SlideShare uma empresa Scribd logo
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO – UEMA
   NÚCLEO DE TECNOLOGIAS PARA EDUCAÇÃO
       CURSO DE PEDAGOGIA A DISTÂNCIA
     DISCIPLINA; MULTIMEIOS EM EDUCAÇÃO



PROFESSORAS: Fátima Rios, Marilene Melo e Sandra Passinho




            ALUNAS: Andréa dos Santos Araújo
                    Hortência Mendes Pereira
                    Mary Luce Ferreira Ribeiro
RECURSO DIDÁTICO




        O Cartaz de Pregas ou Quadro de Pregas é um recurso visual, versátil. Serve
como suporte de informações e apresentando-as de maneira progressiva e dinâmica.
        Pode ser usado em qualquer área de ensino.
Materiais Necessários para a Confecção
            02 Folhas de papel pardo




                   03 Folhas de cartolina ou
                         Papel cartão
Grampeador
cola




       Tesoura
                       Fita Adesiva
Borracha
  Régua




Lápis




          EVA (Opcional)
Modo de Fazer
Passo a passo com registro
01- Cola-se três folhas de cartolina ou papel cartão, uma sobre a
  outra, para tornar a superfície resistente.
02- Confecciona-se as pregas no papel pardo com 3,5cm e 7,0cm
  de profundidade, pregueando no sentido horizontal até o
  término da folha.
03- Prende-se as pregas nas extremidades usando um
  grampeador.
04-Arremata-se usando fita adesiva.
05- Faz-se o acabamento com EVA (opcional).
Obs. As pregas podem ser colocadas na frente e também no
  verso, sendo ainda mais úteis.
Modo de Usar

 Para realizar frequência, utilizando fichas com nomes dos
  alunos;
 Apresentação dos numerais(Algarismos e seus respectivos
  nomes por extenso);
 Calendário;
 Clima;
 Ditado figurado;
 Alfabetização;
 Entre outros, é usado na iterdisciplinariedade.
Vantagens
 Possui baixo custo e são de fácil confecção;
 A praticidade em se formar as palavras e desfazê-las é
  justamente a vantagem deste recurso;
 Atrai imediatamente atenção, despertando o interesse dos
  alunos;
 Muito prático, pode ser transportado com facilidade;
 Pode ser confeccionado com materiais disponíveis facilmente
  encontrados, sendo reaproveitados ou novos;
 Pode ser reutilizado, bastando para isso manuseá-lo co cuidado
  e guardá-lo com zelo;
 Pode ser confeccionado pelos participantes, servindo como
  fator de desenvolvimento de sua criatividade;
 Poder ser consultado a qualquer momento durante as aulas.
Desvantagens


 É recomendável apenas para pequenos ambientes;
 Não são flexíveis, pois se preparados com antecedência não
  podem sofrer alterações durante a apresentação;
 Exige certas habilidades e cuidados na confecção, tais como
  letra bem feita e arte nos desenhos;
 É um recurso visual, por isso de exclusão, pois os alunos com
  deficiência visual não participam da aula.
REFERÊNCIAS

• BRITTO, Neyde Carneiro & MANATTA, Valdelice L.
  Bastos. Didática especial. São Paulo: Editora do
  Brasil, s.d.
• FERREIRA, Oscar Manuel de Castro & SILVA
  JUNIOR, Plínio Dias da Silva. Recursos audiovisuais
  para o ensino. São Paulo: EPU, 1995.
• ZÓBOLI, Graziella. Práticas de ensino: subsídios
  para a atividade docente. São Paulo, Ática, 1996.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

O audiovisual na escola
O audiovisual na escola O audiovisual na escola
O audiovisual na escola
Paula Halmenschlager
 
Mulher2
Mulher2Mulher2
Mulher2
Emaísa Lima
 
Mídia Digital na Educação Album Seriado
Mídia Digital na Educação   Album SeriadoMídia Digital na Educação   Album Seriado
Mídia Digital na Educação Album Seriado
nando_adt
 
Pratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional SupervisionadaPratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional Supervisionada
Madalena10
 
2. Tipos de mídia
2. Tipos de mídia2. Tipos de mídia
2. Tipos de mídia
Tatiana Fernández
 
Midia Conceitos BáSicos
Midia Conceitos BáSicosMidia Conceitos BáSicos
Midia Conceitos BáSicos
Cesar Pallares
 
Conceitos Básicos Mídia
Conceitos Básicos MídiaConceitos Básicos Mídia
Conceitos Básicos Mídia
Rede Globo
 
Slides comunicação
Slides comunicaçãoSlides comunicação
Slides comunicação
ciro79
 
Comunicação apresentação
Comunicação apresentaçãoComunicação apresentação
Comunicação apresentação
Cassia Dias
 
Elementos da comunicação
Elementos da comunicaçãoElementos da comunicação
Elementos da comunicação
Elizabeth Vicente da Silva
 

Destaque (10)

O audiovisual na escola
O audiovisual na escola O audiovisual na escola
O audiovisual na escola
 
