Relatório
de Atividades

2012
Somos todos protagonistas
“Marco de nossos 15 anos de atividades, 2012 já seria histórico por si só, mas ganhou ainda mais...
Aprender hoje para

empreender amanhã

A Junior Achievement é considerada a maior e mais antiga
organização de educação pr...
A Junior Achievement
no Brasil
A Junior Achievement está presente nos 26 Estados
brasileiros e no Distrito Federal. Mais d...
Nossos programas em 2012
NOSSO PLANETA, NOSSA CASA
Aplicado para alunos do 4º e 5º ano, o programa tem como objetivo consc...
Resultados 1997-2012
Voluntários

1480

Número de voluntários
entre os anos de 1997 e 2012
1204

742
701

Escolas

600
527...
Resultados
em 2012
Programas

Alunos

Turmas

Escolas

Voluntários

Nosso Planeta, Nossa Casa

3.393

146

62

130

Introd...
Associação Junior Achievement de Santa Catarina
CNPJ - 01.852.526/0001-62
Balanços patrimoniais em 31 de dezembro de 2012 ...
Galeria de Voluntários

O
BRI
GA
DO
GALERIA DE VOLUNTÁRIOS 2012
Junior Achievement SC: sorrisos
que fazem a todos protagonistas
Entidade foi a terceira do país e chega aos 15 anos com sa...
Conselho Consultivo
PRESIDENTE: Sr. Ivo Hering

Cia. Hering S/A

Sr. Luciano Andriani

Tractebel Energia S.A

Sr. Alvaro d...
Conselho Diretor
PRESIDENTE:

Sérgio Roberto Arruda

SENAI – SC

Vice-Presidente:

Carolina Linhares

Neo-Labor/Ondrepsb

...
Há 15 anos

inspirando jovens
a empreender.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Junior Achievement SC - Relatório de atividades 2012

726 visualizações

Publicada em

Relatório de atividades Junior Achievement SC - 2012

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Junior Achievement SC - Relatório de atividades 2012

