II - Pedregulho (Reidy) e Box House (Yuri Vital)

10.943 visualizações

Publicada em

Grupo II - Pedregulho e Box House

Affonso Reidy e Yuri Vital

Pedregulho (1947-1962) - São Cristóvão, Rio de Janeiro

Box House (2008) - Brasilândia, São Paulo

Publicada em: Educação

II - Pedregulho (Reidy) e Box House (Yuri Vital)

  1. 1. Habitação de Interesse Social Análise de repertório Pedregulho Affonso Reidy Box House Yuri Vital Universidade federal da paraíba Curso de Arquitetura e urbanismo Projeto v - Profª Elisabetta Romano Camila Coelho Marjorie Abreu
  2. 2. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Conjunto Residencial Prefeito Mendes de Morais (Pedregulho). Fonte: SILVA, 2006. <ul><li>Conjunto Residencial Mendes de Morais </li></ul><ul><li>Morro do Pedregulho, Bairro de São Cristóvão, Rio de Janeiro; </li></ul><ul><li>Arq. Affonso Eduardo Reidy – Chefe do Setor de Planejamento do Departamento de Habitação Popular do Distrito Federal, tendo Carmen Portinho como diretora; </li></ul><ul><li>Concebido para abrigar funcionários públicos de baixo poder aquisitivo; </li></ul><ul><li>Influência de Mies Van der Rohe , Frank Lloyd Wright e Le Corbusier; </li></ul><ul><li>Moradia + serviços = contribuição para a reeducação de seus hábitos e costumes. </li></ul><ul><li>570 famílias </li></ul><ul><li>P rojeto paisagístico de Roberto Burle Marx; </li></ul><ul><li>Painéis de autoria de Candido Portinari , Burle Marx e Anísio Medeiros . </li></ul>
  3. 3. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Perspectiva do conjunto . Fonte: http://padois.blogspot.com/ “ Aproveitando as linhas acidentadas do terreno, o imponente volume do Conjunto Habitacional Pedregulho encontra-se equilibrado com a flexibilidade do desenho, avocando formas ondulantes do relevo local. As curvas do prédio principal respondem às curvas da encosta, segundo uma dialética formal, realçando sobremaneira as suas linhas. Foi a primeira grande obra projetada por Reidy onde impôs, com excelente arquiteto que era a característica de buscar soluções integradas que atendessem ao ponto de vista social.” (Carmen Portinho, 1999) .
  4. 4. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Cada obra é definida por um volume simples, determinado, num Conjunto nitidamente dividido em grandes categorias, onde o aspecto formal acusa a diferença de funções: o paralelepípedo é reservado aos prédios residenciais, o prisma trapezoidal, simples ou composto, aos edifícios públicos essenciais, enquanto a utilização da abóbada é limitado às construções esportivas. (BRUAND, 2002, p. 225) Fonte: http://arqstyles.wordpress.com/movimento-moderno/
  5. 5. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Fonte: http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/06.062/446
  6. 6. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Conjunto concluído. Fonte: http://padois.blogspot.com/ <ul><li>Área do terreno: 52. 142m² </li></ul><ul><li>T.O.:17,3% </li></ul><ul><li>Dens. demográfica: 470 habitantes/hectare </li></ul><ul><li>Configuração é irregular e topografia muito acidentada,( variação de nível de 50 metros ). </li></ul>
  7. 7. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Esquema das visuais do terreno (Baía de Guanabara). Fonte: www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/06.062/446 Corte esquemático da topografia . Fonte: http://padois.blogspot.com/
  8. 8. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Implantação ao longo da cota mediana do talude seguindo a curva de nível natural do terreno . Fonte: www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/06.062/446
  9. 9. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Corte esquemático do bloco A . Fonte: http://padois.blogspot.com/ <ul><li>Bloco A </li></ul><ul><li>260 m de extensão </li></ul><ul><li>7 pav . elevados sobre pilotis </li></ul><ul><li>272 aptos. de diferentes tipos </li></ul><ul><li>Duas passarelas dão acesso ao 3º pav., ocupado parcialmente pelas instalações do serviço social e da administração , assim como pela escola maternal , jardim de infância e teatro infantil . </li></ul><ul><li>Escadas coletivas a cada 50 metros </li></ul><ul><li>Os 2 pav. inferiores: aptos. de um andar </li></ul><ul><li>Pav. superiores: aptos. duplex de um a quatro dormitórios. </li></ul>
