SlideShare uma empresa Scribd logo
NR34 Módulo Específico
- Trabalho à Quente
NR34Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Observações Gerais
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Conteúdo Programático
4.2.2Atividade com maçarico - Riscos e Forma de Prevenção:
• Riscos no Corte e Solda a Gás;
• Cilindros de Gases;
• Sistemas deAlimentação de Gases;
• Características dos Gases Utilizados (Acetileno, Oxigênio, GLP);
• Mangueiras de Gases;
• Maçaricos.
• EPI e EPC.
Carga Horária:
• 4 horas
NR34Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Sobre a NR34
NR 34 Módulo Geral
Inspeção Preliminar:Análise de Risco
2. Inspeção Preliminar
1.Nos locais onde se realizam trabalhos a quente deve ser efetuada
inspeção preliminar, de modo a assegurar que:
• a) o local de trabalho e áreas adjacentes estejam limpos, secos e
isentos de agentes combustiveis, inflamáveis, tóxicos e
contaminantes;
• b) a área somente seja liberada após constatação da ausência de
atividades incompativeis com o trabalho a quente;
• c) o trabalho a quente seja executado por trabalhador capacitado.
NR 34 Módulo Geral
6
Proteção Contra Incêndio
3. Proteção contra Incêndio
1.Cabe aos empregadores tomar as seguintes medidas de proteção contra incêndio nos
locais onde se realizam trabalhos a quente:
a) providenciar a eliminação ou manter sob controle possíveis riscos de incêndios;
b) instalar proteção física adequada contra fogo, respingos, calor, fagulhas ou
borras, de modo a evitar o contato com materiais combustíveis ou inflamáveis, bem
como interferir em atividades paralelas ou na circulação de pessoas;
c) manter desimpedido e próximo à área de trabalho sistema de combate a incêndio,
especificado conforme tipo e quantidade de inflamáveis e/ou combustíveis presentes;
d) inspecionar o local e as áreas adjacentes ao término do trabalho, a fim de evitar
princípios de incêndio.
NR 34 Módulo Geral
Controle de Fumos e Contaminantes
4. Controle de fumos e contaminantes
1. Para o controle de fumos e contaminantes decorrentes dos trabalhos a quente devem
ser implementadas as seguintes medidas:
a) limpar adequadamente a superfície e remover os produtos de limpeza
utilizados, antes de realizar qualquer operação;
b) providenciar renovação de ar a fim de eliminar gases, vapores e fumos
empregados e/ou gerados durante os trabalhos a quente.
2. Sempre que ocorrer mudança nas condições ambientais estabelecidas as atividades
devem ser interrompidas, avaliando-se as condições ambientais e adotando- se as
medidas necessárias para adequar a renovação de ar.
3. Quando a composição do revestimento da peça ou dos gases liberados no processo
de solda/aquecimento não for conhecida, deve ser utilizado equipamento autônomo de
proteção respiratória ou proteção respiratória de adução por linha de ar comprimido,
de acordo com o previsto no Programa de Proteção Respiratória - PPR.
7
NR 34 Módulo Geral
Medidas Específicas - APR:
Medidas Específicas
34.2.1. Devem ser empregadas técnicas deAPR para:
a) determinar as medidas de controle;
b) definir o raio de abrangência;
c) sinalizar e isolar a área;
d) avaliar a necessidade de vigilância especial contra incêndios
(observador) e de sistema de alarme;
e) outras providências, sempre que necessário.
8
NR 34 Módulo Geral
Medidas Específicas - APR:
1. Antes do início dos trabalhos a quente, o local deve ser
inspecionado, e o resultado da inspeção ser registrado na Permissão
de Trabalho.
2. As aberturas e canaletas devem ser fechadas ou protegidas, para
evitar projeção de fagulhas, combustão ou interferência em outras
atividades.
3. Quando definido na APR, o observador deve permanecer no local,
em contato permanente com as frentes de trabalho, até a conclusão
do serviço.
O observador deve receber treinamento ministrado por
trabalhador capacitado em prevenção e combate a incêndio, com
conteúdo programático e carga horária mínima conforme o item
1 doAnexo I da NR34
9
NR34 Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Maçarico
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
O que é Maçarico?
Trata-se de um aparelho no qual se processa a combinação sob
determinada pressão de um gás comburente com outro combustível.
Em seguida após inflamada, esta combinação acarreta uma chama,
com uma temperatura aproximada de 3.200 graus centígrados, então,
capaz de fundir os metais que não contenham mais de 1,9% de
carbono.
11
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
12
FOTO DE UM MAÇARICO
NR34ATIVIDADES COM MAÇARICO
Quais seriam os riscos?
13
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Riscos: Ruído, Calor, Fumos Metálicos, Luminosidade, etc.
14
Podem causar perda auditiva, queimaduras, intoxicação,
catarata.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Materiais: Chapas metálicas, equipamentos elétricos, pontas de
materiais etc.
15
Podem causar quedas, ferimentos, choques elétricos,
queimaduras, etc.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Instalações Elétricas
16
Podem causar choques elétricos, queimaduras,
óbito e incêndio.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Improvisos não podem ser tolerados!
17
É imprevisível o que o improviso pode causar.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Atividade a Quente – Recomendações
18
•
•
• Antes de iniciar as operações, todas as conexões à máquina de soldagem e
garrafas de corte a gás devem ser criteriosamente verificadas para saber
se estão em condições seguras de operação. Quando as operações de
soldagem forem interrompidas por um curto período, para almoço, por
exemplo, o soldador verificará o seu equipamento para certificar-se de
que nada ocorreu a este durante o intervalo.
Mangueiras devem ser verificadas quanto a danos ou vazamentos. As
conexões aos medidores devem ser conferidas para assegurar-se que
estejam firmes.
Se o trabalho for interrompido por um período, uma revisão dos vapores
de gás combustível deverá ser feita antes de se dar prosseguimento aos
cortes ou às operações de soldagem.
• O soldador deve usar um limpador de bico para limpar partículas
estranhas de dentro do bico de corte. O bico de corte não deve ser
friccionado numa superfície que contenha gás ou oxigênio.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Atividade a Quente – Recomendações
19
•
• Após o encerramento de um turno de trabalho, ou nos intervalos para
refeições, o soldador deve desligar as válvulas de oxigênio e acetileno e
liberar a pressão das mangueiras e dos instrumentos de medida.
Mangueiras de acetileno e oxigênio que estejam rachadas ou quebradas
devem ser tiradas de uso e substituídas. Mangueiras de borracha
deterioram-se com o tempo e devem ser substituídas periodicamente
conforme recomendação do fabricante.
• Reguladores de pressão apropriados devem ser usados em todos os
cilindros de oxigênio e acetileno (isto é, reguladores de pressão de
oxigênio devem ser usados nos cilindros de oxigênio e reguladores de
pressão de acetileno devem ser usados nos cilindros de acetileno).
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Atividade a quente em Espaços Confinados...
20
Podem causar asfixia, desmaios, tonturas e até obito.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Cuidados com Trabalhos em Espaço Confinado e a quente
21
 Faça uma verificação da área antes de iniciar a atividade;
 Planeje a tarefa juntamente com o responsável pela área;
 Será necessário abertura de PT x PET x APR x DDSMS x Certificados,
ASO e demais anexos que sejam necessários;
Certifique-se que o local está apropriado para iniciar a atividade;

 V
erifique se existem procedimentos, condições impeditivas para
realização desta atividade;


Medição dos gases que possam existir no EC;
Conhecimento do tipo de EC x Gases Poluentes x Meios de Acesso x
Planejamento do Resgate;
Montar acesso seguro para o EC com EPC x EPI x Ventilação, dentre
outros;
Realizar uma boa reunião pré trabalho antes de iniciar a atividade;


NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
22
• Quando as operações de corte forem interrompidas por um período (isto é,
intervalos para refeições, descanso, fim de turno, etc.) os controles devem
ser fechados e as mangueiras devem ser despressurizadas.
• Se uma corrente de ar adequada não puder ser fornecida junto aos
soldadores e auxiliares, eles devem usar máscara anti-fumaça ou
equipamentos de respiração autônomos apropriados, quando fizerem corte
ou soldagem em espaço confinado.
• Para fazer com que a fumaça da soldagem ou do corte não atinjam o
soldador/auxiliar, os dutos de ventilação devem estar localizados de
modo a permitir uma alta concentração de corrente de ar próxima ao
soldador/auxiliar.
• Devem ser tomados cuidados para posicionar a aspiração da ventilação
numa área de ar puro. Deve ser fornecido aos soldadores um ar de boa
qualidade.
Cuidados com Trabalhos em Espaço Confinado e a quente
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Práticas Específicas de Segurança na Soldagem e Corte
• Não deve ser usado gás comprimido ou oxigênio para finalidades de limpeza.
• Um acendedor por atrito será usado para acender a chama. Não devem ser usados
isqueiros, metais quentes, etc., para acender o bico.
• Os soldadores não devem conduzir ou ter consigo isqueiros durante a
soldagem ou o corte.
• Não usar lente de contato;
• Óleo, graxa, sabão ou outros produtos à base de petróleo não devem ser usados em
conexões de equipamentos de oxigênio ou gás comprimido. Isto pode causar uma
explosão.
• As mangueiras e os dutos de solda que não estiverem em condições adequadas devem
ser substituídos e descartados, a fim de impedir o seu uso futuro.
• Se qualquer gás combustível/inflamável mais pesado do que o ar (isto é, H2S) estiver
sendo liberado do duto do poço, todos os trabalhos com chamas devem ser suspensos
imediatamente.
23
Cuidados com Trabalhos em Espaço Confinado e a quente
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Atenção Quanto ao Oxigênio
24
O oxigênio NUNCA deve ser utilizado para refrescar o corpo,
ventilar um espaço ou limpar o pó da roupa, visto que numa
atmosfera rica em oxigênio uma simples faísca produz a queima
instantânea de todos os materiais combustíveis existentes no local,
inclusive a vestimenta do soldador, resultando na maioria dos casos
em acidentes fatais.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
25
•
•
Observador do Fogo
• Uma vigilância de incêndio será designado e claramente identificável para
quaisquer operações de soldagem ou corte executada fora da área designada de
soldagem de segurança.
Durante o trabalho a quente, a vigilância de incêndio investida como tal não deverá
ter outro dever senão o de dar auxílio completo ao trabalho a quente na área externa
àquela designada como sendo de segurança.
O mesmo deve estar familiarizado com todo o equipamento de segurança e de
combate a incêndio localizado na área adjacente ao trabalho.
• Fazer verificações periódicas com um equipamento de monitoramento de gás.
• Verificar periodicamente se as áreas adjacentes quando houver queima ou solda em
paredes, convés e telhados.
• Ser capaz de isolar equipamentos em casos de emergência.
• Monitorar continuamente a área quanto a faíscas acidentais.
• Utilizar óculos de proteção adequados nas imediações do trabalho.
• Estar familiarizado com os sistemas de comunicação de emergência e suas
localizações.
NR34Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Orientações Quanto ao
uso de Maçaricos
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Orientações quanto ao uso de Maçarico
27
• Para ligar um maçarico profissional, especialmente soldadores devem usar EPI,
como luvas, avental e, o mais importante, óculos ou máscaras que cubram o
rosto e tenham lentes polarizadas (devido ao brilho intenso da chama).
• Verifique as conexões e o estado geral da caneta de maçarico e das mangueiras.
• Verifique se há qualquer vazamento (mangueiras e conexões).
• Certifique-se de que não há nenhum vazamento de gás.
• Se estiver saindo faísca em grandes quantidades do maçarico, pode ser um
indicio de que algo não está certo, pode ser que a pressão do gás esteja elevada.
• Quando for colocar o refil de gás em seu maçarico, leia com a embalagem com
atenção, eles trazem informações importantes para sua segurança.
• ISOLE O TRABALHO DOS OUTROS TRABALHADORES (Biombos e
anteparas);
• VERIFIQUE SE O TRABALHO É COMPATÍVEL COM TRABALHOS
PRÓXIMOS.
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Orientações quanto ao uso de Maçarico
 É necessário fazer uma varredura de todo local de trabalho
antes do início da atividade
 Use sempre a máscara de solda e todos os equipamentos
complementares;
 Jamais olhe diretamente para a solda;
 Verifique o aterramento da máquina;
 Verifique atividades simultâneas próximas (por exemplo,
soldar ao lado de pintura pode causar incêndio ou explosão).
 Observador do fogo
28
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Orientações quanto ao uso de Maçarico
 As roupas não devem ter manchas de óleo ou de graxa (Devido a
facilidade de combustão com o fogo podendo causar algum
acidente);
 Se estiver saindo faísca em grandes quantidades do maçarico,
pode ser um indicio de que algo não está certo, pode ser que a
pressão do gás esteja elevada.
 Quando for colocar o refil de gás em seu maçarico, leia com a
embalagem com atenção, eles trazem informações importantes
para sua segurança.
 Ao término do serviço, as mangueiras de alimentação devem ser
desconectadas.
 Os equipamentos inoperantes e as mangueiras de gases devem ser
mantidos fora dos espaços confinados.
29
NR34Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Cilindros dos Gases e
Alimentação
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Cilindros de Gases – Recomendações
31
•
•
•
• Não armazená-los juntos, sempre separados e respeitando uma
distância entre eles;
• Mantê-los sempre com seus capacetes e na vertical, bem
amarrados;
Ideal armazená-los em gaiola e nunca em contato direto com o
chão;
Manter os cilindros cheios separados dos vazios;
Armazenar em locais arejados;
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Circuito de Gases – Recomendações
Quanto ao circuito de gás, devem ser observadas:
• A inspeção antes do início do trabalho, de modo a assegurar a
ausência de vazamentos e o seu perfeito estado de funcionamento;
• Manutenção com a periodicidade estabelecida pelo setor de
manutenção, conforme especificações técnicas do
fabricante/fornecedor.
• Somente é permitido emendar mangueiras por meio do uso de
conector, em conformidade com as especificações técnicas do
fornecedor/fabricante.
32
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
33
Cilindros de Gases
Os cilindros de gás devem ser:
• Mantidos em posição vertical, fixados e distantes de chamas, fontes de
centelhamento, calor ou de produtos inflamáveis;
• Instalados de forma a não se tornar parte de circuito elétrico, mesmo que
acidentalmente;
• Transportados na posição vertical, com capacete rosqueado,por meio de
equipamentos apropriados, devidamente fixados, evitando-se colisões;
• Quando inoperantes e/ou vazios, mantidos com as válvulas fechadas e
guardados com o protetor de válvulas (capacete rosqueado).
É proibida a instalação de cilindros de gases em ambientes confinados.
Sempre que o serviço for interrompido, devem ser fechadas as válvulas
dos cilindros, dos maçaricos e dos distribuidores de gases.
NR34ATIVIDADES COM MAÇARICO
34
Sistema deAlimentação dos Gases
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
35
NR34 Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Características dos Gases
Utilizados
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
37
Utilização de Gases
Nos trabalhos a quente que utilizem gases devem ser adotadas as seguintes
medidas:
• Utilizar somente gases adequados à aplicação, de acordocom as
informações do fabricante;
• Sseguir as determinações indicadas na Ficha de Informação de Segurança
de Produtos Químicos – FISPQ e manter a mesma no local;
• Usar reguladores de pressão calibrados e em conformidade com o gás
empregado.
• É proibida a instalação de adaptadores entre o cilindro e o regulador
de pressão.
No caso de equipamento de oxiacetileno, deve ser utilizado dispositivo
contra retrocesso de chama nas alimentações da mangueira e do
maçarico (Caneta e regulador de pressão).
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Características dos Gases Utilizados
• Acetileno – Característica:
É um gás incolor de cheiro característico e altamente combustível.
Sua notação química é C2H2. É um composto instável, sujeito a
violentas explosões quando se decompõe. Pôr esse motivo, este gás
não deve ser comprimido, quando puro, para suportar pressões
superiores a 15 libras por polegada quadrada (psi). Em determinadas
condições, quando em contato com a prata, mercúrio e cobre, pode
provocar explosões.
• Efeitos:
O acetileno é um gás anestésico, não venenoso. Suas concentrações
muito altas em ambientes fechados sufocam o ser humano, em
virtude da exclusão do oxigênio. Os trabalhos em altas estruturas,
onde as vertigens podem ocasionar quedas, com graves
consequências, deve-se ter o cuidado para não respirar o acetileno.
38
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Acetileno – Cuidados:
39
•
•
Nunca deixar os cilindros deAcetileno diretamente sob o sol;
Os cilindros deverão ser armazenados em locais adequados e
seguros;
Evitar os choques, quedas ou golpes com os cilindros de
Acetileno;
Não utilizar qualquer peça ou tubo de cobre ou latão para a
circulação do acetileno;
Usar sempre um regulador de Acetileno, ligado à válvula do
cilindro, seja qual for à aplicação dada ao gás.
•
•
•
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Oxigênio – Características:
É um gás comburente, incolor e insípido (SEM GOSTO SEM
CHEIRO), seu símbolo é O2. Convém mencionar que, no ar
atmosférico, o oxigênio está na proporção de 21% e o nitrogênio com
quase 79%. Em pequenas quantidades, existem ainda, na composição
do ar atmosférico os chamados gases raros, são eles: Hélio, Xenônio,
Argônio e o Criptônio.
40
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Precauções Gerais com o Oxigênio:
• Nunca utilize oxigênio em aparelhos para os quais seja necessário
o ar comprimido;
• Evite qualquer contato de óleo ou graxa, com qualquer parte do
cilindro, da rede, reguladores ou dos seus acessórios. O óleo ou a
graxa pode formar compostos e queimar violentamente na
presença do oxigênio.
41
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Precauções Gerais com o Oxigênio:
Ao ligar diretamente o maçarico observar o seguinte:
42
•
• Se há qualquer vazamento de oxigênio e acetileno, no maçarico,
reguladores, válvula hidráulica, mangueira e válvula de
retenção;
Observar a tabela progressiva de regulagens como padrão, pelas
fábricas de maçaricos;
• Jamais utilizar o oxigênio para refrigerar o ambiente de
trabalho. Por ser altamente comburente, isto é, pode ativar a
combustão, altas concentrações poderão ocasionar combustão,
seguida de explosão.
NR34 Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
Riscos no corte e Solda à
Gás
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
O retrocesso da chama
O manuseio incorreto do maçarico pode causar o retrocesso da
chama. Principais causas:
• Toque do bico do maçarico na peça;
• O superaquecimento do bico do maçarico;
• Utilização de pressões inadequadas;
• Bico mal apertado;
• Sujeira na sede do bico do maçarico
• Vazamento;
Quando o motivo do retrocesso tiver sido determinado e eliminado o
seu agente, o maçarico poderá ser aceso novamente, pela maneira
usual.
44
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Engolimento da Chama
O engolimento da chama ocorre quando a chama queima de volta para
dentro do maçarico, comumente com um silvo agudo.
No caso de acontecer um engolimento da chama proceda como segue:
45
•
•
Feche imediatamente a válvula do acetileno;
NOTA: dependendo do período, isto é, do tempo que se leva para fechar a
válvula, poderá o operador optar em fechar a válvula do acetileno ou do
oxigênio. Quando se verificar o engolimento da chama, a queima interna
pode chegar até ao derretimento do divergente. Neste caso que é uma
exceção do processo de fechamento, fecha-se à válvula do oxigênio;
Fechar a válvula de oxigênio de corte;
Se os engolimentos ocorrem, mesmo após a verificação dos motivos
prováveis já descritos, leve o maçarico à seção de recondicionamento
para a eliminação do defeito ou descarte-o.
•
•
NR34Atividade com
Maçarico – Riscos e
Forma de Prevenção
(EPI & EPC)
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
47
Recomenda-se que o soldador e se for o caso seu ajudante utilize os
seguintes EPI’s:
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
48
UZ DE BRIM
Recomenda-se que o soldador e se for o caso seu ajudante utilize os
seguintes EPI’s:
Observações:
1. A roupa deve estar livre
de óleo e graxa
2. Cada EPI deve ter o
respectivo C.A.
(Certificado de
Aprovação) fornecido
pelo MTE, (Ministério do
Trabalho e Emprego).
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Observações:
49
•
•
Devem estar íntegros e em bom estado de uso;
Selecionar EPI adequado a depender da atividade que será
desenvolvida;
Inspecionar o EPI antes do uso se faz necessário, assim como a
guarda dele;
•
NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO
Atenção:
Todo trabalho a quente requer abertura de uma permissão para
Trabalho, esteja familiarizado com todo o processo e em caso de
dúvida, fale com o SMS
50
NR 34 -Atividade
com Solda
Observações Gerais
NR 34 ATIVIDADES COM SOLDA
Conteúdo Programático
4.2.1Atividade com Solda - Riscos e Formas de Prevenção:
• Riscos da Solda Elétrica;
• Radiações Não Ionizantes;
• Gases e Fumos Metálicos;
• Máquinas de Solda;
• Cabos de Solda;
• Eletrodos;
• Circuito de Corrente de Solda;
• Riscos nas Soldas com Eletrodos Especiais;
• Riscos nas Soldas com Processos Especiais (Arco Submerso, Mig, Mag, Tig)
• Proteção Elétrica - Quadros, Disjuntores e Cabos deAlimentação
• Riscos na Operação de Goivagem;
• EPI e EPC.
NR 34 – Atividade
com Solda
Alertas de Segurança –
Princípio de Incêndio em
Trabalhos à Quente
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Estudo de Caso 1
 08/01/2011 - Princípio de incêndio
na Caixa de Filtros do Gerador
EMD3
 Causa imediata: projeção de
fagulhas e material incandescente
sobre material combustível
 Causa básica: falha no planejamento
e instalação de proteção física
adequada (fagulhas passaram por
entre FRESTAS da MANTA e
tábuas do Andaime).
54
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
55
Estudo de Caso 2
26/03/2011- Princípio de incêndio em mangueira de gás do conjunto
oxiacetileno.
Causa imediata: contato de borra incandescente, proveniente de queda de piso
superior de andaime, sobre a mangueira.
Causas básicas: falha no planejamento e instalação de proteção física adequada
(manta não resistiu ao material incandescente) e falha na determinação das
medidas de proteção (posicionamento da manta muito próximo ao bico do
maçarico).
NR-34ATIVIDADE COM SOLDA 56
Estudo de Caso 2
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Estudo de Caso 3