  1. 1. Relatório de Atividades 2012
  2. 2. Somos todos protagonistas “Marco de nossos 15 anos de atividades, 2012 já seria histórico por si só, mas ganhou ainda mais importância diante dos expressivos resultados alcançados. Fechamos o período com um crescimento de quase 15%, grandes avanços institucionais e da efetividade das ações desenvolvidas.Crescer com qualidade é fundamental e democratizar as iniciativas para um número ainda maior de jovens é um dos principais objetivos da Junior Achievement. Porém nosso país carrega um pesado fardo de desequilíbrio social e a Junior Achievement está associada aos esforços para construir um futuro mais justo, e, na mesma proporção, ético e sustentável. É o que fazemos lidando com o conhecimento, insumo mais importante do mundo contemporâneo. De algum modo, conseguimos dar sentido à educação desenvolvida pelas escolas e instituições de ensino, adicionando conteúdo às carreiras e às vidas desses jovens. Portanto, os 15 anos de trabalho da Junior Achievement representaram uma construção e uma caminhada de tamanha grandeza que sua narrativa é muito mais difícil do que foi esse período de trabalho. As dificuldades do início estão combinadas com o apoio e a solidariedade de quem foi parceiro de primeira hora. Afinal, a responsabilidade de implantar em nosso estado as bases de uma iniciativa quase centenária e bem-sucedida em todos os continentes do planeta significou um desafio ímpar aos que deram os primeiros passos. Desafio que só foi vencido pelo perfil de nosso estado, cujo povo é empreendedor por natureza - basta conhecer as histórias familiares que construíram grandes marcas em nosso país. Tal característica empreendedora dos catarinenses representou a diferença. Esta simbiose entre o perfil da Junior Achievement e dos catarinenses resultou em uma construção de alicerces sólidos, capazes de serem aproveitados pelas gerações que nos sucederam, na mesma lógica dos pioneiros da instituição, há quase um século. Embora nossa memória seja por amostragem, para não cometermos injustiças, a homenagem é extensiva a todos. Nesse caso, não temos coadjuvantes, todos foram protagonistas. Os 15 anos que comemoramos são apenas uma centelha no contexto da história, todavia, entre os que viveram a Junior Achievement, significam grandes momentos pessoais, de amizade e crescimento pessoal. Afinal, a Junior Achievement não é só um conjunto de estatísticas, envolvendo empresas, escolas, voluntários e público atendido. Somos o sorriso de cada um que se realizou ao exercer o digno e construtivo papel de integrar a instituição. No documento que produzimos, o que mais encontramos é satisfação e gratidão. Um exemplo de que somos todos protagonistas por um mundo melhor.” Diretor-Executivo “A vida é um caminho, não um destino; e você é o arquiteto do seu caminho.” Filosofia Junior Achievement
  3. 3. Aprender hoje para empreender amanhã A Junior Achievement é considerada a maior e mais antiga organização de educação prática em economia e negócios do mundo. Está presente em 118 países, beneficiando 10,6 milhões de jovens a cada ano. O objetivo da entidade é despertar nos jovens o espírito empreendedor, estimular seu desenvolvimento pessoal, proporcionar uma visão clara sobre o mundo dos negócios, facilitando assim seu acesso ao mercado de trabalho. Criada, mantida e administrada por empresas privadas, a entidade, através de voluntários e da parceria com escolas e entidades, inspira e ensina os jovens a empreender. EDITORIAL | DIRETORIA
  4. 4. A Junior Achievement no Brasil A Junior Achievement está presente nos 26 Estados brasileiros e no Distrito Federal. Mais de 3 milhões de jovens já participaram dos programas da entidade desenvolvidos por voluntários corporativos. Nossa Missão Inspirar jovens a empreender. Área de atuação Biguaçu Florianópolis Palhoça São João Batista São José Tijucas Campo Belo do Sul Correia Pinto Curitibanos Lages Otacílio Costa Chapecó Itapiranga São Lourenço do Oeste São Miguel do Oeste Seara Xanxerê Canoinhas Corupá Guaramirim Jaraguá do Sul Joinville Mafra São Bento do Sul Rio Negrinho Caçador Campos Novos Capinzal Concórdia Fraiburgo Joaçaba Luzerna Videira Araranguá Capivari de Baixo Criciúma Tubarão ENTIDADE | MISSÃO Balneário Camboriú Blumenau Brusque Gaspar Indaial Itajaí Pomerode Rio do Sul Schroeder Taió
