1CONFERÊNCIA SOBRE O DESENVOLVIMENTO DA EMERGENTE INDÚSTRIA DEPETRÓLEO E GÁS EM MOÇAMBIQUEDOCUMENTO CONCEITUALESCÓCIA, 24 ...
2A satisfação em infrastruturas, logística e outros servicos a indústria dopetróleo e gás passa, necessariamente, por atra...
3d) Proporcionar uma oportunidade impar ao empresariadoMocambicano, incluindo pequenas e medias empresas, paravisitar e co...
4V. PARTICIPANTESVI. DE MOÇAMBIQUEa) Presidência da República de Moçambique;b) Ministerio dos Recursos Minerais, Ministeri...
5 Visita a plataformas de petróleo e gás (alto-mar ou em terrafirme) Visita a empresas de infrastruturas de petróleo e g...
6 EncerramentoTardeVisitas organizadas por empresas, no ambito de possiveis acordos jaalcançados************
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Conferencia sobre infrastruturas na industria do petroleo e gas em moz.2013 final

572 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
572
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Conferencia sobre infrastruturas na industria do petroleo e gas em moz.2013 final

  1. 1. 1CONFERÊNCIA SOBRE O DESENVOLVIMENTO DA EMERGENTE INDÚSTRIA DEPETRÓLEO E GÁS EM MOÇAMBIQUEDOCUMENTO CONCEITUALESCÓCIA, 24 a 26 JULHO DE 2013.I. FUNDAMENTAÇÃOA exploração do gás natural em Moçambique é uma realidade nos últimosanos. Os campos de gás natural em Temane, província de Inhambaneforam palco das primeiras explorações deste recurso estratégico para odesenvolvimento do País. Muito recentemente, mais concretamente em2012, mais descobertas de gás natural, na ordem de trilhoes de joulesforam feitas na Bacia do Rio Rovuma, no norte do País.Estudos de prospeção visando determinar a existência de petróleo emMoçambique estão sendo realizados na Bacia do Rovuma e ao longo dacosta da província central da Zambezia, em Moçambique. Embora aindanao existam resultados conclusivos e seguros sobre a existência destemineral, as suas probabilidades em quantidades comerciais, que possamresultar no início da sua exploraçao, num futuro próximo, sao elevadas.A exploração do gás e a realização dos estudos de prospeção do petróleorequerem avultados investimentos e a aplicação de conhecimentosespeciais, “know how”. É assim que assistimos ao elevado interesse e aintervenção, neste sector estratégico, de empresas estrangeiras quedetêm capital financeiro, humano e tecnológico para o desenvolvimentode actividades de exploração e prospeção, acima referidas. São os casosda multinacional sul-africana Sasol, na exploração do gás e dasmultinacionaias Anadarko, ENI, Petronas, Statoil, entre outras, todas naprospeção do petróleo.A exploração destes dois recursos requer a mobilizaçao de um complexode infraestruturas, logistica e outros servicos para a indústria dopetróleo e gás.
  2. 2. 2A satisfação em infrastruturas, logística e outros servicos a indústria dopetróleo e gás passa, necessariamente, por atrair investimentos, tantonacionais, quanto estrangeiros, directos ou indirectos, para a emergenteindústria moçambicana do petróleo e gás.Assim, a Conferência sobre o Desenvolvimento da Indústria do Petróleoe Gás tem como objectivo primordial despertar o interesse doempresariado Britanico e internacional sobre o grande potencial queexiste para a realização de investimentos em infrastruturas, serviços elogística, à emergente indústria do petróleo e gás em Moçambique. AConferencia tem tambem como obectivo oferecer uma plataforma aoempresariado Mocambicano para melhor conhecer as possibilidades eopoprtunidades que a industria do petroleo e gas oferece, nao apenasna sala de conferencias como tambem nas visitas as empresasrelevantes.Esta Conferência não podia ser acolhida num local diverso de Aberdeen,Escocia, em reconhecimento do papel importante que esta cidadeEscocesa desempenha como centro mundial de pesquisa e estudos emmatérias de petróleo e gás. Estão sediadas em Aberdeen mais de dez milinstituições que se dedicam ao petróleo e gás, nas suas mais variadasespecialidades, desde o ensino das várias ciencias e engenharias daindústria do petroleo e gás, a prospeção, exploração, comercialização,constituição de empresas, resolução de conflitos, entre outras.II. OBJECTIVOS DA CONFERÊNCIAA conferência tem como objectivos gerais aprofundar o conhecimentosobre a industria do petroleo e gas, atrair investimentos e promoverparcerias valiosas para o sector dos recursos minerais em Moçambique,maximizando a as capacidades e competencias do Reino Unido da GraBretanha e Irlanda do Norte.Sao objectivos especificos os seguintes:a) Expor o potencial energético do País;b) Atrair investimentos para as infrastruturas, logistica e servicospara a emergente indústria de petróleo e gás em Moçambique;c) Constituir parcerias entre as empresas privadas e públicas quetenham interesse em desenvolver acções neste sector deinfrastruturas de petróleo e gás;
