SlideShare uma empresa Scribd logo
Edição Outubro . 2010




O impacto
das redes
sociais na
Segurança da
Informação
ARTIGO




         C   onforme a tecnologia evolui, principalmente a web, as amea-
             ças à segurança da informação crescem. Porém, um assunto,
         em específico, tem chamado a atenção ultimamente: as redes so-
         ciais.


             Ao acompanharmos as evoluções da             O gráfico abaixo deixa claro que pas-
         web, até chegarmos na Web 3.0, perce-         samos por uma grande transformação em
         bemos que passamos por várias fases. A de     tecnologia, saindo da era da computação
         leitura, onde a web era um grande livro,      (Processamento e Transformação) para
         pela fase da leitura e publicação, em que     entrarmos na era da percepção, consciên-
         colocávamos conteúdo na web e disponi-        cia e atenção.
         bilizávamos algumas informações, e, hoje,        Assim, deixamos de ser passivos e pas-
         a fase da Web 3.0, na qual lemos, intera-     samos a criar comunidades virtuais de in-
         gimos e mais do que nunca fazemos parte.      teresse entre si para partilharmos gostos,
         Afinal, apenas participar não serve mais,     preferências, fazermos amigos, dentre
         temos agora, sim, que fazer a diferença!      tantas outras coisas.




                                                                          The Next Sensory
                                                                            Transformation



                                                                SENSING
                                                                              awareness,
                                                                              perception,
                                                                              attention


                            COMUNICATIONS
                                                     conectivity,
                                                     access



           COMPUTING
                          processing,
                          transforming


           1980s                    1980s                    2000s                 2010s

                                                                     Source: Institute the Future



                                                                                                    1
ARTIGO




                     P   ara analisarmos a dimensão que isso tomou, é só pensar em três
                         níveis de conexões, quantos amigos virtuais você tem? Some
                     isso ao número de amigos que seus amigos têm, e assim por diante.
                     Podemos chegar facilmente a 20 ou 30 mil pessoas.


   É claro, que as redes sociais     pelo simples motivo de TER um        sa X e agora vamos ir comemorar
apresentam um enorme poten-          blog, pois todos têm, faz com que    no restaurante Y” ou “Aqui na em-
cial de crescimento para a so-       as pessoas comecem a procurar        presa tá tudo uma bagunça, nosso
ciedade em geral. Um exemplo         assuntos para publicar.              sistema já caiu três vezes, hoje,
é o desenvolvimento de redes de         Hoje não basta fazer parte,       e não temos previsão de melho-
networking, tanto aproveitado        tem que fazer a diferença, ser       rar, que Deus me ajude hehehe”,
por indivíduos como por empre-       diferente e gerar notícias. Em       mas o pior de todos, sem dúvida é
endimentos. No entanto, apesar       minha breve pesquisa analisei 47     este:“ Parabéns equipe de vendas
de todo o potencial, essas redes     blogs e 55 comunidades (twitters)    da empresa X, fechamos o contra-
sociais são igualmente uma séria     onde os “proprietários” dessas       to de Segurança da Informação da
ameaça. A ideia de ser o primei-     comunidades eram gerentes, su-       empresa M, e agora vamos garan-
ro a divulgar as informações e,      pervisores ou simples funcionários   tir que eles não tenham mais inci-
assim, conseguir mais seguidores     de empresas com expressão no         dentes de segurança”.
e leitores, faz com que, muitas      Brasil. O que eu encontrei? Todos        Esses são alguns dos relatos
vezes, essa corrida ultrapasse o     sem exceção divulgaram, mais de      que eu coletei, mostrando que
limite dos desabafos e novidades     uma vez, informações que podem       toda nossa preocupação com sis-
em blogs, twitters, Flickrs, face-   ser confidenciais ou que facilitam   temas de bloqueio Web, políticas
books...                             o trabalho de fraudadores. Em        do tipo “tranca tudo” e controles
   Nós somos conexões!               minha pesquisa nos blogs e, prin-    para evitar fugas de informação
   Essa corrida maluca para que      cipalmente, no twitter, observei     são pouco eficazes, pois ninguém
façamos parte de alguma rede         comentários como: “Fechamos          pode bloquear a máquina das pes-
social ou que tenhamos um blog,      um grande contrato com a empre-      soas, nas casas delas!


