ser outro jogador ou uma simulação que interage com o jogador (no caso de jogos digitais). Em resumo os jogos possuem certo número de características comuns que permite que sejam classificados como elementos de um jogo:  Jogador;  Adversário;  Interatividade;  Devem existir regras;  Devem existir objetivo;  Condições de vitória, empate e derrota;  Ser uma forma de entretenimento. Em todo caso é importante dizer que alguns autores diferem em relação a estes elementos.
  2. 2. Ao longo dos anos surgiram várias tentativas de dizer o que é um jogo, estas são diferentes entre elas: De acordo com Chris Crawford, a exigência de interação entre jogadores coloca atividades como "quebra-cabeças" e "jogos de paciência" na categoria dos quebra-cabeças ao invés de jogos. Isso ocorre porque não há adversário. O filósofo Huizinga, em 1938, escreveu seu livro Homo Ludens, no qual argumenta que o jogo é uma categoria absolutamente primária da vida, tão essencial quando o raciocínio (Homo sapiens) e a fabricação de objetos (Homo faber), então a denominação Homo ludens, quer dizer que o elemento lúdico está na base do surgimento e desenvolvimento da civilização. Huizinga define jogo como: “uma atividade voluntária exercida dentro de certos e determinados limites de tempo e espaço, segundo regras livremente consentidas, mas absolutamente obrigatórias, dotado de um fim em si mesmo, acompanhado de um sentimento de tensão e alegria e de uma consciência de ser diferente de vida cotidiana.” ESPORTE Desporte ou esporte é toda a forma de praticar atividade física que, através de participação ocasional ou organizada, visa equilibrar a saúde ou melhorar a aptidão física e/ou mental e proporcionar entretenimento aos participantes. Pode ser competitivo, onde o vencedor ou vencedores podem ser identificados por obtenção de um objetivo, e pode exigir um grau de habilidade, especialmente em níveis mais elevados. São centenas os tipos de desportos existentes, incluindo aqueles para um único participante, até aqueles com centenas de participantes simultâneos, em equipes ou individualmente. Algumas atividades não-físicas, como jogos de tabuleiro e jogos de cartas são muitas vezes referidos como desportos, mas um desporto é geralmente reconhecido como sendo baseada na atividade física. Desportos são normalmente geridos por um conjunto de regras ou costumes e que geralmente visa a competição entre praticantes. Para ser esporte tem de haver envolvimento de habilidades e capacidades motoras, regras instituídas por um confederação regente e competitividade entre opostos. Algumas modalidades esportivas se praticam mediante veículos ou outras máquinas que não requerem realizar esforço, em cujo caso é mais importante a destreza e a concentração do que o exercício físico. Idealmente o esporte diverte e entretém, e constitui uma forma metódica e intensa de um jogo que tende à perfeição e à coordenação do esforço muscular tendo em vista uma melhora física e espiritual do ser humano. As modalidades esportivas podem ser coletivas, duplas ou individuais, mas sempre com um adversário. Também podemos definir esporte como um fenômeno sociocultural, que envolve a prática voluntária de atividade predominantemente física competitiva com finalidade recreativa ou profissional, ou predominantemente física não
  3. 3. competitiva com finalidade de lazer, contribuindo para a formação, desenvolvimento e/ou aprimoramento físico, intelectual e psíquico de seus praticantes e espectadores. Além de ser uma forma de criar uma identidade esportiva para uma inclusão social. Eventos físicos, tais como marcar golos ou cruzar uma linha em primeiro muitas vezes definem o resultado de um desporto. No entanto, o grau de habilidade e desempenho em alguns desportos, como Salto ornamental, Adestramento e Patinagem no gelo é julgado de acordo com critérios bem definidos. Isto, em contraste com outras atividades julgadas, como concursos de beleza e de musculação, onde a habilidade não tem que ser mostrada e os critérios não são tão bem definidos. Os registos são mantidos e atualizados para a maioria dos desportos nos níveis mais elevados, enquanto que as falhas e as realizações são amplamente divulgadas na imprensa desportiva. Os desportos são na maioria das vezes jogados apenas por diversão ou pelo simples facto das pessoas precisarem de exercício para se manterem em boas condições físicas. No