08-01-2012 - Princípio de incêndio em manta de proteção para trabalhos
a quente
Causa imediata: projeção de fagulhas incandescentes sobre a manta com
sujidades de óleo utilizada para proteger o local.
Causa básica: falha na determinação das medidas de proteção (utilização
de manta sem condições adequadas ao uso, posicionamento da manta
muito próximo ao bico do maçarico).
57
NR-34ATIVIDADE COM SOLDA
Estudo de Caso 3
58
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Medidas de Ordem Geral
NR 34 TRABALHOAQUENTE
34.5.1.1 As medidas de proteção contemplam as de ordem geral e específicas,
aplicáveis, respectivamente, a todas as atividades inerentes ao trabalho a quente
e aos trabalhos em áreas não previamente destinadas a este fim
Medidas de Ordem Geral
2. Inspeção Preliminar
1. Nos locais onde se realizam trabalhos a quente deve ser efetuada inspeção
preliminar, de modo a assegurar que:
59
a)
c)
O local de trabalho e áreas adjacentes estejam limpos, secos e isentos de
agentes combustíveis, inflamáveis, tóxicos e contaminantes;
b) Aárea somente seja liberada após constatação da ausência de atividades
incompatíveis com o trabalho a quentes;
O trabalho a quente seja executado por trabalhador qualificado.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Medidas de Ordem Geral
3. Proteção contra Incêndio
1. Cabe aos empregadores tomar as seguintes medidas de proteção contra
incêndios nos locais onde se realizam trabalhos a quente:
60
c)
a) Providenciar a eliminação ou manter sob controle possíveis riscos de incêndios;
b) Instalar proteção física adequada contra fogo, respingos, calor, fagulhas ou
borras, de modo a evitar o contato com materiais combustíveis ou inflamáveis,
bem como interferir em atividades paralelas ou na circulação de pessoas;
Manter desimpedido e próximo à área de trabalho, sistema de combate a
incêndio, especificado conforme tipo e quantidade de inflamáveis e/ou
combustíveis presentes;
d) Inspecionar o local e as áreas adjacentes ao término do trabalho, a fim de evitar
princípios de incêndio.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Medidas Específicas
34.5.7 Devem ser empregadas técnicas deAPR para:
a) Determinar as medidas de controle;
b) Definir o raio de abrangência;
c) Sinalizar e isolar a área;
d) Avaliar a necessidade de vigilância especial contra incêndios
(observador) e de sistema de alarme;
e) Outras providências, sempre que necessário.
61
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Medidas Específicas
8. Antes do início dos trabalhos a quente, o local deve ser inspecionado,
e o resultado da inspeção registrada na Permissão de Trabalho.
9. As aberturas e canaletas devem ser fechadas ou protegidas, para
evitar projeção de fagulhas, combustão ou interferência em outras
atividades.
10. Quando definido na APR, o observador deve permanecer no local,
em contato permanente com as frentes de trabalho, até a conclusão do
serviço.
1. O observador deve receber treinamento ministrado por trabalhador
capacitado em prevenção e combate a incêndio, com conteúdo
programático e carga horária mínima conforme o item 1 do Anexo 1
desta Norma.
62
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
63
Recomendações quanto ao uso de Manta Corta Fogo
1 ) Fazer inspeção no local do trabalho, ao seu redor e em pisos superiores e inferiores, a
fim de retirar da área materiais inflamáveis, caso não seja possível a retirada, prover
proteção contra incêndio e observador;
2) Proteger vasos de pressão e cilindros que não puderem ser retirados do local, contra as
fagulhas e isolar e sinalizar a área de modo a impedir o acesso de pessoas inadvertidas ;
3) Proteger as mangueiras contra danos estruturais provocados por tráfego de veículos,
queda de objetos, fagulhas, fontes de calor e objetos quentes;
4) Obstruir pontos próximos ao local de trabalho que possam emanar substâncias
inflamáveis (canaletas, drenos, suspiros, etc.). Prever na APR a necessidade de
monitoramento;
5) Utilizar mantas de aramida e de feltro de carbono, em boas condições, isenta de marcas
de carbonização das fibras, sujidades de tintas, borras de óleo, rasgos e furos. Caso
existam, aparar os fiapos das bordas antes do uso;
6) Levar em consideração a ação do vento e o peso próprio das mantas de modo a prover
fixação adequada e segura para que a manta não se movimente durante a execução do
serviço;
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
64
Recomendações quanto ao uso de Manta Corta Fogo
7) Manter as mantas molhadas com água limpa durante as atividades de
oxicorte e solda;
8) Considerar a transmissão de calor por condução através das mantas;
9) Nunca introduzir modificações no local de trabalho após a liberação do
trabalho;
10) Antes do início do trabalho a quente, inspecionar o local e registrar na
Permissão de Trabalho o resultado desta inspeção;
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Orientações Gerais
• Quando forem executados trabalhos em chumbo, zinco ou materiais
revestidos de cádmio, será obrigatório a remoção por ventilação local
exaustora dos fumos originados no processo de solda e corte, bem como na
utilização de eletrodos revestidos.
65
• É obrigatória a utilização de anteparo eficaz para a proteção dos
trabalhadores circunvizinhos. O material utilizado nesta proteção deve ser
do tipo incombustível.
• Não tocar as peças recém soldadas, pois podem estar quentes e ocasionar
queimaduras sérias.
• Soldar sempre em local bem ventilado para evitar intoxicações ou asfixia.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Orientações Gerais
Antes de começar a soldar em posições elevadas, verificar se há pessoas ou
material inflamável por baixo do posto de trabalho.
66
•
• Nunca retirar escória do cordão de solda sem o uso de óculos de proteção
contra impactos.
• É expressamente proibido serviços de solda dentro do recinto do tanque de
GLP.
• Não dispor a máquina de solda direto no piso, suspender cabos elétricos de
forma que não fique próximo das mangueiras de gás.
• Verificar se máquinas e equipamentos estão aterrados devidamente.
NR 34 – Atividade
com Solda
Tipos de Solda
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Solda Elétrica
68
•
• Os equipamentos de soldagem elétrica devem ser aterrados.
• Não utilizar cabos elétricos deteriorados, torcidos, esmagados ou cortados.
• Os fios condutores dos equipamentos, as pinças ou alicates de soldagem devem
ser mantidos longe de locais com óleo, graxa ou umidade, e devem ser deixados
em descanso sobre superfícies isolantes.
O dispositivo usado para manusear eletrodos deve ter isolamento adequado à
corrente usada, a fim de se evitar a formação de arco elétrico ou choques no
operador.
• O eletrodo deverá estar bem seco e com revestimento intacto.
• Amáquina de solda elétrica deverá estar ligada ao terra (aterramento elétrico);
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Solda Elétrica
69
•
•
•
O cabo elétrico de alimentação, plugue e tomada da máquina de solda
deverão estar em perfeitas condições de isolamento.
• A peça a ser soldada deverá estar aterrada com alicate terra adequado
(grampo terra).
Nos trabalhos com vasilhame, recipiente, tanque ou similar, que
envolvam geração de gases confinados ou semi confinados, é
obrigatória a adoção de medidas preventivas adicionais para eliminar
riscos de explosão e intoxicação do funcionário.
Na ocorrência de qualquer CONDIÇÃO ANORMAL (condição não
prevista, impeditiva e/ou abaixo dos padrões mínimos de segurança)
durante a execução do trabalho, a atividade deverá ser paralisada
IMEDIATAMENTE e o fato comunicado ao superior imediato e a
Segurança do Trabalho para a avaliação da CONDIÇÃO ANORMAL.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Soldagem com OXI-ACETILÊNICO:
70
•
•
•
•
A área de armazenagem dos cilindros de acetileno será sinalizada com placas
de advertência, com a proibição de fumar e de produzir ou alimentar chamas.
Tal área deve ficar afastada de substâncias inflamáveis ou combustíveis, bem
como quaisquer fontes de calor.
Aquantidade armazenada será limitada a 10 (dez) cilindros.
A iluminação do local de armazenagem de acetileno deve ser do tipo anti
explosivo e o interruptor deve se localizar do lado externo da edificação.
O local de armazenamento dos cilindros deve ser bem ventilado, coberto,
protegido contra raios solares e contra a umidade, bem como ficar ao lado de
fora das edificações.
• Os cilindros não devem ser submetidos a impactos (quedas, choque mecânico
etc.). Mantê-los fora das áreas de circulação de pessoas e equipamentos.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
71
Soldagem com OXI-ACETILÊNICO:
• Os cilindros de acetileno não devem ser armazenados perto dos de oxigênio.
A separação entre os dois gases exige distância mínima de 6,0 m (seis metros)
ou a instalação de parede não inflamável.
• Em nenhum caso será permitido o contato de chamas com os dispositivos de
segurança dos cilindros.
• Todas as medidas devem ser tomadas, para evitar o contato dos cilindros de
acetileno com o circuito elétrico.
• Utilizar sempre carrinhos adequados para o transporte de cilindros, o que
proporciona operação mais segura e cômoda.
• Os cilindros devem permanecer sempre na vertical seja no armazenamento,
no transporte ou na sua utilização.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Soldagem com OXI-ACETILÊNICO:
72
• Com exceção dos cilindros em uso, em todos os demais os
(capacetes) de proteção das válvulas devem ser mantidos atarraxados,
durante todo o tempo.
• As válvulas dos cilindros, assim como qualquer outro componente do
sistema oxiacetilênico, não podem ser separadas pelo usuário. Só os
serviços de assistência técnica dos fornecedores estão autorizados a
realizar operações dessa natureza.
• Nunca obstruir os dispositivos de segurança das válvulas e dos
cilindros.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Cilindro de Oxigênio:
• - É proibida a presença de substâncias inflamáveis e/ou explosivas
próximo às garrafas de O2 (oxigênio).
73
• - Os cilindros vazios e cheios, nunca devem ser armazenados
juntos.
• - Não devem ficar expostos a temperaturas maiores que 50 oC
(graus centígrados), nem se deve permitir o contato de chamas
com parte alguma dos cilindros.
• - Não colocar em locais onde possa haver exposição à corrente
elétrica.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Cilindro de Oxigênio:
74
• Manter a válvula protegida pelo (capacete) do cilindro.
• Nunca deixar os cilindros caírem nem permitir que se choquem
uns contra os outros. Evitar que sejam arrastados, rolados e
deslizados.
• Armazenar os cilindros em locais abertos, protegidos contra o
excesso de umidade, a temperatura excessiva e os raios solares.
• O (capacete) de proteção deve ser mantido em seu lugar até que o
cilindro seja apoiado em um suporte ou conectado (em bateria).
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Cilindro de Oxigênio:
Não devem ser utilizados chaves ou martelos para abrir ou fechar válvula de
cilindros.
75
•
• Quando a pressão do gás no cilindros ultrapassa valores pré estabelecidos,
ocorre a quebra do disco de ruptura, o que evita explosões.
• As válvulas dos cilindros, assim como qualquer outro componente do sistema
de oxigênio, não podem ser separados pelo usuário. Só os serviços de
assistência técnica dos fornecedores estão autorizados a realizar operações
dessa natureza.
• A contaminação de equipamento de oxigênio com óleo ou graxa pode levar à
explosão de válvulas, reguladores de pressão e manômetros, devido a reação do
oxigênio com hidrocarbonetos que pode acontecer mesmo sem a presença de
chama.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
MANGUEIRAS DEACETILENO E OXIGÊNIO
76
•
•
•
As mangueiras apropriadas para os serviços de solda oxiacetilênica são as
constituídas com carcaça trançada de fibra sintética, resistentes à pressão,
altamente flexíveis e de baixo peso.
Assegurar que não há fuga de gás nas mangueiras. Nunca vedar um vazamento
com fita isolante ou produto similar.
As mangueiras devem estar sempre estar em bom estado de conservação. Nunca
usar, portanto aquelas que mostram sinais de dobramentos, escoriações e
amolecimento.
• Amangueira de acetileno deve ser vermelha.
• Amangueira de oxigênio deve ser de cor verde.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
Atividades com Solda
77
•
•
•
• Antes de iniciar as operações, todas as conexões à máquina de soldagem e
garrafas de corte a gás devem ser criteriosamente verificadas para saber se
estão em condições seguras de operação. Quando as operações de soldagem
forem interrompidas por um curto período, para almoço, por exemplo, o
soldador verificará o seu equipamento para certificar-se de que nada ocorreu a
este durante o intervalo.
Mangueiras devem ser verificadas quanto a danos ou vazamentos. As conexões
aos medidores devem ser conferidas para assegurar-se que estejam firmes.
Se o trabalho for interrompido por um período, uma revisão dos vapores de
gás combustível deverá ser feita antes de se dar prosseguimento aos cortes ou
às operações de soldagem.
O soldador deve usar um limpador de bico para limpar partículas estranhas de
dentro do bico de corte. O bico de corte não deve ser friccionado numa
superfície que contenha gás ou oxigênio.
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
78
Atividades com Solda
Após o encerramento de um turno de trabalho, ou nos intervalos para
refeições, o soldador deve desligar as válvulas de oxigênio e acetileno e
liberar a pressão das mangueiras e dos instrumentos de medida.
•
• Mangueiras de acetileno e oxigênio que estejam rachadas ou quebradas
devem ser tiradas de uso e substituídas. Mangueiras de borracha
deterioram-se com o tempo e devem ser substituídas periodicamente
conforme recomendação do fabricante.
• Reguladores de pressão apropriados devem ser usados em todos os
cilindros de oxigênio e acetileno (isto é, reguladores de pressão de
oxigênio devem ser usados nos cilindros de oxigênio e reguladores de
pressão de acetileno devem ser usados nos cilindros de acetileno).
NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA
79
•
•
•
•
Observador do Fogo
Uma vigilância de incêndio será designada e claramente identificada para quaisquer
operações de soldagem ou corte executada fora da área designada de soldagem de
segurança;
• Durante o trabalho a quente, a vigilância de incêndio não deverá ter outro dever
senão o de dar auxílio completo ao trabalho a quente na área externa àquela
designada como sendo de segurança;
O mesmo deve estar familiarizado com todo o equipamento de segurança e de
combate a incêndio localizado na área adjacente ao trabalho;
Fazer verificações periódicas com um equipamento de monitoramento de gás;
Verificar periodicamente se as áreas adjacentes quando houver queima ou
solda em paredes, convés e telhados;
• Ser capaz de isolar equipamentos em casos de emergência;
• Monitorar continuamente a área quanto a faíscas acidentais;
• Utilizar óculos de proteção adequados nas imediações do trabalho;
• Estar familiarizado com os sistemas de comunicação de emergência e as
localizações.
OBRIGADO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento nr 12
Treinamento nr 12Treinamento nr 12
Treinamento nr 12
RogrioTorresTorres
 