                                                                                                         2
ARTIGO

         P   or vezes as pessoas se escondem por traz de Nicks ou Avatares
             para que não sejam identificadas, podendo, assim, divulgar in-
         formações da empresa ou descontentamentos com chefes e políti-
         cas internas sem sabermos quem está reclamando, sendo isso um
         sintoma claro de falta de política interna para uma ouvidoria.

            Você deve estar se perguntando e ago-     empresas, pois não podemos impedir que
         ra? Como eu posso evitar isso? Como evi-     elas interajam como pessoas físicas fora
         tar que pessoas da minha empresa não         do convívio do trabalho, e não adianta
         divulguem informações confidenciais ou       pensar em castigo ou punição, pois tam-
         restritas de forma deliberada?               bém não funcionariam com os filhos!
            Não podemos! Não existe como impe-           Educação é o foco! As pessoas preci-
         dir!                                         sam ter claro quais são seus limites, qual
            Bom, acredito que se eu queria assus-     o impacto de suas ações, e precisam en-
         tar os leitores eu consegui, certo? Ótimo,   tender o limite entre a confidencialidade
         agora vamos analisar quais são as melho-     e uma informação que para elas é ino-
         res formas de minimizar os impactos cau-     fensiva.
         sados pelas redes sociais na segurança da       É nossa obrigação esclarecer isso, dei-
         informação das empresas.                     xar claro que muitas informações apa-
            Tudo inicia com educação, pense em        rentemente inofensivas podem, em um
         seus filhos. Se não pode impedi-los de       contexto, prejudicar o nosso negócio. O
         sair de casa para alguma festa ou pas-       foco aqui são redes sociais virtuais, mas
         seio com os amigos no final de semana,       não podemos esquecer que temos cone-
         pode educá-los sobre como deve ser seu       xões físicas e pessoais. O churrasco de
         comportamento fora do alcance de seus        domingo, o happy hour, e outras ocasiões
         olhos.                                       podem transformar uma simples conver-
            Dessa mesma forma devemos atuar           sa entre amigos em uma divulgação de
         com as pessoas que trabalham em nossas       informações confidenciais.




                                                                                            3
ARTIGO




                  Q  uando criamos a cultura da informação, podemos deixar claro
                     a todos qual o limite dessas informações. E como é inevitável
                 que façamos parte do mundo das redes sociais, seguem algumas
                 dicas que podem ajudar minimizar os impactos negativos delas em
                 seu negócio:


             Sua empresa está na rede: Inevitavelmente sua
         empresa tem o nome exposto em comentários po-
         sitivos ou negativos em diversas redes, aconselho
         que você acompanhe isso periodicamente, pois po-
                                                                   Faça sua empresa partici-
         demos ter algumas informações que nos ajudarão
                                                                par de redes sociais, incenti-
         a antecipar alguns fatos positivos ou negativos, e
                                                                vem as pessoas da sua empre-
         assim gerenciá-los.
                                                                sa a usarem apenas esse canal
                                                                para falar do negócio! É uma
                                                                ótima forma de minimizar os
                                                                impactos de divulgações inde-
                                                                vidas.
            Deixe claro para todos os funcionários o porquê        Crie espaço para as pesso-
         é perigoso e problemático a divulgação de informa-     as interagirem, para trocarem
         ções, mesmo que omita o nome da empresa. Ex: Eu        ideias, não apenas de traba-
         tenho um Blog, se eu citar algum fato da empresa       lho, mas pessoais e pensamen-
         ou de algum colega, não precisa dizer onde eu tra-     tos, esta é uma ótima forma
         balho, todos sabem! Pois me conhecem!                  para as pessoas exporem, de
                                                                forma orientada, informações
                                                                e irem criando uma cultura de
                                                                segurança.
                                                                   Como sabemos que é ine-
            Explique o que pode ser dito ou abra um canal       vitável participarmos desse
         para as pessoas perguntarem se podem divulgar          movimento, participe dele de
         certa informação, pois proibir completamente a di-     forma ordenada e planejada,
         vulgação de informações não funciona, na verdade       assim podemos tirar melhor
         piora, pois de uma forma ou de outras as pessoas       proveito do que atualmente
         vão falar. Participe desse processo para saber o que   para a segurança da informa-
         é dito e poder orientar.                               ção é uma ameaça.




