SlideShare uma empresa Scribd logo
XSLT
Conceitos iniciais
Fabrício Silva Assumpção
fabricioassumpcao.com | assumpcao.f@gmail.com
Marília, 13 de outubro de 2015
Conteúdo
 Introdução
 XPath
 Elementos essenciais (mais comuns)
 Funções nativas
 Funções não-nativas
 Exercícios
Regras da XML<?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?>
<agenda>
<contato>
<nome>Fabrício Silva Assumpção</nome>
<email>assumpcao.f@gmail.com</email>
<endereco tipo="residencial">
<rua>Brasil</rua>
<numero>150</numero>
<bloco/>
<cep>17526-000</cep>
<cidade>Marília</cidade>
</endereco>
</contato>
<!-- Fim do documento -->
</agenda>
 Declaração XML
 Elementos: tags de início e
fim; elemento vazio;
sobreposição proibida;
nomeação das tags; case
sensitive
 Atributos: valor entre aspas
ou apóstrofos; não repetíveis;
nomeação dos atributos
 <!-- Comentários -->
 Caracteres especiais
Transformação com XSLT
Documento de
origem
Folha de estilo
Documento de
destino
Estratégia inicial do Repositório
XML da Web of
Science
Folha de estilo
Web of Science - CSV
CSV do DSpace
Estratégia atual do Repositório
XML da Web
of Science
Folha de estilo
Web of Science – DSpace
XML
XML do
DSpace
Folha de estilo
DSpace XML – DSpace CSV
CSV do
DSpace
XML da
SciELO
Folha de estilo
SciELO – DSpace XML
XML da
Scopus
Folha de estilo
Scopus – DSpace XML
XML da PUBMED
Origem
XML do DSpace
Destino
/PubmedArticle/MedlineCitation/Article/Journal/JournalIssue/PubDate/Year
/PubmedArticle/MedlineCitation/Article/Journal/ISSN
ISSN
XPath/PubmedArticle
XPath
AuthorList/Author[1]
Author[1]/AffiliationInfo[2]/Affiliation
AuthorList/Author[2]AuthorList/Author[last()-1]
AuthorList/Author[last()]
XPath
XPath
ArticleIdList/ArticleId[@IdType="pubmed"]
ArticleIdList/ArticleId[@IdType="doi"]
DADOS-BASICOS-DO-ARTIGO/@ANO-DO-ARTIGO
XPath
Valor do atributo
Elemento que contem o
atributo com determinado valor
marc:datafield[@tag=100]/marc:subfield[@code='c']
XPath
Operadores
 and
 or
 =
 !=  Diferente
 &lt;  <
 &gt;  >
 not()
 http://www.w3schools.com/xsl/xpath_intro.asp
Elementos da XSLT
 xsl:stylesheet
 xsl:output
 xsl:template
 xsl:text
 xsl:value-of
 xsl:if
 xsl:choose
 xsl:for-each
 xsl:variable
 xsl:element
 xsl:attribute
w3schools.com/xsl
xsl:stylesheet
xsl:stylesheet
xsl:output
xsl:template
xsl:element e xsl:attribute
xsl:for-each
xsl:for-each
Exercício 1
 1.1 Criar uma folha de estilo.
 1.2 Criar um template para processar cada <artigo>.
xsl:text
xsl:value-of
xsl:for-each
Exercício 2
 2.1 Criar elementos <dcvalue element=" " qualifier=" "> a
partir do arquivo XML de exemplo.
xsl:text
xsl:value-of select=" "
xsl:for-each select=" "
xsl:if
Resultado: True ou False
Exercício 3
 3.1 Criar o dc.identifier a partir do DOI.
 3.2 Criar o dc.format.extent.
xsl:choose
Exercício 4
 4.1 Criar o dc.language.iso.
 4.2 Criar o dc.type.
 4.3 Criar o dc.title com o atributo language.
xsl:variable
Funções
Funções mais frequentes:
 concat
 contains
 replace
 substring
 string-length
 substring-before
 substring-after
 ends-with
 starts-with
 upper-case
 lower-case
xsltfunctions.com
Funções
Funções
Funções
Exercício 5
 5.1 Criar o dc.identifier.issn com hifens nos ISSNs.
 5.2 Incluir “[UNESP]” após o nome do autor se constar
“UNESP” na instituição.
 5.3 Criar o dc.description.abstract sem “Resumo” e
“Abstract” no início.
Funções não-nativas
Funções mais frequentes:
 functx:contains-any-of
 functx:replace-first
 functx:replace-multi
 functx:capitalize-first
xsltfunctions.com
Funções não-nativas
Incluir o código da função na folha de estilo
Exercício 6
 6.1 Criar o dc.subject apenas com a inicial maiúscula.
 6.2 Incluir “[UNESP]” após o nome do autor se constar
“UNESP”, “Universidade Estadual Paulista” ou “São Paulo
State Univ” na instituição.
xsl:template “CamelCase”
Exercício 7
 7.1 Criar o dc.relation.ispartof.
 7.2 Criar o dc.identifier.citation.
Referências
ALMEIDA, M. B. Uma introdução ao XML, sua utilização na Internet e alguns conceitos complementares. Ciência da
Informação, Brasília, v. 31, n. 2, p. 5-13, maio/ago. 2002.
ALVES, R. C. V. Metadados como elementos do processo de catalogação. 2010. 132 f. Tese (Doutorado em Ciência da
Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2010.
ASSUMPÇÃO, F. S. Conversão de registros em XML para MARC 21: um modelo baseado em folhas de estilo XSLT. 135 f.
Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, UNESP, Marília, 2013.
ASSUMPÇÃO, F. S.; SANTOS, P. L. V. A. C. Metadata Authority Description Schema (MADS): uma alternativa à utilização do
formato MARC 21 para dados de autoridade. Informação & Informação, v. 18, n. 1, p. 106-126, 2013.
BRADLEY, N. The XML Companion. 3rd ed. Boston: Addison-Wesley Professional, 2001.
EITO BRUN, R. Lenguajes de marcas para la gestión de recursos digitales: aproximación técnica, especificaciones y referencia.
Gijón: Trea, 2008.
FLAMINO, A. N. MARCXML: um padrão de descrição para recursos informacionais em Open Archives. 2006. 164 f. Dissertação
(Mestrado em Ciência da Informação) - Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista - UNESP, Marília.
2006.
KEITH, C. Using XSLT to manipulate MARC metadata. Library Hi Tech, v. 22, n. 2, p. 122-130, 2004.
LIBRARY OF CONGRESS. MARC 21 Format for Bibliographic Data. Washington, D.C., 2012. 1999 Edition. Update No. 1 (October
2001) through Update No. 15 (September 2012).
LIBRARY OF CONGRESS. MARC 21 XML Schema: official web site. Washington, D.C., 2011.
Referências
LIBRARY OF CONGRESS. MARC XML Design Considerations. Washington, D.C., 2004.
LIBRARY OF CONGRESS. Metadata Object Description Schema. Washington, 2013.
LIBRARY OF CONGRESS. Schema MARC21slim.xsd. Washington, D.C., 2009.
MILLER, D. R.; CLARKE, K. S. Putting XML to work in the library: tools for improving access and management. Chicago:
American Library Association, 2004.
PICCO, P.; ORTIZ REPISO, V. RDA, el nuevo código de catalogación: cambios y desafíos para su aplicación. Revista Española de
Documentación Científica, v. 35, n. 1, p. 145-173, enero-marzo 2012.
RAY, E. T. Aprendendo XML. Rio de Janeiro: Campus, 2001.
SIQUEIRA, M. A. XML na Ciência da Informação: uma análise do MARC 21. 2003. 133 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da
Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2003.
TIDWELL, D. XSLT. 2nd ed. Beijing: O'Reilly, 2008.
W3C. XML Schema. Revision 1.153, date: 2012/06/22. Cambridge, 2012a.
W3C. XML. Last modified: 2012/01/24. Cambridge, 2012b.
W3C. XSL Transformations (XSLT) Version 2.0: W3C Recommendation 23 January 2007. Cambridge, 2007.
WALMSLEY, P. FunctX XSLT Functions. Traverse City: Datypic, 2007.
Obrigado!
Fabrício Silva Assumpção
fabricioassumpcao.com | assumpcao.f@gmail.com
Marília, 13 de outubro de 2015