Treinamento NR12 - Obra.pptx
Treinamento NR12 - Obra.pptxTreinamento NR12 - Obra.pptx
Treinamento NR12 - Obra.pptx
smscentauro
 
Nr 12
Nr 12Nr 12
Treinamento nr 20 completo
Treinamento nr 20 completoTreinamento nr 20 completo
Treinamento nr 20 completo
marciliolopeslopes
 
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
IZAIAS DE SOUZA AGUIAR
 
Treinamento nr 20 posto
Treinamento nr 20   postoTreinamento nr 20   posto
Treinamento nr 20 posto
Rafael Ortiz
 
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Ana Paula Santos de Jesus Souza
 
Treinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptx
Treinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptxTreinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptx
Treinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptx
Rudinei de Moura
 
Nr 20
Nr 20 Nr 20
Resgate em altura
Resgate em alturaResgate em altura
Resgate em altura
Beatriz Bauer Bauer
 
Nr33
Nr33Nr33
Apresentação NR 35 - Trabalho em altura lino
 Apresentação NR 35 - Trabalho em altura   lino Apresentação NR 35 - Trabalho em altura   lino
Apresentação NR 35 - Trabalho em altura lino
lino1250
 
Prova treinamento-munck
Prova treinamento-munckProva treinamento-munck
Prova treinamento-munck
Lisyane Silveira
 
Certificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptx
Certificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptxCertificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptx
Certificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptx
ruy vicente Santos
 
Segurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptx
Segurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptxSegurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptx
Segurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptx
Anderson Luiz Coelho
 
Primeiros socorros e resgate espaço confinado
Primeiros socorros e resgate espaço confinadoPrimeiros socorros e resgate espaço confinado
Primeiros socorros e resgate espaço confinado
Tito Batalha
 
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e IITrabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Claudio Cesar Pontes ن
 
Aula - NR 06 - EPI.ppt
Aula - NR 06 - EPI.pptAula - NR 06 - EPI.ppt
Aula - NR 06 - EPI.ppt
Cristian Briet
 
Nr 12 anexo VII
Nr 12 anexo VIINr 12 anexo VII
Treinamento NR-12- 2023.pptx
Treinamento NR-12- 2023.pptxTreinamento NR-12- 2023.pptx
Treinamento NR-12- 2023.pptx
Antonio Bezerra
 

Mais procurados (20)

Treinamento nr 12
Treinamento nr 12Treinamento nr 12
Treinamento nr 12
 
Treinamento NR12 - Obra.pptx
Treinamento NR12 - Obra.pptxTreinamento NR12 - Obra.pptx
Treinamento NR12 - Obra.pptx
 
Nr 12
Nr 12Nr 12
Nr 12
 
Treinamento nr 20 completo
Treinamento nr 20 completoTreinamento nr 20 completo
Treinamento nr 20 completo
 
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
 
Treinamento nr 20 posto
Treinamento nr 20   postoTreinamento nr 20   posto
Treinamento nr 20 posto
 
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
 
Treinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptx
Treinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptxTreinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptx
Treinamento para Segurança em Trabalho a Quente.pptx (1).pptx
 
Nr 20
Nr 20 Nr 20
Nr 20
 
Resgate em altura
Resgate em alturaResgate em altura
Resgate em altura
 
Nr33
Nr33Nr33
Nr33
 
Apresentação NR 35 - Trabalho em altura lino
 Apresentação NR 35 - Trabalho em altura   lino Apresentação NR 35 - Trabalho em altura   lino
Apresentação NR 35 - Trabalho em altura lino
 
Prova treinamento-munck
Prova treinamento-munckProva treinamento-munck
Prova treinamento-munck
 
Certificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptx
Certificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptxCertificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptx
Certificado de treinamento de NR 18- Jucelino Jose da Silva Filho.pptx
 
Segurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptx
Segurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptxSegurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptx
Segurança na Operação com Trabalho a Quente NR 34.5.pptx
 
Primeiros socorros e resgate espaço confinado
Primeiros socorros e resgate espaço confinadoPrimeiros socorros e resgate espaço confinado
Primeiros socorros e resgate espaço confinado
 
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e IITrabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
Trabalho em Altura (NR-35) + Anexos I e II
 
Aula - NR 06 - EPI.ppt
Aula - NR 06 - EPI.pptAula - NR 06 - EPI.ppt
Aula - NR 06 - EPI.ppt
 
Nr 12 anexo VII
Nr 12 anexo VIINr 12 anexo VII
Nr 12 anexo VII
 
Treinamento NR-12- 2023.pptx
Treinamento NR-12- 2023.pptxTreinamento NR-12- 2023.pptx
Treinamento NR-12- 2023.pptx
 