  5. 5. Nossos programas em 2012 NOSSO PLANETA, NOSSA CASA Aplicado para alunos do 4º e 5º ano, o programa tem como objetivo conscientizar os jovens sobre a importância do desenvolvimento sustentável e do consumo consciente. Através de atividades aplicadas pelo professor, em sala de aula, os alunos aprendem sobre a importância da preservação do meio ambiente e o seu compromisso socioambiental. INTRODUÇÃO AO MUNDO DOS NEGÓCIOS Complementa o currículo básico com conceitos, habilidades e princípios básicos da administração de empresas. Através de informações teóricas e práticas, os alunos do 6º e 7º ano aprendem sobre a organização e operação de negócios em um sistema de livre iniciativa. É desenvolvido em sala de aula, durante cinco encontros semanais. São utilizadas dinâmicas que incluem jogos, palavras cruzadas, trabalhos em grupo e simulações. NOSSO MUNDO Ensina alunos do 7º ano do Ensino Fundamental a compreender os aspectos fundamentais do comércio global. Assim, eles entendem o papel das trocas entre os países, o marketing internacional, os efeitos da globalização, a importação e a exportação. É desenvolvido em sala de aula, durante cinco encontros semanais. Utiliza exercícios de simulação e o desenvolvimento de um plano de marketing internacional. ECONOMIA PESSOAL Durante 8 aulas, em horário curricular, os alunos do 8º ano do Ensino Fundamental são orientados a descobrir seu potencial e explorar opções de carreira. Além de reforçar o valor da educação, ensina a planejar seus investimentos e gastar com sabedoria, preparar o orçamento pessoal, montar um orçamento familiar mensal, o uso do crédito, suas vantagens e consequências. Para motivar os alunos, são adotadas técnicas participativas que incluem trabalhos em grupo, simulações, jogos e diálogos orientados. AS VANTAGENS DE PERMANECER NA ESCOLA O programa é desenvolvido apenas em escolas públicas, com jovens do 9º ano do Ensino Fundamental. Tem como objetivo evitar a evasão escolar, mostrando a importância dos estudos em uma carreira de sucesso. Os jovens têm a oportunidade de conhecer e trocar experiências com um executivo catarinense durante um período de 4 horas. ATITUDE PELO PLANETA Desenvolvido em 5 horas/aula, com alunos do Ensino Médio, tem como objetivo conscientizar os jovens sobre o valor do desenvolvimento sustentável e da biodiversidade. Busca a reflexão crítica sobre os problemas socioambientais contemporâneos e a compreensão da importância dos recursos naturais. VAMOS FALAR DE ÉTICA Com objetivo de levar para a sala de aula reflexões sobre o conceito de ética em nossa sociedade, alunos do Ensino Médio desenvolvem seu senso crítico, avaliam seus comportamentos e atitudes nos âmbitos pessoais e profissionais e as consequências de seus atos para a sociedade, compreendendo melhor o seu papel como cidadãos. MINIEMPRESA Aplicado aos alunos do 2º ano do Ensino Médio, agrega à educação formal uma vivência prática de organização e operação de uma empresa, promovendo a troca de experiências e o desenvolvimento de lideranças. Através do método “aprender-fazendo”, 30 jovens, durante 15 encontros semanais, escolhem um produto a ser produzido e comercializado, levantam o capital necessário para iniciar o empreendimento, organizam a administração, elegem um presidente e seus diretores, compram matérias-primas, pagam salários e comissões, recolhem encargos e impostos. No final de 15 jornadas, a empresa é encerrada e seu resultado financeiro é dividido entre os acionistas. Os encargos e impostos são doados a uma instituição beneficente, à escolha da Miniempresa. SIMULADOR DE NEGÓCIOS – MESE O MESE – Management and Economic Simulation Exercise