Novo ano

121 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
121
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Novo ano

  1. 1. Estamos iniciando mais um ano, em que as esperanças de um futuro melhor para a Humanidade são renovadas. Nessa fase de transição em que a Terra se encontra, na condição de um mundo de provas e expiatório, e se encaminhando para um mundo melhor, de regeneração, é necessário que estejamos preparados para vivenciarmos essa nova realidade do planeta. Para tanto, é preciso domar as más inclinações que ainda permanecem presentes em nossa personalidade espiritual, trazidos de um passado de dificuldades, para que estejamos credenciados a habitar o planeta regenerado. O Espiritismo, com sua filosofia racional, sedimentada em pesquisas experimentais e revivendo o ensinamento moral do Cristo, é um instrumento precioso à nossa disposição...
  2. 2. Para nos ajudar a vencer essa etapa do nosso processo evolutivo. O Ano Novo que surge, apesar de ser uma simples alteração de calendário, traz o simbolismo de um novo tempo, de novas esperanças e de novas metas a serem alcançadas. Chama-nos a uma reflexão, convidando-nos a fazer um balanço das nossas atitudes, dos nossos pensamentos e dos nossos sentimentos que praticamos no ano que se findou. O que ficou faltando fazer e o quanto poderíamos ter caminhado. Mais do que nunca se torna atual a recomendação de Santo Agostinho, trazida por Kardec na questão 919 de O Livro dos Espíritos, indicando o caminho do autoconhecimento como fundamental no processo de transformação que precisamos empreender enquanto espíritos imortais a caminho da perfeição.
  3. 3. Sabemos que todo processo transformador traz consigo uma quota de sacrifício e dificuldade a ser atendida. Havemos, portanto, como ensinou Jesus, sermos perseverantes na busca da tão sonhada transformação. O Rabi da Galileia, como nosso guia e modelo, mostrou-nos o caminho a ser seguido, nas lições e exemplos legados no Evangelho. O ano que se inicia é, portanto, uma oportunidade que não deve ser desprezada de continuarmos, com entusiasmo e confiança, a busca pela nossa elevação espiritual, partindo da maneira com que nos relacionamos com nossos semelhantes. São as situações com que nos defrontaremos no dia a dia que nos forjarão para vencermos aquelas mais complexas, que exigirão de nós um esforço maior.
  4. 4. A todos, desejo um Novo Ano repleto da paz e com muitas realizações no campo do espírito. Muita Paz! Meu Blog: http://espiritual-espiritual.blogspot.com.br

×