Vida e Obra de Luís Vaz de Camões

218 visualizações

Publicada em

Power-Point sobre a vida e Obras de Luís Vaz de Camões.

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
218
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vida e Obra de Luís Vaz de Camões

  1. 1. Vida e Obra de Camões
  2. 2. Quem foi? • Luís Vaz de Camões foi o maior poeta português. • Filho de Simão Vaz de Camões e Ana de Sá e Macedo. • Entrou no Exército da Coroa de Portugal.
  3. 3. • Autor do poema “Os Lusíadas”. • Possui obras que o coloca a altura dos grandes poetas do mundo. • Os Lusíadas divide-se em dez cantos repartidos em oitavas. • Ele foi o maior representante do Classicismo português.
  4. 4. • Camões foi preso em 1552. • Participou de várias expedições militares. • Em 1572 publicou seu poema “Os Lusíadas”. • Os Lusíadas, contém elementos épicos e líricos e sintetiza as principais marcas do Renascimento.
  5. 5. • Os Lusíadas possui a presença de episódios líricos sem ligação com o tema central. • Luís de Camões se inspirou em trovas populares e escreveu poesias que lembram as cantigas medievais. • A maior parte da obra lírica de Camões é composta de sonetos e redondilhas.
  6. 6. • Diz a lenda que Camões conseguiu salvar o manuscrito de Os Lusíadas, segurando com uma das mãos e nadando com a outra. • Camões deixou além de “Os Lusíadas”, um conjunto de poesias líricas, entre elas, “Os Efeitos Contraditórios do Amor” e “O Desconcerto do Mundo”.
  7. 7. • A bagagem literária deixada pelo escritor é de inestimável valor literário. • Camões escreveu poesias líricas e épicas, peças teatrais, sonetos que em sua maior parte são verdadeiras obras de arte.
  8. 8. “Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, Muda-se o ser, muda-se a confiança; Todo o mundo é composto de mudança, Tomando sempre novas qualidades.” - Luís de Camões
  9. 9. • Teve seu reconhecimento e prestígio cada vez mais elevados. • Seus livros vendem milhares de exemplares atualmente. • Luís Vaz de Camões morre em Lisboa, Portugal, no dia 10 de junho 1580, em absoluta pobreza.
  10. 10. “Jamais haverá ano novo se continuar a copiar os erros dos anos velhos.” - Luís de Camões
  11. 11. https://www.youtube.com/watch?v=DEt2dpmbwfk

×