Mulher2
Mulher2Mulher2
Mulher2
 
Mídia Digital na Educação Album Seriado
Mídia Digital na Educação   Album SeriadoMídia Digital na Educação   Album Seriado
Mídia Digital na Educação Album Seriado
 
Pratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional SupervisionadaPratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional Supervisionada
 
2. Tipos de mídia
2. Tipos de mídia2. Tipos de mídia
2. Tipos de mídia
 
Midia Conceitos BáSicos
Midia Conceitos BáSicosMidia Conceitos BáSicos
Midia Conceitos BáSicos
 
Conceitos Básicos Mídia
Conceitos Básicos MídiaConceitos Básicos Mídia
Conceitos Básicos Mídia
 
Slides comunicação
Slides comunicaçãoSlides comunicação
Slides comunicação
 
Comunicação apresentação
Comunicação apresentaçãoComunicação apresentação
Comunicação apresentação
 
Elementos da comunicação
Elementos da comunicaçãoElementos da comunicação
Elementos da comunicação
 

Semelhante a Slides multimeios em educação

Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamenteBraile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Maryanne Monteiro
 
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTAPortfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Cleuza Oliveira
 
Estratégias para se educar na diversidade
Estratégias para se educar na diversidadeEstratégias para se educar na diversidade
Estratégias para se educar na diversidade
profandre
 
Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar: Avanços e Desafios - Profª Dra ...
Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar:  Avanços e Desafios - Profª Dra ...Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar:  Avanços e Desafios - Profª Dra ...
Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar: Avanços e Desafios - Profª Dra ...
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Projeto de Intervenção da Biblioteca Escolar
Projeto de Intervenção da  Biblioteca EscolarProjeto de Intervenção da  Biblioteca Escolar
Projeto de Intervenção da Biblioteca Escolar
Cícera Arruda
 
Seminário tecnoeduc
Seminário tecnoeducSeminário tecnoeduc
Seminário tecnoeduc
jbatista_rs
 
Deficiência física - Capacitação 2011
Deficiência física - Capacitação 2011Deficiência física - Capacitação 2011
Deficiência física - Capacitação 2011
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Dificuldades deaprendizado
Dificuldades deaprendizadoDificuldades deaprendizado
Dificuldades deaprendizado
書く 日本語で
 
Apostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuaisApostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuais
Arlete Laenzlinger
 
Islides multimidias ok
Islides multimidias okIslides multimidias ok
Islides multimidias ok
Ronny Gravações
 
9º encontro pnaic 2014 vânia ok
9º encontro pnaic 2014 vânia ok   9º encontro pnaic 2014 vânia ok
9º encontro pnaic 2014 vânia ok
Wanya Castro
 
Portifolio 2010.2
Portifolio 2010.2Portifolio 2010.2
Portifolio 2010.2
familiaestagio
 
Adaptações em deficiencia física
Adaptações  em deficiencia  física Adaptações  em deficiencia  física
Adaptações em deficiencia física
Solange Das Graças Seno
 
Apostila adaptações em deficiencia física 2011 (1)
Apostila adaptações  em deficiencia  física 2011 (1)Apostila adaptações  em deficiencia  física 2011 (1)
Apostila adaptações em deficiencia física 2011 (1)
Solange Das Graças Seno
 
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
ErlissonPinheiro
 
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
ErlissonPinheiro
 
Sinais de Pontuação
Sinais de PontuaçãoSinais de Pontuação
Sinais de Pontuação
Andreia Cruz
 
Aplicabilidade do tangram
Aplicabilidade do tangramAplicabilidade do tangram
Aplicabilidade do tangram
Toeikan Itapecerica da Serra
 
Material de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdah
Material de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdahMaterial de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdah
Material de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdah
Liliane Professora
 
São josé
São joséSão josé
São josé
weleslima
 

Semelhante a Slides multimeios em educação (20)

Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamenteBraile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
 
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTAPortfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
 
Estratégias para se educar na diversidade
Estratégias para se educar na diversidadeEstratégias para se educar na diversidade
Estratégias para se educar na diversidade
 
Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar: Avanços e Desafios - Profª Dra ...
Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar:  Avanços e Desafios - Profª Dra ...Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar:  Avanços e Desafios - Profª Dra ...
Comunicação Alternativa e Cotidiano Escolar: Avanços e Desafios - Profª Dra ...
 