é um Exercício de Simulação Administrativa e Econômica criado pela Universidade de Harward com apoio da HP - Hewlett Packard. Neste jogo de empresas virtuais, jovens entre 16 e 25 anos tomam decisões estratégicas semanais acerca de uma empresa que fabrica e comercializa o produto ECOPEN, uma caneta revolucionária que armazena informações e as reescreve automaticamente. É desenvolvido em sete semanas, em mercados organizados, com capacidade para oito empresas com, no máximo, 5 integrantes cada. CONCURSO SABER CRESCER O Concurso Saber Crescer tem como objetivo complementar a aprendizagem dos jovens participantes de Programas de Educação Financeira da Junior Achievement, de forma lúdica, através de diferentes meios como Quiz, Cursos Online, Fórum e Canal Interativo. O propósito, ao utilizar este recurso, é garantir um trabalho contínuo de capacitação, estimulado por uma ferramenta moderna e atrativa. EMPRESÁRIO-SOMBRA POR UM DIA Durante um dia, jovens entre 16 e 20 anos têm a oportunidade de seguir os passos de um executivo na sua jornada de trabalho, desde as primeiras atividades, passando por reuniões de negócios, visitas a clientes e demais tarefas rotineiras. O objetivo é proporcionar uma visão realista do mundo do trabalho, mostrando de que maneira os conhecimentos adquiridos em sala de aula podem ser aplicados na sua carreira. NOSSOS PROGRAMAS
  6. 6. Resultados 1997-2012 Voluntários 1480 Número de voluntários entre os anos de 1997 e 2012 1204 742 701 Escolas 600 527 Número de escolas participantes entre os anos de 1997 e 2012 551 510 196 444 165 340 300 116 230 98 157 171 93 109 98 99 111 93 66 97-99 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 46 2012 24 25 97-99 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 43100 Jovens Número de jovens participantes entre os anos de 1997 e 2012 37592 30100 18173 22224 20322 20200 14962 11696 10030 8150 5800 875 1533 97-99 2000 RESULTADOS 1997 - 2012 2010 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012
  7. 7. Resultados em 2012 Programas Alunos Turmas Escolas Voluntários Nosso Planeta, Nossa Casa 3.393 146 62 130 Introdução ao Mundo dos Negócios 3.954 155 44 166 Nosso Mundo 1.203 42 21 45 Economia Pessoal 4.531 162 48 179 As Vantagens de Permanecer na Escola 14.512 464 36 300 Atitude Pelo Planeta 7.406 268 46 240 Miniempresa 602 27 24 112 Saber Crescer 724 - 12 - 6.507 233 44 230 Mese 131 32 15 - Empresário-Sombra Por Um Dia 137 - 20 137 43.100 1.529 196 1.480 Vamos Falar de Ética TOTAL Associação Lageana de Assistência aos Menores Bairro da Juventude CEDUP Hermann Hering CEMATEPCA Centro Cultural Escrava Anastácia Centro Educacional Roberto Trompowsky CIEE - 14 unidades Colégio Bom Jesus Colégio Catarinense Colégio da Lagoa Colégio Dom Jaime Câmara Colégio Elisa Andreoli Colégio Geração Colégio José Elias Moreira Colegio Luterano Santissima Trindade Colégio Madre Francisca Lampel Colégio Marista - Criciúma Colégio Municipal Maria Luiza de Melo Colégio Nossa Senhora de Fátima Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Colégio Santa Catarina Colégio Santa Rosa de Lima Colégio Superativo EB João Alfredo Rohr EB Marechal Rondon EBM Adelaide Starke EBM Alberto Stein EBM Almirante Tamandaré EBM Anita Garibaldi EBM Conselheiro Mafra EBM Duque de Caxias EBM Jornalista Caldas Junior EBM Lauro Muller EBM Machado de Assis EBM Nemésia Margarida EBM Norma Huber EBM Patricia Helena Pegorin EBM Prof.ª Anna Alves Dias EBM Vereadora Albertina Krummel Maciel EBM Vidal Ramos Educandário Imaculada Conceição EEB Batalha da Silveira EEB Bruno Hoeltgebaum EEB Carlos Techentin EEB Cecília Rosa Lopes EEB Cel. Pedro Feddersen EEB Dep. Nelson Pedrini EEB Dolores Krauss RESULTADOS 2012 2010 EEB Francisco Tolentino EEB Frei Godofredo EEB Frei Nicodemos EEB Germano Timm EEB Godolfin Nunes de Souza EEB Hilda Teodoro Vieira EEB Holanda Marcellino Gonçalves EEB João Colin EEB Jornalista Jairo Callado EEB José Boiteux EEB Laurita Dutra de Souza EEB Lauro Muller EEB Leonor de Barros EEB Major Otacílio Couto EEB Nossa Senhora do Rosário EEB Padre Anchieta EEB Pedro II EEB Pero Vaz de Caminha EEB Placido Olimpio de Oliveira EEB Presidente Roosevelt EEB Prof. Henrique Stodieck EEB Prof. Honório Miranda EEB Prof. João Widemann EEB Prof. Laércio Caldeira de Andrada EEB Prof.