Semelhante a NR34 - TRABALHO A QUENTE.pptx

551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx
551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx
551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx
YagoGodz1
 
NR 34,5.pptx
NR 34,5.pptxNR 34,5.pptx
NR 34,5.pptx
DouglasRegino1
 
nr-34.pptx
nr-34.pptxnr-34.pptx
Trabalho a Quente modulo 2.pptx
Trabalho a Quente modulo 2.pptxTrabalho a Quente modulo 2.pptx
Trabalho a Quente modulo 2.pptx
Anderson Luiz Coelho
 
Trabalho a quente modulo II
Trabalho a quente   modulo IITrabalho a quente   modulo II
Trabalho a quente modulo II
emanueltstegeon
 
Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02
Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02
Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02
STT Segurança do Trabalho e Treinamentos
 
NR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptx
NR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptxNR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptx
NR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptx
AndreLuis202744
 
NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...
NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...
NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...
BrunoBaptista41
 
Trabalho a quente.ppt
Trabalho a quente.pptTrabalho a quente.ppt
Trabalho a quente.ppt
DaviCarvalho65
 
nr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.ppt
nr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.pptnr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.ppt
nr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.ppt
RayssaLinhares
 
Apostila seguranca na_soldagem_rev0
Apostila seguranca na_soldagem_rev0Apostila seguranca na_soldagem_rev0
Apostila seguranca na_soldagem_rev0
LukasSeize
 
7682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev0
7682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev07682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev0
7682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev0
Fabio Prado
 
(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01
(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01
(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01
Jose Fernandes
 
Permissão Trabalho a Quente.pdf
Permissão Trabalho a Quente.pdfPermissão Trabalho a Quente.pdf
Permissão Trabalho a Quente.pdf
Leomir Borghardt
 
seguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.ppt
seguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.pptseguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.ppt
seguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.ppt
GuilhermeEsteves26
 
Risco trabalho a quente
Risco trabalho a quente Risco trabalho a quente
Risco trabalho a quente
JosCarlosFreitasdeMe
 
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptxNR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NestorJunio1
 
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptxNR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
carlos silva Rotersan
 
Treinamento NR 33.pptx
Treinamento NR 33.pptxTreinamento NR 33.pptx
Treinamento NR 33.pptx
AdelmaSiles
 
SERVIÇO A QUENTE 000000000000000000000000000000000000
SERVIÇO A QUENTE  000000000000000000000000000000000000SERVIÇO A QUENTE  000000000000000000000000000000000000
SERVIÇO A QUENTE 000000000000000000000000000000000000
caduzinho70
 

Semelhante a NR34 - TRABALHO A QUENTE.pptx (20)

551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx
551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx
551199721-Treinamento-NR34-Trabalho-a-Quente-Macarico-Corte-e-Solda.pptx.pptx
 
NR 34,5.pptx
NR 34,5.pptxNR 34,5.pptx
NR 34,5.pptx
 
nr-34.pptx
nr-34.pptxnr-34.pptx
nr-34.pptx
 
Trabalho a Quente modulo 2.pptx
Trabalho a Quente modulo 2.pptxTrabalho a Quente modulo 2.pptx
Trabalho a Quente modulo 2.pptx
 
Trabalho a quente modulo II
Trabalho a quente   modulo IITrabalho a quente   modulo II
Trabalho a quente modulo II
 
Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02
Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02
Informativo risk engineering_consolidado_seguranca_em_trabalhos_a_quente_a02
 
NR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptx
NR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptxNR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptx
NR34 - Treinamento Trabalho a Quente - 2023.pptx
 
NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...
NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...
NR 34 – CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E RE...
 
Trabalho a quente.ppt
Trabalho a quente.pptTrabalho a quente.ppt
Trabalho a quente.ppt
 
nr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.ppt
nr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.pptnr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.ppt
nr18_trein_soldagem-dicas-de-seguranca-e-instrucoes-da-NR-18.ppt
 
Apostila seguranca na_soldagem_rev0
Apostila seguranca na_soldagem_rev0Apostila seguranca na_soldagem_rev0
Apostila seguranca na_soldagem_rev0
 
7682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev0
7682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev07682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev0
7682972 esab-ok-apostila-seguranca-na-soldagem-rev0
 
(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01
(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01
(290779439) apostilasegurancanasoldagemrev1 140415172748-phpapp01
 
Permissão Trabalho a Quente.pdf
Permissão Trabalho a Quente.pdfPermissão Trabalho a Quente.pdf
Permissão Trabalho a Quente.pdf
 
seguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.ppt
seguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.pptseguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.ppt
seguranca-do-trabalho-na-atividade-com-solda.ppt
 
Risco trabalho a quente
Risco trabalho a quente Risco trabalho a quente
Risco trabalho a quente
 
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptxNR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
 
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptxNR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
NR18---Treinamento---Operador-Solda---P21-NR18---Abr-21.pptx
 
Treinamento NR 33.pptx
Treinamento NR 33.pptxTreinamento NR 33.pptx
Treinamento NR 33.pptx
 
SERVIÇO A QUENTE 000000000000000000000000000000000000
SERVIÇO A QUENTE  000000000000000000000000000000000000SERVIÇO A QUENTE  000000000000000000000000000000000000
SERVIÇO A QUENTE 000000000000000000000000000000000000
 