  3. 3. 3d) Proporcionar uma oportunidade impar ao empresariadoMocambicano, incluindo pequenas e medias empresas, paravisitar e conhecer, in loco, as especialidades e negocios quepodem ser desenvolvidos na industria do petroleo e gas bemcomo identificar potetencias parceiros.III. ORGANIZAÇÃOA Conferência sobre o Desenvolvimento da Emergente Indústria doPetróleo e Gás em Moçambique constitui uma iniciativa da Williams &Associados, Lda, uma empresa moçambicana de consultoria jurídica eserviços, com Sede em Maputo.A organizacao da Conferencia sera feita em colaboracao com o AltoComissariado da República de Moçambique, no Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, no âmbito da sua nobre missão depromocao do desenvolvimento das relações bilaterias, entreMoçambique e o Reino Unido, em todas as esferas.A Willliams e Associados, Lda e a Africa Matters, entidade dirigida pelaBaronesa Lynda Chalker, serão os organizadores do evento.O Alto Comissariado assegurou igualmente o acolhimento da iniciativapelo Minsteerio dos Negocios Estrangeiros, Ministerio da Planificacao eDesenvolvimento, Ministerio dos Recursos Minerais, Ministerio dosTransportes e Comunicacoes e o Centro de Promocao de Investimentos.O Alto Comissariado ja assegurou igualmente a colaboracao de umMembro do Parlamento Britanico para a regiao de Aberdeen, da CamaraMunicipal de Aberdeen que sera o Parceiro local na organizacao doevento.IV. LOCAL, DATA E DURAÇÃO DA CONFERÊNCIAA Conferência a realizar-se-a no Centro de Convenções de Aberdeen,Escócia e terá uma duração de três (3) dias.As consultas em curso indicam que a Conferência terá lugar de 24 a 26de Julho de 2013.
  4. 4. 4V. PARTICIPANTESVI. DE MOÇAMBIQUEa) Presidência da República de Moçambique;b) Ministerio dos Recursos Minerais, Ministerio da Energia, Ministerioda Indústria e Comércio, Ministerio da Planificacao eDesenvolvimento, Ministério dos Transportes e Comunicações;c) Governo da Provincia de Cabo Delçgado;d) Administracao do Distrito de Palma, Cabo Delgado.e) Instituo Nacional do Petróleo (INP); Empresa Nacional deHidrocarbonetos (ENH)};f) Centro de Promoção de Investimentos (CPI)g) Confederação das Actividades Económicas (CTA)h) Empresas PrivadasVII. DO ESTRANGEIROa) Governo Localb) Camara Municipal de Aberdeenc) Camara de Comercio de Aberdeend) Representantes de Empresas Sediadas em Aberdeene) Representantes de outras Empresas Estrangeiras interessadasVIII. PATROCÍNIOPara a realização da Conferência, os organizadores contam com opatrocinio de instituicoes e empresas Mocambicanas e Britanicas.VII. PROPOSTA DO PROGRAMAPrimeiro Dia: de Julho de 2013Manha Chegada dos participantes a Aberdeen AlojamentoTarde
  5. 5. 5 Visita a plataformas de petróleo e gás (alto-mar ou em terrafirme) Visita a empresas de infrastruturas de petróleo e gás (alto- marou em terra firme)Segundo Dia: de Julho de 2013Manha Abertura da Conferência Apresentacoes sobre o ambiente de negócios e asoportrunidades de investimentos em Moçambique Apresentacoes sobre a Industria e Serviscos de Petroleo e Gasem Aberdeen – Oportunidades para ParceriasTarde Sessões temáticas sobre energia, gás, petróleo, transportes ecomunicações, indústria e comércio (Painelistas comRepresetantes do Governo, Universidade de Aberdeen,Empresas) Oportunidades de negócios em petróleo e gás emMoçambique (Painel com a CTA e Empresas moçambicanas) Oportunidades de negócios no sector energético emMoçambique - Ministerio da Energia Oportunidades de negócios em Infrastruturas na Indústria doPetróleo e Gás em Moçambique - Ministerio dos RecursosMinerais Jantar de NegociosTerceiro Dia: de Julho de 2013Manha Bolsa de Contactos entre Empresas, constituição de parcerias Considerações Finais e Conclusões - Organizadores do Evento
  6. 6. 6 EncerramentoTardeVisitas organizadas por empresas, no ambito de possiveis acordos jaalcançados************

×