SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 50
Aperfeiçoamento de Liderança Cristã
Pr. Juscelino Freitas Email: juscelinofreitas799@gmail.com
Visão Bíblica para o crescimento de igrejas saudáveis.
Uma visão bíblica da Liderança
O que é Liderar ?
Uma visão bíblica da Liderança
O que é Liderar?
Atrair
Fazer aderir a
uma opinião,
partido etc.:
atrair os
povos ao
cristianismo.
Uma visão bíblica da Liderança
O que é Liderar?
Influenciar
Ocasionar ou ser alvo de
modificações (físicas ou
intelectuais): o caráter
influencia
comportamentos; os pais
agem juntos e se
influenciam na educação
de seus filhos; a Lua
influencia as marés.
Uma visão bíblica da Liderança
O que é Liderar?
Motivar
Servir de motivo a;
causar.
Despertar interesse,
estimular.
Uma visão bíblica da Liderança
O que é Liderar?
Conduzir
Dirigir; dar as direções
para: conduzia um
caminhão; conduziu a
embarcação ao cais.
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
A liderança surge destes elementos:
1. Pessoa
2. Equipe
3. Circunstâncias
4. Objetivos
5. Motivações
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
Qualificações bíblicas para o líder:
1. Humilde
“E lhes disse: Quem receber esta criança em meu nome a mim me
recebe; e quem receber a mim recebe aquele que me enviou;
porque aquele que entre vós for o menor de todos, esse é que é
grande.” (Lc 9:48)
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
Qualificações bíblicas para o líder:
2. Maduro
“Não seja neófito, para não suceder que se ensoberbeça e
incorra na condenação do diabo.” (1Ti 3:6)
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
Qualificações bíblicas para o líder:
3. Modelo
“Irmãos, sede imitadores meus e observai os que andam segundo
o modelo que tendes em nós.” (Fp 3:17)
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
Qualificações bíblicas para o líder:
4. Comprometido
“Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo
acima delas, se mostraram voluntários, pedindo-nos, com muitos
rogos, a graça de participarem da assistência aos santos. E não
somente fizeram como nós esperávamos, mas também deram-se
a si mesmos primeiro ao Senhor, depois a nós, pela vontade de
Deus.” (2Co 8:3-5)
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar?
Qualificações bíblicas para o líder:
5. Fiel
“A ti, fiel companheiro de jugo, também peço que as auxilies,
pois juntas se esforçaram comigo no evangelho, também com
Clemente e com os demais cooperadores meus, cujos nomes se
encontram no Livro da Vida.” (Fp 4:3)
Uma visão bíblica da Liderança
Quem pode liderar.
Qualificações bíblicas para o líder:
6. Espiritual
“Irmãos, se alguém for surpreendido nalguma falta, vós, que sois
espirituais, corrigi-o com espírito de brandura; e guarda-te para
que não sejas também tentado.” (Gl 6:1)
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Eficácia Eficiência
Atingir os alvos Utilizar os recursos
disponíveis da melhor
maneira possível.
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Exemplos de eficácia e eficiência
1. Moisés e Jetro (Ex 18): 21 Além disto procurarás dentre todo o
povo homens de capacidade, tementes a Deus, homens verazes, que
aborreçam a avareza, e os porás sobre eles por chefes de mil, chefes de cem,
chefes de cinqüenta e chefes de dez;
2. Parábola dos talentos (Mt 25:14-29): 14 Porque é
assim como um homem que, ausentando-se do país, chamou os seus servos e
lhes entregou os seus bens:
3. Salvação (2 Co 5:14): 14 Pois o amor de Cristo nos constrange,
porque julgamos assim: se um morreu por todos, logo todos morreram;
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Competência
Engloba:
1. Saber conceitualmente – conhecimento
2. Saber fazer – habilidade
3. Saber agir – atitude
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Exemplos de competência
“Deus não escolhe os capacitados, mas capacita
os escolhidos.”
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Exemplos de competência
1. Os artesãos do Templo (Ex 28, 31, 35 e 36).
2. Daniel (Dn 1:3 e 4).
3. Neemias (Ne 2).
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Planejamento
Envolve:
1. Dinamismo.
2. Intencionalidade.
3. Coordenação.
4. Objetividade.
5. Antecipação.
6. Prudência.
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Exemplos de planejamento
1. “Os planos do diligente tendem à abundância, mas a pressa
excessiva, à pobreza.” (Pv 21:5)
2. Neemias (Ne 2:1-18): 12 Então de noite me levantei, eu e uns
poucos homens comigo; e não declarei a ninguém o que o meu
Deus pusera no coração para fazer por Jerusalém. Não havia
comigo animal algum, senão aquele que eu montava.
3. “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se
assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os
meios para a concluir?” (Lc 14:28)
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Proatividade:
1. Diferente do reativo (reage aos problemas).
2. Trata os problemas antes deles acontecerem.
3. Levam em consideração o que pode dar errado
ou situações de risco.
4. No seu planejamento, leva em consideração os
problemas que poderão surgir.
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Exemplos de proatividade
1. Gideão (Jz 6:11): Então o anjo do Senhor veio, e sentou-se debaixo do
carvalho que estava em Ofra e que pertencia a Joás, abiezrita, cujo filho Gideão
estava malhando o trigo no lagar para o esconder dos midianitas.
2. Vigiar e orar (Mt 26:41): Vigiai e orai, para que não entreis em tentação;
o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca.
3. José do Egito (Gn 41:33-36): 33 Portanto, proveja-se agora Faraó de um
homem entendido e sábio, e o ponha sobre a terra do Egito. 34 Faça isto Faraó:
nomeie administradores sobre a terra, que tomem a quinta parte dos produtos
da terra do Egito nos sete anos de fartura; 35 e ajuntem eles todo o
mantimento destes bons anos que vêm, e amontoem trigo debaixo da mão de
Faraó, para mantimento nas cidades e o guardem; 36 assim será o mantimento
para provimento da terra, para os sete anos de fome, que haverá na terra do
Egito; para que a terra não pereça de fome.
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Sensibilidade
1. Necessidade de mudança.
2. Dissipar tensões.
3. Estimular liderados.
4. Fazer escolhas:
- importante, mais importante e urgente
5. Sensível aos recursos mais importantes:
- PESSOAS!
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Exemplos de sensibilidade
1. Acudir ao necessitado (Ef 4:28). Aquele que furtava, não furte mais; antes
trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir
com o que tem necessidade.
2. O repouso dos discípulos (Mc 6:31). Ao que ele lhes disse: Vinde vós, à parte,
para um lugar deserto, e descansai um pouco. Porque eram muitos os que
vinham e iam, e não tinham tempo nem para comer.
3. Paulo na Macedônia (At 16:6-10). 6 Atravessaram a região frígio-gálata, tendo