NR34 - TRABALHO A QUENTE.pptx

  • 1. NR34 Módulo Específico - Trabalho à Quente
  • 2. NR34Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Observações Gerais
  • 3. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Conteúdo Programático 4.2.2Atividade com maçarico - Riscos e Forma de Prevenção: • Riscos no Corte e Solda a Gás; • Cilindros de Gases; • Sistemas deAlimentação de Gases; • Características dos Gases Utilizados (Acetileno, Oxigênio, GLP); • Mangueiras de Gases; • Maçaricos. • EPI e EPC. Carga Horária: • 4 horas
  • 4. NR34Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Sobre a NR34
  • 5. NR 34 Módulo Geral Inspeção Preliminar:Análise de Risco 2. Inspeção Preliminar 1.Nos locais onde se realizam trabalhos a quente deve ser efetuada inspeção preliminar, de modo a assegurar que: • a) o local de trabalho e áreas adjacentes estejam limpos, secos e isentos de agentes combustiveis, inflamáveis, tóxicos e contaminantes; • b) a área somente seja liberada após constatação da ausência de atividades incompativeis com o trabalho a quente; • c) o trabalho a quente seja executado por trabalhador capacitado.
  • 6. NR 34 Módulo Geral 6 Proteção Contra Incêndio 3. Proteção contra Incêndio 1.Cabe aos empregadores tomar as seguintes medidas de proteção contra incêndio nos locais onde se realizam trabalhos a quente: a) providenciar a eliminação ou manter sob controle possíveis riscos de incêndios; b) instalar proteção física adequada contra fogo, respingos, calor, fagulhas ou borras, de modo a evitar o contato com materiais combustíveis ou inflamáveis, bem como interferir em atividades paralelas ou na circulação de pessoas; c) manter desimpedido e próximo à área de trabalho sistema de combate a incêndio, especificado conforme tipo e quantidade de inflamáveis e/ou combustíveis presentes; d) inspecionar o local e as áreas adjacentes ao término do trabalho, a fim de evitar princípios de incêndio.
  • 7. NR 34 Módulo Geral Controle de Fumos e Contaminantes 4. Controle de fumos e contaminantes 1. Para o controle de fumos e contaminantes decorrentes dos trabalhos a quente devem ser implementadas as seguintes medidas: a) limpar adequadamente a superfície e remover os produtos de limpeza utilizados, antes de realizar qualquer operação; b) providenciar renovação de ar a fim de eliminar gases, vapores e fumos empregados e/ou gerados durante os trabalhos a quente. 2. Sempre que ocorrer mudança nas condições ambientais estabelecidas as atividades devem ser interrompidas, avaliando-se as condições ambientais e adotando- se as medidas necessárias para adequar a renovação de ar. 3. Quando a composição do revestimento da peça ou dos gases liberados no processo de solda/aquecimento não for conhecida, deve ser utilizado equipamento autônomo de proteção respiratória ou proteção respiratória de adução por linha de ar comprimido, de acordo com o previsto no Programa de Proteção Respiratória - PPR. 7
  • 8. NR 34 Módulo Geral Medidas Específicas - APR: Medidas Específicas 34.2.1. Devem ser empregadas técnicas deAPR para: a) determinar as medidas de controle; b) definir o raio de abrangência; c) sinalizar e isolar a área; d) avaliar a necessidade de vigilância especial contra incêndios (observador) e de sistema de alarme; e) outras providências, sempre que necessário. 8
  • 9. NR 34 Módulo Geral Medidas Específicas - APR: 1. Antes do início dos trabalhos a quente, o local deve ser inspecionado, e o resultado da inspeção ser registrado na Permissão de Trabalho. 2. As aberturas e canaletas devem ser fechadas ou protegidas, para evitar projeção de fagulhas, combustão ou interferência em outras atividades. 3. Quando definido na APR, o observador deve permanecer no local, em contato permanente com as frentes de trabalho, até a conclusão do serviço. O observador deve receber treinamento ministrado por trabalhador capacitado em prevenção e combate a incêndio, com conteúdo programático e carga horária mínima conforme o item 1 doAnexo I da NR34 9
  • 10. NR34 Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Maçarico
  • 11. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO O que é Maçarico? Trata-se de um aparelho no qual se processa a combinação sob determinada pressão de um gás comburente com outro combustível. Em seguida após inflamada, esta combinação acarreta uma chama, com uma temperatura aproximada de 3.200 graus centígrados, então, capaz de fundir os metais que não contenham mais de 1,9% de carbono. 11
  • 12. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 12 FOTO DE UM MAÇARICO
  • 13. NR34ATIVIDADES COM MAÇARICO Quais seriam os riscos? 13
  • 14. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Riscos: Ruído, Calor, Fumos Metálicos, Luminosidade, etc. 14 Podem causar perda auditiva, queimaduras, intoxicação, catarata.
  • 15. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Materiais: Chapas metálicas, equipamentos elétricos, pontas de materiais etc. 15 Podem causar quedas, ferimentos, choques elétricos, queimaduras, etc.
  • 16. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Instalações Elétricas 16 Podem causar choques elétricos, queimaduras, óbito e incêndio.
  • 17. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Improvisos não podem ser tolerados! 17 É imprevisível o que o improviso pode causar.
  • 18. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Atividade a Quente – Recomendações 18 • • • Antes de iniciar as operações, todas as conexões à máquina de soldagem e garrafas de corte a gás devem ser criteriosamente verificadas para saber se estão em condições seguras de operação. Quando as operações de soldagem forem interrompidas por um curto período, para almoço, por exemplo, o soldador verificará o seu equipamento para certificar-se de que nada ocorreu a este durante o intervalo. Mangueiras devem ser verificadas quanto a danos ou vazamentos. As conexões aos medidores devem ser conferidas para assegurar-se que estejam firmes. Se o trabalho for interrompido por um período, uma revisão dos vapores de gás combustível deverá ser feita antes de se dar prosseguimento aos cortes ou às operações de soldagem. • O soldador deve usar um limpador de bico para limpar partículas estranhas de dentro do bico de corte. O bico de corte não deve ser friccionado numa superfície que contenha gás ou oxigênio.
  • 19. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Atividade a Quente – Recomendações 19 • • Após o encerramento de um turno de trabalho, ou nos intervalos para refeições, o soldador deve desligar as válvulas de oxigênio e acetileno e liberar a pressão das mangueiras e dos instrumentos de medida. Mangueiras de acetileno e oxigênio que estejam rachadas ou quebradas devem ser tiradas de uso e substituídas. Mangueiras de borracha deterioram-se com o tempo e devem ser substituídas periodicamente conforme recomendação do fabricante. • Reguladores de pressão apropriados devem ser usados em todos os cilindros de oxigênio e acetileno (isto é, reguladores de pressão de oxigênio devem ser usados nos cilindros de oxigênio e reguladores de pressão de acetileno devem ser usados nos cilindros de acetileno).
  • 20. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Atividade a quente em Espaços Confinados... 20 Podem causar asfixia, desmaios, tonturas e até obito.
  • 21. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Cuidados com Trabalhos em Espaço Confinado e a quente 21  Faça uma verificação da área antes de iniciar a atividade;  Planeje a tarefa juntamente com o responsável pela área;  Será necessário abertura de PT x PET x APR x DDSMS x Certificados, ASO e demais anexos que sejam necessários; Certifique-se que o local está apropriado para iniciar a atividade;   V erifique se existem procedimentos, condições impeditivas para realização desta atividade;   Medição dos gases que possam existir no EC; Conhecimento do tipo de EC x Gases Poluentes x Meios de Acesso x Planejamento do Resgate; Montar acesso seguro para o EC com EPC x EPI x Ventilação, dentre outros; Realizar uma boa reunião pré trabalho antes de iniciar a atividade;  
  • 22. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 22 • Quando as operações de corte forem interrompidas por um período (isto é, intervalos para refeições, descanso, fim de turno, etc.) os controles devem ser fechados e as mangueiras devem ser despressurizadas. • Se uma corrente de ar adequada não puder ser fornecida junto aos soldadores e auxiliares, eles devem usar máscara anti-fumaça ou equipamentos de respiração autônomos apropriados, quando fizerem corte ou soldagem em espaço confinado. • Para fazer com que a fumaça da soldagem ou do corte não atinjam o soldador/auxiliar, os dutos de ventilação devem estar localizados de modo a permitir uma alta concentração de corrente de ar próxima ao soldador/auxiliar. • Devem ser tomados cuidados para posicionar a aspiração da ventilação numa área de ar puro. Deve ser fornecido aos soldadores um ar de boa qualidade. Cuidados com Trabalhos em Espaço Confinado e a quente
  • 23. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Práticas Específicas de Segurança na Soldagem e Corte • Não deve ser usado gás comprimido ou oxigênio para finalidades de limpeza. • Um acendedor por atrito será usado para acender a chama. Não devem ser usados isqueiros, metais quentes, etc., para acender o bico. • Os soldadores não devem conduzir ou ter consigo isqueiros durante a soldagem ou o corte. • Não usar lente de contato; • Óleo, graxa, sabão ou outros produtos à base de petróleo não devem ser usados em conexões de equipamentos de oxigênio ou gás comprimido. Isto pode causar uma explosão. • As mangueiras e os dutos de solda que não estiverem em condições adequadas devem ser substituídos e descartados, a fim de impedir o seu uso futuro. • Se qualquer gás combustível/inflamável mais pesado do que o ar (isto é, H2S) estiver sendo liberado do duto do poço, todos os trabalhos com chamas devem ser suspensos imediatamente. 23 Cuidados com Trabalhos em Espaço Confinado e a quente
  • 24. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Atenção Quanto ao Oxigênio 24 O oxigênio NUNCA deve ser utilizado para refrescar o corpo, ventilar um espaço ou limpar o pó da roupa, visto que numa atmosfera rica em oxigênio uma simples faísca produz a queima instantânea de todos os materiais combustíveis existentes no local, inclusive a vestimenta do soldador, resultando na maioria dos casos em acidentes fatais.
  • 25. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 25 • • Observador do Fogo • Uma vigilância de incêndio será designado e claramente identificável para quaisquer operações de soldagem ou corte executada fora da área designada de soldagem de segurança. Durante o trabalho a quente, a vigilância de incêndio investida como tal não deverá ter outro dever senão o de dar auxílio completo ao trabalho a quente na área externa àquela designada como sendo de segurança. O mesmo deve estar familiarizado com todo o equipamento de segurança e de combate a incêndio localizado na área adjacente ao trabalho. • Fazer verificações periódicas com um equipamento de monitoramento de gás. • Verificar periodicamente se as áreas adjacentes quando houver queima ou solda em paredes, convés e telhados. • Ser capaz de isolar equipamentos em casos de emergência. • Monitorar continuamente a área quanto a faíscas acidentais. • Utilizar óculos de proteção adequados nas imediações do trabalho. • Estar familiarizado com os sistemas de comunicação de emergência e suas localizações.
  • 26. NR34Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Orientações Quanto ao uso de Maçaricos
  • 27. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Orientações quanto ao uso de Maçarico 27 • Para ligar um maçarico profissional, especialmente soldadores devem usar EPI, como luvas, avental e, o mais importante, óculos ou máscaras que cubram o rosto e tenham lentes polarizadas (devido ao brilho intenso da chama). • Verifique as conexões e o estado geral da caneta de maçarico e das mangueiras. • Verifique se há qualquer vazamento (mangueiras e conexões). • Certifique-se de que não há nenhum vazamento de gás. • Se estiver saindo faísca em grandes quantidades do maçarico, pode ser um indicio de que algo não está certo, pode ser que a pressão do gás esteja elevada. • Quando for colocar o refil de gás em seu maçarico, leia com a embalagem com atenção, eles trazem informações importantes para sua segurança. • ISOLE O TRABALHO DOS OUTROS TRABALHADORES (Biombos e anteparas); • VERIFIQUE SE O TRABALHO É COMPATÍVEL COM TRABALHOS PRÓXIMOS.
  • 28. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Orientações quanto ao uso de Maçarico  É necessário fazer uma varredura de todo local de trabalho antes do início da atividade  Use sempre a máscara de solda e todos os equipamentos complementares;  Jamais olhe diretamente para a solda;  Verifique o aterramento da máquina;  Verifique atividades simultâneas próximas (por exemplo, soldar ao lado de pintura pode causar incêndio ou explosão).  Observador do fogo 28