ª Zélia Scharf EEB Raulino Horn EEB Rosinha Campos EEB São Jose EEB Simão José Hess EEB Vidal Ramos Junior EEB Vitorio Anacleto Cardoso EEF José Vieira Corte EEF Rui Barbosa EEF Venceslau Bueno EEM Celso Ramos EM Ada Sant'Anna da Silveira EM Casimiro de Abreu EM Maria Luiza de Melo EMEB Aline Giovana Schmitt EMEB Belizária Rodrigues EMEB Cel. Manoel Thiago de Castro EMEB Dom Daniel Hostin EMEB Emília Furtado Ramos EMEB Escola Itineranre José Joaquim de Lima Xavier EMEB Frei Bernardino EMEB Izidoro Marin EMEB Lupércio de Oliveira Koeche EMEB Mutirão EMEB Nossa Senhora da Penha EMEB Nossa Senhora dos Prazeres EMEB Ondina Neves Bleyer EMEB Osni de Medeiros Régis EMEB Prof. Antonio Joaquim Henriques EMEB Prof. Eduardo Pedro Amaral EMEB Prof.ª Fausta Rath EMEB Santa Helena EMEB São Vicente EMEB Saul Athayde EMEB Suzana Albino França EMEF Itinerante Maria Alice Wolff de Souza Escola Basica Galeazzo Paganelli Escola Básica Vitorio Roman Escola COC Escola Desdobrada de Jurerê Escola Dinâmica Escola Jovem de São José Escola Municipal Frida Regensburger Escola Municipal Nossa Senhora de Lourdes ETEVI FUCAS - 2 unidades In Company - Ajorpeme In Company - Avaí In Company - Cremer In Company - FLEX In Company - Grupo Lince In Company - IEL In Company - SENIOR In Company - Unimed In Company - WEG Instituto Estadual de Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnoligia de SC - IFSC Campus Fpolis Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnoligia de SC - IFSC Campus Lages Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnoligia de SC - IFSC Campus São José Pro Família Projeto Pescar - 12 unidades Projeto Verde Viva Promenor SENAC - 27 unidades SENAI - 48 unidades
  8. 8. Associação Junior Achievement de Santa Catarina CNPJ - 01.852.526/0001-62 Balanços patrimoniais em 31 de dezembro de 2012 e 2011 (Valores expressos em Reais) ATIVO 2012 2011 Disponibilidades 262.396,08 201.953,64 Adiantamentos - 4.476,83 Balanços patrimoniais em 31 de dezembro de 2012 e 2011 (Valores expressos em Reais) 262.396,08 206.430,47 PASSIVO E PATRIMÔNIO SOCIAL 12.843,44 17.204,34 Total do ativo não-circulante 12.843,44 17.204,34 Total do ativo 275.477,85 223.634,81 Ativo circulante Total do ativo circulante Ativo não-circulante Patrimônio social Saldos em 31 de dezembro de 2010 39.872,11 Fornecedores Obrigações sociais Obrigações fiscais Outras obrigações 18.406,57 5.354,63 950,00 2.511,70 25.847,55 4.638,68 950,00 24.711,20 33.947,93 250.766,65 - 217.495,25 (27.808,37) 189.686,88 275.477,85 223.634,81 Passivo circulante Patrimônio social Superávit Acumulado Déficit Acumulado 149.814,77 Superávit do exercício 2011 250.766,65 Demonstrações das mutações do patrimônio social para os exercícios findos em 31 de dezembro de 2012 e 2011 (Valores expressos em Reais) 2012 Total do passivo circulante Imobilizado líquido Total do passivo e do patrimônio social 189.686,88 Saldos em 31 de dezembro de 2011 Superávit do exercício 61.079,77 250.766,65 Saldos em 31 de dezembro de 2012 Demonstrações dos fluxos de caixa para exercícios findos em 31 de dezembro de 2012 e 2011 (Valores expressos em Reais) 2012 2012 2011 61.079,77 Decréscimos (acréscimos) em ativos Adiantamentos Impostos a Recuperar 5.733,18 4.476,83 (238.33) Caixa proveniente das operações 62.148,44 61.284,70 Caixa líquido proveniente das (aplicados nas) atividades operacionais 62.148,44 61.284,70 (1.706,00) - (6.275,00) 950,00 (1.706,00) (5.325,00) 60.442,44 55.959,70 No início do exercício 201.953,64 145.993,94 No final do exercício 262.396,08 201.953,64 60.442,44 55.959,70 Fluxo de caixa das atividades de investimento Redução líquida de caixa e equivalente de caixa Caixa e equivalente de caixa Redução