  10. 10. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Este pavimento proporcionará uma imensa área plana, bem ventilada e protegida, onde as crianças poderão abrigar-se nas horas mais quentes e nos dias mais chuvosos. Será parcialmente ocupado pela instalação do Serviço Social e da Administração, assim como pela escola maternal, o jardim de infância e o teatro infantil. (...) A solução duplex foi adotada para a maioria dos apartamentos por ser aquela que oferece melhor rendimento pela possibilidade de atingir, sem elevador, a quatro pavimentos, e permitir, mediante maior profundidade do bloco, o mínimo de testada, aumentando desta forma o número de unidades do bloco. (PORTINHO e REIDY apud BONDUKI, 2000, p. 84) Pav. intermediário do Bloco A . Fonte: http://padois.blogspot.com/ Bloco A
  11. 11. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Bloco A – Plantas dos diferentes pavimentos . Fonte: SILVA, 2006. Bloco A
  12. 12. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Pav. intermediário: trecho ocupado por equipamentos sociais . Fonte: http://padois.blogspot.com/ Bloco A
  13. 13. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Unidades do Bloco A . Fonte: http://padois.blogspot.com/ Bloco A Unidades 1º e 2º pav. Aprox. 21,85m² (2.80x7,80m) Unidades duplex: 4º e 6º pav. Aprox. 49,29m² (2.80x7.80m + 2.80x9.80m) Unidades duplex: 5º e 7º pav.
  14. 14. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Variação um e três quartos. Fonte: SILVA, 2006. Escada dos apartamentos . Fonte: SILVA, 2006. <ul><li>Variação do número de quartos - disposição dos quartos voltados para os fundos ; </li></ul><ul><li>Aptos. de 4 quartos : apenas no último pavimento , com o aproveitamento da área da escada que não segue até a cobertura. </li></ul>Bloco A Quatro quartos: Aprox. 58,89m² Três quartos: Aprox. 39,69m²
  15. 15. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Bloco B (B1 e B2) Bloco B: Trecho da fachada frontal . Fonte: SILVA, 2006. <ul><li>Cerca de 80 metros de extensão; </li></ul><ul><li>Duas ordens de apartamentos duplex ; </li></ul><ul><li>56 unidades de dois, três e quatro dormitórios. </li></ul>
  16. 16. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Bloco B – Plantas. Fonte: SILVA, 2006. Bloco B (B1 e B2)
  17. 17. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy 2º pav. – três quartos / 2º Pav. – quatro e dois quartos. Bloco B (B1 e B2) Unidades duplex: 1º e 3º pav . Fonte: SILVA, 2006. Fonte: SILVA, 2006. <ul><li>Duplex 3 quartos: </li></ul><ul><li>Aprox. 38,80m² </li></ul><ul><li>(47.20 – 8.40) </li></ul><ul><li>Duplex 3 quartos: </li></ul><ul><li>Aprox. 47,20m² </li></ul><ul><li>(4.00x5.00m + 4.00x6,80m) </li></ul><ul><li>Duplex 4 quartos: </li></ul><ul><li>Aprox. 55,60m² </li></ul><ul><li>(47.20m + 8.40m) </li></ul>
  18. 18. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Fonte: SILVA, 2006. <ul><li>Bloco C (não construído) </li></ul><ul><li>12 pav. sobre pilotis (único com uso de elevadores ) – térreo: creche e escola maternal; </li></ul><ul><li>192 unidades habitacionais – todas de dois quartos, sala cozinha banheiro e varanda. </li></ul>
  19. 19. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Escola e academia , 2008. Fonte: http://theurbanearth.wordpress.com/2009/08/26 Fachada Sul/Norte da Escola , 2004. Fonte: SILVA, 2006. Vestiários e Piscina , 2000. Fonte: SILVA, 2006.
  20. 20. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Ginásio , 2000. Fonte: SILVA, 2006. Painéis de Portinari. Fonte: http://theurbanearth.wordpress.com/2009/08/26/arquitetura-moderna-no-brasil-pedregulho-de-affonso-eduardo-reidy/
  21. 21. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Mercado/ Lavanderia - Fachada NORTE, 1950 Mercado/ Lavanderia – Fachada Sul, 1950 Posto de Saúde , 1950 Fonte: SILVA, 2006.
  22. 22. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy <ul><li>Soluções de fachada e de distribuição de espaços que resolvem de maneira exemplar o problema da proteção solar nas fachadas norte e da ventilação cruzada nos ambientes; </li></ul>Visuais oferecidos pelo uso de elementos vazados. Fonte: www.lanferarquitetura.com/2011/05/conjunto-habitacional-pedregulho-arq.html <ul><li>Vários tipos e formas de elementos de proteção solar ; </li></ul><ul><li>Idéia de permeabilidade das superfícies . </li></ul>
  23. 23. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Fonte: www.lanferarquitetura.com/2011/05/conjunto-habitacional-pedregulho-arq.html
  24. 24. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Fonte: www.lanferarquitetura.com/2011/05/conjunto-habitacional-pedregulho-arq.html
  25. 25. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Pedregulho (1947-1962) Arq. Affonso Eduardo Reidy Fonte: www.lanferarquitetura.com/2011/05/conjunto-habitacional-pedregulho-arq.html