sido impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a palavra na Ásia; 7 e tendo
chegado diante da Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não
lho permitiu. 8 Então, passando pela Mísia, desceram a Trôade. 9 De noite
apareceu a Paulo esta visão: estava ali em pé um homem da Macedônia, que
lhe rogava: Passa à Macedônia e ajuda-nos. 10 E quando ele teve esta visão,
procurávamos logo partir para a Macedônia, concluindo que Deus nos havia
chamado para lhes anunciarmos o evangelho.
Uma visão bíblica da Liderança
Conceitos essenciais
Comunicação
1. Umas das áreas mais cruciais da liderança.
2. Um bom comunicador sabe ouvir.
3. Consegue transmitir com clareza.
4. A comunicação permite que o líder:
a. Coordene
b. Integre
c. Influencie
d. Avalie
Uma visão bíblica da Liderança
O que um bom líder cristão valoriza
Exemplos de comunicação
1. Explicando o Livro da Lei (Ne 8:8):Assim leram no livro, na lei de Deus,
distintamente; e deram o sentido, de modo que se entendesse a leitura.
2. A morte de Lázaro (Jo 11:11-14): 11 E, tendo assim falado, acrescentou: Lázaro,
o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono. 12 Disseram-lhe, pois, os
discípulos: Senhor, se dorme, ficará bom. 13 Mas Jesus falara da sua morte;
eles, porém, entenderam que falava do repouso do sono.14 Então Jesus lhes
disse claramente: Lázaro morreu;
3. As parábolas de Jesus (Mc 4:33-34): 33 E com muitas parábolas tais lhes dirigia
a palavra, conforme podiam compreender. 34 E sem parábola não lhes falava;
mas em particular explicava tudo a seus discípulos.
4. O uso da língua (Tg 3). 10 Da mesma boca procede bênção e maldição. Não
convém, meus irmãos, que se faça assim.
Uma visão bíblica da Liderança
O que o bom líder cristão valoriza?
Uma visão bíblica da Liderança
O que o bom líder cristão valoriza
Valoriza sua espiritualidade
1. Desfruta da comunhão com Deus.
2. É sensível às necessidades espirituais.
3. Valoriza a oração pessoal e coletiva.
4. Faz do estudo da Bíblia um projeto pessoal.
5. Experimenta uma espiritualidade transformadora (Rm
13:14): Mas revesti-vos do Senhor Jesus Cristo; e não tenhais
cuidado da carne em suas concupiscências.
Uma visão bíblica da Liderança
O que o bom líder cristão valoriza?
Valoriza seu caráter
1. Preza pelo caráter honesto.
2. Dá bom testemunho.
3. Luta pela sua integridade.
4. Quer ser luz (Fp 2:15): para que vos torneis
irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de
uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis
como luminares no mundo,
Uma visão bíblica da Liderança
O que o bom líder cristão valoriza?
Valoriza sua família
1. A família é nossa primeira igreja.
2. Nela, somos o que somos de verdade.
3. Luta pela sua integridade.
4. Quer ser luz (Fp 2:15): para que vos torneis
irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de
uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis
como luminares no mundo,
Uma visão bíblica da Liderança
Conselhos para líderes cristãos
Uma visão bíblica da Liderança
Conselhos para líderes cristãos
1. Aprenda a ouvir.
2. Reconheça seus erros.
3. Reconheça o valor dos outros.
4. Invista bem seu tempo.
5. Motive-se e motive os demais.
6. Confie em Deus.
Uma visão bíblica da Liderança
Planejamento
Uma visão bíblica da Liderança
O que é “planejamento”?
Algumas considerações
1. Todos planejam?
2. Planejar não é pecado.
3. Planejar é indispensável.
“Falta de tempo é desculpa daqueles que perdem
tempo por falta de planejamento.” Albert Einstein
Uma visão bíblica da Liderança
O que é “planejamento”?
Planejar é:
1. Utilizar melhor os recursos disponíveis.
2. Analisar os riscos (proatividade).
3. Reduzir incertezas.
4. Orientar na tomada de decisões.
5. Traçar um caminho até o objetivo.
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
1. Estabeleça um ALVO
1. É a metra principal.
2. Parte de desejo, necessidade ou problema.
3. Onde queremos chegar?
4. O alvo deve ser:
a. Claro
b. Possível
c. Mensurável
d. Justificável
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
1. Estabeleça um ALVO
Onde estamos Onde queremos chegar
PLANEJAMENTO
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
2. Faça a ANÁLISE
1. Pode ser feita uma análise antes de
estabelecer o ALVO.
2. Defina “onde ou como estamos”
3. Faça a análise INTERNA e EXTERNA.
- Análise situacional
4. Ouça as pessoas envolvidas.
Uma visão bíblica da Liderança
Análise SWOT: Exame detalhado de cada seção que compõe
um todo, buscando compreender tudo aquilo que o caracteriza:
análise da metodologia...
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
3. Crie as AÇÕES
Pergunte: POR QUÊ?
• É realmente necessária?
• Ajuda ou atrapalha?
• É perda de tempo?
• Pode ser aprimorada antes de executada?
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
3. Crie as AÇÕES
Pergunte: QUEM?
• Quem e quantas pessoas serão necessárias?
• Estão motivadas?
• Precisam de treinamento?
• Necessitam de suporte?
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
3. Crie as AÇÕES
Pergunte: COMO?
• O que realmente precisa acontecer?
• Há como executar a ação?
• Como evitar erros?
• Descreva as ações detalhadamente.
• Entre em detalhes necessários.
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
3. Crie as AÇÕES
Pergunte: ONDE?
• Qual o local ideal para a realização?
• Há necessidade de preparativo específico?
• É preciso transporte, som, mobiliário, etc?
• Avalie a necessidade e risco do local.
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
3. Crie as AÇÕES
Pergunte: QUANDO?
• Quando iniciará a ação?
• Qual o tempo previsto de duração?
• Quando terminará a ação?
• Quais outras ações estão conectadas?
• Crie um CRONOGRAMA.
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
3. Crie as AÇÕES
Pergunte: QUANTO?
• Quanto custará?
• Existem recursos disponíveis?
• Os custos podem ser otimizados?
• Quanto custará em termo de energia pessoal?
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
4. IMPLEMENTE o que foi decidido
• Hora de colocar as ações em prática.
• É preciso:
1. Organização
2. Comunicação
3. Proatividade
4. Sensibilidade
Uma visão bíblica da Liderança
Passos do planejamento
5. AVALIE continuadamente
• A avaliação deve ser continuada.
• Avaliação deve ser coletiva.
• Especialmente ao final de cada ação:
1. Foi eficaz?
2. Foi eficiente?
3. Quais problemas surgiram?
4. O que pode melhorar?
Uma visão bíblica da Liderança
Reúna-se em grupo e
realize um planejamento!
Queremos agradecer todos vocês líderes que cooperam nesta Obra.
Não temos como recompensar todos os esforços de cada um vocês.
Obrigado. Que o Senhor Jesus abençoe todos poderosamente.
Feliz Natal e um Ano Novo de muitas Conquistas!
São os nossos Sinceros votos;
Pr. Juscelino Freitas
Miss. Edilene Freitas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Uma visão bíblica da liderança
Uma visão bíblica da liderançaUma visão bíblica da liderança
Uma visão bíblica da liderançaViva a Igreja
 