                                                                                             4
Por Cassio Furtado Râmos
cassio.ramos@qualytool.com




 Qualytool Consulting Group
 Av. Rio Branco, 07, Sala 901
         São Pelegrino
  Caxias do Sul - RS / Brasil
    Fone +55 54 30256363


www.qualytool.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Educação 2.0
Educação 2.0Educação 2.0
Educação 2.0
Patricia Yoshioka
 
A vida gira em torno do sol
A vida gira em torno do solA vida gira em torno do sol
A vida gira em torno do sol
Rodrigo Pires
 
Redes Sociais & Geração Y
Redes Sociais & Geração YRedes Sociais & Geração Y
Redes Sociais & Geração Y
Sabrina S
 
2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social
2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social
2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social
Bruno de Souza
 
Internet na Assessoria de Imprensa - Episódio I
Internet na Assessoria de Imprensa - Episódio IInternet na Assessoria de Imprensa - Episódio I
Internet na Assessoria de Imprensa - Episódio I
Estácio FAP e UFPA
 
LUTO! Fases no LinkedIn
LUTO! Fases no LinkedInLUTO! Fases no LinkedIn
Como criar uma política de Social Media para a sua empresa
Como criar uma política de Social Media para a sua empresaComo criar uma política de Social Media para a sua empresa
Como criar uma política de Social Media para a sua empresa
Helena Dias
 
Mídias Sociais: estratégias e práticas organizacionais
Mídias Sociais: estratégias e práticas organizacionaisMídias Sociais: estratégias e práticas organizacionais
Mídias Sociais: estratégias e práticas organizacionais
Paulo Milreu
 
A influência dos media na vida dos jovens - entrevista
A influência dos media na vida dos jovens - entrevistaA influência dos media na vida dos jovens - entrevista
A influência dos media na vida dos jovens - entrevista
Escola Superior de Media Artes e Design / Politécnico do Porto
 
Mate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovem
Mate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovemMate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovem
Mate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovem
Brígido Silva
 
Internet a serviço da Igreja
Internet a serviço da IgrejaInternet a serviço da Igreja
Internet a serviço da Igreja
Clayton de Almeida Souza
 
Novas Mídias e Portal Corporativo
Novas Mídias e Portal CorporativoNovas Mídias e Portal Corporativo
Novas Mídias e Portal Corporativo
guest8c415e
 
Privi webshow
Privi webshowPrivi webshow
Privi webshow
Maurizio Comelli
 
amizades virtuais, paixões reais
amizades virtuais, paixões reaisamizades virtuais, paixões reais
amizades virtuais, paixões reais
Tharas On Line
 
Studiok ebook mkt_social
Studiok ebook mkt_socialStudiok ebook mkt_social
Studiok ebook mkt_social
StudioKrauss Fotografia
 
Território Selvagem
Território SelvagemTerritório Selvagem
Território Selvagem
maxmilliano
 
Como começar a trabalhar com Redes Sociais
Como começar a trabalhar com Redes SociaisComo começar a trabalhar com Redes Sociais
Como começar a trabalhar com Redes Sociais
Raphael Evangelista
 
Crise nas redes sociais - Aula Especial
Crise nas redes sociais - Aula EspecialCrise nas redes sociais - Aula Especial
Crise nas redes sociais - Aula Especial
Camila Carvalho
 
COMUNICAÇÃO PORTUÁRIA
COMUNICAÇÃO PORTUÁRIACOMUNICAÇÃO PORTUÁRIA
COMUNICAÇÃO PORTUÁRIA
Joao Rodrigues
 

Mais procurados (19)

Educação 2.0
Educação 2.0Educação 2.0
Educação 2.0
 
A vida gira em torno do sol
A vida gira em torno do solA vida gira em torno do sol
A vida gira em torno do sol
 
Redes Sociais & Geração Y
Redes Sociais & Geração YRedes Sociais & Geração Y
Redes Sociais & Geração Y
 
2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social
2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social
2º Edição Ebook:Smart Digital - Conteúdo Social
 
Internet na Assessoria de Imprensa - Episódio I
Internet na Assessoria de Imprensa - Episódio IInternet na Assessoria de Imprensa - Episódio I
Internet na Assessoria de Imprensa - Episódio I
 
