SlideShare uma empresa Scribd logo
CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA TRABALHO EM
ALTURA NR 35
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Alfredo de Brito Neto
Instrutor Técnico em Emergência
Técnico em Segurança do trabalho
Capacitar o trabalhador a desenvolver trabalhos em altura de forma
segura, reconhecendo, analisando e gerenciando os riscos.
Objetivo
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Doenças ou condições físicas que impedem o
trabalho em altura
 Hipertensão Arterial não controlada;
 Epilepsia;
 Labirintíte Crônica;
 Diabetes não controlada;
 Doenças da Coluna Vertebral;
 Doenças Psiquiátricas ( tranqüilizantes ou
anti-depressivos);
 Deficiências Visuais e Auditivas acentuadas;
 Qualquer doença que possibilite a perda de
consciência repentina ou desequilíbrio.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Doenças ou condições físicas que
desaconselham o trabalho em altura
 Gripes e resfriados fortes;
 Febre de qualquer natureza;
 Indisposições gástricas (diarréias, vômitos);
 Tonturas;
 Dores de cabeça;
 Falta de alimentação adequada;
 Indisposições físicas;
 Stress.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
O empregador deve fazer cumprir as
normas vigentes.
O trabalhador deve cumprir as instruções
espedidas pelo empregador.
Reponsabilidade
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
 NR 35 – Trabalho em Altura
 NR 6 – Equipamento de Proteção Individual.
 NR 18 – Condições e Meio Ambiente de
Trabalho na Industria da Construção.
 NBR 11.370 – Equipamento de proteção
individual- Cinturão e talabarte de segurança –
Especificação e métodos de ensino.
Normatização
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
NBR 6.494 – Segurança nos Andaimes.
NBR 14.626 –Equipamento de proteção
individual –Trava-queda guiado em linha
flexível – Especificação e métodos de ensaio.
NBR 14.627 – Equipamento de proteção
individual – Trava-queda guiado em linha
rígida Especificação e métodos de ensaio.
NBR 15.595 – Acesso por corda.
Normatização
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
30% dos acidentes de trabalhos ocorridos ao ano
são decorrentes de quedas.
50% dos óbitos na construção civil são
ocasionados por quedas.
(www.mte.gov.br)
Estatística
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Por que ocorrem os acidentes nos
trabalhos em altura?
 Excesso de confiança;
 Não uso ou uso incorreto de EPI;
 Descumprimento e/ou desconhecimento do
padrão de Execução;
 Subestimar o risco por se tratar de atividade
rápida.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Por que ocorrem os acidentes nos
trabalhos em altura?
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Por que ocorrem os acidentes nos
trabalhos em altura?
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
A empresa é obrigada a fornecer aos
trabalhadores, gratuitamente, EPI adequado
ao risco e em perfeito estado de conservação e
funcionamento.
Equipamentos de Proteção
Individual-EPI
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Luva
Equipamentos de Proteção Individual
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Capacete com Fita Jugular
Equipamentos de Proteção Individual
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Capacete
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Óculos de Segurança
Equipamentos de Proteção Individual
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
CinturãoTipo
Abdominal
CinturãoTipo
Paraquedista
Equipamentos de Proteção Individual
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Talabarte de posicionamento Talaberte de
proteção contra queda
Equipamentos de Proteção Individual
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Absorvidor de Energia
Equipamentos de Proteção Individual
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Cuidados com os EPIs
 Oxidação
 Corrosão
 Calor
 Queda
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
A escada de mão deve ter seu uso restrito para acessos
provisórios e serviços de pequeno porte.
As escadas de mão poderão ter até 7,00m (sete metros).
Escadas de Mão
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
É proibido o uso de escadas de mão junto a redes
e equipamentos elétricos desprotegidos.
Escadas de Mão
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Escada de Abrir
A escada de abrir deve ser rígida, estável e
provida de dispositivos que a mantenham com
abertura constante, devendo ter comprimento
máximo de 6,00 m (seis metros), quando
fechada.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Escada de Abrir
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Escada de Abrir
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Escada Extensível
A escada extensível deve ser dotada de
dispositivo limitador de curso.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Vara Telescópica
Este é um equipamento que deve ser utizado
quando da existência de um pontos muito
elevedos, fora do alcance ou até mesmo
quando da utilização de escadas de mão.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Escada Fixa Tipo Marinheiro
Devemos nas escadas fixas tipo marinheiro fazer
uso de talabarte.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Escadas
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Este item apresenta princípios básicos à serem
utilizados, onde houver risco de queda é
necessária a instalação da proteção coletiva
correspondente, que deve priorizar a adoção de
medidas que objetivem evitar a ocorrência de
queda, como rampas, barreiras, guarda corpos,
rodapé, plataforma.
Medidas de Proteção Contra Quedas
de Altura
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
A proteção contra quedas, quando
constituída de anteparos rígidos, em
sistemas de guarda-corpo e rodapé, deve
atender aos seguintes requisitos:
Medidas de Proteção Contra Quedas
de Altura