líquida de caixa e equivalente de caixa BALANÇO PATRIMONIAL ( = ) Superávit bruto 538.208,31 430.756,32 (484.847,03) (404.395,65) Administrativas (1.901,17) (1.901,17) Despesas financeiras 15.412,61 15.412,61 (477.128,54) (390.884,21) 61.079,77 39.872,11 ( = ) Superávit ou déficit do exercício (324,83) 19.521,30 439,77 Caixa líquido aplicados nas atividades de investimento 652.413,82 (221.657,50) (3.956,83) - (2.511,70) (7.440,98) 715,95 Acréscimo do imobilizado Empréstimos tomados 814.594,28 (276.385,97) Receitas financeiras 6.066,90 (Decréscimos) acréscimos em passivos Fornecedores Obrigações sociais Obrigações fiscais Receita bruta com doações (+/-) Despesas e receitas operacionais 39.872,11 Ajustes para conciliar o resultado às disponibilidades geradas pelas atividades operacionais Depreciações e amortizações 2011 ( - ) Custo dos projetos Das atividades operacionais Superávit/déficit do exercício Demonstrações do superávit ou déficit para os exercícios findos em 31 de dezembro de 2012 e 2011 (Valores expressos em Reais)
  9. 9. Galeria de Voluntários O BRI GA DO GALERIA DE VOLUNTÁRIOS 2012
  10. 10. Junior Achievement SC: sorrisos que fazem a todos protagonistas Entidade foi a terceira do país e chega aos 15 anos com saldo muito positivo Terceira unidade no Brasil, a Junior Achievement de Santa Catarina chega aos 15 anos com um balanço muito favorável – em 2012, 43.100 jovens participaram dos programas da entidade em quase 200 escolas catarinenses. “Nosso começo, como costuma ser a regra, foi pontuado de muitas dificuldades”, lembra Evandro Carlos Badin, diretor-executivo. “O primeiro semestre teve apenas duas escolas e 72 jovens participantes do Programa Miniempresa. Sem o apoio e o envolvimento da Junior Achievement do Rio Grande do Sul nossos primeiros passos teriam sido impraticáveis”, assegura ele, que também se lembra da primeira sede, em instalações cedidas pela Aemflo/CDL São José. “Foi um desafio de muito significado, pelo perfil empreendedor do estado, que não permitia o insucesso”, acrescenta o diretor. Mas desde 16 de maio de 1997 os resultados seguem em espiral crescente. Alguns personagens marcaram o princípio da jornada – caso dos empresários José Pedro Pacheco Sirotsky e Ricardo Dalcanale Bornhausen, que presidiram os conselhos Consultivo e Diretor, respectivamente. “Nosso apoio se justificou porque a Junior é um dos principais laboratórios de desenvolvimento de empreendedores no mundo”, explica Sirotsky. Badin também resgata a participação dos primeiros voluntários do Grupo RBS, da agroindústria Macedo Koerich (atual Tyson), lojas Makenji, Sebrae/SC e Sulcatarinense Construções e Mineração. Ao longo dos 15 anos a Junior contabilizou a parceria de quase 200 empresas e 7.959 voluntários. “Mais de 240 mil jovens tiveram a oportunidade de conhecer nossas dinâmicas e experimentar o gostinho da livre-iniciativa”, diz o ex-presidente do Conselho Diretor, Mauro Poy, que ressalta aspectos éticos e sustentáveis dos programas. “Não nos limitamos a fomentar o empreendedorismo, estamos empenhados na construção de cidadãos”, complementa. Construção, aliás, é outra palavra que exprime o esforço da Junior Achievement nos últimos 15 anos. Na comemoração do aniversário, um imenso quebra-cabeça, criado pelo artista plástico Luciano Martins, ilustrou a trajetória da entidade, na qual cada convidado encaixava uma peça, representando a contribuição de cada um – mantenedores, voluntários, dirigentes de escolas e egressos. “Foi - e prosseguirá sendo - uma construção coletiva. Somos todos protagonistas”, resume Evandro Badin. O empresário Ivo Hering, atual presidente do Conselho Consultivo, avalia o efeito residual das ações da Junior Achievement em Santa Catarina: “A consagração de um empreendedor autêntico só é possível e legítima mediante a utilização de boas práticas de mercado. Isso explica porque tantos egressos da Junior Achievement fazem questão de compartilhar suas experiências com as turmas atuais da entidade, quando