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeDiscipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeChristian Lepelletier
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroEdnilson do Valle
 
Disciplina Administração Eclesiástica
Disciplina Administração EclesiásticaDisciplina Administração Eclesiástica
Disciplina Administração Eclesiásticafaculdadeteologica
 
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipuladoLição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipuladoErberson Pinheiro
 
estudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristãestudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristãReginaldo Pacheco
 
Educação Cristã 1ª Parte. CETADEB
Educação Cristã 1ª Parte. CETADEBEducação Cristã 1ª Parte. CETADEB
Educação Cristã 1ª Parte. CETADEBDouglasFigueiredo22
 
Pregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento EspiritualPregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento Espiritualsuzyanne2010
 
Curso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDCurso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDSergio Silva
 
Treinamento para professores da EBD.
Treinamento para professores da EBD.Treinamento para professores da EBD.
Treinamento para professores da EBD.Abdias Barreto
 
Estudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da IgrejaEstudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da IgrejaDaniel Junior
 
Treinamento de Líderes
Treinamento de LíderesTreinamento de Líderes
Treinamento de LíderesHFCNunes
 
Missões através dos séculos
Missões através dos séculosMissões através dos séculos
Missões através dos séculosAlcedir Sentalin
 
Módulo 1 - A vida devocional do Líder
Módulo 1 - A vida devocional do LíderMódulo 1 - A vida devocional do Líder
Módulo 1 - A vida devocional do LíderMargarete Figueiredo
 
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança CristãO Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança CristãMárcio Melânia
 
O Professor Da Ebd, Seu Papel E Desafios
O Professor Da Ebd, Seu Papel E DesafiosO Professor Da Ebd, Seu Papel E Desafios
O Professor Da Ebd, Seu Papel E DesafiosSilas Duarte Jr
 

Mais procurados (20)

Uma visão bíblica da liderança
Uma visão bíblica da liderançaUma visão bíblica da liderança
Uma visão bíblica da liderança
 
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeDiscipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
 
Disciplina Administração Eclesiástica
Disciplina Administração EclesiásticaDisciplina Administração Eclesiástica
Disciplina Administração Eclesiástica
 
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipuladoLição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
 
estudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristãestudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristã
 
Educação Cristã 1ª Parte. CETADEB
Educação Cristã 1ª Parte. CETADEBEducação Cristã 1ª Parte. CETADEB
Educação Cristã 1ª Parte. CETADEB
 
Simpósio de EBD
Simpósio de EBDSimpósio de EBD
Simpósio de EBD
 
Pregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento EspiritualPregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento Espiritual
 
Curso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDCurso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBD
 
02 doutrinas bíblicas
02 doutrinas bíblicas02 doutrinas bíblicas
02 doutrinas bíblicas
 
Treinamento para professores da EBD.
Treinamento para professores da EBD.Treinamento para professores da EBD.
Treinamento para professores da EBD.
 
Estudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da IgrejaEstudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da Igreja
 
Escola de Líderes
Escola de LíderesEscola de Líderes
Escola de Líderes
 
Treinamento de Líderes
Treinamento de LíderesTreinamento de Líderes
Treinamento de Líderes
 
Missões através dos séculos
Missões através dos séculosMissões através dos séculos
Missões através dos séculos
 
Módulo 1 - A vida devocional do Líder
Módulo 1 - A vida devocional do LíderMódulo 1 - A vida devocional do Líder
Módulo 1 - A vida devocional do Líder
 
O diaconato
O diaconatoO diaconato
O diaconato
 
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança CristãO Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
 
O Professor Da Ebd, Seu Papel E Desafios
O Professor Da Ebd, Seu Papel E DesafiosO Professor Da Ebd, Seu Papel E Desafios
O Professor Da Ebd, Seu Papel E Desafios
 

Destaque

Gerência e liderança
Gerência e liderançaGerência e liderança
Gerência e liderançaEdvaldo Costa
 
LIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEIS
LIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEISLIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEIS
LIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEISLourinaldo Serafim
 
Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução BíblicaViva a Igreja
 
Treinamento para lideres de célula pr aber huber
Treinamento para lideres de célula   pr aber huberTreinamento para lideres de célula   pr aber huber
Treinamento para lideres de célula pr aber huberJosimar Santos
 
A Sobrevivencia Em Tempos de Crise
A Sobrevivencia Em Tempos de CriseA Sobrevivencia Em Tempos de Crise
A Sobrevivencia Em Tempos de CriseMárcio Martins
 
O Cristão e o Movimento Ambientalista
O Cristão e o Movimento AmbientalistaO Cristão e o Movimento Ambientalista
O Cristão e o Movimento AmbientalistaDaniel de Carvalho Luz
 
Futuro do Trabalho - FoW Future of Work
Futuro do Trabalho - FoW Future of Work  Futuro do Trabalho - FoW Future of Work
Futuro do Trabalho - FoW Future of Work Daniel de Carvalho Luz
 
O Cristão e as Questões éticas da Atualidade
O Cristão e as Questões éticas da Atualidade O Cristão e as Questões éticas da Atualidade
O Cristão e as Questões éticas da Atualidade Daniel de Carvalho Luz
 
A Ética Através dos Séculos
A Ética Através dos SéculosA Ética Através dos Séculos
A Ética Através dos SéculosMauro de Oliveira
 

Destaque (20)

Gerência e liderança
Gerência e liderançaGerência e liderança
Gerência e liderança
 
LIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEIS
LIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEISLIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEIS
LIÇÃO 02 - A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEIS
 
Apostila de-dinamicas
Apostila de-dinamicasApostila de-dinamicas
Apostila de-dinamicas
 
Cartão de natal
Cartão de natalCartão de natal
Cartão de natal
 
A grandeza de jesus
A grandeza de jesusA grandeza de jesus
A grandeza de jesus
 
Dia internacional da mulher
Dia internacional da mulherDia internacional da mulher
Dia internacional da mulher
 
Alegria, Culpa, Raiva e Amor
Alegria, Culpa, Raiva e AmorAlegria, Culpa, Raiva e Amor
Alegria, Culpa, Raiva e Amor
 
O tabernaculo
O tabernaculoO tabernaculo
O tabernaculo
 
Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
 
Treinamento para lideres de célula pr aber huber
Treinamento para lideres de célula   pr aber huberTreinamento para lideres de célula   pr aber huber
Treinamento para lideres de célula pr aber huber
 
A Sobrevivencia Em Tempos de Crise
A Sobrevivencia Em Tempos de CriseA Sobrevivencia Em Tempos de Crise
A Sobrevivencia Em Tempos de Crise
 
LIÇÃO 09 - A NOVA VIDA EM CRISTO
LIÇÃO 09 - A NOVA VIDA EM CRISTOLIÇÃO 09 - A NOVA VIDA EM CRISTO
LIÇÃO 09 - A NOVA VIDA EM CRISTO
 
Banquete De Belsazar
Banquete De BelsazarBanquete De Belsazar
Banquete De Belsazar
 
Anjos e Demônios
Anjos e DemôniosAnjos e Demônios
Anjos e Demônios
 
O Cristão e o Movimento Ambientalista
O Cristão e o Movimento AmbientalistaO Cristão e o Movimento Ambientalista
O Cristão e o Movimento Ambientalista
 
Futuro do Trabalho - FoW Future of Work
Futuro do Trabalho - FoW Future of Work  Futuro do Trabalho - FoW Future of Work
Futuro do Trabalho - FoW Future of Work
 
O Cristão e as Questões éticas da Atualidade
O Cristão e as Questões éticas da Atualidade O Cristão e as Questões éticas da Atualidade
O Cristão e as Questões éticas da Atualidade
 
A Ética Através dos Séculos
A Ética Através dos SéculosA Ética Através dos Séculos
A Ética Através dos Séculos
 