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
 ser costruido com altura de 1,20 m (um metro
e vinte centrímetros) para o travessão superior
e 0,70 m (setenta centímetros) para o
travessão intermediário;
 ter rodapé com altura de 0,20 m (vinte
centímetros);
 ter vãos entre travessas preechidos com tela
ou outro dispositivo que garanta o
fechamento seguro da abertura.
Medidas de Proteção Contra Quedas
de Altura
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes suspensos, mecânicos
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
O trabalhador deve utilizar cinto de segurança
tipo pára-quedista, ligado ao trava-quedas de
segurança este, ligado a cabo–guia fixado em
estrutura independente da estrutura de
fixação e sustentação do andaime suspenso.
Andaimes suspensos, mecânicos
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes suspensos, mecânicos
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Entende-se como carga de trabalho a somatória
das cargas de materiais, ferramentas e pessoas
sobre o andaime.
Andaimes suspensos, mecânicos
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Os andaimes suspensos, devem ser todo
fechado, com tela ou qualquer outro material
equivalente;
Os dispositivos de suspensão devem ser
inspecionados antes do início dos serviços, por
pessoa qualificada;
Estes dispositivos devem ter dua travas de
segurança.
Andaimes suspensos, mecânicos
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes em balanço
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes que se projetam para fora da
construção são suportados por vigamentos ou
estruturas em balanço, que tenham sua
segurança garantida, seja por engastamento ou
outro sistema de contrabalançamento no interior
da construção.
Andaimes em balanço
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes simplesmente apoiados
(Fachadeiro)
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes simplesmente apoiados
(Fachadeiro)
Andaimes cuja estrutura trabalha
simplesmente apoiada, podendo ser fixos
ou deslocáveis horizontalmente.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes simplesmente apoiados
(Fachadeiro)
Devemos providenciar isolamento e
trabalhar com maior atenção quando da
utilização de andaimes próximos a redes
de alta e baixa tenção.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Trabalho em andaimes
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Trabalho em andaimes
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Andaimes simplesmente apoiados
(Fachadeiro)
O acesso ao andaime, em fase de montagem e
desmontagem, deve ser interditado a todos, com
exceção da equipe responsável pelo serviço. Uma
forma eficaz de controle é a sinalização.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Sinalização
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Cadeira Suspensa (balancim)
É o equipamento cuja estrutura e dimensões
permitem a utilização por apenas uma pessoa e o
material necessário para realizar o serviço
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
O trabalhador deve utilizar cinto de
segurança tipo pára-quedista, ligado ao
trava-quedas em cabo-guia
independente.
Cadeira Suspensa (balancim)
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Cadeira Suspensa (balancim)
Ocorrência: 28/02/1999
Vítimas: 2 ¨LIMPADORES DE VIDRO¨
Idades: 35 e 37 anos
Atividade: limpeza de fachada em edifício
Serviço: limpeza de fachada, c/ balancim leve suspenso a
22 m do solo.
Causa: pedra de granito da platibanda (mureta do
ultimo andar), onde estava fixado o balancim se
desprendeu da mureta.
O balancim estava fixado exclusivamente à platibanda,
Operários utilizam cinto de segurança, fixado à
própria estrutura do balancim.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Cadeira Suspensa (balancim)
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Cadeira Suspensa (balancim)
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Trabalho em Telhado e Cobertura
Nos trabalhos em telhados e coberturas devem
ser utilizados dispositivos, como cabo guia ou
cabo de segurança, para a fixação de
mecanismo de ligação por talabarte acoplado
ao cinto de segurança tipo pára-quedista
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Trabalho em Telhado e Cobertura
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Trabalho em Telhado e Cobertura
 É proibida a realização de trabalho ou
atividades em telhados ou coberturas em
caso de ocorrência de chuvas, ventos fortes
ou superfícies escorregadias.
 Todos os atividades nestes locais só devem
ser executadas após inspeção e emissão de
ordem de serviço ou permissão para
trabalho.
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Carregamento e descarregamento
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Carregamento e descarregamento
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Fator de queda
 O fator de queda indica a relação entre a
altura da queda de um profissional e o
comprimento do equipamento que irá detê-lo.
 Os fatores de queda são divididos em três,
sendo eles:
• FQ = 0
• FQ = 1
• FQ = 2
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Pêndulo
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Área livre de Quedas
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Interrupção de Queda
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Restrição
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Resgate
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Posicionamento para o Trabalho
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Transporte de Pessoas
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Conseqüência de uma Queda
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
Conseqüência de uma Queda
ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Resgate em altura
Resgate em alturaResgate em altura
Resgate em altura
Beatriz Bauer Bauer
 