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendênciasCatalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Fabrício Silva Assumpção
 
IFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogação
IFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogaçãoIFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogação
IFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogação
Marcelo Votto
 
Falando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação
Falando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogaçãoFalando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação
Falando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação
Fabrício Silva Assumpção
 
O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...
O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...
O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...
Marcelo Votto
 
MARCXML
MARCXMLMARCXML
FRBR_DESAFIANDO LIMITES
FRBR_DESAFIANDO LIMITESFRBR_DESAFIANDO LIMITES
FRBR_DESAFIANDO LIMITES
Rita Almeida
 
Mudanças e desafios na utilização do RDA
Mudanças e desafios na utilização do RDAMudanças e desafios na utilização do RDA
Mudanças e desafios na utilização do RDA
Fabrício Silva Assumpção
 
Catalogação: práticas e desafios atuais
Catalogação: práticas e desafios atuaisCatalogação: práticas e desafios atuais
Catalogação: práticas e desafios atuais
Fabrício Silva Assumpção
 
RDA
RDARDA
Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)
Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)
Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)
Fabrício Silva Assumpção
 
Criação de uma base de dados para gestão de uma biblioteca
Criação de uma base de dados para gestão de uma bibliotecaCriação de uma base de dados para gestão de uma biblioteca
Criação de uma base de dados para gestão de uma biblioteca
David Canjamba 2D
 
RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...
RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...
RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...
Fabrício Silva Assumpção
 
Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)
Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)
Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)
Fabrício Silva Assumpção
 
Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...
Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...
Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...
Fabrício Silva Assumpção
 
Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...
Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...
Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...
Fabrício Silva Assumpção
 
RDA como novo código de catalogação
RDA como novo código de catalogaçãoRDA como novo código de catalogação
RDA como novo código de catalogação
Marcelo Votto
 
Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados
Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados
Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados
Priscila Campos
 
Controle de autoridade e RDA (UFG)
Controle de autoridade e RDA (UFG)Controle de autoridade e RDA (UFG)
Controle de autoridade e RDA (UFG)
Fabrício Silva Assumpção
 
Rda
RdaRda
Pensando a catalogação a partir do RDA
Pensando a catalogação a partir do RDAPensando a catalogação a partir do RDA
Pensando a catalogação a partir do RDA
Fabrício Silva Assumpção
 

Mais procurados (20)

Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendênciasCatalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
 
IFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogação
IFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogaçãoIFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogação
IFLA-LRM e RDA : panorama do modelo conceitual na norma de catalogação
 
Falando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação
Falando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogaçãoFalando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação
Falando sobre RDA: O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação
 
O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...
O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...
O RDA no controle de autoridades do Sistema de Bibliotecas da Universidade de...
 
MARCXML
MARCXMLMARCXML
MARCXML
 
FRBR_DESAFIANDO LIMITES
FRBR_DESAFIANDO LIMITESFRBR_DESAFIANDO LIMITES
FRBR_DESAFIANDO LIMITES
 
Mudanças e desafios na utilização do RDA
Mudanças e desafios na utilização do RDAMudanças e desafios na utilização do RDA
Mudanças e desafios na utilização do RDA
 
Catalogação: práticas e desafios atuais
Catalogação: práticas e desafios atuaisCatalogação: práticas e desafios atuais
Catalogação: práticas e desafios atuais
 
RDA
RDARDA
RDA
 
Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)
Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)
Mudanças e desafios na utilização do RDA (Rede de BIbliotecas da UNESP)
 
Criação de uma base de dados para gestão de uma biblioteca
Criação de uma base de dados para gestão de uma bibliotecaCriação de uma base de dados para gestão de uma biblioteca
Criação de uma base de dados para gestão de uma biblioteca
 
RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...
RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...
RDA: introdução e panorama atual (XII Encontro Nacional dos Usuários da Rede ...
 
Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)
Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)
Minicurso Introdução ao FRBR e ao RDA (SNBU 2014, Belo Horizonte)
 
Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...
Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...
Tecnologias para a conversão de registros bibliográficos PHL para o Formato M...
 
Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...
Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...
Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos Formatos MARC...
 