LUTO! Fases no LinkedIn
LUTO! Fases no LinkedInLUTO! Fases no LinkedIn
LUTO! Fases no LinkedIn
 
Como criar uma política de Social Media para a sua empresa
Como criar uma política de Social Media para a sua empresaComo criar uma política de Social Media para a sua empresa
Como criar uma política de Social Media para a sua empresa
 
Mídias Sociais: estratégias e práticas organizacionais
Mídias Sociais: estratégias e práticas organizacionaisMídias Sociais: estratégias e práticas organizacionais
Mídias Sociais: estratégias e práticas organizacionais
 
A influência dos media na vida dos jovens - entrevista
A influência dos media na vida dos jovens - entrevistaA influência dos media na vida dos jovens - entrevista
A influência dos media na vida dos jovens - entrevista
 
Mate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovem
Mate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovemMate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovem
Mate a nascença o desemprego do seu filho adolescente/jovem
 
Internet a serviço da Igreja
Internet a serviço da IgrejaInternet a serviço da Igreja
Internet a serviço da Igreja
 
Novas Mídias e Portal Corporativo
Novas Mídias e Portal CorporativoNovas Mídias e Portal Corporativo
Novas Mídias e Portal Corporativo
 
Privi webshow
Privi webshowPrivi webshow
Privi webshow
 
amizades virtuais, paixões reais
amizades virtuais, paixões reaisamizades virtuais, paixões reais
amizades virtuais, paixões reais
 
Studiok ebook mkt_social
Studiok ebook mkt_socialStudiok ebook mkt_social
Studiok ebook mkt_social
 
Território Selvagem
Território SelvagemTerritório Selvagem
Território Selvagem
 
Como começar a trabalhar com Redes Sociais
Como começar a trabalhar com Redes SociaisComo começar a trabalhar com Redes Sociais
Como começar a trabalhar com Redes Sociais
 
Crise nas redes sociais - Aula Especial
Crise nas redes sociais - Aula EspecialCrise nas redes sociais - Aula Especial
Crise nas redes sociais - Aula Especial
 
COMUNICAÇÃO PORTUÁRIA
COMUNICAÇÃO PORTUÁRIACOMUNICAÇÃO PORTUÁRIA
COMUNICAÇÃO PORTUÁRIA
 

Semelhante a Segurança nas Redes Sociais

O varejo e as redes sociais
O varejo e as redes sociaisO varejo e as redes sociais
O varejo e as redes sociais
Daniel Zanco
 
Métricas para mídias sociais parte I
Métricas para mídias sociais parte IMétricas para mídias sociais parte I
Métricas para mídias sociais parte I
Pinceladas Digitais
 
Dinamize - E-book mídias sociais I
Dinamize - E-book mídias sociais IDinamize - E-book mídias sociais I
Dinamize - E-book mídias sociais I
Well Sarto
 
Redes socais Uma Nova Ferramenta de Marketing
Redes socais  Uma Nova Ferramenta de MarketingRedes socais  Uma Nova Ferramenta de Marketing
Redes socais Uma Nova Ferramenta de Marketing
Ana Maria Magni Coelho
 
O criador internet
O criador internetO criador internet
O criador internet
Davi Souza
 
Ebook scup sac_20
Ebook scup sac_20Ebook scup sac_20
Ebook scup sac_20
Cristina Magdalena
 
Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"
Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"
Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"
Genea Angola
 
Redes & Inovação
Redes & InovaçãoRedes & Inovação
Redes & Inovação
augustodefranco .
 
Midia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de Imprensa
Midia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de ImprensaMidia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de Imprensa
Midia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de Imprensa
Marcio Ferreira
 
Redes sociais
Redes sociaisRedes sociais
Redes sociais
Marketing Digital CMF
 
Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)
Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)
Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)
Alan Domingues
 
Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"
Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"
Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"
Graziela Dias
 
Redes Socais para Empreendedoras
Redes Socais para EmpreendedorasRedes Socais para Empreendedoras
Redes Socais para Empreendedoras
Ana Maria Magni Coelho
 
Empreendimentos em rede
Empreendimentos em redeEmpreendimentos em rede
Empreendimentos em rede
Fabio Pedrazzi
 
Novas regras de mkt
Novas regras de mktNovas regras de mkt
Novas regras de mkt
Heymar Nunes
 