Uso de Escadas - NR 35.pdf
Uso de Escadas - NR 35.pdfUso de Escadas - NR 35.pdf
Uso de Escadas - NR 35.pdf
rafaelrustiqueli
 
Treinamento de integração nr 1 upload
Treinamento de integração nr 1 uploadTreinamento de integração nr 1 upload
Treinamento de integração nr 1 upload
Vinicius Loiola Beserra
 
NR 12
NR 12NR 12
Apostila revista nr35ok
Apostila revista nr35okApostila revista nr35ok
Apostila revista nr35ok
Graciele Soares
 
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novoTreinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
Marciel Bernardes
 
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
Claudio Cesar Pontes ن
 
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxNR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
Leomir Borghardt
 
Integração segurança
Integração segurançaIntegração segurança
Integração segurança
maestro120
 
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Ana Paula Santos de Jesus Souza
 
Treinamento lixadeira
Treinamento lixadeiraTreinamento lixadeira
Treinamento lixadeira
Andre Cruz
 
Trabalho em altura nr 35 (treinamento)
Trabalho em altura   nr 35 (treinamento)Trabalho em altura   nr 35 (treinamento)
Trabalho em altura nr 35 (treinamento)
Bruno Monteiro
 
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e IITrabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Claudio Cesar Pontes ن
 
APR
APRAPR
Check List Cinto Segurança
Check List Cinto SegurançaCheck List Cinto Segurança
Check List Cinto Segurança
IZAIAS DE SOUZA AGUIAR
 
Treinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdf
Treinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdfTreinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdf
Treinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdf
AndrerlSiqueira
 
Ponte rolante-power-point
Ponte rolante-power-pointPonte rolante-power-point
Ponte rolante-power-point
Alex Gonzalez
 
TRABALHO EM ALTURA - Gianfranco
TRABALHO EM ALTURA - GianfrancoTRABALHO EM ALTURA - Gianfranco
TRABALHO EM ALTURA - Gianfranco
Alex Souza
 
Treinamentos obrigatorios de_sst_sstonline
Treinamentos obrigatorios de_sst_sstonlineTreinamentos obrigatorios de_sst_sstonline
Treinamentos obrigatorios de_sst_sstonline
rafael dias
 
Treinamento betoneira
Treinamento betoneiraTreinamento betoneira
Treinamento betoneira
rafaele123
 

Mais procurados (20)

Resgate em altura
Resgate em alturaResgate em altura
Resgate em altura
 
Uso de Escadas - NR 35.pdf
Uso de Escadas - NR 35.pdfUso de Escadas - NR 35.pdf
Uso de Escadas - NR 35.pdf
 
Treinamento de integração nr 1 upload
Treinamento de integração nr 1 uploadTreinamento de integração nr 1 upload
Treinamento de integração nr 1 upload
 
NR 12
NR 12NR 12
NR 12
 
Apostila revista nr35ok
Apostila revista nr35okApostila revista nr35ok
Apostila revista nr35ok
 
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novoTreinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
 
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
 
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxNR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
 
Integração segurança
Integração segurançaIntegração segurança
Integração segurança
 
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
 
Treinamento lixadeira
Treinamento lixadeiraTreinamento lixadeira
Treinamento lixadeira
 
Trabalho em altura nr 35 (treinamento)
Trabalho em altura   nr 35 (treinamento)Trabalho em altura   nr 35 (treinamento)
Trabalho em altura nr 35 (treinamento)
 
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e IITrabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
 
APR
APRAPR
APR
 
Check List Cinto Segurança
Check List Cinto SegurançaCheck List Cinto Segurança
Check List Cinto Segurança
 
Treinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdf
Treinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdfTreinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdf
Treinamento de NR 11 para Movimentação de Cargas.pdf (1).pdf
 
Ponte rolante-power-point
Ponte rolante-power-pointPonte rolante-power-point
Ponte rolante-power-point
 
TRABALHO EM ALTURA - Gianfranco
TRABALHO EM ALTURA - GianfrancoTRABALHO EM ALTURA - Gianfranco
TRABALHO EM ALTURA - Gianfranco
 
Treinamentos obrigatorios de_sst_sstonline
Treinamentos obrigatorios de_sst_sstonlineTreinamentos obrigatorios de_sst_sstonline
Treinamentos obrigatorios de_sst_sstonline
 
Treinamento betoneira
Treinamento betoneiraTreinamento betoneira
Treinamento betoneira
 

Destaque

Treinamento nr 35
Treinamento nr 35Treinamento nr 35
Treinamento nr 35
JULIO CESAR TORRES
 
Relatorio fotografico trabalho em altura nr-35
Relatorio   fotografico trabalho em altura nr-35Relatorio   fotografico trabalho em altura nr-35
Relatorio fotografico trabalho em altura nr-35
JULIO CESAR TORRES
 
Pts fresadora
Pts fresadora Pts fresadora
Pts fresadora
JUAN CORTES TAPIA
 
Dica segurança-escadas
Dica segurança-escadasDica segurança-escadas
Dica segurança-escadas
Rita Vale
 
Prevencao de-risco-no-trabalho-em-altura
Prevencao de-risco-no-trabalho-em-alturaPrevencao de-risco-no-trabalho-em-altura
Prevencao de-risco-no-trabalho-em-altura
co100za
 
Riesgos químicos en los hoteles
Riesgos químicos en los hotelesRiesgos químicos en los hoteles
Riesgos químicos en los hoteles
Cindy
 
Procedimento Trabalho Em altura
Procedimento Trabalho Em alturaProcedimento Trabalho Em altura
Procedimento Trabalho Em altura
co100za
 
La percepción del riesgo ppt
La percepción del riesgo pptLa percepción del riesgo ppt
La percepción del riesgo ppt
UNIVERSIDAD DE PANAMA
 
Trabalho em altura nr 35
Trabalho em altura   nr 35Trabalho em altura   nr 35
Trabalho em altura nr 35
Josiel Leite
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
Jose Fernandes
 
Factores de riesgo
Factores de riesgoFactores de riesgo
Factores de riesgo
juan carlos garzon romero
 
Curso trabalho em altura wel
Curso trabalho em altura welCurso trabalho em altura wel
Curso trabalho em altura wel
Welinton Tulio
 
Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001
Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001
Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001
Hector Javier
 
Actos y condiciones subestandares
Actos y condiciones subestandaresActos y condiciones subestandares
Actos y condiciones subestandares
UNI
 
Reducción de subjetividad Riesgo Operacional
Reducción de subjetividad Riesgo OperacionalReducción de subjetividad Riesgo Operacional
Reducción de subjetividad Riesgo Operacional
PRAGMACERO
 
Actos inseguros Y CONDICIONES INSEGURAS
Actos inseguros Y CONDICIONES INSEGURASActos inseguros Y CONDICIONES INSEGURAS
Actos inseguros Y CONDICIONES INSEGURAS
QHSEMEXICO Grupo Calidad Seguridad y Medioambiente
 
Seguridad e higiene industrial - Harold Yesid Cifuentes
Seguridad e higiene industrial - Harold Yesid CifuentesSeguridad e higiene industrial - Harold Yesid Cifuentes
Seguridad e higiene industrial - Harold Yesid Cifuentes
Carolina Rojas Rincon
 
Máquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentosMáquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentos
Mauricio Cesar Soares
 
Dica segurança-escadas
Dica segurança-escadasDica segurança-escadas
Dica segurança-escadas
Rita Vale
 
Trabalhos em altura epi´s
Trabalhos em altura   epi´sTrabalhos em altura   epi´s
Trabalhos em altura epi´s
Raquel Pedro
 

Destaque (20)

Treinamento nr 35
Treinamento nr 35Treinamento nr 35
Treinamento nr 35
 
Relatorio fotografico trabalho em altura nr-35
Relatorio   fotografico trabalho em altura nr-35Relatorio   fotografico trabalho em altura nr-35
Relatorio fotografico trabalho em altura nr-35
 