LIÇÃO 02 – A FIRMEZA DO CARÁTER MORAL E ESPIRITUAL DE DANIEL
LIÇÃO 02 – A FIRMEZA DO CARÁTER MORAL E ESPIRITUAL DE DANIELLIÇÃO 02 – A FIRMEZA DO CARÁTER MORAL E ESPIRITUAL DE DANIEL
LIÇÃO 02 – A FIRMEZA DO CARÁTER MORAL E ESPIRITUAL DE DANIEL
 
Deus o nosso provedor
Deus   o nosso provedorDeus   o nosso provedor
Deus o nosso provedor
 

Semelhante a Aperfeiçoamento de liderança cristã

aperfeioamentodelideranacristo.pptx
aperfeioamentodelideranacristo.pptxaperfeioamentodelideranacristo.pptx
aperfeioamentodelideranacristo.pptxPaduaRodrigues2
 
Disciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igrejaDisciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igrejaDegnaldo Carvalho
 
Disciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igrejaDisciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igrejaDegnaldo Carvalho
 
APOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdf
APOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdfAPOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdf
APOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdfevanil2
 
"Sejais sábios para o bem"
"Sejais sábios para o bem""Sejais sábios para o bem"
"Sejais sábios para o bem"JUERP
 
G12 ofrutodoenganono corpodecristo
G12 ofrutodoenganono corpodecristoG12 ofrutodoenganono corpodecristo
G12 ofrutodoenganono corpodecristoMarcelo Santanna
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosmgno42
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosWelkencharlois
 
9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf
9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf
9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdfLucianoGuimaresMacdo
 
ESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptx
ESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptxESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptx
ESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptxTarcisioAugusto1
 
Tem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semana
Tem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semanaTem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semana
Tem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semanaAnderson Serra Rocha
 
Plano estratégico para a redenção da nação
Plano estratégico para a redenção da naçãoPlano estratégico para a redenção da nação
Plano estratégico para a redenção da naçãoJoao Rumpel
 
33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf
33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf
33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdfComunidadeEstoril
 

Semelhante a Aperfeiçoamento de liderança cristã (20)

aperfeioamentodelideranacristo.pptx
aperfeioamentodelideranacristo.pptxaperfeioamentodelideranacristo.pptx
aperfeioamentodelideranacristo.pptx
 
Disciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igrejaDisciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igreja
 
Disciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igrejaDisciplina o crescimento da igreja
Disciplina o crescimento da igreja
 
APOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdf
APOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdfAPOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdf
APOSTILA DE GESTÃO ECLESIÁSTICA 2012.pdf
 
"Sejais sábios para o bem"
"Sejais sábios para o bem""Sejais sábios para o bem"
"Sejais sábios para o bem"
 
A Vinda.ppt
A Vinda.pptA Vinda.ppt
A Vinda.ppt
 
G12 ofrutodoenganono corpodecristo
G12 ofrutodoenganono corpodecristoG12 ofrutodoenganono corpodecristo
G12 ofrutodoenganono corpodecristo
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreiros
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreiros
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreiros
 
Pim
PimPim
Pim
 
9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf
9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf
9-Marcas-7-Disciplina-Biblica.pptx2_.pdf
 
ESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptx
ESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptxESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptx
ESPIRITUALIDADE - CATEQUISTAS.pptx
 
Tem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semana
Tem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semanaTem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semana
Tem um entendimento bíblico da evangelização - 1º meio de semana
 
Plano estratégico para a redenção da nação
Plano estratégico para a redenção da naçãoPlano estratégico para a redenção da nação
Plano estratégico para a redenção da nação
 
Liderança cristã 01 gil juvep
Liderança cristã 01 gil juvepLiderança cristã 01 gil juvep
Liderança cristã 01 gil juvep
 
Modulo 3 aula 2
Modulo 3   aula 2Modulo 3   aula 2
Modulo 3 aula 2
 
Mudança de mente
Mudança de menteMudança de mente
Mudança de mente
 
33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf
33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf
33291180-Encontro-com-Deus-Os-perigos-de-um-movimento-cheio-de-misterios.pdf
 
Identificando e-treinando-novos-líderes
Identificando e-treinando-novos-líderesIdentificando e-treinando-novos-líderes
Identificando e-treinando-novos-líderes
 

Mais de Pastor Juscelino Freitas

Ser criança é bom de mais. ser adulto é muito melhor
Ser criança é bom de mais. ser adulto é muito melhorSer criança é bom de mais. ser adulto é muito melhor
Ser criança é bom de mais. ser adulto é muito melhorPastor Juscelino Freitas
 
As características do Obreiro Coluna na igreja
As características do Obreiro Coluna na igrejaAs características do Obreiro Coluna na igreja
As características do Obreiro Coluna na igrejaPastor Juscelino Freitas
 
Culto de ação de graça... juscelino e edilene
Culto de ação de graça... juscelino e edileneCulto de ação de graça... juscelino e edilene
Culto de ação de graça... juscelino e edilenePastor Juscelino Freitas
 

Mais de Pastor Juscelino Freitas (20)

O verdadeiro arrependimento
O verdadeiro arrependimentoO verdadeiro arrependimento
O verdadeiro arrependimento
 
Ser criança é bom de mais. ser adulto é muito melhor
Ser criança é bom de mais. ser adulto é muito melhorSer criança é bom de mais. ser adulto é muito melhor
Ser criança é bom de mais. ser adulto é muito melhor
 