E-Book Smart Digital: Conteúdo Social
E-Book Smart Digital: Conteúdo SocialE-Book Smart Digital: Conteúdo Social
E-Book Smart Digital: Conteúdo Social
Instituto Desenvolve T.I
 
Ebook Smart Digital - Conteúdo Social
Ebook Smart Digital - Conteúdo SocialEbook Smart Digital - Conteúdo Social
Ebook Smart Digital - Conteúdo Social
Adm. Daniel Paulino
 
A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...
A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...
A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...
Fabio Buss
 
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Raquel Rayanni
 
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Raquel Rayanni
 

Semelhante a Segurança nas Redes Sociais (20)

O varejo e as redes sociais
O varejo e as redes sociaisO varejo e as redes sociais
O varejo e as redes sociais
 
Métricas para mídias sociais parte I
Métricas para mídias sociais parte IMétricas para mídias sociais parte I
Métricas para mídias sociais parte I
 
Dinamize - E-book mídias sociais I
Dinamize - E-book mídias sociais IDinamize - E-book mídias sociais I
Dinamize - E-book mídias sociais I
 
Redes socais Uma Nova Ferramenta de Marketing
Redes socais  Uma Nova Ferramenta de MarketingRedes socais  Uma Nova Ferramenta de Marketing
Redes socais Uma Nova Ferramenta de Marketing
 
O criador internet
O criador internetO criador internet
O criador internet
 
Ebook scup sac_20
Ebook scup sac_20Ebook scup sac_20
Ebook scup sac_20
 
Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"
Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"
Matéria com Patrícia Tucunduva - "Novo Jornal Angola"
 
Redes & Inovação
Redes & InovaçãoRedes & Inovação
Redes & Inovação
 
Midia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de Imprensa
Midia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de ImprensaMidia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de Imprensa
Midia training, Novas Tecnlogias e Assessoria de Imprensa
 
Redes sociais
Redes sociaisRedes sociais
Redes sociais
 
Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)
Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)
Palestra sobre Redes Sociais no evento "Inspira Marketing" (Sul de Minas)
 
Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"
Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"
Trabalho sobre o Artigo "Dez Razões para ter uma Rede Social em sua Empresa"
 
Redes Socais para Empreendedoras
Redes Socais para EmpreendedorasRedes Socais para Empreendedoras
Redes Socais para Empreendedoras
 
Empreendimentos em rede
Empreendimentos em redeEmpreendimentos em rede
Empreendimentos em rede
 
Novas regras de mkt
Novas regras de mktNovas regras de mkt
Novas regras de mkt
 
E-Book Smart Digital: Conteúdo Social
E-Book Smart Digital: Conteúdo SocialE-Book Smart Digital: Conteúdo Social
E-Book Smart Digital: Conteúdo Social
 
Ebook Smart Digital - Conteúdo Social
Ebook Smart Digital - Conteúdo SocialEbook Smart Digital - Conteúdo Social
Ebook Smart Digital - Conteúdo Social
 
A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...
A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...
A transposição das estratégias do branding para as mídias móveis. (com n...
 
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
 
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
Mktgdigitaleredessociais cafecomtom-godfather-20090926-090926000431-phpapp02
 

Mais de Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC

Dados vencem crises
Dados vencem crisesDados vencem crises
Lemon - Transformando informações em inteligência
Lemon - Transformando informações em inteligênciaLemon - Transformando informações em inteligência
Lemon - Transformando informações em inteligência
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Ebook Lemon - 6 erros no design de dashboars
Ebook Lemon - 6 erros no design de dashboarsEbook Lemon - 6 erros no design de dashboars
Ebook Lemon - 6 erros no design de dashboars
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015
Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015
Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Como gerenciar os riscos de seu negócio
Como gerenciar os riscos de seu negócioComo gerenciar os riscos de seu negócio
Como gerenciar os riscos de seu negócio
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
GCN - Gestão de Continuidade de Negócios
GCN - Gestão de Continuidade de NegóciosGCN - Gestão de Continuidade de Negócios
GCN - Gestão de Continuidade de Negócios
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Gaúchos nas Redes Sociais
Gaúchos nas Redes SociaisGaúchos nas Redes Sociais
Gaúchos nas Redes Sociais
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Engenharia Social - Pequenas Informações de Grande Importância
Engenharia Social - Pequenas Informações de Grande ImportânciaEngenharia Social - Pequenas Informações de Grande Importância
Engenharia Social - Pequenas Informações de Grande Importância
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Estratégia pela Mudança
Estratégia pela MudançaEstratégia pela Mudança
Estratégia pela Mudança
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Desafiando Murphy
Desafiando MurphyDesafiando Murphy
Monitoramento da Marca na Web
Monitoramento da Marca na WebMonitoramento da Marca na Web
Monitoramento da Marca na Web
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Gestão de Equipes
Gestão de EquipesGestão de Equipes
Gestão Ambiental BS 8555
Gestão Ambiental BS 8555Gestão Ambiental BS 8555
Gestão Ambiental BS 8555
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Arte de Produzir Melhor
Arte de Produzir MelhorArte de Produzir Melhor
Arte de Produzir Melhor
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 
Gestão por Indicadores
Gestão por IndicadoresGestão por Indicadores
Gestão por Indicadores
Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC
 