entanto, o desporto e em especial o profissional é muito competitivo e uma importante fonte de rendimento económico e entretenimento. Tipos de Esportes • O esporte de rendimento baseia-se exclusivamente na obtenção de melhores resultados. • O esporte de reabilitação direciona-se às pessoas deficientes ou com algumas sequelas de acidentes. • O esporte de lazer é dedicado à prática de atividades físicas, como promoção da saúde. • O esporte espetáculo traduz a beleza de agregação do esporte, leva milhares de pessoas aos campos, estádios ou ginásios. • O esporte escolar está diretamente relacionado aos conteúdos da Educação Física. DIFERENÇAS Regras Jogo: No Jogo as regras não são permanentes, elas podem sofrer alterações a qualquer momento como os jogadores e participantes preferirem. Regras Esporte:
  4. 4. No esporte as regras são permanentes, e não podem sofrer alterações por ninguém, se uma regra é infligida, o jogador recebe uma punição pela arbitragem. Espaço Jogo: No jogo qualquer espaço que corresponda a um pouco da quadra do esporte, é valido, pode ser rua, campo e etc. Espaço Esporte: No Esporte, a partida deve ocorrer numa quadra ou campo oficial, com todas as marcações e linhas necessárias. Tempo Jogo: No jogo, o tempo é decidido pelos jogadores, podem alterar ou parar a duração da partida quando bem entenderem. Tempo Esporte: No esporte, o tempo é permanente e não sofre alterações, se no esporte o tempo certo não for cumprido pode ocorrer até a anulação da partida, o tempo deve ser igual ao indicado do esporte. Vestimentas Jogo: No jogo não é obrigatório ter uniforme, se os jogadores quiserem eles usam. Vestimentas Esporte: No Esporte é obrigatório o uso do uniforme, ou qualquer outro tipo de vestimenta que se é utilizada no esporte, o não uso das vestimentas pode fazer até com que o jogador não jogue. Arbitragem Jogo: No jogo não é necessária arbitragem, os próprios jogadores que se fiscalizam e decidem as faltas, mas se preferirem podem escolher alguém para ficar como mediador. Arbitragem Esporte: No esporte a arbitragem é obrigatória, o jogo não acontece se não estiver presente um arbitro oficial.  Todo jogo possui regras, que são definidas por seus jogadores. No esporte são definidas por confederação, juízes e outros órgãos que as coordena.  O jogo é sério pra quem está jogando, mas a seriedade do esporte é outra, pois estão treinando ou competindo por um prêmio, ou por ser
  5. 5. seu trabalho. No jogo é por diversão mas não deixa de ser sério, ninguém gosta que estraguem sua diversão.  Para ser jogo tem que ser feito de livre e espontânea vontade. Já no esporte nem sempre é livre e espontâneo, os treinos e os campeonatos são marcados e é sua obrigação comparecer, se não, será punido.  O jogo é PRAZEROSO, o esporte também pode ser, mas se jogado com o intuito de lazer, assim como define Tubino. Mas em alto rendimento pode não ser, pois ocorrem treinos repetitivos e exaustivos, podendo até causar lesões desprazerosas.  O jogo possui um clima TENSO. O esporte também possui tensão, mas assim como a seriedade, a tensão do esporte é um pouco diferente, pois é causada pelo medo de perder a competição, não pelo simples fato da competição, mas pelo fato de poder perder a posição no time, o campeonato e o prêmio. SEMELHANÇAS A identificação do que aproxima o jogo do esporte indica quais são os aspectos que devem ser preservados para garantir que cada um deles, tanto o jogo como o esporte, continuem a estar vinculados aos significados presentes em suas raízes socioculturais. As palavras jogo e esporte costumam ser utilizadas como sinônimos, para se referir a atividades que possuem cinco características comuns: a) atividade livre, conscientemente tomada como exterior à vida habitual; construída para ser uma escolha para quem joga e que os coloca em oposição às obrigações com a produção de algo que não esteja relacionado com o próprio jogo; b) atividade prazerosa capaz de absorver o jogador de maneira intensa e total; isso explica o desejo ininterrupto de participação no jogo como forma de vivenciar novamente a necessidade de comprovar que é capaz de fazer de novo uma mesma façanha esportiva; c) atividade com regras praticada dentro de limites espaciais e temporais próprios, segundo determinada ordem; a regra garante o exercício da criação de um senso estético relacionado às proezas corporais e, ao mesmo tempo, um senso ético, que põe à prova as qualidades do jogador para superar-se, a partir de regras previamente definidas e auto impostas;