Curso Lealdade e Deslealdade
Curso Lealdade e DeslealdadeCurso Lealdade e Deslealdade
Curso Lealdade e Deslealdade
 
Que é uma liderança
Que é uma liderançaQue é uma liderança
Que é uma liderança
 
As características do Obreiro Coluna na igreja
As características do Obreiro Coluna na igrejaAs características do Obreiro Coluna na igreja
As características do Obreiro Coluna na igreja
 
Conselhos simples para ser um Bom Obreiro
Conselhos simples para ser um Bom ObreiroConselhos simples para ser um Bom Obreiro
Conselhos simples para ser um Bom Obreiro
 
Psicologia pastoral
Psicologia pastoralPsicologia pastoral
Psicologia pastoral
 
Interpretação bíblica método oica
Interpretação bíblica   método oicaInterpretação bíblica   método oica
Interpretação bíblica método oica
 
As crises dentro da familia
As crises dentro da familiaAs crises dentro da familia
As crises dentro da familia
 
I seminário para jovens 2017
I seminário para jovens 2017I seminário para jovens 2017
I seminário para jovens 2017
 
Panorama do novo e antigo testamento
Panorama do novo e antigo testamentoPanorama do novo e antigo testamento
Panorama do novo e antigo testamento
 
Figuras de linguagem biblica
Figuras de linguagem biblicaFiguras de linguagem biblica
Figuras de linguagem biblica
 
Material composição da bíblia
Material composição da bíbliaMaterial composição da bíblia
Material composição da bíblia
 
Hermeneutica bíblica cópia
Hermeneutica bíblica   cópiaHermeneutica bíblica   cópia
Hermeneutica bíblica cópia
 
Como interpretar a bíblia
Como interpretar a bíbliaComo interpretar a bíblia
Como interpretar a bíblia
 
Culto de ação de graça... juscelino e edilene
Culto de ação de graça... juscelino e edileneCulto de ação de graça... juscelino e edilene
Culto de ação de graça... juscelino e edilene
 
Secretaria de missões
Secretaria de missõesSecretaria de missões
Secretaria de missões
 
O que é e o que não ebd
O que é e o que não ebdO que é e o que não ebd
O que é e o que não ebd
 
A importancia da ebd
A importancia da ebdA importancia da ebd
A importancia da ebd
 
Compromisso, fidelidade e honra ao senhor
Compromisso, fidelidade e honra ao senhorCompromisso, fidelidade e honra ao senhor
Compromisso, fidelidade e honra ao senhor
 

Último

HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 

Último (20)

HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Em tempo de Quaresma .
Em tempo de Quaresma                            .Em tempo de Quaresma                            .
Em tempo de Quaresma .
 