RDA como novo código de catalogação
RDA como novo código de catalogaçãoRDA como novo código de catalogação
RDA como novo código de catalogação
 
Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados
Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados
Representação Descritiva - RD - Catálogos e Bases de dados
 
Controle de autoridade e RDA (UFG)
Controle de autoridade e RDA (UFG)Controle de autoridade e RDA (UFG)
Controle de autoridade e RDA (UFG)
 
Rda
RdaRda
Rda
 
Pensando a catalogação a partir do RDA
Pensando a catalogação a partir do RDAPensando a catalogação a partir do RDA
Pensando a catalogação a partir do RDA
 

Destaque

XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)
XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)
XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)
Fabrício Silva Assumpção
 
RDA: Dando um passo à frente
RDA:Dando um passo à frenteRDA:Dando um passo à frente
RDA: Dando um passo à frente
Fabrício Silva Assumpção
 
AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)
AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)
AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)
Fabrício Silva Assumpção
 
RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)
RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)
RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)
Fabrício Silva Assumpção
 
Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...
Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...
Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...
Fabrício Silva Assumpção
 
Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...
Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...
Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...
Fabrício Silva Assumpção
 
RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)
RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)
RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)
Fabrício Silva Assumpção
 
Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...
Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...
Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...
Fabrício Silva Assumpção
 
Resource Description and Access (RDA)
Resource Description and Access (RDA)Resource Description and Access (RDA)
Resource Description and Access (RDA)
Fabrício Silva Assumpção
 
Formatos MARC 21
Formatos MARC 21Formatos MARC 21
Formatos MARC 21
Fabrício Silva Assumpção
 
Introdução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDAIntrodução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDA
Fabrício Silva Assumpção
 
Introdução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDAIntrodução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDA
Fabrício Silva Assumpção
 
Um estudo sobre os componentes do trabalho de autoridade
Um estudo sobre os componentes do trabalho de autoridadeUm estudo sobre os componentes do trabalho de autoridade
Um estudo sobre os componentes do trabalho de autoridade
Fabrício Silva Assumpção
 
Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6
Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6
Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6
Fabrício Silva Assumpção
 
Normas da abnt referência
Normas da abnt   referênciaNormas da abnt   referência
Normas da abnt referência
Viviane Dantas Martins
 
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slideSlide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Vera Moreira Matos
 

Destaque (16)

XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)
XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)
XML: uma introdução (UNESP, GPNTI, BEAM)
 
RDA: Dando um passo à frente
RDA:Dando um passo à frenteRDA:Dando um passo à frente
RDA: Dando um passo à frente
 
AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)
AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)
AACR2r Parte II: Pontos de acesso (2015)
 
RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)
RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)
RDA: um exercício prático (23 jun. 2016)
 
Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...
Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...
Linked Data no domínio bibliográfico: vocabulários para a publicação de dado...
 
Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...
Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...
Repositórios institucionais como ambientes de acesso aberto nas universidades...
 
RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)
RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)
RDA - Resource Description and Access (UFC, Fortaleza, 24 out 2014)
 
Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...
Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...
Reutilização de dados catalográficos: um olhar sobre o uso estratégico das te...
 
Resource Description and Access (RDA)
Resource Description and Access (RDA)Resource Description and Access (RDA)
Resource Description and Access (RDA)
 
Formatos MARC 21
Formatos MARC 21Formatos MARC 21
Formatos MARC 21
 
Introdução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDAIntrodução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 1: Modelos conceituais e desenvolvimento do RDA
 
Introdução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDAIntrodução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDA
Introdução ao RDA - Módulo 2: Estrutura do RDA
 
Um estudo sobre os componentes do trabalho de autoridade
Um estudo sobre os componentes do trabalho de autoridadeUm estudo sobre os componentes do trabalho de autoridade
Um estudo sobre os componentes do trabalho de autoridade
 
Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6
Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6
Introdução ao RDA - Módulos 3, 4, 5 e 6
 
Normas da abnt referência
Normas da abnt   referênciaNormas da abnt   referência
Normas da abnt referência
 
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slideSlide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
 

Semelhante a XSLT: Conceitos iniciais

Xml pucminas2013
Xml pucminas2013Xml pucminas2013
Xml pucminas2013
Leonardo Grandinetti Chaves
 
Banco de Dados XML
Banco de Dados XMLBanco de Dados XML
Banco de Dados XML
Tiago R. Sampaio
 
Oracle 11g - Fundamentos
Oracle 11g - FundamentosOracle 11g - Fundamentos
Oracle 11g - Fundamentos
Gustavo Sávio
 