Pts fresadora
Pts fresadora Pts fresadora
Pts fresadora
 
Dica segurança-escadas
Dica segurança-escadasDica segurança-escadas
Dica segurança-escadas
 
Prevencao de-risco-no-trabalho-em-altura
Prevencao de-risco-no-trabalho-em-alturaPrevencao de-risco-no-trabalho-em-altura
Prevencao de-risco-no-trabalho-em-altura
 
Riesgos químicos en los hoteles
Riesgos químicos en los hotelesRiesgos químicos en los hoteles
Riesgos químicos en los hoteles
 
Procedimento Trabalho Em altura
Procedimento Trabalho Em alturaProcedimento Trabalho Em altura
Procedimento Trabalho Em altura
 
La percepción del riesgo ppt
La percepción del riesgo pptLa percepción del riesgo ppt
La percepción del riesgo ppt
 
Trabalho em altura nr 35
Trabalho em altura   nr 35Trabalho em altura   nr 35
Trabalho em altura nr 35
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
 
Factores de riesgo
Factores de riesgoFactores de riesgo
Factores de riesgo
 
Curso trabalho em altura wel
Curso trabalho em altura welCurso trabalho em altura wel
Curso trabalho em altura wel
 
Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001
Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001
Sistema de Gestion de Seguridad y Salud Ocupacional OHSAS 18001
 
Actos y condiciones subestandares
Actos y condiciones subestandaresActos y condiciones subestandares
Actos y condiciones subestandares
 
Reducción de subjetividad Riesgo Operacional
Reducción de subjetividad Riesgo OperacionalReducción de subjetividad Riesgo Operacional
Reducción de subjetividad Riesgo Operacional
 
Actos inseguros Y CONDICIONES INSEGURAS
Actos inseguros Y CONDICIONES INSEGURASActos inseguros Y CONDICIONES INSEGURAS
Actos inseguros Y CONDICIONES INSEGURAS
 
Seguridad e higiene industrial - Harold Yesid Cifuentes
Seguridad e higiene industrial - Harold Yesid CifuentesSeguridad e higiene industrial - Harold Yesid Cifuentes
Seguridad e higiene industrial - Harold Yesid Cifuentes
 
Máquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentosMáquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentos
 
Dica segurança-escadas
Dica segurança-escadasDica segurança-escadas
Dica segurança-escadas
 
Trabalhos em altura epi´s
Trabalhos em altura   epi´sTrabalhos em altura   epi´s
Trabalhos em altura epi´s
 

Semelhante a Trabalho em altura NR-35.

Trabalho em altura nr.35
Trabalho em altura   nr.35Trabalho em altura   nr.35
Trabalho em altura nr.35
Abna Brito
 
Trabalho em Altura Consc.
Trabalho em Altura   Consc.Trabalho em Altura   Consc.
Trabalho em Altura Consc.
Devania Silva
 
Modulo vi nr 35 egeon
Modulo vi nr 35  egeonModulo vi nr 35  egeon
Modulo vi nr 35 egeon
André Souza
 
curso trabalho em altura.pptx
curso trabalho em altura.pptxcurso trabalho em altura.pptx
curso trabalho em altura.pptx
Shinuki
 
Modulo epi nr 35 egeon
Modulo epi nr 35  egeonModulo epi nr 35  egeon
Modulo epi nr 35 egeon
André Souza
 
Trabalho em altural
Trabalho em alturalTrabalho em altural
Trabalho em altural
Paulão Técnico Segurança
 
TREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptx
TREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptxTREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptx
TREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptx
Nistron
 
Curso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptx
Curso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptxCurso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptx
Curso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptx
thiago260285
 
Nr 35oficial-140820080757-phpapp02
Nr 35oficial-140820080757-phpapp02Nr 35oficial-140820080757-phpapp02
Nr 35oficial-140820080757-phpapp02
Douglas Ribeiro
 
Trabalho em altura 2015
Trabalho em altura 2015Trabalho em altura 2015
Trabalho em altura 2015
Leandro Guimarães de Toledo
 
TRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).ppt
TRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).pptTRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).ppt
TRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).ppt
PalomaRibeirodeOlive
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
3 e 4 epis e pcs utilizados nr35
3 e 4 epis e pcs  utilizados nr353 e 4 epis e pcs  utilizados nr35
3 e 4 epis e pcs utilizados nr35
Thiago Balzana
 