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 

Aperfeiçoamento de liderança cristã

  • 1. Aperfeiçoamento de Liderança Cristã Pr. Juscelino Freitas Email: juscelinofreitas799@gmail.com Visão Bíblica para o crescimento de igrejas saudáveis.
  • 2. Uma visão bíblica da Liderança O que é Liderar ?
  • 3. Uma visão bíblica da Liderança O que é Liderar? Atrair Fazer aderir a uma opinião, partido etc.: atrair os povos ao cristianismo.
  • 4. Uma visão bíblica da Liderança O que é Liderar? Influenciar Ocasionar ou ser alvo de modificações (físicas ou intelectuais): o caráter influencia comportamentos; os pais agem juntos e se influenciam na educação de seus filhos; a Lua influencia as marés.
  • 5. Uma visão bíblica da Liderança O que é Liderar? Motivar Servir de motivo a; causar. Despertar interesse, estimular.
  • 6. Uma visão bíblica da Liderança O que é Liderar? Conduzir Dirigir; dar as direções para: conduzia um caminhão; conduziu a embarcação ao cais.
  • 7. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar?
  • 8. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar? A liderança surge destes elementos: 1. Pessoa 2. Equipe 3. Circunstâncias 4. Objetivos 5. Motivações
  • 9. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar? Qualificações bíblicas para o líder: 1. Humilde “E lhes disse: Quem receber esta criança em meu nome a mim me recebe; e quem receber a mim recebe aquele que me enviou; porque aquele que entre vós for o menor de todos, esse é que é grande.” (Lc 9:48)
  • 10. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar? Qualificações bíblicas para o líder: 2. Maduro “Não seja neófito, para não suceder que se ensoberbeça e incorra na condenação do diabo.” (1Ti 3:6)
  • 11. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar? Qualificações bíblicas para o líder: 3. Modelo “Irmãos, sede imitadores meus e observai os que andam segundo o modelo que tendes em nós.” (Fp 3:17)
  • 12. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar? Qualificações bíblicas para o líder: 4. Comprometido “Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo acima delas, se mostraram voluntários, pedindo-nos, com muitos rogos, a graça de participarem da assistência aos santos. E não somente fizeram como nós esperávamos, mas também deram-se a si mesmos primeiro ao Senhor, depois a nós, pela vontade de Deus.” (2Co 8:3-5)
  • 13. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar? Qualificações bíblicas para o líder: 5. Fiel “A ti, fiel companheiro de jugo, também peço que as auxilies, pois juntas se esforçaram comigo no evangelho, também com Clemente e com os demais cooperadores meus, cujos nomes se encontram no Livro da Vida.” (Fp 4:3)
  • 14. Uma visão bíblica da Liderança Quem pode liderar. Qualificações bíblicas para o líder: 6. Espiritual “Irmãos, se alguém for surpreendido nalguma falta, vós, que sois espirituais, corrigi-o com espírito de brandura; e guarda-te para que não sejas também tentado.” (Gl 6:1)
  • 15. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais
  • 16. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Eficácia Eficiência Atingir os alvos Utilizar os recursos disponíveis da melhor maneira possível.
  • 17. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Exemplos de eficácia e eficiência 1. Moisés e Jetro (Ex 18): 21 Além disto procurarás dentre todo o povo homens de capacidade, tementes a Deus, homens verazes, que aborreçam a avareza, e os porás sobre eles por chefes de mil, chefes de cem, chefes de cinqüenta e chefes de dez; 2. Parábola dos talentos (Mt 25:14-29): 14 Porque é assim como um homem que, ausentando-se do país, chamou os seus servos e lhes entregou os seus bens: 3. Salvação (2 Co 5:14): 14 Pois o amor de Cristo nos constrange, porque julgamos assim: se um morreu por todos, logo todos morreram;
  • 18. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Competência Engloba: 1. Saber conceitualmente – conhecimento 2. Saber fazer – habilidade 3. Saber agir – atitude
  • 19. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Exemplos de competência “Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos.”
  • 20. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Exemplos de competência 1. Os artesãos do Templo (Ex 28, 31, 35 e 36). 2. Daniel (Dn 1:3 e 4). 3. Neemias (Ne 2).
  • 21. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Planejamento Envolve: 1. Dinamismo. 2. Intencionalidade. 3. Coordenação. 4. Objetividade. 5. Antecipação. 6. Prudência.
  • 22. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Exemplos de planejamento 1. “Os planos do diligente tendem à abundância, mas a pressa excessiva, à pobreza.” (Pv 21:5) 2. Neemias (Ne 2:1-18): 12 Então de noite me levantei, eu e uns poucos homens comigo; e não declarei a ninguém o que o meu Deus pusera no coração para fazer por Jerusalém. Não havia comigo animal algum, senão aquele que eu montava. 3. “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir?” (Lc 14:28)
  • 23. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Proatividade: 1. Diferente do reativo (reage aos problemas). 2. Trata os problemas antes deles acontecerem. 3. Levam em consideração o que pode dar errado ou situações de risco. 4. No seu planejamento, leva em consideração os problemas que poderão surgir.
  • 24. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Exemplos de proatividade 1. Gideão (Jz 6:11): Então o anjo do Senhor veio, e sentou-se debaixo do carvalho que estava em Ofra e que pertencia a Joás, abiezrita, cujo filho Gideão estava malhando o trigo no lagar para o esconder dos midianitas. 2. Vigiar e orar (Mt 26:41): Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca. 3. José do Egito (Gn 41:33-36): 33 Portanto, proveja-se agora Faraó de um homem entendido e sábio, e o ponha sobre a terra do Egito. 34 Faça isto Faraó: nomeie administradores sobre a terra, que tomem a quinta parte dos produtos da terra do Egito nos sete anos de fartura; 35 e ajuntem eles todo o mantimento destes bons anos que vêm, e amontoem trigo debaixo da mão de Faraó, para mantimento nas cidades e o guardem; 36 assim será o mantimento para provimento da terra, para os sete anos de fome, que haverá na terra do Egito; para que a terra não pereça de fome.
  • 25. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Sensibilidade 1. Necessidade de mudança. 2. Dissipar tensões. 3. Estimular liderados. 4. Fazer escolhas: - importante, mais importante e urgente 5. Sensível aos recursos mais importantes: - PESSOAS!
