Bg 22 evolução biológica (fixismo e evolução)

3.165 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.165
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.361
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
202
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bg 22 evolução biológica (fixismo e evolução)

  1. 1. Evolução das Espécies
  2. 2. O fixismo corresponde à primeira tentativa de explicação da biodiversidade dos seres vivos. 2Nuno Correia - 10/11
  3. 3. Surgiu numa época em que vigorava a teoria geocêntrica, em que o mapa-mundo não tinha os contornos de hoje e em que se acreditava no poder dos deuses e dos filósofos. 3Nuno Correia - 10/11
  4. 4. 4Nuno Correia - 10/11
  5. 5.  As três correntes fixistas, explicativas da biodiversidade, têm em comum o facto de não aceitarem alterações nos seres vivos, estes são imutáveis. 5Nuno Correia - 10/11
  6. 6. 6Nuno Correia - 10/11
  7. 7.  explica a origem e a diversidade dos seres vivos por receitas, através das quais a matéria inorgânica se transforma em seres vivos Hieronymus Bosch Triptych of Garden of Earthly Delights 1500 7Nuno Correia - 10/11
  8. 8.  Apoiada por Aristóteles, atribui a origem e a diversidade dos seres vivos a um Criador/Deus. Hieronymus Bosch – A Criação do Mundo 8Nuno Correia - 10/11
  9. 9.  Enunciada por Cuvier, atribui a biodiversidade à ocorrência de catástrofes que eliminaram os seres vivos e os substituíram por outros diferentes. 9Nuno Correia - 10/11
  10. 10. Ilustração de Cuvier exemplificando o Princípio da Sucessão Faunística. 10Nuno Correia - 10/11
  11. 11.  Um criacionista convicto, foi o "pai" da Sistemática, ou seja, classificou os seres vivos de uma forma hierarquizada, tendo para o efeito necessariamente de os analisar e comparar. 11Nuno Correia - 10/11
  12. 12.  A Lineu faltou-lhe visão para perceber que as semelhanças e as diferenças entre os seres vivos não são devidas a diferentes planos do Criador, mas antes a alterações dos seres vivos a partir de um ancestral comum. 12Nuno Correia - 10/11
  13. 13. 13Nuno Correia - 10/11
  14. 14. Nuno Correia - 10/11 14
  15. 15. Nuno Correia - 10/11 15
  16. 16. 16Nuno Correia - 10/11
  17. 17.  Foi através do estudo de espécies de conchas fossilizadas de invertebrados marinhos extintos que Lamarck concluiu que as espécies deveriam evoluir, isto é, transformar-se, ao longo do tempo. 17Nuno Correia - 10/11
  18. 18.  organiza as espécies de forma linear e ascendente, das mais simples para as mais complexas. Geração espontânea Espécie A Espécie B Espécie C Tempo 18Nuno Correia - 10/11
  19. 19. As ideias de Lamarck, para explicar a existência da evolução, podem resumir-se em dois princípios fundamentais: 19Nuno Correia - 10/11
  20. 20.  Faculdade dos seres vivos de desenvolverem características estruturais ou funcionais que lhes permitissem sobreviver e reproduzir-se em determinado ambiente. 20Nuno Correia - 10/11
  21. 21. Mamífero Peixe 21Nuno Correia - 10/11
  22. 22. "Eis uma ave terrestre que é obrigada a viver em regiões inundadas ou transformadas em lagos. Levada a procurar o alimento nas águas, quer dizer, obrigada a nadar, faz esforços para este fim; por isso, afasta os dedos e a pele que une a base destes, que adquire o hábito de se distender. À força de esforços repetidos durante gerações, esta pele desenvolver-se-ia lentamente, cresceria pouco a pouco, milímetro a milímetro. Tal seria a origem da membrana interdigital, característica das patas dos gansos, dos patos e dos cisnes." Lamarck 22Nuno Correia - 10/11
  23. 23. 23Nuno Correia - 10/11
  24. 24. As modificações que levam à adaptação são explicadas pela lei do uso e desuso. 24Nuno Correia - 10/11
  25. 25. Tenho de me contentar sempre com os peixes pequenos !! Há milhares de anos os meus ancestrais esticaram as patas e o pescoço! Tanto tempo geológico para chegar aqui! 25Nuno Correia - 10/11
  26. 26. 26Nuno Correia - 10/11
  27. 27.  os organismos complexos originaram-se progressivamente, a partir de outros mais simples.  Em resposta às solicitações do ambiente, os organismos adquirem ou perdem determinadas características e essas alterações são transmitidas à descendência. 27Nuno Correia - 10/11