Mais de Cassio Henrique. F. Ramos, CRISC (15)

Dados vencem crises
Dados vencem crisesDados vencem crises
Dados vencem crises
 
Lemon - Transformando informações em inteligência
Lemon - Transformando informações em inteligênciaLemon - Transformando informações em inteligência
Lemon - Transformando informações em inteligência
 
Ebook Lemon - 6 erros no design de dashboars
Ebook Lemon - 6 erros no design de dashboarsEbook Lemon - 6 erros no design de dashboars
Ebook Lemon - 6 erros no design de dashboars
 
Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015
Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015
Palestra gestão de riscos na nova ISO 9001:2015
 
Como gerenciar os riscos de seu negócio
Como gerenciar os riscos de seu negócioComo gerenciar os riscos de seu negócio
Como gerenciar os riscos de seu negócio
 
GCN - Gestão de Continuidade de Negócios
GCN - Gestão de Continuidade de NegóciosGCN - Gestão de Continuidade de Negócios
GCN - Gestão de Continuidade de Negócios
 
Gaúchos nas Redes Sociais
Gaúchos nas Redes SociaisGaúchos nas Redes Sociais
Gaúchos nas Redes Sociais
 
Engenharia Social - Pequenas Informações de Grande Importância
Engenharia Social - Pequenas Informações de Grande ImportânciaEngenharia Social - Pequenas Informações de Grande Importância
Engenharia Social - Pequenas Informações de Grande Importância
 
Estratégia pela Mudança
Estratégia pela MudançaEstratégia pela Mudança
Estratégia pela Mudança
 
Desafiando Murphy
Desafiando MurphyDesafiando Murphy
Desafiando Murphy
 
Monitoramento da Marca na Web
Monitoramento da Marca na WebMonitoramento da Marca na Web
Monitoramento da Marca na Web
 
Gestão de Equipes
Gestão de EquipesGestão de Equipes
Gestão de Equipes
 
Gestão Ambiental BS 8555
Gestão Ambiental BS 8555Gestão Ambiental BS 8555
Gestão Ambiental BS 8555
 
Arte de Produzir Melhor
Arte de Produzir MelhorArte de Produzir Melhor
Arte de Produzir Melhor
 
Gestão por Indicadores
Gestão por IndicadoresGestão por Indicadores
Gestão por Indicadores
 

Último

Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
E-Commerce Brasil
 
APRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptx
APRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptxAPRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptx
APRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptx
thiago718348
 
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
E-Commerce Brasil
 
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamentoGuia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Leonardo Espírito Santo
 
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
E-Commerce Brasil
 
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
E-Commerce Brasil
 
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊMANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
EMERSON BRITO
 

Último (14)

Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
Conferência Goiás I Estratégias de aquisição e fidelização de clientes e opor...
 
APRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptx
APRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptxAPRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptx
APRESENTAÇÃO PTA NR 18 trabalho - R2.pptx
 
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
Conferência Goiás I E-commerce Inteligente: o papel crucial da maturidade dig...
 
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
Conferência Goiás I Moda e E-commerce: transformando a experiência do consumi...
 
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
Conferência Goiás I Uma experiência excelente começa quando ela ainda nem seq...
 
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
Conferência Goiás I Prevenção à fraude em negócios B2B e B2C: boas práticas e...
 