398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt
398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt
398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt
Roberto Junior
 
Treinamento nr35
Treinamento nr35Treinamento nr35
Treinamento nr35
ericamartins23
 
Treinamento nr35
Treinamento nr35Treinamento nr35
Treinamento nr35
ericamartins23
 
Trabalho em-altura-nr-35
Trabalho em-altura-nr-35Trabalho em-altura-nr-35
Trabalho em-altura-nr-35
NicodemosFuly
 
Cart altiseg - trabalho em altura
Cart altiseg - trabalho em alturaCart altiseg - trabalho em altura
Cart altiseg - trabalho em altura
EVALDO JUNIO SILVA DA GAMA
 
Cartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em altura
Cartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em alturaCartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em altura
Cartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em altura
Dayanni Brito
 
Cart altiseg[1]
Cart altiseg[1]Cart altiseg[1]
Cart altiseg[1]
Allan Kardec
 

Semelhante a Trabalho em altura NR-35. (20)

Trabalho em altura nr.35
Trabalho em altura   nr.35Trabalho em altura   nr.35
Trabalho em altura nr.35
 
Trabalho em Altura Consc.
Trabalho em Altura   Consc.Trabalho em Altura   Consc.
Trabalho em Altura Consc.
 
Modulo vi nr 35 egeon
Modulo vi nr 35  egeonModulo vi nr 35  egeon
Modulo vi nr 35 egeon
 
curso trabalho em altura.pptx
curso trabalho em altura.pptxcurso trabalho em altura.pptx
curso trabalho em altura.pptx
 
Modulo epi nr 35 egeon
Modulo epi nr 35  egeonModulo epi nr 35  egeon
Modulo epi nr 35 egeon
 
Trabalho em altural
Trabalho em alturalTrabalho em altural
Trabalho em altural
 
TREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptx
TREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptxTREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptx
TREINAMENTO TRABALHO EM ALTURA.pptx
 
Curso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptx
Curso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptxCurso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptx
Curso NR35 - Por Thiago Batisteli Camini.pptx
 
Nr 35oficial-140820080757-phpapp02
Nr 35oficial-140820080757-phpapp02Nr 35oficial-140820080757-phpapp02
Nr 35oficial-140820080757-phpapp02
 
Trabalho em altura 2015
Trabalho em altura 2015Trabalho em altura 2015
Trabalho em altura 2015
 
TRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).ppt
TRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).pptTRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).ppt
TRABALHO EM ALTURA - Treinamento (SENAI).ppt
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Aula 2
 
3 e 4 epis e pcs utilizados nr35
3 e 4 epis e pcs  utilizados nr353 e 4 epis e pcs  utilizados nr35
3 e 4 epis e pcs utilizados nr35
 
398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt
398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt
398915376-Apresentacao-NR-35-Trabalho-em-altura-ppt.ppt
 
Treinamento nr35
Treinamento nr35Treinamento nr35
Treinamento nr35
 
Treinamento nr35
Treinamento nr35Treinamento nr35
Treinamento nr35
 
Trabalho em-altura-nr-35
Trabalho em-altura-nr-35Trabalho em-altura-nr-35
Trabalho em-altura-nr-35
 
Cart altiseg - trabalho em altura
Cart altiseg - trabalho em alturaCart altiseg - trabalho em altura
Cart altiseg - trabalho em altura
 
Cartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em altura
Cartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em alturaCartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em altura
Cartilha de segurança: Seleção e utilização de EPI para trabalho em altura
 
Cart altiseg[1]
Cart altiseg[1]Cart altiseg[1]
Cart altiseg[1]
 

Trabalho em altura NR-35.