  • 29. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Orientações quanto ao uso de Maçarico  As roupas não devem ter manchas de óleo ou de graxa (Devido a facilidade de combustão com o fogo podendo causar algum acidente);  Se estiver saindo faísca em grandes quantidades do maçarico, pode ser um indicio de que algo não está certo, pode ser que a pressão do gás esteja elevada.  Quando for colocar o refil de gás em seu maçarico, leia com a embalagem com atenção, eles trazem informações importantes para sua segurança.  Ao término do serviço, as mangueiras de alimentação devem ser desconectadas.  Os equipamentos inoperantes e as mangueiras de gases devem ser mantidos fora dos espaços confinados. 29
  • 30. NR34Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Cilindros dos Gases e Alimentação
  • 31. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Cilindros de Gases – Recomendações 31 • • • • Não armazená-los juntos, sempre separados e respeitando uma distância entre eles; • Mantê-los sempre com seus capacetes e na vertical, bem amarrados; Ideal armazená-los em gaiola e nunca em contato direto com o chão; Manter os cilindros cheios separados dos vazios; Armazenar em locais arejados;
  • 32. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Circuito de Gases – Recomendações Quanto ao circuito de gás, devem ser observadas: • A inspeção antes do início do trabalho, de modo a assegurar a ausência de vazamentos e o seu perfeito estado de funcionamento; • Manutenção com a periodicidade estabelecida pelo setor de manutenção, conforme especificações técnicas do fabricante/fornecedor. • Somente é permitido emendar mangueiras por meio do uso de conector, em conformidade com as especificações técnicas do fornecedor/fabricante. 32
  • 33. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 33 Cilindros de Gases Os cilindros de gás devem ser: • Mantidos em posição vertical, fixados e distantes de chamas, fontes de centelhamento, calor ou de produtos inflamáveis; • Instalados de forma a não se tornar parte de circuito elétrico, mesmo que acidentalmente; • Transportados na posição vertical, com capacete rosqueado,por meio de equipamentos apropriados, devidamente fixados, evitando-se colisões; • Quando inoperantes e/ou vazios, mantidos com as válvulas fechadas e guardados com o protetor de válvulas (capacete rosqueado). É proibida a instalação de cilindros de gases em ambientes confinados. Sempre que o serviço for interrompido, devem ser fechadas as válvulas dos cilindros, dos maçaricos e dos distribuidores de gases.
  • 34. NR34ATIVIDADES COM MAÇARICO 34 Sistema deAlimentação dos Gases
  • 35. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 35
  • 36. NR34 Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Características dos Gases Utilizados
  • 37. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 37 Utilização de Gases Nos trabalhos a quente que utilizem gases devem ser adotadas as seguintes medidas: • Utilizar somente gases adequados à aplicação, de acordocom as informações do fabricante; • Sseguir as determinações indicadas na Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos – FISPQ e manter a mesma no local; • Usar reguladores de pressão calibrados e em conformidade com o gás empregado. • É proibida a instalação de adaptadores entre o cilindro e o regulador de pressão. No caso de equipamento de oxiacetileno, deve ser utilizado dispositivo contra retrocesso de chama nas alimentações da mangueira e do maçarico (Caneta e regulador de pressão).
  • 38. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Características dos Gases Utilizados • Acetileno – Característica: É um gás incolor de cheiro característico e altamente combustível. Sua notação química é C2H2. É um composto instável, sujeito a violentas explosões quando se decompõe. Pôr esse motivo, este gás não deve ser comprimido, quando puro, para suportar pressões superiores a 15 libras por polegada quadrada (psi). Em determinadas condições, quando em contato com a prata, mercúrio e cobre, pode provocar explosões. • Efeitos: O acetileno é um gás anestésico, não venenoso. Suas concentrações muito altas em ambientes fechados sufocam o ser humano, em virtude da exclusão do oxigênio. Os trabalhos em altas estruturas, onde as vertigens podem ocasionar quedas, com graves consequências, deve-se ter o cuidado para não respirar o acetileno. 38
  • 39. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Acetileno – Cuidados: 39 • • Nunca deixar os cilindros deAcetileno diretamente sob o sol; Os cilindros deverão ser armazenados em locais adequados e seguros; Evitar os choques, quedas ou golpes com os cilindros de Acetileno; Não utilizar qualquer peça ou tubo de cobre ou latão para a circulação do acetileno; Usar sempre um regulador de Acetileno, ligado à válvula do cilindro, seja qual for à aplicação dada ao gás. • • •
  • 40. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Oxigênio – Características: É um gás comburente, incolor e insípido (SEM GOSTO SEM CHEIRO), seu símbolo é O2. Convém mencionar que, no ar atmosférico, o oxigênio está na proporção de 21% e o nitrogênio com quase 79%. Em pequenas quantidades, existem ainda, na composição do ar atmosférico os chamados gases raros, são eles: Hélio, Xenônio, Argônio e o Criptônio. 40
  • 41. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Precauções Gerais com o Oxigênio: • Nunca utilize oxigênio em aparelhos para os quais seja necessário o ar comprimido; • Evite qualquer contato de óleo ou graxa, com qualquer parte do cilindro, da rede, reguladores ou dos seus acessórios. O óleo ou a graxa pode formar compostos e queimar violentamente na presença do oxigênio. 41
  • 42. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Precauções Gerais com o Oxigênio: Ao ligar diretamente o maçarico observar o seguinte: 42 • • Se há qualquer vazamento de oxigênio e acetileno, no maçarico, reguladores, válvula hidráulica, mangueira e válvula de retenção; Observar a tabela progressiva de regulagens como padrão, pelas fábricas de maçaricos; • Jamais utilizar o oxigênio para refrigerar o ambiente de trabalho. Por ser altamente comburente, isto é, pode ativar a combustão, altas concentrações poderão ocasionar combustão, seguida de explosão.
  • 43. NR34 Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção Riscos no corte e Solda à Gás
  • 44. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO O retrocesso da chama O manuseio incorreto do maçarico pode causar o retrocesso da chama. Principais causas: • Toque do bico do maçarico na peça; • O superaquecimento do bico do maçarico; • Utilização de pressões inadequadas; • Bico mal apertado; • Sujeira na sede do bico do maçarico • Vazamento; Quando o motivo do retrocesso tiver sido determinado e eliminado o seu agente, o maçarico poderá ser aceso novamente, pela maneira usual. 44
  • 45. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Engolimento da Chama O engolimento da chama ocorre quando a chama queima de volta para dentro do maçarico, comumente com um silvo agudo. No caso de acontecer um engolimento da chama proceda como segue: 45 • • Feche imediatamente a válvula do acetileno; NOTA: dependendo do período, isto é, do tempo que se leva para fechar a válvula, poderá o operador optar em fechar a válvula do acetileno ou do oxigênio. Quando se verificar o engolimento da chama, a queima interna pode chegar até ao derretimento do divergente. Neste caso que é uma exceção do processo de fechamento, fecha-se à válvula do oxigênio; Fechar a válvula de oxigênio de corte; Se os engolimentos ocorrem, mesmo após a verificação dos motivos prováveis já descritos, leve o maçarico à seção de recondicionamento para a eliminação do defeito ou descarte-o. • •
  • 46. NR34Atividade com Maçarico – Riscos e Forma de Prevenção (EPI & EPC)
  • 47. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 47 Recomenda-se que o soldador e se for o caso seu ajudante utilize os seguintes EPI’s:
  • 48. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO 48 UZ DE BRIM Recomenda-se que o soldador e se for o caso seu ajudante utilize os seguintes EPI’s: Observações: 1. A roupa deve estar livre de óleo e graxa 2. Cada EPI deve ter o respectivo C.A. (Certificado de Aprovação) fornecido pelo MTE, (Ministério do Trabalho e Emprego).
  • 49. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Observações: 49 • • Devem estar íntegros e em bom estado de uso; Selecionar EPI adequado a depender da atividade que será desenvolvida; Inspecionar o EPI antes do uso se faz necessário, assim como a guarda dele; •
  • 50. NR34 ATIVIDADES COM MAÇARICO Atenção: Todo trabalho a quente requer abertura de uma permissão para Trabalho, esteja familiarizado com todo o processo e em caso de dúvida, fale com o SMS 50
  • 51. NR 34 -Atividade com Solda Observações Gerais
  • 52. NR 34 ATIVIDADES COM SOLDA Conteúdo Programático 4.2.1Atividade com Solda - Riscos e Formas de Prevenção: • Riscos da Solda Elétrica; • Radiações Não Ionizantes; • Gases e Fumos Metálicos; • Máquinas de Solda; • Cabos de Solda; • Eletrodos; • Circuito de Corrente de Solda; • Riscos nas Soldas com Eletrodos Especiais; • Riscos nas Soldas com Processos Especiais (Arco Submerso, Mig, Mag, Tig) • Proteção Elétrica - Quadros, Disjuntores e Cabos deAlimentação • Riscos na Operação de Goivagem; • EPI e EPC.
  • 53. NR 34 – Atividade com Solda Alertas de Segurança – Princípio de Incêndio em Trabalhos à Quente
  • 54. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Estudo de Caso 1  08/01/2011 - Princípio de incêndio na Caixa de Filtros do Gerador EMD3  Causa imediata: projeção de fagulhas e material incandescente sobre material combustível  Causa básica: falha no planejamento e instalação de proteção física adequada (fagulhas passaram por entre FRESTAS da MANTA e tábuas do Andaime). 54
  • 55. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA 55 Estudo de Caso 2 26/03/2011- Princípio de incêndio em mangueira de gás do conjunto oxiacetileno. Causa imediata: contato de borra incandescente, proveniente de queda de piso superior de andaime, sobre a mangueira. Causas básicas: falha no planejamento e instalação de proteção física adequada (manta não resistiu ao material incandescente) e falha na determinação das medidas de proteção (posicionamento da manta muito próximo ao bico do maçarico).
  • 56. NR-34ATIVIDADE COM SOLDA 56 Estudo de Caso 2
  • 57. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Estudo de Caso 3 08-01-2012 - Princípio de incêndio em manta de proteção para trabalhos a quente Causa imediata: projeção de fagulhas incandescentes sobre a manta com sujidades de óleo utilizada para proteger o local. Causa básica: falha na determinação das medidas de proteção (utilização de manta sem condições adequadas ao uso, posicionamento da manta muito próximo ao bico do maçarico). 57
  • 59. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Medidas de Ordem Geral NR 34 TRABALHOAQUENTE 34.5.1.1 As medidas de proteção contemplam as de ordem geral e específicas, aplicáveis, respectivamente, a todas as atividades inerentes ao trabalho a quente e aos trabalhos em áreas não previamente destinadas a este fim Medidas de Ordem Geral 2. Inspeção Preliminar 1. Nos locais onde se realizam trabalhos a quente deve ser efetuada inspeção preliminar, de modo a assegurar que: 59 a) c) O local de trabalho e áreas adjacentes estejam limpos, secos e isentos de agentes combustíveis, inflamáveis, tóxicos e contaminantes; b) Aárea somente seja liberada após constatação da ausência de atividades incompatíveis com o trabalho a quentes; O trabalho a quente seja executado por trabalhador qualificado.
  • 60. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Medidas de Ordem Geral 3. Proteção contra Incêndio 1. Cabe aos empregadores tomar as seguintes medidas de proteção contra incêndios nos locais onde se realizam trabalhos a quente: 60 c) a) Providenciar a eliminação ou manter sob controle possíveis riscos de incêndios; b) Instalar proteção física adequada contra fogo, respingos, calor, fagulhas ou borras, de modo a evitar o contato com materiais combustíveis ou inflamáveis, bem como interferir em atividades paralelas ou na circulação de pessoas; Manter desimpedido e próximo à área de trabalho, sistema de combate a incêndio, especificado conforme tipo e quantidade de inflamáveis e/ou combustíveis presentes; d) Inspecionar o local e as áreas adjacentes ao término do trabalho, a fim de evitar princípios de incêndio.
  • 61. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Medidas Específicas 34.5.7 Devem ser empregadas técnicas deAPR para: a) Determinar as medidas de controle; b) Definir o raio de abrangência; c) Sinalizar e isolar a área; d) Avaliar a necessidade de vigilância especial contra incêndios (observador) e de sistema de alarme; e) Outras providências, sempre que necessário. 61
