Artigo 4
Intoxicação por Chumbo
Aspectos Toxicológicos do Chumbo
Engenharia de Segurança no Trabalho
Doenças do Trabalho e...
Intoxicação por Chumbo
2
Autores
Autor 1
Autor 2
Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional
Aspectos Toxicológicos do
Chumbo
3
Autores
Tiago Dos Santos Schifer
Stanislau Bogusz Junior
Marco Aurélio Echart Montano
R...
INTRODUÇÃO
• Chumbo:
– Contaminante comum Contaminação direta das pessoas
– Graves danos a Saúde ou até mesmo a Morte
• E...
Chumbo
• Meia vida de 1 a 2 meses
– Tecidos moles Ossos Dentes Cabelos
– Eliminado pela urina e fezes
• Biomarcadores
– ...
Toxicologia
• Organização mundial da Saúde Um dos elementos químicos
mais perigosos a saúde.
6
Doenças do trabalho e Toxi...
Toxicologia
• Intoxicação:
– Através da contaminação ambiental, pela ingestão de alimentos e
bebidas contaminadas e por pa...
Sinais e Sintomas
• Intoxicação Aguda
– Náuseas, dores abdominais, vômitos,
sensação adstringente pronunciada na
boca e go...
REFERÊNCIAS
• BRASIL, Portaria 685, de 27 de agosto de 1998, Secretaria Naciona de
Vigilância Sanitária. D.O.U. – Diário O...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Chumbo

1.144 visualizações

Publicada em

seminario chumbo

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.144
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Chumbo

  1. 1. Artigo 4 Intoxicação por Chumbo Aspectos Toxicológicos do Chumbo Engenharia de Segurança no Trabalho Doenças do Trabalho e Toxicologia ocupacional
  2. 2. Intoxicação por Chumbo 2 Autores Autor 1 Autor 2 Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional
  3. 3. Aspectos Toxicológicos do Chumbo 3 Autores Tiago Dos Santos Schifer Stanislau Bogusz Junior Marco Aurélio Echart Montano Revista: Infarma, v.17, nº 5/6, 2005 Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional
  4. 4. INTRODUÇÃO • Chumbo: – Contaminante comum Contaminação direta das pessoas – Graves danos a Saúde ou até mesmo a Morte • Exposição ocupacional Via Inalatória • Poeiras de Chumbo Grau máximo de insalubridade • A absorção do chumbo depende: – Concentração, tempo de exposição ao metal, idade e estados fisiológicos • Intoxicação aguda Rara mas pode matar em até dois dias • Intoxicação Crônica Comum e causa efeitos danosos 4 Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional Lenta e cumulativa
  5. 5. Chumbo • Meia vida de 1 a 2 meses – Tecidos moles Ossos Dentes Cabelos – Eliminado pela urina e fezes • Biomarcadores – Enzima ALAD-D, Níveis de Chumbo no Sangue – Protoporfinina eritrocitária • Norma Regulamentadora 15 estabelece os limites de tolerância para o chumbo, fixando em 100 μg/m3 de ar. – Realização anual de exames 5 Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional
  6. 6. Toxicologia • Organização mundial da Saúde Um dos elementos químicos mais perigosos a saúde. 6 Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional • Vias respiratória e digestiva • Tecidos, ossos, dentes e cabelo • Encontra-se associado aos eritrócitos Inorgânico • Tetraetila e tetrametila • Pele, trato gastrointestinal e pulmões • Convertido a chumbo trietila e chumbo inorgânico Orgânico
  7. 7. Toxicologia • Intoxicação: – Através da contaminação ambiental, pela ingestão de alimentos e bebidas contaminadas e por partículas suspensas no ar • Limites Aceitáveis: Valores de ingesta diária aceitável (IDA) – Crianças e mulheres grávidas não expostas, de 60 μg Pb/dia e 250 μg Pb/dia – Adultos é de 750 μg Pb/dia • Cinética do Chumbo – Chumbo orgânico: Metabolizado Trialquil e chumbo inorgânico – Chumbo inorgânico  complexado com macromoléculas, sendo diretamente absorvido, distribuído e excretado. – tempo de meia-vida descrita para o chumbo no sangue é cerca de 36 dias; 40 dias nos tecidos mole e de 20 a 27 anos nos ossos. Além de apresentar efeitos teratogênicos 7 Doenças do trabalho e Toxicologia Ocupacional
  8. 8. Sinais e Sintomas • Intoxicação Aguda – Náuseas, dores abdominais, vômitos, sensação adstringente pronunciada na boca e gosto metálico. As fezes podem apresentar coloração negra • Intoxicação Crônica – Anorexia, perda de peso, apatia ou irritabilidade, vômitos ocasionais, fadiga e anemia, falta de coordenação, dores vagas nos ombros 8Figura 1- Como o chumbo reage no corpo Fonte: http://pt.scribd.com/doc/19448468/Casos-Clinicos-Bioquimica
  9. 9. REFERÊNCIAS • BRASIL, Portaria 685, de 27 de agosto de 1998, Secretaria Naciona de Vigilância Sanitária. D.O.U. – Diário Oficial da União; Poder Executivo, de 28 de agosto de 1998. Disponível em: http:/ /e- legis.bvs.br/leisref/public/showAct.php?id=22 • CORDEIRO, R.; LIMA FILHO, E.C. A inadequação dos valores limites de tolerância biológica para a prevenção da intoxicação profissional pelo chumbo no Brasil. Cadernos de Saúde Pública. v.11, p.177-186, 1995. 9 ÁGUA FONTE DE VIDA: Importância e Uso Racional

×