Blogue

131 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
131
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Blogue

  1. 1. Blogue Leituras ativas e reativasConstituição do grupo: Carla Teixeira e Ema Paula Nunes
  2. 2. Leituras ativas e reativas
  3. 3. Contexto da criação do blogue Leituras Ativas e Reativas O Atendendo a que o contexto nacional é bastante favorável para a utilização de ferramentas digitais no que concerne aos recursos disponibilizados na sala de aula e BE, procuramos desenvolver um blogue — LEITURAS ATIVAS E REATIVAS —, no âmbito escolar. O Assim, de forma lúdica-pedagógica e utilizando alguns recursos apelativos que a Web 2.0 possibilita pelo seu impacto visual, produção e divulgação de informação, pretendemos centrar a atenção dos alunos para a assimilação do conteúdo programático “Teatro e Gil Vicente” lecionado no contexto das aulas de português. O É também primordial, neste projeto, que os discentes, nativos digitais, e demais comunidade educativa, sejam capazes de interagir e de produzir informação em rede de forma criativa e assertiva.
  4. 4. “O que aprendemos com prazer, nunca esquecemos.” Marcel Marcier Escolhemos o blogue como ferramenta WEB 2.0, porque potencia a assimilação de quatro competências: O criatividade; O espírito crítico; O colaboração; O comunicação.
  5. 5. Escolha fundamentada das plataformas e dos componentes usados É uma ferramenta: O gratuita; O simples; O colaborativa; O atrativa; O possibilita a organização e criação de informação; O disponibiliza ferramentas úteis no contexto de ensino-aprendizagem; O permite gerir e editar conteúdos com a frequência que se deseja e duma forma fácil, sem requerer conhecimentos sólidos de programação, webdesign ou HTML; O promove a interação direta com os leitores do blogue e, consequentemente, a troca de ideias e acesso a novos conteúdos. A partir do momento em que se cria o blogue, o administrador tornar-se-à parte da extensa rede compreendida por Blogosfera, isto é, toda a comunidade que produz, disponibiliza conteúdos e lê blogues; O a divulgação do Blogue na Blogosfera e na Web, através dos motores de busca, contribuirá para a angariação de novos leitores e divulgação constante das ideias, projetos e opiniões.
  6. 6. Ferramentas Web utilizadas O www.youtube.com O www.Blogger.com O www.Voki.com O www.fodey.com O Drive.Google.com O Maps.Google.pt O Guif.com.br
  7. 7. Distribuição das tarefas O Administração deste sítio da web pelas duas administradoras do blogue; O Criação conjunta de perfis em diversas ferramentas web2.0; O Publicação equilibrada de mensagens pelas duas administradoras do blogue.
  8. 8. Objetivos das estratégias seguidas O A disponibilização destas técnicas, na nossa atividade docente e no contexto de uma biblioteca escolar, ajudarão o processo de ensino aprendizagem a ser mais dinâmico, criativo, existindo atividades práticas, nas quais os discentes interajam, pois “Quando se está motivado para aprender algo, pode fazer-se muito mais e em menos tempo”. Pretendemos, por isso, que os resultados sejam positivos e que daí surja a assimilação de conhecimentos e consequentemente a progressão. O Permite também que, enquanto administradoras, consigamos explorar o máximo possível das ferramentas utilizadas. O Possibilita a distribuição equitativa das tarefas. O Proporciona a elaboração de um projeto credível.
  9. 9. Facilidades e dificuldades sentidas Facilidades: O facilidade de utilização da plataforma e sua gestão; O maior liberdade na gestão do tempo; O versatilidade das ferramentas. Dificuldades: O Alguma retração inicial no uso e seleção das ferramentas a incorporar no blogue.

×