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
Conferência Goiás I Fraudes no centro-oeste em 2023
 
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamentoGuia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
Guia Definitivo do Feedback 2.0 como vc ter maturidade de relacionamento
 
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
Conferência Goiás I Conteúdo que vende: Estratégias para o aumento de convers...
 
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
Conferência Goiás I Os impactos da digitalização do Atacarejo no Brasil.
 
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
Conferência Goiás I As tendências para logística em 2024 e o impacto positivo...
 
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
Conferência Goiás I Como uma boa experiência na logística reversa pode impact...
 
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
Conferência Goiás I Perspectivas do Pix 2024: novidades e impactos no varejo ...
 
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊMANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
MANUAL DO REVENDEDOR TEGG TELECOM - O 5G QUE PAGA VOCÊ
 

Segurança nas Redes Sociais

  • 1. Edição Outubro . 2010 O impacto das redes sociais na Segurança da Informação
  • 2. ARTIGO C onforme a tecnologia evolui, principalmente a web, as amea- ças à segurança da informação crescem. Porém, um assunto, em específico, tem chamado a atenção ultimamente: as redes so- ciais. Ao acompanharmos as evoluções da O gráfico abaixo deixa claro que pas- web, até chegarmos na Web 3.0, perce- samos por uma grande transformação em bemos que passamos por várias fases. A de tecnologia, saindo da era da computação leitura, onde a web era um grande livro, (Processamento e Transformação) para pela fase da leitura e publicação, em que entrarmos na era da percepção, consciên- colocávamos conteúdo na web e disponi- cia e atenção. bilizávamos algumas informações, e, hoje, Assim, deixamos de ser passivos e pas- a fase da Web 3.0, na qual lemos, intera- samos a criar comunidades virtuais de in- gimos e mais do que nunca fazemos parte. teresse entre si para partilharmos gostos, Afinal, apenas participar não serve mais, preferências, fazermos amigos, dentre temos agora, sim, que fazer a diferença! tantas outras coisas. The Next Sensory Transformation SENSING awareness, perception, attention COMUNICATIONS conectivity, access COMPUTING processing, transforming 1980s 1980s 2000s 2010s Source: Institute the Future 1
  • 3. ARTIGO P ara analisarmos a dimensão que isso tomou, é só pensar em três níveis de conexões, quantos amigos virtuais você tem? Some isso ao número de amigos que seus amigos têm, e assim por diante. Podemos chegar facilmente a 20 ou 30 mil pessoas. É claro, que as redes sociais pelo simples motivo de TER um sa X e agora vamos ir comemorar apresentam um enorme poten- blog, pois todos têm, faz com que no restaurante Y” ou “Aqui na em- cial de crescimento para a so- as pessoas comecem a procurar presa tá tudo uma bagunça, nosso ciedade em geral. Um exemplo assuntos para publicar. sistema já caiu três vezes, hoje, é o desenvolvimento de redes de Hoje não basta fazer parte, e não temos previsão de melho- networking, tanto aproveitado tem que fazer a diferença, ser rar, que Deus me ajude hehehe”, por indivíduos como por empre- diferente e gerar notícias. Em mas o pior de todos, sem dúvida é endimentos. No entanto, apesar minha breve pesquisa analisei 47 este:“ Parabéns equipe de vendas de todo o potencial, essas redes blogs e 55 comunidades (twitters) da empresa X, fechamos o contra- sociais são igualmente uma séria onde os “proprietários” dessas to de Segurança da Informação da ameaça. A ideia de ser o primei- comunidades eram gerentes, su- empresa M, e agora vamos garan- ro a divulgar as informações e, pervisores ou simples funcionários tir que eles não tenham mais inci- assim, conseguir mais seguidores de empresas com expressão no dentes de segurança”. e leitores, faz com que, muitas Brasil. O que eu encontrei? Todos Esses são alguns dos relatos vezes, essa corrida ultrapasse o sem exceção divulgaram, mais de que eu coletei, mostrando que limite dos desabafos e novidades uma vez, informações que podem toda nossa preocupação com sis- em blogs, twitters, Flickrs, face- ser confidenciais ou que facilitam temas de bloqueio Web, políticas books... o trabalho de fraudadores. Em do tipo “tranca tudo” e controles Nós somos conexões! minha pesquisa nos blogs e, prin- para evitar fugas de informação Essa corrida maluca para que cipalmente, no twitter, observei são pouco eficazes, pois ninguém façamos parte de alguma rede comentários como: “Fechamos pode bloquear a máquina das pes- social ou que tenhamos um blog, um grande contrato com a empre- soas, nas casas delas! 2