  • 26. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Exemplos de sensibilidade 1. Acudir ao necessitado (Ef 4:28). Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tem necessidade. 2. O repouso dos discípulos (Mc 6:31). Ao que ele lhes disse: Vinde vós, à parte, para um lugar deserto, e descansai um pouco. Porque eram muitos os que vinham e iam, e não tinham tempo nem para comer. 3. Paulo na Macedônia (At 16:6-10). 6 Atravessaram a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a palavra na Ásia; 7 e tendo chegado diante da Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não lho permitiu. 8 Então, passando pela Mísia, desceram a Trôade. 9 De noite apareceu a Paulo esta visão: estava ali em pé um homem da Macedônia, que lhe rogava: Passa à Macedônia e ajuda-nos. 10 E quando ele teve esta visão, procurávamos logo partir para a Macedônia, concluindo que Deus nos havia chamado para lhes anunciarmos o evangelho.
  • 27. Uma visão bíblica da Liderança Conceitos essenciais Comunicação 1. Umas das áreas mais cruciais da liderança. 2. Um bom comunicador sabe ouvir. 3. Consegue transmitir com clareza. 4. A comunicação permite que o líder: a. Coordene b. Integre c. Influencie d. Avalie
  • 28. Uma visão bíblica da Liderança O que um bom líder cristão valoriza Exemplos de comunicação 1. Explicando o Livro da Lei (Ne 8:8):Assim leram no livro, na lei de Deus, distintamente; e deram o sentido, de modo que se entendesse a leitura. 2. A morte de Lázaro (Jo 11:11-14): 11 E, tendo assim falado, acrescentou: Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono. 12 Disseram-lhe, pois, os discípulos: Senhor, se dorme, ficará bom. 13 Mas Jesus falara da sua morte; eles, porém, entenderam que falava do repouso do sono.14 Então Jesus lhes disse claramente: Lázaro morreu; 3. As parábolas de Jesus (Mc 4:33-34): 33 E com muitas parábolas tais lhes dirigia a palavra, conforme podiam compreender. 34 E sem parábola não lhes falava; mas em particular explicava tudo a seus discípulos. 4. O uso da língua (Tg 3). 10 Da mesma boca procede bênção e maldição. Não convém, meus irmãos, que se faça assim.
  • 29. Uma visão bíblica da Liderança O que o bom líder cristão valoriza?
  • 30. Uma visão bíblica da Liderança O que o bom líder cristão valoriza Valoriza sua espiritualidade 1. Desfruta da comunhão com Deus. 2. É sensível às necessidades espirituais. 3. Valoriza a oração pessoal e coletiva. 4. Faz do estudo da Bíblia um projeto pessoal. 5. Experimenta uma espiritualidade transformadora (Rm 13:14): Mas revesti-vos do Senhor Jesus Cristo; e não tenhais cuidado da carne em suas concupiscências.
  • 31. Uma visão bíblica da Liderança O que o bom líder cristão valoriza? Valoriza seu caráter 1. Preza pelo caráter honesto. 2. Dá bom testemunho. 3. Luta pela sua integridade. 4. Quer ser luz (Fp 2:15): para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis como luminares no mundo,
  • 32. Uma visão bíblica da Liderança O que o bom líder cristão valoriza? Valoriza sua família 1. A família é nossa primeira igreja. 2. Nela, somos o que somos de verdade. 3. Luta pela sua integridade. 4. Quer ser luz (Fp 2:15): para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis como luminares no mundo,
  • 33. Uma visão bíblica da Liderança Conselhos para líderes cristãos
  • 34. Uma visão bíblica da Liderança Conselhos para líderes cristãos 1. Aprenda a ouvir. 2. Reconheça seus erros. 3. Reconheça o valor dos outros. 4. Invista bem seu tempo. 5. Motive-se e motive os demais. 6. Confie em Deus.
  • 35. Uma visão bíblica da Liderança Planejamento
  • 36. Uma visão bíblica da Liderança O que é “planejamento”? Algumas considerações 1. Todos planejam? 2. Planejar não é pecado. 3. Planejar é indispensável. “Falta de tempo é desculpa daqueles que perdem tempo por falta de planejamento.” Albert Einstein
  • 37. Uma visão bíblica da Liderança O que é “planejamento”? Planejar é: 1. Utilizar melhor os recursos disponíveis. 2. Analisar os riscos (proatividade). 3. Reduzir incertezas. 4. Orientar na tomada de decisões. 5. Traçar um caminho até o objetivo.
  • 38. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 1. Estabeleça um ALVO 1. É a metra principal. 2. Parte de desejo, necessidade ou problema. 3. Onde queremos chegar? 4. O alvo deve ser: a. Claro b. Possível c. Mensurável d. Justificável
  • 39. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 1. Estabeleça um ALVO Onde estamos Onde queremos chegar PLANEJAMENTO
  • 40. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 2. Faça a ANÁLISE 1. Pode ser feita uma análise antes de estabelecer o ALVO. 2. Defina “onde ou como estamos” 3. Faça a análise INTERNA e EXTERNA. - Análise situacional 4. Ouça as pessoas envolvidas.
  • 41. Uma visão bíblica da Liderança Análise SWOT: Exame detalhado de cada seção que compõe um todo, buscando compreender tudo aquilo que o caracteriza: análise da metodologia...
  • 42. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 3. Crie as AÇÕES Pergunte: POR QUÊ? • É realmente necessária? • Ajuda ou atrapalha? • É perda de tempo? • Pode ser aprimorada antes de executada?
  • 43. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 3. Crie as AÇÕES Pergunte: QUEM? • Quem e quantas pessoas serão necessárias? • Estão motivadas? • Precisam de treinamento? • Necessitam de suporte?
  • 44. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 3. Crie as AÇÕES Pergunte: COMO? • O que realmente precisa acontecer? • Há como executar a ação? • Como evitar erros? • Descreva as ações detalhadamente. • Entre em detalhes necessários.
  • 45. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 3. Crie as AÇÕES Pergunte: ONDE? • Qual o local ideal para a realização? • Há necessidade de preparativo específico? • É preciso transporte, som, mobiliário, etc? • Avalie a necessidade e risco do local.
  • 46. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 3. Crie as AÇÕES Pergunte: QUANDO? • Quando iniciará a ação? • Qual o tempo previsto de duração? • Quando terminará a ação? • Quais outras ações estão conectadas? • Crie um CRONOGRAMA.
  • 47. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 3. Crie as AÇÕES Pergunte: QUANTO? • Quanto custará? • Existem recursos disponíveis? • Os custos podem ser otimizados? • Quanto custará em termo de energia pessoal?
  • 48. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 4. IMPLEMENTE o que foi decidido • Hora de colocar as ações em prática. • É preciso: 1. Organização 2. Comunicação 3. Proatividade 4. Sensibilidade
  • 49. Uma visão bíblica da Liderança Passos do planejamento 5. AVALIE continuadamente • A avaliação deve ser continuada. • Avaliação deve ser coletiva. • Especialmente ao final de cada ação: 1. Foi eficaz? 2. Foi eficiente? 3. Quais problemas surgiram? 4. O que pode melhorar?
  • 50. Uma visão bíblica da Liderança Reúna-se em grupo e realize um planejamento! Queremos agradecer todos vocês líderes que cooperam nesta Obra. Não temos como recompensar todos os esforços de cada um vocês. Obrigado. Que o Senhor Jesus abençoe todos poderosamente. Feliz Natal e um Ano Novo de muitas Conquistas! São os nossos Sinceros votos; Pr. Juscelino Freitas Miss. Edilene Freitas