  6. 6. d) atividade social que promove a formação de grupos de pessoas que se unem para participar juntos da atividade lúdica, mesmo que tenham que atuar como adversários; e) atividade de desafio em que os participantes sempre se esforçam para fazer o melhor que estiver ao seu alcance. CÂMBIO O Câmbio foi inventado em 1895 com o nome de newcombball pela professora de educação física Clara Gregory Baer, que dava aulas no colégio Sophie Newcomb (daí o nome), em Nova Orleans, Louisiana, Estados Unidos, o câmbio é considerado historicamente significante por ter sido o primeiro esporte inventado por uma mulher e o segundo esporte coletivo a ser praticado por mulheres nos Estados Unidos, depois do basquete. O câmbio foi extremamente popular nos Estados Unidos até a década de 1920, chegando a rivalizar com o vôlei em algumas cidades. Curiosamente, Baer e Morgan não se conheciam, e não há evidências de que o esporte criado por um tenha influenciado a criação do outro. Conforme a ACM espalhava o vôlei, o câmbio ia perdendo prestígio, até chegar ao status que tem hoje: assim como o queimado, ele não é considerado esporte, mas recreação infantil, ainda disputado em aulas de educação física, mas não mais em campeonatos. Objetivo: O foco dessa atividade é a experimentação dos diferentes papéis que os jogadores têm, considerando que ocupam posições e espaços diversos. Material Necessário:  1 Bola  Rede de Vôlei ou corda Modo de jogar: Esse jogo é uma simplificação do voleibol. O espaço, a altura da rede e o número de participantes podem variar. O sistema de contagem de pontos permanece o mesmo do jogo oficial. câmbio é disputado por dois times separados por uma rede, e o objetivo é fazer com que a bola toque o chão da quadra adversária ou com que o oponente cometa uma falta, somando pontos, mas existem três diferenças fundamentais entre os dois esportes: os times de câmbio podem ter de 9 a 12 jogadores; após a recepção do saque é permitido segurar a bola com as duas mãos antes de passá-la para um companheiro ou para o outro lado da rede; e não há o limite de três toques antes de passar a bola para o outro lado. Variações:  Combina-se um número mínimo de passes entre uma equipe, antes da bola ser arremessada ao campo do adversário.
  7. 7.  Os participantes deverão segurar a bola e realizar passes para os integrantes de seu grupo, em seguida lançarão a bola por cima da rede (elástico).  Persiste a execução de passes, mas ao entrar em contato com a bola, os participantes deverão segurá-la na posição do fundamento toque.  Mesma troca de passes, porém no último contato com a bola, antes de passá-la para o outro lado da rede, o aluno não poderá segurá-la, mas sim rebatê-la.  Mesma troca de passes, mas no segundo e terceiro contatos com a bola, os participantes terão que rebatê-la.
  8. 8. BIBLIOGRAFIA  http://rodrigounicid.blogspot.com.br/2010/04/jogo-e-esporte.html  http://brainly.com.br/tarefa/874276  http://pt.slideshare.net/KARLLAUNA/semelhancas-entrejogoeesporte  http://www.aridesa.com.br/servicos/click_professor/eduardo_marques/jo go_esportes.pdf  http://revistaescola.abril.com.br/fundamental-1/qual-diferenca-jogo-esporte- 656036.shtml  http://www.ebah.com.br/content/ABAAAfme4AJ/conceitos-diferencas-entre- recreacao-lazer-jogo-brincadeira  http://proandrebocaina.blogspot.com.br/2008/09/jogo-x-esporte.html  http://alexandrefibarbosa.blogspot.com.br/2010/06/diferenca-entre-o-jogo- e-o-esporte.html  https://www.youtube.com/watch?v=eZla2YWH2O8  http://profacamilaedfisica.blogspot.com.br/2013/03/diferenca-entre-esporte- jogo-e.html  https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20100919153800AAE M01C  http://pergunteaqui.com/baseboll-diferencas-entre-jogo-e-esporte/  http://junioedufisica.blogspot.com.br/2010/04/diferencas-e-semelhancas-do- jogo-e.html  http://pt.wikipedia.org/wiki/Homo_Ludens  http://www.portal.santos.sp.gov.br/seduc/e107_files/downloads/apostilas/ educacaofisica/jogos_quadra.pdf  http://espacodaeducacaofisica.blogspot.com.br/2009/06/jogos-pre-desportivos. html  http://www.smeduquedecaxias.rj.gov.br/nead/Biblioteca/Produções%20S ME/CIRANDA%20CIRANDINHA/93.pdf  http://revistaescola.abril.com.br/fundamental-2/ensine-mocada-jogar-volei- 712306.shtml?page=1

×