  • 62. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Medidas Específicas 8. Antes do início dos trabalhos a quente, o local deve ser inspecionado, e o resultado da inspeção registrada na Permissão de Trabalho. 9. As aberturas e canaletas devem ser fechadas ou protegidas, para evitar projeção de fagulhas, combustão ou interferência em outras atividades. 10. Quando definido na APR, o observador deve permanecer no local, em contato permanente com as frentes de trabalho, até a conclusão do serviço. 1. O observador deve receber treinamento ministrado por trabalhador capacitado em prevenção e combate a incêndio, com conteúdo programático e carga horária mínima conforme o item 1 do Anexo 1 desta Norma. 62
  • 63. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA 63 Recomendações quanto ao uso de Manta Corta Fogo 1 ) Fazer inspeção no local do trabalho, ao seu redor e em pisos superiores e inferiores, a fim de retirar da área materiais inflamáveis, caso não seja possível a retirada, prover proteção contra incêndio e observador; 2) Proteger vasos de pressão e cilindros que não puderem ser retirados do local, contra as fagulhas e isolar e sinalizar a área de modo a impedir o acesso de pessoas inadvertidas ; 3) Proteger as mangueiras contra danos estruturais provocados por tráfego de veículos, queda de objetos, fagulhas, fontes de calor e objetos quentes; 4) Obstruir pontos próximos ao local de trabalho que possam emanar substâncias inflamáveis (canaletas, drenos, suspiros, etc.). Prever na APR a necessidade de monitoramento; 5) Utilizar mantas de aramida e de feltro de carbono, em boas condições, isenta de marcas de carbonização das fibras, sujidades de tintas, borras de óleo, rasgos e furos. Caso existam, aparar os fiapos das bordas antes do uso; 6) Levar em consideração a ação do vento e o peso próprio das mantas de modo a prover fixação adequada e segura para que a manta não se movimente durante a execução do serviço;
  • 64. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA 64 Recomendações quanto ao uso de Manta Corta Fogo 7) Manter as mantas molhadas com água limpa durante as atividades de oxicorte e solda; 8) Considerar a transmissão de calor por condução através das mantas; 9) Nunca introduzir modificações no local de trabalho após a liberação do trabalho; 10) Antes do início do trabalho a quente, inspecionar o local e registrar na Permissão de Trabalho o resultado desta inspeção;
  • 65. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Orientações Gerais • Quando forem executados trabalhos em chumbo, zinco ou materiais revestidos de cádmio, será obrigatório a remoção por ventilação local exaustora dos fumos originados no processo de solda e corte, bem como na utilização de eletrodos revestidos. 65 • É obrigatória a utilização de anteparo eficaz para a proteção dos trabalhadores circunvizinhos. O material utilizado nesta proteção deve ser do tipo incombustível. • Não tocar as peças recém soldadas, pois podem estar quentes e ocasionar queimaduras sérias. • Soldar sempre em local bem ventilado para evitar intoxicações ou asfixia.
  • 66. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Orientações Gerais Antes de começar a soldar em posições elevadas, verificar se há pessoas ou material inflamável por baixo do posto de trabalho. 66 • • Nunca retirar escória do cordão de solda sem o uso de óculos de proteção contra impactos. • É expressamente proibido serviços de solda dentro do recinto do tanque de GLP. • Não dispor a máquina de solda direto no piso, suspender cabos elétricos de forma que não fique próximo das mangueiras de gás. • Verificar se máquinas e equipamentos estão aterrados devidamente.
  • 67. NR 34 – Atividade com Solda Tipos de Solda
  • 68. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Solda Elétrica 68 • • Os equipamentos de soldagem elétrica devem ser aterrados. • Não utilizar cabos elétricos deteriorados, torcidos, esmagados ou cortados. • Os fios condutores dos equipamentos, as pinças ou alicates de soldagem devem ser mantidos longe de locais com óleo, graxa ou umidade, e devem ser deixados em descanso sobre superfícies isolantes. O dispositivo usado para manusear eletrodos deve ter isolamento adequado à corrente usada, a fim de se evitar a formação de arco elétrico ou choques no operador. • O eletrodo deverá estar bem seco e com revestimento intacto. • Amáquina de solda elétrica deverá estar ligada ao terra (aterramento elétrico);
  • 69. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Solda Elétrica 69 • • • O cabo elétrico de alimentação, plugue e tomada da máquina de solda deverão estar em perfeitas condições de isolamento. • A peça a ser soldada deverá estar aterrada com alicate terra adequado (grampo terra). Nos trabalhos com vasilhame, recipiente, tanque ou similar, que envolvam geração de gases confinados ou semi confinados, é obrigatória a adoção de medidas preventivas adicionais para eliminar riscos de explosão e intoxicação do funcionário. Na ocorrência de qualquer CONDIÇÃO ANORMAL (condição não prevista, impeditiva e/ou abaixo dos padrões mínimos de segurança) durante a execução do trabalho, a atividade deverá ser paralisada IMEDIATAMENTE e o fato comunicado ao superior imediato e a Segurança do Trabalho para a avaliação da CONDIÇÃO ANORMAL.
  • 70. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Soldagem com OXI-ACETILÊNICO: 70 • • • • A área de armazenagem dos cilindros de acetileno será sinalizada com placas de advertência, com a proibição de fumar e de produzir ou alimentar chamas. Tal área deve ficar afastada de substâncias inflamáveis ou combustíveis, bem como quaisquer fontes de calor. Aquantidade armazenada será limitada a 10 (dez) cilindros. A iluminação do local de armazenagem de acetileno deve ser do tipo anti explosivo e o interruptor deve se localizar do lado externo da edificação. O local de armazenamento dos cilindros deve ser bem ventilado, coberto, protegido contra raios solares e contra a umidade, bem como ficar ao lado de fora das edificações. • Os cilindros não devem ser submetidos a impactos (quedas, choque mecânico etc.). Mantê-los fora das áreas de circulação de pessoas e equipamentos.
  • 71. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA 71 Soldagem com OXI-ACETILÊNICO: • Os cilindros de acetileno não devem ser armazenados perto dos de oxigênio. A separação entre os dois gases exige distância mínima de 6,0 m (seis metros) ou a instalação de parede não inflamável. • Em nenhum caso será permitido o contato de chamas com os dispositivos de segurança dos cilindros. • Todas as medidas devem ser tomadas, para evitar o contato dos cilindros de acetileno com o circuito elétrico. • Utilizar sempre carrinhos adequados para o transporte de cilindros, o que proporciona operação mais segura e cômoda. • Os cilindros devem permanecer sempre na vertical seja no armazenamento, no transporte ou na sua utilização.
  • 72. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Soldagem com OXI-ACETILÊNICO: 72 • Com exceção dos cilindros em uso, em todos os demais os (capacetes) de proteção das válvulas devem ser mantidos atarraxados, durante todo o tempo. • As válvulas dos cilindros, assim como qualquer outro componente do sistema oxiacetilênico, não podem ser separadas pelo usuário. Só os serviços de assistência técnica dos fornecedores estão autorizados a realizar operações dessa natureza. • Nunca obstruir os dispositivos de segurança das válvulas e dos cilindros.
  • 73. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Cilindro de Oxigênio: • - É proibida a presença de substâncias inflamáveis e/ou explosivas próximo às garrafas de O2 (oxigênio). 73 • - Os cilindros vazios e cheios, nunca devem ser armazenados juntos. • - Não devem ficar expostos a temperaturas maiores que 50 oC (graus centígrados), nem se deve permitir o contato de chamas com parte alguma dos cilindros. • - Não colocar em locais onde possa haver exposição à corrente elétrica.
  • 74. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Cilindro de Oxigênio: 74 • Manter a válvula protegida pelo (capacete) do cilindro. • Nunca deixar os cilindros caírem nem permitir que se choquem uns contra os outros. Evitar que sejam arrastados, rolados e deslizados. • Armazenar os cilindros em locais abertos, protegidos contra o excesso de umidade, a temperatura excessiva e os raios solares. • O (capacete) de proteção deve ser mantido em seu lugar até que o cilindro seja apoiado em um suporte ou conectado (em bateria).
  • 75. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Cilindro de Oxigênio: Não devem ser utilizados chaves ou martelos para abrir ou fechar válvula de cilindros. 75 • • Quando a pressão do gás no cilindros ultrapassa valores pré estabelecidos, ocorre a quebra do disco de ruptura, o que evita explosões. • As válvulas dos cilindros, assim como qualquer outro componente do sistema de oxigênio, não podem ser separados pelo usuário. Só os serviços de assistência técnica dos fornecedores estão autorizados a realizar operações dessa natureza. • A contaminação de equipamento de oxigênio com óleo ou graxa pode levar à explosão de válvulas, reguladores de pressão e manômetros, devido a reação do oxigênio com hidrocarbonetos que pode acontecer mesmo sem a presença de chama.
  • 76. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA MANGUEIRAS DEACETILENO E OXIGÊNIO 76 • • • As mangueiras apropriadas para os serviços de solda oxiacetilênica são as constituídas com carcaça trançada de fibra sintética, resistentes à pressão, altamente flexíveis e de baixo peso. Assegurar que não há fuga de gás nas mangueiras. Nunca vedar um vazamento com fita isolante ou produto similar. As mangueiras devem estar sempre estar em bom estado de conservação. Nunca usar, portanto aquelas que mostram sinais de dobramentos, escoriações e amolecimento. • Amangueira de acetileno deve ser vermelha. • Amangueira de oxigênio deve ser de cor verde.
  • 77. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA Atividades com Solda 77 • • • • Antes de iniciar as operações, todas as conexões à máquina de soldagem e garrafas de corte a gás devem ser criteriosamente verificadas para saber se estão em condições seguras de operação. Quando as operações de soldagem forem interrompidas por um curto período, para almoço, por exemplo, o soldador verificará o seu equipamento para certificar-se de que nada ocorreu a este durante o intervalo. Mangueiras devem ser verificadas quanto a danos ou vazamentos. As conexões aos medidores devem ser conferidas para assegurar-se que estejam firmes. Se o trabalho for interrompido por um período, uma revisão dos vapores de gás combustível deverá ser feita antes de se dar prosseguimento aos cortes ou às operações de soldagem. O soldador deve usar um limpador de bico para limpar partículas estranhas de dentro do bico de corte. O bico de corte não deve ser friccionado numa superfície que contenha gás ou oxigênio.
  • 78. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA 78 Atividades com Solda Após o encerramento de um turno de trabalho, ou nos intervalos para refeições, o soldador deve desligar as válvulas de oxigênio e acetileno e liberar a pressão das mangueiras e dos instrumentos de medida. • • Mangueiras de acetileno e oxigênio que estejam rachadas ou quebradas devem ser tiradas de uso e substituídas. Mangueiras de borracha deterioram-se com o tempo e devem ser substituídas periodicamente conforme recomendação do fabricante. • Reguladores de pressão apropriados devem ser usados em todos os cilindros de oxigênio e acetileno (isto é, reguladores de pressão de oxigênio devem ser usados nos cilindros de oxigênio e reguladores de pressão de acetileno devem ser usados nos cilindros de acetileno).
  • 79. NR-34 ATIVIDADE COM SOLDA 79 • • • • Observador do Fogo Uma vigilância de incêndio será designada e claramente identificada para quaisquer operações de soldagem ou corte executada fora da área designada de soldagem de segurança; • Durante o trabalho a quente, a vigilância de incêndio não deverá ter outro dever senão o de dar auxílio completo ao trabalho a quente na área externa àquela designada como sendo de segurança; O mesmo deve estar familiarizado com todo o equipamento de segurança e de combate a incêndio localizado na área adjacente ao trabalho; Fazer verificações periódicas com um equipamento de monitoramento de gás; Verificar periodicamente se as áreas adjacentes quando houver queima ou solda em paredes, convés e telhados; • Ser capaz de isolar equipamentos em casos de emergência; • Monitorar continuamente a área quanto a faíscas acidentais; • Utilizar óculos de proteção adequados nas imediações do trabalho; • Estar familiarizado com os sistemas de comunicação de emergência e as localizações.