Projeto de Intervenção da Biblioteca Escolar
Projeto de Intervenção da  Biblioteca EscolarProjeto de Intervenção da  Biblioteca Escolar
Projeto de Intervenção da Biblioteca Escolar
 
Seminário tecnoeduc
Seminário tecnoeducSeminário tecnoeduc
Seminário tecnoeduc
 
Deficiência física - Capacitação 2011
Deficiência física - Capacitação 2011Deficiência física - Capacitação 2011
Deficiência física - Capacitação 2011
 
Dificuldades deaprendizado
Dificuldades deaprendizadoDificuldades deaprendizado
Dificuldades deaprendizado
 
Apostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuaisApostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuais
 
Islides multimidias ok
Islides multimidias okIslides multimidias ok
Islides multimidias ok
 
9º encontro pnaic 2014 vânia ok
9º encontro pnaic 2014 vânia ok   9º encontro pnaic 2014 vânia ok
9º encontro pnaic 2014 vânia ok
 
Portifolio 2010.2
Portifolio 2010.2Portifolio 2010.2
Portifolio 2010.2
 
Adaptações em deficiencia física
Adaptações  em deficiencia  física Adaptações  em deficiencia  física
Adaptações em deficiencia física
 
Apostila adaptações em deficiencia física 2011 (1)
Apostila adaptações  em deficiencia  física 2011 (1)Apostila adaptações  em deficiencia  física 2011 (1)
Apostila adaptações em deficiencia física 2011 (1)
 
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
 
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
EDUCA MAIS FORMAÇÃO EM AÇÕES PROTAGONISTAS - ACOLHIMENTO DOS ESTUDANTES, EQUI...
 
Sinais de Pontuação
Sinais de PontuaçãoSinais de Pontuação
Sinais de Pontuação
 
Aplicabilidade do tangram
Aplicabilidade do tangramAplicabilidade do tangram
Aplicabilidade do tangram
 
Material de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdah
Material de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdahMaterial de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdah
Material de-apoio-para-o-professor-trabalhar-com-alunos-com-tdah
 
São josé
São joséSão josé
São josé
 

Último

3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
ConservoConstrues
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
jonny615148
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
MARCELARUBIAGAVA
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 

Último (20)

3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 

Slides multimeios em educação

  • 1. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO – UEMA NÚCLEO DE TECNOLOGIAS PARA EDUCAÇÃO CURSO DE PEDAGOGIA A DISTÂNCIA DISCIPLINA; MULTIMEIOS EM EDUCAÇÃO PROFESSORAS: Fátima Rios, Marilene Melo e Sandra Passinho ALUNAS: Andréa dos Santos Araújo Hortência Mendes Pereira Mary Luce Ferreira Ribeiro
  • 2. RECURSO DIDÁTICO O Cartaz de Pregas ou Quadro de Pregas é um recurso visual, versátil. Serve como suporte de informações e apresentando-as de maneira progressiva e dinâmica. Pode ser usado em qualquer área de ensino.
  • 3. Materiais Necessários para a Confecção 02 Folhas de papel pardo 03 Folhas de cartolina ou Papel cartão
  • 4. Grampeador cola Tesoura Fita Adesiva
  • 5. Borracha Régua Lápis EVA (Opcional)
  • 6.
  • 8. Passo a passo com registro 01- Cola-se três folhas de cartolina ou papel cartão, uma sobre a outra, para tornar a superfície resistente. 02- Confecciona-se as pregas no papel pardo com 3,5cm e 7,0cm de profundidade, pregueando no sentido horizontal até o término da folha. 03- Prende-se as pregas nas extremidades usando um grampeador. 04-Arremata-se usando fita adesiva. 05- Faz-se o acabamento com EVA (opcional). Obs. As pregas podem ser colocadas na frente e também no verso, sendo ainda mais úteis.
  • 9. Modo de Usar  Para realizar frequência, utilizando fichas com nomes dos alunos;  Apresentação dos numerais(Algarismos e seus respectivos nomes por extenso);  Calendário;  Clima;  Ditado figurado;  Alfabetização;  Entre outros, é usado na iterdisciplinariedade.
  • 10. Vantagens  Possui baixo custo e são de fácil confecção;  A praticidade em se formar as palavras e desfazê-las é justamente a vantagem deste recurso;  Atrai imediatamente atenção, despertando o interesse dos alunos;  Muito prático, pode ser transportado com facilidade;  Pode ser confeccionado com materiais disponíveis facilmente encontrados, sendo reaproveitados ou novos;  Pode ser reutilizado, bastando para isso manuseá-lo co cuidado e guardá-lo com zelo;  Pode ser confeccionado pelos participantes, servindo como fator de desenvolvimento de sua criatividade;  Poder ser consultado a qualquer momento durante as aulas.
  • 11. Desvantagens  É recomendável apenas para pequenos ambientes;  Não são flexíveis, pois se preparados com antecedência não podem sofrer alterações durante a apresentação;  Exige certas habilidades e cuidados na confecção, tais como letra bem feita e arte nos desenhos;  É um recurso visual, por isso de exclusão, pois os alunos com deficiência visual não participam da aula.
  • 12. REFERÊNCIAS • BRITTO, Neyde Carneiro & MANATTA, Valdelice L. Bastos. Didática especial. São Paulo: Editora do Brasil, s.d. • FERREIRA, Oscar Manuel de Castro & SILVA JUNIOR, Plínio Dias da Silva. Recursos audiovisuais para o ensino. São Paulo: EPU, 1995. • ZÓBOLI, Graziella. Práticas de ensino: subsídios para a atividade docente. São Paulo, Ática, 1996.