  26. 26. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Fonte: : http://yurivital.com/ <ul><li>Localizado no bairro da Brasilândia, zona Norte de São Paulo ; </li></ul><ul><li>Prêmio IAB-SP 2008 na categoria habitação de interesse social, produção privada; </li></ul><ul><li>1011m ² de área construída; </li></ul><ul><li>17 unidades (47m² cada) não considerando garagem e depósito; </li></ul><ul><li>Descrição: 2 dormitórios, banho, sala, cozinha, lavabo, área de serviço, garagem e depósito; </li></ul>&quot;A ideia era fazer habitações populares com qualidade estética e funcional, sem custos elevados. Utilizaram-se conceitos modernos, como formas geométricas puras, limpeza formal e preocupação com a repetição e a harmonia, sem perder de vista a funcionalidade e a racionalidade” (Yuri Vital)
  27. 27. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Fonte: : http://yurivital.com/ <ul><li>Terreno alto com um grande declive; </li></ul><ul><li>Rua interna que liga as unidades; </li></ul><ul><li>Limpeza formal; </li></ul><ul><li>Racionalidade estrutural; </li></ul><ul><li>Baixo custo; </li></ul>
  28. 28. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital ....................... 2,32m² .......... 17,48m² Área aproximada 4,5m 8,0m Fonte: http://www.bienaliberoamericana.org/biau_debate/index.php/2010/05/14/box-house/
  29. 29. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital ................................ 1,44m² Área aproximada ..................................... 8,00m² ............................... 5,76m² .................. 6,30m² 4,5m 10,0m Fonte: http://www.bienaliberoamericana.org/biau_debate/index.php/2010/05/14/box-house/
  30. 30. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Área aproximada ..........................3,48m² ..........................10,20m² ............................9,00m² .................................3,00m² Fonte: http://www.bienaliberoamericana.org/biau_debate/index.php/2010/05/14/box-house/
  31. 31. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Fonte: http://www.bienaliberoamericana.org/biau_debate/index.php/2010/05/14/box-house/
  32. 32. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Fonte: http://www.bienaliberoamericana.org/biau_debate/index.php/2010/05/14/box-house/
  33. 33. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Fonte: http://www.arqbacana.com.br/arq!aqui/YURI+VITAL+03.09.2008 Fonte: : http://yurivital.com/
  34. 34. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Box house (2008) Arq. Yuri vital Fonte: http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/09.104/2976 &quot;O baixo custo, a racionalidade e a qualidade estética foram fundamentais para o sucesso da obra.” (Yuri Vital) Fonte: : http://yurivital.com/
  35. 35. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Referências SILVA, Helga Santos da. Arquitetura moderna para habitação popular: a apropriação dos espaços no Conjunto Residencial Mendes de Moraes(Pedregulho) . Rio de Janeiro: UFRJ/FAU, 2006. www.vitruvius.com.br/revistas/read/minhacidade/09.099/1871 www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/06.062/446 www.cronologiadourbanismo.ufba.br/apresentacao.php?idVerbete=1211 http://arquitetandoblog.wordpress.com/2008/03/30/affonso-eduardo-reidy/ www.ufrgs.br/propar/publicacoes/ARQtextos/PDFs_revista_2/2_Eliane.pdf http://padois.blogspot.com/2011/03/pedregulho-produtos-graficos.html www.lanferarquitetura.com/2011/05/conjunto-habitacional-pedregulho-arq.html www.arquitetura.eesc.usp.br/revista_risco/Risco2-pdf/art2_risco2.pdf www.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20070514090931.pdf www2.unochapeco.edu.br/~fernandes/disciplinas_leandro/projeto_integrado_III/1sem2008/pdf/Pedregulho.pdf
  36. 36. HIS - Habitação de Interesse Social projeto v Referências http://casaeimoveis.uol.com.br/projetos/arquitetura/projeto-habitacional-de-baixo-custo-alia-qualidade-construtiva-a-estetica.jhtm http://www.arqbacana.com.br/arq!aqui/YURI+VITAL+03.09.2008 http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=1137949 http://www.casaemercado.com.br/materia.php?hIdMateria=1544 www.yurivital.com http://www.bienaliberoamericana.org/biau_debate/index.php/2010/05/14/box-house/ http://www.revistaau.com.br/arquitetura-urbanismo/194/inovacao-a-baixo-custo-qualidade-estetica-racionalidade-e-custos-171345-1.asp http://www.belasartes.br/chocolatedigital/biografias/yuri-vital http://arqpb.blogspot.com/2011/06/entrevista-com-yuti-vital.html

×