  • 1. CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA TRABALHO EM ALTURA NR 35 ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda. Alfredo de Brito Neto Instrutor Técnico em Emergência Técnico em Segurança do trabalho
  • 2. Capacitar o trabalhador a desenvolver trabalhos em altura de forma segura, reconhecendo, analisando e gerenciando os riscos. Objetivo ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 3. Doenças ou condições físicas que impedem o trabalho em altura  Hipertensão Arterial não controlada;  Epilepsia;  Labirintíte Crônica;  Diabetes não controlada;  Doenças da Coluna Vertebral;  Doenças Psiquiátricas ( tranqüilizantes ou anti-depressivos);  Deficiências Visuais e Auditivas acentuadas;  Qualquer doença que possibilite a perda de consciência repentina ou desequilíbrio. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 4. Doenças ou condições físicas que desaconselham o trabalho em altura  Gripes e resfriados fortes;  Febre de qualquer natureza;  Indisposições gástricas (diarréias, vômitos);  Tonturas;  Dores de cabeça;  Falta de alimentação adequada;  Indisposições físicas;  Stress. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 5. O empregador deve fazer cumprir as normas vigentes. O trabalhador deve cumprir as instruções espedidas pelo empregador. Reponsabilidade ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 6.  NR 35 – Trabalho em Altura  NR 6 – Equipamento de Proteção Individual.  NR 18 – Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Industria da Construção.  NBR 11.370 – Equipamento de proteção individual- Cinturão e talabarte de segurança – Especificação e métodos de ensino. Normatização ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 7. NBR 6.494 – Segurança nos Andaimes. NBR 14.626 –Equipamento de proteção individual –Trava-queda guiado em linha flexível – Especificação e métodos de ensaio. NBR 14.627 – Equipamento de proteção individual – Trava-queda guiado em linha rígida Especificação e métodos de ensaio. NBR 15.595 – Acesso por corda. Normatização ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 8. 30% dos acidentes de trabalhos ocorridos ao ano são decorrentes de quedas. 50% dos óbitos na construção civil são ocasionados por quedas. (www.mte.gov.br) Estatística ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 9. Por que ocorrem os acidentes nos trabalhos em altura?  Excesso de confiança;  Não uso ou uso incorreto de EPI;  Descumprimento e/ou desconhecimento do padrão de Execução;  Subestimar o risco por se tratar de atividade rápida. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 10. Por que ocorrem os acidentes nos trabalhos em altura? ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 11. Por que ocorrem os acidentes nos trabalhos em altura? ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 12. A empresa é obrigada a fornecer aos trabalhadores, gratuitamente, EPI adequado ao risco e em perfeito estado de conservação e funcionamento. Equipamentos de Proteção Individual-EPI ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 13. Luva Equipamentos de Proteção Individual ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 14. Capacete com Fita Jugular Equipamentos de Proteção Individual ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 15. Capacete ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 16. Óculos de Segurança Equipamentos de Proteção Individual ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 17. CinturãoTipo Abdominal CinturãoTipo Paraquedista Equipamentos de Proteção Individual ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 18. Talabarte de posicionamento Talaberte de proteção contra queda Equipamentos de Proteção Individual ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 19. Absorvidor de Energia Equipamentos de Proteção Individual ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 20. Cuidados com os EPIs  Oxidação  Corrosão  Calor  Queda ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 21. A escada de mão deve ter seu uso restrito para acessos provisórios e serviços de pequeno porte. As escadas de mão poderão ter até 7,00m (sete metros). Escadas de Mão ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 22. É proibido o uso de escadas de mão junto a redes e equipamentos elétricos desprotegidos. Escadas de Mão ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 23. Escada de Abrir A escada de abrir deve ser rígida, estável e provida de dispositivos que a mantenham com abertura constante, devendo ter comprimento máximo de 6,00 m (seis metros), quando fechada. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 24. Escada de Abrir ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 25. Escada de Abrir ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 26. Escada Extensível A escada extensível deve ser dotada de dispositivo limitador de curso. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 27. Vara Telescópica Este é um equipamento que deve ser utizado quando da existência de um pontos muito elevedos, fora do alcance ou até mesmo quando da utilização de escadas de mão. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 28. Escada Fixa Tipo Marinheiro Devemos nas escadas fixas tipo marinheiro fazer uso de talabarte. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 29. Escadas ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 30. Este item apresenta princípios básicos à serem utilizados, onde houver risco de queda é necessária a instalação da proteção coletiva correspondente, que deve priorizar a adoção de medidas que objetivem evitar a ocorrência de queda, como rampas, barreiras, guarda corpos, rodapé, plataforma. Medidas de Proteção Contra Quedas de Altura ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 31. A proteção contra quedas, quando constituída de anteparos rígidos, em sistemas de guarda-corpo e rodapé, deve atender aos seguintes requisitos: Medidas de Proteção Contra Quedas de Altura ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 32.  