já construíram seus negócios ou suas carreiras. Ao fazê-lo, externam a gratidão que sentem pela Junior Achievement e tudo o que aprenderam”. Quando o assunto é educação, Sergio Arruda configura-se em notável especialista – afinal, presidente o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) em Santa Catarina, órgão com mais de meio século de atividades, grande parte dedicada a um público de faixa etária semelhante a Junior Achievement. Arruda, que preside o Conselho Diretor, destaca o espaço adquirido pela entidade, que conta com o apoio de importantes marcas catarinenses, desde jovens empresas da indústria e de serviços até grandes grupos industriais. “Este mosaico evidencia o quanto filosofia da Junior Achievement foi assimilada e igualmente assegura seu futuro”. Mas ele considera que, ainda mais importantes são “os milhões de sorrisos de satisfação das crianças e jovens que participaram dos programas aplicadas ao longo destes 15 anos de trabalho. São estes sorrisos que prosseguirão como impulso aos profissionais e voluntários da Junior Achievement em Santa Catarina nas próximas décadas”. “Nosso maior patrimônio é intangível”, confirma Evandro Badin, “e é ele que faz de todos protagonistas desta história”. 15 Anos
  11. 11. Conselho Consultivo PRESIDENTE: Sr. Ivo Hering Cia. Hering S/A Sr. Luciano Andriani Tractebel Energia S.A Sr. Alvaro de Angelis Cordeiro A. Angeloni & Cia. Sr. Luciano Correa Avaí Futebol Clube Sr. Alberto Lowndes Haco Etiquetas Sr. Luiz José Spuldaro Assoc. Empresarial de Lages Sr. Alexei Dimitrii Albuquerque Innovit Sr. Luiz Serafim Spínola Santos Cremer S.A. Sr. Altair Silvestre Intelbras S/A Sr. Marcelo Peres da Silva Gráfica Natal Sra. Ana Maria Pescarolo Iochpe Fruticultura Malke Ltda Sr. Marcelo Petrelli RIC Record Sra. Andrea Druck Grupo Habitasul Sra. Mª Cristina Martini de Freitas Komeco Sr. Anibal Dib Mussi CIEE/SC Sr. Mauricio Zolet Assoc. Coml.Indl. Chapecó Sr. Antoninho Bachi Precisão Formaturas Sr. Mauro Spezia Poy Grupo Connex Sr. Cacidio Girardi Eletro Aço Altona Sra. Miriam Felippi Pasteca Sr. Carlos Eduardo Silveira Publicar Sr. Natalino Uggione IEL/SC Sr. Carlos Guilherme Zigelli SEBRAE – SC Sr. Octávio Lebarbenchon Neto Unimed – Gde. Florianópolis Sr. Carlos Stegemann PalavraCom Sr. Odivan Carlos Cargnin Celulose Irani S/A Sra. Carolina Linhares Neo-Labor/Ondrepsb Sr. Orlando Acosta Schneider Eletric Sr. Ciro Aimbiré de Moraes Santos Kuerten Distribuidora Sr. Rafael Cunha Gerdau Aços Longos Brasil Sr. Eduardo Smith Grupo RBS Sr. Ricardo Kuerten Dutra Orcali Sr. Elidio Frias Albany International Sr. Rodrigo Ilso Calgaro Cia. Ultragaz S/A Sr. Eugenio Neto Neto Eventos Sr. Ronaldo Koerich Woa Emp.Imobiliários Sr. Fabio Amaral Dux Empresarial Sr. Rudney Raulino SENAC – SC Sra. Graziela Sagaz Lebarbenchon Go! Branding Sr. Rui Altenburg Altenburg Ind.Textil Dr. Irineu May Brodbeck Clinica Imagem Sr. Rui L. Hess de Souza Dudalina S.A. Sr. Jader Melilo Grupo Publish Sra. Sabrina Adami Schappo Weg Equip Elétricos Sra. Jeanine Pinheiro Ação Fixa Com.Visual Sr. Sergio Roberto Arruda SENAI – SC Dr. João Nilson Zunino Laboratório Santa Luzia Sr. Topázio Silveira Neto Flex Contact Center Sr. Jorge José Cenci Senior Sistemas Sr. Valdir Diehl Ribeiro Florestal Gateados Sr. José Roberto Pereira Tintão Comércio de Tintas Sr. Valmir Marcos Tortelli Nddigital S.A. Software Sr. Leopoldo Adolfo Schmalz Lince Empreend e Partic. Sr. Walter Biselli Beiramar Shopping Sra. Luciana Assad Rupp da Silva Ajorpeme
  12. 12. Conselho Diretor PRESIDENTE: Sérgio Roberto Arruda SENAI – SC Vice-Presidente: Carolina Linhares Neo-Labor/Ondrepsb Vice-Presidente: Eduardo Smith Grupo RBS Vice-Presidente: Jorge José Cenci Senior Sistemas Vice-Presidente: Luciano Andriani Tractebel Energia S.A Vice-Presidente: Ricardo Kuerten Dutra Orcali Vice-Presidente: Ronaldo Koerich Woa Emp.Imobiliários Mantenedores Master Mantenedores Conselho | Empresas Mantenedoras
  13. 13. Há 15 anos inspirando jovens a empreender.

×