Transição - Orientação a objeto para Funcional
Transição - Orientação a objeto para FuncionalTransição - Orientação a objeto para Funcional
Transição - Orientação a objeto para Funcional
Ismael Velten
 
PostgreSQL-Prático.pdf
PostgreSQL-Prático.pdfPostgreSQL-Prático.pdf
PostgreSQL-Prático.pdf
ArleiEvaristo
 
Bancos de Dados para Bibliotecários
Bancos de Dados para BibliotecáriosBancos de Dados para Bibliotecários
Bancos de Dados para Bibliotecários
Luciano Ramalho
 
Mashups: Criando Valor na Web 2.0
Mashups: Criando Valor na Web 2.0Mashups: Criando Valor na Web 2.0
Mashups: Criando Valor na Web 2.0
Carlos Duarte do Nascimento
 
Palestra DataFlow - II São Paulo Perl Workshop
Palestra DataFlow - II São Paulo Perl WorkshopPalestra DataFlow - II São Paulo Perl Workshop
Palestra DataFlow - II São Paulo Perl Workshop
Alexei Znamensky
 
Aula2
Aula2Aula2
Desenvolvimento Agil Com Doctrine Orm
Desenvolvimento Agil Com Doctrine OrmDesenvolvimento Agil Com Doctrine Orm
Desenvolvimento Agil Com Doctrine Orm
Guilherme Blanco
 
Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2
Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2
Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2
Vivian Motti
 
eXtensible Markup Language (XML)
eXtensible Markup Language (XML)eXtensible Markup Language (XML)
eXtensible Markup Language (XML)
Carlos Henrique Martins da Silva
 
Construindo layout de sites com CSS
Construindo layout de sites com CSSConstruindo layout de sites com CSS
Construindo layout de sites com CSS
Talita Pagani
 
java.io - fluxos (streams) e arquivos
java.io - fluxos (streams) e arquivosjava.io - fluxos (streams) e arquivos
java.io - fluxos (streams) e arquivos
Marcello Thiry
 
Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)
Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)
Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)
Dickson S. Guedes
 
Aula hibernate
Aula hibernateAula hibernate
Aula hibernate
Daniel Nóro
 
Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)
Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)
Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)
Carlos Duarte do Nascimento
 
Aula1
Aula1Aula1
Aula1
mentrixmax
 
Aula8.pptx
Aula8.pptxAula8.pptx
Aula8.pptx
acsme
 
Workshop MongoDB
Workshop MongoDBWorkshop MongoDB
Workshop MongoDB
Leonardo Loures Quirino
 

Semelhante a XSLT: Conceitos iniciais (20)

Xml pucminas2013
Xml pucminas2013Xml pucminas2013
Xml pucminas2013
 
Banco de Dados XML
Banco de Dados XMLBanco de Dados XML
Banco de Dados XML
 
Oracle 11g - Fundamentos
Oracle 11g - FundamentosOracle 11g - Fundamentos
Oracle 11g - Fundamentos
 
Transição - Orientação a objeto para Funcional
Transição - Orientação a objeto para FuncionalTransição - Orientação a objeto para Funcional
Transição - Orientação a objeto para Funcional
 
PostgreSQL-Prático.pdf
PostgreSQL-Prático.pdfPostgreSQL-Prático.pdf
PostgreSQL-Prático.pdf
 
Bancos de Dados para Bibliotecários
Bancos de Dados para BibliotecáriosBancos de Dados para Bibliotecários
Bancos de Dados para Bibliotecários
 
Mashups: Criando Valor na Web 2.0
Mashups: Criando Valor na Web 2.0Mashups: Criando Valor na Web 2.0
Mashups: Criando Valor na Web 2.0
 
Palestra DataFlow - II São Paulo Perl Workshop
Palestra DataFlow - II São Paulo Perl WorkshopPalestra DataFlow - II São Paulo Perl Workshop
Palestra DataFlow - II São Paulo Perl Workshop
 
Aula2
Aula2Aula2
Aula2
 
Desenvolvimento Agil Com Doctrine Orm
Desenvolvimento Agil Com Doctrine OrmDesenvolvimento Agil Com Doctrine Orm
Desenvolvimento Agil Com Doctrine Orm
 
Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2
Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2
Aplicando Transformação em XML usando XSLT e XSL-FO - 2
 
eXtensible Markup Language (XML)
eXtensible Markup Language (XML)eXtensible Markup Language (XML)
eXtensible Markup Language (XML)
 
