Sementes sintéticas

3.041 visualizações

Publicada em

Produção de sementes sintéticas

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.041
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
123
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sementes sintéticas

  1. 1. Universidade de São PauloPrograma Universidade Aberta à Terceira Idade Sementes Artificiais Leonardo L.C. Dias Doutorando em Biotecnologia Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  2. 2. Sementes Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  3. 3. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  4. 4. Mas, o que é uma semente?Semente é o óvulo maduro das plantasgimnospermas ou angiospermas. É oóvulo já fecundado, sendo formada pelotegumento ou casca, embrião e peloendosperma que o envolve. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  5. 5. Plantas com semente Polinização SementePlanta Ciclo de vidaadulta Fruto Germinação Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  6. 6. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  7. 7. Núcleo Zigoto Fertilizado (2n) (3n)Endosperma Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  8. 8. Formação do embrião EmbriãoPré-globular Globular Globular Codiforme Torpedo maduro Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  9. 9. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  10. 10. Dennis Kunkel©Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  11. 11. Semente artificial Análoga a semente botânica, consistindo em um embrião somático envolto por uma ou mais camadas artificiais, formando uma cápsula. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  12. 12. Picea Carica papaya abies Castillo et al., 1998 Mangifera Spartina alterniflora indica Ara et al., 2000 Utomo et al., 2008Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  13. 13. Ocotea catharinensis Araucaria angustifoliaPrograma Universidade Aberta à Terceira Idade
  14. 14. Embriogênese somáticaDesenvolvimento do embrião a partir decélulas que não são produto da fusão degametas. Totipotência Plasticidade Determinação celular Diferenciação Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  15. 15. Embrião somático Soja Algodão Castanha Goiabeira serrana Orquídea Milho Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  16. 16. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  17. 17. Fases da embriogênese somática Indução Proliferação Diferenciação Maturação Germinação Conversão Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  18. 18. Indução Reprogramação celular Auxinas Explante Meio de cultura Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  19. 19. Proliferação Embriogênese repetitiva Desenvolvimento e maturação Desenvolvimento anormal Embriogênese repetitiva Autoembrionia Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  20. 20. Diferenciação Remoção dos reguladores Stress osmótico Níveis endógenos de auxina Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  21. 21. Maturação Acúmulo de reservas Redução do metabolismo Redução do conteúdo de água Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  22. 22. Germinação/ Conversão Desenvolvimento dos ápices caulinares e radiculares Formação de plantas Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  23. 23. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  24. 24. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  25. 25. Técnicas de produção Dessecação em resina solúvel Dessecação e rehidratação Gel protetor fluido Encapsulamento em gel Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  26. 26. Encapsulação Propiciar proteção contra danos mecânicos Fornecer nutrientes ao embrião somático Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  27. 27. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  28. 28. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  29. 29. Goiabeira serrana Programa Universidade Aberta à Terceira Idade Cangahuala-Inocente et al., 2007
  30. 30. Mamão Castillo et al., 1998 Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  31. 31. Ginseng Jung et al., 2004 Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  32. 32. Unidades EncapsuláveisOutros propágulos, que possam serencapsulados, capazes de seremconvertidos em plântulas normais Populus sp. Tsvetkov et al., 2006 Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  33. 33. Romã Naik et al., 2006Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  34. 34. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  35. 35. Biofábricas Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  36. 36. ProliferaçãoExplante Desidratação Embriogênese somática Promoção do Pós-cultura desenvolvimento Embriões e nutrientes Germinação Seleção das cápsulas Semente sintética Encapsulação Transplante Tratamentos para rompimento da cápsula Onishi et al., 1994 Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  37. 37. GinsengChoi & Jeong, 2002 Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  38. 38. Biorreatores de imersão temporária Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  39. 39. Sistema RITA® Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  40. 40. 3R-System® Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  41. 41. Vantagens Alto rendimento Alto grau de automação Uniformização da produção Integração com programas de melhoramento genético Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  42. 42. Entraves Dificuldades na conversão Dificuldades na automação Falta de sincronismo Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  43. 43. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  44. 44. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade
  45. 45. Muito obrigado!Programa Universidade Aberta à Terceira Idade

×