ser costruido com altura de 1,20 m (um metro e vinte centrímetros) para o travessão superior e 0,70 m (setenta centímetros) para o travessão intermediário;  ter rodapé com altura de 0,20 m (vinte centímetros);  ter vãos entre travessas preechidos com tela ou outro dispositivo que garanta o fechamento seguro da abertura. Medidas de Proteção Contra Quedas de Altura ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 33. Andaimes suspensos, mecânicos ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 34. O trabalhador deve utilizar cinto de segurança tipo pára-quedista, ligado ao trava-quedas de segurança este, ligado a cabo–guia fixado em estrutura independente da estrutura de fixação e sustentação do andaime suspenso. Andaimes suspensos, mecânicos ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 35. Andaimes suspensos, mecânicos ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 36. Entende-se como carga de trabalho a somatória das cargas de materiais, ferramentas e pessoas sobre o andaime. Andaimes suspensos, mecânicos ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 37. Os andaimes suspensos, devem ser todo fechado, com tela ou qualquer outro material equivalente; Os dispositivos de suspensão devem ser inspecionados antes do início dos serviços, por pessoa qualificada; Estes dispositivos devem ter dua travas de segurança. Andaimes suspensos, mecânicos ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 38. Andaimes em balanço ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 39. Andaimes que se projetam para fora da construção são suportados por vigamentos ou estruturas em balanço, que tenham sua segurança garantida, seja por engastamento ou outro sistema de contrabalançamento no interior da construção. Andaimes em balanço ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 40. Andaimes simplesmente apoiados (Fachadeiro) ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 41. Andaimes simplesmente apoiados (Fachadeiro) Andaimes cuja estrutura trabalha simplesmente apoiada, podendo ser fixos ou deslocáveis horizontalmente. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 42. Andaimes simplesmente apoiados (Fachadeiro) Devemos providenciar isolamento e trabalhar com maior atenção quando da utilização de andaimes próximos a redes de alta e baixa tenção. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 43. Trabalho em andaimes ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 44. Trabalho em andaimes ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 45. Andaimes simplesmente apoiados (Fachadeiro) O acesso ao andaime, em fase de montagem e desmontagem, deve ser interditado a todos, com exceção da equipe responsável pelo serviço. Uma forma eficaz de controle é a sinalização. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 46. Sinalização ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 47. Cadeira Suspensa (balancim) É o equipamento cuja estrutura e dimensões permitem a utilização por apenas uma pessoa e o material necessário para realizar o serviço ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 48. O trabalhador deve utilizar cinto de segurança tipo pára-quedista, ligado ao trava-quedas em cabo-guia independente. Cadeira Suspensa (balancim) ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 49. Cadeira Suspensa (balancim) Ocorrência: 28/02/1999 Vítimas: 2 ¨LIMPADORES DE VIDRO¨ Idades: 35 e 37 anos Atividade: limpeza de fachada em edifício Serviço: limpeza de fachada, c/ balancim leve suspenso a 22 m do solo. Causa: pedra de granito da platibanda (mureta do ultimo andar), onde estava fixado o balancim se desprendeu da mureta. O balancim estava fixado exclusivamente à platibanda, Operários utilizam cinto de segurança, fixado à própria estrutura do balancim. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 50. Cadeira Suspensa (balancim) ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 51. Cadeira Suspensa (balancim) ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 52. Trabalho em Telhado e Cobertura Nos trabalhos em telhados e coberturas devem ser utilizados dispositivos, como cabo guia ou cabo de segurança, para a fixação de mecanismo de ligação por talabarte acoplado ao cinto de segurança tipo pára-quedista ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 53. Trabalho em Telhado e Cobertura ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 54. Trabalho em Telhado e Cobertura  É proibida a realização de trabalho ou atividades em telhados ou coberturas em caso de ocorrência de chuvas, ventos fortes ou superfícies escorregadias.  Todos os atividades nestes locais só devem ser executadas após inspeção e emissão de ordem de serviço ou permissão para trabalho. ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 55. Carregamento e descarregamento ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 56. Carregamento e descarregamento ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 57. Fator de queda  O fator de queda indica a relação entre a altura da queda de um profissional e o comprimento do equipamento que irá detê-lo.  Os fatores de queda são divididos em três, sendo eles: • FQ = 0 • FQ = 1 • FQ = 2 ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 58. Pêndulo ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 59. Área livre de Quedas ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 60. Interrupção de Queda ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 61. Restrição ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 62. Resgate ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 63. Posicionamento para o Trabalho ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 64. Transporte de Pessoas ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 65. Conseqüência de uma Queda ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.
  • 66. Conseqüência de uma Queda ABNA - Ass. Cons. em Treinamentos e Segurança do Trabalho Ltda.