Construindo layout de sites com CSS
Construindo layout de sites com CSSConstruindo layout de sites com CSS
Construindo layout de sites com CSS
 
java.io - fluxos (streams) e arquivos
java.io - fluxos (streams) e arquivosjava.io - fluxos (streams) e arquivos
java.io - fluxos (streams) e arquivos
 
Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)
Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)
Estripando o Elefante - (Trabalhando com extensões no PostgreSQL)
 
Aula hibernate
Aula hibernateAula hibernate
Aula hibernate
 
Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)
Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)
Mashups: Criando Valor na Web 2.0 (BandTec)
 
Aula1
Aula1Aula1
Aula1
 
Aula8.pptx
Aula8.pptxAula8.pptx
Aula8.pptx
 
Workshop MongoDB
Workshop MongoDBWorkshop MongoDB
Workshop MongoDB
 

Último

Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoudFerramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ismael Ash
 
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docxse38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
ronaldos10
 
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebuliçãoExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão
 
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptxSegurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Divina Vitorino
 
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
Faga1939
 
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWSSubindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Ismael Ash
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
barbosajucy47
 

Último (7)

Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoudFerramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
 
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docxse38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
 
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebuliçãoExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
 
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptxSegurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
 
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
 
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWSSubindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
 

XSLT: Conceitos iniciais

  • 1. XSLT Conceitos iniciais Fabrício Silva Assumpção fabricioassumpcao.com | assumpcao.f@gmail.com Marília, 13 de outubro de 2015
  • 2. Conteúdo  Introdução  XPath  Elementos essenciais (mais comuns)  Funções nativas  Funções não-nativas  Exercícios
  • 3. Regras da XML<?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?> <agenda> <contato> <nome>Fabrício Silva Assumpção</nome> <email>assumpcao.f@gmail.com</email> <endereco tipo="residencial"> <rua>Brasil</rua> <numero>150</numero> <bloco/> <cep>17526-000</cep> <cidade>Marília</cidade> </endereco> </contato> <!-- Fim do documento --> </agenda>  Declaração XML  Elementos: tags de início e fim; elemento vazio; sobreposição proibida; nomeação das tags; case sensitive  Atributos: valor entre aspas ou apóstrofos; não repetíveis; nomeação dos atributos  <!-- Comentários -->  Caracteres especiais
  • 4. Transformação com XSLT Documento de origem Folha de estilo Documento de destino
  • 5. Estratégia inicial do Repositório XML da Web of Science Folha de estilo Web of Science - CSV CSV do DSpace
  • 6. Estratégia atual do Repositório XML da Web of Science Folha de estilo Web of Science – DSpace XML XML do DSpace Folha de estilo DSpace XML – DSpace CSV CSV do DSpace XML da SciELO Folha de estilo SciELO – DSpace XML XML da Scopus Folha de estilo Scopus – DSpace XML
  • 13. Operadores  and  or  =  !=  Diferente  &lt;  <  &gt;  >  not()  http://www.w3schools.com/xsl/xpath_intro.asp
  • 14. Elementos da XSLT  xsl:stylesheet  xsl:output  xsl:template  xsl:text  xsl:value-of  xsl:if  xsl:choose  xsl:for-each  xsl:variable  xsl:element  xsl:attribute w3schools.com/xsl
  • 22. Exercício 1  1.1 Criar uma folha de estilo.  1.2 Criar um template para processar cada <artigo>.
  • 26. Exercício 2  2.1 Criar elementos <dcvalue element=" " qualifier=" "> a partir do arquivo XML de exemplo. xsl:text xsl:value-of select=" " xsl:for-each select=" "