  28. 28. 28Nuno Correia - 10/11
  29. 29.  A teoria possui pontos não testáveis cientificamente. Não se conseguiu provar cientificamente a "necessidade de adaptação" e a "procura da perfeição“.  As modificações provenientes do uso e desuso dos órgãos são adaptações somáticas e individuais, não transmissíveis à descendência.  Weissmann, nas sua experiência com ratos, nunca obteve ratos sem cauda, após ter passado vinte gerações de ratos a corta-lhes a cauda; logo, essa característica não foi transmitida.  A função não determina a estrutura, já que surgem caracteres sem função específica nos seres vivos (é o caso das mamas nos homens). A função não faz o órgão.  Existe uma reacção biunívoca, ou seja, a função resulta da estrutura existente e esta desenvolve-se mais ou menos de acordo com a função.  Nem sempre o uso modifica o órgão, como por exemplo, não é pelo facto de um indivíduo ler muito que os seus olhos se vão modificar. O hábito já antigo de cortar a cauda aos cachorros, não faz com que os descendentes nasçam sem cauda 29Nuno Correia - 10/11
  30. 30.  as leis físicas e químicas têm uma validade temporalmente ilimitada;  as forças geológicas mantêm-se qualitativamente iguais no presente, no passado e futuro; (actualismo)  as forças geológicas mantêm- se, não só qualitativamente, mas também quantitativamente iguais no presente, no passado e no futuro. (Gradualismo) 30Nuno Correia - 10/11
  31. 31.  Os seus trabalhos tiveram repercussão na Geologia aquando da publicação do livro Principles of Geology em 1830-1833.  Nele mostra os inconvenientes das doutrinas criacionistas e ataca a teoria do catastrofismo de Cuvier. 31Nuno Correia - 10/11
  32. 32. 32Nuno Correia - 10/11
  33. 33. As teorias são um produto da mente humana... ...surgem como resultado de um conjunto de vivências de acontecimentos e de conhecimentos que indivíduos questionadores e motivados experimentam. 33Nuno Correia - 10/11
  34. 34. 34Nuno Correia - 10/11
  35. 35.  Darwin tinha levado um livro inspirador: Princípios de Geologia, do geólogo Charles Lyell.  Segundo Lyell, o passado só podia ser compreendido se se observasse o presente. Os geólogos precisavam, primeiro, de estudar os processos geológicos activos, como a erosão pelas águas fluviais, a dinâmica da lava escaldante e os depósitos que se formavam por decantação das águas lamacentas. Poderiam então extrapolar para o passado as regras que derivassem e isto sem recorrer a acontecimentos fantásticos, como os grandes e devastadores dilúvios. Lyell 35Nuno Correia - 10/11
  36. 36. Tatu 36Nuno Correia - 10/11
  37. 37. 37Nuno Correia - 10/11
  38. 38. 38Nuno Correia - 10/11
  39. 39. 39Nuno Correia - 10/11
  40. 40. 40Nuno Correia - 10/11
  41. 41. 41Nuno Correia - 10/11
  42. 42. 42Nuno Correia - 10/11
  43. 43. 43Nuno Correia - 10/11
  44. 44.  Os seres vivos da mesma espécie apresentam variações. Nuno Correia - 10/11 44
  45. 45. Nuno Correia - 10/11 45
  46. 46.  Na luta pela sobrevivência sobrevivem os mais bem adaptados. Nuno Correia - 10/11 46
  47. 47.  Sobrevivência do mais apto. Nuno Correia - 10/11 47
  48. 48.  Os indivíduos melhor adaptados num dado meio e tempo, possuem uma vantagem competitiva, são mantidos por selecção e produzem mais descendentes. Nuno Correia - 10/11 48
  49. 49. 49Nuno Correia - 10/11
  50. 50.  Compare as fotografias A e B. Qual a borboleta mais bem adaptada : A) tronco com líquenes? B) tronco enegrecido pela fuligem? 50Nuno Correia - 10/11
  51. 51.  Sugira uma explicação para o elevado número de borboletas de cor escura existente em 1900.  Porque se trata de um processo de selecção natural? 51Nuno Correia - 10/11
  52. 52. Nuno Correia - 10/11 52
  53. 53. 53Nuno Correia - 10/11 Lamarkismo Darwinismo Semelhanças Teorias explicativas da Biodiversidade Atribuem ao ambiente um papel importante na evolução. Diferenças O meio ambiente é o principal factor responsável pelas alterações em determinado órgão dos seres vivos. O ambiente vai desempenhar um papel seleccionador (selecção natural) na medida em que escolhe as variações dos seres vivos (variabilidade diferencial) que permitem uma melhor sobrevivência (sobrevivência diferencial)
  54. 54. Nuno Correia - 10/11 54

×