  • 4. ARTIGO P or vezes as pessoas se escondem por traz de Nicks ou Avatares para que não sejam identificadas, podendo, assim, divulgar in- formações da empresa ou descontentamentos com chefes e políti- cas internas sem sabermos quem está reclamando, sendo isso um sintoma claro de falta de política interna para uma ouvidoria. Você deve estar se perguntando e ago- empresas, pois não podemos impedir que ra? Como eu posso evitar isso? Como evi- elas interajam como pessoas físicas fora tar que pessoas da minha empresa não do convívio do trabalho, e não adianta divulguem informações confidenciais ou pensar em castigo ou punição, pois tam- restritas de forma deliberada? bém não funcionariam com os filhos! Não podemos! Não existe como impe- Educação é o foco! As pessoas preci- dir! sam ter claro quais são seus limites, qual Bom, acredito que se eu queria assus- o impacto de suas ações, e precisam en- tar os leitores eu consegui, certo? Ótimo, tender o limite entre a confidencialidade agora vamos analisar quais são as melho- e uma informação que para elas é ino- res formas de minimizar os impactos cau- fensiva. sados pelas redes sociais na segurança da É nossa obrigação esclarecer isso, dei- informação das empresas. xar claro que muitas informações apa- Tudo inicia com educação, pense em rentemente inofensivas podem, em um seus filhos. Se não pode impedi-los de contexto, prejudicar o nosso negócio. O sair de casa para alguma festa ou pas- foco aqui são redes sociais virtuais, mas seio com os amigos no final de semana, não podemos esquecer que temos cone- pode educá-los sobre como deve ser seu xões físicas e pessoais. O churrasco de comportamento fora do alcance de seus domingo, o happy hour, e outras ocasiões olhos. podem transformar uma simples conver- Dessa mesma forma devemos atuar sa entre amigos em uma divulgação de com as pessoas que trabalham em nossas informações confidenciais. 3
  • 5. ARTIGO Q uando criamos a cultura da informação, podemos deixar claro a todos qual o limite dessas informações. E como é inevitável que façamos parte do mundo das redes sociais, seguem algumas dicas que podem ajudar minimizar os impactos negativos delas em seu negócio: Sua empresa está na rede: Inevitavelmente sua empresa tem o nome exposto em comentários po- sitivos ou negativos em diversas redes, aconselho que você acompanhe isso periodicamente, pois po- Faça sua empresa partici- demos ter algumas informações que nos ajudarão par de redes sociais, incenti- a antecipar alguns fatos positivos ou negativos, e vem as pessoas da sua empre- assim gerenciá-los. sa a usarem apenas esse canal para falar do negócio! É uma ótima forma de minimizar os impactos de divulgações inde- vidas. Deixe claro para todos os funcionários o porquê Crie espaço para as pesso- é perigoso e problemático a divulgação de informa- as interagirem, para trocarem ções, mesmo que omita o nome da empresa. Ex: Eu ideias, não apenas de traba- tenho um Blog, se eu citar algum fato da empresa lho, mas pessoais e pensamen- ou de algum colega, não precisa dizer onde eu tra- tos, esta é uma ótima forma balho, todos sabem! Pois me conhecem! para as pessoas exporem, de forma orientada, informações e irem criando uma cultura de segurança. Como sabemos que é ine- Explique o que pode ser dito ou abra um canal vitável participarmos desse para as pessoas perguntarem se podem divulgar movimento, participe dele de certa informação, pois proibir completamente a di- forma ordenada e planejada, vulgação de informações não funciona, na verdade assim podemos tirar melhor piora, pois de uma forma ou de outras as pessoas proveito do que atualmente vão falar. Participe desse processo para saber o que para a segurança da informa- é dito e poder orientar. ção é uma ameaça. 4
  • 6. Por Cassio Furtado Râmos cassio.ramos@qualytool.com Qualytool Consulting Group Av. Rio Branco, 07, Sala 901 São Pelegrino Caxias do Sul - RS / Brasil Fone +55 54 30256363 www.qualytool.com