  • 28. Exercício 3  3.1 Criar o dc.identifier a partir do DOI.  3.2 Criar o dc.format.extent.
  • 30. Exercício 4  4.1 Criar o dc.language.iso.  4.2 Criar o dc.type.  4.3 Criar o dc.title com o atributo language.
  • 32. Funções Funções mais frequentes:  concat  contains  replace  substring  string-length  substring-before  substring-after  ends-with  starts-with  upper-case  lower-case xsltfunctions.com
  • 36. Exercício 5  5.1 Criar o dc.identifier.issn com hifens nos ISSNs.  5.2 Incluir “[UNESP]” após o nome do autor se constar “UNESP” na instituição.  5.3 Criar o dc.description.abstract sem “Resumo” e “Abstract” no início.
  • 37. Funções não-nativas Funções mais frequentes:  functx:contains-any-of  functx:replace-first  functx:replace-multi  functx:capitalize-first xsltfunctions.com
  • 38. Funções não-nativas Incluir o código da função na folha de estilo
  • 39. Exercício 6  6.1 Criar o dc.subject apenas com a inicial maiúscula.  6.2 Incluir “[UNESP]” após o nome do autor se constar “UNESP”, “Universidade Estadual Paulista” ou “São Paulo State Univ” na instituição.
  • 41. Exercício 7  7.1 Criar o dc.relation.ispartof.  7.2 Criar o dc.identifier.citation.
  • 42. Referências ALMEIDA, M. B. Uma introdução ao XML, sua utilização na Internet e alguns conceitos complementares. Ciência da Informação, Brasília, v. 31, n. 2, p. 5-13, maio/ago. 2002. ALVES, R. C. V. Metadados como elementos do processo de catalogação. 2010. 132 f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2010. ASSUMPÇÃO, F. S. Conversão de registros em XML para MARC 21: um modelo baseado em folhas de estilo XSLT. 135 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, UNESP, Marília, 2013. ASSUMPÇÃO, F. S.; SANTOS, P. L. V. A. C. Metadata Authority Description Schema (MADS): uma alternativa à utilização do formato MARC 21 para dados de autoridade. Informação & Informação, v. 18, n. 1, p. 106-126, 2013. BRADLEY, N. The XML Companion. 3rd ed. Boston: Addison-Wesley Professional, 2001. EITO BRUN, R. Lenguajes de marcas para la gestión de recursos digitales: aproximación técnica, especificaciones y referencia. Gijón: Trea, 2008. FLAMINO, A. N. MARCXML: um padrão de descrição para recursos informacionais em Open Archives. 2006. 164 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) - Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista - UNESP, Marília. 2006. KEITH, C. Using XSLT to manipulate MARC metadata. Library Hi Tech, v. 22, n. 2, p. 122-130, 2004. LIBRARY OF CONGRESS. MARC 21 Format for Bibliographic Data. Washington, D.C., 2012. 1999 Edition. Update No. 1 (October 2001) through Update No. 15 (September 2012). LIBRARY OF CONGRESS. MARC 21 XML Schema: official web site. Washington, D.C., 2011.
  • 43. Referências LIBRARY OF CONGRESS. MARC XML Design Considerations. Washington, D.C., 2004. LIBRARY OF CONGRESS. Metadata Object Description Schema. Washington, 2013. LIBRARY OF CONGRESS. Schema MARC21slim.xsd. Washington, D.C., 2009. MILLER, D. R.; CLARKE, K. S. Putting XML to work in the library: tools for improving access and management. Chicago: American Library Association, 2004. PICCO, P.; ORTIZ REPISO, V. RDA, el nuevo código de catalogación: cambios y desafíos para su aplicación. Revista Española de Documentación Científica, v. 35, n. 1, p. 145-173, enero-marzo 2012. RAY, E. T. Aprendendo XML. Rio de Janeiro: Campus, 2001. SIQUEIRA, M. A. XML na Ciência da Informação: uma análise do MARC 21. 2003. 133 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2003. TIDWELL, D. XSLT. 2nd ed. Beijing: O'Reilly, 2008. W3C. XML Schema. Revision 1.153, date: 2012/06/22. Cambridge, 2012a. W3C. XML. Last modified: 2012/01/24. Cambridge, 2012b. W3C. XSL Transformations (XSLT) Version 2.0: W3C Recommendation 23 January 2007. Cambridge, 2007. WALMSLEY, P. FunctX XSLT Functions. Traverse City: Datypic, 2007.
  • 44. Obrigado! Fabrício Silva Assumpção fabricioassumpcao.com | assumpcao.f@gmail.com Marília, 13 de outubro de 2015

Notas do Editor

  1. Nessa aula veremos uma pouco mais sobre o papel da descrição bibliográfica e dos pontos de acesso nos catálogos.
  2. Nessa aula veremos uma pouco mais sobre o papel da descrição bibliográfica e dos pontos de acesso nos catálogos.